SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 80
Baixar para ler offline
ovena está para chegar!’’
 ‘‘O Senhor
            de




             ‘‘Cremos Senhor,
         mas aumentai a nossa Fé!’’
Arquidiocese de Vitória
           Departamento Pastoral
    Rua Soldado Abílio dos Santos, 47
        Cidade Alta - Caixa Postal 107
         CEP 29015-620 - Vitória - ES
          Telefone: (27) 3223-6711
e-mail: mitra.secretariapastoral@aves.org.br




                       "O Espírito do   aos cativos a
                       Senhor está      libertação e aos
                     sobre mim,por-     cegos a recupe-
                    que me conferiu     ração da vista,
                    a unção para        para despedir os
                    anunciar a boa      oprimidos em li-
                    nova aos pobres.    berdade, para pro-
                    Enviou-me           clamar um ano que
                    para proclamar      agrada ao Senhor."
                                                  (Lc. 4,21b)




                                                  cebi-es
                                  centro de estudos bíblicos do es




      CEBI - Centro de Estudos Bíblicos
Rua Duque de Caxias, 121, Ed. Juel, Sala 206
      Centro - Vitória – Cep 29010-120
   Telefone – (27) 3223-0823/ 9945-2068
   Atendimento: 2ª a 6ª feiras 13h às 19h
Blog: http://portrasdapalavra.blogspot.com
        Email:cebies@yahoo.com.br
Orientações Práticas

•	 Conferir inicialmente a Carta de nosso Pastor, D. Luiz Manci-
   lha Vilela para os Animadores e Animadoras de Círculos Bí-
   blicos. Ela deverá ser lida nos encontros, na celebração (culto
   ou missa), mas também no Conselho da Comunidade e Paro-
   quial.
•	 Não esquecer que este é um tempo de evangelização muito
   importante para as famílias e para a Igreja.

•	 É importante ir ao encontro de todas as famílias, especialmen-
   te famílias que estão afastadas da comunidade ou que estão
   precisando de uma visita da comunidade.
•	 Marcar com antecedência a casa das famílias que serão ser
   visitadas pelo grupo.
•	 Cada dia fazer a apresentação, de forma bem carinhosa, das
   pessoas que estão participando pela primeira vez.
•	 Seguir as Instruções para cada encontro levando sempre em
   conta a realidade do grupo.
•	 Foi colocada uma Oração Inicial para cada dia de Encontro
   (n.06).
•	 A Oração Final (n.12) será sempre o Símbolo Niceno-Cons-
   tantinopolitano, ou Profissão de Fé, que marca o nosso Ano
   da Fé.
•	 A novena é um roteiro que pode e deve ser enriquecido com a
   criatividade e a realidade da comunidade.
NOVENA DE NATAL 2012                                     Página 3
•	 Deixar os símbolos natalinos para a Festa do Natal. Agora ain-
   da é tempo de Advento-espera.

•	 A montagem do presépio na Igreja já está acontecendo aos
   poucos em cada celebração da comunidade. Durante os en-
   contros um presépio pode ser montado aos poucos durante a
   Novena.

•	 Lembrar de preparar: a próxima casa, o gesto concreto, a cele-
   bração de encerramento, etc.

•	 Começar a pensar desde o inicio como será a Celebração de
   Encerramento, de preferência envolvendo os diversos grupos
   de Novena de Natal.

•	 A maioria dos cantos está no livro “Cantai ao Senhor” da Ar-
   quidiocese. Aqueles que a comunidade não conseguir cantar
   poderão ser substituídos por outro na mesma linha.

•	 O Gesto Concreto deve ser pensado com antecedência junto
   com todos os grupos da comunidade, desde a organização da
   Novena.

•	 No final do livro foram colocados alguns anexos importantes.
   Eles irão ajudar ao grupo a enriquecer o conteúdo dos encon-
   tros. Não deixe de conferir.



                      Equipe de Redação dos Círculos Bíblicos
                    CEBI-ES – Centro de Estudos Bíblicos – ES
                                           Novembro de 2012

Página 4 | 	                                    NOVENA DE NATAL 2012
Apresentação

 Irmãos e irmãs,

  Estamos iniciando um Novo Ano Litúrgico com o tempo do
Advento. E queremos chegar até vocês para ajudá-los na prepara-
ção da Festa da Encarnação, através da Novena de Natal.
 A Boa Notícia é: “O Senhor está para chegar!” E a nossa res-
posta deve ser “Creio Senhor, mas aumentai a nossa Fé”! Com o
Ano da Fé a Igreja nos propõe caminhar nessa direção.
  Viajando como Povo de Deus, ao longo dos textos bíblicos,
queremos participar desse momento, conscientes que a nossa Fé
vem desde o Primeiro Testamento. Ela perpassa o Segundo Tes-
tamento e nos prepara para a volta gloriosa de Jesus – na sua 2ª
vinda.
  Acompanhados de Maria, a Mãe de Jesus e nossa, vamos trilhar
os caminhos deste tempo do Advento, nos preparando assim para
celebrar a Encarnação e o nascimento do Salvador. Aproveitemos
a oportunidade de graça que o próprio Deus nos concede.
  Por sua vez a Igreja não vive para si, mas para o mundo. Cada
cristão participa dessa missão de proclamar a vinda do Senhor e
de esperá-la com uma alegre expectativa. Isso é essencial na vida
cristã. E o mistério do Advento nos insere nessa missão.
  Que essa Novena de Natal 2012 nos faça conhecer mais Jesus
Cristo, aumente a nossa Fé e nos ajude a testemunhar a sua Força
Redentora de Filho de Deus especialmente nas visitas que vamos
fazer neste tempo.
NOVENA DE NATAL 2012                                    Página 5
Vençamos então este tempo de comodismo, de medo, de consu-
mismo e de idolatria para Celebrarmos bem o Natal do Senhor!
Rezemos então juntos: “Ó Vem Senhor, não tardes mais. Vem
saciar nossa sede de Paz!”.
  Agradecemos a todos e todas o carinho com que nos acolheram
durante esse ano, em sua casa, na sua comunidade ou seu grupo.
Esperamos nos encontrar em 2013 em uma nova jornada. bons
encontros, bom trabalho e muita esperança a todos e todas.


        Abraço fraterno,


                 Pe. Manoel David Neto – Equipe de Redação e
                                       Elaboração – CEBI-ES
                                   Vitória, novembro de 2012




Página 6 | 	                                  NOVENA DE NATAL 2012
Oração Final para Todos os Dias

      (Homens): Creio em um só Deus, Pai todo-poderoso
      Criador do Céu e da Terra,
      de todas as coisas visíveis e invisíveis.

      (Mulheres): Creio em um só Senhor, Jesus Cristo,
      Filho Unigénito de Deus,
      nascido do Pai antes de todos os séculos:
      Deus de Deus, luz da luz,
      Deus verdadeiro de Deus verdadeiro;
      gerado, não criado, consubstancial ao Pai.

      (Homens): Por Ele todas as coisas foram feitas.
      E por nós homens e para nossa salvação
      desceu dos Céus.
      E encarnou pelo Espírito Santo,
      no seio da Virgem Maria,
      e se fez homem.
      Também por nós foi crucificado sob Pôncio Pilatos;
      padeceu e foi sepultado.

       (Mulheres): Ressuscitou ao terceiro dia,
       conforme as Escrituras; e subiu aos Céus, onde está
       sentado à direita do Pai.
       De novo há-de vir em sua glória
       para julgar os vivos e os mortos;
       e o seu Reino não terá fim.
NOVENA DE NATAL 2012                                    Página 7
(Homens): Creio no Espírito Santo, Senhor que dá
       a vida, e procede do Pai e do Filho; e com o Pai e
       o Filho é adorado e glorificado: Ele que falou pelos
       profetas.

       (Todos): Creio na Igreja una, santa, católica e
       apostólica. Professo um só Baptismo para a remissão
       dos pecados. E espero a ressurreição dos mortos
       e a vida do mundo que há-de vir. Amém!



    O Credo Niceno-Constantinopolitano ou Símbolo Niceno-
    Constantinopolitano, é uma declaração de fé cristã que é
    aceito pela Igreja Católica Romana, Igreja Luterana, Igreja
    Ortodoxa e pela Igreja Anglicana. O nome está relacionado
    com o Primeiro Concílio de Niceia (325), no qual foi
    adoptado, e com o Primeiro Concílio de Constantinopla
    (381), onde foi aceita uma versão revista.




Página 8 | 	                                      NOVENA DE NATAL 2012
Carta
         Dom Luiz Mancilha Vilela, ss.cc.


 Vitória, 07 de Novembro de 2012

 Caríssimos irmãos e irmãs animadores(as) dos Círculos Bíblicos

 Saúde e Paz!


  Tenho no meu coração e na minha mente aquele pequeno
momento que passei com vocês, em Ponta Formosa, quando fui
dar-lhes uma palavra de apoio e vi com alegria o salão cheio de
apóstolos da Palavra de Deus. Louvado seja Deus!
  Quero, agora, em primeiro lugar, agradecer o empenho que
todos tiveram durante este ano de 2012 na animação dos Círculos
Bíblicos. Vocês formam um verdadeiro exército da Palavra de
Deus que provoca em muita gente aquele ardor no coração, que
anima e fortalece a fé de cada participante do Círculo Bíblico,
como aconteceu com os discípulos de Emaús. Estes caminhavam
com Jesus e sentiam, como que, um fogo que aquecia seus
corações desanimados. Muito obrigado, queridos irmãos e irmãs,
por este serviço tão precioso e tão importante.

  Continuem firmes neste santo serviço. A multiplicação dos
Círculos Bíblicos em nossa Arquidiocese será um verdadeiro
reforço e cultivo da fé neste Ano da Fé. Tomem como empenho e
apostolado prioritário este serviço da fé: levar a Palavra de Deus
NOVENA DE NATAL 2012                                      Página 9
a todos os cristãos e pessoas de boa vontade através do método
dos Círculos Bíblicos. Nossos lares, prédios, bairros e vilas são
lugares para a escuta da Palavra de Deus! Não se esqueçam das
Escolas Públicas e Particulares. Inventem um jeito de chegar até
estes jovens e professores. Eles precisam e têm sede da Palavra
de Deus!

 Peço aos meus queridos padres: sejam animadores dos
animadores dos Círculos Bíblicos. Os senhores são por excelência
os servos da Palavra de Deus! Conto com os senhores, caríssimos
padres! Vamos pôr fogo no mundo com estes animadores dos
círculos bíblicos, Fogo de Amor que vem da Palavra de Deus!
Muito obrigado, senhores padres, pelo estímulo que têm dado
e darão nos próximos anos aos apóstolos da Palavra de Deus,
animadores dos Círculos bíblicos em nossa querida Arquidiocese
de Vitória do Espírito Santo!

 Caríssimos, Deus os abençoe! Vamos caminhando, sem
desanimar, porque o tempo é curto! Nosso povo precisa beber
desta Fonte Sagrada, a Palavra de Deus! Muito obrigado!


 Nos Sagrados Corações



                                        Dom Luiz Mancilha Vilela, ss.cc.
                                     Arcebispo Metropolitano da Arquidiocese
                                            de Vitória do Espírito Santo



Página 10 |                                            NOVENA DE NATAL 2012
1º DIA
 Tema: FÉ NA CAMINHADA: POVO DE DEUS CAMINHA
         LUTANDO PELA VIDA E LIBERDADE

01 - PREPARANDO O AMBIENTE
 Colocar em destaque a Bíblia, uma vela e alguns objetos ou
 símbolos que lembrem: caminhada, justiça, vitória, vida,
 liberdade. Colocar também pequenas imagens ou figuras de
 Maria e José que deverão acompanhar o grupo em todas as
 casas até a Celebração de Encerramento.

02 – ACOLHIDA
 Criar um ambiente fraterno de acolhida. Fazer uma
 apresentação pessoal dizendo nome e a sua origem ou lugar
 de nascimento. Uma pessoa da família que acolhe ou mesmo
 uma pessoa que anima o grupo dá as boas vindas a todas as
 pessoas. Cantar de forma bem orante o refrão ou outro de
 acolhida:

TODOS: SEJA BEM VINDO QUEM CHEGA! (BIS)
TRAZENDO A PAZ (BIS) TRAZENDO A PAZ DO SENHOR!

03 – SAUDAÇÃO INICIAL
(Fazer de acordo com a realidade do grupo)

04 - INTRODUÇÃO
Animador/a: Estamos no tempo da Esperança. O Advento é o
tempo litúrgico da grande educação à esperança: uma esperança
que se torna, pela graça de Deus, forte e paciente; que aceita a hora
da provação e da perseguição; enfim, uma esperança confiante.
NOVENA DE NATAL 2012                                       Página 11
TODOS: Ó VEM SENHOR, NÃO TARDES MAIS. VEM
SACIAR NOSSA SEDE DE PAZ!

Leitor/a 1: Nosso Advento esse ano é ainda mais forte com o
convite que a Igreja nos faz para celebrar o viver o Ano da Fé,
aberto pelo Papa Bento XVI, em 11 de outubro. Celebramos
assim os cinquenta anos do início do Concílio Vaticano II (1962-
1965) que abriu as portas da Igreja para o mundo.

Leitor/a 2: Com essa Novena de Natal queremos abrir as portas
de nossas vidas e de nossas famílias para celebrar a Salvação que
o Senhor vem nos trazer!

TODOS: ABRE AS PORTAS DEIXE ENTRAR O REI DA
GLÓRIA. É O TEMPO E ELE VEM ORIENTAR A NOSSA
HISTÓRIA!

05 - RECORDAÇÃO DA VIDA
Animador/a: A vida humana é sempre uma caminhada. Estamos
aqui peregrinando para a eternidade junto de Deus. Porém, somos
convidados a fazer memória das diversas ações de Deus em
nossas vidas a fim de que a gente cresça na esperança, apesar das
dificuldades que aparecem na vida.

Para Conversar:
Desde que deixamos a nossa região ou cidade de origem:
quais foram os principais sinais da presença de Deus que nos
deram esperança pra chegar até aqui?
Canto: Somos gente da esperança
Página 12 | 	                                 NOVENA DE NATAL 2012
06 – ORAÇÃO INICIAL
Animador/a: Aproveite-nos, ó Deus, a participação no mistério
do Advento do vosso Filho. Ajudai-nos a amar desde agora o
que é do céu e, caminhando entre as coisas que passam, abraçar
aquelas que não passam. Por Cristo Nosso Senhor. Amém!


07 – SITUANDO O TEXTO BÍBLICO
Leitor/a 1: No Livro do Êxodo encontramos muitas memórias
da caminhada dos vários grupos que formaram o povo de Israel.
Cada grupo foi contando sua experiência de fé e muito tempo
depois dos acontecimentos esses relatos foram escritos para
orientar a caminhada do povo.

Canto: Tua Palavra

08 – TEXTO BÍBLICO: Ex 3,7-10
 É bom que o texto seja lido até mais de uma vez para facilitar
 a compreensão.

09 – PARTILHANDO A PALAVRA
    a)	 De que maneira o povo percebe, neste texto bíblico,
        que pode ter fé na presença e na ação de Deus?
    b)	 Quais os sinais de esperança para aquele povo
         aparecem neste texto bíblico?
    c)	 Ligando este texto bíblico e o tempo do Advento que
         estamos vivendo, quais são os sinais de fé de esperança
         que a gente consegue ver?
NOVENA DE NATAL 2012                                  Página 13
PARA AJUDAR NA PARTILHA DA PALAVRA
     	A divindade que se revela a Moisés é cultuada pelos
       madianitas – pastores que vivem em regiões de deserto;
     	Moisés viveu com esse grupo e aprendeu a reconhecer
       a sua divindade que é a favor da vida, da justiça e da
       liberdade;
     	As características da divindade que se revela a Moisés
       e aos madianitas são: Deus que vê, ouve, conhece e
       desce para libertar quem está oprimido;
     	Essas características da divindade passaram a fazer
       parte da religião do povo de Israel, quando este se
       formou.
     	E a nossa fé, fundamentada na Bíblia, tem suas
       bases nessa divindade libertadora; Acreditamos e
       defendemos que Deus quer a Vida para todos os seus
       filhos e filhas.


10 - CELEBRANDO A VIDA
Animador/a: Neste tempo do Advento somos agraciados com a
celebração das duas vindas de Deus em nosso meio: a Encarnação
e a volta gloriosa de seu Filho Jesus Cristo. Usemos a palavra do
salmista para expressar nossa oração através do Salmo 8.

TODOS: Ó DEUS COMO É GRANDE O VOSSO NOME!

Teu nome é Senhor, maravilhoso, por todo o universo conhecido;
Até por crianças pequeninas tua força domina o inimigo.
Página 14 | 	                                   NOVENA DE NATAL 2012
Olhando pro céu que Tu fizeste, pra lua e as estrelas tão bonitas.
Indago o lugar que cabe ao homem, que vale aos teus olhos sua
vida?

TODOS: Ó DEUS COMO É GRANDE O VOSSO NOME!

A um deus semelhante o fizeste, coroado de glória e de valor, de
Ti recebeu poder e força de tudo vencer e ser senhor.

Dos bois, das ovelhas nos currais, das feras que vivem pelas
matas, dos peixes do mar, dos passarinhos, de tudo o que corta o
ar e as águas.

TODOS: Ó DEUS COMO É GRANDE O VOSSO NOME!

A Deus criador pertence a glória, ao verbo em Jesus manifestado,
Divino amor que rege a história, vem, fica para sempre ao nosso
lado.
(Este salmo pode ser rezado ou cantado, desde que seja feito
como grupo)

11 - PAI NOSSO (motivar)

12 – ORAÇÃO FINAL                 (rezar   o    Credo    Niceno-
Constantinopolitano)

Animador/a: O Credo Niceno-Constantinopolitano ou
Símbolo Niceno-Constantinopolitano, é uma declaração de
fé cristã que é aceito pela Igreja Católica Romana, Igreja
Luterana, Igreja Ortodoxa e pela Igreja Anglicana. O
NOVENA DE NATAL 2012                        Página 15
nome está relacionado com o Primeiro Concílio de Niceia
(325), no qual foi adoptado, e com o Primeiro Concílio de
Constantinopla (381), onde foi aceita uma versão revista.


Leitor/a 1: Em comunhão com a Igreja espalhada pelo mundo
inteiro, rezemos a nossa Profissão de Fé marcando o nosso
compromisso com o Ano da Fé.

13 - BENÇÃO FINAL
Animador/a: O Deus onipotente e misericordioso nos ilumine
com o Advento de seu Filho, em cuja vinda cremos e cuja volta
esperamos e derrame sobre nós as suas bênçãos! Amém!

Animador/a: Durante essa vida Ele nos torne firmes na fé,
alegres na esperança e prestativo na solidariedade. Amém!

Animador/a: Alegrando-nos agora com a vinda do Salvador
feito homem, sejamos recompensados com a vida eterna, quando
Ele vier de novo em sua glória. Amém!

Animador/a: Abençoe-nos o Deus que caminha conosco. Ele
que é Pai, filho e Espírito Santo. Amém!


Canto: Isaías


14 - LEMBRETES FINAIS
Página 16 | 	                                NOVENA DE NATAL 2012
- CARTA DO ARCEBISPO: Ler a Carta de D. Luiz
    destinada a todas as pessoas dos Grupos de Círculos
    Bíblicos. Ela deve ser lida em mais de um encontro (ex.
    início e encerramento da Novena) e também deve ser
    lida no Conselho da Comunidade e da Paróquia, pois
    interessa a todas as pessoas.
    - VISITAS: Ver direitinho as próximas casas que serão
    visitadas.
    - GESTO CONCRETO: O grupo deve começar a pensar
    um Gesto Concreto Comum – sinal de compromisso
    e solidariedade. Ele pode ser feito de acordo com a
    realidade do grupo, em sintonia com todos os outros
    grupos da comunidade. Conversar com antecedência.
    - CONFRATERNIZAÇÃO: pensar se vai haver uma
    Confraternização Final reunindo todos os grupos da
    Comunidade. Combinar dia, hora, local, etc.




NOVENA DE NATAL 2012                                 Página 17
2º DIA
 TEMA: FÉ E PROFECIA - COMPROMISSO COM A VIDA
          E DENÚNCIA DAS INJUSTIÇAS.

01 - PREPARANDO O AMBIENTE
 Colocar em destaque a Bíblia, uma vela e alguns objetos ou
 símbolos que lembrem: profetas de ontem e de hoje, sinais de
 vida e de morte. É importante convidar e envolver o pessoal
 da catequese e perseverança e outros. Colocar também
 pequenas imagens ou figuras de Maria e José que deverão
 acompanhar o grupo em todas as casas até a Celebração de
 Encerramento.

02 – ACOLHIDA
 Criar um ambiente fraterno de acolhida. Fazer uma
 apresentação de pessoas que não vieram no encontro anterior.
 Uma pessoa da família que acolhe ou mesmo uma criança ou
 adolescente faz a acolhida e uma motivação inicial. Cantar
 de forma bem orante o refrão ou outro de acolhida:

TODOS: QUE BOM QUE VOCÊ VEIO (BIS), FOI O MAOR
DE CRISTO QUE TE TROUXE ATÉ AQUI!

03 – SAUDAÇÃO INICIAL
(Fazer de acordo com a realidade do grupo)

04 - INTRODUÇÃO
Animador/a: A liturgia do Tempo do Advento, por meio dos
textos do profeta Isaías nos apresenta o Deus que aterra os vales,
aplaina as montanhas, faz com que o deserto floresça, coloca
Página 18 | 	                                   NOVENA DE NATAL 2012
juntos o leão e o cordeiro. É o Deus do impossível, que vem para
proteger os pobres e dissipar as trevas por meio da sua Luz. (cf.
Is 9, 1-6; 40, 1-30; 45, 7-8)

TODOS: SENHOR VEM SALVAR TEU POVO DAS TREVAS
DA ESCRAVIDÃO, SÓ TU ÉS NOSSA ESPERANÇA, ÉS
NOSSA LIBERTAÇÃO!

Leitor/a 1: Assim também celebrar o Ano da Fé é reafirmar a
nossa convicção de que nosso Deus continua cumprindo as suas
profecias e promessas para com o seu povo desde o Primeiro
Testamento até os dias de hoje. Essa certeza nos vem por meio de
Jesus Cristo, Salvador do mundo. Ele veio uma primeira vez em
nossa humanidade e vai voltar de forma definitiva em sua glória.

TODOS: VEM SENHOR, VEM NOS SALVAR! COM TEU
POVO, VEM CAMINHAR! (BIS)

Leitor/a 2: É preciso porém que não nos esqueçamos que o
Tempo do Advento e o Ano da Fé são sinais da ação de Deus
na história. Mas será preciso que esses momentos de graça na
vida da Igreja e da humanidade despertem em nós o compromisso
com a profecia, ou seja, a Libertação que vem de Deus acontece
com a participação de todos e de cada um de nós. Hoje somos os
profetas e as profetizas de nosso tempo!

TODOS: PELO BATISMO RECEBI UMA MISSÃO, VOU
TABALHAR PELO REINO DO SENHOR, VOU ANUNCIAR
O EVANGELHO PARA OS POBRES, VOU SER PROFETA,
SACERDOTE, REI, PASTOR!

05 - RECORDAÇÃO DA VIDA
NOVENA DE NATAL 2012                                   Página 19
Animador/a: A história, da nossa fé e da nossa vida, está sempre
marcada pelo testemunho de muitos homens e mulheres que
assumiram o seu batismo até as últimas consequências. Essas
pessoas – chamadas de profetas e profetisas - deram sua vida por
que tinham uma fé muito grande em Deus e no seu Filho Jesus
Cristo.

Para conversar:
Quais são os principais nomes de profetas – de ontem e de
hoje - que conhecemos ou ouvimos falar? O que marcou a
vida deles para nós?

Canto: Vem Senhor, vem nos salvar

06 – ORAÇÃO INICIAL
Animador/a: Despertai, ó Deus, os nossos corações a fim
de prepararmos os caminhos do vosso Filho. Fazei que, nesse
Advento, assumindo nossa vocação profética possamos vos servir
na justiça, na solidariedade e caminhar com Ele pelos caminhos
da vossa justiça. Por Cristo Nosso Senhor. Amém!

07 – SITUANDO O TEXTO BÍBLICO
Leitor/a 2: As profecias atribuídas a Isaías que estão entre os
capítulos 56 a 66 são do período chamado de pós-exílio para o
Povo de Israel. Esses textos foram escritos aproximadamente
entre os anos 520 a 500 AEC (antes da era comum). São profecias
que apresentam alternativas de uma nova sociedade a partir da
sua experiência de fé e vida.

Canto: A Palavra de Deus já chegou

08 - TEXTO BÍBLICO: Is 61,1-3
Página 20 | 	                                   NOVENA DE NATAL 2012
09 - PARTILHANDO A PALAVRA
    a)	 Destacar neste texto bíblico as diferentes ações que
        o Espírito provoca na vida daquela pessoa que foi
        ungida e enviada.
   b)	 Quais são os destinatários da profecia - a quem o
       Espirito envia o profeta?
   c)	 Neste tempo do Advento, que situações e pessoas ainda
       estão precisando de profetas em nossos dias?


     PARA AJUDAR NA PARTILHA DA PALAVRA
    	A divindade do Êxodo, que vê, ouve, conhece e desce
      para libertar, continua agindo na ação dos profetas
      e profetisas;
    	A voz de Deus se faz ouvir nas denúncias das
      injustiças;
    	Profetas e profetisas são anunciadores/as da
      presença de Deus para que a vida seja resgatada.

10 - CELEBRANDO A VIDA
Animador/a: Assim como tantos profetas que vieram antes de
nós, também muitas vezes temos medo de anunciar a Boa Notícia
e denunciar as injustiças em nossos dias de hoje. Com a letra
dessa canção de Pe. Zezinho, O Profeta, rezemos pedindo a força
do Espírito sobre todos nós para assumirmos nossa missão.

Leitor/a 1: Eu não sei cantar, eu não sei rezar / Eu
não sei fazer canções bonitas / Como tanta gente faz
Sou como criança que só sabe balbuciar mesmo / Assim teu amor
me mandou profetizar.
NOVENA DE NATAL 2012                                Página 21
Leitor/a 2: Minha profecia é feita de alegria / Eu
não sei cantar o amor perdido / Como tanta gente faz
Sou como criança que da noite faz o dia / Depois que fez a manhã
está sorrindo de alegria.

TODOS: AI DE MIM SE EU NÃO DISSER, AS VERDADES
QUE OUVI, AI DE MIM SE EU ME CALAR, QUANDO
DEUS ME MANDAR FALAR! (cantar)

Leitor/a 1: Canto quando choro, canto pra sorrir
/ Minha profecia o mundo inteiro vai ouvir /
Canto pela paz, canto contra a guerra / Canto pra varrer o egoísmo
dessa guerra.

Leitor/a 2: Teu amor me disse vai falar de paz /
Eu não sei falar de armistício como tanta gente faz
Creio na criança, no jovem e no velho / Na minha vida eu vou
escrever teu evangelho.

TODOS: AI DE MIM SE EU NÃO DISSER, AS VERDADES
QUE OUVI, AI DE MIM SE EU ME...

Canto: Se calarem a voz dos profetas

11 - PAI NOSSO
Animador/a: A força de Jesus vinha do Pai; a força dos profetas
é fruto da confiança em Deus. Rezemos pedindo ao Pai que Ele
nos sustente em nossa caminhada de batizados e batizadas. Pai
Nosso...

12 – ORAÇÃO FINAL
(rezar o Credo Niceno-Constantinopolitano)
Página 22 | 	                                    NOVENA DE NATAL 2012
Animador/a: O Credo Niceno-Constantinopolitano ou Símbolo
Niceno-Constantinopolitano, é uma declaração de fé cristã que
é aceito pela Igreja Católica Romana, Igreja Luterana, Igreja
Ortodoxa e pela Igreja Anglicana. O nome está relacionado com
o Primeiro Concílio de Niceia (325), no qual foi adoptado, e com
o Primeiro Concílio de Constantinopla (381), onde foi aceita uma
versão revista.

Leitor/a 1: Em comunhão com a Igreja espalhada pelo mundo
inteiro, rezemos a nossa Profissão de Fé marcando o nosso
compromisso com o Ano da Fé.

13 - BENÇÃO FINAL
Animador/a: O Deus onipotente e misericordioso nos ilumine
com o Advento de seu Filho, em cuja vinda cremos e cuja volta
esperamos e derrame sobre nós as suas bênçãos! Amém!

Animador/a: Durante essa vida Ele nos torne firmes na fé,
alegres na esperança e prestativo na solidariedade. Amém!

Animador/a: Alegrando-nos agora com a vinda do Salvador
feito homem, sejamos recompensados com a vida eterna, quando
Ele vier de novo em sua glória. Amém!

Animador/a: Abençoe-nos o Deus que caminha conosco. Ele
que é Pai, filho e Espírito Santo. Amém!

Canto Final: Anunciação

14 - LEMBRETES FINAIS
NOVENA DE NATAL 2012                                  Página 23
- CARTA DO ARCEBISPO: Ler a Carta de D. Luiz destinada
 a todas as pessoas dos Grupos de Círculos Bíblicos. Ela deve
 ser lida em mais de um encontro (ex. início e encerramento da
 Novena) e também deve ser lida no Conselho da Comunidade
 e da Paróquia, pois interessa a todas as pessoas.
 - VISITAS: Ver direitinho as próximas casas que serão
 visitadas.
 - GESTO CONCRETO: O grupo deve continuar a pensar
 um Gesto Concreto Comum – sinal de compromisso e
 solidariedade. Ele pode ser feito de acordo com a realidade do
 grupo, em sintonia com todos os outros grupos da comunidade.
 Conversar com antecedência.
 - CONFRATERNIZAÇÃO: pensar se vai haver uma
 Confraternização Final reunindo todos os grupos da
 Comunidade. Combinar dia, hora, local, etc.




Página 24 | 	                                   NOVENA DE NATAL 2012
3º DIA
     TEMA: FÉ E SABEDORIA: MEMÓRIA POPULAR
           REVELANDO O DEUS NA VIDA.

01. PREPARANDO O AMBIENTE
 Colocar em destaque a Bíblia, uma vela e alguns nomes
 de mulheres que foram ou são importantes para a vida da
 comunidade, do bairro ou do município. Colocar também
 pequenas imagens ou figuras de Maria e José que deverão
 acompanhar o grupo em todas as casas até a Celebração de
 Encerramento.

Canto: VEM Ó SENHOR COM O TEU POVO CAMINHAR

02. ACOLHIDA
 Criar um clima de aconchego e alegria, acolhendo cada uma
 das pessoas presentes, especialmente aquelas que estão vindo
 pela primeira vez. Cantar um refrão de acolhida.

3. SAUDAÇÃO INICIAL
(Fazer de acordo com a realidade do grupo)

04 - INTRODUÇÃO
Animador/a: Estamos vivenciando o Advento, tempo de renovar
a esperança e afirmar nossa fé no Deus da vida. O Advento, com a
sua liturgia própria, nos ajuda a ver a história como lugar do agir
das promessas de Deus.

REFRÃO: VEM, SENHOR, VEM NOS SALVAR/ COM
TEU POVO VEM CAMINHAR.
Leitor/a 1: De forma toda especial, neste Ano da Fé, queremos
NOVENA DE NATAL 2012                                 Página 25
renovar nosso compromisso em manter viva a memória de
nossas lutas e vitórias, motivadas pela vivência em comunidade.
A certeza da presença viva e libertadora de Deus nos anima e
encoraja a seguir, resistindo a todas as formas de opressão e
celebrando cada passo da caminhada.

CANTO: Vem, Senhor, vem nos salvar

05 - RECORDAÇÃO DA VIDA
Animador/a: A nossa caminhada de fé e vida se faz aos poucos,
com pequenos passos dados em direção ao projeto de Deus. É
muito importante contar, registrar, fazer memória do que vai
sendo experimentado durante a caminhada para perceber como
Deus vai agindo em no mundo, por meio de nossas próprias ações.

Para conversar:
Quais foram os momentos importantes da nossa história que
mais nos marcaram?
[Trazer presente algumas lutas (do bairro, da vila, do córrego)
que tiveram grande participação das mulheres e contribuíram
para melhorar a vida das pessoas do lugar (luta por creche, posto
de saúde, escola, calçamento de rua, melhoria nas estradas,
limpeza de rios, etc.)].

Canto: a escolher

06 - ORAÇÃO INICIAL
Animador: Ó Deus que inspirastes mulheres e homens e
os inflamastes de amor a não se conformar com a injustiça, a
violência e a opressão. Concedei-nos por esse tempo do Advento
que instruídos pela força do Espírito Santo nos coloquemos a
serviço da vida especialmente dos pobres de nosso tempo. Por
Cristo Nosso Senhor. Amém!
07 – SITUANDO TEXTO BÍBLICO:
Página 26 | 	                                   NOVENA DE NATAL 2012
Leitor/a 1: O livro de Judite é um texto que pertence ao gênero
literário conhecido como novela bíblica. Essa foi uma maneira
que o povo simples das aldeias encontrou para contar suas
experiências com o Deus da vida e suas lutas em defesa dos
oprimidos. As memórias do livro de Judite foram escritas durante
a dominação grega, por volta do ano 165 AEC (antes da era
comum).

Canto: Envia tua Palavra

08 – TEXTO BÍBLICO: Jt 15,12–16,5
(Livro de Judite, capítulo 15, do versículo 12 até o versículo 5
do capítulo 16. Ler em sequência).

09 - PARTILHANDO A PALAVRA
Animador/a: Vamos meditar sobre o texto que ouvimos e em
seguida partilhar o que refletimos:
    a)	 O que mais chamou nossa atenção no texto bíblico?
    b)	 Como estava a situação vivida pelo povo, de acordo
        com este texto de Judite?
    c)	 Qual foi a reação da comunidade, em especial das
        mulheres, após a vitória conquistada?

      PARA AJUDAR NA PARTILHA DA PALAVRA
     	As Comunidades das aldeias contavam suas histórias,
       fazendo memória da ação libertadora de Deus em
       suas vidas;
     	A ação de Deus ia acontecendo nas ações humanas,
       de mulheres e homens que não se conformavam com
       a opressão.
     	A fé se renovava nas celebrações pela vitória, pela
       libertação.
10 - CELEBRANDO A VIDA
NOVENA DE NATAL 2012                                   Página 27
Animador/a: Ouvimos no texto que conta a história de Judite.
Após conseguir libertação do seu povo, Judite celebrou em honra
ao Deus da vida, junto com muitas mulheres e homens. Ela colheu
flores, distribuiu às mulheres que a acompanhavam e conduziu a
dança. E todos seguiam Judite entoando hinos.

Leitor/a 3: É a festa da vida, celebrada a cada conquista, a cada
vitória. É a afirmação da Fé que nos move para a construção de
um reino de paz e de justiça. Por isso, também nós queremos
celebrar as conquistas de tantas mulheres, com as palavras de
sabedoria da poetiza Angelina Reis:

Leitor/a 1: As mulheres multiplicavam, / melhorando o
movimento. / As que não sabiam ler, / já escrevem com acento. /
Tem muitas que nada sabem / maioria está por dentro.

Leitor/a 2: As mulheres mudaram de vida, / conheceram a
posição, / ainda tinha algumas simples / hoje não está boba mais
não, / de tanto ser massacrada, / gritou a libertação.

Leitor/a 3: Uma ajudando a outra / a conhecer seus direitos. /
Umas vão até o governo, / outras até o prefeito. / Depois de lutar
e trabalhar / muitas coisas temos feito.

TODOS: IRÁ CHEGAR UM NOVO DIA......

Leitor/a 1: As mulheres vem crescendo / cada dia um pouquinho.
/ Tirando venda do olho, / embora devagarinho. Bastantes delas
já viram / Por onde é o caminho.

Leitor/a 2: Isso mesmo, companheira, / nós não podemos parar.
/ Vamos unir nossas forças / para os problemas enfrentar. Os
direitos das mulheres / ninguém pode tirar.
Página 28 | 	                                    NOVENA DE NATAL 2012
Leitor/a 3: Quem sempre quer estar junto, / dialogando com
vocês / é esta simples mulher / que já viram muitas vezes / quem
não deixa de falar / sou eu, Angelina Reis.

TODOS: IRÁ CHEGAR UM NOVO DIA......

11 - PAI NOSSO: (motivar)

12 – ORAÇÃO FINAL
(rezar o Credo Niceno-Constantinopolitano)
Animador/a: O Credo Niceno-Constantinopolitano ou Símbolo
Niceno-Constantinopolitano, é uma declaração de fé cristã que
é aceito pela Igreja Católica Romana, Igreja Luterana, Igreja
Ortodoxa e pela Igreja Anglicana. O nome está relacionado com
o Primeiro Concílio de Niceia (325), no qual foi adoptado, e com
o Primeiro Concílio de Constantinopla (381), onde foi aceita uma
versão revista.

Leitor/a 1: Em comunhão com a Igreja espalhada pelo mundo
inteiro, rezemos a nossa Profissão de Fé marcando o nosso
compromisso com o Ano da Fé.

13 - BENÇÃO FINAL
Animador/a: O Deus onipotente e misericordioso nos ilumine
com o Advento de seu Filho, em cuja vinda cremos e cuja volta
esperamos e derrame sobre nós as suas bênçãos! Amém!

Animador/a: Durante essa vida Ele nos torne firmes na fé,
alegres na esperança e prestativo na solidariedade. Amém!
Animador/a: Alegrando-nos agora com a vinda do Salvador
feito homem, sejamos recompensados com a vida eterna, quando
Ele vier de novo em sua glória. Amém!
NOVENA DE NATAL 2012                                  Página 29
Animador/a: Abençoe-nos o Deus que caminha conosco. Ele
que é Pai, filho e Espírito Santo. Amém!

Canto Final: a escolher

14 – LEMBRETES FINAIS


 - CARTA DO ARCEBISPO: Ler a Carta de D. Luiz destinada
 a todas as pessoas dos Grupos de Círculos Bíblicos. Ela deve
 ser lida em mais de um encontro (ex. início e encerramento da
 Novena) e também deve ser lida no Conselho da Comunidade
 e da Paróquia, pois interessa a todas as pessoas.
 - VISITAS: Ver direitinho as próximas casas que serão
 visitadas.
 - GESTO CONCRETO: O grupo deve continuar a pensar
 um Gesto Concreto Comum – sinal de compromisso e
 solidariedade. Ele pode ser feito de acordo com a realidade do
 grupo, em sintonia com todos os outros grupos da comunidade.
 Conversar com antecedência.
 - CONFRATERNIZAÇÃO: pensar se vai haver uma
 Confraternização Final reunindo todos os grupos da
 Comunidade. Combinar dia, hora, local, etc.




Página 30 | 	                                   NOVENA DE NATAL 2012
4º DIA
          TEMA: FÉ E RESISTÊNCIA - ESPERANÇA
             DOS POBRES NA LIBERTAÇÃO

01 - PREPARANDO O AMBIENTE
 Colocar em destaque a Bíblia, uma vela e alguns objetos ou
 símbolos que lembrem o texto bíblico de hoje, especialmente
 sinais de resistência e fartura. Colocar também pequenas
 imagens ou figuras de Maria e José que deverão acompanhar
 o grupo em todas as casas até a Celebração de Encerramento.

02 – ACOLHIDA
 Criar um ambiente fraterno de acolhida. Fazer uma
 apresentação de pessoas que estão participando pela
 primeira vez. Uma pessoa da família que acolhe o encontro
 faz a acolhida e uma motivação inicial. Cantar de forma bem
 orante o refrão ou outro de acolhida:

TODOS: SEJA BEM VINDO, OLÊ, LÊ! SEJA BEM
VINDO OLÁ, LÁ! PAZ E BEM PRÁ VOCÊ QUE VEIO
PARTICIPAR! (BIS)

03 – SAUDAÇÃO INICIAL
(Pode ser cantada ou rezada, sempre de acordo com a realidade
do grupo)

04 - INTRODUÇÃO
Animador/a: Em toda a liturgia do Advento ressoam as promessas
de Deus que foram cumpridas em Jesus Cristo. No fim dos tempos,
irá se realizar em definitivo a história das “promessas de Deus”
e aparecerá o objeto de todas essas promessas, isto é, o próprio
NOVENA DE NATAL 2012                                  Página 31
Deus será visto e contemplado em toda a riqueza da sua graça.
TODOS: VEM SENHOR, VEM NOS SALVAR....

Leitor/a 1: É essa a expectativa gerada no Tempo do Advento. Ela
nos conduz a um estado de vigilância e de preparação para esse
grande momento. A expectativa vigilante é sempre acompanhada
da alegria. Por isso podemos afirmar que o Advento é tempo
de expectativa jubilosa porque aquilo que se espera certamente
acontecerá. Deus é sempre fiel.

TODOS: VEM SENHOR, VEM NOS SALVAR....

Leitor/a 2: Ter Fé não é acreditar apenas naquilo que se vê. Ter
Fé é esperar e acreditar naquilo que ainda não se vê. Temos
a esperança que vai acontecer porque Deus cumpre as suas
promessas. O Ano da Fé tem essa finalidade, ou seja, motivar os
cristãos e as cristãs a acreditar que Deus é fiel e as suas promessas
já se cumprem agora neste tempo entre nós.

Canto: Somos gente da esperança

05 - RECORDAÇÃO DA VIDA
Animador/a: Vivemos esse Advento em um mundo onde ainda
é grande a violência, a pobreza e falta de amor. Essa falta de
cuidado com a vida tem crescido assustadoramente. O perigo é
acharmos isso normal, pois como se costuma dizer por aí: “É
Deus que quer assim!”.

Para Conversar:
Será mesmo que “É Deus que quer assim”? (Ex.: que os jovens se
matem por coisas banais; que as mulheres sejam mortas por seus
namorados, companheiros, maridos; que as meninas comecem a
Página 32 | 	                                 NOVENA DE NATAL 2012
se prostituir dentro de suas casas, barracos, apartamentos; que
a bebida e outras drogas continuem destruindo as famílias; que
a religião seja usada para enganar muitas pessoas e encher os
bolsos de alguns?).
Será que estamos anestesiados, acomodados sem resistir
a todas essas coisas ruins e justificamos dizendo que essa
covardia é a vontade de Deus? (deus-covarde).

Canto: Ouve-se na terra um grito

06 – ORAÇÃO INICIAL
Animador/a: Despertai, ó Deus, em vosso povo, a vigilância,
a confiança e a fé, e neste tempo do Advento renovai os nossos
corações, a fim de que possamos, com a vossa proteção, vencer os
medos e perigos que nos impedem de acreditar no cumprimento
das vossas promessas. Por Cristo Nosso Senhor. Amém!

07 – SITUANDO O TEXTO BÍBLICO
Leitor/a 1: O livro de Joel surgiu no período do pós-exílio, após o
ano 400 AEC (antes da era comum). Nesse período a comunidade
judaica vivia uma grande crise: econômica, política e religiosa.
Mas, mesmo em meio a muitos problemas, quando tudo parecia
estar perdido, ainda era preciso resistir e acreditar.

Canto: Boa Notícia

08 – TEXTO BÍBLICO - Jl 2,21-27




NOVENA DE NATAL 2012                                    Página 33
É importante que o texto bíblico seja lida mais de uma vez e
 de forma bem vibrante, como anúncio de Boa Notícia, afinal
 de contas essa é a Palavra de Deus.

09 - PARTILHANDO A PALAVRA
    a)	 Destacar no texto bíblico cada uma das palavras de
        encorajamento e notícia boa que aparece.
    b)	 De que maneira cada uma dessas boas notícias do
        texto bíblico pode ter modificado a vida daquele povo
        e que sentimento pode ter provocado entre eles?
    c)	 Neste Tempo do Advento, de que maneira esse texto
        bíblico pode nos dar alegria e a encorajamento?

      PARA AJUDAR NA PARTILHA DA PALAVRA
     	Em tempo de muita opressão, as comunidades
       messiânicas das aldeias de Judá alimentavam sua
       esperança no novo que viria.
     	A fundamentação de sua fé e esperança se manifestava
       na transformação das estruturas que matavam a vida.
     	Nesse tempo novo todas as criaturas seriam resgatadas.


10 - CELEBRANDO A VIDA
Animador/a: Depois de ouvir as boas notícias que Deus fala por
meio do profeta Joel, vamos cantar (ou rezar) um Bendito, de Pe.
Geraldo Leite Bastos, louvando e agradecendo pela fidelidade de
Deus.

TODOS: É BOM CANTAR UM BENDITO, UM CANTO
NOVO, UM LOUVOR! (BIS)
Página 34 | 	                                   NOVENA DE NATAL 2012
1. Ao Deus dos tempos de outrora, suprema força da história, /
que merece toda glória, por Jesus nosso Senhor! (bis)

2. Por Jesus, o prometido, por profetas já predito, / pela virgem
concebido e esperado com amor! (bis)
3. Jesus, por João anunciado, presente entre nós mostrado,
/ por ele o prazer é dado de esperá-lo com ardor! (bis)

4. Ao preparar seu natal, querer sua vinda final, quando finda todo
mal e se acaba toda dor! (bis)

5. Que na prece vigiemos, de esperar não nos cansemos,
à sua vinda nos achemos, celebrando seu louvor. (bis)

6. E agora, ó Desejado, o teu povo congregado, céus e a terra
irmanado, vão louvar o seu Senhor! (bis)

11 - PAI NOSSO
Animador/a: Renovemos nossa perseverança e persistência
diante das dificuldades que enfrentamos nos dias de hoje,
rezando a oração que o próprio Jesus nos ensinou.

12 – ORAÇÃO FINAL
(rezar o Credo Niceno-Constantinopolitano)
Leitor/a 1: Em comunhão com a Igreja espalhada pelo mundo
inteiro, rezemos a nossa Profissão de Fé marcando o nosso
compromisso com o Ano da Fé.

13 - BENÇÃO FINAL
Animador/a: O Deus onipotente e misericordioso nos ilumine
com o Advento de seu Filho, em cuja vinda cremos e cuja volta
esperamos e derrame sobre nós as suas bênçãos! Amém!
NOVENA DE NATAL 2012                                    Página 35
Animador/a: Durante essa vida Ele nos torne firmes na fé,
alegres na esperança e prestativo na solidariedade. Amém!

Animador/a: Alegrando-nos agora com a vinda do Salvador
feito homem, sejamos recompensados com a vida eterna, quando
Ele vier de novo em sua glória. Amém!

Animador/a: Abençoe-nos o Deus que caminha conosco. Ele
que é Pai, Filho e Espírito Santo. Amém!

Canto Final: É missão de todos nós




Página 36 | 	                                NOVENA DE NATAL 2012
5º DIA
      TEMA: O SIM DE MARIA - FÉ E ESPERANÇA

01 - PREPARANDO O AMBIENTE
 Colocar em destaque a Bíblia, uma vela e alguns objetos ou
 símbolos que lembrem o texto bíblico de hoje, especialmente o
 chamado de Deus e também o Tempo do Advento que estamos
 celebrando. Colocar também pequenas imagens ou figuras
 de Maria e José que deverão acompanhar o grupo em todas
 as casas até a Celebração de Encerramento.

02 – ACOLHIDA
 Criar um ambiente fraterno de acolhida. Fazer uma
 apresentação de pessoas que estão participando pela primeira
 vez. Convidar e envolver, especialmente um grupo de senhoras
 da Comunidade neste encontro. Uma pessoa da família que
 acolhe o encontro faz a acolhida e uma motivação inicial.
 Cantar de forma bem orante o refrão ou outro de acolhida:

TODOS: MARIA, CHEIA DE GRAÇA E CONSOLO, / VEM
CAMINHAR COM O TEU POVO, / NOSSA MÃE SEMPRE
SERÁ! (BIS)

03 – SAUDAÇÃO INICIAL (cantar)
Animador/a: EM NOME DO PAI; EM NOME DO FILHO;
EM NOME DO ESPÍRITO SANTO. AMÉM!
A GRAÇA DO PAI, O AMOR DE DEUS FILHO E O
ESPIRITO SANTO COM A GENTE. AMÉM!

04 – INTRODUÇÃO
Animador/a: De acordo com o Papa Paulo VI, o tempo do
NOVENA DE NATAL 2012                         Página 37
Advento é o tempo de venerar Maria como a Mãe do Salvador e
nossa. Na Exortação Apostólica “Marialis Cultus” (02/02/1974)
o papa diz à Igreja:

Leitor/a 1: “Os fiéis que procuram viver com a Liturgia o
espírito do Advento, ao considerarem o amor inefável com que
a Virgem Mãe esperou o Filho, serão levados a tomá-la como
modelo e a prepararem-se, também eles, para irem ao encontro
do Salvador que vem, “bem vigilantes na oração e... celebrando
os seus divinos louvores”.

TODOS: MARIA, MÃE DOS CAMINHANTES, ENSINA-
NOS A CAMINHAR. NÓS SOMOS TODOS VIANDANTES,
MAS É DIFICIL SEMPRE ANDAR (BIS)!

Animador/a: Na carta convocando o Ano da Fé, o Papa Bento
XVI fala que “a fé cresce quando é vivida como experiência de
um amor recebido e é comunicada como experiência de graça
e de alegria. A fé torna-nos fecundos, porque alarga o coração
com a esperança e permite oferecer um testemunho que é capaz
de gerar. [...] Só acreditando é que a fé cresce e se revigora”.

TODOS: MARIA, MÃE DOS CAMINHANTES, ENSINA-
NOS A CAMINHAR. NÓS SOMOS TODOS VIANDANTES,
MAS É DIFICIL SEMPRE ANDAR (BIS)!

05 - RECORDAÇÃO DA VIDA
Animador/a: O tempo do Advento é marcado por várias
contradições. Uma delas está no fato de que o aspecto que mais
aparece nessa época é o consumismo, os presentes, a compra sem
responsabilidade. Por sua vez a presença simples de Maria e a
Encarnação de Jesus não combinam com esse clima atual.
Página 38 | 	                                   NOVENA DE NATAL 2012
Para Conversar:
Que sinais verdadeiros, de uma Espiritualidade do Advento,
podemos perceber em nosso meio?

Canto: A escolhida

06 – ORAÇÃO INICIAL
Animador/a: Senhor Deus, ao anúncio do Anjo, Maria acolheu o
Verbo que se fez carne e se tornou uma habitação inundada pelo
Espírito Santo. Concedei que a exemplo de Maria, abracemos
humildemente a vossa vontade. Por Nosso senhor Jesus Cristo......

07 – SITUANDO O TEXTO BÍBLICO
Leitor/a 2: O Evangelho da Comunidade de Lucas traz as
memórias de cristãos e cristãs, espalhados pelas comunidades
da Ásia Menor e da Grécia, entre os anos 80 e 90 da EC (era
comum). Essas comunidades viviam em grandes cidades, com
diversidade cultural e religiosa. Nesse contexto eles precisavam
afirmar sua crença e viver o Evangelho.

Canto: Envia tua Palavra

08 - TEXTO BÍBLICO - Lc 1,26-37
 Este texto bíblico além de ser lido pode também ser encenado
 ou dramatizado para ajudar na compreensão da mensagem.

09 - PARTILHANDO A PALAVRA
    a)	 Destacar cada personagem que aparece no texto e a
        ação de cada um.
    b)	 Quais os riscos e as possíveis consequências do Sim
        de Maria, naquela sociedade machista e como ela se
        posicionou?
NOVENA DE NATAL 2012                               Página 39
c)	 Que ensinamentos, especialmente neste Tempo do
        Advento, este texto bíblico pode trazer para nós, nessa
        realidade atual?

       PARA AJUDAR NA PARTILHA DA PALAVRA
     	Deus visitou seu povo por meio de uma jovem, pobre,
       de Nazaré da Galileia.
     	A casa é o lugar da manifestação de Deus.
     	A situação vivida por essa jovem não era tranquila,
       não era comum para o seu tempo, para a sua cultura.
     	O sim de Maria significou um risco... As estruturas
       sociais e religiosas não estavam preparadas para
       acolher o novo...
     	Deus age na contramão da história...

10 - CELEBRANDO A VIDA
Animador/a: Neste dia rezemos com Maria a alegria da escolha e
do seu Sim ao Projeto de Deus de salvar os seus filhos e filhas por
meio de Jesus Cristo nosso Salvador!

CONSAGRAÇÃO À NOSSA SENHORA (pode ser cantada)
Ó, Minha Senhora e também minha mãe / Eu me ofereço,
inteiramente todo a vós. / E em prova da minha devoção. Eu
hoje vos dou meu coração.
Consagro a vós meus olhos, meus ouvidos, minha boca. / Tudo o
que sou, desejo que a vós pertença. / Incomparável mãe, guardai-
me e defendei-me, / Como filho e propriedade vossa, Amém. /
Como filho e propriedade vossa, Amém.
Ó, Minha Senhora e também minha mãe / Eu me ofereço,
inteiramente todo a vós. / E em prova da minha devoção. Eu
hoje vos dou meu coração.
Consagro a vós meus olhos, meus ouvidos, minha boca. / Tudo o
que sou, desejo que a vós pertença / Incomparável mãe, guardai-
Página 40 | 	                                     NOVENA DE NATAL 2012
me e defendei-me, / Como filho e propriedade vossa, Amém. /
Como filho e propriedade vossa. Amém!

(Em seguida concluir rezando 3 Ave Marias)

11 - PAI NOSSO
Animador/a: No Sim de Maria o Salvador entra na história
humana. Rezemos a pedindo que Ele nos ajude em nossos dias a
responder generosamente aos apelos que recebemos todos os dias
pela paz, pela solidariedade e pela vida. Pai Nosso que estais......

12 – ORAÇÃO FINAL
(rezar o Credo Niceno-Constantinopolitano)
Leitor/a 1: Em comunhão com a Igreja espalhada pelo mundo
inteiro, rezemos a nossa Profissão de Fé marcando o nosso
compromisso com o Ano da Fé.

13 - BENÇÃO FINAL
Animador/a: O Deus de bondade, que gerou o seu Filho no
ventre da Virgem Maria para nos salvar a todos nos enriqueça
com a sua bênção. AMÉM!

Animador/a: Ele nos conceda sentir sempre e por toda parte a
proteção da Virgem Maria, que acolheu o autor da vida. AMÉM!

Animador/a: E a nós que nos reunimos aqui hoje para esse
encontro da Novena de Natal possamos caminhar com a Virgem
ao encontro do Salvador que vem. AMÉM!

Animador/a: Abençoe-nos o Deus rico em misericórdia – o Pai,
o Filho e o Espírito Santo. Amém!

Canto Final: a escolher
NOVENA DE NATAL 2012                                     Página 41
6º DIA
     TEMA: JOSÉ - HOMEM JUSTO, HOMEM DE FÉ.

01 - PREPARANDO O AMBIENTE
 Colocar em destaque a Bíblia, uma vela e alguns objetos ou
 símbolos que lembrem o texto bíblico de hoje, especialmente
 o chamado de Deus. Colocar também pequenas imagens ou
 figuras de Maria e José que deverão acompanhar o grupo em
 todas as casas até a Celebração de Encerramento.

02 – ACOLHIDA
 Criar um ambiente fraterno de acolhida. Fazer uma
 apresentação de pessoas que estão participando pela primeira
 vez. Convidar e envolver um grupo de homens da Comunidade,
 especialmente neste encontro. Um homem da família que
 acolhe o encontro faz a acolhida e uma motivação inicial.
 Cantar de forma bem orante o refrão ou outro de acolhida:

TODOS: QUE BOM QUE VOCÊ VEIO (BIS) FOI O AMOR
DE CRISTO QUE TE TROUXE ATÉ AQUI. (BIS)

03 – SAUDAÇÃO INICIAL (cantar)
Animador/a: EM NOME DO PAI; EM NOME DO FILHO;
EM NOME DO ESPÍRITO SANTO. AMÉM!
A GRAÇA DO PAI, O AMOR DE DEUS FILHO E O
ESPIRITO SANTO COM A GENTE. AMÉM!

04 – INTRODUÇÃO
Animador/a: O tempo do Advento traz para todos nós a memória
da singeleza, mansidão e compromisso de José diante do
Página 42 | 	                                NOVENA DE NATAL 2012
acontecimento extraordinário que estava se dando em sua vida,
ainda antes do casamento.

Leitor/a 1: Diz o Papa Bento XVI: “Queria ainda dirigir uma
exortação particular aos pais de família, uma vez que São José
é o seu modelo. Este santo revela o mistério da paternidade
de Deus sobre Cristo e sobre cada um de nós. São José pode
ensinar-lhes o segredo da sua própria paternidade, ele que
velou pelo Filho do Homem”.

TODOS: SÃO JOSÉ, A VÓS NOSSO AMOR, SEDE O NOSSO
BOM PROTETOR, AUMENTAI O NOSSO FERVOR.

Animador/a: Continua o Papa: “Também cada pai recebe de
Deus os seus filhos, criados à semelhança e imagem d’Ele. São
José foi o esposo de Maria. Como São José, queridos pais de
família, respeitai e amai a vossa esposa, e guiai os vossos filhos,
com amor e a vossa vigilante presença, para Deus onde eles
devem estar (cf. Lc 2, 49)”. (Bento XVI – Solenidade de São
José - 19/03/2009)

TODOS: SÃO JOSÉ, A VÓS NOSSO AMOR, SEDE O NOSSO
BOM PROTETOR, AUMENTAI O NOSSO FERVOR.

Leitor/a 2: Neste Ano da Fé, a Igreja nos recorda que: “o
encontro com Cristo como Pessoa viva que sacia a sede do
coração só pode levar ao desejo de partilhar com os outros a
alegria desta presença e de dar a conhecer para que todos a
possam experimentar”.

Canto: Vem ó Senhor com o teu povo caminhar
NOVENA DE NATAL 2012                                    Página 43
05 - RECORDAÇÃO DA VIDA
Animador/a: Uma Pesquisa feita pela Fundação Perseu Abramo,
em parceria com o Sesc, projeta uma chocante estatística: a cada
dois minutos, cinco mulheres são agredidas violentamente no
Brasil. O estudo traz também dados inéditos sobre todas as classes
sociais: o que os homens pensam sobre a violência contra as
mulheres?:

Leitor/a 1: - 8% dos homens admitem já ter batido em uma
mulher;
- 48% dizem ter um amigo ou conhecido que fizeram o mesmo;-
25% têm parentes que agridem as companheiras.
- 2% dos homens declaram que “tem mulher que só aprende
apanhando bastante”.
- 14% dos homens que assumem praticar a violência, acreditam
ter “agido bem”;
- 15% dos homens que assumem praticar a violência, declaram
que bateriam de novo.

Para Conversar:
Neste Tempo do Advento o que esses dados da realidade
apresentados acima provocam em nós?

Canto: Deus chama a gente

06 – ORAÇÃO INICIAL
Animador/a: Ó Deus, celebrando a proximidade da volta de
Jesus Cristo em nossa história, nós vos pedimos, assim como São
José se consagrou ao serviço do vosso Filho, fazei que também
nós vivendo esse mistério possamos nos consagrar ao serviço de
nossas famílias e chegar com elas à salvação. Por Nosso Senhor
Jesus Cristo....
Página 44 | 	                                    NOVENA DE NATAL 2012
07 - SITUANDO O TEXTO BÍBLICO
Leitor/a 1: O Evangelho da Comunidade de Mateus foi escrito
entre os anos 80 e 85 EC (era comum). Nesse tempo, havia
uma crise entre os judeus e os judeus-cristãos. Para animar a
Comunidade a continuar o seguimento do projeto de Jesus, um
grupo de cristãos e cristãs que vivia em Antioquia organizou um
Evangelho, afirmando a continuidade da História da Salvação.

08 – SITUANDO O TEXTO BÍBLICO Mt 1,18-24
 Um homem pode ser convidado a ler esse texto. Ele pode
 ser também encenado para uma melhor visualização e
 compreensão do texto. Dar um tempinho de silêncio em
 seguida.

Canto: Envia tua Palavra

09 - PARTILHANDO A PALAVRA
    a)	 Destacar com a ajuda do grupo cada momento e cada
        atitude dos personagens envolvidos nesse texto.
    b)	 A atitude de José merece destaque aqui por quê?
    c)	 Ligando Tempo do Advento, atitude de José e as
        realidades familiares hoje, o que podemos ainda
        aprender?


      PARA AJUDAR NA PARTILHA DA PALAVRA
     	Em José, homem justo, também foi alimentado o
       sonho da libertação;
     	O Emanuel – Deus conosco – é o libertador que se
       manifesta no êxodo do Egito para a Terra Prometida.
     	A fé se concretiza na ação que possibilitará a
       libertação.
NOVENA DE NATAL 2012                                 Página 45
10 - CELEBRANDO A VIDA
Animador/a: Nesse Tempo do Advento, tempo em que nossas
famílias estão grávidas do Salvador, rezemos juntos essa singela
homenagem: O Verdadeiro Homem. Ela foi feita por uma pessoa
do povo, e dedicada a todos os homens que são pais de família,
ou ainda se preparam, verdadeiramente para viver essa vocação.

O verdadeiro homem vive a Palavra de Deus / Respeita os direitos
e reconhece os deveres / Luta contra as injustiças e preconceitos
/ Ama o seu próximo como a si mesmo. /

O verdadeiro homem é contra o alcoolismo, as drogas e
prostituições. / Busca dentro de si conhecimentos e emoções /
Estuda a bíblia e evangeliza / procura amar a Deus de todo o seu
coração.

O verdadeiro homem tem fé, amor e esperança. / Sabe orar, pedir
perdão e perdoar. É paciente, prestativo e persistente. / Tem
sabedoria e prudência no falar.

O verdadeiro homem arrepende-se de seus pecados / Tem
consciência, autenticidade e coerência. Ajuda as pessoas carentes
espiritualmente / Tem versatilidade e experiência.

O verdadeiro homem feito a imagem e semelhança de Deus /
Recebeu a Jesus Cristo como Senhor e Salvador. / Nasceu da
água e do espírito / Em Cristo é mais do que um vencedor.

(Sidney Alves das Virgens, Divisópolis, MG, Mundo Jovem)
Canto: Meu bom José

11 - PAI NOSSO
Página 46 | 	                                   NOVENA DE NATAL 2012
Animador/a: Irmãos e irmãs, rezemos confiantes, a Oração que
Jesus nos ensinou, lembrando cada uma das nossas famílias.
Especialmente lembramos hoje daquelas que vivem marcadas
pelos diversos problemas de vícios. Todos eles: drogas,
alcoolismo, traição, violência doméstica, pedofilia familiar, jogos
de azar, roubos. São todas famílias amadas por Deus que sofre
com o sofrimento delas. Pai Nosso

12 – ORAÇÃO FINAL
(rezar o Credo Niceno-Constantinopolitano)
Leitor/a 1: Em comunhão com a Igreja espalhada pelo mundo
inteiro, rezemos a nossa Profissão de Fé marcando o nosso
compromisso com o Ano da Fé.

13 - BENÇÃO FINAL
Animador/a: O Deus que é nosso Pai e Mãe e nos reuniu aqui
hoje nesta Novena de Natal sob a proteção de São José, nos
abençoe e nos proteja de todo mal. Amém!

Animador/a: O Filho de Maria, gerado em seu ventre, que teve
São José como Pai Adotivo, nos torne testemunhas do Evangelho
aqui e em todos os lugares. Amém!

Animador/a: o Espírito Santo que em São José nos deu um
exemplo de solidariedade humana e fraterna nos torne capazes de
viver a nossa vocação cristã neste Advento e em todos os dias do
novo ano que está para chegar. Amém!

Animador/a: Abençoe-nos o Deus Pai das Misericórdias, Pai,
Filho e Espírito Santo. Amém!

Canto Final: Oração pela Família



NOVENA DE NATAL 2012                                    Página 47
7º DIA
       TEMA: MARIA, FELIZ PORQUE ACREDITOU

01 - PREPARANDO O AMBIENTE
 Colocar em destaque a Bíblia, uma vela e alguns objetos ou
 símbolos que lembrem o texto bíblico de hoje, especialmente
 pessoas servidoras na comunidade que ouvem o chamado de
 Deus e servem o ano todo. Colocar também pequenas imagens
 ou figuras de Maria e José que deverão acompanhar o grupo
 em todas as casas até a Celebração de Encerramento.

02 – ACOLHIDA
 Criar um ambiente fraterno de acolhida. Fazer uma
 apresentação de pessoas que estão participando pela primeira
 vez. Convidar e envolver, especialmente mulheres grávidas ou
 um grupo de senhoras da Comunidade neste encontro. Uma
 pessoa da família que acolhe o encontro (ou uma grávida)
 faz a acolhida e uma motivação inicial. Cantar de forma bem
 orante o refrão ou outro de acolhida:

TODOS: MARIA, CHEIA DE GRAÇA E CONSOLO, / VEM
CAMINHAR COM O TEU POVO, / NOSSA MÃE SEMPRE
SERÁ! (BIS)

03 – SAUDAÇÃO INICIAL
Animador/a: EM NOME DO PAI; EM NOME DO FILHO;
EM NOME DO ESPÍRITO SANTO. AMÉM!
A GRAÇA DO PAI, O AMOR DE DEUS FILHO E O
ESPIRITO SANTO COM A GENTE. AMÉM!
Página 48 | 	                                 NOVENA DE NATAL 2012
04 – INTRODUÇÃO
Animador/a: Estamos vivendo o Ano da Fé. E o Papa Bento XVI
nos diz: “É preciso reavivar o entusiasmo da comunicação da fé,
para se promover uma nova evangelização das comunidades e dos
países de antiga tradição cristã que estão a perder a referência a
Deus, e deste modo voltarem a descobrir a alegria de crer”.

Leitor/a 1: Ele diz ainda: “O ponto central do anúncio permanece
sempre o mesmo: o amor absoluto e total de Deus por cada homem
e cada mulher, cujo ponto culminante se situa no envio do Filho
eterno e unigênito, o Senhor Jesus, que não desdenhou assumir
a pobreza da nossa natureza humana, amando-a e resgatando-a
do pecado e da morte por meio da oferta de Si mesmo na cruz”.

Leitor/a 2: A Novena de Natal, nesse Tempo de Advento, e os
Círculos Bíblicos que fazemos durante o ano todo, são sinais de
Evangelização na Igreja Doméstica, ou seja, são Evangelho no
Lar. Não podemos deixar de levar essa Boa Notícia do Evangelho
a todos os lares, especialmente aos que mais precisam.

Canto: Fazei ressoar a Palavra

05 - RECORDAÇÃO DA VIDA
Animador/a: O período do Advento é marcado muitas vezes
por ações e atitudes que demonstram um grande sentimento de
solidariedade e partilha. Porém, muitos acontecem somente neste
tempo. Durante os outros meses do ano as pessoas continuam
vivendo os seus dramas e dificuldades. Nem sempre tem alguém
que os ajude, mesmo que seja somente para um diálogo ou fazer
uma troca de experiências.
NOVENA DE NATAL 2012                                 Página 49
Para Conversar:
- De que maneira vivemos durante os outros meses do ano os
sinais de generosa solidariedade e da partilha entre nós?

Canto: É missão de todos nós

06 – ORAÇÃO INICIAL
Animador/a: Ó Deus, quisestes que o vosso Filho se fizesse
carne no seio da Virgem Maria: dai-nos a mesma generosidade
de doação que motivou Maria no serviço a Isabel e fazei-nos
participar assim da construção de um novo mundo possível,
mais humano, fraterno e justo que Jesus veio nos trazer. Ele que
convosco vive e reina na unidade do Espírito santo. Amém!

07 - SITUANDO O TEXTO BÍBLICO
Leitor/a 2: A Comunidade de Lucas, ao escrever seu Evangelho,
faz memória de pessoas simples, mas que foram importantes
para a realização do projeto de Deus. Foi necessário contar fatos
que explicavam a origem de Jesus porque os destinatários do
Evangelho eram pessoas de fora da Palestina que não a conheciam.

Canto: A Comunidade dança alegre

08 – TEXTO BÍBLICO - Lc 1,39-45
 O pessoal das catequeses ou jovens poderiam ajudar nesse
 momento preparando uma pequena encenação para ser feita
 junto com a proclamação do texto bíblico. Uma pessoa de
 uma família que esteja grávida pode proclamar o texto bíblico
 de forma bem orante que facilite a compreensão.

09 - PARTILHANDO A PALAVRA
Página 50 | 	                                   NOVENA DE NATAL 2012
a)	 Destacar os personagens que aparecem no texto
       bíblico: o que fazem, como fazem, porque fazem?
   b)	 Retomar especialmente a figura de Maria – sua
       situação, seu gesto, e o motivo pelo qual ela é elogiada
       por Isabel.
   c)	 A partir deste texto bíblico que acabamos de refletir:
       de que maneira o gesto, o serviço, os sonhos de Maria
       podem nos ajudar viver melhor a nossa fé?


     PARA AJUDAR NA PARTILHA DA PALAVRA
    	Maria, grávida dos sonhos do seu povo, agiu com
      solidariedade, caminhou para encontrar sua parenta
      também grávida.
    	É da boca de uma mulher que veio a confirmação
      da grandiosidade do gesto de Maria: Feliz porque
      acreditou...
    	Maria e Izabel são protagonistas na concretização da
      ação libertadora de Deus.

10 - CELEBRANDO A VIDA
Animador/a: Participando da Visitação de Maria a sua prima
Isabel também nós queremos nos solidarizarmos com todas
as pessoas que estão precisando de nossa atenção e cuidado.
Vamos fazer o que Maria fez e nos colocar a serviço da vida e da
esperança, especialmente neste tempo de Advento.

Leitor/a 1: Vamos apresentar nossas intenções em cada uma das
Ave-Marias que vamos rezar nessa dezena do Terço.
(Apresentar uma intenção antes de cada Ave Maria)
NOVENA DE NATAL 2012                                Página 51
11 - PAI NOSSO (motivar ligando com o momento anterior)

12 – ORAÇÃO FINAL
(rezar o Credo Niceno-Constantinopolitano)
Animador/a: O Credo Niceno-Constantinopolitano ou Símbolo
Niceno-Constantinopolitano, é uma declaração de fé cristã que
é aceito pela Igreja Católica Romana, Igreja Luterana, Igreja
Ortodoxa e pela Igreja Anglicana. O nome está relacionado com
o Primeiro Concílio de Niceia (325), no qual foi adoptado, e com
o Primeiro Concílio de Constantinopla (381), onde foi aceita uma
versão revista.

13 - BENÇÃO FINAL
Animador/a: O Deus de bondade, que gerou o seu Filho no
ventre da Virgem Maria para nos salvar a todos nos enriqueça
com a sua bênção. AMÉM!

Animador/a: Ele nos conceda sentir sempre e por toda parte a
proteção da Virgem Maria, que acolheu o autor da vida. AMÉM!

Animador/a: E a nós que nos reunimos aqui hoje para esse
encontro da Novena de Natal possamos caminhar com a Virgem
ao encontro do Salvador que vem. AMÉM!

Animador/a: Abençoe-nos o Deus de bondade, Ele que é Pai,
Filho e Espírito Santo. AMÉM!

Canto Final: Maria, Mãe da terra




Página 52 | 	                                   NOVENA DE NATAL 2012
8º DIA
       TEMA: MARIA, CANTANDO A ALEGRIA E
             A CERTEZA DA VITÓRIA

01 - PREPARANDO O AMBIENTE
Colocar em destaque a Bíblia, uma vela e alguns objetos ou
símbolos que lembrem o texto bíblico de hoje. Colocar também
pequenas imagens ou figuras de Maria e José que deverão
acompanhar o grupo em todas as casas até a Celebração de
Encerramento.

02 – ACOLHIDA
Criar um ambiente fraterno de acolhida. Fazer uma
apresentação de pessoas que estão participando pela primeira
vez. Convidar e envolver, especialmente os jovens, as jovens
da Comunidade neste encontro. Uma pessoa da família
que acolhe o encontro (ou a escolha) faz a acolhida e uma
motivação inicial. Cantar de forma bem orante o refrão ou
outro de acolhida:

TODOS: SEJA BEM VINDO OLÊ, LÊ. SEJA BEM
VINDA, OLÁ, LÁ. PAZ E BEM PRÁ VOCÊ, QUE VEIO
PARTICIPAR (BIS)

03 – SAUDAÇÃO INICIAL
Animador/a: EM NOME DO PAI; EM NOME DO FILHO;
EM NOME DO ESPÍRITO SANTO. AMÉM!
A GRAÇA DO PAI, O AMOR DE DEUS FILHO E O
ESPIRITO SANTO COM A GENTE. AMÉM!
NOVENA DE NATAL 2012                  Página 53
04 – INTRODUÇÃO
Animador/a: O Senhor Deus se manifesta em sua Palavra como
“Aquele que é, que era e que vem” (Ap 1,4-8; Ex 3,13-14). Por
isso, o Advento, com a sua liturgia própria, nos ajuda a ver a
história como lugar do agir das promessas de Deus e nos direciona
para o seu cumprimento no “Dia do Senhor”.

Leitor/a 1: Conforme ouvimos nos encontros passados Maria
ouviu essa Palavra e acreditou naquilo que Deus lhe prometera.
O sinal mais forte dessa sua fé foi o serviço que ela realizou à
sua prima Isabel, acreditando e colocando-se na condição de
servidora, escrava. Enfim, ela confiou na promessa que Deus lhe
fizera.

TODOS: ENSINA O TEU POVO A REZAR, MARIA
MÃE DE JESUS, QUE UM DIA TEU POVO SE ANIMA E
CAMINHA COM TEU JESUS; QUE UM DIA TEU POVO
DESPERTA E NA CERTA VAI VER A LUZ!

Leitor/a 2: Neste tempo do Advento e Ano da Fé, que estamos
vivendo e celebrando, precisamos aprender de Maria, a mãe de
Jesus e nossa, essa fé e essa confiança que ele tinha em Deus.
Essa Novena de Natal é um convite para que possamos repensar a
nossa maneira de viver a nossa confiança em Deus e na realização
de suas promessas.

05 - RECORDAÇÃO DA VIDA
Animador/a: Nos tempos atuais o papel da mulher mudou
muito em nossa sociedade. Elas ocuparam com competência
lugares que antes se dizia eram “apenas prá machos”. Mesmo
enfrentando às vezes tripla jornada elas não perderam suas
principais características femininas: resistir, enfrentar, confiar,
cair, chorar e levantar logo em seguida.
Página 54 | 	                                     NOVENA DE NATAL 2012
Para conversar:
Leitor/a 1: Na Comunidade em que nós vivendo, de que
maneira esse novo papel da mulher está sendo vivido e
valorizado?

Canto: Imaculada

06 – ORAÇÃO INICIAL
Animador/a: Ó Deus, quisestes que o vosso Filho se fizesse
carne no seio da Virgem Maria: dai-nos participar da divindade do
nosso redentor, que proclamamos verdadeiro Deus e verdadeiro
Homem. Por Nosso Senhor Jesus Cristo.....

07 – SITUANDO O TEXTO BÍBLICO
Leitor/a: A Comunidade de Lucas faz uma releitura das escrituras
sagradas dos judeus para explicar a expectativa que acompanhava
mulheres e homens pela chegada do Reino de Deus. No canto
de Maria existe a memória de muitas gerações que cantaram a
libertação, que é também desejada e assumida por Maria.

Canto: Ouçamos todos, Boa Notícia

08 – TEXTO BÍBLICO - Lc 1,46-56
 Preparar a proclamação do texto bíblico com muito carinho,
 pois é ele que dá tom da reflexão a seguir.

09 - PARTILHANDO A PALAVRA
    a)	 Diante da afirmação de Isabel para Maria, observar
        qual foi o sentimento que o texto revela de Maria?
    b)	 Destacar junto com o grupo: quais as principais
        características deste cântico de Maria?
NOVENA DE NATAL 2012                            Página 55
c)	 Como essa oração que Maria rezou pode ser atualizada
        nos dias de hoje?


       PARA AJUDAR NA PARTILHA DA PALAVRA
     	Maria cantou a certeza da vitória.
     	Essa esperança foi sendo alimentada durante várias
       gerações (em especial de mulheres), na história do
       povo de Israel.
     	Em seu canto estão expressos os sonhos de um outro
       mundo possível...
     	Diante das reflexões que já fizemos, podemos nos
       perguntar: por que falamos tão pouco de Maria neste
       período do Advento em nossa reflexões e orações, e
       falamos muito durante o mês de maio? (conhecer a
       Carta do saudoso Papa Paulo VI, de 02 de fevereiro
       de 1974 – “Marialis Cultus”)

10 - CELEBRANDO A VIDA
Animador/a: Com Maria elevemos a Deus nossa gratidão e
nossa oração. Apresentemos nossos agradecimentos junto com
esse canto.

Minh’alma dá glórias ao Senhor / Meu coração bate alegre e feliz
Olhou para mim com tanto amor / Que me escolheu,
me elegeu e me quis. E de hoje em diante eu já posso
prever, / Todos os povos vão me bendizer O Poderoso
lembrou-se de mim, Santo é seu nome sem fim.
O povo dá glórias ao Senhor, seu coração bate alegre e feliz
Maria carrega o Salvador porque Deus faz, sempre cumpre o que diz
Página 56 | 	                                   NOVENA DE NATAL 2012
E quando os povos aceitam lei passa de pai para filho seu dom
Das gerações Ele é mais do que rei, ele é Deus Pai, ele é bom.

Minh’alma dá glórias ao Senhor / Meu coração bate alegre e feliz
Olhou para mim com tanto amor / Que me escolheu, me elegeu e me
quis. O orgulhoso Ele sabe dobrar, o poderoso Ele sabe enfrentar
O pobrezinho Ele defenderá, não nos abandonará.

O povo dá glórias ao Senhor, seu coração bate alegre e feliz
Maria carrega o Salvador porque Deus faz, sempre cumpre o que diz
/ Quem tem demais qualquer dia vai ver o que é ter fome e não ter
pra comer / Quem passa fome comida terá, eis que a justiça virá.

Minh’alma dá glórias ao Senhor / Meu coração bate alegre e feliz
Meu povo já sente o seu amor, Ele promete, Ele cumpre o que diz
Aos nossos pais Ele um dia jurou /Ele é fiel e jamais enganou,
Estamos perto da era do amor / Bendito seja o Senhor.

(Concluir esse momento rezando 03 Ave Marias)

11 - PAI NOSSO
Animador/a: Deus cumpre as suas promessas e nós precisamos
acreditar mais n’Ele. Rezemos a Oração que Jesus nos ensinou.

12 – ORAÇÃO FINAL
(rezar o Credo Niceno-Constantinopolitano)
Leitor/a 1: Em comunhão com a Igreja espalhada pelo mundo
inteiro, rezemos a nossa Profissão de Fé marcando o nosso
compromisso com o Ano da Fé.

13 - BENÇÃO FINAL
Animador/a: O Deus de bondade, que gerou o seu Filho no
ventre da Virgem Maria para nos salvar a todos nos enriqueça
com a sua bênção. AMÉM!
NOVENA DE NATAL 2012                                   Página 57
Animador/a: Ele nos conceda sentir sempre e por toda parte a
proteção da Virgem Maria, que acolheu o autor da vida. AMÉM!

Animador/a: E a nós que nos reunimos aqui hoje para esse
encontro da Novena de Natal possamos caminhar com a Virgem
ao encontro do Salvador que vem. AMÉM!

Canto Final: Maria o Magnificat cantou

14 - LEMBRETES FINAIS
 - CARTA DO ARCEBISPO: Já foi lida a Carta de D. Luiz
 destinada a todas as pessoas dos Grupos de Círculos Bíblicos?
 (ex. início e encerramento da Novena). Foi lida no Conselho
 da Comunidade e da Paróquia? Essa carta interessa a todas as
 pessoas.
 - VISITAS: Tem outras casas que não foram visitadas? O que
 é possível fazer?
 - GESTO CONCRETO: O grupo já está concretizando
 um Gesto Concreto Comum – sinal de compromisso e
 solidariedade? Ele está sendo realizado só no grupo, ou em
 sintonia com outros grupos da comunidade?
 - CONFRATERNIZAÇÃO: essa é uma maneira de expressar
 carinho, afeto, amizade uns pelos outros.




Página 58 | 	                                  NOVENA DE NATAL 2012
9º DIA
     TEMA: MARIA E JOSÉ - CAMINHEIROS NA FÉ...

01 - PREPARANDO O AMBIENTE
 Celebração de Encerramento: Colocar em destaque a Bíblia,
 uma vela e alguns objetos ou símbolos que acompanharam
 os outros encontros. Colocar especialmente as imagens
 ou figuras de Maria e José (ainda sem o Menino Jesus)
 que acompanharam o grupo em todas as casas até aqui.
 Acrescentar outros de acordo com a realidade.

02 – ACOLHIDA
 O Encontro de hoje: é na Comunidade? Tem vários grupos
 juntos? Criar um ambiente fraterno de acolhida. Fazer
 uma apresentação por grupos. Convidar e envolver uma
 pessoa por grupo para expressar rapidamente como foram
 os encontros. Uma pessoa da Coordenação dos Círculos
 Bíblicos faz a acolhida e essa motivação inicial. Cantar de
 forma bem orante o refrão ou outro de acolhida:

TODOS: QUE BOM QUE VOCÊ VEIO (BIS) FOI O AMOR
DE CRISTO QUE TE TROUXE ATÉ AQUI.

03 – SAUDAÇÃO INICIAL
Animador/a: EM NOME DO PAI; EM NOME DO FILHO;
EM NOME DO ESPÍRITO SANTO. AMÉM!
A GRAÇA DO PAI, O AMOR DE DEUS FILHO E O
ESPIRITO SANTO COM A GENTE. AMÉM!

04 – INTRODUÇÃO
NOVENA DE NATAL 2012                               Página 59
Animador/a: A Festa já se aproxima! O Salvador está chegando!
Abramos nosso coração ao Senhor Deus que vem ao nosso
encontro.

TODOS: O SENHOR ESTÁ PRÁ CHEGAR....

Leitor/a 1: O povo de Israel esperou o cumprimento das
promessas de Deus. A Igreja vive dessas esperanças. A esperança
da Igreja é a mesma do povo de Israel, mas já realizada em Cristo.
A Igreja vive, na esperança, a sua existência como graça de Cristo
para todos os homens.

Leitor/a 2: E pelo mistério do Advento, que estamos celebrando,
essa mesma Igreja é chamada a tornar-se sinal concreto de
libertação integral do homem e da mulher. O Advento é o tempo
litúrgico da grande educação à esperança: uma esperança que se
torna, pela graça de Deus, forte e paciente; que aceita a hora da
provação e da perseguição; enfim, uma esperança confiante.

TODOS: EU CREIO EM DEUS QUE O MEU CAMINHO
ILUMINOU / QUE A MINHA VIDA TRANSFORMOU,
FELIZ EU SOU / EU CREIO EM DEUS, SE POSSO CRER,
SE POSSO AMAR / A MINHA VIDA TEM VALOR, FELIZ
EU SOU!

Animador/a: Este Ano da Fé, segundo o Papa Bento XVI, é
uma ocasião propícia para que todos os fiéis, que ainda estão a
caminho, compreendam mais profundamente que o fundamento
da fé cristã é o encontro com um acontecimento, com uma Pessoa
que dá à vida um novo horizonte e, desta forma, o rumo decisivo.

Leitor/a 1: Fundamentada no encontro com Jesus Cristo
Página 60 | 	                          NOVENA DE NATAL 2012
ressuscitado, a fé poderá ser redescoberta na sua integridade e
em todo o seu esplendor. Também nos nossos dias a fé é um dom
que se deve redescobrir, cultivar e testemunhar para que o Senhor
conceda a cada um de nós vivermos a beleza e a alegria de sermos
cristãos.

Canto: O Senhor está prá chegar

05 - RECORDAÇÃO DA VIDA
Animador/a: Estamos nos aproximando da grande solenidade
do Natal. As festas já estão sendo preparadas. Os presentes já
estão sendo comprados. Os banquetes estão sendo encomendados
e preparados. As celebrações já foram pomposamente ensaiadas.
Mas, ainda estamos a caminho do encontro com “Aqu’Ele que é,
que era e que vem”.

Para Conversar:
E nós, nossa vida, como estamos? O que esse Advento trouxe
de esperança para nós? E para os pobres entre nós, o que vai
mudar depois desse Natal que vamos celebrar?

Canto: Virá o dia em que todos

06 – ORAÇÃO INICIAL
Animador/a: Ó Deus de bondade, na Família de Nazaré destes
a todos nós um exemplo de fidelidade, perseverança, resistência
e Fé em vós. Concedei às nossas famílias inspirarmos nestes
exemplos para que possamos vivendo agora entre nós as virtudes
e os laços de amor chegar às alegrias da vossa casa. Por Nosso
Senhor Jesus Cristo.....

07 – SITUANDO O TEXTO BÍBLICO
NOVENA DE NATAL 2012                                   Página 61
Leitor/a 2: Dentre os Evangelhos escritos na segunda geração
de cristãos e cristãs, a comunidade de Lucas é a que escreve com
mais detalhes sobre a origem de Jesus. O que precisamos ter
presente é que esse foi também o Evangelho escrito mais tarde,
quando as comunidades já haviam se espalhado para diferentes
lugares e apresentava várias perguntas sobre as origens de Jesus.

Canto: Envia tua Palavra

08 – TEXTO BÍBLICO - Lc 2,1-5
 Neste texto ler somente os versículos indicados. Ainda não
 chegou o Natal. É preciso que fique o gostinho-de-quero-
 mais. Deixar a parte do nascimento para a Celebração do
 Natal.

09 - PARTILHANDO A PALAVRA
    a)	 Retomar a concepção e a gravidez de Maria e José:
        dificuldades, desafios – o que representou na vida
        deles?
    b)	 A hora de dar a luz vem chegando: quanta peregrinação,
        migração, mudança, dominação em cima daqueles
        pobres pais – de onde tiraram a força para enfrentar
        esses momentos?
    c)	 Somos peregrinos, migrantes, caminheiros aqui nessa
        terra. Mas, ainda há muitos pobres que estão em
        situação pior: Como ajudar apoiar as “Marias” e os
        “Josés” de hoje?

      PARA AJUDAR NA PARTILHA DA PALAVRA
     	A caminhada de fé continua...
     	Maria e José representam aqui os vários grupos que
       são obrigados a migrar por ordem do sistema. Assim
       foi durante toda a História de seu povo.
     	Mas Maria está grávida... Há esperança para o povo...
Página 62 | 	                                   NOVENA DE NATAL 2012
10 - CELEBRANDO A VIDA
Animador/a: Irmãs e irmãos, a Festa da Encarnação de Jesus
está próxima. O Salvador está pra chegar. A nossa Fé nos dá essa
certeza e nos impulsiona nessa caminhada. Apresentemos ao
Deus de bondade nossas preces na certeza de que Ele nos ouve e
nos atende sempre que é possível.

TODOS: VEM SENHOR, VEM NOS SALVAR, COM TEU
POVO VEM CAMINHAR!

Leitor/a 1: Ó Pai, cremos na Salvação que Jesus veio nos trazer,
fortalecei nossa fé nessa caminhada, cantemos....

Leitor/a 2: Ó Pai, vivemos esse Advento confiantes na vossa
misericórdia para conosco, os pobres e os excluídos, despertai
em nós o serviço a eles, cantemos...

Leitor/a 1: Ó Pai, as “Marias” e os “Josés” de nossos dias
continuam peregrinando debaixo das pontes, na porta dos hospitais
e de presídios imundos, abri as portas do coração nosso e de toda
a humanidade para a partilha e a solidariedade, cantemos....

Leitor/a 2: Ó Pai, muitos Filhos e as Filhas das “Marias” e
dos “Josés”, não tem casa, não tem pão, não tem saúde e nem
educação, mas tem “crack” de montão, convertei a nós e aos
“herodes” de hoje, cantemos...

(continuar espontaneamente as preces e rezar 03 Ave Marias
concluindo)

11 - PAI NOSSO (motivar)
NOVENA DE NATAL 2012                                  Página 63
12 – ORAÇÃO FINAL
(rezar o Credo Niceno-Constantinopolitano)
Animador/a: O Credo Niceno-Constantinopolitano ou Símbolo
Niceno-Constantinopolitano, é uma declaração de fé cristã que
é aceito pela Igreja Católica Romana, Igreja Luterana, Igreja
Ortodoxa e pela Igreja Anglicana. O nome está relacionado com
o Primeiro Concílio de Niceia (325), no qual foi adoptado, e com
o Primeiro Concílio de Constantinopla (381), onde foi aceita uma
versão revista.

Leitor/a 1: Em comunhão com a Igreja espalhada pelo mundo
inteiro, rezemos a nossa Profissão de Fé marcando o nosso
compromisso com o Ano da Fé.

13 - BENÇÃO FINAL
Animador/a: Deus o nosso Pai e Mãe, nos conserve no seu amor
e nos dê a paz de Cristo em nossos filhos e filhas. Amém!

Animador/a: Deus nos dê a benção de nossos filhos e filhas,
o apoio dos amigos e a paz com todos os homens e mulheres.
Amém!
Animador/a: Sejamos no mundo um sinal do amor de Deus
para com os pobres e infelizes que um dia eles nos receberão
agradecidos na Casa Eterna. Amém!

Animador/a: Abençoe-nos o Deus, cheio de bondade,
misericórdia e compaixão: o Pai, o Filho e o Espírito Santo.
Amém!

Canto Final: Eu creio em Deus

14 - LEMBRETES FINAIS
Página 64 | 	                                   NOVENA DE NATAL 2012
- CARTA DO ARCEBISPO: Já foi lida a Carta de D. Luiz
 destinada a todas as pessoas dos Grupos de Círculos Bíblicos?
 (ex. início e encerramento da Novena). Foi lida no Conselho
 da Comunidade e da Paróquia? Essa carta interessa a todas as
 pessoas.
 - VISITAS: Tem outras casas que não foram visitadas? O que
 é possível fazer?
 - GESTO CONCRETO: O grupo já está concretizando
 um Gesto Concreto Comum – sinal de compromisso e
 solidariedade? Ele está sendo realizado só no grupo, ou em
 sintonia com outros grupos da comunidade?
 - CONFRATERNIZAÇÃO: essa é uma maneira de expressar
 carinho, afeto, amizade uns pelos outros.


15 - CONFRATERNIZAÇÃO




NOVENA DE NATAL 2012                                 Página 65
CANTOS
01 – Ó VEM SENHOR, NÃO TARDES MAIS
Ó vem, Senhor não tardes mais,/ vem saciar nossa sede de Paz!
- Ó vem, como chega a brisa do vento, trazendo aos pobres justiça e
bom tempo!
- Ó vem, como chega a chuva no chão, trazendo fartura de vida e de
pão!
- Ó vem, como chega a luz que faltou, só tua palavra nos salva,
Senhor!
- Ó vem, como chega a carta querida, bendito carteiro do Reino da
vida!
- Ó vem, como chega o filho esperado, caminha conosco, Jesus
Bem-Amado!
- Ó vem, como chega o Libertador, das mãos do inimigo, nos salva,
Senhor!

02 – ABRE AS PORTAS
Abre as portas, deixa entrar / o Rei da Glória! / É o tempo e ele
vem, orientar / a nossa história.
1 – A terra inteira esta aberta ao Senhor, / para elevar a Deus seu
canto de amor.
2 – Só Ele é o Senhor, pois tudo Ele faz, / vamos reconhecer os dons
que Ele traz.
3 – Deves lavar as mãos e ter retidão. / Deixa o Senhor entrar no teu
coração.
4 – Quem dedicar-lhe amor e muita afeição, / Deus vai abençoar,
trazer salvação.
5 – Buscando caminhar, teu povo no amor, / anseia por ver teu rosto,
Senhor!
6 – Com esplendor, poder, o Rei vai chegar, / vamos espaço abrir,
pra Ele entrar!

03 - SOMOS GENTE DA ESPERANÇA
1. Somos gente da esperança / que caminha rumo ao Pai. / Somos
povo da aliança / que já sabe aonde vai.
Página 66 | 	                                 NOVENA DE NATAL 2012
De mãos dadas a caminho / porque juntos somos mais / pra
cantar um novo hino / de unidade, amor e paz.
2. Para que o mundo creia / na justiça e no amor / formaremos um só
povo/ num só Deus, um só Pastor.
3. Todo irmão é convidado / para a festa em comum: / celebrar a
nova vida / onde todos sejam um.

04 - TUA PALAVRA É
Tua palavra é luz no meu caminho /
Luz no meu caminho, meu Deus, tua palavra é...

1. Tua Palavra está nas ondas do mar!/
Tua Palavra está no sol a brilhar
Tua Palavra está no pensamento, no sentimento. /
Tua palavra está (bis)

2. Tua Palavra está no som do trovão!
Tua Palavra está, no tom da canção!
Tua Palavra está na consciência e na ciência. /
Tua Palavra está!

3. Tua Palavra está na beleza da flor! /
Tua Palavra está, na grandeza do amor!
Tua Palavra está, na liberdade, na amizade. / Tua Palavra está!

05 - ISAÍAS
1. É tempo do meu advento, da vinda surpresa no meio de vós/ por
isso conclamo profetas que, ao longo da terra, elevem sua voz./ É
tempo de um novo Isaías,/ que, atento aos rumos da vida,/ indique
um caminho novo e a libertação para todo o meu povo!
Isaías, Isaías! / Anuncia o Messias / e consola o povo meu. (2x)

2. Que eleve sua voz contra todos aqueles que levam uma vida
maldosa. /Que aja com grande energia, que implante a justiça e aos
pobres console. Que anuncie uma nova esperança / e um Deus, que
é sempre presença. / que todos os homens contestem e, no meio dos
povos, / se torne um profeta.
NOVENA DE NATAL 2012                                      Página 67
3. Eu quero que todos os homens caminhem segundo os critérios de
Deus./ Eu quero uma tal comunhão que eu possa chamá-los de filhos
meus!/ Eu quero crianças sorrindo/ sempre ao ver novo mundo
surgindo. Eu quero esperança maior para aqueles que lutam por um
mundo melhor

06 – VEM SENHOR, VEM NOS SALVAR
1- Senhor, vem salvar teu povo, das trevas da escuridão.
Só Tu és nossa esperança, és nossa libertação.
Vem, Senhor, vem nos salvar, com teu povo, vem caminhar. (bis)
2- Contigo o deserto é fértil, a terra se abre em flor;
da rocha brota água viva, da terra nasce esplendor.
3- Tu marchas à nossa frente, És força, caminho e luz.
Vem logo salvar teu povo, não tardes, Senhor Jesus.

07 - A PALAVRA DE DEUS JÁ CHEGOU
A Palavra de Deus já chegou!
Nova luz clareou para o povo (bis)
Quando a Bíblia Sagrada se abriu
Todo pobre já viu mundo novo! (bis)

1. Quem andava espalhado se juntou / Quem vivia como cego
enxergou / Por todo canto já nasceu comunidade / E no caminho da
verdade / Muita gente já entrou.

2. Quem vivia explorado protestou / Quem calava só por medo já
gritou / Por todo canto os pequenos vão se unindo /A liberdade vai
surgindo /E todo velho renovou.

3. A semente da Palavra se espalhou / Caiu no campo-coração-de-
lavrador / Pela favela a semente germinou / E na colheita / Vai ter
festa, meu Senhor!

08 - SE CALAREM A VOZ DOS PROFETAS
1. “Se calarem a voz dos profetas, as pedras falarão.
Se fecharem uns poucos caminhos, mil trilhas nascerão...
Muito tempo não dura a verdade, / nestas margens estreitas
Página 68 | 	                                       NOVENA DE NATAL 2012
demais, Deus criou o infinito pra vida ser sempre mais! / É Jesus,
este pão de igualdade, viemos pra comungar, com a luta sofrida
do povo que quer ter voz, ter vez, lugar! / Comungar é tornar-se
um perigo, viemos pra incomodar! / Com a fé e a união nossos
passos, um dia, vão chegar!

2. O Espírito é vento incessante, que nada há de prender. Ele sopra
até no absurdo, que a gente não quer ver...

3. No banquete da festa de uns poucos, só rico se sentou, nosso Deus
fica ao lado dos pobres, colhendo o que sobrou...

4. O poder tem raízes na areia, o tempo faz cair. União é a rocha que
o povo usou pra construir...

5. Toda luta verá o seu dia nascer da escuridão. Ensaiamos a festa e
a alegria, fazendo comunhão.

09 - ANUNCIAÇÃO
Na bruma leve das paixões que vem de dentro
Tu vens chegando pra brincar no meu quintal
No teu cavalo peito nu, cabelo ao vento
E o sol quarando nossas roupas no varal. (2X)

Tu vens, tu vens, eu já escuto os teus sinais.
Tu vens, tu vens, eu já escuto os teus sinais.

A voz do anjo sussurrou no meu ouvido
Eu não duvido já escuto teus sinais
Que tu virias numa manhã de domingo
Eu te anuncio nos sinos das catedrais.

10 - VEM Ó SENHOR COM O TEU POVO CAMINHAR
Vem ó Senhor com o teu povo caminhar,
teu corpo e sangue, vida e força vem nos dar.
NOVENA DE NATAL 2012                                      Página 69
1. A boa nova proclamai com alegria, Deus vem a nós, ele nos salva
e nos recria, / e o deserto vai florir e se alegrar / da terra seca, flores,
frutos vão brotar.

2. Eis nosso Deus, e ele vem para salvar, com sua força vamos juntos
caminhar, / e construir um mundo novo libertado / do egoísmo, da
injustiça e do pecado.

3. Uma voz clama no deserto com vigor: preparai hoje os caminhos
do Senhor, / tirai do mundo a violência e ambição / que não nos deixa
ver no outro o nosso irmão.

4. Distribuí os vossos bens com igualdade, fazei na terra germinar
fraternidade, / o Deus da vida marchará com o seu povo / e homens
novos viverão um mundo novo.

5. Vem ó Senhor, ouve o clamor de tua gente que luta e sofre, porém
crê que estás presente, / não abandones o teu povo Deus fiel / porque
teu nome é Deus conosco, Emanuel.

12 - ENVIA TUA PALAVRA
ENVIA TUA PALAVRA, PALAVRA DE SALVAÇÃO
QUE VEM TRAZER A ESPERANÇA, AOS POBRES
LIBERTAÇÃO.

1. Tua palavra de vida, é como a chuva que cai, / que torno o solo
fecundo, que faz nascer a semente. É água viva da fonte, que faz
florir o deserto, / é uma luz no horizonte é novo caminho aberto.

15 - OUVE-SE NA TERRA UM GRITO
Ouve-se na terra um grito, / do povo um grande clamor:/ Senhor,
abre os céus,/ que as nuvens chovam o Salvador!
1. É o nosso canto de amor e esperança, / que toda a terra proclama
também,/ e a nossa voz não se cansa: Vem, Senhor Jesus, vem!
2. Quando as trevas invadem a terra, /e quando muitos um guia não
tem, / o nosso amor sempre espera: Vem, Senhor, Jesus, vem!
Página 70 | 	                                     NOVENA DE NATAL 2012
3. Embora muitos rejeitem o apelo,/ que toda luz e verdade contém,/
a Igreja insiste em seu zelo:/ Vem, Senhor Jesus, vem!
4.Para que o mundo descubra a mensagem, / a Boa-Nova da paz e do
bem,/ temos a mesma linguagem:/ vem, senhor Jesus, vem!

16 - BOA NOTÍCIA
Ouçamos todos boa notícia! Que vem da vida,/ que vem do amor!
/ Ouçamos todos boa notícia!/ É o evangelho de Deus Salvador!

1. É palavra que abre as prisões/ e os corações atribulados./ Nossos
lábios se abrem em canções/ e os oprimidos são libertados.

2. É palavra de Cristo Jesus,/ o Deus da cruz, Libertador./ Nossos
olhos se enchem de luz / e o pão dos pobres tem mais sabor!

17 - É MISSÃO DE TODOS NÓS
O Deus que me criou, me quis me consagrou / para anunciar o
seu amor. (bis)
1. Eu sou como chuva em terra seca, /pra saciar, fazer brotar / eu vivo
para amar e pra servir! (bis)
É missão de todos nós Deus chama, / eu quero ouvir a sua voz!

2. Eu sou como a flor por sobre o muro (bis)
Eu tenho mel, sabor do céu / Eu vivo pra amar e pra servir. (bis)

3. Eu sou como estrela em noite escura. (bis)
Eu levo a luz, sigo a Jesus. / Eu vivo par amar e pra servir! (bis)

4. Eu sou, sou profeta da verdade. (bis)
Canto a justiça e a liberdade. / Eu vivo para amar e pra servir! (bis)

18 - A ESCOLHIDA
1. Uma entre todas foi a escolhida: / foste tu, Maria, serva preferida,
Mãe do meu Senhor, / mãe do meu Salvador.

Maria, cheia de graça e consolo, / Vem caminhar com teu povo, /
Nossa mãe sempre será. (bis)
NOVENA DE NATAL 2012                                 Página 71
2. Roga pelos pecadores desta terra, / Roga pelo povo que em Deus
espera, Mãe do meu Senhor, / mãe do meu Salvador.

20 - MOMENTO NOVO
1. Deus chama a gente pra um momento novo/ de caminhar junto
com seu povo./ É hora de transformar o que não dá mais/ Sozinho,
isolado, ninguém é capaz.
Por isso vem, entra na roda/ com a gente também/
Você é muito importante, (bis) vem.
2. Não é possível crer que tudo é fácil / há muita força que produz a
morte/ Gerando dor, tristeza e desolação/ É necessário unir o cordão.
3. A força que hoje faz brotar a vida/ atua em nós pela tua graça. / É
Deus quem nos convida/ Pra trabalhar / o amor repartir e as forças
juntar.

21 - MEU BOM JOSÉ
Olha o que foi meu bom José / Se apaixonar pela donzela
Dentre todas a mais bela / De toda sua Galiléia.
Casar com Deborah ou com Sarah / Meu bom José você podia
E nada disso acontecia / Mas você foi amar Maria.
Você podia simplesmente / Ser carpinteiro e trabalhar
Sem nunca ter que se exilar / De se esconder com Maria.
Meu bom José você podia / Ter muitos filhos com Maria
E teu ofício ensinar / Como teu pai sempre fazia.
Porque será, meu bom José / Que esse teu pobre filho um dia
Andou com estranhas ideias / Que fizeram chorar Maria.

Me lembro às vezes de você / meu bom José, meu pobre amigo
Que desta vida só queria / Ser feliz com sua Maria.

22 - ORAÇÃO PELA FAMÍLIA
Que nenhuma família comece em qualquer de repente
Que nenhuma família termine por falta de amor
Página 72 | 	                                 NOVENA DE NATAL 2012
Que o casal seja um para o outro de corpo e de mente
E que nada no mundo separe um casal sonhador!

Que nenhuma família se abrigue debaixo da ponte
Que ninguém interfira no lar e na vida dos dois
Que ninguém os obrigue a viver sem nenhum horizonte
Que eles vivam do ontem, do hoje, e em função de um depois!

Que a família comece e termine sabendo onde vai
E que o homem carregue nos ombros a graça de um pai
Que a mulher seja um céu de ternura, aconchego e calor
E que os filhos conheçam a força que brota do amor!

Abençoa, Senhor, as famílias! Amém!
Abençoa, Senhor, a minha também (bis)

23 - FAZEI RESSOAR
Fazei ressoar a Palavra de Deus em todo lugar! (bis)
1. Na cultura, na história, vamos expressar, /
levando a Palavra de Deus em todo lugar. Vamos lá!

2. Na cultura popular, vamos catequizar,
celebrando fé e vida em todo lugar. Vamos lá!

3. Com o negro e com o índio vamos louvar
e com a comunidade vamos festejar. Vamos lá!

4. Com o pandeiro e com a viola vamos cantar.
Animando a nossa luta em todo lugar. Vamos lá!

24 - A COMUNIDADE DANÇA ALEGRE E CANTA
A comunidade dança alegre e canta, acolhendo agora a Palavra
santa.
A Palavra vem, vem nos libertar, como um vento forte a nos arrastar.
Vamos caminhar, irmãs e irmãos, já chegou a hora da nossa missão.
NOVENA DE NATAL 2012                                     Página 73
25 - MARIA, MÃE DA TERRA
Maria, mãe da terra, Maria, mãe do céu.
Maria, mãe dos homens, Maria, mãe de Deus.
Maria, traga o Cristo. Nós somos filhos seus.
Maria, mãe dos homens, Maria, mãe de Deus.
1. Canta a terra, novo céu vai chegar,
Cantam os homens encontrando seu lugar.
2. Cantam a terra, nuvens, águas a jorrar,
Cantam os homens vida nova, o despertar.
3. Cantam a terra, a semente a germinar,
Cantam os homens vida nova, o despertar.
4. Canta a cidade, liberdade conquistar,
Cantam as gentes, as correntes vão quebrar.

26 – ENSINA TEU POVO A REZAR
Ensina teu povo a rezar, Maria, Mãe de Jesus
Que um dia teu povo desperta e na certa vai ver a luz
Que um dia teu povo se anima e caminha com teu Jesus.

Maria de Jesus Cristo, Maria de Deus, Maria mulher
Ensina teu povo o teu jeito de ser o que Deus quiser
Ensina teu povo o teu jeito de ser o que Deus quiser
Maria Senhora nossa, Maria do povo, povo de Deus
Ensina teu jeito perfeito de sempre escutar teu Deus.
Ensina teu jeito perfeito de sempre escutar teu Deus.

27 - IMACULADA
Imaculada, Maria de Deus, coração pobre acolhendo Jesus.
Imaculada, Maria do povo, Mãe dos aflitos que estão junto à
cruz!
1. Um coração que era “sim” para a vida, um coração que era “sim”
para o irmão, um coração que era “sim” para Deus: Reino de Deus
renovando este chão.
2. Olhos abertos pra sede do povo, passo bem firme que o medo
Página 74 | 	                                      NOVENA DE NATAL 2012
desterra, mãos estendidas que os tronos renegam; Reino de Deus que
renova esta terra.
3. Faça-se, ó Pai, vossa plena vontade, que os nossos passos se tor-
nem memória do amor fiel que Maria gerou; Reino de Deus atuando
na História.

28 - MARIA O MAGNIFICAT CANTOU
1. Maria o Magnificat cantou./ E com Ela também nós vamos cantar./
Pão e vida é o brado de um Brasil/ que de norte a sul se uniu/ para o
Cristo celebrar.
Aparecida é a Mãe do pescador/ é a Mãe do Salvador/ é a Mãe de
todos nós.

2. Maria o Magnificat cantou/ e com ela também nós vamos cantar:/
Protegendo e defendendo nosso irmão/ que merece peixe e pão/ pra
sua fome saciar.

3. Maria o Magnificat cantou/ e com ela também nós vamos cantar,/
nos unindo para a Ceia do Senhor,/ com Jesus, o Salvador/ de mãos
dadas com o irmão.

4. Maria o Magnificat cantou/ e com ela também nós vamos cantar./
O amor que se fazendo refeição/ sobre a mesa é vinho e pão,/ é corpo
do Senhor.

5. Maria o Magnificat cantou/ e com ela também nós vamos cantar:/
Implorando pelo povo sofredor/ que por falta de amor/ nada tem para
comer.

6. Maria o Magnificat cantou/ e com ela também nós vamos cantar./
De mãos dadas mais um ano passaremos/ e jamais esqueceremos/
desta Mãe que nos uniu.


29 - O SENHOR ESTÁ PRA CHEGAR
O Senhor está pra chegar, / já se cumpre a profecia; o seu Reino
NOVENA DE NATAL 2012                                      Página 75
então será liberdade e alegria. E as nações, enfim, recebem,
salvação a cada dia. DAS ALTURAS ORVALHEM OS CÉUS, E DAS
NUVENS, QUE CHOVA A JUSTIÇA, QUE A TERRA SE ABRA AO AMOR
E GERMINE O DEUS SALVADOR! (BIS)
Vem de novo restaurar-nos. De que lado estará?
Indignado contra nós? E a vida, não darás?
Salvação e alegria, outra vez não trarás?
Escutemos sua Palavra: é de paz que vai falar.
Paz ao povo e aos seus fiéis, a quem dele se achegar.
Está perto a salvação e a alegria vai voltar.
30 - EU CREIO EM DEUS
Deus é Pai, Deus é amor, Deus é esperança pra quem nele crê
Confiou a construção do Reino de Paz ao homem que ama.
Eu creio em Deus que o meu caminho iluminou
Que a minha vida transformou, feliz eu sou Eu creio em Deus,
se posso crer, se posso amar A minha vida tem valor, feliz eu sou
Jesus Cristo caminha conosco amigo e irmão que nos revela ao Pai
Jesus Cristo, nasceu e viveu a vida dos homens e ressurgiu
Deus é amor, é consolador, conforta e ampara o pecador
Deus é amor, Espírito Santo destrói o que é mal, dá vida ao que é
bom
31 - VIRÁ O DIA EM QUE TODOS
Virá o dia em que todos,/ ao levantar a vista,/ veremos nesta
terra/ reinar a liberdade, (bis).
1. Minha alma engrandece/ o Deus libertador./ Se alegra meu
espírito/ em deus meu salvador, / pois Ele se lembrou de seu
povo oprimido/ e fez de sua serva/ a Mãe dos esquecidos.
2. Imenso é seu amor,/ sem fim sua bondade/ para todos que
na terra/ o seguem na humildade. / Bem forte é nosso Deus, /
levanta o seu braço, / espalha os soberbos,/ destrói todo pecado.
3. Derruba os poderosos dos seus tronos, erguidos, / com sangue
e o suor / de seu povo oprimido. / E farta os famintos, / levanta
os humilhados, / arrasa os oprimidos, os ricos e os malvados.
Página 76 | 	                                     NOVENA DE NATAL 2012
Preparando-se para o Natal
Preparando-se para o Natal
Preparando-se para o Natal
Preparando-se para o Natal

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Novena de Natal 2015 CEBs - Diocese de São josé dos Campos - SP
Novena de Natal 2015 CEBs - Diocese de São josé dos Campos - SPNovena de Natal 2015 CEBs - Diocese de São josé dos Campos - SP
Novena de Natal 2015 CEBs - Diocese de São josé dos Campos - SPBernadetecebs .
 
Oração da manhã setor 14 das CEBs 23 julho 2014
Oração da manhã setor 14 das CEBs   23 julho 2014Oração da manhã setor 14 das CEBs   23 julho 2014
Oração da manhã setor 14 das CEBs 23 julho 2014Bernadetecebs .
 
Roteiro celebração do grito 2011 - XVII Grito dos Excluídos - Vida em Primeir...
Roteiro celebração do grito 2011 - XVII Grito dos Excluídos - Vida em Primeir...Roteiro celebração do grito 2011 - XVII Grito dos Excluídos - Vida em Primeir...
Roteiro celebração do grito 2011 - XVII Grito dos Excluídos - Vida em Primeir...Bernadetecebs .
 
Livreto CEBs - Comunidade: Igreja de todos e para todos
Livreto CEBs  - Comunidade:  Igreja de todos e para todosLivreto CEBs  - Comunidade:  Igreja de todos e para todos
Livreto CEBs - Comunidade: Igreja de todos e para todosBernadetecebs .
 
13º INTERECLESIAL DE CEBs - Arquidiocese de Vitória
13º INTERECLESIAL DE CEBs - Arquidiocese de Vitória13º INTERECLESIAL DE CEBs - Arquidiocese de Vitória
13º INTERECLESIAL DE CEBs - Arquidiocese de VitóriaBernadetecebs .
 
Novena de natal 2016 diocese de são José dos Campos - SP
Novena de natal 2016   diocese de são José dos Campos - SPNovena de natal 2016   diocese de são José dos Campos - SP
Novena de natal 2016 diocese de são José dos Campos - SPBernadetecebs .
 
Ofício da Novena de Natal 2010
Ofício da Novena de Natal 2010Ofício da Novena de Natal 2010
Ofício da Novena de Natal 2010Bernadetecebs .
 
Novena Missionária 2016
Novena Missionária 2016Novena Missionária 2016
Novena Missionária 2016Bernadetecebs .
 
Oração das Missões no setor 01 das CEBs
Oração das Missões no setor 01 das CEBs Oração das Missões no setor 01 das CEBs
Oração das Missões no setor 01 das CEBs Bernadetecebs .
 
Oração das Missões no Setor 26 das CEBs
 Oração das Missões no Setor 26 das CEBs Oração das Missões no Setor 26 das CEBs
Oração das Missões no Setor 26 das CEBsBernadetecebs .
 
Oração da manhã - Santas Missões Populares
Oração da manhã - Santas Missões PopularesOração da manhã - Santas Missões Populares
Oração da manhã - Santas Missões PopularesBernadetecebs .
 
Novena natal 2011 . diocese de são José dos campos - SP
Novena natal 2011 . diocese de são José dos campos - SPNovena natal 2011 . diocese de são José dos campos - SP
Novena natal 2011 . diocese de são José dos campos - SPBernadetecebs .
 
Novena de Natal 2013 - CEBs diocese de São José dos Campos - SP
Novena de Natal 2013 - CEBs diocese de São José dos Campos - SPNovena de Natal 2013 - CEBs diocese de São José dos Campos - SP
Novena de Natal 2013 - CEBs diocese de São José dos Campos - SPBernadetecebs .
 
A metodologia das Missões na Paróquia Coração de Jesus
A metodologia das Missões na Paróquia Coração de JesusA metodologia das Missões na Paróquia Coração de Jesus
A metodologia das Missões na Paróquia Coração de JesusBernadetecebs .
 
Roteiro de oração para Santas Missões Populares - Novena Missionária
Roteiro de oração para Santas Missões Populares - Novena MissionáriaRoteiro de oração para Santas Missões Populares - Novena Missionária
Roteiro de oração para Santas Missões Populares - Novena MissionáriaBernadetecebs .
 
Ofício Divino das Comunidades, 28 de maio 2014
Ofício Divino das Comunidades, 28 de maio 2014Ofício Divino das Comunidades, 28 de maio 2014
Ofício Divino das Comunidades, 28 de maio 2014Bernadetecebs .
 
Fôlder das CEBs - diocese de São José dos Campos - SP
Fôlder das CEBs - diocese de São José dos Campos - SPFôlder das CEBs - diocese de São José dos Campos - SP
Fôlder das CEBs - diocese de São José dos Campos - SPBernadetecebs .
 
Informativo das CEBs - diocese de São José dos Campos - SP
Informativo das CEBs - diocese de São José dos Campos - SPInformativo das CEBs - diocese de São José dos Campos - SP
Informativo das CEBs - diocese de São José dos Campos - SPBernadetecebs .
 
Via Sacra da Campanha da Fraternidade 2013. Eis-me aqui, envia-me.
Via Sacra da Campanha da Fraternidade 2013. Eis-me aqui, envia-me.Via Sacra da Campanha da Fraternidade 2013. Eis-me aqui, envia-me.
Via Sacra da Campanha da Fraternidade 2013. Eis-me aqui, envia-me.Bernadetecebs .
 

Mais procurados (20)

Novena de Natal 2015 CEBs - Diocese de São josé dos Campos - SP
Novena de Natal 2015 CEBs - Diocese de São josé dos Campos - SPNovena de Natal 2015 CEBs - Diocese de São josé dos Campos - SP
Novena de Natal 2015 CEBs - Diocese de São josé dos Campos - SP
 
Oração da manhã setor 14 das CEBs 23 julho 2014
Oração da manhã setor 14 das CEBs   23 julho 2014Oração da manhã setor 14 das CEBs   23 julho 2014
Oração da manhã setor 14 das CEBs 23 julho 2014
 
Roteiro celebração do grito 2011 - XVII Grito dos Excluídos - Vida em Primeir...
Roteiro celebração do grito 2011 - XVII Grito dos Excluídos - Vida em Primeir...Roteiro celebração do grito 2011 - XVII Grito dos Excluídos - Vida em Primeir...
Roteiro celebração do grito 2011 - XVII Grito dos Excluídos - Vida em Primeir...
 
Livreto CEBs - Comunidade: Igreja de todos e para todos
Livreto CEBs  - Comunidade:  Igreja de todos e para todosLivreto CEBs  - Comunidade:  Igreja de todos e para todos
Livreto CEBs - Comunidade: Igreja de todos e para todos
 
13º INTERECLESIAL DE CEBs - Arquidiocese de Vitória
13º INTERECLESIAL DE CEBs - Arquidiocese de Vitória13º INTERECLESIAL DE CEBs - Arquidiocese de Vitória
13º INTERECLESIAL DE CEBs - Arquidiocese de Vitória
 
Oração e benção de envio 2º congresso diocesano (1)
Oração e benção de envio 2º congresso diocesano (1)Oração e benção de envio 2º congresso diocesano (1)
Oração e benção de envio 2º congresso diocesano (1)
 
Novena de natal 2016 diocese de são José dos Campos - SP
Novena de natal 2016   diocese de são José dos Campos - SPNovena de natal 2016   diocese de são José dos Campos - SP
Novena de natal 2016 diocese de são José dos Campos - SP
 
Ofício da Novena de Natal 2010
Ofício da Novena de Natal 2010Ofício da Novena de Natal 2010
Ofício da Novena de Natal 2010
 
Novena Missionária 2016
Novena Missionária 2016Novena Missionária 2016
Novena Missionária 2016
 
Oração das Missões no setor 01 das CEBs
Oração das Missões no setor 01 das CEBs Oração das Missões no setor 01 das CEBs
Oração das Missões no setor 01 das CEBs
 
Oração das Missões no Setor 26 das CEBs
 Oração das Missões no Setor 26 das CEBs Oração das Missões no Setor 26 das CEBs
Oração das Missões no Setor 26 das CEBs
 
Oração da manhã - Santas Missões Populares
Oração da manhã - Santas Missões PopularesOração da manhã - Santas Missões Populares
Oração da manhã - Santas Missões Populares
 
Novena natal 2011 . diocese de são José dos campos - SP
Novena natal 2011 . diocese de são José dos campos - SPNovena natal 2011 . diocese de são José dos campos - SP
Novena natal 2011 . diocese de são José dos campos - SP
 
Novena de Natal 2013 - CEBs diocese de São José dos Campos - SP
Novena de Natal 2013 - CEBs diocese de São José dos Campos - SPNovena de Natal 2013 - CEBs diocese de São José dos Campos - SP
Novena de Natal 2013 - CEBs diocese de São José dos Campos - SP
 
A metodologia das Missões na Paróquia Coração de Jesus
A metodologia das Missões na Paróquia Coração de JesusA metodologia das Missões na Paróquia Coração de Jesus
A metodologia das Missões na Paróquia Coração de Jesus
 
Roteiro de oração para Santas Missões Populares - Novena Missionária
Roteiro de oração para Santas Missões Populares - Novena MissionáriaRoteiro de oração para Santas Missões Populares - Novena Missionária
Roteiro de oração para Santas Missões Populares - Novena Missionária
 
Ofício Divino das Comunidades, 28 de maio 2014
Ofício Divino das Comunidades, 28 de maio 2014Ofício Divino das Comunidades, 28 de maio 2014
Ofício Divino das Comunidades, 28 de maio 2014
 
Fôlder das CEBs - diocese de São José dos Campos - SP
Fôlder das CEBs - diocese de São José dos Campos - SPFôlder das CEBs - diocese de São José dos Campos - SP
Fôlder das CEBs - diocese de São José dos Campos - SP
 
Informativo das CEBs - diocese de São José dos Campos - SP
Informativo das CEBs - diocese de São José dos Campos - SPInformativo das CEBs - diocese de São José dos Campos - SP
Informativo das CEBs - diocese de São José dos Campos - SP
 
Via Sacra da Campanha da Fraternidade 2013. Eis-me aqui, envia-me.
Via Sacra da Campanha da Fraternidade 2013. Eis-me aqui, envia-me.Via Sacra da Campanha da Fraternidade 2013. Eis-me aqui, envia-me.
Via Sacra da Campanha da Fraternidade 2013. Eis-me aqui, envia-me.
 

Destaque

A Palavra de Deus na Vida do Povo - Rumo ao 13º Intereclesial
A Palavra de Deus na Vida do Povo - Rumo ao 13º IntereclesialA Palavra de Deus na Vida do Povo - Rumo ao 13º Intereclesial
A Palavra de Deus na Vida do Povo - Rumo ao 13º IntereclesialBernadetecebs .
 
Compêndio de Orações da igreja católica
Compêndio de Orações da igreja católicaCompêndio de Orações da igreja católica
Compêndio de Orações da igreja católicaJoão Pereira
 
Plano de aula semana da pascoa prof.doriene
Plano de aula semana da pascoa prof.dorienePlano de aula semana da pascoa prof.doriene
Plano de aula semana da pascoa prof.dorieneMarissa Matos
 
Planejamento páscoa simone helen drumond
Planejamento páscoa simone helen drumondPlanejamento páscoa simone helen drumond
Planejamento páscoa simone helen drumondSimoneHelenDrumond
 
Planejamento 4º ano
Planejamento 4º anoPlanejamento 4º ano
Planejamento 4º anosilvinha331
 
Planejamento 4ª série
Planejamento 4ª sériePlanejamento 4ª série
Planejamento 4ª sériesilvinha331
 

Destaque (9)

A Palavra de Deus na Vida do Povo - Rumo ao 13º Intereclesial
A Palavra de Deus na Vida do Povo - Rumo ao 13º IntereclesialA Palavra de Deus na Vida do Povo - Rumo ao 13º Intereclesial
A Palavra de Deus na Vida do Povo - Rumo ao 13º Intereclesial
 
Compêndio de Orações da igreja católica
Compêndio de Orações da igreja católicaCompêndio de Orações da igreja católica
Compêndio de Orações da igreja católica
 
Orações para catquese infantil
Orações para catquese infantilOrações para catquese infantil
Orações para catquese infantil
 
Plano de aula semana da pascoa prof.doriene
Plano de aula semana da pascoa prof.dorienePlano de aula semana da pascoa prof.doriene
Plano de aula semana da pascoa prof.doriene
 
Planejamento páscoa simone helen drumond
Planejamento páscoa simone helen drumondPlanejamento páscoa simone helen drumond
Planejamento páscoa simone helen drumond
 
Projeto Páscoa da Amizade.
Projeto Páscoa da Amizade.Projeto Páscoa da Amizade.
Projeto Páscoa da Amizade.
 
Planejamento 4º ano
Planejamento 4º anoPlanejamento 4º ano
Planejamento 4º ano
 
Planejamento 4ª série
Planejamento 4ª sériePlanejamento 4ª série
Planejamento 4ª série
 
Plano de aula pronto
Plano de aula prontoPlano de aula pronto
Plano de aula pronto
 

Semelhante a Preparando-se para o Natal

Livreto Novena Natal 2021
Livreto Novena Natal 2021Livreto Novena Natal 2021
Livreto Novena Natal 2021Bernadetecebs .
 
Livreto Novena de Natal das CEBs 2018
Livreto Novena de Natal das CEBs  2018Livreto Novena de Natal das CEBs  2018
Livreto Novena de Natal das CEBs 2018Bernadetecebs .
 
Novena De Natal 2009
Novena De Natal 2009Novena De Natal 2009
Novena De Natal 2009guestab52b4
 
Novena de Natal 2013 - Arquidiocese de Vitória
Novena de Natal 2013 - Arquidiocese de VitóriaNovena de Natal 2013 - Arquidiocese de Vitória
Novena de Natal 2013 - Arquidiocese de VitóriaBernadetecebs .
 
Novena de Natal 2013 - Arquidiocese de Florianópolis
Novena de Natal 2013 - Arquidiocese de FlorianópolisNovena de Natal 2013 - Arquidiocese de Florianópolis
Novena de Natal 2013 - Arquidiocese de FlorianópolisBernadetecebs .
 
Subsídio das CEBs - Diocese de São José dos Campos - SP
Subsídio das CEBs - Diocese de São José dos Campos - SPSubsídio das CEBs - Diocese de São José dos Campos - SP
Subsídio das CEBs - Diocese de São José dos Campos - SPBernadetecebs .
 
Livreto cf 2013 - A Palavra de Deus na Vida do Povo
Livreto cf 2013 - A Palavra de Deus na Vida do PovoLivreto cf 2013 - A Palavra de Deus na Vida do Povo
Livreto cf 2013 - A Palavra de Deus na Vida do PovoBernadetecebs .
 
FERMENTO - MARÇO 2013
FERMENTO - MARÇO 2013FERMENTO - MARÇO 2013
FERMENTO - MARÇO 2013cnisbrasil
 
Circ fev 2013[1]
Circ fev 2013[1]Circ fev 2013[1]
Circ fev 2013[1]cnisbrasil
 
2º Dia do Tríduo 2011
2º Dia do Tríduo 2011 2º Dia do Tríduo 2011
2º Dia do Tríduo 2011 Cateclicar
 
Livro de peregrinações 2023.pdf
Livro de peregrinações 2023.pdfLivro de peregrinações 2023.pdf
Livro de peregrinações 2023.pdfNuno Melo
 

Semelhante a Preparando-se para o Natal (20)

Novena De Natal 2009
Novena De Natal 2009Novena De Natal 2009
Novena De Natal 2009
 
Livreto Novena Natal 2021
Livreto Novena Natal 2021Livreto Novena Natal 2021
Livreto Novena Natal 2021
 
Livreto Novena de Natal das CEBs 2018
Livreto Novena de Natal das CEBs  2018Livreto Novena de Natal das CEBs  2018
Livreto Novena de Natal das CEBs 2018
 
Novena De Natal 2009
Novena De Natal 2009Novena De Natal 2009
Novena De Natal 2009
 
Novena Natal PJMP_2015
Novena Natal PJMP_2015Novena Natal PJMP_2015
Novena Natal PJMP_2015
 
Novena de Natal 2013 - Arquidiocese de Vitória
Novena de Natal 2013 - Arquidiocese de VitóriaNovena de Natal 2013 - Arquidiocese de Vitória
Novena de Natal 2013 - Arquidiocese de Vitória
 
Novena de Natal 2013 - Arquidiocese de Florianópolis
Novena de Natal 2013 - Arquidiocese de FlorianópolisNovena de Natal 2013 - Arquidiocese de Florianópolis
Novena de Natal 2013 - Arquidiocese de Florianópolis
 
Subsídio das CEBs - Diocese de São José dos Campos - SP
Subsídio das CEBs - Diocese de São José dos Campos - SPSubsídio das CEBs - Diocese de São José dos Campos - SP
Subsídio das CEBs - Diocese de São José dos Campos - SP
 
Livreto cf 2013 - A Palavra de Deus na Vida do Povo
Livreto cf 2013 - A Palavra de Deus na Vida do PovoLivreto cf 2013 - A Palavra de Deus na Vida do Povo
Livreto cf 2013 - A Palavra de Deus na Vida do Povo
 
FERMENTO - MARÇO 2013
FERMENTO - MARÇO 2013FERMENTO - MARÇO 2013
FERMENTO - MARÇO 2013
 
391
391391
391
 
Livreto Páscoa 2013
Livreto Páscoa 2013Livreto Páscoa 2013
Livreto Páscoa 2013
 
APOSTILA DE PRE CATEQUESE
APOSTILA DE PRE CATEQUESEAPOSTILA DE PRE CATEQUESE
APOSTILA DE PRE CATEQUESE
 
Apresentação1
Apresentação1Apresentação1
Apresentação1
 
17052012
1705201217052012
17052012
 
Circ fev 2013[1]
Circ fev 2013[1]Circ fev 2013[1]
Circ fev 2013[1]
 
Novena ao Padroeiro Santo André 2010
Novena ao Padroeiro Santo André 2010Novena ao Padroeiro Santo André 2010
Novena ao Padroeiro Santo André 2010
 
17072012
1707201217072012
17072012
 
2º Dia do Tríduo 2011
2º Dia do Tríduo 2011 2º Dia do Tríduo 2011
2º Dia do Tríduo 2011
 
Livro de peregrinações 2023.pdf
Livro de peregrinações 2023.pdfLivro de peregrinações 2023.pdf
Livro de peregrinações 2023.pdf
 

Mais de Bernadetecebs .

Vida Pastoral - março-abril de 2021 – ano 62 – número 338
Vida Pastoral - março-abril de 2021 – ano 62 – número 338Vida Pastoral - março-abril de 2021 – ano 62 – número 338
Vida Pastoral - março-abril de 2021 – ano 62 – número 338Bernadetecebs .
 
A Palavra de Deus na Vida do Povo
A Palavra de Deus na Vida do PovoA Palavra de Deus na Vida do Povo
A Palavra de Deus na Vida do PovoBernadetecebs .
 
livreto Campanha da Fraternidade 2018
livreto Campanha da Fraternidade 2018 livreto Campanha da Fraternidade 2018
livreto Campanha da Fraternidade 2018 Bernadetecebs .
 
Vida pastoral-setembro-outubro
Vida pastoral-setembro-outubroVida pastoral-setembro-outubro
Vida pastoral-setembro-outubroBernadetecebs .
 
Ofício Divino da Romaria - Paróquia N. Sra. do Bonsucesso - Monteiro lobato - SP
Ofício Divino da Romaria - Paróquia N. Sra. do Bonsucesso - Monteiro lobato - SPOfício Divino da Romaria - Paróquia N. Sra. do Bonsucesso - Monteiro lobato - SP
Ofício Divino da Romaria - Paróquia N. Sra. do Bonsucesso - Monteiro lobato - SPBernadetecebs .
 
Campanha da Fraternidade 2017 -
  Campanha da Fraternidade 2017 -    Campanha da Fraternidade 2017 -
Campanha da Fraternidade 2017 - Bernadetecebs .
 
EXORTAÇÃO APOSTÓLICA PÓS-SINODAL AMORIS LÆTITIA DO SANTO PADRE FRANCISCO
EXORTAÇÃO APOSTÓLICA PÓS-SINODAL AMORIS LÆTITIA DO SANTO PADRE FRANCISCOEXORTAÇÃO APOSTÓLICA PÓS-SINODAL AMORIS LÆTITIA DO SANTO PADRE FRANCISCO
EXORTAÇÃO APOSTÓLICA PÓS-SINODAL AMORIS LÆTITIA DO SANTO PADRE FRANCISCOBernadetecebs .
 
Novena de Natal 2015 «MISERICÓRDIA EU QUERO, NÃO SACRIFÍCIOS» (Mt 9,13)
Novena de Natal 2015 «MISERICÓRDIA EU QUERO, NÃO SACRIFÍCIOS» (Mt 9,13)Novena de Natal 2015 «MISERICÓRDIA EU QUERO, NÃO SACRIFÍCIOS» (Mt 9,13)
Novena de Natal 2015 «MISERICÓRDIA EU QUERO, NÃO SACRIFÍCIOS» (Mt 9,13)Bernadetecebs .
 
Novena de Natal 2015 - diocese de Jundiaí
Novena de Natal 2015 - diocese de JundiaíNovena de Natal 2015 - diocese de Jundiaí
Novena de Natal 2015 - diocese de JundiaíBernadetecebs .
 
Ser acolhedor como_jesus_cristo
Ser acolhedor como_jesus_cristoSer acolhedor como_jesus_cristo
Ser acolhedor como_jesus_cristoBernadetecebs .
 
Livreto 3 2015 ce bs (1)
Livreto 3   2015 ce bs (1)Livreto 3   2015 ce bs (1)
Livreto 3 2015 ce bs (1)Bernadetecebs .
 
EU VIM PARA SERVIR (Mc 10,45)
EU VIM PARA SERVIR (Mc 10,45)EU VIM PARA SERVIR (Mc 10,45)
EU VIM PARA SERVIR (Mc 10,45)Bernadetecebs .
 
Na Igreja com o jeito da Gaudium et Spes
Na Igreja com o jeito da Gaudium et SpesNa Igreja com o jeito da Gaudium et Spes
Na Igreja com o jeito da Gaudium et SpesBernadetecebs .
 
Informativo das CEBs - Diocese de São José dos Campos - SP
Informativo das CEBs - Diocese de São José dos Campos - SPInformativo das CEBs - Diocese de São José dos Campos - SP
Informativo das CEBs - Diocese de São José dos Campos - SPBernadetecebs .
 
Cartaz 2° Congresso Missionário Nacional de Seminaristas
Cartaz 2° Congresso Missionário Nacional de SeminaristasCartaz 2° Congresso Missionário Nacional de Seminaristas
Cartaz 2° Congresso Missionário Nacional de SeminaristasBernadetecebs .
 
Cartilha 2 cm2º Congresso Missionário Nacional de Seminaristas Cartilha de Pr...
Cartilha 2 cm2º Congresso Missionário Nacional de Seminaristas Cartilha de Pr...Cartilha 2 cm2º Congresso Missionário Nacional de Seminaristas Cartilha de Pr...
Cartilha 2 cm2º Congresso Missionário Nacional de Seminaristas Cartilha de Pr...Bernadetecebs .
 
Missões no Setor 9 das CEBs - Homenagem para as mães
Missões no Setor 9 das CEBs - Homenagem para as mãesMissões no Setor 9 das CEBs - Homenagem para as mães
Missões no Setor 9 das CEBs - Homenagem para as mãesBernadetecebs .
 

Mais de Bernadetecebs . (20)

Vida Pastoral - março-abril de 2021 – ano 62 – número 338
Vida Pastoral - março-abril de 2021 – ano 62 – número 338Vida Pastoral - março-abril de 2021 – ano 62 – número 338
Vida Pastoral - março-abril de 2021 – ano 62 – número 338
 
A Palavra de Deus na Vida do Povo
A Palavra de Deus na Vida do PovoA Palavra de Deus na Vida do Povo
A Palavra de Deus na Vida do Povo
 
livreto Campanha da Fraternidade 2018
livreto Campanha da Fraternidade 2018 livreto Campanha da Fraternidade 2018
livreto Campanha da Fraternidade 2018
 
Vida pastoral-setembro-outubro
Vida pastoral-setembro-outubroVida pastoral-setembro-outubro
Vida pastoral-setembro-outubro
 
Ofício Divino da Romaria - Paróquia N. Sra. do Bonsucesso - Monteiro lobato - SP
Ofício Divino da Romaria - Paróquia N. Sra. do Bonsucesso - Monteiro lobato - SPOfício Divino da Romaria - Paróquia N. Sra. do Bonsucesso - Monteiro lobato - SP
Ofício Divino da Romaria - Paróquia N. Sra. do Bonsucesso - Monteiro lobato - SP
 
Campanha da Fraternidade 2017 -
  Campanha da Fraternidade 2017 -    Campanha da Fraternidade 2017 -
Campanha da Fraternidade 2017 -
 
EXORTAÇÃO APOSTÓLICA PÓS-SINODAL AMORIS LÆTITIA DO SANTO PADRE FRANCISCO
EXORTAÇÃO APOSTÓLICA PÓS-SINODAL AMORIS LÆTITIA DO SANTO PADRE FRANCISCOEXORTAÇÃO APOSTÓLICA PÓS-SINODAL AMORIS LÆTITIA DO SANTO PADRE FRANCISCO
EXORTAÇÃO APOSTÓLICA PÓS-SINODAL AMORIS LÆTITIA DO SANTO PADRE FRANCISCO
 
Novena de Natal 2015 «MISERICÓRDIA EU QUERO, NÃO SACRIFÍCIOS» (Mt 9,13)
Novena de Natal 2015 «MISERICÓRDIA EU QUERO, NÃO SACRIFÍCIOS» (Mt 9,13)Novena de Natal 2015 «MISERICÓRDIA EU QUERO, NÃO SACRIFÍCIOS» (Mt 9,13)
Novena de Natal 2015 «MISERICÓRDIA EU QUERO, NÃO SACRIFÍCIOS» (Mt 9,13)
 
Novena de Natal 2015 - diocese de Jundiaí
Novena de Natal 2015 - diocese de JundiaíNovena de Natal 2015 - diocese de Jundiaí
Novena de Natal 2015 - diocese de Jundiaí
 
Ser acolhedor como_jesus_cristo
Ser acolhedor como_jesus_cristoSer acolhedor como_jesus_cristo
Ser acolhedor como_jesus_cristo
 
vida.pastoral 305
 vida.pastoral 305 vida.pastoral 305
vida.pastoral 305
 
Subsidio DNJ 2015
Subsidio  DNJ 2015Subsidio  DNJ 2015
Subsidio DNJ 2015
 
Livreto 3 2015 ce bs (1)
Livreto 3   2015 ce bs (1)Livreto 3   2015 ce bs (1)
Livreto 3 2015 ce bs (1)
 
EU VIM PARA SERVIR (Mc 10,45)
EU VIM PARA SERVIR (Mc 10,45)EU VIM PARA SERVIR (Mc 10,45)
EU VIM PARA SERVIR (Mc 10,45)
 
Na Igreja com o jeito da Gaudium et Spes
Na Igreja com o jeito da Gaudium et SpesNa Igreja com o jeito da Gaudium et Spes
Na Igreja com o jeito da Gaudium et Spes
 
Terço Missionário
Terço MissionárioTerço Missionário
Terço Missionário
 
Informativo das CEBs - Diocese de São José dos Campos - SP
Informativo das CEBs - Diocese de São José dos Campos - SPInformativo das CEBs - Diocese de São José dos Campos - SP
Informativo das CEBs - Diocese de São José dos Campos - SP
 
Cartaz 2° Congresso Missionário Nacional de Seminaristas
Cartaz 2° Congresso Missionário Nacional de SeminaristasCartaz 2° Congresso Missionário Nacional de Seminaristas
Cartaz 2° Congresso Missionário Nacional de Seminaristas
 
Cartilha 2 cm2º Congresso Missionário Nacional de Seminaristas Cartilha de Pr...
Cartilha 2 cm2º Congresso Missionário Nacional de Seminaristas Cartilha de Pr...Cartilha 2 cm2º Congresso Missionário Nacional de Seminaristas Cartilha de Pr...
Cartilha 2 cm2º Congresso Missionário Nacional de Seminaristas Cartilha de Pr...
 
Missões no Setor 9 das CEBs - Homenagem para as mães
Missões no Setor 9 das CEBs - Homenagem para as mãesMissões no Setor 9 das CEBs - Homenagem para as mães
Missões no Setor 9 das CEBs - Homenagem para as mães
 

Último

Evangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns Esclarecedores
Evangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns EsclarecedoresEvangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns Esclarecedores
Evangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns EsclarecedoresAntonino Silva
 
GÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 E
GÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 EGÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 E
GÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 EMicheleRosa39
 
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semanaLIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semanaWillemarSousa1
 
Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus: Verdadeira Pureza , ...
Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus:  Verdadeira Pureza , ...Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus:  Verdadeira Pureza , ...
Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus: Verdadeira Pureza , ...silvana30986
 
LIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica Dominical
LIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica DominicalLIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica Dominical
LIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica DominicalAmaroJunior21
 
Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptx
Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptxLição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptx
Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptxCelso Napoleon
 
AUXADO_1TRIM_2024.pdf ESCOLA SABATINA 2024
AUXADO_1TRIM_2024.pdf ESCOLA SABATINA 2024AUXADO_1TRIM_2024.pdf ESCOLA SABATINA 2024
AUXADO_1TRIM_2024.pdf ESCOLA SABATINA 2024RaniereSilva14
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pão
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pãoSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pão
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pãoRicardo Azevedo
 
CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIROS, DIÁCONOS E PRESBÍTEROS.pptx
CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIROS, DIÁCONOS E PRESBÍTEROS.pptxCURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIROS, DIÁCONOS E PRESBÍTEROS.pptx
CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIROS, DIÁCONOS E PRESBÍTEROS.pptxWerquesonSouza
 

Último (10)

Evangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns Esclarecedores
Evangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns EsclarecedoresEvangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns Esclarecedores
Evangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns Esclarecedores
 
GÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 E
GÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 EGÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 E
GÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 E
 
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semanaLIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
 
Fluido Cósmico Universal e Perispírito.ppt
Fluido Cósmico Universal e Perispírito.pptFluido Cósmico Universal e Perispírito.ppt
Fluido Cósmico Universal e Perispírito.ppt
 
Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus: Verdadeira Pureza , ...
Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus:  Verdadeira Pureza , ...Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus:  Verdadeira Pureza , ...
Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus: Verdadeira Pureza , ...
 
LIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica Dominical
LIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica DominicalLIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica Dominical
LIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica Dominical
 
Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptx
Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptxLição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptx
Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptx
 
AUXADO_1TRIM_2024.pdf ESCOLA SABATINA 2024
AUXADO_1TRIM_2024.pdf ESCOLA SABATINA 2024AUXADO_1TRIM_2024.pdf ESCOLA SABATINA 2024
AUXADO_1TRIM_2024.pdf ESCOLA SABATINA 2024
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pão
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pãoSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pão
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pão
 
CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIROS, DIÁCONOS E PRESBÍTEROS.pptx
CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIROS, DIÁCONOS E PRESBÍTEROS.pptxCURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIROS, DIÁCONOS E PRESBÍTEROS.pptx
CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIROS, DIÁCONOS E PRESBÍTEROS.pptx
 

Preparando-se para o Natal

  • 1. ovena está para chegar!’’ ‘‘O Senhor de ‘‘Cremos Senhor, mas aumentai a nossa Fé!’’
  • 2. Arquidiocese de Vitória Departamento Pastoral Rua Soldado Abílio dos Santos, 47 Cidade Alta - Caixa Postal 107 CEP 29015-620 - Vitória - ES Telefone: (27) 3223-6711 e-mail: mitra.secretariapastoral@aves.org.br "O Espírito do aos cativos a Senhor está libertação e aos sobre mim,por- cegos a recupe- que me conferiu ração da vista, a unção para para despedir os anunciar a boa oprimidos em li- nova aos pobres. berdade, para pro- Enviou-me clamar um ano que para proclamar agrada ao Senhor." (Lc. 4,21b) cebi-es centro de estudos bíblicos do es CEBI - Centro de Estudos Bíblicos Rua Duque de Caxias, 121, Ed. Juel, Sala 206 Centro - Vitória – Cep 29010-120 Telefone – (27) 3223-0823/ 9945-2068 Atendimento: 2ª a 6ª feiras 13h às 19h Blog: http://portrasdapalavra.blogspot.com Email:cebies@yahoo.com.br
  • 3. Orientações Práticas • Conferir inicialmente a Carta de nosso Pastor, D. Luiz Manci- lha Vilela para os Animadores e Animadoras de Círculos Bí- blicos. Ela deverá ser lida nos encontros, na celebração (culto ou missa), mas também no Conselho da Comunidade e Paro- quial. • Não esquecer que este é um tempo de evangelização muito importante para as famílias e para a Igreja. • É importante ir ao encontro de todas as famílias, especialmen- te famílias que estão afastadas da comunidade ou que estão precisando de uma visita da comunidade. • Marcar com antecedência a casa das famílias que serão ser visitadas pelo grupo. • Cada dia fazer a apresentação, de forma bem carinhosa, das pessoas que estão participando pela primeira vez. • Seguir as Instruções para cada encontro levando sempre em conta a realidade do grupo. • Foi colocada uma Oração Inicial para cada dia de Encontro (n.06). • A Oração Final (n.12) será sempre o Símbolo Niceno-Cons- tantinopolitano, ou Profissão de Fé, que marca o nosso Ano da Fé. • A novena é um roteiro que pode e deve ser enriquecido com a criatividade e a realidade da comunidade. NOVENA DE NATAL 2012 Página 3
  • 4. • Deixar os símbolos natalinos para a Festa do Natal. Agora ain- da é tempo de Advento-espera. • A montagem do presépio na Igreja já está acontecendo aos poucos em cada celebração da comunidade. Durante os en- contros um presépio pode ser montado aos poucos durante a Novena. • Lembrar de preparar: a próxima casa, o gesto concreto, a cele- bração de encerramento, etc. • Começar a pensar desde o inicio como será a Celebração de Encerramento, de preferência envolvendo os diversos grupos de Novena de Natal. • A maioria dos cantos está no livro “Cantai ao Senhor” da Ar- quidiocese. Aqueles que a comunidade não conseguir cantar poderão ser substituídos por outro na mesma linha. • O Gesto Concreto deve ser pensado com antecedência junto com todos os grupos da comunidade, desde a organização da Novena. • No final do livro foram colocados alguns anexos importantes. Eles irão ajudar ao grupo a enriquecer o conteúdo dos encon- tros. Não deixe de conferir. Equipe de Redação dos Círculos Bíblicos CEBI-ES – Centro de Estudos Bíblicos – ES Novembro de 2012 Página 4 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 5. Apresentação Irmãos e irmãs, Estamos iniciando um Novo Ano Litúrgico com o tempo do Advento. E queremos chegar até vocês para ajudá-los na prepara- ção da Festa da Encarnação, através da Novena de Natal. A Boa Notícia é: “O Senhor está para chegar!” E a nossa res- posta deve ser “Creio Senhor, mas aumentai a nossa Fé”! Com o Ano da Fé a Igreja nos propõe caminhar nessa direção. Viajando como Povo de Deus, ao longo dos textos bíblicos, queremos participar desse momento, conscientes que a nossa Fé vem desde o Primeiro Testamento. Ela perpassa o Segundo Tes- tamento e nos prepara para a volta gloriosa de Jesus – na sua 2ª vinda. Acompanhados de Maria, a Mãe de Jesus e nossa, vamos trilhar os caminhos deste tempo do Advento, nos preparando assim para celebrar a Encarnação e o nascimento do Salvador. Aproveitemos a oportunidade de graça que o próprio Deus nos concede. Por sua vez a Igreja não vive para si, mas para o mundo. Cada cristão participa dessa missão de proclamar a vinda do Senhor e de esperá-la com uma alegre expectativa. Isso é essencial na vida cristã. E o mistério do Advento nos insere nessa missão. Que essa Novena de Natal 2012 nos faça conhecer mais Jesus Cristo, aumente a nossa Fé e nos ajude a testemunhar a sua Força Redentora de Filho de Deus especialmente nas visitas que vamos fazer neste tempo. NOVENA DE NATAL 2012 Página 5
  • 6. Vençamos então este tempo de comodismo, de medo, de consu- mismo e de idolatria para Celebrarmos bem o Natal do Senhor! Rezemos então juntos: “Ó Vem Senhor, não tardes mais. Vem saciar nossa sede de Paz!”. Agradecemos a todos e todas o carinho com que nos acolheram durante esse ano, em sua casa, na sua comunidade ou seu grupo. Esperamos nos encontrar em 2013 em uma nova jornada. bons encontros, bom trabalho e muita esperança a todos e todas. Abraço fraterno, Pe. Manoel David Neto – Equipe de Redação e Elaboração – CEBI-ES Vitória, novembro de 2012 Página 6 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 7. Oração Final para Todos os Dias (Homens): Creio em um só Deus, Pai todo-poderoso Criador do Céu e da Terra, de todas as coisas visíveis e invisíveis. (Mulheres): Creio em um só Senhor, Jesus Cristo, Filho Unigénito de Deus, nascido do Pai antes de todos os séculos: Deus de Deus, luz da luz, Deus verdadeiro de Deus verdadeiro; gerado, não criado, consubstancial ao Pai. (Homens): Por Ele todas as coisas foram feitas. E por nós homens e para nossa salvação desceu dos Céus. E encarnou pelo Espírito Santo, no seio da Virgem Maria, e se fez homem. Também por nós foi crucificado sob Pôncio Pilatos; padeceu e foi sepultado. (Mulheres): Ressuscitou ao terceiro dia, conforme as Escrituras; e subiu aos Céus, onde está sentado à direita do Pai. De novo há-de vir em sua glória para julgar os vivos e os mortos; e o seu Reino não terá fim. NOVENA DE NATAL 2012 Página 7
  • 8. (Homens): Creio no Espírito Santo, Senhor que dá a vida, e procede do Pai e do Filho; e com o Pai e o Filho é adorado e glorificado: Ele que falou pelos profetas. (Todos): Creio na Igreja una, santa, católica e apostólica. Professo um só Baptismo para a remissão dos pecados. E espero a ressurreição dos mortos e a vida do mundo que há-de vir. Amém! O Credo Niceno-Constantinopolitano ou Símbolo Niceno- Constantinopolitano, é uma declaração de fé cristã que é aceito pela Igreja Católica Romana, Igreja Luterana, Igreja Ortodoxa e pela Igreja Anglicana. O nome está relacionado com o Primeiro Concílio de Niceia (325), no qual foi adoptado, e com o Primeiro Concílio de Constantinopla (381), onde foi aceita uma versão revista. Página 8 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 9. Carta Dom Luiz Mancilha Vilela, ss.cc. Vitória, 07 de Novembro de 2012 Caríssimos irmãos e irmãs animadores(as) dos Círculos Bíblicos Saúde e Paz! Tenho no meu coração e na minha mente aquele pequeno momento que passei com vocês, em Ponta Formosa, quando fui dar-lhes uma palavra de apoio e vi com alegria o salão cheio de apóstolos da Palavra de Deus. Louvado seja Deus! Quero, agora, em primeiro lugar, agradecer o empenho que todos tiveram durante este ano de 2012 na animação dos Círculos Bíblicos. Vocês formam um verdadeiro exército da Palavra de Deus que provoca em muita gente aquele ardor no coração, que anima e fortalece a fé de cada participante do Círculo Bíblico, como aconteceu com os discípulos de Emaús. Estes caminhavam com Jesus e sentiam, como que, um fogo que aquecia seus corações desanimados. Muito obrigado, queridos irmãos e irmãs, por este serviço tão precioso e tão importante. Continuem firmes neste santo serviço. A multiplicação dos Círculos Bíblicos em nossa Arquidiocese será um verdadeiro reforço e cultivo da fé neste Ano da Fé. Tomem como empenho e apostolado prioritário este serviço da fé: levar a Palavra de Deus NOVENA DE NATAL 2012 Página 9
  • 10. a todos os cristãos e pessoas de boa vontade através do método dos Círculos Bíblicos. Nossos lares, prédios, bairros e vilas são lugares para a escuta da Palavra de Deus! Não se esqueçam das Escolas Públicas e Particulares. Inventem um jeito de chegar até estes jovens e professores. Eles precisam e têm sede da Palavra de Deus! Peço aos meus queridos padres: sejam animadores dos animadores dos Círculos Bíblicos. Os senhores são por excelência os servos da Palavra de Deus! Conto com os senhores, caríssimos padres! Vamos pôr fogo no mundo com estes animadores dos círculos bíblicos, Fogo de Amor que vem da Palavra de Deus! Muito obrigado, senhores padres, pelo estímulo que têm dado e darão nos próximos anos aos apóstolos da Palavra de Deus, animadores dos Círculos bíblicos em nossa querida Arquidiocese de Vitória do Espírito Santo! Caríssimos, Deus os abençoe! Vamos caminhando, sem desanimar, porque o tempo é curto! Nosso povo precisa beber desta Fonte Sagrada, a Palavra de Deus! Muito obrigado! Nos Sagrados Corações Dom Luiz Mancilha Vilela, ss.cc. Arcebispo Metropolitano da Arquidiocese de Vitória do Espírito Santo Página 10 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 11. 1º DIA Tema: FÉ NA CAMINHADA: POVO DE DEUS CAMINHA LUTANDO PELA VIDA E LIBERDADE 01 - PREPARANDO O AMBIENTE Colocar em destaque a Bíblia, uma vela e alguns objetos ou símbolos que lembrem: caminhada, justiça, vitória, vida, liberdade. Colocar também pequenas imagens ou figuras de Maria e José que deverão acompanhar o grupo em todas as casas até a Celebração de Encerramento. 02 – ACOLHIDA Criar um ambiente fraterno de acolhida. Fazer uma apresentação pessoal dizendo nome e a sua origem ou lugar de nascimento. Uma pessoa da família que acolhe ou mesmo uma pessoa que anima o grupo dá as boas vindas a todas as pessoas. Cantar de forma bem orante o refrão ou outro de acolhida: TODOS: SEJA BEM VINDO QUEM CHEGA! (BIS) TRAZENDO A PAZ (BIS) TRAZENDO A PAZ DO SENHOR! 03 – SAUDAÇÃO INICIAL (Fazer de acordo com a realidade do grupo) 04 - INTRODUÇÃO Animador/a: Estamos no tempo da Esperança. O Advento é o tempo litúrgico da grande educação à esperança: uma esperança que se torna, pela graça de Deus, forte e paciente; que aceita a hora da provação e da perseguição; enfim, uma esperança confiante. NOVENA DE NATAL 2012 Página 11
  • 12. TODOS: Ó VEM SENHOR, NÃO TARDES MAIS. VEM SACIAR NOSSA SEDE DE PAZ! Leitor/a 1: Nosso Advento esse ano é ainda mais forte com o convite que a Igreja nos faz para celebrar o viver o Ano da Fé, aberto pelo Papa Bento XVI, em 11 de outubro. Celebramos assim os cinquenta anos do início do Concílio Vaticano II (1962- 1965) que abriu as portas da Igreja para o mundo. Leitor/a 2: Com essa Novena de Natal queremos abrir as portas de nossas vidas e de nossas famílias para celebrar a Salvação que o Senhor vem nos trazer! TODOS: ABRE AS PORTAS DEIXE ENTRAR O REI DA GLÓRIA. É O TEMPO E ELE VEM ORIENTAR A NOSSA HISTÓRIA! 05 - RECORDAÇÃO DA VIDA Animador/a: A vida humana é sempre uma caminhada. Estamos aqui peregrinando para a eternidade junto de Deus. Porém, somos convidados a fazer memória das diversas ações de Deus em nossas vidas a fim de que a gente cresça na esperança, apesar das dificuldades que aparecem na vida. Para Conversar: Desde que deixamos a nossa região ou cidade de origem: quais foram os principais sinais da presença de Deus que nos deram esperança pra chegar até aqui? Canto: Somos gente da esperança Página 12 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 13. 06 – ORAÇÃO INICIAL Animador/a: Aproveite-nos, ó Deus, a participação no mistério do Advento do vosso Filho. Ajudai-nos a amar desde agora o que é do céu e, caminhando entre as coisas que passam, abraçar aquelas que não passam. Por Cristo Nosso Senhor. Amém! 07 – SITUANDO O TEXTO BÍBLICO Leitor/a 1: No Livro do Êxodo encontramos muitas memórias da caminhada dos vários grupos que formaram o povo de Israel. Cada grupo foi contando sua experiência de fé e muito tempo depois dos acontecimentos esses relatos foram escritos para orientar a caminhada do povo. Canto: Tua Palavra 08 – TEXTO BÍBLICO: Ex 3,7-10 É bom que o texto seja lido até mais de uma vez para facilitar a compreensão. 09 – PARTILHANDO A PALAVRA a) De que maneira o povo percebe, neste texto bíblico, que pode ter fé na presença e na ação de Deus? b) Quais os sinais de esperança para aquele povo aparecem neste texto bíblico? c) Ligando este texto bíblico e o tempo do Advento que estamos vivendo, quais são os sinais de fé de esperança que a gente consegue ver? NOVENA DE NATAL 2012 Página 13
  • 14. PARA AJUDAR NA PARTILHA DA PALAVRA  A divindade que se revela a Moisés é cultuada pelos madianitas – pastores que vivem em regiões de deserto;  Moisés viveu com esse grupo e aprendeu a reconhecer a sua divindade que é a favor da vida, da justiça e da liberdade;  As características da divindade que se revela a Moisés e aos madianitas são: Deus que vê, ouve, conhece e desce para libertar quem está oprimido;  Essas características da divindade passaram a fazer parte da religião do povo de Israel, quando este se formou.  E a nossa fé, fundamentada na Bíblia, tem suas bases nessa divindade libertadora; Acreditamos e defendemos que Deus quer a Vida para todos os seus filhos e filhas. 10 - CELEBRANDO A VIDA Animador/a: Neste tempo do Advento somos agraciados com a celebração das duas vindas de Deus em nosso meio: a Encarnação e a volta gloriosa de seu Filho Jesus Cristo. Usemos a palavra do salmista para expressar nossa oração através do Salmo 8. TODOS: Ó DEUS COMO É GRANDE O VOSSO NOME! Teu nome é Senhor, maravilhoso, por todo o universo conhecido; Até por crianças pequeninas tua força domina o inimigo. Página 14 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 15. Olhando pro céu que Tu fizeste, pra lua e as estrelas tão bonitas. Indago o lugar que cabe ao homem, que vale aos teus olhos sua vida? TODOS: Ó DEUS COMO É GRANDE O VOSSO NOME! A um deus semelhante o fizeste, coroado de glória e de valor, de Ti recebeu poder e força de tudo vencer e ser senhor. Dos bois, das ovelhas nos currais, das feras que vivem pelas matas, dos peixes do mar, dos passarinhos, de tudo o que corta o ar e as águas. TODOS: Ó DEUS COMO É GRANDE O VOSSO NOME! A Deus criador pertence a glória, ao verbo em Jesus manifestado, Divino amor que rege a história, vem, fica para sempre ao nosso lado. (Este salmo pode ser rezado ou cantado, desde que seja feito como grupo) 11 - PAI NOSSO (motivar) 12 – ORAÇÃO FINAL (rezar o Credo Niceno- Constantinopolitano) Animador/a: O Credo Niceno-Constantinopolitano ou Símbolo Niceno-Constantinopolitano, é uma declaração de fé cristã que é aceito pela Igreja Católica Romana, Igreja Luterana, Igreja Ortodoxa e pela Igreja Anglicana. O NOVENA DE NATAL 2012 Página 15
  • 16. nome está relacionado com o Primeiro Concílio de Niceia (325), no qual foi adoptado, e com o Primeiro Concílio de Constantinopla (381), onde foi aceita uma versão revista. Leitor/a 1: Em comunhão com a Igreja espalhada pelo mundo inteiro, rezemos a nossa Profissão de Fé marcando o nosso compromisso com o Ano da Fé. 13 - BENÇÃO FINAL Animador/a: O Deus onipotente e misericordioso nos ilumine com o Advento de seu Filho, em cuja vinda cremos e cuja volta esperamos e derrame sobre nós as suas bênçãos! Amém! Animador/a: Durante essa vida Ele nos torne firmes na fé, alegres na esperança e prestativo na solidariedade. Amém! Animador/a: Alegrando-nos agora com a vinda do Salvador feito homem, sejamos recompensados com a vida eterna, quando Ele vier de novo em sua glória. Amém! Animador/a: Abençoe-nos o Deus que caminha conosco. Ele que é Pai, filho e Espírito Santo. Amém! Canto: Isaías 14 - LEMBRETES FINAIS Página 16 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 17. - CARTA DO ARCEBISPO: Ler a Carta de D. Luiz destinada a todas as pessoas dos Grupos de Círculos Bíblicos. Ela deve ser lida em mais de um encontro (ex. início e encerramento da Novena) e também deve ser lida no Conselho da Comunidade e da Paróquia, pois interessa a todas as pessoas. - VISITAS: Ver direitinho as próximas casas que serão visitadas. - GESTO CONCRETO: O grupo deve começar a pensar um Gesto Concreto Comum – sinal de compromisso e solidariedade. Ele pode ser feito de acordo com a realidade do grupo, em sintonia com todos os outros grupos da comunidade. Conversar com antecedência. - CONFRATERNIZAÇÃO: pensar se vai haver uma Confraternização Final reunindo todos os grupos da Comunidade. Combinar dia, hora, local, etc. NOVENA DE NATAL 2012 Página 17
  • 18. 2º DIA TEMA: FÉ E PROFECIA - COMPROMISSO COM A VIDA E DENÚNCIA DAS INJUSTIÇAS. 01 - PREPARANDO O AMBIENTE Colocar em destaque a Bíblia, uma vela e alguns objetos ou símbolos que lembrem: profetas de ontem e de hoje, sinais de vida e de morte. É importante convidar e envolver o pessoal da catequese e perseverança e outros. Colocar também pequenas imagens ou figuras de Maria e José que deverão acompanhar o grupo em todas as casas até a Celebração de Encerramento. 02 – ACOLHIDA Criar um ambiente fraterno de acolhida. Fazer uma apresentação de pessoas que não vieram no encontro anterior. Uma pessoa da família que acolhe ou mesmo uma criança ou adolescente faz a acolhida e uma motivação inicial. Cantar de forma bem orante o refrão ou outro de acolhida: TODOS: QUE BOM QUE VOCÊ VEIO (BIS), FOI O MAOR DE CRISTO QUE TE TROUXE ATÉ AQUI! 03 – SAUDAÇÃO INICIAL (Fazer de acordo com a realidade do grupo) 04 - INTRODUÇÃO Animador/a: A liturgia do Tempo do Advento, por meio dos textos do profeta Isaías nos apresenta o Deus que aterra os vales, aplaina as montanhas, faz com que o deserto floresça, coloca Página 18 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 19. juntos o leão e o cordeiro. É o Deus do impossível, que vem para proteger os pobres e dissipar as trevas por meio da sua Luz. (cf. Is 9, 1-6; 40, 1-30; 45, 7-8) TODOS: SENHOR VEM SALVAR TEU POVO DAS TREVAS DA ESCRAVIDÃO, SÓ TU ÉS NOSSA ESPERANÇA, ÉS NOSSA LIBERTAÇÃO! Leitor/a 1: Assim também celebrar o Ano da Fé é reafirmar a nossa convicção de que nosso Deus continua cumprindo as suas profecias e promessas para com o seu povo desde o Primeiro Testamento até os dias de hoje. Essa certeza nos vem por meio de Jesus Cristo, Salvador do mundo. Ele veio uma primeira vez em nossa humanidade e vai voltar de forma definitiva em sua glória. TODOS: VEM SENHOR, VEM NOS SALVAR! COM TEU POVO, VEM CAMINHAR! (BIS) Leitor/a 2: É preciso porém que não nos esqueçamos que o Tempo do Advento e o Ano da Fé são sinais da ação de Deus na história. Mas será preciso que esses momentos de graça na vida da Igreja e da humanidade despertem em nós o compromisso com a profecia, ou seja, a Libertação que vem de Deus acontece com a participação de todos e de cada um de nós. Hoje somos os profetas e as profetizas de nosso tempo! TODOS: PELO BATISMO RECEBI UMA MISSÃO, VOU TABALHAR PELO REINO DO SENHOR, VOU ANUNCIAR O EVANGELHO PARA OS POBRES, VOU SER PROFETA, SACERDOTE, REI, PASTOR! 05 - RECORDAÇÃO DA VIDA NOVENA DE NATAL 2012 Página 19
  • 20. Animador/a: A história, da nossa fé e da nossa vida, está sempre marcada pelo testemunho de muitos homens e mulheres que assumiram o seu batismo até as últimas consequências. Essas pessoas – chamadas de profetas e profetisas - deram sua vida por que tinham uma fé muito grande em Deus e no seu Filho Jesus Cristo. Para conversar: Quais são os principais nomes de profetas – de ontem e de hoje - que conhecemos ou ouvimos falar? O que marcou a vida deles para nós? Canto: Vem Senhor, vem nos salvar 06 – ORAÇÃO INICIAL Animador/a: Despertai, ó Deus, os nossos corações a fim de prepararmos os caminhos do vosso Filho. Fazei que, nesse Advento, assumindo nossa vocação profética possamos vos servir na justiça, na solidariedade e caminhar com Ele pelos caminhos da vossa justiça. Por Cristo Nosso Senhor. Amém! 07 – SITUANDO O TEXTO BÍBLICO Leitor/a 2: As profecias atribuídas a Isaías que estão entre os capítulos 56 a 66 são do período chamado de pós-exílio para o Povo de Israel. Esses textos foram escritos aproximadamente entre os anos 520 a 500 AEC (antes da era comum). São profecias que apresentam alternativas de uma nova sociedade a partir da sua experiência de fé e vida. Canto: A Palavra de Deus já chegou 08 - TEXTO BÍBLICO: Is 61,1-3 Página 20 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 21. 09 - PARTILHANDO A PALAVRA a) Destacar neste texto bíblico as diferentes ações que o Espírito provoca na vida daquela pessoa que foi ungida e enviada. b) Quais são os destinatários da profecia - a quem o Espirito envia o profeta? c) Neste tempo do Advento, que situações e pessoas ainda estão precisando de profetas em nossos dias? PARA AJUDAR NA PARTILHA DA PALAVRA  A divindade do Êxodo, que vê, ouve, conhece e desce para libertar, continua agindo na ação dos profetas e profetisas;  A voz de Deus se faz ouvir nas denúncias das injustiças;  Profetas e profetisas são anunciadores/as da presença de Deus para que a vida seja resgatada. 10 - CELEBRANDO A VIDA Animador/a: Assim como tantos profetas que vieram antes de nós, também muitas vezes temos medo de anunciar a Boa Notícia e denunciar as injustiças em nossos dias de hoje. Com a letra dessa canção de Pe. Zezinho, O Profeta, rezemos pedindo a força do Espírito sobre todos nós para assumirmos nossa missão. Leitor/a 1: Eu não sei cantar, eu não sei rezar / Eu não sei fazer canções bonitas / Como tanta gente faz Sou como criança que só sabe balbuciar mesmo / Assim teu amor me mandou profetizar. NOVENA DE NATAL 2012 Página 21
  • 22. Leitor/a 2: Minha profecia é feita de alegria / Eu não sei cantar o amor perdido / Como tanta gente faz Sou como criança que da noite faz o dia / Depois que fez a manhã está sorrindo de alegria. TODOS: AI DE MIM SE EU NÃO DISSER, AS VERDADES QUE OUVI, AI DE MIM SE EU ME CALAR, QUANDO DEUS ME MANDAR FALAR! (cantar) Leitor/a 1: Canto quando choro, canto pra sorrir / Minha profecia o mundo inteiro vai ouvir / Canto pela paz, canto contra a guerra / Canto pra varrer o egoísmo dessa guerra. Leitor/a 2: Teu amor me disse vai falar de paz / Eu não sei falar de armistício como tanta gente faz Creio na criança, no jovem e no velho / Na minha vida eu vou escrever teu evangelho. TODOS: AI DE MIM SE EU NÃO DISSER, AS VERDADES QUE OUVI, AI DE MIM SE EU ME... Canto: Se calarem a voz dos profetas 11 - PAI NOSSO Animador/a: A força de Jesus vinha do Pai; a força dos profetas é fruto da confiança em Deus. Rezemos pedindo ao Pai que Ele nos sustente em nossa caminhada de batizados e batizadas. Pai Nosso... 12 – ORAÇÃO FINAL (rezar o Credo Niceno-Constantinopolitano) Página 22 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 23. Animador/a: O Credo Niceno-Constantinopolitano ou Símbolo Niceno-Constantinopolitano, é uma declaração de fé cristã que é aceito pela Igreja Católica Romana, Igreja Luterana, Igreja Ortodoxa e pela Igreja Anglicana. O nome está relacionado com o Primeiro Concílio de Niceia (325), no qual foi adoptado, e com o Primeiro Concílio de Constantinopla (381), onde foi aceita uma versão revista. Leitor/a 1: Em comunhão com a Igreja espalhada pelo mundo inteiro, rezemos a nossa Profissão de Fé marcando o nosso compromisso com o Ano da Fé. 13 - BENÇÃO FINAL Animador/a: O Deus onipotente e misericordioso nos ilumine com o Advento de seu Filho, em cuja vinda cremos e cuja volta esperamos e derrame sobre nós as suas bênçãos! Amém! Animador/a: Durante essa vida Ele nos torne firmes na fé, alegres na esperança e prestativo na solidariedade. Amém! Animador/a: Alegrando-nos agora com a vinda do Salvador feito homem, sejamos recompensados com a vida eterna, quando Ele vier de novo em sua glória. Amém! Animador/a: Abençoe-nos o Deus que caminha conosco. Ele que é Pai, filho e Espírito Santo. Amém! Canto Final: Anunciação 14 - LEMBRETES FINAIS NOVENA DE NATAL 2012 Página 23
  • 24. - CARTA DO ARCEBISPO: Ler a Carta de D. Luiz destinada a todas as pessoas dos Grupos de Círculos Bíblicos. Ela deve ser lida em mais de um encontro (ex. início e encerramento da Novena) e também deve ser lida no Conselho da Comunidade e da Paróquia, pois interessa a todas as pessoas. - VISITAS: Ver direitinho as próximas casas que serão visitadas. - GESTO CONCRETO: O grupo deve continuar a pensar um Gesto Concreto Comum – sinal de compromisso e solidariedade. Ele pode ser feito de acordo com a realidade do grupo, em sintonia com todos os outros grupos da comunidade. Conversar com antecedência. - CONFRATERNIZAÇÃO: pensar se vai haver uma Confraternização Final reunindo todos os grupos da Comunidade. Combinar dia, hora, local, etc. Página 24 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 25. 3º DIA TEMA: FÉ E SABEDORIA: MEMÓRIA POPULAR REVELANDO O DEUS NA VIDA. 01. PREPARANDO O AMBIENTE Colocar em destaque a Bíblia, uma vela e alguns nomes de mulheres que foram ou são importantes para a vida da comunidade, do bairro ou do município. Colocar também pequenas imagens ou figuras de Maria e José que deverão acompanhar o grupo em todas as casas até a Celebração de Encerramento. Canto: VEM Ó SENHOR COM O TEU POVO CAMINHAR 02. ACOLHIDA Criar um clima de aconchego e alegria, acolhendo cada uma das pessoas presentes, especialmente aquelas que estão vindo pela primeira vez. Cantar um refrão de acolhida. 3. SAUDAÇÃO INICIAL (Fazer de acordo com a realidade do grupo) 04 - INTRODUÇÃO Animador/a: Estamos vivenciando o Advento, tempo de renovar a esperança e afirmar nossa fé no Deus da vida. O Advento, com a sua liturgia própria, nos ajuda a ver a história como lugar do agir das promessas de Deus. REFRÃO: VEM, SENHOR, VEM NOS SALVAR/ COM TEU POVO VEM CAMINHAR. Leitor/a 1: De forma toda especial, neste Ano da Fé, queremos NOVENA DE NATAL 2012 Página 25
  • 26. renovar nosso compromisso em manter viva a memória de nossas lutas e vitórias, motivadas pela vivência em comunidade. A certeza da presença viva e libertadora de Deus nos anima e encoraja a seguir, resistindo a todas as formas de opressão e celebrando cada passo da caminhada. CANTO: Vem, Senhor, vem nos salvar 05 - RECORDAÇÃO DA VIDA Animador/a: A nossa caminhada de fé e vida se faz aos poucos, com pequenos passos dados em direção ao projeto de Deus. É muito importante contar, registrar, fazer memória do que vai sendo experimentado durante a caminhada para perceber como Deus vai agindo em no mundo, por meio de nossas próprias ações. Para conversar: Quais foram os momentos importantes da nossa história que mais nos marcaram? [Trazer presente algumas lutas (do bairro, da vila, do córrego) que tiveram grande participação das mulheres e contribuíram para melhorar a vida das pessoas do lugar (luta por creche, posto de saúde, escola, calçamento de rua, melhoria nas estradas, limpeza de rios, etc.)]. Canto: a escolher 06 - ORAÇÃO INICIAL Animador: Ó Deus que inspirastes mulheres e homens e os inflamastes de amor a não se conformar com a injustiça, a violência e a opressão. Concedei-nos por esse tempo do Advento que instruídos pela força do Espírito Santo nos coloquemos a serviço da vida especialmente dos pobres de nosso tempo. Por Cristo Nosso Senhor. Amém! 07 – SITUANDO TEXTO BÍBLICO: Página 26 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 27. Leitor/a 1: O livro de Judite é um texto que pertence ao gênero literário conhecido como novela bíblica. Essa foi uma maneira que o povo simples das aldeias encontrou para contar suas experiências com o Deus da vida e suas lutas em defesa dos oprimidos. As memórias do livro de Judite foram escritas durante a dominação grega, por volta do ano 165 AEC (antes da era comum). Canto: Envia tua Palavra 08 – TEXTO BÍBLICO: Jt 15,12–16,5 (Livro de Judite, capítulo 15, do versículo 12 até o versículo 5 do capítulo 16. Ler em sequência). 09 - PARTILHANDO A PALAVRA Animador/a: Vamos meditar sobre o texto que ouvimos e em seguida partilhar o que refletimos: a) O que mais chamou nossa atenção no texto bíblico? b) Como estava a situação vivida pelo povo, de acordo com este texto de Judite? c) Qual foi a reação da comunidade, em especial das mulheres, após a vitória conquistada? PARA AJUDAR NA PARTILHA DA PALAVRA  As Comunidades das aldeias contavam suas histórias, fazendo memória da ação libertadora de Deus em suas vidas;  A ação de Deus ia acontecendo nas ações humanas, de mulheres e homens que não se conformavam com a opressão.  A fé se renovava nas celebrações pela vitória, pela libertação. 10 - CELEBRANDO A VIDA NOVENA DE NATAL 2012 Página 27
  • 28. Animador/a: Ouvimos no texto que conta a história de Judite. Após conseguir libertação do seu povo, Judite celebrou em honra ao Deus da vida, junto com muitas mulheres e homens. Ela colheu flores, distribuiu às mulheres que a acompanhavam e conduziu a dança. E todos seguiam Judite entoando hinos. Leitor/a 3: É a festa da vida, celebrada a cada conquista, a cada vitória. É a afirmação da Fé que nos move para a construção de um reino de paz e de justiça. Por isso, também nós queremos celebrar as conquistas de tantas mulheres, com as palavras de sabedoria da poetiza Angelina Reis: Leitor/a 1: As mulheres multiplicavam, / melhorando o movimento. / As que não sabiam ler, / já escrevem com acento. / Tem muitas que nada sabem / maioria está por dentro. Leitor/a 2: As mulheres mudaram de vida, / conheceram a posição, / ainda tinha algumas simples / hoje não está boba mais não, / de tanto ser massacrada, / gritou a libertação. Leitor/a 3: Uma ajudando a outra / a conhecer seus direitos. / Umas vão até o governo, / outras até o prefeito. / Depois de lutar e trabalhar / muitas coisas temos feito. TODOS: IRÁ CHEGAR UM NOVO DIA...... Leitor/a 1: As mulheres vem crescendo / cada dia um pouquinho. / Tirando venda do olho, / embora devagarinho. Bastantes delas já viram / Por onde é o caminho. Leitor/a 2: Isso mesmo, companheira, / nós não podemos parar. / Vamos unir nossas forças / para os problemas enfrentar. Os direitos das mulheres / ninguém pode tirar. Página 28 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 29. Leitor/a 3: Quem sempre quer estar junto, / dialogando com vocês / é esta simples mulher / que já viram muitas vezes / quem não deixa de falar / sou eu, Angelina Reis. TODOS: IRÁ CHEGAR UM NOVO DIA...... 11 - PAI NOSSO: (motivar) 12 – ORAÇÃO FINAL (rezar o Credo Niceno-Constantinopolitano) Animador/a: O Credo Niceno-Constantinopolitano ou Símbolo Niceno-Constantinopolitano, é uma declaração de fé cristã que é aceito pela Igreja Católica Romana, Igreja Luterana, Igreja Ortodoxa e pela Igreja Anglicana. O nome está relacionado com o Primeiro Concílio de Niceia (325), no qual foi adoptado, e com o Primeiro Concílio de Constantinopla (381), onde foi aceita uma versão revista. Leitor/a 1: Em comunhão com a Igreja espalhada pelo mundo inteiro, rezemos a nossa Profissão de Fé marcando o nosso compromisso com o Ano da Fé. 13 - BENÇÃO FINAL Animador/a: O Deus onipotente e misericordioso nos ilumine com o Advento de seu Filho, em cuja vinda cremos e cuja volta esperamos e derrame sobre nós as suas bênçãos! Amém! Animador/a: Durante essa vida Ele nos torne firmes na fé, alegres na esperança e prestativo na solidariedade. Amém! Animador/a: Alegrando-nos agora com a vinda do Salvador feito homem, sejamos recompensados com a vida eterna, quando Ele vier de novo em sua glória. Amém! NOVENA DE NATAL 2012 Página 29
  • 30. Animador/a: Abençoe-nos o Deus que caminha conosco. Ele que é Pai, filho e Espírito Santo. Amém! Canto Final: a escolher 14 – LEMBRETES FINAIS - CARTA DO ARCEBISPO: Ler a Carta de D. Luiz destinada a todas as pessoas dos Grupos de Círculos Bíblicos. Ela deve ser lida em mais de um encontro (ex. início e encerramento da Novena) e também deve ser lida no Conselho da Comunidade e da Paróquia, pois interessa a todas as pessoas. - VISITAS: Ver direitinho as próximas casas que serão visitadas. - GESTO CONCRETO: O grupo deve continuar a pensar um Gesto Concreto Comum – sinal de compromisso e solidariedade. Ele pode ser feito de acordo com a realidade do grupo, em sintonia com todos os outros grupos da comunidade. Conversar com antecedência. - CONFRATERNIZAÇÃO: pensar se vai haver uma Confraternização Final reunindo todos os grupos da Comunidade. Combinar dia, hora, local, etc. Página 30 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 31. 4º DIA TEMA: FÉ E RESISTÊNCIA - ESPERANÇA DOS POBRES NA LIBERTAÇÃO 01 - PREPARANDO O AMBIENTE Colocar em destaque a Bíblia, uma vela e alguns objetos ou símbolos que lembrem o texto bíblico de hoje, especialmente sinais de resistência e fartura. Colocar também pequenas imagens ou figuras de Maria e José que deverão acompanhar o grupo em todas as casas até a Celebração de Encerramento. 02 – ACOLHIDA Criar um ambiente fraterno de acolhida. Fazer uma apresentação de pessoas que estão participando pela primeira vez. Uma pessoa da família que acolhe o encontro faz a acolhida e uma motivação inicial. Cantar de forma bem orante o refrão ou outro de acolhida: TODOS: SEJA BEM VINDO, OLÊ, LÊ! SEJA BEM VINDO OLÁ, LÁ! PAZ E BEM PRÁ VOCÊ QUE VEIO PARTICIPAR! (BIS) 03 – SAUDAÇÃO INICIAL (Pode ser cantada ou rezada, sempre de acordo com a realidade do grupo) 04 - INTRODUÇÃO Animador/a: Em toda a liturgia do Advento ressoam as promessas de Deus que foram cumpridas em Jesus Cristo. No fim dos tempos, irá se realizar em definitivo a história das “promessas de Deus” e aparecerá o objeto de todas essas promessas, isto é, o próprio NOVENA DE NATAL 2012 Página 31
  • 32. Deus será visto e contemplado em toda a riqueza da sua graça. TODOS: VEM SENHOR, VEM NOS SALVAR.... Leitor/a 1: É essa a expectativa gerada no Tempo do Advento. Ela nos conduz a um estado de vigilância e de preparação para esse grande momento. A expectativa vigilante é sempre acompanhada da alegria. Por isso podemos afirmar que o Advento é tempo de expectativa jubilosa porque aquilo que se espera certamente acontecerá. Deus é sempre fiel. TODOS: VEM SENHOR, VEM NOS SALVAR.... Leitor/a 2: Ter Fé não é acreditar apenas naquilo que se vê. Ter Fé é esperar e acreditar naquilo que ainda não se vê. Temos a esperança que vai acontecer porque Deus cumpre as suas promessas. O Ano da Fé tem essa finalidade, ou seja, motivar os cristãos e as cristãs a acreditar que Deus é fiel e as suas promessas já se cumprem agora neste tempo entre nós. Canto: Somos gente da esperança 05 - RECORDAÇÃO DA VIDA Animador/a: Vivemos esse Advento em um mundo onde ainda é grande a violência, a pobreza e falta de amor. Essa falta de cuidado com a vida tem crescido assustadoramente. O perigo é acharmos isso normal, pois como se costuma dizer por aí: “É Deus que quer assim!”. Para Conversar: Será mesmo que “É Deus que quer assim”? (Ex.: que os jovens se matem por coisas banais; que as mulheres sejam mortas por seus namorados, companheiros, maridos; que as meninas comecem a Página 32 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 33. se prostituir dentro de suas casas, barracos, apartamentos; que a bebida e outras drogas continuem destruindo as famílias; que a religião seja usada para enganar muitas pessoas e encher os bolsos de alguns?). Será que estamos anestesiados, acomodados sem resistir a todas essas coisas ruins e justificamos dizendo que essa covardia é a vontade de Deus? (deus-covarde). Canto: Ouve-se na terra um grito 06 – ORAÇÃO INICIAL Animador/a: Despertai, ó Deus, em vosso povo, a vigilância, a confiança e a fé, e neste tempo do Advento renovai os nossos corações, a fim de que possamos, com a vossa proteção, vencer os medos e perigos que nos impedem de acreditar no cumprimento das vossas promessas. Por Cristo Nosso Senhor. Amém! 07 – SITUANDO O TEXTO BÍBLICO Leitor/a 1: O livro de Joel surgiu no período do pós-exílio, após o ano 400 AEC (antes da era comum). Nesse período a comunidade judaica vivia uma grande crise: econômica, política e religiosa. Mas, mesmo em meio a muitos problemas, quando tudo parecia estar perdido, ainda era preciso resistir e acreditar. Canto: Boa Notícia 08 – TEXTO BÍBLICO - Jl 2,21-27 NOVENA DE NATAL 2012 Página 33
  • 34. É importante que o texto bíblico seja lida mais de uma vez e de forma bem vibrante, como anúncio de Boa Notícia, afinal de contas essa é a Palavra de Deus. 09 - PARTILHANDO A PALAVRA a) Destacar no texto bíblico cada uma das palavras de encorajamento e notícia boa que aparece. b) De que maneira cada uma dessas boas notícias do texto bíblico pode ter modificado a vida daquele povo e que sentimento pode ter provocado entre eles? c) Neste Tempo do Advento, de que maneira esse texto bíblico pode nos dar alegria e a encorajamento? PARA AJUDAR NA PARTILHA DA PALAVRA  Em tempo de muita opressão, as comunidades messiânicas das aldeias de Judá alimentavam sua esperança no novo que viria.  A fundamentação de sua fé e esperança se manifestava na transformação das estruturas que matavam a vida.  Nesse tempo novo todas as criaturas seriam resgatadas. 10 - CELEBRANDO A VIDA Animador/a: Depois de ouvir as boas notícias que Deus fala por meio do profeta Joel, vamos cantar (ou rezar) um Bendito, de Pe. Geraldo Leite Bastos, louvando e agradecendo pela fidelidade de Deus. TODOS: É BOM CANTAR UM BENDITO, UM CANTO NOVO, UM LOUVOR! (BIS) Página 34 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 35. 1. Ao Deus dos tempos de outrora, suprema força da história, / que merece toda glória, por Jesus nosso Senhor! (bis) 2. Por Jesus, o prometido, por profetas já predito, / pela virgem concebido e esperado com amor! (bis) 3. Jesus, por João anunciado, presente entre nós mostrado, / por ele o prazer é dado de esperá-lo com ardor! (bis) 4. Ao preparar seu natal, querer sua vinda final, quando finda todo mal e se acaba toda dor! (bis) 5. Que na prece vigiemos, de esperar não nos cansemos, à sua vinda nos achemos, celebrando seu louvor. (bis) 6. E agora, ó Desejado, o teu povo congregado, céus e a terra irmanado, vão louvar o seu Senhor! (bis) 11 - PAI NOSSO Animador/a: Renovemos nossa perseverança e persistência diante das dificuldades que enfrentamos nos dias de hoje, rezando a oração que o próprio Jesus nos ensinou. 12 – ORAÇÃO FINAL (rezar o Credo Niceno-Constantinopolitano) Leitor/a 1: Em comunhão com a Igreja espalhada pelo mundo inteiro, rezemos a nossa Profissão de Fé marcando o nosso compromisso com o Ano da Fé. 13 - BENÇÃO FINAL Animador/a: O Deus onipotente e misericordioso nos ilumine com o Advento de seu Filho, em cuja vinda cremos e cuja volta esperamos e derrame sobre nós as suas bênçãos! Amém! NOVENA DE NATAL 2012 Página 35
  • 36. Animador/a: Durante essa vida Ele nos torne firmes na fé, alegres na esperança e prestativo na solidariedade. Amém! Animador/a: Alegrando-nos agora com a vinda do Salvador feito homem, sejamos recompensados com a vida eterna, quando Ele vier de novo em sua glória. Amém! Animador/a: Abençoe-nos o Deus que caminha conosco. Ele que é Pai, Filho e Espírito Santo. Amém! Canto Final: É missão de todos nós Página 36 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 37. 5º DIA TEMA: O SIM DE MARIA - FÉ E ESPERANÇA 01 - PREPARANDO O AMBIENTE Colocar em destaque a Bíblia, uma vela e alguns objetos ou símbolos que lembrem o texto bíblico de hoje, especialmente o chamado de Deus e também o Tempo do Advento que estamos celebrando. Colocar também pequenas imagens ou figuras de Maria e José que deverão acompanhar o grupo em todas as casas até a Celebração de Encerramento. 02 – ACOLHIDA Criar um ambiente fraterno de acolhida. Fazer uma apresentação de pessoas que estão participando pela primeira vez. Convidar e envolver, especialmente um grupo de senhoras da Comunidade neste encontro. Uma pessoa da família que acolhe o encontro faz a acolhida e uma motivação inicial. Cantar de forma bem orante o refrão ou outro de acolhida: TODOS: MARIA, CHEIA DE GRAÇA E CONSOLO, / VEM CAMINHAR COM O TEU POVO, / NOSSA MÃE SEMPRE SERÁ! (BIS) 03 – SAUDAÇÃO INICIAL (cantar) Animador/a: EM NOME DO PAI; EM NOME DO FILHO; EM NOME DO ESPÍRITO SANTO. AMÉM! A GRAÇA DO PAI, O AMOR DE DEUS FILHO E O ESPIRITO SANTO COM A GENTE. AMÉM! 04 – INTRODUÇÃO Animador/a: De acordo com o Papa Paulo VI, o tempo do NOVENA DE NATAL 2012 Página 37
  • 38. Advento é o tempo de venerar Maria como a Mãe do Salvador e nossa. Na Exortação Apostólica “Marialis Cultus” (02/02/1974) o papa diz à Igreja: Leitor/a 1: “Os fiéis que procuram viver com a Liturgia o espírito do Advento, ao considerarem o amor inefável com que a Virgem Mãe esperou o Filho, serão levados a tomá-la como modelo e a prepararem-se, também eles, para irem ao encontro do Salvador que vem, “bem vigilantes na oração e... celebrando os seus divinos louvores”. TODOS: MARIA, MÃE DOS CAMINHANTES, ENSINA- NOS A CAMINHAR. NÓS SOMOS TODOS VIANDANTES, MAS É DIFICIL SEMPRE ANDAR (BIS)! Animador/a: Na carta convocando o Ano da Fé, o Papa Bento XVI fala que “a fé cresce quando é vivida como experiência de um amor recebido e é comunicada como experiência de graça e de alegria. A fé torna-nos fecundos, porque alarga o coração com a esperança e permite oferecer um testemunho que é capaz de gerar. [...] Só acreditando é que a fé cresce e se revigora”. TODOS: MARIA, MÃE DOS CAMINHANTES, ENSINA- NOS A CAMINHAR. NÓS SOMOS TODOS VIANDANTES, MAS É DIFICIL SEMPRE ANDAR (BIS)! 05 - RECORDAÇÃO DA VIDA Animador/a: O tempo do Advento é marcado por várias contradições. Uma delas está no fato de que o aspecto que mais aparece nessa época é o consumismo, os presentes, a compra sem responsabilidade. Por sua vez a presença simples de Maria e a Encarnação de Jesus não combinam com esse clima atual. Página 38 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 39. Para Conversar: Que sinais verdadeiros, de uma Espiritualidade do Advento, podemos perceber em nosso meio? Canto: A escolhida 06 – ORAÇÃO INICIAL Animador/a: Senhor Deus, ao anúncio do Anjo, Maria acolheu o Verbo que se fez carne e se tornou uma habitação inundada pelo Espírito Santo. Concedei que a exemplo de Maria, abracemos humildemente a vossa vontade. Por Nosso senhor Jesus Cristo...... 07 – SITUANDO O TEXTO BÍBLICO Leitor/a 2: O Evangelho da Comunidade de Lucas traz as memórias de cristãos e cristãs, espalhados pelas comunidades da Ásia Menor e da Grécia, entre os anos 80 e 90 da EC (era comum). Essas comunidades viviam em grandes cidades, com diversidade cultural e religiosa. Nesse contexto eles precisavam afirmar sua crença e viver o Evangelho. Canto: Envia tua Palavra 08 - TEXTO BÍBLICO - Lc 1,26-37 Este texto bíblico além de ser lido pode também ser encenado ou dramatizado para ajudar na compreensão da mensagem. 09 - PARTILHANDO A PALAVRA a) Destacar cada personagem que aparece no texto e a ação de cada um. b) Quais os riscos e as possíveis consequências do Sim de Maria, naquela sociedade machista e como ela se posicionou? NOVENA DE NATAL 2012 Página 39
  • 40. c) Que ensinamentos, especialmente neste Tempo do Advento, este texto bíblico pode trazer para nós, nessa realidade atual? PARA AJUDAR NA PARTILHA DA PALAVRA  Deus visitou seu povo por meio de uma jovem, pobre, de Nazaré da Galileia.  A casa é o lugar da manifestação de Deus.  A situação vivida por essa jovem não era tranquila, não era comum para o seu tempo, para a sua cultura.  O sim de Maria significou um risco... As estruturas sociais e religiosas não estavam preparadas para acolher o novo...  Deus age na contramão da história... 10 - CELEBRANDO A VIDA Animador/a: Neste dia rezemos com Maria a alegria da escolha e do seu Sim ao Projeto de Deus de salvar os seus filhos e filhas por meio de Jesus Cristo nosso Salvador! CONSAGRAÇÃO À NOSSA SENHORA (pode ser cantada) Ó, Minha Senhora e também minha mãe / Eu me ofereço, inteiramente todo a vós. / E em prova da minha devoção. Eu hoje vos dou meu coração. Consagro a vós meus olhos, meus ouvidos, minha boca. / Tudo o que sou, desejo que a vós pertença. / Incomparável mãe, guardai- me e defendei-me, / Como filho e propriedade vossa, Amém. / Como filho e propriedade vossa, Amém. Ó, Minha Senhora e também minha mãe / Eu me ofereço, inteiramente todo a vós. / E em prova da minha devoção. Eu hoje vos dou meu coração. Consagro a vós meus olhos, meus ouvidos, minha boca. / Tudo o que sou, desejo que a vós pertença / Incomparável mãe, guardai- Página 40 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 41. me e defendei-me, / Como filho e propriedade vossa, Amém. / Como filho e propriedade vossa. Amém! (Em seguida concluir rezando 3 Ave Marias) 11 - PAI NOSSO Animador/a: No Sim de Maria o Salvador entra na história humana. Rezemos a pedindo que Ele nos ajude em nossos dias a responder generosamente aos apelos que recebemos todos os dias pela paz, pela solidariedade e pela vida. Pai Nosso que estais...... 12 – ORAÇÃO FINAL (rezar o Credo Niceno-Constantinopolitano) Leitor/a 1: Em comunhão com a Igreja espalhada pelo mundo inteiro, rezemos a nossa Profissão de Fé marcando o nosso compromisso com o Ano da Fé. 13 - BENÇÃO FINAL Animador/a: O Deus de bondade, que gerou o seu Filho no ventre da Virgem Maria para nos salvar a todos nos enriqueça com a sua bênção. AMÉM! Animador/a: Ele nos conceda sentir sempre e por toda parte a proteção da Virgem Maria, que acolheu o autor da vida. AMÉM! Animador/a: E a nós que nos reunimos aqui hoje para esse encontro da Novena de Natal possamos caminhar com a Virgem ao encontro do Salvador que vem. AMÉM! Animador/a: Abençoe-nos o Deus rico em misericórdia – o Pai, o Filho e o Espírito Santo. Amém! Canto Final: a escolher NOVENA DE NATAL 2012 Página 41
  • 42. 6º DIA TEMA: JOSÉ - HOMEM JUSTO, HOMEM DE FÉ. 01 - PREPARANDO O AMBIENTE Colocar em destaque a Bíblia, uma vela e alguns objetos ou símbolos que lembrem o texto bíblico de hoje, especialmente o chamado de Deus. Colocar também pequenas imagens ou figuras de Maria e José que deverão acompanhar o grupo em todas as casas até a Celebração de Encerramento. 02 – ACOLHIDA Criar um ambiente fraterno de acolhida. Fazer uma apresentação de pessoas que estão participando pela primeira vez. Convidar e envolver um grupo de homens da Comunidade, especialmente neste encontro. Um homem da família que acolhe o encontro faz a acolhida e uma motivação inicial. Cantar de forma bem orante o refrão ou outro de acolhida: TODOS: QUE BOM QUE VOCÊ VEIO (BIS) FOI O AMOR DE CRISTO QUE TE TROUXE ATÉ AQUI. (BIS) 03 – SAUDAÇÃO INICIAL (cantar) Animador/a: EM NOME DO PAI; EM NOME DO FILHO; EM NOME DO ESPÍRITO SANTO. AMÉM! A GRAÇA DO PAI, O AMOR DE DEUS FILHO E O ESPIRITO SANTO COM A GENTE. AMÉM! 04 – INTRODUÇÃO Animador/a: O tempo do Advento traz para todos nós a memória da singeleza, mansidão e compromisso de José diante do Página 42 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 43. acontecimento extraordinário que estava se dando em sua vida, ainda antes do casamento. Leitor/a 1: Diz o Papa Bento XVI: “Queria ainda dirigir uma exortação particular aos pais de família, uma vez que São José é o seu modelo. Este santo revela o mistério da paternidade de Deus sobre Cristo e sobre cada um de nós. São José pode ensinar-lhes o segredo da sua própria paternidade, ele que velou pelo Filho do Homem”. TODOS: SÃO JOSÉ, A VÓS NOSSO AMOR, SEDE O NOSSO BOM PROTETOR, AUMENTAI O NOSSO FERVOR. Animador/a: Continua o Papa: “Também cada pai recebe de Deus os seus filhos, criados à semelhança e imagem d’Ele. São José foi o esposo de Maria. Como São José, queridos pais de família, respeitai e amai a vossa esposa, e guiai os vossos filhos, com amor e a vossa vigilante presença, para Deus onde eles devem estar (cf. Lc 2, 49)”. (Bento XVI – Solenidade de São José - 19/03/2009) TODOS: SÃO JOSÉ, A VÓS NOSSO AMOR, SEDE O NOSSO BOM PROTETOR, AUMENTAI O NOSSO FERVOR. Leitor/a 2: Neste Ano da Fé, a Igreja nos recorda que: “o encontro com Cristo como Pessoa viva que sacia a sede do coração só pode levar ao desejo de partilhar com os outros a alegria desta presença e de dar a conhecer para que todos a possam experimentar”. Canto: Vem ó Senhor com o teu povo caminhar NOVENA DE NATAL 2012 Página 43
  • 44. 05 - RECORDAÇÃO DA VIDA Animador/a: Uma Pesquisa feita pela Fundação Perseu Abramo, em parceria com o Sesc, projeta uma chocante estatística: a cada dois minutos, cinco mulheres são agredidas violentamente no Brasil. O estudo traz também dados inéditos sobre todas as classes sociais: o que os homens pensam sobre a violência contra as mulheres?: Leitor/a 1: - 8% dos homens admitem já ter batido em uma mulher; - 48% dizem ter um amigo ou conhecido que fizeram o mesmo;- 25% têm parentes que agridem as companheiras. - 2% dos homens declaram que “tem mulher que só aprende apanhando bastante”. - 14% dos homens que assumem praticar a violência, acreditam ter “agido bem”; - 15% dos homens que assumem praticar a violência, declaram que bateriam de novo. Para Conversar: Neste Tempo do Advento o que esses dados da realidade apresentados acima provocam em nós? Canto: Deus chama a gente 06 – ORAÇÃO INICIAL Animador/a: Ó Deus, celebrando a proximidade da volta de Jesus Cristo em nossa história, nós vos pedimos, assim como São José se consagrou ao serviço do vosso Filho, fazei que também nós vivendo esse mistério possamos nos consagrar ao serviço de nossas famílias e chegar com elas à salvação. Por Nosso Senhor Jesus Cristo.... Página 44 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 45. 07 - SITUANDO O TEXTO BÍBLICO Leitor/a 1: O Evangelho da Comunidade de Mateus foi escrito entre os anos 80 e 85 EC (era comum). Nesse tempo, havia uma crise entre os judeus e os judeus-cristãos. Para animar a Comunidade a continuar o seguimento do projeto de Jesus, um grupo de cristãos e cristãs que vivia em Antioquia organizou um Evangelho, afirmando a continuidade da História da Salvação. 08 – SITUANDO O TEXTO BÍBLICO Mt 1,18-24 Um homem pode ser convidado a ler esse texto. Ele pode ser também encenado para uma melhor visualização e compreensão do texto. Dar um tempinho de silêncio em seguida. Canto: Envia tua Palavra 09 - PARTILHANDO A PALAVRA a) Destacar com a ajuda do grupo cada momento e cada atitude dos personagens envolvidos nesse texto. b) A atitude de José merece destaque aqui por quê? c) Ligando Tempo do Advento, atitude de José e as realidades familiares hoje, o que podemos ainda aprender? PARA AJUDAR NA PARTILHA DA PALAVRA  Em José, homem justo, também foi alimentado o sonho da libertação;  O Emanuel – Deus conosco – é o libertador que se manifesta no êxodo do Egito para a Terra Prometida.  A fé se concretiza na ação que possibilitará a libertação. NOVENA DE NATAL 2012 Página 45
  • 46. 10 - CELEBRANDO A VIDA Animador/a: Nesse Tempo do Advento, tempo em que nossas famílias estão grávidas do Salvador, rezemos juntos essa singela homenagem: O Verdadeiro Homem. Ela foi feita por uma pessoa do povo, e dedicada a todos os homens que são pais de família, ou ainda se preparam, verdadeiramente para viver essa vocação. O verdadeiro homem vive a Palavra de Deus / Respeita os direitos e reconhece os deveres / Luta contra as injustiças e preconceitos / Ama o seu próximo como a si mesmo. / O verdadeiro homem é contra o alcoolismo, as drogas e prostituições. / Busca dentro de si conhecimentos e emoções / Estuda a bíblia e evangeliza / procura amar a Deus de todo o seu coração. O verdadeiro homem tem fé, amor e esperança. / Sabe orar, pedir perdão e perdoar. É paciente, prestativo e persistente. / Tem sabedoria e prudência no falar. O verdadeiro homem arrepende-se de seus pecados / Tem consciência, autenticidade e coerência. Ajuda as pessoas carentes espiritualmente / Tem versatilidade e experiência. O verdadeiro homem feito a imagem e semelhança de Deus / Recebeu a Jesus Cristo como Senhor e Salvador. / Nasceu da água e do espírito / Em Cristo é mais do que um vencedor. (Sidney Alves das Virgens, Divisópolis, MG, Mundo Jovem) Canto: Meu bom José 11 - PAI NOSSO Página 46 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 47. Animador/a: Irmãos e irmãs, rezemos confiantes, a Oração que Jesus nos ensinou, lembrando cada uma das nossas famílias. Especialmente lembramos hoje daquelas que vivem marcadas pelos diversos problemas de vícios. Todos eles: drogas, alcoolismo, traição, violência doméstica, pedofilia familiar, jogos de azar, roubos. São todas famílias amadas por Deus que sofre com o sofrimento delas. Pai Nosso 12 – ORAÇÃO FINAL (rezar o Credo Niceno-Constantinopolitano) Leitor/a 1: Em comunhão com a Igreja espalhada pelo mundo inteiro, rezemos a nossa Profissão de Fé marcando o nosso compromisso com o Ano da Fé. 13 - BENÇÃO FINAL Animador/a: O Deus que é nosso Pai e Mãe e nos reuniu aqui hoje nesta Novena de Natal sob a proteção de São José, nos abençoe e nos proteja de todo mal. Amém! Animador/a: O Filho de Maria, gerado em seu ventre, que teve São José como Pai Adotivo, nos torne testemunhas do Evangelho aqui e em todos os lugares. Amém! Animador/a: o Espírito Santo que em São José nos deu um exemplo de solidariedade humana e fraterna nos torne capazes de viver a nossa vocação cristã neste Advento e em todos os dias do novo ano que está para chegar. Amém! Animador/a: Abençoe-nos o Deus Pai das Misericórdias, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém! Canto Final: Oração pela Família NOVENA DE NATAL 2012 Página 47
  • 48. 7º DIA TEMA: MARIA, FELIZ PORQUE ACREDITOU 01 - PREPARANDO O AMBIENTE Colocar em destaque a Bíblia, uma vela e alguns objetos ou símbolos que lembrem o texto bíblico de hoje, especialmente pessoas servidoras na comunidade que ouvem o chamado de Deus e servem o ano todo. Colocar também pequenas imagens ou figuras de Maria e José que deverão acompanhar o grupo em todas as casas até a Celebração de Encerramento. 02 – ACOLHIDA Criar um ambiente fraterno de acolhida. Fazer uma apresentação de pessoas que estão participando pela primeira vez. Convidar e envolver, especialmente mulheres grávidas ou um grupo de senhoras da Comunidade neste encontro. Uma pessoa da família que acolhe o encontro (ou uma grávida) faz a acolhida e uma motivação inicial. Cantar de forma bem orante o refrão ou outro de acolhida: TODOS: MARIA, CHEIA DE GRAÇA E CONSOLO, / VEM CAMINHAR COM O TEU POVO, / NOSSA MÃE SEMPRE SERÁ! (BIS) 03 – SAUDAÇÃO INICIAL Animador/a: EM NOME DO PAI; EM NOME DO FILHO; EM NOME DO ESPÍRITO SANTO. AMÉM! A GRAÇA DO PAI, O AMOR DE DEUS FILHO E O ESPIRITO SANTO COM A GENTE. AMÉM! Página 48 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 49. 04 – INTRODUÇÃO Animador/a: Estamos vivendo o Ano da Fé. E o Papa Bento XVI nos diz: “É preciso reavivar o entusiasmo da comunicação da fé, para se promover uma nova evangelização das comunidades e dos países de antiga tradição cristã que estão a perder a referência a Deus, e deste modo voltarem a descobrir a alegria de crer”. Leitor/a 1: Ele diz ainda: “O ponto central do anúncio permanece sempre o mesmo: o amor absoluto e total de Deus por cada homem e cada mulher, cujo ponto culminante se situa no envio do Filho eterno e unigênito, o Senhor Jesus, que não desdenhou assumir a pobreza da nossa natureza humana, amando-a e resgatando-a do pecado e da morte por meio da oferta de Si mesmo na cruz”. Leitor/a 2: A Novena de Natal, nesse Tempo de Advento, e os Círculos Bíblicos que fazemos durante o ano todo, são sinais de Evangelização na Igreja Doméstica, ou seja, são Evangelho no Lar. Não podemos deixar de levar essa Boa Notícia do Evangelho a todos os lares, especialmente aos que mais precisam. Canto: Fazei ressoar a Palavra 05 - RECORDAÇÃO DA VIDA Animador/a: O período do Advento é marcado muitas vezes por ações e atitudes que demonstram um grande sentimento de solidariedade e partilha. Porém, muitos acontecem somente neste tempo. Durante os outros meses do ano as pessoas continuam vivendo os seus dramas e dificuldades. Nem sempre tem alguém que os ajude, mesmo que seja somente para um diálogo ou fazer uma troca de experiências. NOVENA DE NATAL 2012 Página 49
  • 50. Para Conversar: - De que maneira vivemos durante os outros meses do ano os sinais de generosa solidariedade e da partilha entre nós? Canto: É missão de todos nós 06 – ORAÇÃO INICIAL Animador/a: Ó Deus, quisestes que o vosso Filho se fizesse carne no seio da Virgem Maria: dai-nos a mesma generosidade de doação que motivou Maria no serviço a Isabel e fazei-nos participar assim da construção de um novo mundo possível, mais humano, fraterno e justo que Jesus veio nos trazer. Ele que convosco vive e reina na unidade do Espírito santo. Amém! 07 - SITUANDO O TEXTO BÍBLICO Leitor/a 2: A Comunidade de Lucas, ao escrever seu Evangelho, faz memória de pessoas simples, mas que foram importantes para a realização do projeto de Deus. Foi necessário contar fatos que explicavam a origem de Jesus porque os destinatários do Evangelho eram pessoas de fora da Palestina que não a conheciam. Canto: A Comunidade dança alegre 08 – TEXTO BÍBLICO - Lc 1,39-45 O pessoal das catequeses ou jovens poderiam ajudar nesse momento preparando uma pequena encenação para ser feita junto com a proclamação do texto bíblico. Uma pessoa de uma família que esteja grávida pode proclamar o texto bíblico de forma bem orante que facilite a compreensão. 09 - PARTILHANDO A PALAVRA Página 50 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 51. a) Destacar os personagens que aparecem no texto bíblico: o que fazem, como fazem, porque fazem? b) Retomar especialmente a figura de Maria – sua situação, seu gesto, e o motivo pelo qual ela é elogiada por Isabel. c) A partir deste texto bíblico que acabamos de refletir: de que maneira o gesto, o serviço, os sonhos de Maria podem nos ajudar viver melhor a nossa fé? PARA AJUDAR NA PARTILHA DA PALAVRA  Maria, grávida dos sonhos do seu povo, agiu com solidariedade, caminhou para encontrar sua parenta também grávida.  É da boca de uma mulher que veio a confirmação da grandiosidade do gesto de Maria: Feliz porque acreditou...  Maria e Izabel são protagonistas na concretização da ação libertadora de Deus. 10 - CELEBRANDO A VIDA Animador/a: Participando da Visitação de Maria a sua prima Isabel também nós queremos nos solidarizarmos com todas as pessoas que estão precisando de nossa atenção e cuidado. Vamos fazer o que Maria fez e nos colocar a serviço da vida e da esperança, especialmente neste tempo de Advento. Leitor/a 1: Vamos apresentar nossas intenções em cada uma das Ave-Marias que vamos rezar nessa dezena do Terço. (Apresentar uma intenção antes de cada Ave Maria) NOVENA DE NATAL 2012 Página 51
  • 52. 11 - PAI NOSSO (motivar ligando com o momento anterior) 12 – ORAÇÃO FINAL (rezar o Credo Niceno-Constantinopolitano) Animador/a: O Credo Niceno-Constantinopolitano ou Símbolo Niceno-Constantinopolitano, é uma declaração de fé cristã que é aceito pela Igreja Católica Romana, Igreja Luterana, Igreja Ortodoxa e pela Igreja Anglicana. O nome está relacionado com o Primeiro Concílio de Niceia (325), no qual foi adoptado, e com o Primeiro Concílio de Constantinopla (381), onde foi aceita uma versão revista. 13 - BENÇÃO FINAL Animador/a: O Deus de bondade, que gerou o seu Filho no ventre da Virgem Maria para nos salvar a todos nos enriqueça com a sua bênção. AMÉM! Animador/a: Ele nos conceda sentir sempre e por toda parte a proteção da Virgem Maria, que acolheu o autor da vida. AMÉM! Animador/a: E a nós que nos reunimos aqui hoje para esse encontro da Novena de Natal possamos caminhar com a Virgem ao encontro do Salvador que vem. AMÉM! Animador/a: Abençoe-nos o Deus de bondade, Ele que é Pai, Filho e Espírito Santo. AMÉM! Canto Final: Maria, Mãe da terra Página 52 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 53. 8º DIA TEMA: MARIA, CANTANDO A ALEGRIA E A CERTEZA DA VITÓRIA 01 - PREPARANDO O AMBIENTE Colocar em destaque a Bíblia, uma vela e alguns objetos ou símbolos que lembrem o texto bíblico de hoje. Colocar também pequenas imagens ou figuras de Maria e José que deverão acompanhar o grupo em todas as casas até a Celebração de Encerramento. 02 – ACOLHIDA Criar um ambiente fraterno de acolhida. Fazer uma apresentação de pessoas que estão participando pela primeira vez. Convidar e envolver, especialmente os jovens, as jovens da Comunidade neste encontro. Uma pessoa da família que acolhe o encontro (ou a escolha) faz a acolhida e uma motivação inicial. Cantar de forma bem orante o refrão ou outro de acolhida: TODOS: SEJA BEM VINDO OLÊ, LÊ. SEJA BEM VINDA, OLÁ, LÁ. PAZ E BEM PRÁ VOCÊ, QUE VEIO PARTICIPAR (BIS) 03 – SAUDAÇÃO INICIAL Animador/a: EM NOME DO PAI; EM NOME DO FILHO; EM NOME DO ESPÍRITO SANTO. AMÉM! A GRAÇA DO PAI, O AMOR DE DEUS FILHO E O ESPIRITO SANTO COM A GENTE. AMÉM! NOVENA DE NATAL 2012 Página 53
  • 54. 04 – INTRODUÇÃO Animador/a: O Senhor Deus se manifesta em sua Palavra como “Aquele que é, que era e que vem” (Ap 1,4-8; Ex 3,13-14). Por isso, o Advento, com a sua liturgia própria, nos ajuda a ver a história como lugar do agir das promessas de Deus e nos direciona para o seu cumprimento no “Dia do Senhor”. Leitor/a 1: Conforme ouvimos nos encontros passados Maria ouviu essa Palavra e acreditou naquilo que Deus lhe prometera. O sinal mais forte dessa sua fé foi o serviço que ela realizou à sua prima Isabel, acreditando e colocando-se na condição de servidora, escrava. Enfim, ela confiou na promessa que Deus lhe fizera. TODOS: ENSINA O TEU POVO A REZAR, MARIA MÃE DE JESUS, QUE UM DIA TEU POVO SE ANIMA E CAMINHA COM TEU JESUS; QUE UM DIA TEU POVO DESPERTA E NA CERTA VAI VER A LUZ! Leitor/a 2: Neste tempo do Advento e Ano da Fé, que estamos vivendo e celebrando, precisamos aprender de Maria, a mãe de Jesus e nossa, essa fé e essa confiança que ele tinha em Deus. Essa Novena de Natal é um convite para que possamos repensar a nossa maneira de viver a nossa confiança em Deus e na realização de suas promessas. 05 - RECORDAÇÃO DA VIDA Animador/a: Nos tempos atuais o papel da mulher mudou muito em nossa sociedade. Elas ocuparam com competência lugares que antes se dizia eram “apenas prá machos”. Mesmo enfrentando às vezes tripla jornada elas não perderam suas principais características femininas: resistir, enfrentar, confiar, cair, chorar e levantar logo em seguida. Página 54 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 55. Para conversar: Leitor/a 1: Na Comunidade em que nós vivendo, de que maneira esse novo papel da mulher está sendo vivido e valorizado? Canto: Imaculada 06 – ORAÇÃO INICIAL Animador/a: Ó Deus, quisestes que o vosso Filho se fizesse carne no seio da Virgem Maria: dai-nos participar da divindade do nosso redentor, que proclamamos verdadeiro Deus e verdadeiro Homem. Por Nosso Senhor Jesus Cristo..... 07 – SITUANDO O TEXTO BÍBLICO Leitor/a: A Comunidade de Lucas faz uma releitura das escrituras sagradas dos judeus para explicar a expectativa que acompanhava mulheres e homens pela chegada do Reino de Deus. No canto de Maria existe a memória de muitas gerações que cantaram a libertação, que é também desejada e assumida por Maria. Canto: Ouçamos todos, Boa Notícia 08 – TEXTO BÍBLICO - Lc 1,46-56 Preparar a proclamação do texto bíblico com muito carinho, pois é ele que dá tom da reflexão a seguir. 09 - PARTILHANDO A PALAVRA a) Diante da afirmação de Isabel para Maria, observar qual foi o sentimento que o texto revela de Maria? b) Destacar junto com o grupo: quais as principais características deste cântico de Maria? NOVENA DE NATAL 2012 Página 55
  • 56. c) Como essa oração que Maria rezou pode ser atualizada nos dias de hoje? PARA AJUDAR NA PARTILHA DA PALAVRA  Maria cantou a certeza da vitória.  Essa esperança foi sendo alimentada durante várias gerações (em especial de mulheres), na história do povo de Israel.  Em seu canto estão expressos os sonhos de um outro mundo possível...  Diante das reflexões que já fizemos, podemos nos perguntar: por que falamos tão pouco de Maria neste período do Advento em nossa reflexões e orações, e falamos muito durante o mês de maio? (conhecer a Carta do saudoso Papa Paulo VI, de 02 de fevereiro de 1974 – “Marialis Cultus”) 10 - CELEBRANDO A VIDA Animador/a: Com Maria elevemos a Deus nossa gratidão e nossa oração. Apresentemos nossos agradecimentos junto com esse canto. Minh’alma dá glórias ao Senhor / Meu coração bate alegre e feliz Olhou para mim com tanto amor / Que me escolheu, me elegeu e me quis. E de hoje em diante eu já posso prever, / Todos os povos vão me bendizer O Poderoso lembrou-se de mim, Santo é seu nome sem fim. O povo dá glórias ao Senhor, seu coração bate alegre e feliz Maria carrega o Salvador porque Deus faz, sempre cumpre o que diz Página 56 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 57. E quando os povos aceitam lei passa de pai para filho seu dom Das gerações Ele é mais do que rei, ele é Deus Pai, ele é bom. Minh’alma dá glórias ao Senhor / Meu coração bate alegre e feliz Olhou para mim com tanto amor / Que me escolheu, me elegeu e me quis. O orgulhoso Ele sabe dobrar, o poderoso Ele sabe enfrentar O pobrezinho Ele defenderá, não nos abandonará. O povo dá glórias ao Senhor, seu coração bate alegre e feliz Maria carrega o Salvador porque Deus faz, sempre cumpre o que diz / Quem tem demais qualquer dia vai ver o que é ter fome e não ter pra comer / Quem passa fome comida terá, eis que a justiça virá. Minh’alma dá glórias ao Senhor / Meu coração bate alegre e feliz Meu povo já sente o seu amor, Ele promete, Ele cumpre o que diz Aos nossos pais Ele um dia jurou /Ele é fiel e jamais enganou, Estamos perto da era do amor / Bendito seja o Senhor. (Concluir esse momento rezando 03 Ave Marias) 11 - PAI NOSSO Animador/a: Deus cumpre as suas promessas e nós precisamos acreditar mais n’Ele. Rezemos a Oração que Jesus nos ensinou. 12 – ORAÇÃO FINAL (rezar o Credo Niceno-Constantinopolitano) Leitor/a 1: Em comunhão com a Igreja espalhada pelo mundo inteiro, rezemos a nossa Profissão de Fé marcando o nosso compromisso com o Ano da Fé. 13 - BENÇÃO FINAL Animador/a: O Deus de bondade, que gerou o seu Filho no ventre da Virgem Maria para nos salvar a todos nos enriqueça com a sua bênção. AMÉM! NOVENA DE NATAL 2012 Página 57
  • 58. Animador/a: Ele nos conceda sentir sempre e por toda parte a proteção da Virgem Maria, que acolheu o autor da vida. AMÉM! Animador/a: E a nós que nos reunimos aqui hoje para esse encontro da Novena de Natal possamos caminhar com a Virgem ao encontro do Salvador que vem. AMÉM! Canto Final: Maria o Magnificat cantou 14 - LEMBRETES FINAIS - CARTA DO ARCEBISPO: Já foi lida a Carta de D. Luiz destinada a todas as pessoas dos Grupos de Círculos Bíblicos? (ex. início e encerramento da Novena). Foi lida no Conselho da Comunidade e da Paróquia? Essa carta interessa a todas as pessoas. - VISITAS: Tem outras casas que não foram visitadas? O que é possível fazer? - GESTO CONCRETO: O grupo já está concretizando um Gesto Concreto Comum – sinal de compromisso e solidariedade? Ele está sendo realizado só no grupo, ou em sintonia com outros grupos da comunidade? - CONFRATERNIZAÇÃO: essa é uma maneira de expressar carinho, afeto, amizade uns pelos outros. Página 58 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 59. 9º DIA TEMA: MARIA E JOSÉ - CAMINHEIROS NA FÉ... 01 - PREPARANDO O AMBIENTE Celebração de Encerramento: Colocar em destaque a Bíblia, uma vela e alguns objetos ou símbolos que acompanharam os outros encontros. Colocar especialmente as imagens ou figuras de Maria e José (ainda sem o Menino Jesus) que acompanharam o grupo em todas as casas até aqui. Acrescentar outros de acordo com a realidade. 02 – ACOLHIDA O Encontro de hoje: é na Comunidade? Tem vários grupos juntos? Criar um ambiente fraterno de acolhida. Fazer uma apresentação por grupos. Convidar e envolver uma pessoa por grupo para expressar rapidamente como foram os encontros. Uma pessoa da Coordenação dos Círculos Bíblicos faz a acolhida e essa motivação inicial. Cantar de forma bem orante o refrão ou outro de acolhida: TODOS: QUE BOM QUE VOCÊ VEIO (BIS) FOI O AMOR DE CRISTO QUE TE TROUXE ATÉ AQUI. 03 – SAUDAÇÃO INICIAL Animador/a: EM NOME DO PAI; EM NOME DO FILHO; EM NOME DO ESPÍRITO SANTO. AMÉM! A GRAÇA DO PAI, O AMOR DE DEUS FILHO E O ESPIRITO SANTO COM A GENTE. AMÉM! 04 – INTRODUÇÃO NOVENA DE NATAL 2012 Página 59
  • 60. Animador/a: A Festa já se aproxima! O Salvador está chegando! Abramos nosso coração ao Senhor Deus que vem ao nosso encontro. TODOS: O SENHOR ESTÁ PRÁ CHEGAR.... Leitor/a 1: O povo de Israel esperou o cumprimento das promessas de Deus. A Igreja vive dessas esperanças. A esperança da Igreja é a mesma do povo de Israel, mas já realizada em Cristo. A Igreja vive, na esperança, a sua existência como graça de Cristo para todos os homens. Leitor/a 2: E pelo mistério do Advento, que estamos celebrando, essa mesma Igreja é chamada a tornar-se sinal concreto de libertação integral do homem e da mulher. O Advento é o tempo litúrgico da grande educação à esperança: uma esperança que se torna, pela graça de Deus, forte e paciente; que aceita a hora da provação e da perseguição; enfim, uma esperança confiante. TODOS: EU CREIO EM DEUS QUE O MEU CAMINHO ILUMINOU / QUE A MINHA VIDA TRANSFORMOU, FELIZ EU SOU / EU CREIO EM DEUS, SE POSSO CRER, SE POSSO AMAR / A MINHA VIDA TEM VALOR, FELIZ EU SOU! Animador/a: Este Ano da Fé, segundo o Papa Bento XVI, é uma ocasião propícia para que todos os fiéis, que ainda estão a caminho, compreendam mais profundamente que o fundamento da fé cristã é o encontro com um acontecimento, com uma Pessoa que dá à vida um novo horizonte e, desta forma, o rumo decisivo. Leitor/a 1: Fundamentada no encontro com Jesus Cristo Página 60 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 61. ressuscitado, a fé poderá ser redescoberta na sua integridade e em todo o seu esplendor. Também nos nossos dias a fé é um dom que se deve redescobrir, cultivar e testemunhar para que o Senhor conceda a cada um de nós vivermos a beleza e a alegria de sermos cristãos. Canto: O Senhor está prá chegar 05 - RECORDAÇÃO DA VIDA Animador/a: Estamos nos aproximando da grande solenidade do Natal. As festas já estão sendo preparadas. Os presentes já estão sendo comprados. Os banquetes estão sendo encomendados e preparados. As celebrações já foram pomposamente ensaiadas. Mas, ainda estamos a caminho do encontro com “Aqu’Ele que é, que era e que vem”. Para Conversar: E nós, nossa vida, como estamos? O que esse Advento trouxe de esperança para nós? E para os pobres entre nós, o que vai mudar depois desse Natal que vamos celebrar? Canto: Virá o dia em que todos 06 – ORAÇÃO INICIAL Animador/a: Ó Deus de bondade, na Família de Nazaré destes a todos nós um exemplo de fidelidade, perseverança, resistência e Fé em vós. Concedei às nossas famílias inspirarmos nestes exemplos para que possamos vivendo agora entre nós as virtudes e os laços de amor chegar às alegrias da vossa casa. Por Nosso Senhor Jesus Cristo..... 07 – SITUANDO O TEXTO BÍBLICO NOVENA DE NATAL 2012 Página 61
  • 62. Leitor/a 2: Dentre os Evangelhos escritos na segunda geração de cristãos e cristãs, a comunidade de Lucas é a que escreve com mais detalhes sobre a origem de Jesus. O que precisamos ter presente é que esse foi também o Evangelho escrito mais tarde, quando as comunidades já haviam se espalhado para diferentes lugares e apresentava várias perguntas sobre as origens de Jesus. Canto: Envia tua Palavra 08 – TEXTO BÍBLICO - Lc 2,1-5 Neste texto ler somente os versículos indicados. Ainda não chegou o Natal. É preciso que fique o gostinho-de-quero- mais. Deixar a parte do nascimento para a Celebração do Natal. 09 - PARTILHANDO A PALAVRA a) Retomar a concepção e a gravidez de Maria e José: dificuldades, desafios – o que representou na vida deles? b) A hora de dar a luz vem chegando: quanta peregrinação, migração, mudança, dominação em cima daqueles pobres pais – de onde tiraram a força para enfrentar esses momentos? c) Somos peregrinos, migrantes, caminheiros aqui nessa terra. Mas, ainda há muitos pobres que estão em situação pior: Como ajudar apoiar as “Marias” e os “Josés” de hoje? PARA AJUDAR NA PARTILHA DA PALAVRA  A caminhada de fé continua...  Maria e José representam aqui os vários grupos que são obrigados a migrar por ordem do sistema. Assim foi durante toda a História de seu povo.  Mas Maria está grávida... Há esperança para o povo... Página 62 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 63. 10 - CELEBRANDO A VIDA Animador/a: Irmãs e irmãos, a Festa da Encarnação de Jesus está próxima. O Salvador está pra chegar. A nossa Fé nos dá essa certeza e nos impulsiona nessa caminhada. Apresentemos ao Deus de bondade nossas preces na certeza de que Ele nos ouve e nos atende sempre que é possível. TODOS: VEM SENHOR, VEM NOS SALVAR, COM TEU POVO VEM CAMINHAR! Leitor/a 1: Ó Pai, cremos na Salvação que Jesus veio nos trazer, fortalecei nossa fé nessa caminhada, cantemos.... Leitor/a 2: Ó Pai, vivemos esse Advento confiantes na vossa misericórdia para conosco, os pobres e os excluídos, despertai em nós o serviço a eles, cantemos... Leitor/a 1: Ó Pai, as “Marias” e os “Josés” de nossos dias continuam peregrinando debaixo das pontes, na porta dos hospitais e de presídios imundos, abri as portas do coração nosso e de toda a humanidade para a partilha e a solidariedade, cantemos.... Leitor/a 2: Ó Pai, muitos Filhos e as Filhas das “Marias” e dos “Josés”, não tem casa, não tem pão, não tem saúde e nem educação, mas tem “crack” de montão, convertei a nós e aos “herodes” de hoje, cantemos... (continuar espontaneamente as preces e rezar 03 Ave Marias concluindo) 11 - PAI NOSSO (motivar) NOVENA DE NATAL 2012 Página 63
  • 64. 12 – ORAÇÃO FINAL (rezar o Credo Niceno-Constantinopolitano) Animador/a: O Credo Niceno-Constantinopolitano ou Símbolo Niceno-Constantinopolitano, é uma declaração de fé cristã que é aceito pela Igreja Católica Romana, Igreja Luterana, Igreja Ortodoxa e pela Igreja Anglicana. O nome está relacionado com o Primeiro Concílio de Niceia (325), no qual foi adoptado, e com o Primeiro Concílio de Constantinopla (381), onde foi aceita uma versão revista. Leitor/a 1: Em comunhão com a Igreja espalhada pelo mundo inteiro, rezemos a nossa Profissão de Fé marcando o nosso compromisso com o Ano da Fé. 13 - BENÇÃO FINAL Animador/a: Deus o nosso Pai e Mãe, nos conserve no seu amor e nos dê a paz de Cristo em nossos filhos e filhas. Amém! Animador/a: Deus nos dê a benção de nossos filhos e filhas, o apoio dos amigos e a paz com todos os homens e mulheres. Amém! Animador/a: Sejamos no mundo um sinal do amor de Deus para com os pobres e infelizes que um dia eles nos receberão agradecidos na Casa Eterna. Amém! Animador/a: Abençoe-nos o Deus, cheio de bondade, misericórdia e compaixão: o Pai, o Filho e o Espírito Santo. Amém! Canto Final: Eu creio em Deus 14 - LEMBRETES FINAIS Página 64 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 65. - CARTA DO ARCEBISPO: Já foi lida a Carta de D. Luiz destinada a todas as pessoas dos Grupos de Círculos Bíblicos? (ex. início e encerramento da Novena). Foi lida no Conselho da Comunidade e da Paróquia? Essa carta interessa a todas as pessoas. - VISITAS: Tem outras casas que não foram visitadas? O que é possível fazer? - GESTO CONCRETO: O grupo já está concretizando um Gesto Concreto Comum – sinal de compromisso e solidariedade? Ele está sendo realizado só no grupo, ou em sintonia com outros grupos da comunidade? - CONFRATERNIZAÇÃO: essa é uma maneira de expressar carinho, afeto, amizade uns pelos outros. 15 - CONFRATERNIZAÇÃO NOVENA DE NATAL 2012 Página 65
  • 66. CANTOS 01 – Ó VEM SENHOR, NÃO TARDES MAIS Ó vem, Senhor não tardes mais,/ vem saciar nossa sede de Paz! - Ó vem, como chega a brisa do vento, trazendo aos pobres justiça e bom tempo! - Ó vem, como chega a chuva no chão, trazendo fartura de vida e de pão! - Ó vem, como chega a luz que faltou, só tua palavra nos salva, Senhor! - Ó vem, como chega a carta querida, bendito carteiro do Reino da vida! - Ó vem, como chega o filho esperado, caminha conosco, Jesus Bem-Amado! - Ó vem, como chega o Libertador, das mãos do inimigo, nos salva, Senhor! 02 – ABRE AS PORTAS Abre as portas, deixa entrar / o Rei da Glória! / É o tempo e ele vem, orientar / a nossa história. 1 – A terra inteira esta aberta ao Senhor, / para elevar a Deus seu canto de amor. 2 – Só Ele é o Senhor, pois tudo Ele faz, / vamos reconhecer os dons que Ele traz. 3 – Deves lavar as mãos e ter retidão. / Deixa o Senhor entrar no teu coração. 4 – Quem dedicar-lhe amor e muita afeição, / Deus vai abençoar, trazer salvação. 5 – Buscando caminhar, teu povo no amor, / anseia por ver teu rosto, Senhor! 6 – Com esplendor, poder, o Rei vai chegar, / vamos espaço abrir, pra Ele entrar! 03 - SOMOS GENTE DA ESPERANÇA 1. Somos gente da esperança / que caminha rumo ao Pai. / Somos povo da aliança / que já sabe aonde vai. Página 66 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 67. De mãos dadas a caminho / porque juntos somos mais / pra cantar um novo hino / de unidade, amor e paz. 2. Para que o mundo creia / na justiça e no amor / formaremos um só povo/ num só Deus, um só Pastor. 3. Todo irmão é convidado / para a festa em comum: / celebrar a nova vida / onde todos sejam um. 04 - TUA PALAVRA É Tua palavra é luz no meu caminho / Luz no meu caminho, meu Deus, tua palavra é... 1. Tua Palavra está nas ondas do mar!/ Tua Palavra está no sol a brilhar Tua Palavra está no pensamento, no sentimento. / Tua palavra está (bis) 2. Tua Palavra está no som do trovão! Tua Palavra está, no tom da canção! Tua Palavra está na consciência e na ciência. / Tua Palavra está! 3. Tua Palavra está na beleza da flor! / Tua Palavra está, na grandeza do amor! Tua Palavra está, na liberdade, na amizade. / Tua Palavra está! 05 - ISAÍAS 1. É tempo do meu advento, da vinda surpresa no meio de vós/ por isso conclamo profetas que, ao longo da terra, elevem sua voz./ É tempo de um novo Isaías,/ que, atento aos rumos da vida,/ indique um caminho novo e a libertação para todo o meu povo! Isaías, Isaías! / Anuncia o Messias / e consola o povo meu. (2x) 2. Que eleve sua voz contra todos aqueles que levam uma vida maldosa. /Que aja com grande energia, que implante a justiça e aos pobres console. Que anuncie uma nova esperança / e um Deus, que é sempre presença. / que todos os homens contestem e, no meio dos povos, / se torne um profeta. NOVENA DE NATAL 2012 Página 67
  • 68. 3. Eu quero que todos os homens caminhem segundo os critérios de Deus./ Eu quero uma tal comunhão que eu possa chamá-los de filhos meus!/ Eu quero crianças sorrindo/ sempre ao ver novo mundo surgindo. Eu quero esperança maior para aqueles que lutam por um mundo melhor 06 – VEM SENHOR, VEM NOS SALVAR 1- Senhor, vem salvar teu povo, das trevas da escuridão. Só Tu és nossa esperança, és nossa libertação. Vem, Senhor, vem nos salvar, com teu povo, vem caminhar. (bis) 2- Contigo o deserto é fértil, a terra se abre em flor; da rocha brota água viva, da terra nasce esplendor. 3- Tu marchas à nossa frente, És força, caminho e luz. Vem logo salvar teu povo, não tardes, Senhor Jesus. 07 - A PALAVRA DE DEUS JÁ CHEGOU A Palavra de Deus já chegou! Nova luz clareou para o povo (bis) Quando a Bíblia Sagrada se abriu Todo pobre já viu mundo novo! (bis) 1. Quem andava espalhado se juntou / Quem vivia como cego enxergou / Por todo canto já nasceu comunidade / E no caminho da verdade / Muita gente já entrou. 2. Quem vivia explorado protestou / Quem calava só por medo já gritou / Por todo canto os pequenos vão se unindo /A liberdade vai surgindo /E todo velho renovou. 3. A semente da Palavra se espalhou / Caiu no campo-coração-de- lavrador / Pela favela a semente germinou / E na colheita / Vai ter festa, meu Senhor! 08 - SE CALAREM A VOZ DOS PROFETAS 1. “Se calarem a voz dos profetas, as pedras falarão. Se fecharem uns poucos caminhos, mil trilhas nascerão... Muito tempo não dura a verdade, / nestas margens estreitas Página 68 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 69. demais, Deus criou o infinito pra vida ser sempre mais! / É Jesus, este pão de igualdade, viemos pra comungar, com a luta sofrida do povo que quer ter voz, ter vez, lugar! / Comungar é tornar-se um perigo, viemos pra incomodar! / Com a fé e a união nossos passos, um dia, vão chegar! 2. O Espírito é vento incessante, que nada há de prender. Ele sopra até no absurdo, que a gente não quer ver... 3. No banquete da festa de uns poucos, só rico se sentou, nosso Deus fica ao lado dos pobres, colhendo o que sobrou... 4. O poder tem raízes na areia, o tempo faz cair. União é a rocha que o povo usou pra construir... 5. Toda luta verá o seu dia nascer da escuridão. Ensaiamos a festa e a alegria, fazendo comunhão. 09 - ANUNCIAÇÃO Na bruma leve das paixões que vem de dentro Tu vens chegando pra brincar no meu quintal No teu cavalo peito nu, cabelo ao vento E o sol quarando nossas roupas no varal. (2X) Tu vens, tu vens, eu já escuto os teus sinais. Tu vens, tu vens, eu já escuto os teus sinais. A voz do anjo sussurrou no meu ouvido Eu não duvido já escuto teus sinais Que tu virias numa manhã de domingo Eu te anuncio nos sinos das catedrais. 10 - VEM Ó SENHOR COM O TEU POVO CAMINHAR Vem ó Senhor com o teu povo caminhar, teu corpo e sangue, vida e força vem nos dar. NOVENA DE NATAL 2012 Página 69
  • 70. 1. A boa nova proclamai com alegria, Deus vem a nós, ele nos salva e nos recria, / e o deserto vai florir e se alegrar / da terra seca, flores, frutos vão brotar. 2. Eis nosso Deus, e ele vem para salvar, com sua força vamos juntos caminhar, / e construir um mundo novo libertado / do egoísmo, da injustiça e do pecado. 3. Uma voz clama no deserto com vigor: preparai hoje os caminhos do Senhor, / tirai do mundo a violência e ambição / que não nos deixa ver no outro o nosso irmão. 4. Distribuí os vossos bens com igualdade, fazei na terra germinar fraternidade, / o Deus da vida marchará com o seu povo / e homens novos viverão um mundo novo. 5. Vem ó Senhor, ouve o clamor de tua gente que luta e sofre, porém crê que estás presente, / não abandones o teu povo Deus fiel / porque teu nome é Deus conosco, Emanuel. 12 - ENVIA TUA PALAVRA ENVIA TUA PALAVRA, PALAVRA DE SALVAÇÃO QUE VEM TRAZER A ESPERANÇA, AOS POBRES LIBERTAÇÃO. 1. Tua palavra de vida, é como a chuva que cai, / que torno o solo fecundo, que faz nascer a semente. É água viva da fonte, que faz florir o deserto, / é uma luz no horizonte é novo caminho aberto. 15 - OUVE-SE NA TERRA UM GRITO Ouve-se na terra um grito, / do povo um grande clamor:/ Senhor, abre os céus,/ que as nuvens chovam o Salvador! 1. É o nosso canto de amor e esperança, / que toda a terra proclama também,/ e a nossa voz não se cansa: Vem, Senhor Jesus, vem! 2. Quando as trevas invadem a terra, /e quando muitos um guia não tem, / o nosso amor sempre espera: Vem, Senhor, Jesus, vem! Página 70 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 71. 3. Embora muitos rejeitem o apelo,/ que toda luz e verdade contém,/ a Igreja insiste em seu zelo:/ Vem, Senhor Jesus, vem! 4.Para que o mundo descubra a mensagem, / a Boa-Nova da paz e do bem,/ temos a mesma linguagem:/ vem, senhor Jesus, vem! 16 - BOA NOTÍCIA Ouçamos todos boa notícia! Que vem da vida,/ que vem do amor! / Ouçamos todos boa notícia!/ É o evangelho de Deus Salvador! 1. É palavra que abre as prisões/ e os corações atribulados./ Nossos lábios se abrem em canções/ e os oprimidos são libertados. 2. É palavra de Cristo Jesus,/ o Deus da cruz, Libertador./ Nossos olhos se enchem de luz / e o pão dos pobres tem mais sabor! 17 - É MISSÃO DE TODOS NÓS O Deus que me criou, me quis me consagrou / para anunciar o seu amor. (bis) 1. Eu sou como chuva em terra seca, /pra saciar, fazer brotar / eu vivo para amar e pra servir! (bis) É missão de todos nós Deus chama, / eu quero ouvir a sua voz! 2. Eu sou como a flor por sobre o muro (bis) Eu tenho mel, sabor do céu / Eu vivo pra amar e pra servir. (bis) 3. Eu sou como estrela em noite escura. (bis) Eu levo a luz, sigo a Jesus. / Eu vivo par amar e pra servir! (bis) 4. Eu sou, sou profeta da verdade. (bis) Canto a justiça e a liberdade. / Eu vivo para amar e pra servir! (bis) 18 - A ESCOLHIDA 1. Uma entre todas foi a escolhida: / foste tu, Maria, serva preferida, Mãe do meu Senhor, / mãe do meu Salvador. Maria, cheia de graça e consolo, / Vem caminhar com teu povo, / Nossa mãe sempre será. (bis) NOVENA DE NATAL 2012 Página 71
  • 72. 2. Roga pelos pecadores desta terra, / Roga pelo povo que em Deus espera, Mãe do meu Senhor, / mãe do meu Salvador. 20 - MOMENTO NOVO 1. Deus chama a gente pra um momento novo/ de caminhar junto com seu povo./ É hora de transformar o que não dá mais/ Sozinho, isolado, ninguém é capaz. Por isso vem, entra na roda/ com a gente também/ Você é muito importante, (bis) vem. 2. Não é possível crer que tudo é fácil / há muita força que produz a morte/ Gerando dor, tristeza e desolação/ É necessário unir o cordão. 3. A força que hoje faz brotar a vida/ atua em nós pela tua graça. / É Deus quem nos convida/ Pra trabalhar / o amor repartir e as forças juntar. 21 - MEU BOM JOSÉ Olha o que foi meu bom José / Se apaixonar pela donzela Dentre todas a mais bela / De toda sua Galiléia. Casar com Deborah ou com Sarah / Meu bom José você podia E nada disso acontecia / Mas você foi amar Maria. Você podia simplesmente / Ser carpinteiro e trabalhar Sem nunca ter que se exilar / De se esconder com Maria. Meu bom José você podia / Ter muitos filhos com Maria E teu ofício ensinar / Como teu pai sempre fazia. Porque será, meu bom José / Que esse teu pobre filho um dia Andou com estranhas ideias / Que fizeram chorar Maria. Me lembro às vezes de você / meu bom José, meu pobre amigo Que desta vida só queria / Ser feliz com sua Maria. 22 - ORAÇÃO PELA FAMÍLIA Que nenhuma família comece em qualquer de repente Que nenhuma família termine por falta de amor Página 72 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 73. Que o casal seja um para o outro de corpo e de mente E que nada no mundo separe um casal sonhador! Que nenhuma família se abrigue debaixo da ponte Que ninguém interfira no lar e na vida dos dois Que ninguém os obrigue a viver sem nenhum horizonte Que eles vivam do ontem, do hoje, e em função de um depois! Que a família comece e termine sabendo onde vai E que o homem carregue nos ombros a graça de um pai Que a mulher seja um céu de ternura, aconchego e calor E que os filhos conheçam a força que brota do amor! Abençoa, Senhor, as famílias! Amém! Abençoa, Senhor, a minha também (bis) 23 - FAZEI RESSOAR Fazei ressoar a Palavra de Deus em todo lugar! (bis) 1. Na cultura, na história, vamos expressar, / levando a Palavra de Deus em todo lugar. Vamos lá! 2. Na cultura popular, vamos catequizar, celebrando fé e vida em todo lugar. Vamos lá! 3. Com o negro e com o índio vamos louvar e com a comunidade vamos festejar. Vamos lá! 4. Com o pandeiro e com a viola vamos cantar. Animando a nossa luta em todo lugar. Vamos lá! 24 - A COMUNIDADE DANÇA ALEGRE E CANTA A comunidade dança alegre e canta, acolhendo agora a Palavra santa. A Palavra vem, vem nos libertar, como um vento forte a nos arrastar. Vamos caminhar, irmãs e irmãos, já chegou a hora da nossa missão. NOVENA DE NATAL 2012 Página 73
  • 74. 25 - MARIA, MÃE DA TERRA Maria, mãe da terra, Maria, mãe do céu. Maria, mãe dos homens, Maria, mãe de Deus. Maria, traga o Cristo. Nós somos filhos seus. Maria, mãe dos homens, Maria, mãe de Deus. 1. Canta a terra, novo céu vai chegar, Cantam os homens encontrando seu lugar. 2. Cantam a terra, nuvens, águas a jorrar, Cantam os homens vida nova, o despertar. 3. Cantam a terra, a semente a germinar, Cantam os homens vida nova, o despertar. 4. Canta a cidade, liberdade conquistar, Cantam as gentes, as correntes vão quebrar. 26 – ENSINA TEU POVO A REZAR Ensina teu povo a rezar, Maria, Mãe de Jesus Que um dia teu povo desperta e na certa vai ver a luz Que um dia teu povo se anima e caminha com teu Jesus. Maria de Jesus Cristo, Maria de Deus, Maria mulher Ensina teu povo o teu jeito de ser o que Deus quiser Ensina teu povo o teu jeito de ser o que Deus quiser Maria Senhora nossa, Maria do povo, povo de Deus Ensina teu jeito perfeito de sempre escutar teu Deus. Ensina teu jeito perfeito de sempre escutar teu Deus. 27 - IMACULADA Imaculada, Maria de Deus, coração pobre acolhendo Jesus. Imaculada, Maria do povo, Mãe dos aflitos que estão junto à cruz! 1. Um coração que era “sim” para a vida, um coração que era “sim” para o irmão, um coração que era “sim” para Deus: Reino de Deus renovando este chão. 2. Olhos abertos pra sede do povo, passo bem firme que o medo Página 74 | NOVENA DE NATAL 2012
  • 75. desterra, mãos estendidas que os tronos renegam; Reino de Deus que renova esta terra. 3. Faça-se, ó Pai, vossa plena vontade, que os nossos passos se tor- nem memória do amor fiel que Maria gerou; Reino de Deus atuando na História. 28 - MARIA O MAGNIFICAT CANTOU 1. Maria o Magnificat cantou./ E com Ela também nós vamos cantar./ Pão e vida é o brado de um Brasil/ que de norte a sul se uniu/ para o Cristo celebrar. Aparecida é a Mãe do pescador/ é a Mãe do Salvador/ é a Mãe de todos nós. 2. Maria o Magnificat cantou/ e com ela também nós vamos cantar:/ Protegendo e defendendo nosso irmão/ que merece peixe e pão/ pra sua fome saciar. 3. Maria o Magnificat cantou/ e com ela também nós vamos cantar,/ nos unindo para a Ceia do Senhor,/ com Jesus, o Salvador/ de mãos dadas com o irmão. 4. Maria o Magnificat cantou/ e com ela também nós vamos cantar./ O amor que se fazendo refeição/ sobre a mesa é vinho e pão,/ é corpo do Senhor. 5. Maria o Magnificat cantou/ e com ela também nós vamos cantar:/ Implorando pelo povo sofredor/ que por falta de amor/ nada tem para comer. 6. Maria o Magnificat cantou/ e com ela também nós vamos cantar./ De mãos dadas mais um ano passaremos/ e jamais esqueceremos/ desta Mãe que nos uniu. 29 - O SENHOR ESTÁ PRA CHEGAR O Senhor está pra chegar, / já se cumpre a profecia; o seu Reino NOVENA DE NATAL 2012 Página 75
  • 76. então será liberdade e alegria. E as nações, enfim, recebem, salvação a cada dia. DAS ALTURAS ORVALHEM OS CÉUS, E DAS NUVENS, QUE CHOVA A JUSTIÇA, QUE A TERRA SE ABRA AO AMOR E GERMINE O DEUS SALVADOR! (BIS) Vem de novo restaurar-nos. De que lado estará? Indignado contra nós? E a vida, não darás? Salvação e alegria, outra vez não trarás? Escutemos sua Palavra: é de paz que vai falar. Paz ao povo e aos seus fiéis, a quem dele se achegar. Está perto a salvação e a alegria vai voltar. 30 - EU CREIO EM DEUS Deus é Pai, Deus é amor, Deus é esperança pra quem nele crê Confiou a construção do Reino de Paz ao homem que ama. Eu creio em Deus que o meu caminho iluminou Que a minha vida transformou, feliz eu sou Eu creio em Deus, se posso crer, se posso amar A minha vida tem valor, feliz eu sou Jesus Cristo caminha conosco amigo e irmão que nos revela ao Pai Jesus Cristo, nasceu e viveu a vida dos homens e ressurgiu Deus é amor, é consolador, conforta e ampara o pecador Deus é amor, Espírito Santo destrói o que é mal, dá vida ao que é bom 31 - VIRÁ O DIA EM QUE TODOS Virá o dia em que todos,/ ao levantar a vista,/ veremos nesta terra/ reinar a liberdade, (bis). 1. Minha alma engrandece/ o Deus libertador./ Se alegra meu espírito/ em deus meu salvador, / pois Ele se lembrou de seu povo oprimido/ e fez de sua serva/ a Mãe dos esquecidos. 2. Imenso é seu amor,/ sem fim sua bondade/ para todos que na terra/ o seguem na humildade. / Bem forte é nosso Deus, / levanta o seu braço, / espalha os soberbos,/ destrói todo pecado. 3. Derruba os poderosos dos seus tronos, erguidos, / com sangue e o suor / de seu povo oprimido. / E farta os famintos, / levanta os humilhados, / arrasa os oprimidos, os ricos e os malvados. Página 76 | NOVENA DE NATAL 2012