SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 8
Baixar para ler offline
COMUNICAÇÃO POLÍTICA
Comunicação Organizacional
Marcelo Freire
 Os estudos recentes de comunicação pública têm
embasado as principais diferenças entre
comunicação pública, governamental e política. A
propósito Jorge Duarte (2011, p.126), ao situá-la em um
contexto mais amplo, deixa claras essas delimitações.
“Comunicação governamental trata dos fluxos de
informação e padrões de relacionamento
envolvendo o executivo e a sociedade”. Quanto à
comunicação política, essa “diz respeito ao
discurso e à ação na conquista da opinião pública
em relação a ideias ou atividades que tenham
relação como poder”. Já “a comunicação pública se
refere à interação e ao fluxo de informação
vinculados a temas de interesse coletivo”.
RECAPITULAÇÃO
COMUNICAÇÃO PÚBLICA - CONCEITO
MUDANÇAS NA ESFERA POLÍTICA
 Há, em primeiro lugar, portanto, a constituição de
um modelo social de esfera de visibilidade e de
cognição coletivas profundamente vinculado à
comunicação de massa, que pouco a pouco foi se
tornando predominante em um grande número de
sociedades. Mudada, então, a infra-estrutura da
comunicação política, parece natural que tal
alteração tenha incidido significativamente sobre o
funcionamento da arte política e provocado
alterações importantes nas habilidades que ela
demanda e nas competências que solicita [WG].
ASPECTOS DA TRANSFORMAÇÃO NA ESFERA
POLÍTICA
 1) os agentes políticos (mesmo aqueles da sociedade civil)
passaram a atuar em grande parte para a esfera de
visibilidade pública controlada pela comunicação,
principalmente quando se deu o advento do predomínio da
televisão, que exigiu da esfera política a formação de novas
competências e habilidades de comunicação com efeitos
consideráveis sobre as rotinas de atividades e sobre o
sistema de valores tradicionais da esfera política;
 2) as estratégias eleitorais em particular e as estratégias
políticas em geral passaram a supor um ambiente de
recepção da política centrada no consumo de imagens
públicas. Com isso, os procedimentos de produção e
circulação de imagens e de disputa pela imposição das
imagens predominantes deslocam-se em direção ao centro
da atividade estratégica da política (Gomes 1999; Newman
1999; Just e Crigler 2000; Nakajima 2001; Barnhurst e Steele
1997; Druckman 2003);
ASPECTOS DA TRANSFORMAÇÃO NA ESFERA
POLÍTICA
 3) cálculos de eficiência forçam, então, a esfera política a recorrer a
competências e a habilidades técnicas do marketing, da sondagem de
opinião, das consultorias de imagem, das análises de opinião pública e
das assessorias de comunicação (Scammell 1999; Novotny 2000; Esser,
Reinemann e Fan 2000 e 2001; Plasser 2001; Farrell, Kolodny e Medvic
2002; Lilleker & Negrine 2002; Negrine & Lilleker 2002; Palmer 2002;
Medvic 2003). O que gera efeitos de duas naturezas sobre a esfera
política: de um lado, parte da energia dedicada às atividades tradicionais
da política passou a ser empregada com a produção de uma
comunicação política eficaz; de outro, formaram-se, no interior da esfera
política, verdadeiras colônias de profissionais de comunicação e gestão
política, cuja assimilação ao tecido político não se dá sem conflitos,
rearranjos e rejeições;
 4) o discurso político se reformata segundo a gramática do audiovisual,
de acordo com as fórmulas de exibição e de narração próprias do
universo da comunicação de massa e conforme as demanda de
entretenimento própria da instância da clientela dos serviços industriais
da comunicação e da cultura (Barney 2001).
CONSEQUÊNCIAS DAS TRANSFORMAÇÕES NA
ESFERA POLÍTICA
 1) a mudança, real ou presumida, do alcance dos valores ideológicos no embate político e na
caracterização das posições em disputa;
 2) a alegada perda contínua de importância de se apresentar idéias, discutir conceitos e expor
e disputar programas políticos numa comunicação política que se dirige imediatamente a um
público de massa cuja maior parte estaria interessada basicamente em entretenimento,
curiosidades, espetáculos e competições;
 3) a reiterada presunção de transfiguração dos valores públicos democráticos, por força dos
mecanismos da comunicação de massa;
 4) o campo político se torna cada vez mais profissional, técnico, científico e a comunicação
política de massa supõe planejamento, previsão e controle. O que o agente político diz e faz e
o modo como ele se apresenta precisa acompanhar um script profissionalmente estabelecido e
orientado por cálculos de eficiência - há cada vez menos espaço para o amadorismo (Johnson
2001), para a precariedade da organização, para a improvisação e para a espontaneidade.
Busca-se controlar o acaso e estabelecer previsões e providências. A sondagem, a pesquisa, a
análise produzem o tempo todo saberes que permitem a antevisão e a intervenção do artifício
com vistas ao sucesso político (Lewis 1999; Daschmann 2000; Medvic 2003). Até mesmo as
agendas, isto é, o sistema das prioridades sociais que o público acredita serem as suas,
podem ser conduzidas e controladas (McCombs et al. 1998; McCombs & Ghanem 2001);
 5) por fim, a tão propalada crise da política de partidos (Zaller 1999; Sarti 2000; Ware 1988;
Plasser 2001).
MARKETING POLÍTICO
 Shama (1976) define Marketing Politico como sendo "o
processo pelo qual candidatos e ideias politicas sao
dirigidas a eleitores a fim de satisfazer suas
necessidades politicas e, dessa forma ganhar seu apoio
 Para Lindon (1976), Marketing Político e "um conjunto
de teorias e métodos de que se podem utilizar as
organizações políticas e poderes públicos, ao problema
de conquistar um numero suficiente de elei- mesmo
tempo para definir seus objetivos e programas e para
influenciar o comportamento de seus cidadões.
DESDOBRAMENTOS
 Vinculação Ideológica
 Enquadramento (percepção de atributos ao invés de
apenas pertinência)
 Two Step Flow (efeito em dois tempos)

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Hipertexto e generos digitais
Hipertexto e generos digitaisHipertexto e generos digitais
Hipertexto e generos digitaisPatricia Barroso
 
Aula Texto Publicitário
Aula Texto Publicitário Aula Texto Publicitário
Aula Texto Publicitário Eliete
 
Aula 02 Teoria Hipodérmica da Comunicação
Aula 02   Teoria Hipodérmica da ComunicaçãoAula 02   Teoria Hipodérmica da Comunicação
Aula 02 Teoria Hipodérmica da ComunicaçãoElizeu Nascimento Silva
 
História da publicidade no Brasil
História da publicidade no BrasilHistória da publicidade no Brasil
História da publicidade no BrasilLuciana Pistilli
 
7 Principios para analisar e construir Narrativas Transmídia
7 Principios para analisar e construir Narrativas Transmídia7 Principios para analisar e construir Narrativas Transmídia
7 Principios para analisar e construir Narrativas TransmídiaRodrigo Freese Gonzatto
 
Antropologia e Sociologia do consumo (Aula 1)
Antropologia e Sociologia do consumo (Aula 1) Antropologia e Sociologia do consumo (Aula 1)
Antropologia e Sociologia do consumo (Aula 1) Fernanda Silvestre
 
Desenvolvimento dos meios de comunicação de massa
Desenvolvimento dos meios de comunicação de massaDesenvolvimento dos meios de comunicação de massa
Desenvolvimento dos meios de comunicação de massaLaércio Góes
 
Storytelling no Jornalismo - Jornalismo Multimídia 2022
Storytelling no Jornalismo - Jornalismo Multimídia 2022Storytelling no Jornalismo - Jornalismo Multimídia 2022
Storytelling no Jornalismo - Jornalismo Multimídia 2022Renato Melo
 
Curso de redação
Curso de redaçãoCurso de redação
Curso de redaçãoteleestacao
 
Introdução à Publicidade e Propaganda - Aula 01 - Conceitos
Introdução à Publicidade e Propaganda - Aula 01  - ConceitosIntrodução à Publicidade e Propaganda - Aula 01  - Conceitos
Introdução à Publicidade e Propaganda - Aula 01 - ConceitosThiago Ianatoni
 
Redação jornalística
Redação jornalísticaRedação jornalística
Redação jornalísticaLaércio Góes
 
Introdução à Publicidade e Propaganda - Aula 05 - Mídia
Introdução à Publicidade e Propaganda - Aula 05 - MídiaIntrodução à Publicidade e Propaganda - Aula 05 - Mídia
Introdução à Publicidade e Propaganda - Aula 05 - MídiaThiago Ianatoni
 
Teorias da Comunicação
Teorias da ComunicaçãoTeorias da Comunicação
Teorias da ComunicaçãoJosé Lopes
 
Panorama das Teorias das Comunicação
Panorama das Teorias das ComunicaçãoPanorama das Teorias das Comunicação
Panorama das Teorias das ComunicaçãoMarcelo Freire
 

Mais procurados (20)

Hipertexto e generos digitais
Hipertexto e generos digitaisHipertexto e generos digitais
Hipertexto e generos digitais
 
Aula Texto Publicitário
Aula Texto Publicitário Aula Texto Publicitário
Aula Texto Publicitário
 
Anúncio publicitário
Anúncio publicitárioAnúncio publicitário
Anúncio publicitário
 
Aula 02 Teoria Hipodérmica da Comunicação
Aula 02   Teoria Hipodérmica da ComunicaçãoAula 02   Teoria Hipodérmica da Comunicação
Aula 02 Teoria Hipodérmica da Comunicação
 
História da publicidade no Brasil
História da publicidade no BrasilHistória da publicidade no Brasil
História da publicidade no Brasil
 
Perfil jornalístico
Perfil jornalísticoPerfil jornalístico
Perfil jornalístico
 
7 Principios para analisar e construir Narrativas Transmídia
7 Principios para analisar e construir Narrativas Transmídia7 Principios para analisar e construir Narrativas Transmídia
7 Principios para analisar e construir Narrativas Transmídia
 
Antropologia e Sociologia do consumo (Aula 1)
Antropologia e Sociologia do consumo (Aula 1) Antropologia e Sociologia do consumo (Aula 1)
Antropologia e Sociologia do consumo (Aula 1)
 
Desenvolvimento dos meios de comunicação de massa
Desenvolvimento dos meios de comunicação de massaDesenvolvimento dos meios de comunicação de massa
Desenvolvimento dos meios de comunicação de massa
 
Jornalismo Digital - tendências do jornalismo no mundo 2.0
Jornalismo Digital - tendências do jornalismo no mundo 2.0Jornalismo Digital - tendências do jornalismo no mundo 2.0
Jornalismo Digital - tendências do jornalismo no mundo 2.0
 
Storytelling no Jornalismo - Jornalismo Multimídia 2022
Storytelling no Jornalismo - Jornalismo Multimídia 2022Storytelling no Jornalismo - Jornalismo Multimídia 2022
Storytelling no Jornalismo - Jornalismo Multimídia 2022
 
Curso de redação
Curso de redaçãoCurso de redação
Curso de redação
 
Introdução à Publicidade e Propaganda - Aula 01 - Conceitos
Introdução à Publicidade e Propaganda - Aula 01  - ConceitosIntrodução à Publicidade e Propaganda - Aula 01  - Conceitos
Introdução à Publicidade e Propaganda - Aula 01 - Conceitos
 
Redação jornalística
Redação jornalísticaRedação jornalística
Redação jornalística
 
Introdução à Publicidade e Propaganda - Aula 05 - Mídia
Introdução à Publicidade e Propaganda - Aula 05 - MídiaIntrodução à Publicidade e Propaganda - Aula 05 - Mídia
Introdução à Publicidade e Propaganda - Aula 05 - Mídia
 
Análise de (do) discurso
Análise de (do) discursoAnálise de (do) discurso
Análise de (do) discurso
 
Teorias da Comunicação
Teorias da ComunicaçãoTeorias da Comunicação
Teorias da Comunicação
 
Publicidade[1]
Publicidade[1]Publicidade[1]
Publicidade[1]
 
Aula historia da Propaganda Brasileira
Aula historia da Propaganda BrasileiraAula historia da Propaganda Brasileira
Aula historia da Propaganda Brasileira
 
Panorama das Teorias das Comunicação
Panorama das Teorias das ComunicaçãoPanorama das Teorias das Comunicação
Panorama das Teorias das Comunicação
 

Semelhante a COMUNICAÇÃO PÚBLICA E POLÍTICA

Corações, mentes e estratégias: a relação entre marqueteiros e políticos dura...
Corações, mentes e estratégias: a relação entre marqueteiros e políticos dura...Corações, mentes e estratégias: a relação entre marqueteiros e políticos dura...
Corações, mentes e estratégias: a relação entre marqueteiros e políticos dura...Universidade Federal do Paraná
 
Estratégias de Comunicação Política Online: Uma Análise do Perfil de José Ser...
Estratégias de Comunicação Política Online: Uma Análise do Perfil de José Ser...Estratégias de Comunicação Política Online: Uma Análise do Perfil de José Ser...
Estratégias de Comunicação Política Online: Uma Análise do Perfil de José Ser...Universidade Federal do Paraná
 
Jornalismo Político e Imagem Pública: Dilma Rousseff nos editoriais do jornal...
Jornalismo Político e Imagem Pública: Dilma Rousseff nos editoriais do jornal...Jornalismo Político e Imagem Pública: Dilma Rousseff nos editoriais do jornal...
Jornalismo Político e Imagem Pública: Dilma Rousseff nos editoriais do jornal...Universidade Federal do Paraná
 
Influência no Mercado de Comunicação Política e Eleições
Influência no Mercado de Comunicação Política e EleiçõesInfluência no Mercado de Comunicação Política e Eleições
Influência no Mercado de Comunicação Política e EleiçõesJaqueline Buckstegge
 
Comunicação pública - teorias
Comunicação pública - teoriasComunicação pública - teorias
Comunicação pública - teoriasSimone Carvalho
 
Twitter e comunicação política: limites e possibilidades
Twitter e comunicação política: limites e possibilidadesTwitter e comunicação política: limites e possibilidades
Twitter e comunicação política: limites e possibilidadesRodrigo Carreiro
 
00 tecnicas de pesquisa de factos politicos
00 tecnicas de pesquisa de factos politicos00 tecnicas de pesquisa de factos politicos
00 tecnicas de pesquisa de factos politicosAlírio Alcâncer Rungo
 
Dissertação - Marketing Político nas Redes Sociais
Dissertação - Marketing Político nas Redes SociaisDissertação - Marketing Político nas Redes Sociais
Dissertação - Marketing Político nas Redes SociaisLucas Reis
 
O profissional de relacoes publicas e a atuacao no setor publico
O profissional de relacoes publicas e a atuacao no setor publicoO profissional de relacoes publicas e a atuacao no setor publico
O profissional de relacoes publicas e a atuacao no setor publicoMarcus Vinicius Bonfim
 
As Eleições 2010 em 140 caracteres: O Twitter como ferramenta de comunicação ...
As Eleições 2010 em 140 caracteres: O Twitter como ferramenta de comunicação ...As Eleições 2010 em 140 caracteres: O Twitter como ferramenta de comunicação ...
As Eleições 2010 em 140 caracteres: O Twitter como ferramenta de comunicação ...Cinthia Mendonça
 
Celina souza políticas públicas aula 2
Celina souza políticas públicas aula 2Celina souza políticas públicas aula 2
Celina souza políticas públicas aula 2Briggida Azevedo
 
Mídias sociais e eleições: um estudo sobre as campanhas de reeleição dos vere...
Mídias sociais e eleições: um estudo sobre as campanhas de reeleição dos vere...Mídias sociais e eleições: um estudo sobre as campanhas de reeleição dos vere...
Mídias sociais e eleições: um estudo sobre as campanhas de reeleição dos vere...Universidade Federal do Paraná
 
Internet e Eleições 2010 no Brasil: Rupturas e continuidades nos padrões medi...
Internet e Eleições 2010 no Brasil: Rupturas e continuidades nos padrões medi...Internet e Eleições 2010 no Brasil: Rupturas e continuidades nos padrões medi...
Internet e Eleições 2010 no Brasil: Rupturas e continuidades nos padrões medi...Universidade Federal do Paraná
 
O uso das Mídias Sociais Pelos Políticos Brasileiros
O uso das Mídias Sociais Pelos Políticos BrasileirosO uso das Mídias Sociais Pelos Políticos Brasileiros
O uso das Mídias Sociais Pelos Políticos BrasileirosAlinne Fernandes
 
Aspectos de uma campanha política
Aspectos de uma campanha políticaAspectos de uma campanha política
Aspectos de uma campanha políticaCarla Viola
 
Do Marketing ao Politico
Do Marketing ao PoliticoDo Marketing ao Politico
Do Marketing ao PoliticoMaikon Werner
 
Especializações do marketing 2a aula - 16/02/2011
Especializações do marketing   2a aula - 16/02/2011Especializações do marketing   2a aula - 16/02/2011
Especializações do marketing 2a aula - 16/02/2011Unip e Uniplan
 

Semelhante a COMUNICAÇÃO PÚBLICA E POLÍTICA (20)

Corações, mentes e estratégias: a relação entre marqueteiros e políticos dura...
Corações, mentes e estratégias: a relação entre marqueteiros e políticos dura...Corações, mentes e estratégias: a relação entre marqueteiros e políticos dura...
Corações, mentes e estratégias: a relação entre marqueteiros e políticos dura...
 
Estratégias de Comunicação Política Online: Uma Análise do Perfil de José Ser...
Estratégias de Comunicação Política Online: Uma Análise do Perfil de José Ser...Estratégias de Comunicação Política Online: Uma Análise do Perfil de José Ser...
Estratégias de Comunicação Política Online: Uma Análise do Perfil de José Ser...
 
Instrumentos do mkp
Instrumentos do mkpInstrumentos do mkp
Instrumentos do mkp
 
Comunicação pública
Comunicação públicaComunicação pública
Comunicação pública
 
Jornalismo Político e Imagem Pública: Dilma Rousseff nos editoriais do jornal...
Jornalismo Político e Imagem Pública: Dilma Rousseff nos editoriais do jornal...Jornalismo Político e Imagem Pública: Dilma Rousseff nos editoriais do jornal...
Jornalismo Político e Imagem Pública: Dilma Rousseff nos editoriais do jornal...
 
Influência no Mercado de Comunicação Política e Eleições
Influência no Mercado de Comunicação Política e EleiçõesInfluência no Mercado de Comunicação Política e Eleições
Influência no Mercado de Comunicação Política e Eleições
 
Comunicação pública - teorias
Comunicação pública - teoriasComunicação pública - teorias
Comunicação pública - teorias
 
Twitter e comunicação política: limites e possibilidades
Twitter e comunicação política: limites e possibilidadesTwitter e comunicação política: limites e possibilidades
Twitter e comunicação política: limites e possibilidades
 
00 tecnicas de pesquisa de factos politicos
00 tecnicas de pesquisa de factos politicos00 tecnicas de pesquisa de factos politicos
00 tecnicas de pesquisa de factos politicos
 
Dissertação - Marketing Político nas Redes Sociais
Dissertação - Marketing Político nas Redes SociaisDissertação - Marketing Político nas Redes Sociais
Dissertação - Marketing Político nas Redes Sociais
 
O profissional de relacoes publicas e a atuacao no setor publico
O profissional de relacoes publicas e a atuacao no setor publicoO profissional de relacoes publicas e a atuacao no setor publico
O profissional de relacoes publicas e a atuacao no setor publico
 
As Eleições 2010 em 140 caracteres: O Twitter como ferramenta de comunicação ...
As Eleições 2010 em 140 caracteres: O Twitter como ferramenta de comunicação ...As Eleições 2010 em 140 caracteres: O Twitter como ferramenta de comunicação ...
As Eleições 2010 em 140 caracteres: O Twitter como ferramenta de comunicação ...
 
Celina souza políticas públicas aula 2
Celina souza políticas públicas aula 2Celina souza políticas públicas aula 2
Celina souza políticas públicas aula 2
 
Capítulo 21 a comunicação política no mundo pdf
Capítulo 21 a comunicação política no mundo pdfCapítulo 21 a comunicação política no mundo pdf
Capítulo 21 a comunicação política no mundo pdf
 
Mídias sociais e eleições: um estudo sobre as campanhas de reeleição dos vere...
Mídias sociais e eleições: um estudo sobre as campanhas de reeleição dos vere...Mídias sociais e eleições: um estudo sobre as campanhas de reeleição dos vere...
Mídias sociais e eleições: um estudo sobre as campanhas de reeleição dos vere...
 
Internet e Eleições 2010 no Brasil: Rupturas e continuidades nos padrões medi...
Internet e Eleições 2010 no Brasil: Rupturas e continuidades nos padrões medi...Internet e Eleições 2010 no Brasil: Rupturas e continuidades nos padrões medi...
Internet e Eleições 2010 no Brasil: Rupturas e continuidades nos padrões medi...
 
O uso das Mídias Sociais Pelos Políticos Brasileiros
O uso das Mídias Sociais Pelos Políticos BrasileirosO uso das Mídias Sociais Pelos Políticos Brasileiros
O uso das Mídias Sociais Pelos Políticos Brasileiros
 
Aspectos de uma campanha política
Aspectos de uma campanha políticaAspectos de uma campanha política
Aspectos de uma campanha política
 
Do Marketing ao Politico
Do Marketing ao PoliticoDo Marketing ao Politico
Do Marketing ao Politico
 
Especializações do marketing 2a aula - 16/02/2011
Especializações do marketing   2a aula - 16/02/2011Especializações do marketing   2a aula - 16/02/2011
Especializações do marketing 2a aula - 16/02/2011
 

Mais de Marcelo Freire

CV Lattes Atualizado (maio/2015)
CV Lattes Atualizado (maio/2015)CV Lattes Atualizado (maio/2015)
CV Lattes Atualizado (maio/2015)Marcelo Freire
 
Habermas e o conceito de esfera pública
Habermas e o conceito de esfera públicaHabermas e o conceito de esfera pública
Habermas e o conceito de esfera públicaMarcelo Freire
 
Comunicação pública
Comunicação públicaComunicação pública
Comunicação públicaMarcelo Freire
 
Transmissões de áudio pela internet – um mapeamento
Transmissões de áudio pela internet – um mapeamentoTransmissões de áudio pela internet – um mapeamento
Transmissões de áudio pela internet – um mapeamentoMarcelo Freire
 
Características do rádio
Características do rádioCaracterísticas do rádio
Características do rádioMarcelo Freire
 
Elementos da linguagem sonora
Elementos da linguagem sonoraElementos da linguagem sonora
Elementos da linguagem sonoraMarcelo Freire
 
Ferramentas De Desenho
Ferramentas De DesenhoFerramentas De Desenho
Ferramentas De DesenhoMarcelo Freire
 
Ferramentas de seleção no GIMPshop
Ferramentas de seleção no GIMPshopFerramentas de seleção no GIMPshop
Ferramentas de seleção no GIMPshopMarcelo Freire
 
Correção de Cores com GIMPshop
Correção de Cores com GIMPshopCorreção de Cores com GIMPshop
Correção de Cores com GIMPshopMarcelo Freire
 
Crop, Scale e Resize no GIMPshop
Crop, Scale e Resize no GIMPshopCrop, Scale e Resize no GIMPshop
Crop, Scale e Resize no GIMPshopMarcelo Freire
 
Alguns Retratos Famosos
Alguns Retratos FamososAlguns Retratos Famosos
Alguns Retratos FamososMarcelo Freire
 
Câmeras, Equipamentos e a Nikon D40
Câmeras, Equipamentos e a Nikon D40Câmeras, Equipamentos e a Nikon D40
Câmeras, Equipamentos e a Nikon D40Marcelo Freire
 
Mancadas No Uso Do Photoshop
Mancadas No Uso Do  PhotoshopMancadas No Uso Do  Photoshop
Mancadas No Uso Do PhotoshopMarcelo Freire
 
FormaçãO Da Imagem Digital E TéCnicas De ComposiçãO
FormaçãO Da Imagem Digital E TéCnicas De ComposiçãOFormaçãO Da Imagem Digital E TéCnicas De ComposiçãO
FormaçãO Da Imagem Digital E TéCnicas De ComposiçãOMarcelo Freire
 

Mais de Marcelo Freire (18)

CV Lattes Atualizado (maio/2015)
CV Lattes Atualizado (maio/2015)CV Lattes Atualizado (maio/2015)
CV Lattes Atualizado (maio/2015)
 
Habermas e o conceito de esfera pública
Habermas e o conceito de esfera públicaHabermas e o conceito de esfera pública
Habermas e o conceito de esfera pública
 
Comunicação pública
Comunicação públicaComunicação pública
Comunicação pública
 
Produtos ai e ci
Produtos ai e ciProdutos ai e ci
Produtos ai e ci
 
Jornalismo cientifico
Jornalismo cientificoJornalismo cientifico
Jornalismo cientifico
 
Curriculum lattes
Curriculum lattesCurriculum lattes
Curriculum lattes
 
Transmissões de áudio pela internet – um mapeamento
Transmissões de áudio pela internet – um mapeamentoTransmissões de áudio pela internet – um mapeamento
Transmissões de áudio pela internet – um mapeamento
 
Características do rádio
Características do rádioCaracterísticas do rádio
Características do rádio
 
Elementos da linguagem sonora
Elementos da linguagem sonoraElementos da linguagem sonora
Elementos da linguagem sonora
 
Ferramentas De Desenho
Ferramentas De DesenhoFerramentas De Desenho
Ferramentas De Desenho
 
Ferramentas de seleção no GIMPshop
Ferramentas de seleção no GIMPshopFerramentas de seleção no GIMPshop
Ferramentas de seleção no GIMPshop
 
Correção de Cores com GIMPshop
Correção de Cores com GIMPshopCorreção de Cores com GIMPshop
Correção de Cores com GIMPshop
 
Crop, Scale e Resize no GIMPshop
Crop, Scale e Resize no GIMPshopCrop, Scale e Resize no GIMPshop
Crop, Scale e Resize no GIMPshop
 
Alguns Retratos Famosos
Alguns Retratos FamososAlguns Retratos Famosos
Alguns Retratos Famosos
 
Retratos
RetratosRetratos
Retratos
 
Câmeras, Equipamentos e a Nikon D40
Câmeras, Equipamentos e a Nikon D40Câmeras, Equipamentos e a Nikon D40
Câmeras, Equipamentos e a Nikon D40
 
Mancadas No Uso Do Photoshop
Mancadas No Uso Do  PhotoshopMancadas No Uso Do  Photoshop
Mancadas No Uso Do Photoshop
 
FormaçãO Da Imagem Digital E TéCnicas De ComposiçãO
FormaçãO Da Imagem Digital E TéCnicas De ComposiçãOFormaçãO Da Imagem Digital E TéCnicas De ComposiçãO
FormaçãO Da Imagem Digital E TéCnicas De ComposiçãO
 

Último

PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdfPLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdfProfGleide
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...LuizHenriquedeAlmeid6
 
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxEVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxHenriqueLuciano2
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...nexocan937
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAlexandreFrana33
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024GleyceMoreiraXWeslle
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdfCarlosRodrigues832670
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxGislaineDuresCruz
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxJMTCS
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaFernanda Ledesma
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terraBiblioteca UCS
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoCelianeOliveira8
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfmarialuciadasilva17
 
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?MrciaRocha48
 
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptxAula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptxpamelacastro71
 
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileirosMary Alvarenga
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxconcelhovdragons
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREIVONETETAVARESRAMOS
 
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAAVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAEdioFnaf
 

Último (20)

PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdfPLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdf
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
 
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxEVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
 
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
 
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptxAula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
 
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
 
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAAVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
 

COMUNICAÇÃO PÚBLICA E POLÍTICA

  • 2.  Os estudos recentes de comunicação pública têm embasado as principais diferenças entre comunicação pública, governamental e política. A propósito Jorge Duarte (2011, p.126), ao situá-la em um contexto mais amplo, deixa claras essas delimitações. “Comunicação governamental trata dos fluxos de informação e padrões de relacionamento envolvendo o executivo e a sociedade”. Quanto à comunicação política, essa “diz respeito ao discurso e à ação na conquista da opinião pública em relação a ideias ou atividades que tenham relação como poder”. Já “a comunicação pública se refere à interação e ao fluxo de informação vinculados a temas de interesse coletivo”. RECAPITULAÇÃO COMUNICAÇÃO PÚBLICA - CONCEITO
  • 3. MUDANÇAS NA ESFERA POLÍTICA  Há, em primeiro lugar, portanto, a constituição de um modelo social de esfera de visibilidade e de cognição coletivas profundamente vinculado à comunicação de massa, que pouco a pouco foi se tornando predominante em um grande número de sociedades. Mudada, então, a infra-estrutura da comunicação política, parece natural que tal alteração tenha incidido significativamente sobre o funcionamento da arte política e provocado alterações importantes nas habilidades que ela demanda e nas competências que solicita [WG].
  • 4. ASPECTOS DA TRANSFORMAÇÃO NA ESFERA POLÍTICA  1) os agentes políticos (mesmo aqueles da sociedade civil) passaram a atuar em grande parte para a esfera de visibilidade pública controlada pela comunicação, principalmente quando se deu o advento do predomínio da televisão, que exigiu da esfera política a formação de novas competências e habilidades de comunicação com efeitos consideráveis sobre as rotinas de atividades e sobre o sistema de valores tradicionais da esfera política;  2) as estratégias eleitorais em particular e as estratégias políticas em geral passaram a supor um ambiente de recepção da política centrada no consumo de imagens públicas. Com isso, os procedimentos de produção e circulação de imagens e de disputa pela imposição das imagens predominantes deslocam-se em direção ao centro da atividade estratégica da política (Gomes 1999; Newman 1999; Just e Crigler 2000; Nakajima 2001; Barnhurst e Steele 1997; Druckman 2003);
  • 5. ASPECTOS DA TRANSFORMAÇÃO NA ESFERA POLÍTICA  3) cálculos de eficiência forçam, então, a esfera política a recorrer a competências e a habilidades técnicas do marketing, da sondagem de opinião, das consultorias de imagem, das análises de opinião pública e das assessorias de comunicação (Scammell 1999; Novotny 2000; Esser, Reinemann e Fan 2000 e 2001; Plasser 2001; Farrell, Kolodny e Medvic 2002; Lilleker & Negrine 2002; Negrine & Lilleker 2002; Palmer 2002; Medvic 2003). O que gera efeitos de duas naturezas sobre a esfera política: de um lado, parte da energia dedicada às atividades tradicionais da política passou a ser empregada com a produção de uma comunicação política eficaz; de outro, formaram-se, no interior da esfera política, verdadeiras colônias de profissionais de comunicação e gestão política, cuja assimilação ao tecido político não se dá sem conflitos, rearranjos e rejeições;  4) o discurso político se reformata segundo a gramática do audiovisual, de acordo com as fórmulas de exibição e de narração próprias do universo da comunicação de massa e conforme as demanda de entretenimento própria da instância da clientela dos serviços industriais da comunicação e da cultura (Barney 2001).
  • 6. CONSEQUÊNCIAS DAS TRANSFORMAÇÕES NA ESFERA POLÍTICA  1) a mudança, real ou presumida, do alcance dos valores ideológicos no embate político e na caracterização das posições em disputa;  2) a alegada perda contínua de importância de se apresentar idéias, discutir conceitos e expor e disputar programas políticos numa comunicação política que se dirige imediatamente a um público de massa cuja maior parte estaria interessada basicamente em entretenimento, curiosidades, espetáculos e competições;  3) a reiterada presunção de transfiguração dos valores públicos democráticos, por força dos mecanismos da comunicação de massa;  4) o campo político se torna cada vez mais profissional, técnico, científico e a comunicação política de massa supõe planejamento, previsão e controle. O que o agente político diz e faz e o modo como ele se apresenta precisa acompanhar um script profissionalmente estabelecido e orientado por cálculos de eficiência - há cada vez menos espaço para o amadorismo (Johnson 2001), para a precariedade da organização, para a improvisação e para a espontaneidade. Busca-se controlar o acaso e estabelecer previsões e providências. A sondagem, a pesquisa, a análise produzem o tempo todo saberes que permitem a antevisão e a intervenção do artifício com vistas ao sucesso político (Lewis 1999; Daschmann 2000; Medvic 2003). Até mesmo as agendas, isto é, o sistema das prioridades sociais que o público acredita serem as suas, podem ser conduzidas e controladas (McCombs et al. 1998; McCombs & Ghanem 2001);  5) por fim, a tão propalada crise da política de partidos (Zaller 1999; Sarti 2000; Ware 1988; Plasser 2001).
  • 7. MARKETING POLÍTICO  Shama (1976) define Marketing Politico como sendo "o processo pelo qual candidatos e ideias politicas sao dirigidas a eleitores a fim de satisfazer suas necessidades politicas e, dessa forma ganhar seu apoio  Para Lindon (1976), Marketing Político e "um conjunto de teorias e métodos de que se podem utilizar as organizações políticas e poderes públicos, ao problema de conquistar um numero suficiente de elei- mesmo tempo para definir seus objetivos e programas e para influenciar o comportamento de seus cidadões.
  • 8. DESDOBRAMENTOS  Vinculação Ideológica  Enquadramento (percepção de atributos ao invés de apenas pertinência)  Two Step Flow (efeito em dois tempos)