Sua empresa é o que posta
Conteúdo humanizado nas redes sociais
por Márcio Coutinho
Relacionamentos demandam um grau de af...
de meio milhão de visualizações em uma semana de postado e foi amplamente
comentada pela mídia. É um tipo de ação inovador...
relacionamento mais próximo e mais humano por parte das empresas, com
transparência e orientado para seus próprios valores...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Sua empresa é o que posta - Conteúdo humanizado nas redes sociais

329 visualizações

Publicada em

As redes sociais modificaram a forma como nos comunicamos com as marcas e o novo desafio é ter uma história para contar, com um conteúdo que seja compartilhável.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
329
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Sua empresa é o que posta - Conteúdo humanizado nas redes sociais

  1. 1. Sua empresa é o que posta Conteúdo humanizado nas redes sociais por Márcio Coutinho Relacionamentos demandam um grau de afinidade entre as partes para se constituir uma ligação afetiva e uma interação. Sentimentos e relações ocorrem entre pessoas e marcas, visto que identificamos nelas características comportamentais e emocionais. Levamos em conta sua história, personalidade, valores e ideias compatíveis com as nossas. As marcas querem se tornar pessoas e as pessoas querem se tornar marcas. A concepção de uma personalidade é uma estratégia de comunicação bem eficiente para se obter lembrança de marca, porque dissemina de uma maneira muito mais natural uma mensagem entre o seu público. As redes sociais modificaram a forma como nos comunicamos com as marcas e o novo desafio é ter uma história para contar, com um conteúdo que seja compartilhável. Ações que buscam uma humanização da marca começam a surgir com mais frequência e fazem com que os usuários se identifiquem com seu enredo. Com isso passam a ser compartilhadas, pois realmente emocionam e se distanciam da estratégia de marketing global cujo objetivo final é a venda dos produtos ou serviços da marca. O Hospital Amaral Carvalho em Jaú, interior de São Paulo, considerado referência em oncologia infantil no Brasil, desenvolveu uma solução inovadora em redes sociais para diminuir a solidão de crianças isoladas para tratamento. A agência DM9Rio em parceria com a empresa FOM, fabricante de travesseiros, brinquedos e almofadas com material antialérgico e também com uma empresa de tecnologia de Belo Horizonte, desenvolveram o Ursinho Elo. As crianças internadas ganharam o brinquedo especial que possibilita conectá- los diretamente com os seus círculos afetivos. Basta apertar a mão do ursinho para ouvir mensagens de voz enviadas por familiares e amigos através do WhatsApp, que são reproduzidas por caixas de som acopladas dentro do boneco. Divulgada inicialmente na fanpage do hospital, a ação invadiu as redes sociais e o vídeo divulgado no canal da instituição no YouTube alcançou mais
  2. 2. de meio milhão de visualizações em uma semana de postado e foi amplamente comentada pela mídia. É um tipo de ação inovadora que utiliza a rede social como plataforma de um produto que é desenvolvido estritamente com a função de ajudar e aproximar pessoas. Elaboradas para emocionar e serem compartilhadas, estas histórias realmente marcam e nos levam a reflexões. Os consumidores tem esperado que as empresas se envolvam ativamente no progresso do bem estar coletivo e trabalhem para resolver os desafios sociais. Esse é um exemplo de ação que mostra como é importante as empresas gerarem conteúdo humanizado nas redes e se comportarem utilizando a marca como um espelho que reflete o estilo de vida e os valores dos consumidores. As características, o caráter, padrão de comportamento e emoções, traçam uma personalidade da marca baseada nessas percepções, fazendo com que guardemos impressões fortes e também expressemos sentimentos intensos. Humanizar significa personalizar e o objetivo de uma empresa estar nas redes sociais é criar um relacionamento forte e duradouro com o público. Nesse aspecto, cabe às empresas criarem soluções voltadas à humanizarem suas marcas, dando real atenção a construção de uma personalidade na web. A geração de conteúdo humanizado cria cenários favoráveis para a construção de opiniões positivas sobre a marca e torna a relação com as pessoas mais intensa e verdadeiramente social. Conteúdo institucional não motiva relacionamento. O usuário em geral não interage com as publicações das marcas nas redes pois não sentem-se identificados com esse tipo de conteúdo corporativo demais. As pessoas não consideram essa uma relação de troca e esse é um dos motivos do baixo engajamento espontâneo e a falta de interação construtiva nos canais, pois as pessoas sentem falta da parte humana desta relação. O ambiente de comunicação nas redes mudou e estabelecer relações interpessoais e sentimentos humanos faz com que a personalidade e as atitudes da empresa transpareçam muito mais resultando consequentemente em um menor esforço de mídia. Este estilo de marketing com viés mais social traz benefícios à imagem das empresas, e mais do que isso, cria o reconhecimento por parte do público de que a marca mais humana se difere das outras. As pessoas estão mais informadas, exigentes e demandam um
  3. 3. relacionamento mais próximo e mais humano por parte das empresas, com transparência e orientado para seus próprios valores. Desta forma elas buscam estar engajadas de alguma forma a ações que estimulem a solidariedade, e que possibilite aproximação e troca de experiências onde podem ser construídos fortes elos de encantamento, engajamento e fidelização. A comunicação lida com interações entre as pessoas, e as redes sociais vem para enriquecê-las. É fundamental dentro deste contexto conseguir aliar projetos como esse, que além de ser interessante e inovador, gera muita mídia espontânea para a marca e demonstra que a humanização de conteúdo é possível se juntarmos tecnologia e social media. A humanização da marca, é tida como diferencial e certamente traz resultado positivo para quem a utiliza, e casos de sucesso como esse no mercado comprovam isso. Certamente é um case emblemático desta forma de discurso de comunicação nas redes, onde as marcas também podem introduzir conceitos e experiências que revelam mais sobre seus interesses, sem desviar de seus valores, objetivos e princípios.

×