Márcia Paulina de Oliveira Pereira Miranda
Tecnofóbica
Uso do Computador nas Escolas: É
Realmente Necessário?
É uma grande falácia que crianças e jovens têm que
aprender a usar computadores agora pois caso
contrário eles ficarão par...
Professores não podem e nem
devem pedir para que os alunos
façam atividades que exijam
computador (pesquisar na internet,
...
O que atrai crianças e adolescentes nos comutadores é a
beleza dos jogos e imagens, e não o conteúdo. As crianças
não terã...
O computador não melhora pensamentos não matemáticos e
nem todos os pensamentos matemáticos.
E estamos no interior dos pro...
O tipo de interação que temos através do computador não é
o ideal para as crianças e jovens se desenvolverem
plenamente.
Muito mais frequente que o desenvolvimento de auto-
controle, computadores induzem indisciplina
O ensino realmente precisa passar por reformas, para se
tornar mais humano e acessível. Isto só pode ser feito por
pessoas...
Por fim, vale lembrar que, se a criança não quiser aprender,
não há recurso tecnológico que resolva! O que tem que ser
mel...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Márcia Paulina de Oliveira Pereira Miranda

183 visualizações

Publicada em

Trabalho.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
183
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Márcia Paulina de Oliveira Pereira Miranda

  1. 1. Márcia Paulina de Oliveira Pereira Miranda Tecnofóbica Uso do Computador nas Escolas: É Realmente Necessário?
  2. 2. É uma grande falácia que crianças e jovens têm que aprender a usar computadores agora pois caso contrário eles ficarão para trás em sua futura busca por empregos profissionais. Computadores estão ficando tão simples de usar e de aprender, tutoriais e ajuda ("help") "on-line" estão tornando-se tão poderosos que qualquer pessoa será capaz de aprender a usar computadores bem rapidamente em qualquer idade.
  3. 3. Professores não podem e nem devem pedir para que os alunos façam atividades que exijam computador (pesquisar na internet, entregar trabalho digitado, etc.), pois não são todos que acesso e nem todos os pais querem que os filhos tenham esse acesso.
  4. 4. O que atrai crianças e adolescentes nos comutadores é a beleza dos jogos e imagens, e não o conteúdo. As crianças não terão mesma atração por outras forma de ensino. Além disso, elas não têm capacidade de discernimento para o que é bom, mau, certo e errado. Como no caso da TV, um software educacional cheio de imagens não deixa espaço para a imaginação interior
  5. 5. O computador não melhora pensamentos não matemáticos e nem todos os pensamentos matemáticos. E estamos no interior dos problemas postos ao curriculo de matemática, com a o desenvolvimento e generalização dos computadores. É necessário responder a algumas questões: se economizamos tempo, como aproveitá-lo; quais as novas matérias a incluir?
  6. 6. O tipo de interação que temos através do computador não é o ideal para as crianças e jovens se desenvolverem plenamente.
  7. 7. Muito mais frequente que o desenvolvimento de auto- controle, computadores induzem indisciplina
  8. 8. O ensino realmente precisa passar por reformas, para se tornar mais humano e acessível. Isto só pode ser feito por pessoas, e não por máquinas!
  9. 9. Por fim, vale lembrar que, se a criança não quiser aprender, não há recurso tecnológico que resolva! O que tem que ser melhorado é a educação em casa e o desenvolvimento dos professores. Temos muitos outros problemas para resolver, e os gastos com tecnologia não trarão os mesmos resultados que os gastos em outras áreas.

×