29/08/14 
The Rise and Fall of the Hit 
• Antes da Revolução Industrial: Culturas Locais 
– Cultura fragmentada 
– Não hav...
29/08/14 
The Rise and Fall of the Hit 
• Era da Indústria Moderna 
– Século XIX 
• Crescimento do sistema ferroviário 
• ...
29/08/14 
The Rise and Fall of the Hit 
• “Nós somos seres gregários, fortemente influenciados 
pelo que os outros fazem.”...
29/08/14 
The Rise and Fall of the Hit 
• Rádio criou o ídolo pop 
– “Nos 80’s 500 estações transmitiam American Top 40 no...
29/08/14 
The Rise and Fall of the Hit 
• 2000 - Ápice da indústria fonográfica: Hits (Marketing 
Machine) 
– *NSYNC vende...
29/08/14 
The Rise and Fall of the Hit 
• 2001-2005: Vendas caem 25%* 
– Venda de Hits cai à metade 
• 38 Mi (2000) x 19.7...
29/08/14 
The Rise and Fall of the Hit 
• Who killed the Hit album? 
– O que espantou os jovens das lojas de discos? 
• Pi...
29/08/14 
The Rise and Fall of the Hit 
• O Que ocorre com os outros setores da mídia de massa e 
entretenimento?* 
– Bilh...
29/08/14 
The Rise and Fall of the Hit 
• As indústrias de mídia e entretenimento continuam 
orientadas a buscar, financia...
Breve Histórico da Cauda Longa 
• Que elementos permitem uma compra pela Amazon? 
– Fedex, ISBN, Código de barras, Cartão ...
Breve Histórico da Cauda Longa 
• Em 1930 King Kullen abre o primeiro supermercado em 
Queens - NY. 
– Assim como Sears of...
Breve Histórico da Cauda Longa 
• Início dos subúrbios (Final 60’s) reacende demanda por 
catálogos (mala-direta). 
– Comp...
Breve Histórico da Cauda Longa 
• Por que livros? 
– Variedade é muito importante. 
– Grande catálogo em papel é impraticá...
Breve Histórico da Cauda Longa 
• “Mercados de Cauda Longa em praticamete qualquer 
lugar que olhemos” 
– Google - Publici...
29/08/14 
The Long Tail 
• Non-hits = Everything Else 
15
Entendendo as Forças da Cauda Longa 
• “Nossa cultura e economia estão mudando de um foco 
em um pequeno número de Hits pa...
G1 - 03/10/2014 
– Apresentar um caso de Marketing Digital de 2012 em diante 
• Grupo de 3 a 5 pessoas 
• Apresentação em ...
G2 - 28/11/2014 
– Promover um conteúdo na internet (site, video, página Facebook, Twitter, Blog) 
– Enviar o conteúdo esc...
29/08/14
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Aula03 - A Cauda Longa

219 visualizações

Publicada em

A Cauda Longa

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
219
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula03 - A Cauda Longa

  1. 1. 29/08/14 The Rise and Fall of the Hit • Antes da Revolução Industrial: Culturas Locais – Cultura fragmentada – Não havia transporte rápido nem comunicação de massa. – Baixo intercâmbio de cultura, idéias e tendências. – Cultura de nicho determinada pela geografia e não pela afinidade. – Igreja era principal unificadora de culturas • Melhor infra-estrutura de distribuição • Maior mídia de massa (Bíblia) 1
  2. 2. 29/08/14 The Rise and Fall of the Hit • Era da Indústria Moderna – Século XIX • Crescimento do sistema ferroviário • Urbanização • Começo da Mídia de massa – Impressão comercial, fonógrafo – Século XX • Jornais levavam notícias • mas também levam modismos dos centros urbanos • Cinema, Rádio, TV, Broadcast – Permite exibição em várias cidades simultaneamente 2
  3. 3. 29/08/14 The Rise and Fall of the Hit • “Nós somos seres gregários, fortemente influenciados pelo que os outros fazem.” – Filme • Mostra o que outros fazem – “Glamour intoxicante” e difícil de resistir – Cultura de massa conecta pessoas através do tempo e espaço, sincronizando a sociedade. • Primeira vez na história que pessoas tinham acesso às mesmas informações – notícias, músicas, filmes,etc 3
  4. 4. 29/08/14 The Rise and Fall of the Hit • Rádio criou o ídolo pop – “Nos 80’s 500 estações transmitiam American Top 40 nos Estados Unidos.” – “Toda semana milhões de jovens sincronizavam-se ao resto do país, verificando que músicas/bandas subiam ou desciam.” – “Todos os discos dessas bandas não ocupavam sequer uma prateleira das lojas.” • Estava criado o HIT 4
  5. 5. 29/08/14 The Rise and Fall of the Hit • 2000 - Ápice da indústria fonográfica: Hits (Marketing Machine) – *NSYNC vende 2.4 Mi em 1 semana e 11 Mi no ano. • Replicar o efeito Elvis Presley em escala industrial • Vendas dobraram entre 1990 e 2000 (crescimento mais rápido da indústria fonográfica) 5
  6. 6. 29/08/14 The Rise and Fall of the Hit • 2001-2005: Vendas caem 25%* – Venda de Hits cai à metade • 38 Mi (2000) x 19.7 Mi (2005) • Consumidores mudam do Hit para centenas de sub-gêneros (nicho) • Fim dos Hits? * Dados de 2006 nos Estados Unidos 2006 6
  7. 7. 29/08/14 The Rise and Fall of the Hit • Who killed the Hit album? – O que espantou os jovens das lojas de discos? • Pirataria (Napster, P2P, etc) • Mais opções (P2P tem mais opções que lojas) • Hits x Busca pelo gosto pessoal • iPod - “must-have” MP3 player (capacidade) – Enchê-lo custa $$$$$ ou NADA • Micro-Hit – 4.000 Hits (um para cada sub-gênero) 7
  8. 8. 29/08/14 The Rise and Fall of the Hit • O Que ocorre com os outros setores da mídia de massa e entretenimento?* – Bilheteria cinema segue caindo desde 2001. – Número de Leitores de jornais continua caindo e já é semelhante ao da década de 60. – Venda de revistas em bancas tem pior nível desde o início das estatísticas. – Participação das redes de TV cai de 3/4 para menos da metade da audiência. * Dados de 2006 nos Estados Unidos 2006 8
  9. 9. 29/08/14 The Rise and Fall of the Hit • As indústrias de mídia e entretenimento continuam orientadas a buscar, financiar e criar blockbusters. • Por que? – Alto custo de produção e distribuição – A maioria dos projetos não dão lucro. Alguns dão prejuízo e apenas poucos fazem sucesso e precisam compensar pelos outros. • Culturalmente: Se não é um Hit é um fracasso. 9
  10. 10. Breve Histórico da Cauda Longa • Que elementos permitem uma compra pela Amazon? – Fedex, ISBN, Código de barras, Cartão de crédito, Bases de 29/08/14 dados • Qual o mérito da Internet? – Unificar os elementos que revolucionaram a cadeia de suprimento. • A verdadeira origem da Cauda Longa data do fim do século XIX com os gigantescos Centros de Distribuição. 10
  11. 11. Breve Histórico da Cauda Longa • Em 1930 King Kullen abre o primeiro supermercado em Queens - NY. – Assim como Sears oferecia mais variedade com preços mais baixo. – Fatores de sucesso: carrinho de compras (1937), automóveis e estacionamento grátis e refrigeradores comerciais e domésticos. – Lojas locais ofereciam 700 ítens e não tinham carne, pão, laticínios, legumes/verduras. – Ítens de estoque nos supermercados: 6.000 (1960), 14.000 (1980) e 30.000 (2006) 29/08/14 11
  12. 12. Breve Histórico da Cauda Longa • Início dos subúrbios (Final 60’s) reacende demanda por catálogos (mala-direta). – Compras por telefone (0800). – Cartões de crédito. – Venda de produtos de nicho em larga escala. – Respostas de 1% já eram satisfatórias. 29/08/14 12
  13. 13. Breve Histórico da Cauda Longa • Por que livros? – Variedade é muito importante. – Grande catálogo em papel é impraticável. Mais de 100.000 livros publicados por ano. – Maiores lojas não oferecem mais de 175.000 títulos (e existem poucas delas). – Amazon seria a 1ª livraria a oferecer mais de 1.000.000 de títulos. – Seria possível não apenas buscar pelos títulos mas também ler resenhas e comentários. 29/08/14 13
  14. 14. Breve Histórico da Cauda Longa • “Mercados de Cauda Longa em praticamete qualquer lugar que olhemos” – Google - Publicidade – Downloads - músicas, filmes, software, games – Offshoring Taps - trabalho – Micro-cervejarias - cerveja – Camisetas personalizadas - moda – Universidades Online - educação 29/08/14 14
  15. 15. 29/08/14 The Long Tail • Non-hits = Everything Else 15
  16. 16. Entendendo as Forças da Cauda Longa • “Nossa cultura e economia estão mudando de um foco em um pequeno número de Hits para um enorme número de Nichos.” • “A Cauda é medida não apenas pela variedade disponível mas também pela quantidade de pessoas envolvidas.” • “A verdadeira forma da curva de demanda só é revelada quando os consumidores são expostos a uma infinidade de escolhas.” 29/08/14 16
  17. 17. G1 - 03/10/2014 – Apresentar um caso de Marketing Digital de 2012 em diante • Grupo de 3 a 5 pessoas • Apresentação em sala e entrega em formato 2.0 (Youtube, Slideshare, etc) – Apresentação final deve conter: • Métricas do caso (objetivo, investimento, público alvo, resultados obtidos). – Pode ser caso de sucesso ou fracasso. – Não contar a história da empresa, mas o caso. – Apresentar o produto/serviço apenas se não for conhecido. • Conclusão do grupo sobre o caso. – Fator determinante de sucesso/fracasso. – O que fariam diferente? – Posso perguntar sobre qualquer coisa do trabalho a qualquer pessoa do grupo. • Nota pode ser diferente para cada integrante 29/08/14 17
  18. 18. G2 - 28/11/2014 – Promover um conteúdo na internet (site, video, página Facebook, Twitter, Blog) – Enviar o conteúdo escolhido até 31/10/2014 (Não enviando até esta data perde 1 ponto em G2) • URL e porque foi escolhida • Métricas atuais (views totais, seguidores, colaboradores, etc) • Meta a ser atingida com a ação. • Nomes dos integrantes do grupo. Mudando de grupo após essa data perde 1 ponto. • No máximo 2 grupos podem falar sobre o mesmo tema, mas com ações diferentes. – Apresentação final deve conter: • URL • Métricas antes e depois da ação. Ação deve ter pelo menos 1 semana de duração. • Estratégias de divulgação usadas • Qual estratégia se mostrou mais eficiente e o que não funcionou como esperado • O que aprendeu com o trabalho – Posso perguntar sobre qualquer coisa do trabalho a qualquer pessoa do grupo. • Nota pode ser diferente para cada integrante 29/08/14 18
  19. 19. 29/08/14

×