Os 4 Rs das Relações Publicas: Reconhecimento

743 visualizações

Publicada em

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
743
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
21
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Os 4 Rs das Relações Publicas: Reconhecimento

  1. 1. Os 4 Rs das relações públicas:Os 4 Rs das relações públicas: I) ReconhecimentoI) Reconhecimento Participantes:Participantes: Gisele Braga Guilherme Portella José Paulo Pereira Batista Marcelo Tadeu da Silva Corrêa Marcus Vinicius Natália Amarante Mendes Professor: Manoel Marcondes Neto Rio de Janeiro, 27 de Junho de 2013
  2. 2. Objetivo O objetivo deste trabalho é descrever o primeiro dos 4 Rs das relações públicas: O Reconhecimento. Desenvolvimento do Trabalho 1 - Introdução – Marcelo Tadeu   2 - Identidade corporativa - Paulo   3 - Gestão de Marca - Guilherme   4 - Imagem de Marca - Gisele   5 - Propaganda Institucional - Natália   6 - Presença competente na Internet – Marcus 7 - Considerações Finais – Marcelo Tadeu ReconhecimentoReconhecimento
  3. 3. Reconhecimento de uma instituição é o resultado de todas as ações comunicativas de uma organização (empresas públicas, privadas, terceiro setor,etc.) realizam desde o início de suas atividades. O resultado de reconhecimento institucional é o conjunto de todas as ações comunicativas de uma organização (empresas públicas, privadas, terceiro setor,etc.) realizam desde o início de suas atividades. Segundo a revista Fortune do final de 2012, as empresas mais conhecidas e admiradas no mundo são: 1 – Apple 2 – Google 3 – Amazon 4 – Coca-Cola 5 – IBM 6 – Federal Express 7 – Berkishire Hathaway 8 – Starbucks Coffee 9 - Procter & Gamble 10 - Southwest Airlines ReconhecimentoReconhecimento IntroduçãoIntrodução
  4. 4. Reconhecimento - atividades Uma organização ser reconhecida a partir do desenvolvimento das seguintes atividades: 1 - Identidade corporativa   2 - Gestão de Marca (Branding) 3 - Imagem de Marca   4 - Propaganda Institucional ReconhecimentoReconhecimento IntroduçãoIntrodução
  5. 5. ReconhecimentoReconhecimento Identidade CorporativaIdentidade Corporativa
  6. 6. ReconhecimentoReconhecimento Identidade CorporativaIdentidade Corporativa
  7. 7. ReconhecimentoReconhecimento Identidade CorporativaIdentidade Corporativa Gray e Balmer (1997) afirmam que a identidade é a realidade da corporação, e mais, que a gestão da identidade corporativa possui como objetivos principais criar uma imagem intencional e uma reputação favorável na mente de seus stakeholders.
  8. 8. ReconhecimentoReconhecimento Identidade CorporativaIdentidade Corporativa Balmer e Wilson (2001) atentam para o fato de que está se tornando um consenso entre os acadêmicos estudiosos do assunto a definição de que identidade corporativa refere-se a atributos distintos de uma organização, ou, de uma maneira mais simplificada, “what an organization is”.
  9. 9. ReconhecimentoReconhecimento Identidade CorporativaIdentidade Corporativa
  10. 10. GESTÃO DAGESTÃO DA MARCAMARCA (BRANDING)(BRANDING)
  11. 11. Branding ou Brand management (do inglês, em português também Gestão de Marcas). 'BRAND' é uma coleção de imagens e idéias que representam um produtor econômico; para ser mais específico, refere aos atributos discritivos verbais e símbolos concretos, como o nome, logo, slogan e identidade visual que representam a essência de uma empresa, produto ou serviço. Branding pode ser definido como o ato de administrar a imagem/marca (BRAND) de uma empresa. Objetivo do branding é entre outros aumentar o brand equity (em português: equidade de marca ou ativo de marca) - o valor monetário da marca e assim aumentar o valor da empresa em si. Fonte:
  12. 12. Bons produtos ou serviços já não garantem excelentes resultados, principalmente porque as diferenças entre os concorrentes são pequenas. Para conseguir se distanciar de seus competidores, as organizações tem se preocupado cada vez mais em fazer a gestão de suas marcas, o que podemos chamar de branding. ReconhecimentoReconhecimento Gestão da marcaGestão da marca
  13. 13. Uma marca ou brand é a percepção dos consumidores sobre um produto, serviço, experiência ou organização. Não o que os profissionais de marketing pensam que a marca é, mas o que ELES, os consumidores acham que ela é. A marca está nas ruas, nas casas, sendo vivida e experimentada. ReconhecimentoReconhecimento Gestão da marcaGestão da marca
  14. 14. Branding é um sistema de comunicação que deixa claro porque a marca importa. É achar e comunicar algo que atraia os consumidores para a marca, ao invés de você ter que caçá-los. ReconhecimentoReconhecimento Gestão da marcaGestão da marca
  15. 15. ReconhecimentoReconhecimento Imagem de marca:Imagem de marca: Fidelizando clientes – mantendo “acesa a chama” Créditos da imagem: http://abordorp.blogspot.com.br/
  16. 16. ReconhecimentoReconhecimento Imagem de marca: Fidelizando clientes – mantendo “acesa a chama” “A imagem de marca pode ser definida como um conjunto de associações e valores estabelecidos entre a marca e o consumidor. Estas associações, por sua vez, nascem de percepções oriundas tanto de experiências pessoais quanto de mensagens transmitidas pelos meios de comunicação.” (Pinho apud Depexe e Petermann, 2007)
  17. 17. ReconhecimentoReconhecimento Imagem de marca:Imagem de marca: Os 5 sentidos humanos Créditos da imagem: pauladeiagleicy.blogspot.com
  18. 18. ReconhecimentoReconhecimento Imagem de marca:Imagem de marca: Garoto (a) propaganda Créditos da imagem: silveiraroccha.blogspot.com 
  19. 19. ReconhecimentoReconhecimento Imagem de marca:Imagem de marca: Neuromarketing Créditos da imagem: piensasosientes.blogspot.com  
  20. 20. ReconhecimentoReconhecimento Imagem de marca:Imagem de marca: Neuromarketing Conceito “(...) o neuromarketing, um intrigante casamento do marketing com a ciência, era a janela para a mente humana que esperávamos havia tanto tempo. O neuromarketing é a chave parar abrir o que chamo de nossa “lógica de consumo” – os pensamentos, sentimentos e desejo subconscientes que impulsionam as decisões de compra que tomamos em todos os dias de nossas vidas.” Lindstrom (2009, p. 13)
  21. 21. ReconhecimentoReconhecimento Imagem de marca:Imagem de marca: Relacionamento e inovação Créditos da imagem: www.agenciasurf.com.br 
  22. 22. ReconhecimentoReconhecimento Imagem de marca:Imagem de marca: “Totemização” Créditos das imagens: 1: thehypebr.com - 2: www.promoinflaveis.com.br - 3: www.lojadosom.com.br - 4: sortimentos.com;  
  23. 23. ReconhecimentoReconhecimento Imagem de marca Bibliografia • MACHADO NETO, Manoel Marcondes. A transparência é a alma do negócio. Editora Conceito Editorial, 2012. • DEPEXE, Sandra D. & PETERMANN, Juliana. Percepção: o primeiro passo na construção da imagem de marca. <http://www.slideshare.net/doisnovemeia/percepcao-o-primeiro- passo-na-construo-da-imagem-de-marca>. Acessado em 27/06/2013. • LINDSTROM, Martin. A lógica do consumo: verdades e mentira sobre o porque compramos. Rio de Janeiro : Nova Fronteira, 2009.
  24. 24. ReconhecimentoReconhecimento PROPAGANDAPROPAGANDA INSTITUCIONALINSTITUCIONAL
  25. 25. ReconhecimentoReconhecimento O que é Propaganda Institucional?O que é Propaganda Institucional?  Uma forma de publicidade que refere-se à instituição (ou empresa), e não um produto de um portfólio específico.  Visa a disseminação de idéias com intuito de moldar e influenciar a opinião pública com comportamentos desejáveis pela instituição.  Muito utilizada para criar confiança nas instituições no público-alvo , abordando dados informativos da insitutuição, mostrando a transparência de seus serviços e produtos.
  26. 26. ReconhecimentoReconhecimento Desenvolvimento da PropagandaDesenvolvimento da Propaganda InstitucionalInstitucional  Usar artefatos para despertar no público emoções e instintos, levando-se em consideração os meios de veiculação, formato do conteúdo, disposição da propaganda, critérios de criação e arte e sobretudo a ética e transparência das informações.  Abordar temas que estimulem discussões positivas e interesse pessoal do público.  Criação de uma identidade própria que agregue os valores da instituição.
  27. 27. ReconhecimentoReconhecimento Propósitos da PropagandaPropósitos da Propaganda InstitucionalInstitucional  Motivar o público-alvo a tomar determinadas atitudes de interesse institucional  Criar aceitação por um determinado assunto por parte do público, geralmente relacionados à posturas ou atitudes organizacionais.  Dar credibilidade ao público-alvo quanto à transparência e confiabilidade da instituição.
  28. 28. ReconhecimentoReconhecimento Propaganda InstitucionalPropaganda Institucional Considerações FinaisConsiderações Finais  A Propaganda Institucional pode induzir a opinião pública a associar determinados conceitos à imagem já existentes da instituição, sendo eficaz na criação de uma imagem positiva da instituição.  A Propaganda Institucional também tem a propriedade de modificar a imagem desgastada ou antipática em relação ao público de uma instituição, a fim de retomar valores positivos e recriar a imagem da instituição de forma positiva.
  29. 29. ReconhecimentoReconhecimento Presença competente na internet (OwnPresença competente na internet (Own content management )content management ) •A importância do uso da rede como mecanismo de comunicação eficaz e abrangente. •A busca pela diferenciação com o uso de conteúdos : Desafios para a produção • A necessidade do uso das relações públicas no contexto da gestão da presença
  30. 30. ReconhecimentoReconhecimento Presença competente na internet (OwnPresença competente na internet (Own content management )content management ) Relações públicas como sinônimo de comunicação social: “ Todo esforço que uma organização ou individuo fazem com o objetivo de divulgar-se no seio da sociedade em que vivem “ (Manoel Maria de Vasconcellos)
  31. 31. ReconhecimentoReconhecimento Presença competente na internetPresença competente na internet (Own content management )(Own content management ) Histórico do crescimento da importância da internet 2008 : 4 % de participação publicitária. 2012 : 11,5 %, com crescimento de 10 % ao ano comparado com 2011. Fonte: MARCONDES, Manoel Machado Neto. A Transparência é a alma do negócio
  32. 32. ReconhecimentoReconhecimento Arte Narrativa (Storytelling)Arte Narrativa (Storytelling) A necessidade de passar as mensagens rapidamente, pede uma nova abordagem : O desafio de chamar a atenção do consumidor em Trinta segundos.
  33. 33. ReconhecimentoReconhecimento Arte Narrativa (Storytelling)Arte Narrativa (Storytelling) As quatro técnicas de Kambri Crews 1- Praticar bem a mensagem 2- Faça parecer natural 3- Mantenha a ordem começo-meio-fim 4- Faça a narrativa parecer pessoal
  34. 34. Para as OrganizaçõesPara as Organizações Mais do que ações de propaganda o que garante a competitividade das organizações são asMais do que ações de propaganda o que garante a competitividade das organizações são as CertificaçõesCertificações e a forma como ela é obtida.e a forma como ela é obtida. As certificações comprovam que a organização chegaram a um dado resultado dentro de umAs certificações comprovam que a organização chegaram a um dado resultado dentro de um determinado grupo de regras. Exemplos: as Certificaçõesdeterminado grupo de regras. Exemplos: as Certificações ISOISO (9001, 14001, 16001, etc.) e Gespúplica(9001, 14001, 16001, etc.) e Gespúplica (organizações públicas).(organizações públicas). Entretanto, pouco vale ter certificações se não é dada a devida satisfação às sociedades nasEntretanto, pouco vale ter certificações se não é dada a devida satisfação às sociedades nas quais estão inseridas (público interno e externo). Por isso a importância daquais estão inseridas (público interno e externo). Por isso a importância da Transparência na GestãoTransparência na Gestão das Organizações (Clamor popular !!!!)das Organizações (Clamor popular !!!!) Para os ProfissionaisPara os Profissionais OsOs profissionais da área de gestãoprofissionais da área de gestão também devem estar preparados para atuar com as novastambém devem estar preparados para atuar com as novas exigências internas e externas das organizações. Cada vez mais, considera-se como diferencial paraexigências internas e externas das organizações. Cada vez mais, considera-se como diferencial para contratação o “algo a mais” (voluntariados, habilidades de comunicação, etc.).contratação o “algo a mais” (voluntariados, habilidades de comunicação, etc.). ReconhecimentoReconhecimento Considerações FinaisConsiderações Finais

×