Márcio Henrique
1
Banco de dados Firebird
rodando em CentOS
http://flisol.info/FLISOL2014/Brasil/Varginha
Porque usar Firebird ?
Open Source
Maduro – 12 anos de sucesso!
Comunidade ativa no Brasil e no mundo
Recuperação Rápida
M...
Porque “rodar” Firebird no Linux?
Não precisa de licenças para servidor
Suporta grande número de conexões
Permite automati...
Comunidades Firebird no mundo
Alemanha
Austrália
Brasil
Espanha
Estados Unidos
4
França
Itália
Rússia
Turquia
Outras...
Quem usa Firebird no Brasil
Diversos órgão de governo (Programas como
DAPI, SAPI e outros)
Embrapa
Lojas Edmil S/A
Leucotr...
Versões do Firebird
Descontinuadas: 1.0, 1.5, 2.0
Mantidas: 2.1.5 e 2.5.2
Próxima: 3.0 - Multiprocessador
Compilações: Cla...
Um pouco do Linux CentOS
CentOS fornece praticamente toda a estrutura do
RHEL (Red Hat Enterprise Linux) sem o modelo
come...
Um pouco mais sobre o Linux CentOS
Tem um bom sistema de empacotamento,
controle de dependência de pacotes,
compatibilidad...
Informações básicas sobre Firebird
Usuário que roda o Firebird: firebird (Precisa ter
acesso à pasta onde ficarão os arqui...
Modo Super Server do Firebird
Apenas um processo
com múltiplas conexões.
Cache compartilhado
Não recomendado para
ambiente...
Modo Superclassic do Firebird
Utiliza cache dedicado mas apenas
um processo para todas as
conexões.
Utiliza xinetd no Linu...
Resumo do modos de execução do Firebird
SuperServer
– Bases de dados pequenas ou pouco acessadas
– Servidores pequenos
– A...
Firebird consome muito recurso?
14
Experimente rodar
Firebird no
Raspberry pi
Processador ARM1176JZF-S
de 700 MHz, GPU Vid...
Firebird consome muito recurso?
15
Experimente rodar Firebird no Cubietruck
Dual-core A20 - ARM Mali400
MP2, 1 vertex shad...
Livros de Firebird
16
17
Evento
FDD é um
evento anual do
Firebird que
ocorre em
Piracicaba - SP
nas férias de
Julho. Fique
atento!
Criando uma VM no Virtualbox para Instalar o CentOS
Instalar o VirtualBox (Para quem não tem Linux):
Baixar em: https://ww...
Instalando Firebird Super Server no CentOS (YUM)
yum install firebird firebird-superserver
chmod 775 /opt/firebird
chown f...
Como iniciar/parar o Firebird sem xinitd
/sbin/service firebird-superserver start
/sbin/service firebird-superserver stop
...
Como iniciar/parar o Firebird com xinitd
Service xinitd start
Service xinitd stop
21
Como instalar o Firebird no CentOS (RPM)
wget http://sourceforge.net/projects/firebird/files/firebird-
linux-amd64/2.5.2- ...
Como instalar o Firebird no CentOS (Compilando)
wget
http://internode.dl.sourceforge.net/project/firebird/firebird/2.5.1-
...
Utilizando a VM da apresentação
Para baixar a VM pronta com firebird configurado, ferramenta
IbWebAdmin instalada e banco ...
Ativando a VM baixada no Virtualbox
→Descompacte o arquivo “centos65fb25.zip” (centOS65.ged)
Para ativar a VM execute o Vi...
Conectando-se no banco de dados via isql
Para conectar:
/usr/bin/isql localhost/3050:/fbdata/cep.fdb -u SYSDBA
-p S0fia -p...
Recursos disponíveis na VM:
Scripts disponíveis em /script:
openfb → Faz conexão com um banco de dados. Exemplo:
openfb /f...
Recursos disponíveis na VM:
htop → Para exibir os processo em execução e uso de meória e
processamento.
Ftp server → Para ...
ibWebAdmin – Ferramenta de Gerenciamento
IBWebAdmin é uma ferramenta free desenvolvida em PHP
que acessa o servidor Firebi...
Acessando banco de dados via ibwebadmin
30
Consultando dados via ibwebadmin
31
Márcio Henrique
Contato:
marciohsilva@yahoo.com.br
Twitter: @marciohsilva
Skype: marciohsilva@hotmail.com
Sites interessan...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

FLISOL 2014 - Banco de dados Firebird rodando em CentOS - Faceca

2.969 visualizações

Publicada em

Palestra “Banco de dados Firebird rodando em CentOS” no evento Flisol 2014 realizado na Faculdade Cenecista de Varginha (www.faceca.br).
Revisado!

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.969
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
13
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
47
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

FLISOL 2014 - Banco de dados Firebird rodando em CentOS - Faceca

  1. 1. Márcio Henrique 1 Banco de dados Firebird rodando em CentOS http://flisol.info/FLISOL2014/Brasil/Varginha
  2. 2. Porque usar Firebird ? Open Source Maduro – 12 anos de sucesso! Comunidade ativa no Brasil e no mundo Recuperação Rápida Multiplataforma: Window, Linux, FreeBSD, HP- UX e MacOS Fácil administração – Dispensa DBA Instalação silenciosa e de fácil manutenção 2
  3. 3. Porque “rodar” Firebird no Linux? Não precisa de licenças para servidor Suporta grande número de conexões Permite automatizar bem as rotinas de backup via shell script Funciona muito bem na versão Classic Server/Super Classic para múltiplos processadores É seguro e confiável Possui diversas ferramentas para linha de comando Funciona muito bem. 3
  4. 4. Comunidades Firebird no mundo Alemanha Austrália Brasil Espanha Estados Unidos 4 França Itália Rússia Turquia Outras...
  5. 5. Quem usa Firebird no Brasil Diversos órgão de governo (Programas como DAPI, SAPI e outros) Embrapa Lojas Edmil S/A Leucotron - PABX AVG Antivírus Baptistetti – ERP VVS Sistemas – Aplicação comercial 5
  6. 6. Versões do Firebird Descontinuadas: 1.0, 1.5, 2.0 Mantidas: 2.1.5 e 2.5.2 Próxima: 3.0 - Multiprocessador Compilações: Classic, Superclassic & Superserver Drivers: OBDC, .NET Provider, Python Driver, JDBC e outros (Sphinx). 6
  7. 7. Um pouco do Linux CentOS CentOS fornece praticamente toda a estrutura do RHEL (Red Hat Enterprise Linux) sem o modelo comercial, sendo uma recompilação livre dos pacotes divulgados pela Red Hat (Jackson Laskoski, 2011). Segundo alguns importantes usuários de Linux o CentOS é distribuição baseado em Redhat mais utilizada no mundo para servidores. 7
  8. 8. Um pouco mais sobre o Linux CentOS Tem um bom sistema de empacotamento, controle de dependência de pacotes, compatibilidade binária entre pacotes com o RHEL (Alexandre Makoto, 2014) Alguns fãs de diversas distribuições criticam a demora da equipe core do CentOS para liberar novas versões. Mas recentemente esta questão tem sido pouco comentada. 8
  9. 9. Informações básicas sobre Firebird Usuário que roda o Firebird: firebird (Precisa ter acesso à pasta onde ficarão os arquivos de dados) Usuário administrador do banco: SYSDBA Senha padrão: masterkey Porta padrão: 3050 9
  10. 10. Modo Super Server do Firebird Apenas um processo com múltiplas conexões. Cache compartilhado Não recomendado para ambiente multiprocessado Recomendado para aplicações menores 10
  11. 11. Modo Superclassic do Firebird Utiliza cache dedicado mas apenas um processo para todas as conexões. Utiliza xinetd no Linux. O nome do processo é fb_smp_server Aproveita todos os processadores Recomendado para 64 bits Para alterar o modo entre Classic Server e Super Classic execute: ./changeMultiConnectMode.sh 12
  12. 12. Resumo do modos de execução do Firebird SuperServer – Bases de dados pequenas ou pouco acessadas – Servidores pequenos – Ambientes onde o cache compartilhado é mais vantajoso que a escalabilidade do SuperClassic ClassicServer – Ambientes onde a estabilidade é a maior preocupação – Servidores multi-processados – Grandes bases de dados com centenas de usuários SuperClassic – Servidores multi-processados – Grandes bases de dados com centenas de usuários – Ambientes onde o cache dedicado é mais vantajoso que o cache compartilhado do SuperServer – Ambientes onde o ClassicServer já não consegue escalar 13 Fonte:http://www.sinatica.com/
  13. 13. Firebird consome muito recurso? 14 Experimente rodar Firebird no Raspberry pi Processador ARM1176JZF-S de 700 MHz, GPU VideoCore IV,8 e 512 MB de memória RAM em sua última revisão. Cartão de memória SD. Linux Debian “wheezy” Acesse www.raspberrypi.org
  14. 14. Firebird consome muito recurso? 15 Experimente rodar Firebird no Cubietruck Dual-core A20 - ARM Mali400 MP2, 1 vertex shader, 2 fragment shaders, OpenGL ES 2.0 SATA HDD, 8GB NAND Flash, MicroSD slot USB, HDMI, VGA, IR, serial, Ethernet 10/100/1G, SATA, WiFi, Bluetooth e interface de 54 pin SOC Acesse www.cubietruck.com/
  15. 15. Livros de Firebird 16
  16. 16. 17 Evento FDD é um evento anual do Firebird que ocorre em Piracicaba - SP nas férias de Julho. Fique atento!
  17. 17. Criando uma VM no Virtualbox para Instalar o CentOS Instalar o VirtualBox (Para quem não tem Linux): Baixar em: https://www.virtualbox.org/wiki/DownloadsURL: http://download.virtualbox.org/virtualbox/4.3.10/VirtualBox-4.3.10- 93012-Win.exe Criar uma VM com CentOS 6.5 Baixar CentOS em: http://centos.ufes.br/6.5/isos/x86_64/ URL: http://centos.ufes.br/6.5/isos/x86_64/CentOS-6.5-x86_64-minimal.iso Criar uma nova VM – Redhat e configurar rede para acesso à Internet: ifconfig eth0 up vi /etc/sysconfig/network-scritps/ifcfg-eth0 DEVICE=eth0 BOOTPROTO=dhcp ONBOOT=yes 18
  18. 18. Instalando Firebird Super Server no CentOS (YUM) yum install firebird firebird-superserver chmod 775 /opt/firebird chown firebird:firebird /opt/firebird Se acusar falta da biblioteca execute: yum install compat-libstdc++-33 O Firebird geralmente será instalado em /opt/firebird 19
  19. 19. Como iniciar/parar o Firebird sem xinitd /sbin/service firebird-superserver start /sbin/service firebird-superserver stop 20
  20. 20. Como iniciar/parar o Firebird com xinitd Service xinitd start Service xinitd stop 21
  21. 21. Como instalar o Firebird no CentOS (RPM) wget http://sourceforge.net/projects/firebird/files/firebird- linux-amd64/2.5.2- Release/FirebirdCS-2.5.2.26540- 0.amd64.rpm/download yum install libncurses.so.5 yum install libstdc++.so.6 rpm -ivh FirebirdCS-2.5.2.26540-0.amd64.rpm yum install xinetd.x86_64 mcedit /etc/xinetd.conf e alterar: instances = unlimited per_source = unlimited 22
  22. 22. Como instalar o Firebird no CentOS (Compilando) wget http://internode.dl.sourceforge.net/project/firebird/firebird/2.5.1- Release/Firebird-2.5.1.26351-0.tar.bz2 tar xjvf Firebird-2.5.1.26351-0.tar.bz2 cd Firebird-2.5.1.26351-0 yum install xinetd.x86_64 ./configure make make install 23
  23. 23. Utilizando a VM da apresentação Para baixar a VM pronta com firebird configurado, ferramenta IbWebAdmin instalada e banco de dados de exemplo utilize a seguinte URL: https://mega.co.nz/#F!mENQVBbC!OamX8t0ZgKDI9CGTpPCmFA MD5: 97ab2db8b9e638137e3cfeaab7708c17 24
  24. 24. Ativando a VM baixada no Virtualbox →Descompacte o arquivo “centos65fb25.zip” (centOS65.ged) Para ativar a VM execute o VirtualBox e siga os passos abaixo: →Clique em “Máquina” “Novo” Em nome digite: “CentOS 6.5”, Tipo: “Linux”, Versão: “RedHat 64” Memória: Escolha no mínimo 512MB. Recomenda-se 1GB. Em “Disco rígido” escolha: “Utilizar um disco virtual existente” Escolha o arquivo centOS65.ged e clique no botão “Criar” Execute a VM. A senha no root é larissa Configure a interface de Rede em modo Bridge para ter acesso ao servidor através de outros hosts da sua rede. Exemplo: ifconfig eth0 10.0.0.4 netmask 255.255.255.0 25
  25. 25. Conectando-se no banco de dados via isql Para conectar: /usr/bin/isql localhost/3050:/fbdata/cep.fdb -u SYSDBA -p S0fia -page 8192 Para obter informações sobre o banco: show database; Para listar as tabelas: show tables; Para sair (desconectar): quit; 26
  26. 26. Recursos disponíveis na VM: Scripts disponíveis em /script: openfb → Faz conexão com um banco de dados. Exemplo: openfb /fbdata/vendas.fdb sweep → Manutenção no banco de dados. Recomendado para bancos de dados em produção. Exemplo: sweep /fbdata/vendas.fdb trocasenhafb → Permite trocar a senha do usuários SYSDBA. Exemplo: É importante utilizar este Script para que os demais funcionem corretamente. Exemplo: trocasenha F0fia NewS3nha →acessofb Altera os direitos de acesso aos arquivos de dados da pasta /fbdata. Após adicionar outro banco de dados em /fbdata execute: acessofb →→→→bkprstfb25 Realiza backup e restore de um banco de dados utilizando a ferramenta nativa gbak. Exemplo: bkprstfb25 vendas.fdb27
  27. 27. Recursos disponíveis na VM: htop → Para exibir os processo em execução e uso de meória e processamento. Ftp server → Para permitir o envio de banco de dados para a pasta /fbdata. O servidor FTP será ativado por padrão. Usuário do ftp: junior A senha precisa ser definida. Utilize o comando passwd para definir. Exemplo: passwd junior Informe a senha tecle ENTER, repita a senha e tecle ENTER. Somente o usuário junior pode logar no FTP e terá acesso à pasta /fbdata Após enviar um arquivo para o FTP é preciso executar o script acessofb. 28
  28. 28. ibWebAdmin – Ferramenta de Gerenciamento IBWebAdmin é uma ferramenta free desenvolvida em PHP que acessa o servidor Firebird/Interbase através do driver Interbase. É de fácil instalação, acesso via Browser e fácil de utilizar. Para acessar o ibWebadmin digite no Browser o endereço IP da VM seguido de /ibwebadmin. Exemplo: http://10.0.0.4/ibwebadmin 29
  29. 29. Acessando banco de dados via ibwebadmin 30
  30. 30. Consultando dados via ibwebadmin 31
  31. 31. Márcio Henrique Contato: marciohsilva@yahoo.com.br Twitter: @marciohsilva Skype: marciohsilva@hotmail.com Sites interessantes: www.firebirdsql.org www.firebase.com.br http://www.centosbr.org/ 32

×