3 de Dezembro 2014 
Escola Secundária Infanta D. Maria 
Grupo Educação Especial 2014
No dia 3 de Dezembro, celebra-se o Dia Internacional 
das Pessoas com Deficiência, definido pela ONU em 
1992. É mais uma ...
Sensibilizar para a diferença 
A informação é fundamental 
para vencermos o 
preconceito. Com 
informação exercitamos o 
r...
A principal Barreira é a atitude. 
O respeito pela diversidade é o 1º passo 
para a construção de 1 sociedade inclusiva. 
...
Sempre que queira ajudar, pergunte qual é a 
melhor maneira de proceder e não se ofenda se a oferta for 
recusada; nem sem...
Não nos devemos apoiar na cadeira de rodas - ela é a 
extensão do corpo da pessoa, equipamento que 
complementa a sua mobi...
Para iniciar uma conversa com uma 
pessoa surda, acene ou toque levemente 
no seu braço. Posicione-se de frente de 
modo a...
Identifique-se ao abordar a pessoa cega. 
Ao conduzir uma pessoa cega não a agarre nem puxe 
pelo braço ou bengala. 
Ofere...
Há outras deficiências, não visíveis, que 
condicionam as interações e o dia-a-dia das 
pessoas com limitações específicas...
Grupo Educação Especial-2014
Grupo Educação Especial- 
2014
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Dia internacional da pessoa com deficiência (grav.ecrã)

265 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
265
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
10
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Dia internacional da pessoa com deficiência (grav.ecrã)

  1. 1. 3 de Dezembro 2014 Escola Secundária Infanta D. Maria Grupo Educação Especial 2014
  2. 2. No dia 3 de Dezembro, celebra-se o Dia Internacional das Pessoas com Deficiência, definido pela ONU em 1992. É mais uma ocasião para despertar nos nossos alunos e em toda a comunidade educativa a consciência das dificuldades que enfrentam aqueles que vivem ou convivem diariamente com a diferença, pois essa aprendizagem de aceitação do outro é parte fundamental de uma Educação para todos.
  3. 3. Sensibilizar para a diferença A informação é fundamental para vencermos o preconceito. Com informação exercitamos o respeito pela diversidade.
  4. 4. A principal Barreira é a atitude. O respeito pela diversidade é o 1º passo para a construção de 1 sociedade inclusiva. Devemos respeitar as pessoas exatamente como elas são.
  5. 5. Sempre que queira ajudar, pergunte qual é a melhor maneira de proceder e não se ofenda se a oferta for recusada; nem sempre será necessária. Cumprimente normalmente, ajude só quando houver necessidade ou quando lho solicitarem. Uma pessoa com deficiência não é uma pessoa doente.
  6. 6. Não nos devemos apoiar na cadeira de rodas - ela é a extensão do corpo da pessoa, equipamento que complementa a sua mobilidade. Se conversar durante algum tempo com uma pessoa em cadeira de rodas, sente-se ao nível dela. Não movimente a cadeira sem autorização e pergunte como fazer.
  7. 7. Para iniciar uma conversa com uma pessoa surda, acene ou toque levemente no seu braço. Posicione-se de frente de modo a facilitar a leitura labial.
  8. 8. Identifique-se ao abordar a pessoa cega. Ao conduzir uma pessoa cega não a agarre nem puxe pelo braço ou bengala. Ofereça o seu braço, com um toque ligeiro, para que ela o segure. Utilize naturalmente os termos como “cego”, “ver” e “olhar” - os cegos também os utilizam!
  9. 9. Há outras deficiências, não visíveis, que condicionam as interações e o dia-a-dia das pessoas com limitações específicas. Compreender as suas dificuldades e promover o seu bem-estar é contribuir para uma sociedade mais inclusiva.
  10. 10. Grupo Educação Especial-2014
  11. 11. Grupo Educação Especial- 2014

×