..                                                                                             . .     Joinville          ...
que foi feliz.                                            capital paulista, mora num                                      ...
existência. A verdade é que Henry James só foi             me falaram da promessa,reconhecido como um grande escritor lá p...
em frente ao ginásio deSimultaneamente, o leitor descobre em Henry James que        esportes Rodolfo Jahn, aa verdade é a ...
Ediouro. 555 páginas, R$ 29,50.                         Como obter retorno                                                ...
estadia. O resultado tem sido compensador, garante ÉdioSchaurich: pessoas com problemas de pele, depressão,hipertensão, in...
principal fonte de cálcio para os humanos são os vegetais,que aliás constituem a base da alimentação pela medicinanatural....
"A argila potencializa os efeitos da água", explica omédico. O material é extraído de um poço, tratado eaplicado em temper...
Os maiores índices de doenças e morte ocorrem    entre pessoas desestimuladas e recém-    aposentadas.ALIMENTAÇÃO    Mante...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Ballet Juvenil na Bahia

559 visualizações

Publicada em

Nota sobre a participação do Ballet Juvenil no Festival de Dança da Bahia.
Fonte: ANoticia 15 de abril de 1998

Publicada em: Negócios, Diversão e humor
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
559
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ballet Juvenil na Bahia

  1. 1. .. . . Joinville SC, Brasil Henry James e as lições do exílio Escritor americano que faria aniversário hoje tem uma de suas obras-primas lançadas no Brasil Cruz e Souza E SPE CIAL Raul Arruda Filho Especial para Anexo Barítono Henry James, um dos maiores escritores de língua inglesa, nasceu em 15 de abril de 1843, em Nova Iorque, e morreu catarinense paga em 28 de fevereiro de 1916, em Londres. Segundo uma para cantar em grande parcela dos estudiosos de sua obra, quase nada aconteceu entre uma data e outra. Um evidente exagero, SP é claro. Os 21 romances, as 112 narrativas curtas (contos e novelas) e os inúmeros e trágicos fracassos como autor Douglas Hahn não teatral por si só desmentem essa blague. Os brasileiros consegue patrocínio incrédulos podem comprovar isso com o lançamento, pela para ensaios Ediouro, de uma das obras-primas de James, que permanecia inédita em português: "As Asas da Pomba", Sílvio Melatti com tradução de Marcos Santarrita. Joinville A voz límpida e Filho de um milionário esclarecido, cujo ideal era possante do barítono aproveitar as coisas boas da vida, Henry James (júnior), joinvilense Douglas Hahn desde a infância, freqüentou ambientes intelectuais de ameaça falhar. Contratado primeira grandeza. Entre outros menos cotados, Ralph para a montagem da ópera Waldo Emerson costumava hospedar-se na casa de seu "LElisir dAmore", que pai com certa freqüência. Viajou inúmeras vezes para a será apresentada no final Europa. Ao contrário de seus dois irmãos mais novos, não do mês no teatro Paulo lutou na Guerra de Secessão (a desculpa foi um acidente Eiró, em São Paulo, o que o deixou com problemas nas costas pelo resto da cantor enfrenta em silêncio vida). Seu irmão mais velho foi o filósofo William James. uma situação digna de Nunca precisou trabalhar, no sentido mais grosseiro da melodrama barato: há uma palavra, para assegurar o pão de cada dia. Há quem diga semana ensaiando na
  2. 2. que foi feliz. capital paulista, mora num hotel de quinta categoriaNa Europa, fez amizade com Ivan Turgueniev, Gustav (Hotel Municipal, comFlaubert, Emile Zola, Guy de Maupassant, George Elliot, diária de 30 reais), está semRobert Louis Stevenson, Joseph Conrad, H. G. Wells, dinheiro, sem patrocínio,George Bernard Shaw e os americanos Stephen Crane e sem estímulo para fazerEdith Wharton. Com esse currículo podemos perceber suas cordas vocaisque ele não foi, digamos, "qualquer um". vibrarem no mais alto grau de pureza sonora (quemMas, ninguém é perfeito. Alguns pontos obscuros ainda assistiu ao concerto em suahoje perturbam a crítica de sua obra (para os fofoqueiros homenagem, realizado nade plantão obra e vida são complementares). O fato de Sociedade Lírica no dia 3,Henry James nunca ter tido algum tipo de relação pública, sabe do que ele é capaz).de caráter afetivo (seja feminina, seja masculina), temsido desculpa para que, volta e meia, se gastem baldes e Uma das promessas dobaldes de tinta tentando explicar porque se supõe que ele canto lírico brasileiro,morreu virgem. O que isso tem a ver com a grandiosidade Douglas Hahn é o patinhode "Retrato de Uma Senhora" ou do conhecidíssimo feio da história. Enquanto o"Outra Volta do Parafuso", ninguém ainda conseguiu elenco internacional ficaexplicar direito. hospedado em hotéis cinco estrelas e os artistas DUPLO ESTRANGEIRO nacionais foram bem patrocinados para estaPor outro lado, a sua surpreendente decisão de morar em ópera, Douglas, o únicodefinitivo na Europa a partir de 1876, mais precisamente brasileiro de fora de Sãona Inglaterra, numa espécie de auto-exílio, verdadeira Paulo, ensaia com umacontramão da história (naquela época o normal era mão ao alto e outra noatravessar o Atlântico na direção dos Estados Unidos), é bolso: "Estou pagando parade suma importância para entendermos o que ele chamou cantar", queixa-se. Pelosde "tema internacional" - o conflito de viver em uma seus cálculos, 30 dias decultura que não é a de origem, mas que também não nos São Paulo lhe custarão oaceita integralmente. E isso fez com que ele se sentisse, mesmo que ganhará pelamuitas vezes, duplamente discriminado porque, segundo apresentação pagos depoisos desafetos, não era nem americano, nem inglês. do espetáculo. "Os colegasO que aconteceu com as novelas "Daisy Miller" e "Um perceberam que estou paraIncidente Internacional", publicadas em 1878, é típico baixo", diz Douglas.deste período. "Daisy Miller" foi considerada "um insulto Espécie de empresário doàs moças americanas" e o seu autor, um ingrato, um barítono, o cunhado detraidor da pátria. Tudo isso porque a personagem principal Douglas, Aluísiopareceu para alguns leitores menos perspicazes um Zimmermann, passou aestereótipo da jovem americana mal-educada. No caso de semana buscando apoio em"Um Incidente Internacional", os ofendidos foram os Joinville. A Fundaçãoingleses. Algumas personagens são nitidamente caricatas Cultural "sem verba parae a intenção satírica nem tentou ser disfarçada. Todas esse tipo de atividade",essas brigas resultaram numa tragicomédia onde Henry segundo o diretor JairJames foi o único perdedor - apanhou dos dois lados, Mendes tentou intermediarliteralmente. o patrocínio de uma grandeMas (e não poderia ser diferente) sobreviveu. Inclusive ao empresa da cidade, cujodescaso que o conjunto da obra sofreu ao longo de sua diretor desistiu na hora de assinar o cheque. "Quando
  3. 3. existência. A verdade é que Henry James só foi me falaram da promessa,reconhecido como um grande escritor lá pelos anos 40. no meio da semana, fiqueiCríticos do porte de Edmund Wilson, W. H. Auden e F. entusiasmado e meuO. Mathiessen escreveram uma série de artigos mostrando desempenho aumentou",em que o seu texto havia contribuído qualitativamente relata.para a evolução da narrativa. Depois disso, a suaimportância é inconteste. Como sempre, a glória veio O próprio Jair Mendestarde demais. Tudo bem, quem é que se importa atesta a qualidade derealmente com um cara que escrevia romances Douglas. "Esse rapaz vaiquilométricos ("Retrato de uma Senhora", na edição estourar daqui a algunsbrasileira, tem 537 páginas, com tipo 12), onde "quase" anos, ele tem um enormenão acontece nada? potencial", prevê. Tanto que o barítono já está"Quase" não acontece nada. Quase. Ler Henry James é contratado para compor oentrar em um mundo povoado por imagens elenco da ópera "Lasurpreendentes, "desenhos no tapete", as entrelinhas Boheme", que serágritando no meio das frases, como se o que é sugerido apresentada em agosto nofosse muito mais importante do que é dito. As histórias novíssimo teatro Alfa Real,evoluem lentamente, quase em slow-motion. A ação também em São Paulo, tidonarrativa, os gestos previsíveis, a grandiosidade épica, como o mais moderno doquase tudo isso é excluído. Ao leitor sobra tentar se Brasil. Para essa produçãoequilibrar em uma teia quase imperceptível que vai, também não há previsão depágina a página, transformando as personagens e os custeio de alimentação eacontecimentos, numa mistura de fascínio, sentimentos e hospedagem durante ostragédia anunciada. Nada é explícito. Nada agride ensaios, o que inviabiliza adiretamente. O que há é um embate de emoções. Um participação dos artistascontido embate de emoções - que, no entanto, atinge os sem patrocínio.abismos que dilaceram a alma, através da perversidadeque é o viver. Até há pouco tempo, as produções realizadas pelo LEITURA PACIENTE Teatro Municipal de São Paulo como é o caso deOs livros de Henry James pedem ao leitor muita "LElisir dAmore, emborapaciência. O enredo evolui lentamente - o que está sendo seja exibida no Paulo Eirócontado não é "muito" importante, a forma com que a sempre incluíam ahistória está sendo contada é que se sobrepõe. A narrativa cobertura das despesas dossurge de uma maneira quase arrastada (mas nem por isso artistas desde os ensaiosmenos envolvente), cheia de sutilíssimas filigramas, peças (geralmente um mês) até ode uma delicada porcelana onde todo o cuidado é pouco, último espetáculo. "Sãorios que escorrem pelo texto na forma das clássicas frases Paulo está falido", dizlongas, caudalosas, cheias de parênteses e metáforas sutis.Douglas, enquanto voltaA impressão que se tem é que toda a literatura de Henry cantarolando para oJames não passa de uma tentativa de fuga, tantas são as hotelzinho "que não temdigressões que patrocina. E só quando, por fim, nada mais nem estrela, é umpode ser omitido ou acrescentado, quando todas as meteoro".incertezas são mencionadas, quando o mundo interior desuas personagens é recriado, é que temos a cena final. Oleitor, normalmente cheio de espanto, encontra, nesse Guará in Rockinstante, a celebração de um ritual pagão: a revelação daverdade, da mais cruel verdade. Guaramirim - Começa sábado o 1º Guará in Rock
  4. 4. em frente ao ginásio deSimultaneamente, o leitor descobre em Henry James que esportes Rodolfo Jahn, aa verdade é a irmã da decepção. E que, junto com o partir das 20 horas. Vãonaufragar das esperanças, há uma tentativa de compensar tocar as bandas Fly-X,as perdas através de uma espécie de lição de dignidade - a Fandangos e Umbilical, econtenção dos sentimentos mais primários. É como se as Die Heissen Kartofell,personagens dos livros de Henry James fossem Deltasid e Los Bodegueros.constituídas por alguma matéria nobre, capaz de suportaros maiores reveses do mundo (inclusive os amorosos) sem Dança Bahia 1perder a pose ou a educação. Gritos e lamentos são raros.É nesse momento que a dramaticidade atinge o seu ponto Joinville - "Espelhos damáximo - e a redenção vem através de alguma alma", coreografia depersonagem que, em um gesto de altivez, consegue, com Marcos Sage encenada peloo coração em chamas, esboçar um sorriso de alívio por Grupo Juvenil da Escolatudo ter terminado ("The Ambassadors", "A Fera na Municipal de Balé da CasaSelva", "Daisy Miller"...). Não é uma imagem bonita, da Cultura, participa do 1ºconvenhamos. Festival Internacional de Dança, o Dança Bahia, deUm outro dado que não dá para esquecer é que quase 17 a 25 de abril.todas as personagens de Henry James estão isentas daspreocupações financeiras. E, como o próprio James, raras Dança Bahia 2vezes precisam "pegar no batente". Ou seja, constituemum grupo de privilegiados que passeiam pela Europa O grupo embarca no(Paris, Londres, Veneza, ...) sem o menor sábado, onde se apresentaconstrangimento. O que as atormenta são as questões dia 22, após obter o 2ºmorais. A diferença entre o certo e o errado, em uma lugar no 15º Festival dedeterminada situação, é motivo mais do que suficiente Joinville e o 1º lugar nopara que Henry James escreva umas 300 páginas (ou Festival de São Paulo. Amais). E o que temos então não é exatamente um participação do grupopanorama da sociedade ociosa do século passado, mas um conta com o apoio dapainel corrosivo da alma humana e de suas fraquezas. E Fundação Cultural dede todos os truques que são utilizados por aqueles que Joinville.tentam sobreviver às próprias tragédias pessoais. Ron Wood NO BRASIL São Paulo - O outro lado doSe ler Henry James não é uma tarefa muito fácil, guitarrista Ron Wood, o detraduzi-lo é muito mais problemático. No entanto, nos artista plástico, pode serúltimos anos o Brasil tem sido contemplado com uma visto no Bar des Arts, emsérie de excelentes trabalhos na área. A belíssima versão São Paulo, onde expõe 40de "A Fera na Selva", realizada por Fernando Sabino, ou gravuras, que têm comoo trabalho de Paulo Henrique Britto nos contos de "A tema os membros dosMorte do Leão" não podem deixar de ser mencionados, Stones e músicos quepois não só recriam o ambiente narrativo original como admira, família etornam Henry James mais acessível para o leitor. A auto-retratos.novela "The Turn of the Screw" (A Volta do Parafuso) é otexto mais conhecido de Henry James no Brasil. Talvezpor isso mesmo seja o que possui o maior número detraduções comerciais entre nós: seis. AN Pesquisa O QUÊ: "As Asas da Pomba", de Henry James, ed.
  5. 5. Ediouro. 555 páginas, R$ 29,50. Como obter retorno para investimentos em Internet? Turismo OPINE! Fotos: Frank Maia Longevidade sem pílulas O Tour Life do Hotel Internacional Termas do Gravatal é uma alternativa de lazer e saúde para turistas da terceira idade Ana Paula LückmanGravatal - O segredo da longevidade e da eternajuventude pode estar escondido dentro da geladeira ounuma simples feirinha de esquina. O uso de pílulas,cosméticos e complementos de vitaminas, moda tentadoraneste final de milênio, são métodos completamenteinadequados pelos princípios da medicina natural,aplicada em Santa Catarina pelo Tour Life - um programapioneiro no Brasil que funciona há pouco mais de doisanos no Hotel Internacional Termas do Gravatal, que éuma alternativa de lazer e saúde para a terceira idade."Os seres humanos foram projetados para viver até os 120anos com saúde, mas no entanto a vida média nãocostuma passar muito dos 70", afirma o médico geriatra eespecialista em medicina interna Édio Schaurich, 30 anos,estudioso da medicina natural e diretor médico do TourLife. À primeira vista, a receita para a longevidade podeparecer simples: alimentação natural, manutenção dehábitos saudáveis e equilíbrio psicológico - segundoSchaurich, os fatores psíquicos são responsáveis por 80%das doenças. Entretanto, se fugir do estresse, da poluiçãoe da alopatia já é bastante difícil, abdicar da praticidadeda culinária moderna parece inadmissível.É essa mudança de hábitos que o Tour Life já ensinou amais de 600 pessoas que participaram do programa, ummétodo de recuperação da saúde e rejuvenescimento queresulta da união da medicina oriental com as descobertasda medicina atual. Após uma série de avaliações eexames médicos que determinam o estado físico dopaciente, o programa passa para um processo dedesintoxicação e hidratação profunda, que dura toda a
  6. 6. estadia. O resultado tem sido compensador, garante ÉdioSchaurich: pessoas com problemas de pele, depressão,hipertensão, insônia, enxaqueca, obesidade, diabetes eestresse voltam a levar uma vida normal e realmentesaudável. ADEUS AO BREAKFASTEngana-se, entretanto, quem imagina que a medicinanatural praticada no Tour Life coincide com as grandes"verdades" das correntes naturalistas convencionais. Umdos primeiros choques de quem ouve a palestraministrada semanalmente pelo geriatra para hóspedes dohotel refere-se ao café da manhã, considerado a refeiçãomais importante do dia - um dos ícones do american wayof life. Édio Schaurich defende o jejum total durante amanhã, já que entre as 4 horas da manhã e o meio-dia oorganismo se ocupa em eliminar as toxinas. "Se eu comoum sanduíche de manhã, o organismo não vai quererdesperdiçar os nutrientes e vai parar o processo deeliminação das toxinas", explica. E os americanos? "Acada ano os Estados Unidos têm mais hospitais e índicede mortalidade maior", analisa Schaurich. A única coisaque se deve ingerir durante o período da manhã é água,defende.O consumo de água, aliás, é outro ponto curioso namedicina natural. A média diária de consumo de doislitros por dia já é conhecida, mas Édio Schaurich garanteque a maioria das pessoas o faz de forma incorreta. Alémdos dois copos de água ingeridos ao acordar, ainda nacama, e de um copo ingerido antes de deitar, o consumoideal é beber dois goles de água a cada 30 minutos (verquadro abaixo). Esse hábito, esclarece, é fundamentalpara a hidratação do organismo e a eliminação de toxinas.E quando se fala em dois litros de água, é água mesmo: olíquido não pode ser substituído pelo mais inofensivocopo de suco de laranja. "Não se pode lavar a casa comsuco de laranja. O mesmo acontece com o nosso corpo",compara. Para criar o hábito dos dois goles a cada meiahoras, pacientes e funcionários do Tour Life carregamsacolinhas com garrafas de água mineral para todo ladoque vão.Menos inofensivo ainda é o singelo copo de leite antes dedormir. Na avaliação de Schaurich, leite de vaca ou dequalquer outra espécie animal não deve ser ingeridonunca. "Leite é muito bom. Para o bezerro", ironiza."Qual o animal que toma outro leite que não seja o leitematerno?", questiona. Para o geriatra, a noção de que oleite é fonte de cálcio é apenas mais um equívoco. A
  7. 7. principal fonte de cálcio para os humanos são os vegetais,que aliás constituem a base da alimentação pela medicinanatural. Nem as frutas têm tanto prestígio: devem serconsumidas apenas de estômago vazio e não sãoconsideradas tão importantes quanto folhas e raízes.Outro choque: qualquer candidato à alimentação naturaloptaria pela carne de frango em detrimento da de gado.Schaurich aconselha o contrário, já que os frangos criadosem granja recebem grande quantidade de hormôniosfemininos, o que provocaria mais intoxicação no corpo e,a longo prazo, poderia até causar alterações hormonaisnas pessoas. Há estudos, garante o médico, que indicamque essas alterações poderiam inclusive favorecer oaumento do homossexualismo, dadas as disfunçõeshormonais - mais uma revelação controvertida. A carnede porco, "naturalmente tóxica", deve ser eliminada dequalquer dieta. Boa mesmo só a carne de peixe, depreferência os de alto mar, que se alimentam de plânctone representam pouco risco de intoxicação.Se abrir mão de tudo o que sempre foi considerado boaalimentação parece sinônimo de um cardápio poucosaboroso, sempre vale lembrar o velho bordão "você é oque você come". Édio Schaurich explica que, mais do quepropiciar o prazer do paladar, os alimentos formam onosso corpo. "Não se pode comer bronze e metabolizarouro", compara. Quem consome produtos contaminadospor toxinas acaba, grosso modo, se transformando emuma grande toxina ambulante. E é a partir daí que surgemos problemas de saúde, resultado da fraqueza do corpo."Pessoas que já têm problemas de saúde têm que mudarradicalmente de hábitos", afirma, garantindo que osresultados são compensadores. "A argila potencializa os efeitos da água"Não por acaso o Tour Life foi estruturado na região quetem uma das melhores águas termais do mundo. Otratamento de desintoxicação e as atividades físicas sãoincrementados com os efeitos terapêuticos do líquido,cuja radioatividade tem ação antiinflamatória,anti-reumática e cicatrizante. Há cerca de oito meses foiintensificado o tratamento com argila hidrotermalterapêutica, através de banhos, cataplasmas localizadosou máscaras faciais. Tratamentos semelhantes existem emAraxá (MG) e em algumas das mais conceituadas clínicasda Europa, principalmente Suíça, Alemanha, Áustria ePortugal.
  8. 8. "A argila potencializa os efeitos da água", explica omédico. O material é extraído de um poço, tratado eaplicado em temperatura morna para diversostratamentos, inclusive estéticos. No caso do banho, aargila hidrotermal é aplicada morna com um pincel sobretodo o corpo, inclusive o rosto, e mantida sob açãodurante 30 minutos. Um jato de água termal quente retirao material, deixando a pele com uma maciez fora donormal. A argila pode ser usada também para tratamentofacial, eliminando as impurezas da pele. Deve ser aplicadadiariamente durante uma semana, e depois uma vez porsemana por 20 minutos. SPA MELHORADOA estrutura do hotel disponível ao Tour Life tambémpermite uma série de atividades durante o programa:hidroterapia, aeroterapia, sauna, terapia floral, massagens,hidroginástica, caminhadas ecológicas, condicionamentovascular, biodança, relaxamento e outras atividades. Poresses diferenciais, o diretor Édio Schaurich explica que oprograma é parecido com um spa, mas é mais completo."O spa trata apenas do estresse e da obesidade. O TourLife é um programa de recuperação da saúde", define.(APL) Tour Life - programa de turismo e saúde Hotel Internacional Termas do Gravatal Tratamento mínimo: 5 a 7 dias Preços das diárias: R$ 80 (para quem está hospedado no hotel) ou R$ 120 (para hospedagem nas instalações do programa, com tudo incluído e apartamento duplo) Consultas e reservas: avenida Pedro Zappelini, 882, Termas do Gravatal, Gravatal (SC). Fone/fax (048) 648-2050. Cep 88735-000 A repórter viajou a convite do Hotel Internacional Termas do Gravatal. Receita para chegar aos 120 anos: FATOR PSICOLÓGICO É o mais importante. Evitar o estresse, que libera o hormônio adrenalina, é uma maneira de fugir das doenças e da queda de imunidade. Uma boa psiqué significa a liberação do hormônio endorfina, o "hormônio da cura", que dá a sensação de bem-estar, prazer, alegria. Manter-se ocupado e com objetivos a cumprir.
  9. 9. Os maiores índices de doenças e morte ocorrem entre pessoas desestimuladas e recém- aposentadas.ALIMENTAÇÃO Manter jejum matinal (entre as 4 horas da manhã e o meio-dia), bebendo apenas água da maneira ideal. Eliminar os alimentos que contenham elementos químicos, artificiais, com agrotóxicos e muito processados. Priorizar grãos integrais (trigo, arroz) e preferir verduras cruas. Eliminar o excesso de sal - pessoas saudáveis podem ingerir até 10 gramas por dia. O sal marinho iodado é o mais adequado. Eliminar o açúcar branco, que é "veneno". Adoçantes artificiais são cancerígenos. Preferir mel, açúcar mascavo e melado. Não consumir leite de vaca e seus derivados. Preferir carne de peixe e de gado (em pequena quantidade). Frango, só em último caso.ÁGUA Ao acordar, beber dois copos de água em temperatura ambiente antes de levantar da cama. Estimula o funcionamento dos intestinos e promove a evacuação matinal. Beber dois goles de água, sempre em temperatura ambiente, a cada 30 minutos. Não beber água ou qualquer outro líquido durante as refeições. Pode-se beber um copo 40 minutos antes e 40 minutos após a refeição. Se for irresistível, um cálice de vinho tinto seco é admitido. Beber um copo de água ao deitar. Não adianta beber os dois litros diários em porções maiores. O excesso é eliminado pelo organismo.ATIVIDADES FÍSICAS Manter exercícios diários, para que não ocorra perda de massa muscular, alterações cardiorrespiratórias e pulmonares, queda na imunidade e insulina, perdas cognitivas e mentais. Tudo dentro das condições de cada um e com acompanhamento médico. A caminhada, por exemplo, deve ser evitada por quem tem artrose, inchaço e varizes.

×