Dinheiro, Sexo e Poder

5.049 visualizações

Publicada em

Estudo do primeiro capítulo do livro de Richard J. Foster, "Dinheiro, Sexo e Poder", numa abordagem didática para jovens.

Publicada em: Espiritual, Tecnologia
0 comentários
5 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.049
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
160
Comentários
0
Gostaram
5
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Dinheiro, Sexo e Poder

  1. 1. - Dinheiro, sexo e poder -Capítulo 1<br />“É vaidade buscar riquezas que perecerão e depositar nelas a esperança.<br />É vaidade também aspirar a honras e subir até elevada posição.<br />É vaidade seguir a luxúria da carne.”<br />THOMAS À KEMPIS<br />
  2. 2. Os seguidores de Cristo enfrentam muitas escolhas éticas/morais que lhes são apresentadas a cada dia<br />DINHEIRO<br />ESTA TRÍADE PODE SER MOTIVO DE GRANDE BÊNÇÃO OU MOTIVO DE ESTORVO NA VIDA DO CRISTÃO<br />PODER<br />SEXO<br />
  3. 3. Na Sua Palavra, Deus nos deu parâmetros a partir dos quais podemos agir sabiamente <br />Quando o homem escolhe adotar parâmetros que Deus não estabeleceu, os prejuízos são enormes:<br /><ul><li>FAMÍLIAS DESTRUÍDAS
  4. 4. RELACIONAMENTOS ARRUINADOS
  5. 5. ALIANÇAS COMPROMETEDORAS
  6. 6. GRAVIDEZ INDESEJADA
  7. 7. TRAGÉDIAS (mortes, suicídio)
  8. 8. PERDA DE INTEGRIDADE PESSOAL
  9. 9. FRAGILIZAÇÃO DO TESTEMUNHO</li></ul>APESAR DO PERDÃO DIVINO, NÃO COMPENSA TOMAR A CONTRA-MÃO DOS PRINCÍPIOS ESTABELECIDOS PELO SENHOR.<br />
  10. 10. Por que tratar sobre dinheiro, sexo e poder?<br />POR PELO MENOS 4 RAZÕES:<br />1 – Estes assuntos estão inseparavelmente interligados (muitas conexões entre eles)<br />2 – Os dias em que vivemos são extremamente maus (devemos mostrar o ponto de vista cristão)<br />3 – O verdadeiro despertamento espiritual passa pelo entendimento bíblico sobre estes assuntos<br />4 – A Bíblia não é omissa em relação a estes assuntos (Deus tem muito a nos ensinar)<br />
  11. 11. Dostoievsky escreveu um livro em que o personagem principal (o príncipe Myshkin) ‘não se importava com pompa ou riqueza, nem em ser estimado, mas apenas com a verdade’.<br />Numa cultura obcecada por riqueza, poder e conquista sexual, o príncipe não possuía orgulho, cobiça, malícia, inveja, vaidade ou lascívia.<br />O autor queria transmitir que a pessoa verdadeiramente tola é aquela cuja vida é dominada pela ganância, pela ambição e pela luxúria. <br />
  12. 12. Uma breve retrospectiva: monges/puritanos<br />DINHEIRO<br />A reação monástica  VOTO DE POBREZA<br />Os monges desejavam renunciar aos bens materiais a fim de aprender o que significa desprendimento. A renúncia foi a forma escolhida para bradar um “não” aos valores deste mundo.<br />Eles tinha razão?<br />O sucesso de um homem hoje é medido pelo saldo bancário e pelas posses que adquiriu. <br />
  13. 13. Uma breve retrospectiva: monges/puritanos<br />DINHEIRO<br />A reação puritana  DILIGÊNCIA / TRABALHO<br />Para os puritanos o trabalho é uma bênção divina que deve ser exercida com diligência e moderação. Eles procuravam o equilíbrio para evitar tanto o vício quanto a indolência.<br />Podemos aprender com eles?<br />Hoje em dia, as pessoas acumulam diversos empregos para ganhar cada vez mais dinheiro.<br />
  14. 14. Uma breve retrospectiva: monges/puritanos<br />SEXO<br />A reação monástica  VOTO DE CASTIDADE<br />Os monges renunciaram ao casamento a fim de aprender o significado da disponibilidade. <br />Eles tinha razão?<br />Temos uma tendência muito forte de colocar os relacionamentos interpessoais no lugar de Deus.<br />O celibato é descrito na Bíblia (1 Coríntios 7:6-7)<br />
  15. 15. Uma breve retrospectiva: monges/puritanos<br />SEXO<br />A reação puritana  FIDELIDADE<br />Os puritanos valorizavam a sexualidade exercida de modo saudável dentro do casamento. O companheirismo para a vida toda era o propósito em suas mentes. <br />Podemos aprender com eles?<br />Hoje em dia as pessoas querem apenas um “parceiro” sexual, e por isso transformam-se mutuamente em objetos / brinquedos.<br />
  16. 16. Uma breve retrospectiva: monges/puritanos<br />A reação monástica  OBEDIÊNCIA SERVIL<br />Os monges renunciaram ao poder a fim de aprender o significado do serviço. Eles procuravam se submeter ao governo legítimo de Deus exercido através de outros. <br />Eles tinha razão?<br />Hoje em dia as pessoas acham humilhante servir ao próximo e ter que prestar constas a alguém.<br />PODER<br />
  17. 17. Uma breve retrospectiva: monges/puritanos<br />A reação puritana  ORDEM / COMUNIDADE<br />Os puritanos cultivavam um compromisso mútuo de apoio e prestação de contas. Todas eram responsáveis para incentivar uns aos outros ao amor e às boas obras.<br />Podemos aprender com eles?<br />Hoje em dia, rejeitamos facilmente qualquer tipo de ordem para o bem comum e questionamos até a autoridade divina sobre nós.<br />PODER<br />
  18. 18. O dinheiro, o sexo e o poder têm uma enorme capacidade de beneficiar a vida humana, quando colocados no lugar certo e funcionando da forma adequada.<br />Por outro lado quando são idolatrados...<br />... O DINHEIRO gera COBIÇA ou AVAREZA<br />... O SEXO gera LUXÚRIA ou LASCÍVIA<br />...O PODER gera AMBIÇÃO ou EGOMANIA<br />+ 1 ADVERTÊNCIA:<br />Se falharmos em lidar biblicamente com os pecados gerados por estes ídolos, vamos desonrar o nome de Cristo e seremos pedra de tropeço para outras pessoas.<br />
  19. 19. Precisamos do equilíbrio que as Escrituras nos oferecem para não sermos enganados por “opiniões humanas”.<br />DINHEIRO<br />1 – Que lutas você tem travado relacionadas ao dinheiro, ao sexo e ao poder?<br />2 – Você está disposto a fazer o que Deus requer? A obediência é essencial para o discípulo fiel.<br />PODER<br />SEXO<br />

×