SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 13
Baixar para ler offline
A BIBLIOTECA
   DINÂMICA
   Ir ao encontro das necessidades nossos alunos e da
    nossa sociedade contribuindo para a consecução
    dos grandes objetivos de promoção da leitura e
    dos seus inúmeros benefícios ;
   Ir ao encontro da diversidade de públicos quanto
    aos interesses, gostos, aptidões, nível escolar,
    idade;
   Articular o audiovisual (som, imagem, vídeo/filme)
    com o texto escrito;
   Abrir a biblioteca ao meio físico e humano, levando
    a leitura para a rua… e, por outro lado, trazendo o
    poeta, o escritor.. à escola, à biblioteca, à sala de
    aula…
   Interdisciplinar a leitura;
   Articular aula e biblioteca;
   Privilegiar os métodos ativos, dinâmicos, que
    envolvam a participação ativa do público-alvo;
   Servir os objetivos do Projeto Educativo da Escola;
   Formar para uma literacia da informação.
   Cartaz Cultural

   Projecto Comenius

   Feira do Livro
   Promover e divulgar a biblioteca junto da
    comunidade escolar;

   Organizar e dinamizar atividades no espaço
    escolar    que    contribuam     para    o
    enriquecimento cultural e social dos seus
    utentes.
Há uma música do povo,
 Nem sei dizer se é um fado,
Que ouvindo a um ritmo novo
 O ser que tenho guardado.
  Ouvindo sou quem seria,
    Se desejar fosse ser
   É uma simples melodia
Das que se aprendem a viver.
   Mas é tão consoladora
   A vaga e triste canção,
  Que a minha alma já não
         chora
   Nem eu tenho coração.
Sou uma emoção estrangeira,
   Um erro de sonho ido,
 Canto de qualquer maneira
  E acabo com um sentido.

 Fernando Pessoa/Mário
      Pacheco
   Promover e divulgar a biblioteca junto da
    comunidade escolar;
   Apoiar e promover os objetivos educativos
    definidos de acordo com as finalidades e currículo
    da escola;
   Providenciar acesso aos recursos locais, regionais e
    globais e às oportunidades que confrontem os
    alunos com ideias, experiências e opiniões
    diversificadas;
   Contribuir para o desenvolvimento de uma
    aprendizagem de qualidade ao longo da vida e
    promover elevados níveis de desempenho;
   Reforçar o contributo da aprendizagem ao longo da
    vida para a coesão social, a cidadania ativa, o
    diálogo intercultural, a igualdade entre homens e
    mulheres e a realização pessoal;
   Promover a aprendizagem de línguas e a
    diversidade linguística.
   “Chá e Companhia”
   Cartaz Cultural
   Escritores Portugueses
   Representação teatral, “O menino que não
    gostava de ler”
   Sessão de convívio entre o escritor António
    Mota e todos os alunos do Ensino Básico
   Banquete Medieval
   Motivar os alunos para a leitura e desenvolver a
    competência leitora;
   Possibilitar aos alunos o contacto com o livro;
   Divulgar autores portugueses e outros;
   Promover, divulgar e incentivar toda a comunidade
    a participar em atividades culturais;
   Promover e divulgar a biblioteca junto da
    comunidade escolar;
   Contribuir para o desenvolvimento de uma
    aprendizagem de qualidade ao longo da vida e
    promover elevados níveis de desempenho.
   Clube de Leitura / Das letras à imagem
   Mostra de Cinema
   Contador de Histórias / O Escritor do Mês
   Bibliovila: Ler e conviver
   “Ler é um desporto”
   Embarca na Aventura
   A Magia da Poesia
   Promover a leitura;
   Incrementar o conhecimento de obras
    literárias;
   Desenvolver a competência linguística quer
    a nível escrito quer a nível oral;
   Criar e manter nas crianças o hábito e o
    prazer da leitura, da aprendizagem e da
    utilização das bibliotecas ao longo da vida;
   Sensibilizar os alunos para questões de
    ordem cultural e social;
   Desenvolver a capacidade criativa e artística
    e o uso das Novas Tecnologias.
   Aberto a toda a comunidade
    escolar
   Seleção de obras por
    professores e alunos
   Os alunos interessados
    selecionam um livro e
    ilustram-no com imagens e,
    ou fotografias
   Os melhores trabalhos
    podem ser apresentados à
    comunidade escolar
   Interligar esta atividade com o
    Clube de Leitura
   Entre os alunos que pertencem
    ao referido clube, é selecionado
    mensalmente um para contar
    uma história à comunidade
    escolar
   Possibilidade de representações
    teatrais, especialmente no final
    de cada período escolar
   Ponte com a atividade Mostra de
    Cinema
   Exposições com dados
    biográficos e bibliográficos
 Literatura de viagens
 A partir da leitura dessas crónicas, os alunos têm

  a possibilidade de imaginar ou descrever uma das
  viagens que leram ou uma viagem por eles
  efetuada
 Atividade feita em prosa ou em Banda Desenhada

Descrição pode ser complementada com informação
da área da Geografia (mapas, plantas), das Ciências
(animais, flores…) e da História (monumentos, breve
história dos locais,…)

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Power point, leitura é...
Power point, leitura é...Power point, leitura é...
Power point, leitura é...Fan Santos
 
Projeto Leitura Vai e Vem_ Pré-escolar
Projeto Leitura Vai e Vem_ Pré-escolarProjeto Leitura Vai e Vem_ Pré-escolar
Projeto Leitura Vai e Vem_ Pré-escolarPaula Barroca
 
Aula 2 biblioteca escolar
Aula 2 biblioteca escolarAula 2 biblioteca escolar
Aula 2 biblioteca escolarBiblio 2010
 
Leitura e Produção: Um Projeto de Leitura nas Escolas
Leitura e Produção: Um Projeto de Leitura nas EscolasLeitura e Produção: Um Projeto de Leitura nas Escolas
Leitura e Produção: Um Projeto de Leitura nas EscolasAdilson P Motta Motta
 
Planejamento 2015 - proposta de trabalho para sala de leitura
Planejamento 2015 - proposta de trabalho para sala de leituraPlanejamento 2015 - proposta de trabalho para sala de leitura
Planejamento 2015 - proposta de trabalho para sala de leituraLuciane tonete
 
Projeto de incentivo a leitura e escrita atividade 1.3 e 1.4
Projeto de incentivo a leitura e escrita    atividade 1.3 e 1.4Projeto de incentivo a leitura e escrita    atividade 1.3 e 1.4
Projeto de incentivo a leitura e escrita atividade 1.3 e 1.4fla20mu
 
Projeto de leitura para o 3º bimestre
Projeto de leitura para o 3º bimestreProjeto de leitura para o 3º bimestre
Projeto de leitura para o 3º bimestreheliane
 
CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS
CONTAÇÃO DE HISTÓRIASCONTAÇÃO DE HISTÓRIAS
CONTAÇÃO DE HISTÓRIASPedagogo Santos
 
PABE - Plano de Ação da Biblioteca da Escola D. João II - ano letivo 13 14
PABE - Plano de Ação da Biblioteca da Escola D. João II - ano letivo 13 14PABE - Plano de Ação da Biblioteca da Escola D. João II - ano letivo 13 14
PABE - Plano de Ação da Biblioteca da Escola D. João II - ano letivo 13 14bedjoaoii
 
Apresentaçãp projeto de leitura nos anos iniciais
Apresentaçãp projeto de leitura nos anos iniciaisApresentaçãp projeto de leitura nos anos iniciais
Apresentaçãp projeto de leitura nos anos iniciaisleao162010
 
A importância da leitura
A importância da leituraA importância da leitura
A importância da leituravivianpansonato
 
PROJETO LEITURA E ESCRITA 2012
PROJETO LEITURA E ESCRITA 2012PROJETO LEITURA E ESCRITA 2012
PROJETO LEITURA E ESCRITA 2012Ðouglas Rocha
 
Apresentação do projeto leitura
Apresentação do projeto leituraApresentação do projeto leitura
Apresentação do projeto leituraEloy Souza
 
Sugestões atividades oralidade
Sugestões atividades oralidadeSugestões atividades oralidade
Sugestões atividades oralidadeDyone Andrade
 
Sugestões de atividades para projetos de leitura para educação infantil e ens...
Sugestões de atividades para projetos de leitura para educação infantil e ens...Sugestões de atividades para projetos de leitura para educação infantil e ens...
Sugestões de atividades para projetos de leitura para educação infantil e ens...Vândria Regina J C
 

Mais procurados (20)

Sala de leitura slide
Sala de leitura slideSala de leitura slide
Sala de leitura slide
 
A importância da leitura
A importância da leituraA importância da leitura
A importância da leitura
 
Power point, leitura é...
Power point, leitura é...Power point, leitura é...
Power point, leitura é...
 
Projeto Leitura Vai e Vem_ Pré-escolar
Projeto Leitura Vai e Vem_ Pré-escolarProjeto Leitura Vai e Vem_ Pré-escolar
Projeto Leitura Vai e Vem_ Pré-escolar
 
Aula 2 biblioteca escolar
Aula 2 biblioteca escolarAula 2 biblioteca escolar
Aula 2 biblioteca escolar
 
Leitura e Produção: Um Projeto de Leitura nas Escolas
Leitura e Produção: Um Projeto de Leitura nas EscolasLeitura e Produção: Um Projeto de Leitura nas Escolas
Leitura e Produção: Um Projeto de Leitura nas Escolas
 
Planejamento 2015 - proposta de trabalho para sala de leitura
Planejamento 2015 - proposta de trabalho para sala de leituraPlanejamento 2015 - proposta de trabalho para sala de leitura
Planejamento 2015 - proposta de trabalho para sala de leitura
 
Projeto de incentivo a leitura e escrita atividade 1.3 e 1.4
Projeto de incentivo a leitura e escrita    atividade 1.3 e 1.4Projeto de incentivo a leitura e escrita    atividade 1.3 e 1.4
Projeto de incentivo a leitura e escrita atividade 1.3 e 1.4
 
Projeto de leitura para o 3º bimestre
Projeto de leitura para o 3º bimestreProjeto de leitura para o 3º bimestre
Projeto de leitura para o 3º bimestre
 
Regio emilia
Regio emiliaRegio emilia
Regio emilia
 
CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS
CONTAÇÃO DE HISTÓRIASCONTAÇÃO DE HISTÓRIAS
CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS
 
PABE - Plano de Ação da Biblioteca da Escola D. João II - ano letivo 13 14
PABE - Plano de Ação da Biblioteca da Escola D. João II - ano letivo 13 14PABE - Plano de Ação da Biblioteca da Escola D. João II - ano letivo 13 14
PABE - Plano de Ação da Biblioteca da Escola D. João II - ano letivo 13 14
 
Projeto baú dos sonhos
Projeto            baú dos sonhosProjeto            baú dos sonhos
Projeto baú dos sonhos
 
Apresentaçãp projeto de leitura nos anos iniciais
Apresentaçãp projeto de leitura nos anos iniciaisApresentaçãp projeto de leitura nos anos iniciais
Apresentaçãp projeto de leitura nos anos iniciais
 
A importância da leitura
A importância da leituraA importância da leitura
A importância da leitura
 
PROJETO LEITURA E ESCRITA 2012
PROJETO LEITURA E ESCRITA 2012PROJETO LEITURA E ESCRITA 2012
PROJETO LEITURA E ESCRITA 2012
 
Apresentação do projeto leitura
Apresentação do projeto leituraApresentação do projeto leitura
Apresentação do projeto leitura
 
Sugestões atividades oralidade
Sugestões atividades oralidadeSugestões atividades oralidade
Sugestões atividades oralidade
 
Pauta
PautaPauta
Pauta
 
Sugestões de atividades para projetos de leitura para educação infantil e ens...
Sugestões de atividades para projetos de leitura para educação infantil e ens...Sugestões de atividades para projetos de leitura para educação infantil e ens...
Sugestões de atividades para projetos de leitura para educação infantil e ens...
 

Destaque

Fontes De Energia
Fontes De EnergiaFontes De Energia
Fontes De Energiaguest3ad92c
 
Aula de Física (Ensino Fundamental) - Trabalho, potência, máquinas e energia I
Aula de Física (Ensino Fundamental) - Trabalho, potência, máquinas e energia IAula de Física (Ensino Fundamental) - Trabalho, potência, máquinas e energia I
Aula de Física (Ensino Fundamental) - Trabalho, potência, máquinas e energia IRonaldo Santana
 
Energia Fontes E Formas De Energia
Energia   Fontes E Formas De EnergiaEnergia   Fontes E Formas De Energia
Energia Fontes E Formas De EnergiaJoão França
 
Aula de Física (Ciências no Ensino Fundamental) Máquinas e Trabalho
Aula de Física (Ciências no Ensino Fundamental)  Máquinas e TrabalhoAula de Física (Ciências no Ensino Fundamental)  Máquinas e Trabalho
Aula de Física (Ciências no Ensino Fundamental) Máquinas e TrabalhoRonaldo Santana
 
Modelo de ficha de leitura
Modelo de ficha de leituraModelo de ficha de leitura
Modelo de ficha de leituraSérgio Lagoa
 
Exercicios Fontes de Energia - 5º ano E.F
Exercicios Fontes de Energia - 5º ano E.FExercicios Fontes de Energia - 5º ano E.F
Exercicios Fontes de Energia - 5º ano E.FShaieny Leite
 
Astronomia 3 - SISTEMA SOLAR E SUA FORMAÇÃO
Astronomia 3 - SISTEMA SOLAR E SUA FORMAÇÃOAstronomia 3 - SISTEMA SOLAR E SUA FORMAÇÃO
Astronomia 3 - SISTEMA SOLAR E SUA FORMAÇÃONuricel Aguilera
 
O universo, orientação e distâncias do e fora no Sistema Solar
O universo, orientação e distâncias do e fora no Sistema SolarO universo, orientação e distâncias do e fora no Sistema Solar
O universo, orientação e distâncias do e fora no Sistema SolarIsadora Girio
 
Coletânea de ciências 4º ano do aluno anual 2015 (1)
Coletânea de ciências 4º ano do aluno anual 2015 (1)Coletânea de ciências 4º ano do aluno anual 2015 (1)
Coletânea de ciências 4º ano do aluno anual 2015 (1)Raquel Becker
 

Destaque (14)

Fontes De Energia
Fontes De EnergiaFontes De Energia
Fontes De Energia
 
Como fazer uma ficha de leitura
Como fazer uma ficha de leituraComo fazer uma ficha de leitura
Como fazer uma ficha de leitura
 
Ciências anual 4º ano
Ciências anual 4º anoCiências anual 4º ano
Ciências anual 4º ano
 
Aula de Física (Ensino Fundamental) - Trabalho, potência, máquinas e energia I
Aula de Física (Ensino Fundamental) - Trabalho, potência, máquinas e energia IAula de Física (Ensino Fundamental) - Trabalho, potência, máquinas e energia I
Aula de Física (Ensino Fundamental) - Trabalho, potência, máquinas e energia I
 
Exercícios
ExercíciosExercícios
Exercícios
 
Energia Fontes E Formas De Energia
Energia   Fontes E Formas De EnergiaEnergia   Fontes E Formas De Energia
Energia Fontes E Formas De Energia
 
Aula de Física (Ciências no Ensino Fundamental) Máquinas e Trabalho
Aula de Física (Ciências no Ensino Fundamental)  Máquinas e TrabalhoAula de Física (Ciências no Ensino Fundamental)  Máquinas e Trabalho
Aula de Física (Ciências no Ensino Fundamental) Máquinas e Trabalho
 
Modelo de ficha de leitura
Modelo de ficha de leituraModelo de ficha de leitura
Modelo de ficha de leitura
 
Ficha de leitura
Ficha de leituraFicha de leitura
Ficha de leitura
 
Exercicios Fontes de Energia - 5º ano E.F
Exercicios Fontes de Energia - 5º ano E.FExercicios Fontes de Energia - 5º ano E.F
Exercicios Fontes de Energia - 5º ano E.F
 
Astronomia 3 - SISTEMA SOLAR E SUA FORMAÇÃO
Astronomia 3 - SISTEMA SOLAR E SUA FORMAÇÃOAstronomia 3 - SISTEMA SOLAR E SUA FORMAÇÃO
Astronomia 3 - SISTEMA SOLAR E SUA FORMAÇÃO
 
Avaliação de língua portuguesa sistema solar
Avaliação de língua portuguesa sistema solarAvaliação de língua portuguesa sistema solar
Avaliação de língua portuguesa sistema solar
 
O universo, orientação e distâncias do e fora no Sistema Solar
O universo, orientação e distâncias do e fora no Sistema SolarO universo, orientação e distâncias do e fora no Sistema Solar
O universo, orientação e distâncias do e fora no Sistema Solar
 
Coletânea de ciências 4º ano do aluno anual 2015 (1)
Coletânea de ciências 4º ano do aluno anual 2015 (1)Coletânea de ciências 4º ano do aluno anual 2015 (1)
Coletânea de ciências 4º ano do aluno anual 2015 (1)
 

Semelhante a Biblioteca dinâmica promove leitura

Propostadeatividadesparaumabibliotecadinmica 120522160040-phpapp01
Propostadeatividadesparaumabibliotecadinmica 120522160040-phpapp01Propostadeatividadesparaumabibliotecadinmica 120522160040-phpapp01
Propostadeatividadesparaumabibliotecadinmica 120522160040-phpapp01Claudinei Assis
 
CBBD v ciranda literária - ppt final
CBBD v ciranda literária - ppt finalCBBD v ciranda literária - ppt final
CBBD v ciranda literária - ppt finalTatyanne Valdez
 
Tessituras: apresentação de Rosane Castro
Tessituras: apresentação de Rosane CastroTessituras: apresentação de Rosane Castro
Tessituras: apresentação de Rosane CastroAna Paula Cecato
 
Apresentação fernandosilvinhaemarineide
Apresentação fernandosilvinhaemarineideApresentação fernandosilvinhaemarineide
Apresentação fernandosilvinhaemarineideFernando
 
Apresentação fernandosilvinhaemarineide
Apresentação fernandosilvinhaemarineideApresentação fernandosilvinhaemarineide
Apresentação fernandosilvinhaemarineideFernando
 
Programação cultural e mediação de leitura em bibliotecas públicas
Programação cultural e mediação de leitura em bibliotecas públicasProgramação cultural e mediação de leitura em bibliotecas públicas
Programação cultural e mediação de leitura em bibliotecas públicasSistema Municipal de Bibliotecas
 
Projeto Final do Curso Mediadores de Leitura
Projeto Final do Curso Mediadores de LeituraProjeto Final do Curso Mediadores de Leitura
Projeto Final do Curso Mediadores de Leiturabboldrini
 
Projeto ler+ jovem: leituras encenadas. ES Fernão Mendes Pinto
Projeto ler+ jovem: leituras encenadas. ES Fernão Mendes Pinto Projeto ler+ jovem: leituras encenadas. ES Fernão Mendes Pinto
Projeto ler+ jovem: leituras encenadas. ES Fernão Mendes Pinto João Paulo Proença
 
A contadora de histórias
A contadora de históriasA contadora de histórias
A contadora de históriasgfprofessoras
 
RBE 10 anos Impacto Social De Politcas Nas Bibliotecas Escolares
RBE 10 anos Impacto Social De Politcas Nas Bibliotecas EscolaresRBE 10 anos Impacto Social De Politcas Nas Bibliotecas Escolares
RBE 10 anos Impacto Social De Politcas Nas Bibliotecas EscolaresMaria Jose Vitorino
 
Keep-Calm-e-conheça-a-literatura (1).pdf
Keep-Calm-e-conheça-a-literatura (1).pdfKeep-Calm-e-conheça-a-literatura (1).pdf
Keep-Calm-e-conheça-a-literatura (1).pdfsilvaneide5
 
PROJETO POEMA & POESIA
PROJETO POEMA & POESIAPROJETO POEMA & POESIA
PROJETO POEMA & POESIAPaulo David
 

Semelhante a Biblioteca dinâmica promove leitura (20)

Propostadeatividadesparaumabibliotecadinmica 120522160040-phpapp01
Propostadeatividadesparaumabibliotecadinmica 120522160040-phpapp01Propostadeatividadesparaumabibliotecadinmica 120522160040-phpapp01
Propostadeatividadesparaumabibliotecadinmica 120522160040-phpapp01
 
CBBD v ciranda literária - ppt final
CBBD v ciranda literária - ppt finalCBBD v ciranda literária - ppt final
CBBD v ciranda literária - ppt final
 
Tessituras: apresentação de Rosane Castro
Tessituras: apresentação de Rosane CastroTessituras: apresentação de Rosane Castro
Tessituras: apresentação de Rosane Castro
 
Apresentação fernandosilvinhaemarineide
Apresentação fernandosilvinhaemarineideApresentação fernandosilvinhaemarineide
Apresentação fernandosilvinhaemarineide
 
Apresentação fernandosilvinhaemarineide
Apresentação fernandosilvinhaemarineideApresentação fernandosilvinhaemarineide
Apresentação fernandosilvinhaemarineide
 
Programação cultural e mediação de leitura em bibliotecas públicas
Programação cultural e mediação de leitura em bibliotecas públicasProgramação cultural e mediação de leitura em bibliotecas públicas
Programação cultural e mediação de leitura em bibliotecas públicas
 
Projeto Final do Curso Mediadores de Leitura
Projeto Final do Curso Mediadores de LeituraProjeto Final do Curso Mediadores de Leitura
Projeto Final do Curso Mediadores de Leitura
 
Projeto marotona de leitura
Projeto marotona de leituraProjeto marotona de leitura
Projeto marotona de leitura
 
Roma uwbd maio 2008
Roma uwbd maio 2008Roma uwbd maio 2008
Roma uwbd maio 2008
 
Roma uwbd maio 2008
Roma uwbd maio 2008Roma uwbd maio 2008
Roma uwbd maio 2008
 
Projeto ler+ jovem: leituras encenadas. ES Fernão Mendes Pinto
Projeto ler+ jovem: leituras encenadas. ES Fernão Mendes Pinto Projeto ler+ jovem: leituras encenadas. ES Fernão Mendes Pinto
Projeto ler+ jovem: leituras encenadas. ES Fernão Mendes Pinto
 
A contadora de histórias
A contadora de históriasA contadora de histórias
A contadora de histórias
 
Roma Uwbd Maio 2008
Roma Uwbd Maio 2008Roma Uwbd Maio 2008
Roma Uwbd Maio 2008
 
Projetos ensino religioso semeduc
Projetos ensino religioso semeducProjetos ensino religioso semeduc
Projetos ensino religioso semeduc
 
Em prol da leitura
Em prol da leituraEm prol da leitura
Em prol da leitura
 
Charlenekathlendelemos
CharlenekathlendelemosCharlenekathlendelemos
Charlenekathlendelemos
 
RBE 10 anos Impacto Social De Politcas Nas Bibliotecas Escolares
RBE 10 anos Impacto Social De Politcas Nas Bibliotecas EscolaresRBE 10 anos Impacto Social De Politcas Nas Bibliotecas Escolares
RBE 10 anos Impacto Social De Politcas Nas Bibliotecas Escolares
 
Keep-Calm-e-conheça-a-literatura (1).pdf
Keep-Calm-e-conheça-a-literatura (1).pdfKeep-Calm-e-conheça-a-literatura (1).pdf
Keep-Calm-e-conheça-a-literatura (1).pdf
 
OT Sabores da Leitura 25fev
OT Sabores da Leitura 25fevOT Sabores da Leitura 25fev
OT Sabores da Leitura 25fev
 
PROJETO POEMA & POESIA
PROJETO POEMA & POESIAPROJETO POEMA & POESIA
PROJETO POEMA & POESIA
 

Mais de Armanda Ribeiro

Formação cinema na sala de aula
Formação cinema na sala de aulaFormação cinema na sala de aula
Formação cinema na sala de aulaArmanda Ribeiro
 
7º ano 1ªaula2014/2015
7º ano 1ªaula2014/20157º ano 1ªaula2014/2015
7º ano 1ªaula2014/2015Armanda Ribeiro
 
Proposta de atividades para uma biblioteca dinâmica
Proposta de atividades para uma biblioteca dinâmicaProposta de atividades para uma biblioteca dinâmica
Proposta de atividades para uma biblioteca dinâmicaArmanda Ribeiro
 
O menino que não gostava de ler
O menino que não gostava de lerO menino que não gostava de ler
O menino que não gostava de lerArmanda Ribeiro
 
O menino que não gostava de ler
O menino que não gostava de lerO menino que não gostava de ler
O menino que não gostava de lerArmanda Ribeiro
 
Autores de língua portuguesa
Autores de língua portuguesaAutores de língua portuguesa
Autores de língua portuguesaArmanda Ribeiro
 
Desenvolvimento da biblioteca na escola[1]
Desenvolvimento da biblioteca na escola[1]Desenvolvimento da biblioteca na escola[1]
Desenvolvimento da biblioteca na escola[1]Armanda Ribeiro
 
Contextualização blogue da biblioteca (1)
Contextualização blogue da biblioteca (1)Contextualização blogue da biblioteca (1)
Contextualização blogue da biblioteca (1)Armanda Ribeiro
 
Contextualização blogue da biblioteca (1)
Contextualização blogue da biblioteca (1)Contextualização blogue da biblioteca (1)
Contextualização blogue da biblioteca (1)Armanda Ribeiro
 
(Da ceca à união europeia (1 ))
(Da ceca à união europeia  (1 ))(Da ceca à união europeia  (1 ))
(Da ceca à união europeia (1 ))Armanda Ribeiro
 

Mais de Armanda Ribeiro (14)

Resumo matéria 8º ano
Resumo matéria 8º anoResumo matéria 8º ano
Resumo matéria 8º ano
 
Formação cinema na sala de aula
Formação cinema na sala de aulaFormação cinema na sala de aula
Formação cinema na sala de aula
 
7º ano 1ªaula2014/2015
7º ano 1ªaula2014/20157º ano 1ªaula2014/2015
7º ano 1ªaula2014/2015
 
7º ano 1ª aula Resumo
7º ano 1ª aula Resumo7º ano 1ª aula Resumo
7º ano 1ª aula Resumo
 
Proposta de atividades para uma biblioteca dinâmica
Proposta de atividades para uma biblioteca dinâmicaProposta de atividades para uma biblioteca dinâmica
Proposta de atividades para uma biblioteca dinâmica
 
O menino que não gostava de ler
O menino que não gostava de lerO menino que não gostava de ler
O menino que não gostava de ler
 
O menino que não gostava de ler
O menino que não gostava de lerO menino que não gostava de ler
O menino que não gostava de ler
 
Autores de língua portuguesa
Autores de língua portuguesaAutores de língua portuguesa
Autores de língua portuguesa
 
Apresentação1[1]
Apresentação1[1]Apresentação1[1]
Apresentação1[1]
 
Desenvolvimento da biblioteca na escola[1]
Desenvolvimento da biblioteca na escola[1]Desenvolvimento da biblioteca na escola[1]
Desenvolvimento da biblioteca na escola[1]
 
Contextualização blogue da biblioteca (1)
Contextualização blogue da biblioteca (1)Contextualização blogue da biblioteca (1)
Contextualização blogue da biblioteca (1)
 
Contextualização blogue da biblioteca (1)
Contextualização blogue da biblioteca (1)Contextualização blogue da biblioteca (1)
Contextualização blogue da biblioteca (1)
 
(Da ceca à união europeia (1 ))
(Da ceca à união europeia  (1 ))(Da ceca à união europeia  (1 ))
(Da ceca à união europeia (1 ))
 
Charles dickens
Charles dickensCharles dickens
Charles dickens
 

Último

Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosBingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosAntnyoAllysson
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresaulasgege
 
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecasMesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecasRicardo Diniz campos
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxIsabellaGomes58
 
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileirosMary Alvarenga
 
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundogeografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundonialb
 
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimirFCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimirIedaGoethe
 
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕESPRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕESpatriciasofiacunha18
 
Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPanandatss1
 
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdfPLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdfProfGleide
 
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdf
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdfSlides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdf
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdfpaulafernandes540558
 
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASQUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASEdinardo Aguiar
 
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?MrciaRocha48
 
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdfGuia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdfEyshilaKelly1
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaFernanda Ledesma
 
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfO guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfErasmo Portavoz
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbyasminlarissa371
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAlexandreFrana33
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...LuizHenriquedeAlmeid6
 

Último (20)

Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosBingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
 
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecasMesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
 
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
 
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundogeografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
 
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimirFCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
 
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕESPRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
 
Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SP
 
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdfPLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdf
 
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdf
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdfSlides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdf
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdf
 
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASQUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
 
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
 
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdfGuia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
 
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfO guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
 

Biblioteca dinâmica promove leitura

  • 1. A BIBLIOTECA DINÂMICA
  • 2. Ir ao encontro das necessidades nossos alunos e da nossa sociedade contribuindo para a consecução dos grandes objetivos de promoção da leitura e dos seus inúmeros benefícios ;  Ir ao encontro da diversidade de públicos quanto aos interesses, gostos, aptidões, nível escolar, idade;  Articular o audiovisual (som, imagem, vídeo/filme) com o texto escrito;  Abrir a biblioteca ao meio físico e humano, levando a leitura para a rua… e, por outro lado, trazendo o poeta, o escritor.. à escola, à biblioteca, à sala de aula…  Interdisciplinar a leitura;  Articular aula e biblioteca;  Privilegiar os métodos ativos, dinâmicos, que envolvam a participação ativa do público-alvo;  Servir os objetivos do Projeto Educativo da Escola;  Formar para uma literacia da informação.
  • 3. Cartaz Cultural  Projecto Comenius  Feira do Livro
  • 4. Promover e divulgar a biblioteca junto da comunidade escolar;  Organizar e dinamizar atividades no espaço escolar que contribuam para o enriquecimento cultural e social dos seus utentes.
  • 5. Há uma música do povo, Nem sei dizer se é um fado, Que ouvindo a um ritmo novo O ser que tenho guardado. Ouvindo sou quem seria, Se desejar fosse ser É uma simples melodia Das que se aprendem a viver. Mas é tão consoladora A vaga e triste canção, Que a minha alma já não chora Nem eu tenho coração. Sou uma emoção estrangeira, Um erro de sonho ido, Canto de qualquer maneira E acabo com um sentido. Fernando Pessoa/Mário Pacheco
  • 6. Promover e divulgar a biblioteca junto da comunidade escolar;  Apoiar e promover os objetivos educativos definidos de acordo com as finalidades e currículo da escola;  Providenciar acesso aos recursos locais, regionais e globais e às oportunidades que confrontem os alunos com ideias, experiências e opiniões diversificadas;  Contribuir para o desenvolvimento de uma aprendizagem de qualidade ao longo da vida e promover elevados níveis de desempenho;  Reforçar o contributo da aprendizagem ao longo da vida para a coesão social, a cidadania ativa, o diálogo intercultural, a igualdade entre homens e mulheres e a realização pessoal;  Promover a aprendizagem de línguas e a diversidade linguística.
  • 7. “Chá e Companhia”  Cartaz Cultural  Escritores Portugueses  Representação teatral, “O menino que não gostava de ler”  Sessão de convívio entre o escritor António Mota e todos os alunos do Ensino Básico  Banquete Medieval
  • 8. Motivar os alunos para a leitura e desenvolver a competência leitora;  Possibilitar aos alunos o contacto com o livro;  Divulgar autores portugueses e outros;  Promover, divulgar e incentivar toda a comunidade a participar em atividades culturais;  Promover e divulgar a biblioteca junto da comunidade escolar;  Contribuir para o desenvolvimento de uma aprendizagem de qualidade ao longo da vida e promover elevados níveis de desempenho.
  • 9. Clube de Leitura / Das letras à imagem  Mostra de Cinema  Contador de Histórias / O Escritor do Mês  Bibliovila: Ler e conviver  “Ler é um desporto”  Embarca na Aventura  A Magia da Poesia
  • 10. Promover a leitura;  Incrementar o conhecimento de obras literárias;  Desenvolver a competência linguística quer a nível escrito quer a nível oral;  Criar e manter nas crianças o hábito e o prazer da leitura, da aprendizagem e da utilização das bibliotecas ao longo da vida;  Sensibilizar os alunos para questões de ordem cultural e social;  Desenvolver a capacidade criativa e artística e o uso das Novas Tecnologias.
  • 11. Aberto a toda a comunidade escolar  Seleção de obras por professores e alunos  Os alunos interessados selecionam um livro e ilustram-no com imagens e, ou fotografias  Os melhores trabalhos podem ser apresentados à comunidade escolar
  • 12. Interligar esta atividade com o Clube de Leitura  Entre os alunos que pertencem ao referido clube, é selecionado mensalmente um para contar uma história à comunidade escolar  Possibilidade de representações teatrais, especialmente no final de cada período escolar  Ponte com a atividade Mostra de Cinema  Exposições com dados biográficos e bibliográficos
  • 13.  Literatura de viagens  A partir da leitura dessas crónicas, os alunos têm a possibilidade de imaginar ou descrever uma das viagens que leram ou uma viagem por eles efetuada  Atividade feita em prosa ou em Banda Desenhada Descrição pode ser complementada com informação da área da Geografia (mapas, plantas), das Ciências (animais, flores…) e da História (monumentos, breve história dos locais,…)