Mito das três raças

277 visualizações

Publicada em

Material de apoio

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
277
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Mito das três raças

  1. 1. DIVERSIDADE CULTURAL E A FORMAÇÃO SOCIAL BRASILEIRA
  2. 2. É NOTÓRIA A IMPORTÂNCIA DOS ELEMENTOS ÉTNICOS NA FORMAÇÃO DA SOCIEDADE BRASILEIRA; -A AMÁLGAMA FORMADA A PARTIR DESSES ELEMENTOS, ATRAVÉS DE SUAS RELAÇÕES SOCIAIS E PESSOAIS, PROPORCIONOU O RECONHECIMENTO DA IDENTIDADE NACIONAL COMO MUITO PECULIAR EM RELAÇÃO A OUTROS PAÍSES COM EXPERIÊNCIAS SEMELHANTES.
  3. 3. O BRASIL SE TORNOU UMA SOCIEDADE MESTIÇA E HOMOGÊNEA, ONDE NÃO EXISTIRIA PRECONCEITO “RACIAL”E TODOS OS INDIVÍDUOS SERIAM, EM POTENCIAL, CAPAZES DE POSSUÍREM IGUALDADE FORMAL, MATERIAL E MORAL ENTRE SI.
  4. 4. -“O MITO DAS TRÊS RAÇA”. EM TERMOS GERAIS, ESTE MITO EXPLICARIA A ORIGEM DA SOCIEDADE BRASILEIRA
  5. 5. EXISTEM VÁRIAS CORRENTES QUE PROCURAM EXPLICAR A FORMAÇÃO RACIAL/CULTURAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA.
  6. 6. -SE PROPÕE A DESLOCAR O DEBATE SUPERIORIDADE/INFERIORIDADE PARA A OBSERVAÇÃO DE UMA SITUAÇÃO DE CONTATO E DETROCA QUE SE ATUALIZA DENTRO DE UMA ESTRUTURA SOCIAL DE DESIGUALDADE; -PARA ESTE AUTOR A MISCIGENAÇÃO DEIXA DE SER CONSIDERADA UM FENÔMENO MERAMENTE BIOLÓGICO OU AINDA UM PROCESSO GERADOR DE APTIDÕES E COSTUMES; - AO CONTRÁRIO A MISTURA DE DIFERENTES GRUPOS ÉTNICOS É VISTA COMO ALGO POSITIVO E ATÉ MESMO CAPAZ DE PROMOVER UMA DEMOCRATIZAÇÃO A PARTIR DA POSIÇÃO AMBIVLENTE DO MESTIÇO -SUA OBRA PRINCIPAL CASA GRANDE & SENZALA E O MITO DE ORIGEM DO POVO BRASILEIRO
  7. 7. PARA ESTE AUTOR OS MALES DO PAÍS TAMBÉM NÃO PROVÊM DA MISCIGENAÇÃO; SÃO ORIUNDOS DA PERSONALIDADE DO PORTUGUÊS. ESSA PERSONALIDADE SE APRESENTA TÃO DOMINANTE QUE A MISTURA COM ÍNDIOS E NEGROS NÃO CONSEGUIU SUPERÁ-LA. ARGUMENTA QUE A PERSONALIDADE DOS NEGROS ERA SEMELHANTE À DOS PORTUGUESES – PLÁSTICA E MALEÁVEL.
  8. 8. NESSA SOCIEDADE, AS RELAÇÕES SOCIAIS AFIGURARAM-SE A PARTIR DA CORDIALIDADE E DO PERSONALISMO. CARACTERÍSTICA QUE SE TORNOU GERAL NA SOCIEDADE BRASILEIRA.
  9. 9. o multiculturalismo pressupõe uma visão positiva da diversidade cultural, privilegiando o reconhecimento, valorização e incorporação de identidades múltiplas nas formulações de políticas públicas e nas práticas cotidianas.

×