O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.

Avaliação de Usabilidade

Especialização em Testes Ágeis do CESAR School

  • Entre para ver os comentários

Avaliação de Usabilidade

  1. 1. Avaliação de Usabilidade CESAR. Edu 2019 MSc. Marcos Souza
  2. 2. 1. Apresentações 2. O que é usabilidade 3. Além dos testes de usabilidade 4. Métodos de pesquisa 5. Testes dentro da sprint 6. Plano de avaliação 7. Avaliação 8. Resultados 9. Considerações finais 10. Agradecimentos AGENDA 2
  3. 3. Mestre em design pela UFPE, com expertise em usabilidade de interfaces interativas, pesquisas qualitativas e quantitativas. Atualmente é Product Owner na Sidia. On Linkedin 3 Out Linkedin Olindense, casado, pai da Maratona, Tapioca e Cuscuz. Ama esporte, dedica grande parte do seu tempo livre à corrida de montanha, ouve muita música e não abre mão de uma boa cerveja.
  4. 4. On Linkedin 4 Out Linkedin E VC?
  5. 5. O QUE É USABILIDADE?
  6. 6. Partindo da IHC, a usabilidade aborda a forma como o usuário se comunica com a máquina e como a tecnologia responde à interação do usuário, considerando as seguintes habilidades, de acordo com a norma ISO 9241: • Facilidade de aprendizado: a utilização do sistema requer pouco treinamento; • Fácil de memorizar: o usuário deve lembrar como utilizar a interface depois de algum tempo; • Maximizar a produtividade: a interface deve permitir que o usuário realize a tarefa de forma rápida e eficiente; • Minimizar a taxa de erros: caso aconteçam erros, a interface deve avisar o usuário e permitir a correção de modo fácil; • Maximizar a satisfação do usuário: a interface deve lhe dar confiança e segurança USABILIDADE 6 Engenharia IHC USABILIDADE
  7. 7. CASO DE USO! Whitney Hess e a história de quando a P&G percebeu que precisava criar um produto de limpeza para o chão, em meados da década de 80 ALÉM DOS TESTES DE USABILIDADE
  8. 8. 1. O time conseguirá agir sobre os resultados da pesquisa? 2. Qual impacto de não fazer a avaliação agora? 3. Quanto esforço essa pesquisa requer? 3 PERGUNTAS BÁSICAS 8
  9. 9. MÉTODOS DE PESQUISA
  10. 10. Pesquisa qualitativa vs. pesquisa quantitativa Essa é simples: alguns métodos de pesquisa consistem em falar com uma grande quantidade de usuários e colher dados numéricos da opinião deles sobre determinado assunto (pesquisa quantitativa), enquanto outros são focados em um número muito menor de usuários, mas vão em mais profundidade e conseguem coletar insights de maior qualidade e nível de detalhe (pesquisa qualitativa). QUALITATIVA VS QUANTITATIVA 10Fonte: UX Colletive BR
  11. 11. 11Fonte: Nielsen Norman Group
  12. 12. 12Fonte: Nielsen Norman Group
  13. 13. • Questionários online • Testes A/B • Mapas de calor (heatmap) • Testes de usabilidade • Focus groups • Estudos de campo / estudo etnográfico • Interceptação • Monitoramento de clicks e funil • Design participativo / co-criação com usuários • Entrevista em profundidade • Eyetracking • Teste de conceito • Diário de uso continuado • Card sorting • Pesquisa de satisfação pós-compra PRINCIPAIS MÉTODOS 13Fonte: UX Colletive BR
  14. 14. Avaliação de Usabilidade CESAR. Edu 2019 MSc. Marcos Souza DIA 2
  15. 15. 15 Usability Testing of Fruit
  16. 16. Persona é a representação fictícia do seu cliente ideal. Ela é baseada em dados reais sobre comportamento e características demográficas dos seus clientes. PERSONA 16 Ex. Público-alvo: Homens e mulheres, de 24 a 30 anos, solteiros, graduados em arquitetura, com renda média mensal de R$ 3.500. Pretendem aumentar sua capacitação profissional e gostam de viagens. Persona: Pedro Paulo tem 26 anos, é arquiteto recém-formado e autônomo. Pensa em se desenvolver profissionalmente através de um mestrado fora do país, pois adora viajar, é solteiro e sempre quis fazer um intercâmbio. Está buscando uma agência que o ajude a encontrar universidades na Europa que aceitem alunos estrangeiros.
  17. 17. Como o próprio nome diz, esse método consiste em entrevistar o usuário e fazer perguntas que vão a fundo em determinado assunto, hábito, percepção, ou em entender como o usuário realiza determinada tarefa.  ENTREVISTA 17 • Entrevista não estruturada “livre” • Entrevista semi estruturada “Conte-me sobre um momento que você teve dificuldade para acessar suas fotos. Como foi essa experiência?” • Entrevista estruturada “Qual foi sua maior dificuldade para acessar suas fotos?”
  18. 18. Você é responsável pela validação da nova função “Coleções” que o Instagram está testando antes de lançar como beta entre seus usuários. Descreva 5 perguntas para uma possível entrevista com o usuário real. 5 PERGUNTAS DE OURO 18 1. ? 2. ? 3. ? 4. ? 5. ?
  19. 19. 1. Visibilidade do Status do Sistema 2. Compatibilidade entre o sistema e o mundo real 3. Controle e liberdade para o usuário 4. Consistência e Padronização 5. Prevenção de erros 6. Reconhecimento em vez de memorização 7. Eficiência e flexibilidade de uso 8. Estética e design minimalista 9. Ajude os usuários a reconhecerem, diagnosticarem e recuperarem-se de erros 10. Ajuda e documentação Heurísticas 19Fonte: NN/G
  20. 20. 20
  21. 21. • Teste de usabilidade moderados • Testes de usabilidade não-moderados. TESTE DE USABILIDADE 21
  22. 22. Considerando que você tem um dia para validar uma funcionalidade de extrema importância para o seu projeto, descreve um plano de avaliação possível de ser executado antes do final da sprint. PLANO DE AVALIAÇÃO 22 1. Definir 3 hipóteses 2. Estruturar uma entrevista 3. Descrever o teste de usabilidade 4. Considerar um Debrief
  23. 23. Considere o plano criado para avaliação da principal funcionalidade do seu projeto, valide e apresente os resultados para o time. AVALIAÇÃO 23 1. Abordar mínimo de 5 pessoas 2. Validar com usuários externos 3. Consolidar dados coletados 4. Realizar em até 2h
  24. 24. 24 RESULTADOS 10’ por equipe
  25. 25. 25 EQUIPE 1
  26. 26. 26 EQUIPE 2
  27. 27. 27 EQUIPE 3
  28. 28.   Obrigado! MARCOS SOUZA email@marcossouza.com.br +55 (92) - 98207.8877

×