Sistema respiratório

460 visualizações

Publicada em

Um breve resumo sobre o sistema respiratório, descrevendo cada componente e suas respectivas funções. Além de citar as principais doenças ocasionadas por maus cuidados com a saúde, e a exposição ao ar poluído.

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
460
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
6
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Sistema respiratório

  1. 1. 1 Sistema respiratório
  2. 2. 2 O que é sistema respiratório? O sistema respiratório fornece oxigênio e remove gás carbônico do organismo, auxiliando as células no metabolismo, atuando em conjunto com o sistema circulatório. O sistema respiratório também esta envolvido com a vocalização.
  3. 3. 3 Quais são seus componentes? Sistema respiratório Pulmões Vias respiratórias Fossas nasais Faringe Laringe Traquéia Brônquios Bronquíolos
  4. 4. 4 Fossas nasais Também conhecidas como cavidades nasais, são duas cavidades paralelas que vão das narinas até à faringe e estão separadas uma da outra por uma parede cartilaginosa, terminando na faringe. Em seu interior existem dobras chamadas conchas nasais, que forçam o ar a turbilhonar.
  5. 5. 5 Funções das cavidades nasais Cílios: Filtração do ar Capilares sanguíneos: Aquecimento do ar Glândula da mucosa: Humidificação do ar
  6. 6. 6 Faringe A faringe é um órgão tubular que inicia- se nas coanas com prolonga-ção para baixo no pescoço com a forma de um funil, seu tamanho varia de 12 à 15 cm de comprimento e de cerca de 35 mm em seu início e cer-ca de 15 mm no seu término. A farin-ge situa-se atrás das fossas nasais e a frente às vértebras cervicais, se mantém ligada a laringe e o esôfago. Sua função é a circulação de alimen-tos e ar.
  7. 7. 7 Laringe A laringe é um tudo de formato irregular, sustentado por peças cartilaginosas irregulares articuladas que une a faringe à traquéia. A cartilagem é a responsável pela manutenção da abertura da luz da laringe, garantindo sempre a livre passagem do ar. A entrada da laringe é denominada glote, logo acima de- le, existe uma estrutura semelhante a uma língua, conhecida co- mo epiglote, funcionando como uma válvula.
  8. 8. 8 Traqueia A traqueia é um tubo vertical cilíndri- co, cartilaginoso e membranoso, localiza- do entre a laringe e dois tubos curtos, os brônquios, fortalecido por anéis de carti- lagem, que levam o ar inspirado até os pulmões. Seu tamanho em um indivíduo adulto é entre 15cm à 20cm de compri- mento e 1,5 à 2,5 de diametro. A função da traqueia no sis-tema respiratório é a condução do ar até os brônquios.
  9. 9. 9 Brônquios e bronquíolos Brônquios: Resultam da bifurcação da traqueia. Bronquíolos: Resultam da ramificação dos brônquios em canais mais finos.
  10. 10. 10 Pulmões Os pulmões do ser humano são órgãos do sistema respiratório, responsáveis pelas trocas gasosas entre o ambiente e o sangue. Sua principal função é oxigenar o sangue e eliminar o dióxido de carbono do corpo.
  11. 11. 11 Alvéolos pulmonares Os alvéolos pulmonares são pequenas estruturas encontradas nos sacos alveolares, ductos alveo- lares e bronquíolos respiratórios, constituindo a última porção da árvore brônquica, sendo os respon- sáveis pela estrutura de aspecto esponjoso do parênquima pulmo- nar.
  12. 12. 12 Processo de sugar o ar para dentro do organismo Processo de liberar o ar para fora do organismo
  13. 13. 13 Ciclo respiratório É o conjunto de inspirações e expirações realizadas em um determinado intervalo de tempo.
  14. 14. 14 Hematose pulmonar A hematose pulmonar consiste na troca gasosa que ocorre nos alvéolos pulmonares. O CO2 sai do sangue para os alvéolos e o oxigénio faz o camin-ho inverso. Trocas gasosas entre o organismo e o meio ambiente.
  15. 15. 15 Hematose celular Ocorre durante a circulação sistémica, em que o sangue arterial passa a ser venoso.
  16. 16. 16 Doenças respiratórias
  17. 17. 17 Asma Asma é uma doença inflamatória crônica das vias aéreas. O pulmão do asmático é diferente de um pulmão saudável, como se os brônquios dele fossem mais sensíveis e inflamados, reagindo ao menor sinal de irritação.
  18. 18. 18 Pneumonia Pneumonia é uma infecção que se instala nos pulmões. Pode acometer a região dos alvéolos pulmonares onde desembocam as ramificações terminais dos brônquios e, às vezes, os interstícios. Basicamente, é provocada pela penetração de um agente infeccioso ou irritante (bactérias, vírus, fungos e por reações alérgicas) no espaço alveolar, onde ocorre a troca gasosa.
  19. 19. 19 Tuberculose A tuberculose é uma doença infecto-contagiosa causada por uma bactéria que afeta principalmente os pulmões, mas também pode ocorrer em outros órgãos do corpo, como ossos, rins e meninges.
  20. 20. 20 Cancro de pulmão O cancro de pulmão ou câncer de pulmão é um tumor caracterizado pela quebra dos mecanismos de defesa naturais do pulmão, a partir de estímulos carcinogênicos ao longo dos anos, levando ao crescimento desorganizado de células malignas. Este tumor maligno É uma das principais causas de morte entre as neoplasias no Brasil, com 18 mil casos novos em 2012, sendo a principal causa de morte por câncer entre homens e segunda causa entre as mulheres.
  21. 21. 21 Como se prevenir das doenças respiratórias? Praticar atividades ao ar livre Evitar poluição Consultar um médico regularmente Não fumar
  22. 22. 22 Criado por: Nome: Escolaridade: Email: Maria Laís B. A. Aluna do 2º ano do ensino malabaal@gmail.com médio técnico em informática Fontes de pesquisa: Brasil escola Minha vida

×