Favela nova

435 visualizações

Publicada em

Aula sobre a formação das favelas no Brasil

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
435
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Favela nova

  1. 1. Problemas Urbanos do Brasil “A Favela” Marcelo Caetano Versão beta 001
  2. 2. O que é favela? • Local com mais de 51 moradias irregulares (IBGE). • Associa-se sempre aos locais insalubres, com moradias precárias.
  3. 3. O que é favela? • A expressão surge em alusão ao Morro da Favela – Bahia. • Ocupação do Morro da Providência – RJ, fim do século XIX; • Ocupações irregulares – crescem pós abolição da escravatura.
  4. 4. O que é favela? • Ocupações irregulares que crescem no RJ no começo do Séc. XX; • O “bota abaixo” de Pereira Passos; • Demoliu cerca de 1600 prédios do centro do Rio.
  5. 5. “Daí a pouco, em volta das bicas era um zunzum crescente; uma aglomeração tumultuosa de machos e fêmeas. Uns, após outros, lavavam a cara, incomodamente, debaixo do fio de água que escorria da altura de uns cinco palmos. O chão inundava- se. As mulheres precisavam já prender as saias entre as coxas para não as molhar; via- se-lhes a tostada nudez dos braços e do pescoço, que elas despiam, suspendendo o cabelo todo para o alto do casco; os homens, esses não se preocupavam em não molhar o pêlo, ao contrário metiam a cabeça bem debaixo da água e esfregavam com força as ventas e as barbas, fossando e fungando contra as palmas da mão. As portas das latrinas não descansavam, era um abrir e fechar de cada instante, um entrar e sair sem tréguas. Não se demoravam lá dentro e vinham ainda amarrando as calças ou as saias; as crianças não se davam ao trabalho de lá ir, despachavam-se ali mesmo, no capinzal dos fundos, por detrás da estalagem ou no recanto das hortas.”
  6. 6. Gentrificação • Intervenção em espaços urbanos – visando sua valorização; • Origem no inglês gentrification; • Acontece em vários locais do planeta (principalmente após o sec. XIX);
  7. 7. Gentrificação – Reformas Urbanas No Brasil gerou bolsões de excluídos.
  8. 8. Visões da favela (cultura) “Mangueira, teu cenário é uma beleza...que a natureza criou/ O morro com seus barracões de zinco...quando amanhece, que esplendor...” “Eu só quero é ser feliz/ andar tranquilamente na favela onde eu nasci...e poder me orgulhar/ e ter a consciência que o pobre tem seu lugar...”
  9. 9. Visões da favela (cultura) “O Morro do Dendê é ruim de invadir/ Nós com os alemães vamos nos divertir... ...porque no Dendê, vou dizer como é que é/ Aqui não tem mole nem para a DRE... Pra subir aqui no morro até o BOPE treme/ Não tem mole pro exército, para a civil e nem para a PM...”
  10. 10. Problemas sociais e urbanos • As favelas no Brasil sofrem com a marginalização e o descaso do poder público; • Surge o poder paralelo de grandes organizações criminosas;
  11. 11. UPP – Unidades de Polícia Pacificadora • Criadas com o objetivo de instituir policias comunitárias em comunidades carentes do RJ; • Desarticular quadrilhas; • Dificultar o trabalho do tráfico de drogas; • Tem boa aceitação da opinião pública.
  12. 12. • Favela (Arlindo Cruz) • Entendo esse mundo complexo Favela é a minha raiz Sem rumo, sem tino, sem nexo E ainda feliz. Nem sempre a maldade humana Está em quem porta um fuzil Tem gente de terno e gravata Matando o Brasil acima de tudo • Favela,ô Favela que me viu nascer Eu abro o meu peito e canto o amor por você. Favela,ô Favela que me viu nascer Só quem te conhece por dentro Pode te entender.  O povo que sobe a ladeira Ajuda a fazer mutirão Divide a sobra da feira E reparte o pão.  Como é que essa gente tão boa É vista como marginal Eu acho que a sociedade Tá enxergando mal...

×