SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 9
Baixar para ler offline
Práticas e Modelos de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares



O Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares: Metodologias de
Operacionalização – Parte II
Tarefa 5


Domínio/Subdomínio
D. Gestão da BE
D1. Articulação da BE com a Escola/Agrupamento. Acesso e serviços prestados pela BE




Formanda: Maria Antónia do Carmo
D. Gestão da BE
D.1. Articulação da BE com a Escola/Agrupamento. Acesso e serviços prestados pela BE
Indicadores           Factores críticos de sucesso             Instrumentos de Recolha de   Evidências extraídas dos Instrumentos, a integrar
                                                               Evidências sugeridos         no Relatório de Auto-Avaliação

D.1.1.                   A escola inclui a BE na formulação    Excertos das              A BE está contemplada no PEA
Integração/acção da       e desenvolvimento da sua missão,       determinações contidas    A BE está integrada no RI da
BE na Escola/             princípios e objectivos                na documentação            escola/agrupamento
Agrupamento               estratégicos e de aprendizagem.        institucional que define  Constata-se que o Plano Anual de Actividades
                                                                 os objectivos e regula o   da BE se integra no PAA.
                         O professor bibliotecário tem          funcionamento da escola
                          assento no Conselho Pedagógico.        /agrupamento, referentes
                                                                 à BE.
                         São desencadeadas acções com          Aspectos contidos nos   O RI da BE define, nos pontos…, a política de
                          vista à partilha, discussão e          documentos que regem o   circulação de documentos no Agrupamento.
                          aprovação da missão e objectivos       funcionamento da BE e   As áreas de intervenção (exemplo: Leitura e
                          da BE nos órgãos de                    que se relacionam com    Literacia) do Plano de Acção da BE
                          administração e gestão (conselho       este item.               acompanham, em termos de acção estratégica,
                          geral, director, conselho                                       o Projecto Educativo e o Projecto Curricular do
                          pedagógico) departamentos                                       Agrupamento
                          curriculares e demais estruturas                               Verifica-se que as actividades do PAA da BE se
                          de coordenação educativa e de                                   enquadram nas metas do Projecto Educativo do
                          supervisão pedagógica.                                          Agrupamento.
                                                                                         A BE constitui um recurso importante para a
                         O Regulamento Interno da Escola                                 concretização dos PCTs das turmas, … ao
                          contempla os seguintes aspectos:                                desenvolver as actividades, … que contribuem
                          - Missão e objectivos da BE;                                    para a aprendizagem dos alunos.
- Organização funcional do                                      A ficha de requisição e circulação de
    espaço;                                                          documentos foi preenchida por (nº) professores
    - Organização e gestão dos                                       do 1ºCiclo e (nº) educadores, evidenciando uma
    recursos de informação;                                          partilha crescente dos recursos dentro do
    - Gestão dos recursos humanos                                    Agrupamento.
    afectos à BE;                                                   O plano de actividades da BE está adequado ao
    - Serviços prestados à                                           Currículo Nacional, ao PEA e ao PCT.
    comunidade escolar no âmbito do                                 A BE dinamiza actividades de promoção e de
    Projecto Educativo;                                              desenvolvimento da leitura e de
    - Regimento do funcionamento da                                  desenvolvimento de competências das
    BE.                                                                 literacias.
                                                                    A BE planifica actividades de promoção e de
   A BE adequa os seus objectivos,                                  desenvolvimento da leitura em articulação com
    recursos e actividades ao currículo                              os Departamentos.
    nacional, ao projecto curricular de
    escola e aos projectos curriculares    Registos de reuniões     As professoras Bibliotecárias do Agrupamento
    das turmas.                             /contactos.              reúnem para delinear actividades para as
                                                                     diversas BEs, em articulação com as professoras
   O Plano de desenvolvimento da BE                                 coordenadoras do 1º ciclo e dos
                                                                     Departamentos.
    acompanha, em termos de acção
                                                                    Constata-se que a Coordenadora da BE teve
    estratégica o Projecto Educativo da
                                                                     uma participação activa no Conselho
    escola e outros projectos.
                                                                     Pedagógico, tendo apresentado, ao longo do
                                                                     ano, (nº) propostas de trabalho.
   O plano anual de actividades da BE
    relaciona-se em termos de
    objectivos operacionais, com o
    apoio ao currículo, com o plano
    anual de actividades da escola e


                                                                                                                   3
com outros projectos em
                         desenvolvimento.

D.1.2. Valorização      Os órgãos de administração e                                     A BE participou, de forma activa, na
de BE pelos órgãos       gestão (conselho geral, director,    Documentos de gestão da     elaboração e implementação de actividades
de direcção,             conselho pedagógico) apoiam as        escola.                     no âmbito do PAA e PEA, participando nas
administração e          BE e envolvem-se na procura de                                    seguintes actividades...
gestão da                soluções promotoras do seu           Documentos de gestão da    Verifica-se que a Direcção tem apoiado a
escola/agrupamento       funcionamento.                         BE.                        equipa da BE no desenvolvimento das
                                                                                           actividades por esta proposta.
                        Os órgãos de administração e         Entrevista/questionário    Constata-se que o Conselho Executivo tem
                         gestão põem em prática uma            ao director (CK1).          tido uma participação pouco activa na
                         política e afectação de recursos                                  definição das linhas orientadoras da BE,
                         humanos adequada às                                               delegando essa tarefa sempre na equipa
                         necessidades de desenvolvimento                                   coordenadora.
                         da BE.                                                           A professora bibliotecária da BE reúne-se
                                                                                           com a Direcção Executiva para encontrar
                                                                                           soluções promotoras do seu funcionamento.
                                                                                          Constata-se que, em nenhuma rubrica, está
                        Os órgãos de administração e                                      contemplada a atribuição de uma verba
                         gestão (director, conselho                                        anual para a BE.
                         pedagógico) e os departamentos                                   A BE apresentou (nº) propostas de
                         curriculares estabelecem                                          aquisições ao longo do ano, para as quais o
                         estratégias visando a articulação                                 Conselho Directivo disponibilizou verbas.
                         entre a BE e as demais estruturas
                         de coordenação educativa e de
                         supervisão pedagógica.               Excertos de actas de       A BE, através da sua representação no CP,
                                                               apresentação de             envolve-se nos projectos e actividades da
                        A escola contempla a BE e os seus


                                                                                                                                       4
recursos nos projectos e                   projectos                    escola/ agrupamento.
                         actividades educativas e                  /relatórios ao conselho      Na maioria das planificações, a BE apenas é
                         curriculares.                          pedagógico; determinações/       referida em situações pontuais, não estando
                                                                recomendações do conselho        estas enquadradas em estratégias de uma
                                                                pedagógico.                      actuação sustentada.
                        Os órgãos de administração e
                         gestão atribuem uma verba anual         Estatísticas de utilização    A BE está contemplada em (nº) PCT .
                         para a renovação de                      da BE.
                         equipamentos, para a actualização
                         da colecção e para o
                         funcionamento da BE.                    Registos de                   A BE trabalha em articulação com os
                                                                    projectos/actividades        departamentos e professores na planificação
                        A escola encara a BE como recurso      envolvendo trabalho na/com       de actividades.
                         fulcral no desenvolvimento do          a BE.
                         gosto pela leitura, na aquisição das
                         literacias fundamentais, na
                         progressão nas aprendizagens e no
                         sucesso escolar.

                        Os docentes valorizam o papel da
                         BE e integram-na nas suas práticas
                         de ensino/aprendizagem.
D.1.3. Resposta da      A BE funciona num horário                                              Conclui-se que a gestão da equipa da BE
BE às necessidades       contínuo e alargado que possibilita     Horário da BE.                 permitiu o funcionamento de horário
da                       o acesso dos utilizadores no                                            contínuo e alargado.
escola/agrupamento       horário lectivo e acompanha as          Estatísticas de utilização    O horário dos Professores colaboradores e
                         necessidades de ocupação em              da BE.                         da Equipa está distribuído ao longo do
                         horário extra lectivo.                                                  horário.


                                                                                                                                             5
 Registos de                    de funcionamento da BE.
   As BE no agrupamento são geridas       reuniões/contactos.          Verifica-se que um nº significativo de alunos
    de forma integrada, rentabilizando                                   (especificar nº) frequentou a BE nos seus
    recursos, possibilidades de acesso    Registos de                   tempos livres. A análise ao inquérito feito
    a programas e projectos.               projectos/actividades         aos alunos sobre a importância da BE para a
                                                                         ocupação dos seus tempos livres, regista-se
                                          Questionário aos              que (nº) alunos fizeram os TPC’s, (nº) viram
   Os recursos e serviços da BE           docentes (QD3).               filmes, (nº) ouviram música, (nº) leram o
                                                                         jornal/revistas, (nº) utilizaram o
    respondem às metas e estratégias
    definidas no projecto educativo,      Livro/Caixa de sugestões/     computador...
    projecto curricular e outros           Reclamações.                 A equipa da BE/colaboradores apoiou
    projectos.                                                           directamente (nº) alunos na Zona de
                                                                         informática, (nº) de alunos na zona da
                                                                         leitura e (nº) alunos na zona de trabalho
   A BE cria condições e é usada                                        autónomo (sala de estudo).
    como recurso e como local de lazer                                  A BE direccionou acções formativas no
    e de trabalho.                                                       domínio da Literacia da Informação
                                                                         dirigidas aos utilizadores. Foram realizadas
                                                                         (nº) sessões, tendo comparecido (nº)
   A BE apoia os utilizadores no                                        alunos e (nº) professores.
    acesso à colecção, aos                                              A BE fez as seguintes intervenções no
    equipamentos, à leitura, à                                           espaço, … com o objectivo de o tornar mais
    pesquisa e ao uso da informação.                                     funcional e agradável.
                                                                        Constata-se que (nº) de actividades foram
   A BE planifica com docentes,                                         desenvolvidas em conjunto pelas BEs do
    departamentos curriculares e                                         Agrupamento.
    demais estruturas de coordenação                                    No questionário de avaliação preenchido no
    educativa e de supervisão                                            final de cada sessão, (%) professores e (%)



                                                                                                                    6
pedagógica.                           alunos referiram que os materiais
                                          apresentados e disponibilizados pela BE
                                          serão muito úteis para a pesquisa e
   A BE desenvolve projectos com a       tratamento da informação.
    escola/agrupamento.                  A Coordenadora da BE reuniu (nº) vezes
                                          com as Coordenadores das escolas do 1º
   A BE assume-se como pólo de           ciclo do Agrupamento para proceder a
                                          alterações ao Regulamento Interno (no que
    fomento e de difusão cultural
                                          à BE diz respeito) e (nº) vezes para a
                                          elaboração dos respectivos planos de
                                          actividades.
                                         A BE elabora e disponibiliza materiais de
                                          apoio ao estudo.
                                         Os Professores colaboradores da BE apoiam
                                          os alunos no estudo e na realização de
                                          trabalhos.
                                         Os alunos frequentam a BE para actividades
                                          de lazer, autonomamente e com muita
                                          frequência.
                                         Os Professores colaboradores apoiam os
                                          utilizadores na utilização dos
                                          equipamentos.
                                         A BE dinamiza ateliers de Leitura.
                                         A BE dinamiza actividades de Leitura /
                                          Escrita.
                                         A BE dinamiza actividades de Leitura em
                                          articulação com o Departamento de Línguas
                                          ( projectos de Leitura / Escrita



                                                                                  7
elaborados pela BE).
                                                                                          A BE planifica e dinamiza actividades para o
                                                                                            Agrupamento.
                                                                                          A BE produz /disponibiliza materiais de
                                                                                            apoio para partilha com restantes escolas.
                                                                                          A BE reúne com os Professores
                                                                                            colaboradores das restantes escolas do
                                                                                            agrupamento, para delinear estratégias de
                                                                                            trabalho, para partilhar documentos e
                                                                                            materiais pedagógicos.
                                                                                          A BE divulga, planifica e dinamiza
                                                                                           Actividades culturais para a Escola
                                                                                           /Agrupamento.

D.1.4. Avaliação da      A BE implementa um sistema de                                   As estatísticas divulgadas trimestralmente à
BE na                     auto-avaliação contínuo.                                         comunidade escolar permitem saber: o nº
escola/agrupamento       Os órgãos de direcção,                Informação recolhida      de alunos que utilizam as diferentes zonas
                                                                 com recurso ao            da BE; o nº de requisições domiciliárias; os
                          administração e gestão são
                                                                 sistema automatizado      anos e as turmas que mais/menos
                          envolvidos no processo de
                                                                 de gestão                 frequentam a BE...
                          autoavaliação da BE.
                                                                 bibliográfica.           A BE aplicou (nº) questionários a alunos e
                         Os instrumentos de recolha de         Registos de               professores sobre (nº) actividades
                          informação são aplicados, de           observação,               dinamizadas pela BE.
                          forma sistemática, e no decurso do     questionários,           Através da análise da grelha de registo
                          processo de gestão.                    entrevistas,              “Trabalho de articulação”, pode constatar-
                         A informação recolhida é analisada     outros     realizados     se que a BE desenvolveu (nº) actividades
                          e os resultados da                     no âmbito da              em parceria com as disciplinas de... e (nº)
                          análise/avaliação originam,            avaliação da BE.          com a Área de Projecto.
                          quando necessário, a redefinição


                                                                                                                                      8
de estratégias, sendo integrados       Excertos de     Os delegados das (nº) turmas da escola
    no processo de planeamento.             documentação     preencheram um inquérito sobre o
   Os resultados da auto-avaliação         recolhida.       funcionamento geral da BE. (%) avaliaram
    são divulgados junto dos órgãos de                       como aspectos mais positivos… (%)
    direcção, administração e gestão                         avaliaram como aspectos menos positivos…
    (conselho geral, director, conselho                     A Coordenadora apresentou um relatório
    pedagógico), estruturas de                               final de avaliação da BE no Conselho
    coordenação educativa e de                               Pedagógico, o qual foi afixado na sala de
    supervisão pedagógica, e da                              professores e entregue a cada Coordenador
    restante comunidade, com o                               do Departamento.
    objectivo de promover e valorizar                       Tendo em consideração os pontos fracos -
    as mais-valias da BE e de alertar                        referidos no relatório final de avaliação, a
    para os pontos fracos do seu                             equipa apresentou propostas de trabalho,
    funcionamento.                                           acções de melhoria, com o objectivo de
   São realizadas actividades de                            melhorar o sucesso.
    benchmarking.
   A auto-avaliação da escola integra
    os resultados da auto-avaliação da
    BE.




                                                                                                        9

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

6ª SessãO Metodologias De OperacionalizaçãO Parte Ii
6ª SessãO  Metodologias De OperacionalizaçãO Parte Ii6ª SessãO  Metodologias De OperacionalizaçãO Parte Ii
6ª SessãO Metodologias De OperacionalizaçãO Parte IiFilipe Pereira
 
Metod Oper (Parte Ii)
Metod Oper (Parte Ii)Metod Oper (Parte Ii)
Metod Oper (Parte Ii)beloule
 
3 de Dezembro de 2009
3 de Dezembro de 20093 de Dezembro de 2009
3 de Dezembro de 2009luciameireles
 
Maabe Metodologias De OperacionalizaçãO Ll
Maabe   Metodologias De OperacionalizaçãO LlMaabe   Metodologias De OperacionalizaçãO Ll
Maabe Metodologias De OperacionalizaçãO Llmariamanel
 
Tarefa 5 Tabela D1
Tarefa 5  Tabela  D1Tarefa 5  Tabela  D1
Tarefa 5 Tabela D1dardevaia2
 
Paa 2011 2012
Paa 2011 2012Paa 2011 2012
Paa 2011 2012madalenat
 
Paa da be de praia de mira
Paa da be de praia de miraPaa da be de praia de mira
Paa da be de praia de miraEB2 Mira
 
Os Pontos Fortes Da Be
Os Pontos Fortes Da BeOs Pontos Fortes Da Be
Os Pontos Fortes Da BeBE/CRE
 

Mais procurados (17)

6ª SessãO Metodologias De OperacionalizaçãO Parte Ii
6ª SessãO  Metodologias De OperacionalizaçãO Parte Ii6ª SessãO  Metodologias De OperacionalizaçãO Parte Ii
6ª SessãO Metodologias De OperacionalizaçãO Parte Ii
 
Metod Oper (Parte Ii)
Metod Oper (Parte Ii)Metod Oper (Parte Ii)
Metod Oper (Parte Ii)
 
3 de Dezembro de 2009
3 de Dezembro de 20093 de Dezembro de 2009
3 de Dezembro de 2009
 
Tabela DomíNio D.1
Tabela DomíNio D.1Tabela DomíNio D.1
Tabela DomíNio D.1
 
Maabe Metodologias De OperacionalizaçãO Ll
Maabe   Metodologias De OperacionalizaçãO LlMaabe   Metodologias De OperacionalizaçãO Ll
Maabe Metodologias De OperacionalizaçãO Ll
 
Tabela SubdomíNio D1
Tabela  SubdomíNio D1Tabela  SubdomíNio D1
Tabela SubdomíNio D1
 
Tarefa 5 Tabela D1
Tarefa 5  Tabela  D1Tarefa 5  Tabela  D1
Tarefa 5 Tabela D1
 
Tabela D.1.
Tabela D.1.Tabela D.1.
Tabela D.1.
 
5ª tarefa - 1ª parte
5ª tarefa - 1ª parte5ª tarefa - 1ª parte
5ª tarefa - 1ª parte
 
Tarefa6
Tarefa6Tarefa6
Tarefa6
 
Tabela D1
Tabela D1Tabela D1
Tabela D1
 
SessãO 5 Tarefa 1
SessãO 5 Tarefa 1SessãO 5 Tarefa 1
SessãO 5 Tarefa 1
 
Paa 2011 2012
Paa 2011 2012Paa 2011 2012
Paa 2011 2012
 
Domínio - D1
Domínio - D1Domínio - D1
Domínio - D1
 
Tabela D
Tabela DTabela D
Tabela D
 
Paa da be de praia de mira
Paa da be de praia de miraPaa da be de praia de mira
Paa da be de praia de mira
 
Os Pontos Fortes Da Be
Os Pontos Fortes Da BeOs Pontos Fortes Da Be
Os Pontos Fortes Da Be
 

Semelhante a Tabela B1

1ª Tarefa Meted. Oper.Ii
1ª Tarefa Meted. Oper.Ii1ª Tarefa Meted. Oper.Ii
1ª Tarefa Meted. Oper.Iiguest7116db
 
Os Pontos Fortes Da Be
Os Pontos Fortes Da BeOs Pontos Fortes Da Be
Os Pontos Fortes Da BeBE/CRE
 
Tabela DomíNio D Modelo De Auto
Tabela   DomíNio D    Modelo De AutoTabela   DomíNio D    Modelo De Auto
Tabela DomíNio D Modelo De Autorbento
 
Tabela Metodologias De OperacionalizaçãO, Parte Ii
Tabela   Metodologias De OperacionalizaçãO, Parte IiTabela   Metodologias De OperacionalizaçãO, Parte Ii
Tabela Metodologias De OperacionalizaçãO, Parte Iirbento
 
Tabela DomíNio D.1
Tabela   DomíNio D.1Tabela   DomíNio D.1
Tabela DomíNio D.1rbento
 
Tabela Domínio D Modelo De Auto
Tabela    Domínio  D     Modelo De  AutoTabela    Domínio  D     Modelo De  Auto
Tabela Domínio D Modelo De Autorbento
 
Tabela D6
Tabela D6Tabela D6
Tabela D6rbento
 
Tabela
TabelaTabela
Tabelarbento
 
Tabela DomíNio D Modelo De Auto
Tabela   DomíNio D    Modelo De AutoTabela   DomíNio D    Modelo De Auto
Tabela DomíNio D Modelo De Autorbento
 

Semelhante a Tabela B1 (16)

Tabela d1
Tabela d1Tabela d1
Tabela d1
 
Tabela D.1.
Tabela D.1.Tabela D.1.
Tabela D.1.
 
1ª Tarefa Meted. Oper.Ii
1ª Tarefa Meted. Oper.Ii1ª Tarefa Meted. Oper.Ii
1ª Tarefa Meted. Oper.Ii
 
Os Pontos Fortes Da Be
Os Pontos Fortes Da BeOs Pontos Fortes Da Be
Os Pontos Fortes Da Be
 
Tarefa 5 Tabela
Tarefa 5   TabelaTarefa 5   Tabela
Tarefa 5 Tabela
 
Tabela DomíNio D Modelo De Auto
Tabela   DomíNio D    Modelo De AutoTabela   DomíNio D    Modelo De Auto
Tabela DomíNio D Modelo De Auto
 
Tabela Metodologias De OperacionalizaçãO, Parte Ii
Tabela   Metodologias De OperacionalizaçãO, Parte IiTabela   Metodologias De OperacionalizaçãO, Parte Ii
Tabela Metodologias De OperacionalizaçãO, Parte Ii
 
Tabela DomíNio D.1
Tabela   DomíNio D.1Tabela   DomíNio D.1
Tabela DomíNio D.1
 
Tabela Domínio D Modelo De Auto
Tabela    Domínio  D     Modelo De  AutoTabela    Domínio  D     Modelo De  Auto
Tabela Domínio D Modelo De Auto
 
Tabela D6
Tabela D6Tabela D6
Tabela D6
 
Tabela
TabelaTabela
Tabela
 
Tabela DomíNio D Modelo De Auto
Tabela   DomíNio D    Modelo De AutoTabela   DomíNio D    Modelo De Auto
Tabela DomíNio D Modelo De Auto
 
T D
T DT D
T D
 
Tabela D.1
Tabela D.1Tabela D.1
Tabela D.1
 
Tabela D.1
Tabela D.1Tabela D.1
Tabela D.1
 
D1
D1D1
D1
 

Mais de mariaantoniadocarmo

2ª ACTIVIDADE – distinguir enunciados gerais de específicos
2ª ACTIVIDADE – distinguir enunciados gerais de específicos2ª ACTIVIDADE – distinguir enunciados gerais de específicos
2ª ACTIVIDADE – distinguir enunciados gerais de específicosmariaantoniadocarmo
 
1ª ACTIVIDADE – distinguir descrição de avaliação
1ª ACTIVIDADE – distinguir descrição de avaliação 1ª ACTIVIDADE – distinguir descrição de avaliação
1ª ACTIVIDADE – distinguir descrição de avaliação mariaantoniadocarmo
 
O Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares: metodologias de operaci...
O Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares: metodologias de operaci...O Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares: metodologias de operaci...
O Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares: metodologias de operaci...mariaantoniadocarmo
 
O MODELO DE AUTO-AVALIAÇÃO DA BE: METODOLOGIAS DE OPERACIONALIZAÇÃO (CONCLUSÃ...
O MODELO DE AUTO-AVALIAÇÃO DA BE: METODOLOGIAS DE OPERACIONALIZAÇÃO (CONCLUSÃ...O MODELO DE AUTO-AVALIAÇÃO DA BE: METODOLOGIAS DE OPERACIONALIZAÇÃO (CONCLUSÃ...
O MODELO DE AUTO-AVALIAÇÃO DA BE: METODOLOGIAS DE OPERACIONALIZAÇÃO (CONCLUSÃ...mariaantoniadocarmo
 
O Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares: metodologias de operaci...
O Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares: metodologias de operaci...O Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares: metodologias de operaci...
O Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares: metodologias de operaci...mariaantoniadocarmo
 
O Modelo de Auto-avaliação das Bibliotecas Escolares: Metodologias de operaci...
O Modelo de Auto-avaliação das Bibliotecas Escolares: Metodologias de operaci...O Modelo de Auto-avaliação das Bibliotecas Escolares: Metodologias de operaci...
O Modelo de Auto-avaliação das Bibliotecas Escolares: Metodologias de operaci...mariaantoniadocarmo
 
Comentário ao Trabalho em Power Point relativo ao Modelo de Auto Avaliação BE...
Comentário ao Trabalho em Power Point relativo ao Modelo de Auto Avaliação BE...Comentário ao Trabalho em Power Point relativo ao Modelo de Auto Avaliação BE...
Comentário ao Trabalho em Power Point relativo ao Modelo de Auto Avaliação BE...mariaantoniadocarmo
 
Modelo de Auto Avaliação da Biblioteca Escolar no Contexto Escola/Agrupamento
Modelo de Auto Avaliação da Biblioteca Escolar no Contexto Escola/AgrupamentoModelo de Auto Avaliação da Biblioteca Escolar no Contexto Escola/Agrupamento
Modelo de Auto Avaliação da Biblioteca Escolar no Contexto Escola/Agrupamentomariaantoniadocarmo
 
Comentário Fundamentado à Análise Crítica do Modelo de Auto Avaliação - Maria...
Comentário Fundamentado à Análise Crítica do Modelo de Auto Avaliação - Maria...Comentário Fundamentado à Análise Crítica do Modelo de Auto Avaliação - Maria...
Comentário Fundamentado à Análise Crítica do Modelo de Auto Avaliação - Maria...mariaantoniadocarmo
 
Análise do Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares
Análise do Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas EscolaresAnálise do Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares
Análise do Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolaresmariaantoniadocarmo
 

Mais de mariaantoniadocarmo (16)

Análise síntese final
Análise síntese finalAnálise síntese final
Análise síntese final
 
Tarefa 2 - 2ª parte
Tarefa 2 - 2ª parteTarefa 2 - 2ª parte
Tarefa 2 - 2ª parte
 
Comentario Tarefa 3 - 2ª parte
Comentario Tarefa 3 - 2ª parteComentario Tarefa 3 - 2ª parte
Comentario Tarefa 3 - 2ª parte
 
2ª ACTIVIDADE – distinguir enunciados gerais de específicos
2ª ACTIVIDADE – distinguir enunciados gerais de específicos2ª ACTIVIDADE – distinguir enunciados gerais de específicos
2ª ACTIVIDADE – distinguir enunciados gerais de específicos
 
1ª ACTIVIDADE – distinguir descrição de avaliação
1ª ACTIVIDADE – distinguir descrição de avaliação 1ª ACTIVIDADE – distinguir descrição de avaliação
1ª ACTIVIDADE – distinguir descrição de avaliação
 
O Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares: metodologias de operaci...
O Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares: metodologias de operaci...O Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares: metodologias de operaci...
O Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares: metodologias de operaci...
 
O MODELO DE AUTO-AVALIAÇÃO DA BE: METODOLOGIAS DE OPERACIONALIZAÇÃO (CONCLUSÃ...
O MODELO DE AUTO-AVALIAÇÃO DA BE: METODOLOGIAS DE OPERACIONALIZAÇÃO (CONCLUSÃ...O MODELO DE AUTO-AVALIAÇÃO DA BE: METODOLOGIAS DE OPERACIONALIZAÇÃO (CONCLUSÃ...
O MODELO DE AUTO-AVALIAÇÃO DA BE: METODOLOGIAS DE OPERACIONALIZAÇÃO (CONCLUSÃ...
 
O Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares: metodologias de operaci...
O Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares: metodologias de operaci...O Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares: metodologias de operaci...
O Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares: metodologias de operaci...
 
Acções Futuras D1
Acções Futuras D1Acções Futuras D1
Acções Futuras D1
 
O Modelo de Auto-avaliação das Bibliotecas Escolares: Metodologias de operaci...
O Modelo de Auto-avaliação das Bibliotecas Escolares: Metodologias de operaci...O Modelo de Auto-avaliação das Bibliotecas Escolares: Metodologias de operaci...
O Modelo de Auto-avaliação das Bibliotecas Escolares: Metodologias de operaci...
 
Comentário ao Trabalho em Power Point relativo ao Modelo de Auto Avaliação BE...
Comentário ao Trabalho em Power Point relativo ao Modelo de Auto Avaliação BE...Comentário ao Trabalho em Power Point relativo ao Modelo de Auto Avaliação BE...
Comentário ao Trabalho em Power Point relativo ao Modelo de Auto Avaliação BE...
 
Modelo de Auto Avaliação da Biblioteca Escolar no Contexto Escola/Agrupamento
Modelo de Auto Avaliação da Biblioteca Escolar no Contexto Escola/AgrupamentoModelo de Auto Avaliação da Biblioteca Escolar no Contexto Escola/Agrupamento
Modelo de Auto Avaliação da Biblioteca Escolar no Contexto Escola/Agrupamento
 
Comentário Fundamentado à Análise Crítica do Modelo de Auto Avaliação - Maria...
Comentário Fundamentado à Análise Crítica do Modelo de Auto Avaliação - Maria...Comentário Fundamentado à Análise Crítica do Modelo de Auto Avaliação - Maria...
Comentário Fundamentado à Análise Crítica do Modelo de Auto Avaliação - Maria...
 
Análise do Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares
Análise do Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas EscolaresAnálise do Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares
Análise do Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares
 
Crítica
CríticaCrítica
Crítica
 
Tabela
TabelaTabela
Tabela
 

Tabela B1

  • 1. Práticas e Modelos de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares O Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares: Metodologias de Operacionalização – Parte II Tarefa 5 Domínio/Subdomínio D. Gestão da BE D1. Articulação da BE com a Escola/Agrupamento. Acesso e serviços prestados pela BE Formanda: Maria Antónia do Carmo
  • 2. D. Gestão da BE D.1. Articulação da BE com a Escola/Agrupamento. Acesso e serviços prestados pela BE Indicadores Factores críticos de sucesso Instrumentos de Recolha de Evidências extraídas dos Instrumentos, a integrar Evidências sugeridos no Relatório de Auto-Avaliação D.1.1.  A escola inclui a BE na formulação  Excertos das  A BE está contemplada no PEA Integração/acção da e desenvolvimento da sua missão, determinações contidas  A BE está integrada no RI da BE na Escola/ princípios e objectivos na documentação escola/agrupamento Agrupamento estratégicos e de aprendizagem. institucional que define  Constata-se que o Plano Anual de Actividades os objectivos e regula o da BE se integra no PAA.  O professor bibliotecário tem funcionamento da escola assento no Conselho Pedagógico. /agrupamento, referentes à BE.  São desencadeadas acções com  Aspectos contidos nos  O RI da BE define, nos pontos…, a política de vista à partilha, discussão e documentos que regem o circulação de documentos no Agrupamento. aprovação da missão e objectivos funcionamento da BE e  As áreas de intervenção (exemplo: Leitura e da BE nos órgãos de que se relacionam com Literacia) do Plano de Acção da BE administração e gestão (conselho este item. acompanham, em termos de acção estratégica, geral, director, conselho o Projecto Educativo e o Projecto Curricular do pedagógico) departamentos Agrupamento curriculares e demais estruturas  Verifica-se que as actividades do PAA da BE se de coordenação educativa e de enquadram nas metas do Projecto Educativo do supervisão pedagógica. Agrupamento.  A BE constitui um recurso importante para a  O Regulamento Interno da Escola concretização dos PCTs das turmas, … ao contempla os seguintes aspectos: desenvolver as actividades, … que contribuem - Missão e objectivos da BE; para a aprendizagem dos alunos.
  • 3. - Organização funcional do  A ficha de requisição e circulação de espaço; documentos foi preenchida por (nº) professores - Organização e gestão dos do 1ºCiclo e (nº) educadores, evidenciando uma recursos de informação; partilha crescente dos recursos dentro do - Gestão dos recursos humanos Agrupamento. afectos à BE;  O plano de actividades da BE está adequado ao - Serviços prestados à Currículo Nacional, ao PEA e ao PCT. comunidade escolar no âmbito do  A BE dinamiza actividades de promoção e de Projecto Educativo; desenvolvimento da leitura e de - Regimento do funcionamento da desenvolvimento de competências das BE. literacias.  A BE planifica actividades de promoção e de  A BE adequa os seus objectivos, desenvolvimento da leitura em articulação com recursos e actividades ao currículo os Departamentos. nacional, ao projecto curricular de escola e aos projectos curriculares  Registos de reuniões  As professoras Bibliotecárias do Agrupamento das turmas. /contactos. reúnem para delinear actividades para as diversas BEs, em articulação com as professoras  O Plano de desenvolvimento da BE coordenadoras do 1º ciclo e dos Departamentos. acompanha, em termos de acção  Constata-se que a Coordenadora da BE teve estratégica o Projecto Educativo da uma participação activa no Conselho escola e outros projectos. Pedagógico, tendo apresentado, ao longo do ano, (nº) propostas de trabalho.  O plano anual de actividades da BE relaciona-se em termos de objectivos operacionais, com o apoio ao currículo, com o plano anual de actividades da escola e 3
  • 4. com outros projectos em desenvolvimento. D.1.2. Valorização  Os órgãos de administração e  A BE participou, de forma activa, na de BE pelos órgãos gestão (conselho geral, director,  Documentos de gestão da elaboração e implementação de actividades de direcção, conselho pedagógico) apoiam as escola. no âmbito do PAA e PEA, participando nas administração e BE e envolvem-se na procura de seguintes actividades... gestão da soluções promotoras do seu  Documentos de gestão da  Verifica-se que a Direcção tem apoiado a escola/agrupamento funcionamento. BE. equipa da BE no desenvolvimento das actividades por esta proposta.  Os órgãos de administração e  Entrevista/questionário  Constata-se que o Conselho Executivo tem gestão põem em prática uma ao director (CK1). tido uma participação pouco activa na política e afectação de recursos definição das linhas orientadoras da BE, humanos adequada às delegando essa tarefa sempre na equipa necessidades de desenvolvimento coordenadora. da BE.  A professora bibliotecária da BE reúne-se com a Direcção Executiva para encontrar soluções promotoras do seu funcionamento.  Constata-se que, em nenhuma rubrica, está  Os órgãos de administração e contemplada a atribuição de uma verba gestão (director, conselho anual para a BE. pedagógico) e os departamentos  A BE apresentou (nº) propostas de curriculares estabelecem aquisições ao longo do ano, para as quais o estratégias visando a articulação Conselho Directivo disponibilizou verbas. entre a BE e as demais estruturas de coordenação educativa e de supervisão pedagógica.  Excertos de actas de  A BE, através da sua representação no CP, apresentação de envolve-se nos projectos e actividades da  A escola contempla a BE e os seus 4
  • 5. recursos nos projectos e projectos escola/ agrupamento. actividades educativas e /relatórios ao conselho  Na maioria das planificações, a BE apenas é curriculares. pedagógico; determinações/ referida em situações pontuais, não estando recomendações do conselho estas enquadradas em estratégias de uma pedagógico. actuação sustentada.  Os órgãos de administração e gestão atribuem uma verba anual  Estatísticas de utilização  A BE está contemplada em (nº) PCT . para a renovação de da BE. equipamentos, para a actualização da colecção e para o funcionamento da BE.  Registos de  A BE trabalha em articulação com os projectos/actividades departamentos e professores na planificação  A escola encara a BE como recurso envolvendo trabalho na/com de actividades. fulcral no desenvolvimento do a BE. gosto pela leitura, na aquisição das literacias fundamentais, na progressão nas aprendizagens e no sucesso escolar.  Os docentes valorizam o papel da BE e integram-na nas suas práticas de ensino/aprendizagem. D.1.3. Resposta da  A BE funciona num horário  Conclui-se que a gestão da equipa da BE BE às necessidades contínuo e alargado que possibilita  Horário da BE. permitiu o funcionamento de horário da o acesso dos utilizadores no contínuo e alargado. escola/agrupamento horário lectivo e acompanha as  Estatísticas de utilização  O horário dos Professores colaboradores e necessidades de ocupação em da BE. da Equipa está distribuído ao longo do horário extra lectivo. horário. 5
  • 6.  Registos de de funcionamento da BE.  As BE no agrupamento são geridas reuniões/contactos.  Verifica-se que um nº significativo de alunos de forma integrada, rentabilizando (especificar nº) frequentou a BE nos seus recursos, possibilidades de acesso  Registos de tempos livres. A análise ao inquérito feito a programas e projectos. projectos/actividades aos alunos sobre a importância da BE para a ocupação dos seus tempos livres, regista-se  Questionário aos que (nº) alunos fizeram os TPC’s, (nº) viram  Os recursos e serviços da BE docentes (QD3). filmes, (nº) ouviram música, (nº) leram o jornal/revistas, (nº) utilizaram o respondem às metas e estratégias definidas no projecto educativo,  Livro/Caixa de sugestões/ computador... projecto curricular e outros Reclamações.  A equipa da BE/colaboradores apoiou projectos. directamente (nº) alunos na Zona de informática, (nº) de alunos na zona da leitura e (nº) alunos na zona de trabalho  A BE cria condições e é usada autónomo (sala de estudo). como recurso e como local de lazer  A BE direccionou acções formativas no e de trabalho. domínio da Literacia da Informação dirigidas aos utilizadores. Foram realizadas (nº) sessões, tendo comparecido (nº)  A BE apoia os utilizadores no alunos e (nº) professores. acesso à colecção, aos  A BE fez as seguintes intervenções no equipamentos, à leitura, à espaço, … com o objectivo de o tornar mais pesquisa e ao uso da informação. funcional e agradável.  Constata-se que (nº) de actividades foram  A BE planifica com docentes, desenvolvidas em conjunto pelas BEs do departamentos curriculares e Agrupamento. demais estruturas de coordenação  No questionário de avaliação preenchido no educativa e de supervisão final de cada sessão, (%) professores e (%) 6
  • 7. pedagógica. alunos referiram que os materiais apresentados e disponibilizados pela BE serão muito úteis para a pesquisa e  A BE desenvolve projectos com a tratamento da informação. escola/agrupamento.  A Coordenadora da BE reuniu (nº) vezes com as Coordenadores das escolas do 1º  A BE assume-se como pólo de ciclo do Agrupamento para proceder a alterações ao Regulamento Interno (no que fomento e de difusão cultural à BE diz respeito) e (nº) vezes para a elaboração dos respectivos planos de actividades.  A BE elabora e disponibiliza materiais de apoio ao estudo.  Os Professores colaboradores da BE apoiam os alunos no estudo e na realização de trabalhos.  Os alunos frequentam a BE para actividades de lazer, autonomamente e com muita frequência.  Os Professores colaboradores apoiam os utilizadores na utilização dos equipamentos.  A BE dinamiza ateliers de Leitura.  A BE dinamiza actividades de Leitura / Escrita.  A BE dinamiza actividades de Leitura em articulação com o Departamento de Línguas ( projectos de Leitura / Escrita 7
  • 8. elaborados pela BE).  A BE planifica e dinamiza actividades para o Agrupamento.  A BE produz /disponibiliza materiais de apoio para partilha com restantes escolas.  A BE reúne com os Professores colaboradores das restantes escolas do agrupamento, para delinear estratégias de trabalho, para partilhar documentos e materiais pedagógicos.  A BE divulga, planifica e dinamiza Actividades culturais para a Escola /Agrupamento. D.1.4. Avaliação da  A BE implementa um sistema de  As estatísticas divulgadas trimestralmente à BE na auto-avaliação contínuo. comunidade escolar permitem saber: o nº escola/agrupamento  Os órgãos de direcção,  Informação recolhida de alunos que utilizam as diferentes zonas com recurso ao da BE; o nº de requisições domiciliárias; os administração e gestão são sistema automatizado anos e as turmas que mais/menos envolvidos no processo de de gestão frequentam a BE... autoavaliação da BE. bibliográfica.  A BE aplicou (nº) questionários a alunos e  Os instrumentos de recolha de  Registos de professores sobre (nº) actividades informação são aplicados, de observação, dinamizadas pela BE. forma sistemática, e no decurso do questionários,  Através da análise da grelha de registo processo de gestão. entrevistas, “Trabalho de articulação”, pode constatar-  A informação recolhida é analisada outros realizados se que a BE desenvolveu (nº) actividades e os resultados da no âmbito da em parceria com as disciplinas de... e (nº) análise/avaliação originam, avaliação da BE. com a Área de Projecto. quando necessário, a redefinição 8
  • 9. de estratégias, sendo integrados  Excertos de  Os delegados das (nº) turmas da escola no processo de planeamento. documentação preencheram um inquérito sobre o  Os resultados da auto-avaliação recolhida. funcionamento geral da BE. (%) avaliaram são divulgados junto dos órgãos de como aspectos mais positivos… (%) direcção, administração e gestão avaliaram como aspectos menos positivos… (conselho geral, director, conselho  A Coordenadora apresentou um relatório pedagógico), estruturas de final de avaliação da BE no Conselho coordenação educativa e de Pedagógico, o qual foi afixado na sala de supervisão pedagógica, e da professores e entregue a cada Coordenador restante comunidade, com o do Departamento. objectivo de promover e valorizar  Tendo em consideração os pontos fracos - as mais-valias da BE e de alertar referidos no relatório final de avaliação, a para os pontos fracos do seu equipa apresentou propostas de trabalho, funcionamento. acções de melhoria, com o objectivo de  São realizadas actividades de melhorar o sucesso. benchmarking.  A auto-avaliação da escola integra os resultados da auto-avaliação da BE. 9