gravidez na adolescência

293 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
293
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
6
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

gravidez na adolescência

  1. 1. 
  2. 2. A gravidez precoce ou gravidez na adolescência está se tornando comum na sociedade contemporânea. Isso está acontecendo porque os adolescentes desta geração estão iniciando suas vidas sexuais cada vez mais cedo e o pior sem nenhum método contraceptivo e sem informar aos pais o que está ocorrendo. Hoje em dia não é raro vermos adolescentes com 13 ou 14 anos à espera do seu primeiro filho. Além de essas jovens serem mães muito cedo, elas perdem parte da infância e precisam amadurecer muito cedo. Os jovens não estão preparados para ingressarem em uma vida cheia de responsabilidades e não estão preparados também em constituir uma família e cuidar da mesma e é ai que entra a gravidez de mãe solteira, pois os rapazes não assumem o compromisso sério e na maioria das vezes o relacionamento que nem sequer os pais ficaram sabendo e que durou apenas alguns meses se acaba sem se importar com as consequências. Gravidez Precoce ou Gravidez na Adolescência
  3. 3. A gravidez envolve problemas físicos, pois o corpo da jovem ainda não está preparado para as mudanças que irão ocorrer no decorrer da gravidez, problemas emocionais, sociais entre outros. Com esse mundo totalmente globalizado em que vivemos não é possível que os jovens não saibam os métodos contraceptivos que existem e mesmo assim acabam ficando pais logo cedo. É muito importante um diálogo entre os pais e os filhos como forma de esclarecimento e informação aos filhos. É muito importante também a interação da escola como maneira de fornecer conhecimento aos adolescentes para que o número de gravidez na adolescência vá diminuindo.
  4. 4. Os riscos para a saúde da adolescente de uma gravidez precoce também são altos, já que o corpo da menina não está pronto para receber a criança. Por vezes a jovem escolhe esconde a gravidez até o último estágio e acaba não fazendo os exames pré-natais e colocando em risco a vida dela e a do feto. Ela escolhe esse caminho por medo do que pode acontecer se ela contar a verdade. São exatamente por esses fatores que a gravidez precoce deve ser encarada como um problema de saúde pública e não apenas familiar. É por isso mesmo que toda a sociedade, incluindo a escola deve se preocupar e orientar os jovens na prevenção de uma gravidez precoce.
  5. 5. Quando é detectada uma gravidez os pais têm que dar o maior apoio por mais que estejam totalmente bravos e infelizes com aquela situação e é importante começar o pré-natal, pois por serem muito jovens é perigoso o feto e até mesmo a jovem sofrer vários perigos e em alguns casos receberem o auxílio de um profissional da área de psicologia para trabalhar o emocional da adolescente.
  6. 6.

×