SlideShare uma empresa Scribd logo

Tabela

1 de 5
Baixar para ler offline
D. Gestão da BE
D.3. Gestão da colecção/da informação
  Indicadores                   Factores Críticos de Sucesso                       Instrumentos de Recolha de               Evidências extraídas dos Instrumentos, a
                                                                                       Evidências sugeridos                  integrar no Relatório de Auto-avaliação
D.3.1.
                     A política documental encontra-se definida para a           Documentação que define o            •   A BE apresentou aos órgãos de administração e
                     escola/agrupamento.                                          desenvolvimento da colecção:              gestão…
Planeamento /
gestão da colecção   A política documental materializa-se num processo           Política de Desenvolvimento da
                     integrado e contínuo de avaliação da colecção ou             Colecção                              •   A BE elaborou ficha…
de acordo com a
inventariação das    colecções da escola, na inventariação de necessidades e
necessidades         na sua actualização sistemática.                             Fichas com os pedidos de             •   A BE recebeu os pedidos de aquisição dos
curriculares e dos   A política de desenvolvimento da colecção está              documentos                                Departamentos Curriculares, Directores de Curso,
utilizadores da      formalizada e foi submetida ao parecer do conselho                                                     Gabinete de Educação para a Saúde… e requisitou-os
escola /             pedagógico, definindo um conjunto de normas para a           Registos de requisições efectuadas
                     selecção, desbaste, aquisição, organização e circulação      na secretaria
agrupamento.                                                                                                            •   A BE avaliou a colecção, planificou e afectou
                     dos recursos de informação.                                                                            verbas…
                     A escola/agrupamento participa na definição dessa
                     política que é aprovada pelos órgãos de direcção,            Registos de reuniões /
                     administração e gestão (conselho geral, director, conselho   Relatórios / planificações.
                     pedagógico, conselho administrativo), garantindo
                     consistência ao trabalho da equipa e assegurando mais        Actas de reuniões de Departamento,
                                                                                                                        •     Resultados do questionário (CK2) Ex:
                     facilmente as exigências de financiamento anuais.            Conselho Pedagógico e Conselho
                                                                                                                        - a extensão e qualidade da colecção responde
                     As práticas de avaliação, de desbaste, de selecção e        Administrativo
                                                                                                                        razoavelmente às necessidades da escola
                     aquisição de documentação são realizadas de acordo com
                                                                                                                        - a informatização do catálogo situa-se no nível …
                     as orientações definidas.
                                                                                                                        - a colecção responde às necessidades da escola -nível …
                     As necessidades de informação, decorrentes do projecto      Análise da colecção (CK2).
                                                                                                                        - a BE difunde informação utilizando diferentes suportes
                     educativo, de projectos em desenvolvimento e dos perfis                                            –nível…
                     curriculares dos diferentes anos/ matérias são                                                     - o desenvolvimento da colecção faz-se de forma
                     inventariadas.                                                                                     planeada, participada e de acordo com a Política de
                     A documentação existente em cada BE/escola e as                                                   Desenvolvimento da Colecção – nível …
                     necessidades ao nível do agrupamento são avaliadas e                                               - de acordo com as estatística…% dos professores usa a
                     existe uma gestão integrada que promove a circulação da                                            colecção pelo que a utilização da mesma se situa no
                     documentação.                                                                                      nível…,
                     A rede partilhada de documentação pode envolver                                                   - os fundos documentais são actualizados em grande parte
                     outras bibliotecas a nível local e a BM.                                                           no início do ano lectivo e depois ao longo do ano
                     As normas que regem a partilha de documentação e a
                     gestão cooperativa da colecção estão formalizadas e
                     integram a política de desenvolvimento da colecção.
                     Os órgãos de administração e gestão atribuem
                     anualmente uma verba para actualização da
documentação.
A colecção é equilibrada em quantidade, entre suportes     Resultados da avaliação da       Os recursos documentais estão equilibrados.
D.3.2. Adequação
                     (impresso e não impresso) e entre as diferentes áreas       colecção.
dos livros e de                                                                                                    Respeita a proporcionalidade de 1/3, relativamente ao
                     (recreativa e relacionada com o currículo), garantindo
outros recursos de                                                                                                 material livro e não livro;
                     condições de acesso e uso a todos os utilizadores.
informação (no
local e online) às                                                                                                 Há equilíbrio entre os níveis de ensino existentes na
necessidades         Os livros e outros recursos de informação são
                                                                                                                   Escola.
curriculares e aos   adequados à faixa etária, à curiosidade intelectual e aos
interesses dos       interesses dos utilizadores.                                Estatísticas.                     Os recursos documentais têm em conta as origens
utilizadores na                                                                                                    multiculturais dos alunos.
escola /             Os livros e outros recursos de informação respondem às
agrupamento.         necessidades do currículo nacional, do projecto educativo                                      Número elevado / razoável / fraco de documentos
                     e dos projectos curriculares das turmas.                                                      consultados na biblioteca na disciplina de História /
                                                                                                                   Geografia/ …
                     A selecção dos fundos documentais tem em conta
                     necessidades identificadas junto dos departamentos          Registos de requisições pelos    Número elevado / razoável / fraco de empréstimos
                     curriculares e utilizadores, de acordo com os critérios     departamentos/ docentes.          domiciliários por alunos do 3º Ciclo / Secundário /
                     definidos no documento Política de desenvolvimento da                                         Professores / Funcionários / outros
                     colecção.
                                                                                                                   Número elevado / razoável / fraco de documentos
                     Os recursos documentais são anualmente actualizados,                                         (livros, DVDs, CDs áudio, dicionários, …) requisitados
                     respondendo em termos de qualidade, diversidade e                                             para a sala de aula
                     relevância às necessidades dos utilizadores.
                                                                                 Questionário a docentes (QD3).   Resultados do questionário aos docentes (QD3) Ex:
                                                                                                                   - … % dos docentes considera a organização do espaço,
                                                                                                                   mobiliário e condições de acomodação muito boa / boa /
                                                                                                                   suficiente / insuficiente
                                                                                                                   - … % dos docentes considera a colecção bem adequada
                                                                                                                   às necessidades pessoais de documentação e ao trabalho
                                                                                                                   pedagógico com os alunos
                                                                                 Questionário a alunos (QA4).
                                                                                                                   Resultados do questionário a alunos (QA4). Ex:
                                                                                                                   - … % dos alunos tem encontrado bem / com dificuldade
                                                                                                                   os livros que procura
                                                                                                                   - … % dos alunos pensa que os documentos são
                                                                                                                   muito/razoavelmente/pouco/nada variados e de qualidade.
                                                                                                                   - … % dos alunos acha que os jornais e revistas ao seu
                                                                                 Livro/Caixa de sugestões/
                                                                                                                   dispor na biblioteca são suficientes / insuficientes /
                                                                                 reclamações/Contactos pessoais
                                                                                                                   bons / muito bons.

                                                                                                                    … (nº) alunos fizeram propostas de aquisição de livros /
                                                                                                                   revistas / DVDs,…
A BE assegura a circulação de fundos documentais em      Não se aplica
D.3.3. Uso da
                  todo o agrupamento.
colecção pelos
                                                                            Estatísticas.                        Número elevado / razoável / fraco de empréstimos
utilizadores da
                  A BE implementa o empréstimo domiciliário e os                                                 domiciliários por alunos do 3º Ciclo / Secundário /
escola /
                  fundos documentais são suficientes para as necessidades                                         Professores / Funcionários / outros
agrupamento
                  dos utilizadores.
                                                                                                                  Número elevado / razoável / fraco de documentos
                  A BE realiza um trabalho de valorização e motivação                                            consultados na BE na disciplina de História/Geografia/…
                  para o valor e uso da documentação nas práticas de
                  ensino e aprendizagem.                                                                          Número elevado / razoável / fraco de documentos
                                                                            Trabalhos realizados na biblioteca   (livros, DVDs, CDs áudio, dicionários, …) requisitados
                  A BE forma para o uso e integração da informação nas     ou em colaboração com a BE no         para a sala de aula
                  actividades diárias e de aprendizagem.                    contexto do uso da informação.
                                                                                                                  Número elevado / razoável / fraco de aulas disciplinares
                  Os alunos procuram os recursos documentais para se                                             e de projecto na BE
                  recrearem ou para o trabalho escolar.                      Instrumentos de apoio ao uso da
                                                                            colecção e desenvolvimento de          A BE elaborou um Guião de Utilização da Biblioteca,
                  Os docentes recorrem à documentação para a sua           competências de pesquisa              um quadro com as classes/cores da CDU e um Guião de
                  actividade lectiva e incentivam a sua utilização,                                               Pesquisa em livros, jornais, revistas e Internet.
                  apresentando propostas de trabalho conducentes ao seu
                  uso.                                                                                            Resultados do questionário a docentes (QD3) Ex:
                                                                            Questionário a docentes (QD3).       - … % considera a colecção bem / suficientemente
                  A BE produz instrumentos de apoio ao uso da colecção                                           adequada … e ao trabalho pedagógico com os alunos
                  e desenvolve competências de pesquisa nos utilizadores.                                         - …% considera os fundos documentais bem /
                                                                                                                  insuficientemente actualizados e diversificados

                                                                            Questionário a alunos (QA4).         Resultados do questionário a alunos (QA4) Ex:
                                                                                                                  - …% pensa que encontra muito / pouco facilmente os
                                                                                                                  livros que procura
                                                                                                                  - …% pensa que existe documentação variada
                                                                                                                  - …% afirma que sabe/sabe pouco/não sabe usar o
                                                                                                                  catálogo
                                                                                                                   - …% os jornais e revistas são suficientes/insuficientes

                                                                            Análise da colecção (CK2).           Resultados do questionário (CK2) Ex:
                                                                                                                  - a colecção regista índices muito/pouco elevados de
                                                                                                                  utilização pelos alunos/docentes
                                                                                                                  - o empréstimo domiciliário é elevado/fraco
                                                                                                                  - de acordo com as estatísticas…% dos professores usa a
                                                                                                                  colecção pelo que a utilização da mesma se situa no
                                                                                                                  nível…
D.3.4.
                    A informação está organizada segundo linguagens              Registos/relatórios do programa de
                    normalizadas (na catalogação, classificação e indexação)      gestão bibliográfica.                 Resultados do questionário (CK2) Ex:
Organização    da
                    que garantam uma eficaz recuperação da informação.                                                  - …% dos documentos estão informatizados e é possível
informação.
                                                                                  Nível de tratamento e de             o seu acesso em todos/alguns computadores da BE e
Informatização da
                    Está implementado um sistema de gestão bibliográfico         organização da informação.            online
colecção.
                    automatizado que permite a simplificação de um conjunto                                             - …% da informação está organizada segundo um sistema
                    de processos inerentes ao circuito do documento e à                                                 de classificação normalizado - nível…
                    difusão e pesquisa da informação.                             Existência de catálogos              - a BE difunde informação utilizando diferentes suportes
                                                                                  informatizados online.                –nível…
                    Os utilizadores recuperam a informação manualmente
                    ou através da consulta automatizada do catálogo.
                                                                                  Análise da colecção (CK2).
                    O catálogo é pesquisável online e associa recursos
                    digitais.
                    A BE realiza actividades de apresentação/exposição de                                               A BE expõe sempre / às vezes / nunca as novidades
D.3.5. Difusão da
                    livros e outros recursos de informação.                                                             documentais (livros, CDs, DVDs, … na biblioteca e
informação.
                    A BE organiza e difunde listagens de recursos de                                                   divulga-as na página da escola, na Plataforma Moodle, na
                    informação (documentos impressos, recursos digitais e                                               sala de professores e na vitrina à entrada da escola
                    online) adequados a temáticas diversas, de âmbito                                                   A BE organiza dossiês temáticos associados a
                    curricular ou associadas a determinado projecto.              Documentos/ instrumentos             determinados projectos e divulga-os
                    A BE produz guias e tutoriais sobre assuntos, autores,       produzidos em diferentes formatos.    A BE apresenta mensalmente “O autor do mês” tendo
                    ou outros.                                                                                          em conta os conteúdos programáticos de Português
                    A BE cria instrumentos de promoção da colecção e de                                                A BE expõe informação e recursos disponíveis sobre
                    divulgação de recursos de informação: boletim                                                       personalidades: cientistas, escritores, Prémios Nobel da
                    informativo, newsletter , folhetos, guiões de leitura,                                              Literatura, Física, Química…;
                    biografias ou listas bibliográficas de autores, outros.                                             A BE organiza e/ou participa em exposições utilizando
                    A BE recorre a estratégias formativas e de interacção                                              os seus recursos Ex: 25 de Abril
                    com os utilizadores, através de webquest , testes, jogos ou                                         A BE comemora efemérides expondo os recursos
                    outras ferramentas que desafiem a sua curiosidade acerca                                            relacionados Ex: Ano Internacional da Astronomia
                    de um livro ou assunto.                                                                             A BE produz trimestralmente um boletim de informação
                    A BE usa a página web e a denominada segunda                 Registos fotográficos                A BE divulga trabalhos de alunos elaborados no âmbito
                    geração de serviços disponibilizados – blogs, wikis, o                                              disciplinar/em articulação com a BE Ex: Netiqueta
                    RSS, o YouTube – para difusão da informação.                                                        A BE tira fotografias das vitrinas, do “Autor do Mês”,
                                                                                                                        das exposições… e divulga-as na Página da Escola e na
                                                                                                                        Plataforma Moodle.

                                                                                  Análise da colecção (CK 2).          Resultados do questionário (CK2) Ex:
                                                                                                                        - a BE difunde informação utilizando diferentes suportes
                                                                                                                        –nível…

Recomendados

S5 T5 Metodologias De OperacionalizaçãO P1 1 Dez
S5 T5 Metodologias De OperacionalizaçãO P1 1 DezS5 T5 Metodologias De OperacionalizaçãO P1 1 Dez
S5 T5 Metodologias De OperacionalizaçãO P1 1 Dezbiblioteclar
 
Autoavaliaçã Das Bibliotecas Escolares- D3
Autoavaliaçã Das Bibliotecas Escolares- D3Autoavaliaçã Das Bibliotecas Escolares- D3
Autoavaliaçã Das Bibliotecas Escolares- D3Cristina Felício
 
DomíNio D3 SessãO 5
DomíNio D3 SessãO 5DomíNio D3 SessãO 5
DomíNio D3 SessãO 5guest0d6192
 
Indicadores D3
Indicadores D3Indicadores D3
Indicadores D3joaomengo
 
Grelha Subdomínio D3 - Modelo de Auto-avaliação da Biblioteca Escolar
Grelha Subdomínio D3 - Modelo de Auto-avaliação da Biblioteca EscolarGrelha Subdomínio D3 - Modelo de Auto-avaliação da Biblioteca Escolar
Grelha Subdomínio D3 - Modelo de Auto-avaliação da Biblioteca Escolarflorafialho
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Acmatias Tabela Metodologias De OperacionalizaçãO Parte Ii
Acmatias Tabela   Metodologias De OperacionalizaçãO Parte IiAcmatias Tabela   Metodologias De OperacionalizaçãO Parte Ii
Acmatias Tabela Metodologias De OperacionalizaçãO Parte IiAna Cristina Matias
 
Tabela Subdominio D3 Luisa Lamas
Tabela Subdominio D3 Luisa LamasTabela Subdominio D3 Luisa Lamas
Tabela Subdominio D3 Luisa LamasLuisa Lamas
 
Tabela D3 Formação
Tabela D3   FormaçãoTabela D3   Formação
Tabela D3 Formaçãooxumare
 
Quadro vanda bernardino-07-12
Quadro vanda bernardino-07-12Quadro vanda bernardino-07-12
Quadro vanda bernardino-07-12vandabernardino
 
SessãO4 Plano De Avaliacao Manuela Varejao
SessãO4 Plano De Avaliacao Manuela VarejaoSessãO4 Plano De Avaliacao Manuela Varejao
SessãO4 Plano De Avaliacao Manuela VarejaoManuela Varejao
 
Plano De AvaliaçãO
Plano De AvaliaçãOPlano De AvaliaçãO
Plano De AvaliaçãOdinadourado
 
Analise Critica Relatorios Ige Luisa Lamas
Analise Critica Relatorios Ige Luisa LamasAnalise Critica Relatorios Ige Luisa Lamas
Analise Critica Relatorios Ige Luisa LamasLuisa Lamas
 
Plano Avaliacao Be Alcanede
Plano Avaliacao Be AlcanedePlano Avaliacao Be Alcanede
Plano Avaliacao Be Alcanedeelizabetejesus
 
O Modelo De Auto AvaliaçãO SessãO 7
O Modelo De Auto   AvaliaçãO   SessãO 7O Modelo De Auto   AvaliaçãO   SessãO 7
O Modelo De Auto AvaliaçãO SessãO 7NoemiaMaria
 
Tabela sessao mod._escola-_trab_1
Tabela sessao mod._escola-_trab_1Tabela sessao mod._escola-_trab_1
Tabela sessao mod._escola-_trab_1mariasalgueiro
 
Modelo de Auto-Avaliação da BE: Metodologias de operacionalização (parte I)
Modelo de Auto-Avaliação da BE: Metodologias de operacionalização (parte I)Modelo de Auto-Avaliação da BE: Metodologias de operacionalização (parte I)
Modelo de Auto-Avaliação da BE: Metodologias de operacionalização (parte I)mariaemilianovais
 

Mais procurados (16)

Acmatias Tabela Metodologias De OperacionalizaçãO Parte Ii
Acmatias Tabela   Metodologias De OperacionalizaçãO Parte IiAcmatias Tabela   Metodologias De OperacionalizaçãO Parte Ii
Acmatias Tabela Metodologias De OperacionalizaçãO Parte Ii
 
Tabela Subdominio D3 Luisa Lamas
Tabela Subdominio D3 Luisa LamasTabela Subdominio D3 Luisa Lamas
Tabela Subdominio D3 Luisa Lamas
 
Tabela D3 Formação
Tabela D3   FormaçãoTabela D3   Formação
Tabela D3 Formação
 
Quadro vanda bernardino-07-12
Quadro vanda bernardino-07-12Quadro vanda bernardino-07-12
Quadro vanda bernardino-07-12
 
Tarefa 6 Ige Rbe Isabel
Tarefa 6 Ige Rbe IsabelTarefa 6 Ige Rbe Isabel
Tarefa 6 Ige Rbe Isabel
 
SessãO4 Plano De Avaliacao Manuela Varejao
SessãO4 Plano De Avaliacao Manuela VarejaoSessãO4 Plano De Avaliacao Manuela Varejao
SessãO4 Plano De Avaliacao Manuela Varejao
 
Plano De AvaliaçãO
Plano De AvaliaçãOPlano De AvaliaçãO
Plano De AvaliaçãO
 
Analise Critica Relatorios Ige Luisa Lamas
Analise Critica Relatorios Ige Luisa LamasAnalise Critica Relatorios Ige Luisa Lamas
Analise Critica Relatorios Ige Luisa Lamas
 
Sessão 6 Tarefa1
Sessão 6   Tarefa1Sessão 6   Tarefa1
Sessão 6 Tarefa1
 
Plano Avaliacao Be Alcanede
Plano Avaliacao Be AlcanedePlano Avaliacao Be Alcanede
Plano Avaliacao Be Alcanede
 
O Modelo De Auto AvaliaçãO SessãO 7
O Modelo De Auto   AvaliaçãO   SessãO 7O Modelo De Auto   AvaliaçãO   SessãO 7
O Modelo De Auto AvaliaçãO SessãO 7
 
Tarefa 4
Tarefa 4Tarefa 4
Tarefa 4
 
Tabela sessao mod._escola-_trab_1
Tabela sessao mod._escola-_trab_1Tabela sessao mod._escola-_trab_1
Tabela sessao mod._escola-_trab_1
 
Microsoft Word Tabela D
Microsoft  Word    Tabela  DMicrosoft  Word    Tabela  D
Microsoft Word Tabela D
 
4 SessãO
4 SessãO4 SessãO
4 SessãO
 
Modelo de Auto-Avaliação da BE: Metodologias de operacionalização (parte I)
Modelo de Auto-Avaliação da BE: Metodologias de operacionalização (parte I)Modelo de Auto-Avaliação da BE: Metodologias de operacionalização (parte I)
Modelo de Auto-Avaliação da BE: Metodologias de operacionalização (parte I)
 

Destaque

Claudia mayorga tarea 3
Claudia mayorga tarea 3Claudia mayorga tarea 3
Claudia mayorga tarea 3claumayor
 
Conheça o GED, uma ferramenta indispensável para a gestão de documentos.
Conheça o GED, uma ferramenta indispensável para a gestão de documentos.Conheça o GED, uma ferramenta indispensável para a gestão de documentos.
Conheça o GED, uma ferramenta indispensável para a gestão de documentos.Leandro Kohler
 
P O R Q UÉ N U E S T R O AÑ O T I E N E 365,256 Dias S E G U N D A V E...
P O R  Q UÉ  N U E S T R O  AÑ O  T I E N E 365,256  Dias  S E G U N D A  V E...P O R  Q UÉ  N U E S T R O  AÑ O  T I E N E 365,256  Dias  S E G U N D A  V E...
P O R Q UÉ N U E S T R O AÑ O T I E N E 365,256 Dias S E G U N D A V E...Jorge Diderot Chelén Franulic
 
Lisboa Contrastes
Lisboa ContrastesLisboa Contrastes
Lisboa ContrastesIvone Lage
 
Yahvé y Jesús: ¿De Tal Palo, Tal Astilla?
 Yahvé y Jesús: ¿De Tal Palo, Tal Astilla? Yahvé y Jesús: ¿De Tal Palo, Tal Astilla?
Yahvé y Jesús: ¿De Tal Palo, Tal Astilla?Sociedad Yoruba Mexico
 
Hot Potatoes
Hot PotatoesHot Potatoes
Hot Potatoeskbocuhy
 
Apresentação campanha da fraternidade 2011 17 3
Apresentação campanha da fraternidade 2011 17 3Apresentação campanha da fraternidade 2011 17 3
Apresentação campanha da fraternidade 2011 17 3Elo Ambiental
 
Cuestionario de introduccion a la computacion
Cuestionario de introduccion a la computacionCuestionario de introduccion a la computacion
Cuestionario de introduccion a la computacionCarlos Guerra Vergara
 
COPASA: FENAMILHO 2009
COPASA: FENAMILHO 2009COPASA: FENAMILHO 2009
COPASA: FENAMILHO 2009diegobelo
 
Generaciones de computadoras[1]...
Generaciones de computadoras[1]...Generaciones de computadoras[1]...
Generaciones de computadoras[1]...mauroivandorado
 
Diagnóstico da Defensoria Pública de Minas Gerais
Diagnóstico da Defensoria Pública de Minas GeraisDiagnóstico da Defensoria Pública de Minas Gerais
Diagnóstico da Defensoria Pública de Minas Geraisadep.minas
 
Optimiza tu memoria virtual
Optimiza tu memoria virtualOptimiza tu memoria virtual
Optimiza tu memoria virtualJhamit A
 
Bibliotecas de Loulé - EBE Algarve 2009
Bibliotecas de Loulé - EBE Algarve 2009Bibliotecas de Loulé - EBE Algarve 2009
Bibliotecas de Loulé - EBE Algarve 2009RBE Algarve
 
Bibliotecas Escolares Albufeira - EBE Algarve2009
Bibliotecas Escolares Albufeira - EBE Algarve2009Bibliotecas Escolares Albufeira - EBE Algarve2009
Bibliotecas Escolares Albufeira - EBE Algarve2009RBE Algarve
 
Los Sacrificios para los Ahijados y el Sacrificio Personal: ¿En Casa de Herre...
Los Sacrificios para los Ahijados y el Sacrificio Personal: ¿En Casa de Herre...Los Sacrificios para los Ahijados y el Sacrificio Personal: ¿En Casa de Herre...
Los Sacrificios para los Ahijados y el Sacrificio Personal: ¿En Casa de Herre...Sociedad Yoruba Mexico
 
Equipe Solução Ambiental
Equipe Solução AmbientalEquipe Solução Ambiental
Equipe Solução AmbientalCEPMBB
 
O Livroda Vida
O Livroda VidaO Livroda Vida
O Livroda Vidadudys
 

Destaque (20)

Claudia mayorga tarea 3
Claudia mayorga tarea 3Claudia mayorga tarea 3
Claudia mayorga tarea 3
 
Conheça o GED, uma ferramenta indispensável para a gestão de documentos.
Conheça o GED, uma ferramenta indispensável para a gestão de documentos.Conheça o GED, uma ferramenta indispensável para a gestão de documentos.
Conheça o GED, uma ferramenta indispensável para a gestão de documentos.
 
P O R Q UÉ N U E S T R O AÑ O T I E N E 365,256 Dias S E G U N D A V E...
P O R  Q UÉ  N U E S T R O  AÑ O  T I E N E 365,256  Dias  S E G U N D A  V E...P O R  Q UÉ  N U E S T R O  AÑ O  T I E N E 365,256  Dias  S E G U N D A  V E...
P O R Q UÉ N U E S T R O AÑ O T I E N E 365,256 Dias S E G U N D A V E...
 
Lisboa Contrastes
Lisboa ContrastesLisboa Contrastes
Lisboa Contrastes
 
Yahvé y Jesús: ¿De Tal Palo, Tal Astilla?
 Yahvé y Jesús: ¿De Tal Palo, Tal Astilla? Yahvé y Jesús: ¿De Tal Palo, Tal Astilla?
Yahvé y Jesús: ¿De Tal Palo, Tal Astilla?
 
Hot Potatoes
Hot PotatoesHot Potatoes
Hot Potatoes
 
Apresentação campanha da fraternidade 2011 17 3
Apresentação campanha da fraternidade 2011 17 3Apresentação campanha da fraternidade 2011 17 3
Apresentação campanha da fraternidade 2011 17 3
 
Leite Derramado
Leite DerramadoLeite Derramado
Leite Derramado
 
Bruna
BrunaBruna
Bruna
 
Cuestionario de introduccion a la computacion
Cuestionario de introduccion a la computacionCuestionario de introduccion a la computacion
Cuestionario de introduccion a la computacion
 
COPASA: FENAMILHO 2009
COPASA: FENAMILHO 2009COPASA: FENAMILHO 2009
COPASA: FENAMILHO 2009
 
Generaciones de computadoras[1]...
Generaciones de computadoras[1]...Generaciones de computadoras[1]...
Generaciones de computadoras[1]...
 
Diagnóstico da Defensoria Pública de Minas Gerais
Diagnóstico da Defensoria Pública de Minas GeraisDiagnóstico da Defensoria Pública de Minas Gerais
Diagnóstico da Defensoria Pública de Minas Gerais
 
Optimiza tu memoria virtual
Optimiza tu memoria virtualOptimiza tu memoria virtual
Optimiza tu memoria virtual
 
Bibliotecas de Loulé - EBE Algarve 2009
Bibliotecas de Loulé - EBE Algarve 2009Bibliotecas de Loulé - EBE Algarve 2009
Bibliotecas de Loulé - EBE Algarve 2009
 
Bibliotecas Escolares Albufeira - EBE Algarve2009
Bibliotecas Escolares Albufeira - EBE Algarve2009Bibliotecas Escolares Albufeira - EBE Algarve2009
Bibliotecas Escolares Albufeira - EBE Algarve2009
 
Los Sacrificios para los Ahijados y el Sacrificio Personal: ¿En Casa de Herre...
Los Sacrificios para los Ahijados y el Sacrificio Personal: ¿En Casa de Herre...Los Sacrificios para los Ahijados y el Sacrificio Personal: ¿En Casa de Herre...
Los Sacrificios para los Ahijados y el Sacrificio Personal: ¿En Casa de Herre...
 
Sponge Bob
Sponge BobSponge Bob
Sponge Bob
 
Equipe Solução Ambiental
Equipe Solução AmbientalEquipe Solução Ambiental
Equipe Solução Ambiental
 
O Livroda Vida
O Livroda VidaO Livroda Vida
O Livroda Vida
 

Semelhante a Tabela

Subdominio D.3 Tabela Isabel Trabucho
Subdominio D.3 Tabela Isabel TrabuchoSubdominio D.3 Tabela Isabel Trabucho
Subdominio D.3 Tabela Isabel Trabuchoisabelcristinavale
 
O Modelo AA da BE: operacionalização (II)
O Modelo AA da BE: operacionalização (II)O Modelo AA da BE: operacionalização (II)
O Modelo AA da BE: operacionalização (II)guest1d174ffe
 
O Modelo de Auto-Avaliação da BE: operacionalização
O Modelo de Auto-Avaliação da BE: operacionalizaçãoO Modelo de Auto-Avaliação da BE: operacionalização
O Modelo de Auto-Avaliação da BE: operacionalizaçãoguest1d174ffe
 
Tarefa 5 Actividade 1
Tarefa 5 Actividade 1Tarefa 5 Actividade 1
Tarefa 5 Actividade 1luinog
 
Ligação entre o modelo de auto-avaliação da BE e a avaliação externa da IGE
Ligação entre o modelo de auto-avaliação da BE e a avaliação externa da IGELigação entre o modelo de auto-avaliação da BE e a avaliação externa da IGE
Ligação entre o modelo de auto-avaliação da BE e a avaliação externa da IGEAlmerindo de Pinho
 
Trabalho Plano Avaliacao A2 A 2.2 E A 2.4 Isabel Trabucho
Trabalho Plano Avaliacao A2   A 2.2 E A 2.4 Isabel TrabuchoTrabalho Plano Avaliacao A2   A 2.2 E A 2.4 Isabel Trabucho
Trabalho Plano Avaliacao A2 A 2.2 E A 2.4 Isabel Trabuchoisabelcristinavale
 
Minha tabela
Minha tabelaMinha tabela
Minha tabelaeb23am
 
Tarefa 1 sessão6 enviar
Tarefa 1 sessão6 enviarTarefa 1 sessão6 enviar
Tarefa 1 sessão6 enviaresperancasantos
 
MAFSessao6 Tabela D.1
MAFSessao6 Tabela D.1 MAFSessao6 Tabela D.1
MAFSessao6 Tabela D.1 ameliafig
 
Tarefa 1 sessão6 enviar
Tarefa 1 sessão6 enviarTarefa 1 sessão6 enviar
Tarefa 1 sessão6 enviaresperancasantos
 
4 maria jose_bernardes_-_dominio-c
4 maria jose_bernardes_-_dominio-c4 maria jose_bernardes_-_dominio-c
4 maria jose_bernardes_-_dominio-cThumbelina17
 
4 maria jose_bernardes_-_dominio-c
4 maria jose_bernardes_-_dominio-c4 maria jose_bernardes_-_dominio-c
4 maria jose_bernardes_-_dominio-cThumbelina17
 

Semelhante a Tabela (20)

Tabela
TabelaTabela
Tabela
 
Mav 6ª SessãO Tabela
Mav 6ª SessãO   TabelaMav 6ª SessãO   Tabela
Mav 6ª SessãO Tabela
 
Tabela
TabelaTabela
Tabela
 
Subdominio D.3 Tabela Isabel Trabucho
Subdominio D.3 Tabela Isabel TrabuchoSubdominio D.3 Tabela Isabel Trabucho
Subdominio D.3 Tabela Isabel Trabucho
 
O Modelo AA da BE: operacionalização (II)
O Modelo AA da BE: operacionalização (II)O Modelo AA da BE: operacionalização (II)
O Modelo AA da BE: operacionalização (II)
 
O Modelo de Auto-Avaliação da BE: operacionalização
O Modelo de Auto-Avaliação da BE: operacionalizaçãoO Modelo de Auto-Avaliação da BE: operacionalização
O Modelo de Auto-Avaliação da BE: operacionalização
 
Tarefa 5 Actividade 1
Tarefa 5 Actividade 1Tarefa 5 Actividade 1
Tarefa 5 Actividade 1
 
Tabela D.3
Tabela D.3Tabela D.3
Tabela D.3
 
Tabela
TabelaTabela
Tabela
 
Sessão 5 tabela
Sessão 5   tabelaSessão 5   tabela
Sessão 5 tabela
 
Ligação entre o modelo de auto-avaliação da BE e a avaliação externa da IGE
Ligação entre o modelo de auto-avaliação da BE e a avaliação externa da IGELigação entre o modelo de auto-avaliação da BE e a avaliação externa da IGE
Ligação entre o modelo de auto-avaliação da BE e a avaliação externa da IGE
 
Trabalho Plano Avaliacao A2 A 2.2 E A 2.4 Isabel Trabucho
Trabalho Plano Avaliacao A2   A 2.2 E A 2.4 Isabel TrabuchoTrabalho Plano Avaliacao A2   A 2.2 E A 2.4 Isabel Trabucho
Trabalho Plano Avaliacao A2 A 2.2 E A 2.4 Isabel Trabucho
 
Minha tabela
Minha tabelaMinha tabela
Minha tabela
 
Plano de avaliação
Plano de avaliaçãoPlano de avaliação
Plano de avaliação
 
Plano de avaliação
Plano de avaliaçãoPlano de avaliação
Plano de avaliação
 
Tarefa 1 sessão6 enviar
Tarefa 1 sessão6 enviarTarefa 1 sessão6 enviar
Tarefa 1 sessão6 enviar
 
MAFSessao6 Tabela D.1
MAFSessao6 Tabela D.1 MAFSessao6 Tabela D.1
MAFSessao6 Tabela D.1
 
Tarefa 1 sessão6 enviar
Tarefa 1 sessão6 enviarTarefa 1 sessão6 enviar
Tarefa 1 sessão6 enviar
 
4 maria jose_bernardes_-_dominio-c
4 maria jose_bernardes_-_dominio-c4 maria jose_bernardes_-_dominio-c
4 maria jose_bernardes_-_dominio-c
 
4 maria jose_bernardes_-_dominio-c
4 maria jose_bernardes_-_dominio-c4 maria jose_bernardes_-_dominio-c
4 maria jose_bernardes_-_dominio-c
 

Mais de margaridafer

Enunciados Gerais EspecíFicos 2ª Tarefa
Enunciados Gerais EspecíFicos 2ª TarefaEnunciados Gerais EspecíFicos 2ª Tarefa
Enunciados Gerais EspecíFicos 2ª Tarefamargaridafer
 
DescriçãO AvaliaçãO 1ª Tarefa
DescriçãO AvaliaçãO 1ª TarefaDescriçãO AvaliaçãO 1ª Tarefa
DescriçãO AvaliaçãO 1ª Tarefamargaridafer
 
O MODELO DE AUTO-AVALIAÇÃO DA BE: METODOLOGIAS DE OPERACIONALIZAÇÃO (CONCLUSÃO)
O MODELO DE AUTO-AVALIAÇÃO DA BE: METODOLOGIAS DE OPERACIONALIZAÇÃO (CONCLUSÃO)O MODELO DE AUTO-AVALIAÇÃO DA BE: METODOLOGIAS DE OPERACIONALIZAÇÃO (CONCLUSÃO)
O MODELO DE AUTO-AVALIAÇÃO DA BE: METODOLOGIAS DE OPERACIONALIZAÇÃO (CONCLUSÃO)margaridafer
 
Referências à BE no Relatório de Avaliação Externa do Agrupamento de Escolas ...
Referências à BE no Relatório de Avaliação Externa do Agrupamento de Escolas ...Referências à BE no Relatório de Avaliação Externa do Agrupamento de Escolas ...
Referências à BE no Relatório de Avaliação Externa do Agrupamento de Escolas ...margaridafer
 
1º Tarefa 1ª Parte Tabela Matriz Novo Curso
1º Tarefa 1ª Parte Tabela Matriz   Novo Curso1º Tarefa 1ª Parte Tabela Matriz   Novo Curso
1º Tarefa 1ª Parte Tabela Matriz Novo Cursomargaridafer
 

Mais de margaridafer (7)

Enunciados Gerais EspecíFicos 2ª Tarefa
Enunciados Gerais EspecíFicos 2ª TarefaEnunciados Gerais EspecíFicos 2ª Tarefa
Enunciados Gerais EspecíFicos 2ª Tarefa
 
DescriçãO AvaliaçãO 1ª Tarefa
DescriçãO AvaliaçãO 1ª TarefaDescriçãO AvaliaçãO 1ª Tarefa
DescriçãO AvaliaçãO 1ª Tarefa
 
O MODELO DE AUTO-AVALIAÇÃO DA BE: METODOLOGIAS DE OPERACIONALIZAÇÃO (CONCLUSÃO)
O MODELO DE AUTO-AVALIAÇÃO DA BE: METODOLOGIAS DE OPERACIONALIZAÇÃO (CONCLUSÃO)O MODELO DE AUTO-AVALIAÇÃO DA BE: METODOLOGIAS DE OPERACIONALIZAÇÃO (CONCLUSÃO)
O MODELO DE AUTO-AVALIAÇÃO DA BE: METODOLOGIAS DE OPERACIONALIZAÇÃO (CONCLUSÃO)
 
Referências à BE no Relatório de Avaliação Externa do Agrupamento de Escolas ...
Referências à BE no Relatório de Avaliação Externa do Agrupamento de Escolas ...Referências à BE no Relatório de Avaliação Externa do Agrupamento de Escolas ...
Referências à BE no Relatório de Avaliação Externa do Agrupamento de Escolas ...
 
AcçõEs Futuras
AcçõEs FuturasAcçõEs Futuras
AcçõEs Futuras
 
1º Tarefa 1ª Parte Tabela Matriz Novo Curso
1º Tarefa 1ª Parte Tabela Matriz   Novo Curso1º Tarefa 1ª Parte Tabela Matriz   Novo Curso
1º Tarefa 1ª Parte Tabela Matriz Novo Curso
 
4ªSessãO B1 B3
4ªSessãO B1 B34ªSessãO B1 B3
4ªSessãO B1 B3
 

Tabela

  • 1. D. Gestão da BE D.3. Gestão da colecção/da informação Indicadores Factores Críticos de Sucesso Instrumentos de Recolha de Evidências extraídas dos Instrumentos, a Evidências sugeridos integrar no Relatório de Auto-avaliação D.3.1. A política documental encontra-se definida para a Documentação que define o • A BE apresentou aos órgãos de administração e escola/agrupamento. desenvolvimento da colecção: gestão… Planeamento / gestão da colecção A política documental materializa-se num processo Política de Desenvolvimento da integrado e contínuo de avaliação da colecção ou Colecção • A BE elaborou ficha… de acordo com a inventariação das colecções da escola, na inventariação de necessidades e necessidades na sua actualização sistemática. Fichas com os pedidos de • A BE recebeu os pedidos de aquisição dos curriculares e dos A política de desenvolvimento da colecção está documentos Departamentos Curriculares, Directores de Curso, utilizadores da formalizada e foi submetida ao parecer do conselho Gabinete de Educação para a Saúde… e requisitou-os escola / pedagógico, definindo um conjunto de normas para a Registos de requisições efectuadas selecção, desbaste, aquisição, organização e circulação na secretaria agrupamento. • A BE avaliou a colecção, planificou e afectou dos recursos de informação. verbas… A escola/agrupamento participa na definição dessa política que é aprovada pelos órgãos de direcção, Registos de reuniões / administração e gestão (conselho geral, director, conselho Relatórios / planificações. pedagógico, conselho administrativo), garantindo consistência ao trabalho da equipa e assegurando mais Actas de reuniões de Departamento, • Resultados do questionário (CK2) Ex: facilmente as exigências de financiamento anuais. Conselho Pedagógico e Conselho - a extensão e qualidade da colecção responde As práticas de avaliação, de desbaste, de selecção e Administrativo razoavelmente às necessidades da escola aquisição de documentação são realizadas de acordo com - a informatização do catálogo situa-se no nível … as orientações definidas. - a colecção responde às necessidades da escola -nível … As necessidades de informação, decorrentes do projecto Análise da colecção (CK2). - a BE difunde informação utilizando diferentes suportes educativo, de projectos em desenvolvimento e dos perfis –nível… curriculares dos diferentes anos/ matérias são - o desenvolvimento da colecção faz-se de forma inventariadas. planeada, participada e de acordo com a Política de A documentação existente em cada BE/escola e as Desenvolvimento da Colecção – nível … necessidades ao nível do agrupamento são avaliadas e - de acordo com as estatística…% dos professores usa a existe uma gestão integrada que promove a circulação da colecção pelo que a utilização da mesma se situa no documentação. nível…, A rede partilhada de documentação pode envolver - os fundos documentais são actualizados em grande parte outras bibliotecas a nível local e a BM. no início do ano lectivo e depois ao longo do ano As normas que regem a partilha de documentação e a gestão cooperativa da colecção estão formalizadas e integram a política de desenvolvimento da colecção. Os órgãos de administração e gestão atribuem anualmente uma verba para actualização da
  • 3. A colecção é equilibrada em quantidade, entre suportes Resultados da avaliação da Os recursos documentais estão equilibrados. D.3.2. Adequação (impresso e não impresso) e entre as diferentes áreas colecção. dos livros e de Respeita a proporcionalidade de 1/3, relativamente ao (recreativa e relacionada com o currículo), garantindo outros recursos de material livro e não livro; condições de acesso e uso a todos os utilizadores. informação (no local e online) às Há equilíbrio entre os níveis de ensino existentes na necessidades Os livros e outros recursos de informação são Escola. curriculares e aos adequados à faixa etária, à curiosidade intelectual e aos interesses dos interesses dos utilizadores. Estatísticas.  Os recursos documentais têm em conta as origens utilizadores na multiculturais dos alunos. escola / Os livros e outros recursos de informação respondem às agrupamento. necessidades do currículo nacional, do projecto educativo  Número elevado / razoável / fraco de documentos e dos projectos curriculares das turmas. consultados na biblioteca na disciplina de História / Geografia/ … A selecção dos fundos documentais tem em conta necessidades identificadas junto dos departamentos Registos de requisições pelos Número elevado / razoável / fraco de empréstimos curriculares e utilizadores, de acordo com os critérios departamentos/ docentes. domiciliários por alunos do 3º Ciclo / Secundário / definidos no documento Política de desenvolvimento da Professores / Funcionários / outros colecção. Número elevado / razoável / fraco de documentos Os recursos documentais são anualmente actualizados, (livros, DVDs, CDs áudio, dicionários, …) requisitados respondendo em termos de qualidade, diversidade e para a sala de aula relevância às necessidades dos utilizadores. Questionário a docentes (QD3). Resultados do questionário aos docentes (QD3) Ex: - … % dos docentes considera a organização do espaço, mobiliário e condições de acomodação muito boa / boa / suficiente / insuficiente - … % dos docentes considera a colecção bem adequada às necessidades pessoais de documentação e ao trabalho pedagógico com os alunos Questionário a alunos (QA4). Resultados do questionário a alunos (QA4). Ex: - … % dos alunos tem encontrado bem / com dificuldade os livros que procura - … % dos alunos pensa que os documentos são muito/razoavelmente/pouco/nada variados e de qualidade. - … % dos alunos acha que os jornais e revistas ao seu Livro/Caixa de sugestões/ dispor na biblioteca são suficientes / insuficientes / reclamações/Contactos pessoais bons / muito bons.  … (nº) alunos fizeram propostas de aquisição de livros / revistas / DVDs,…
  • 4. A BE assegura a circulação de fundos documentais em Não se aplica D.3.3. Uso da todo o agrupamento. colecção pelos Estatísticas. Número elevado / razoável / fraco de empréstimos utilizadores da A BE implementa o empréstimo domiciliário e os domiciliários por alunos do 3º Ciclo / Secundário / escola / fundos documentais são suficientes para as necessidades Professores / Funcionários / outros agrupamento dos utilizadores. Número elevado / razoável / fraco de documentos A BE realiza um trabalho de valorização e motivação consultados na BE na disciplina de História/Geografia/… para o valor e uso da documentação nas práticas de ensino e aprendizagem. Número elevado / razoável / fraco de documentos Trabalhos realizados na biblioteca (livros, DVDs, CDs áudio, dicionários, …) requisitados A BE forma para o uso e integração da informação nas ou em colaboração com a BE no para a sala de aula actividades diárias e de aprendizagem. contexto do uso da informação. Número elevado / razoável / fraco de aulas disciplinares Os alunos procuram os recursos documentais para se e de projecto na BE recrearem ou para o trabalho escolar.  Instrumentos de apoio ao uso da colecção e desenvolvimento de  A BE elaborou um Guião de Utilização da Biblioteca, Os docentes recorrem à documentação para a sua competências de pesquisa um quadro com as classes/cores da CDU e um Guião de actividade lectiva e incentivam a sua utilização, Pesquisa em livros, jornais, revistas e Internet. apresentando propostas de trabalho conducentes ao seu uso. Resultados do questionário a docentes (QD3) Ex: Questionário a docentes (QD3). - … % considera a colecção bem / suficientemente A BE produz instrumentos de apoio ao uso da colecção adequada … e ao trabalho pedagógico com os alunos e desenvolve competências de pesquisa nos utilizadores. - …% considera os fundos documentais bem / insuficientemente actualizados e diversificados Questionário a alunos (QA4). Resultados do questionário a alunos (QA4) Ex: - …% pensa que encontra muito / pouco facilmente os livros que procura - …% pensa que existe documentação variada - …% afirma que sabe/sabe pouco/não sabe usar o catálogo - …% os jornais e revistas são suficientes/insuficientes Análise da colecção (CK2). Resultados do questionário (CK2) Ex: - a colecção regista índices muito/pouco elevados de utilização pelos alunos/docentes - o empréstimo domiciliário é elevado/fraco - de acordo com as estatísticas…% dos professores usa a colecção pelo que a utilização da mesma se situa no nível…
  • 5. D.3.4. A informação está organizada segundo linguagens Registos/relatórios do programa de normalizadas (na catalogação, classificação e indexação) gestão bibliográfica. Resultados do questionário (CK2) Ex: Organização da que garantam uma eficaz recuperação da informação. - …% dos documentos estão informatizados e é possível informação. Nível de tratamento e de o seu acesso em todos/alguns computadores da BE e Informatização da Está implementado um sistema de gestão bibliográfico organização da informação. online colecção. automatizado que permite a simplificação de um conjunto - …% da informação está organizada segundo um sistema de processos inerentes ao circuito do documento e à de classificação normalizado - nível… difusão e pesquisa da informação. Existência de catálogos - a BE difunde informação utilizando diferentes suportes informatizados online. –nível… Os utilizadores recuperam a informação manualmente ou através da consulta automatizada do catálogo. Análise da colecção (CK2). O catálogo é pesquisável online e associa recursos digitais. A BE realiza actividades de apresentação/exposição de  A BE expõe sempre / às vezes / nunca as novidades D.3.5. Difusão da livros e outros recursos de informação. documentais (livros, CDs, DVDs, … na biblioteca e informação. A BE organiza e difunde listagens de recursos de divulga-as na página da escola, na Plataforma Moodle, na informação (documentos impressos, recursos digitais e sala de professores e na vitrina à entrada da escola online) adequados a temáticas diversas, de âmbito A BE organiza dossiês temáticos associados a curricular ou associadas a determinado projecto. Documentos/ instrumentos determinados projectos e divulga-os A BE produz guias e tutoriais sobre assuntos, autores, produzidos em diferentes formatos. A BE apresenta mensalmente “O autor do mês” tendo ou outros. em conta os conteúdos programáticos de Português A BE cria instrumentos de promoção da colecção e de A BE expõe informação e recursos disponíveis sobre divulgação de recursos de informação: boletim personalidades: cientistas, escritores, Prémios Nobel da informativo, newsletter , folhetos, guiões de leitura, Literatura, Física, Química…; biografias ou listas bibliográficas de autores, outros. A BE organiza e/ou participa em exposições utilizando A BE recorre a estratégias formativas e de interacção os seus recursos Ex: 25 de Abril com os utilizadores, através de webquest , testes, jogos ou A BE comemora efemérides expondo os recursos outras ferramentas que desafiem a sua curiosidade acerca relacionados Ex: Ano Internacional da Astronomia de um livro ou assunto. A BE produz trimestralmente um boletim de informação A BE usa a página web e a denominada segunda Registos fotográficos A BE divulga trabalhos de alunos elaborados no âmbito geração de serviços disponibilizados – blogs, wikis, o disciplinar/em articulação com a BE Ex: Netiqueta RSS, o YouTube – para difusão da informação. A BE tira fotografias das vitrinas, do “Autor do Mês”, das exposições… e divulga-as na Página da Escola e na Plataforma Moodle. Análise da colecção (CK 2). Resultados do questionário (CK2) Ex: - a BE difunde informação utilizando diferentes suportes –nível…