Sesmt/Sipat

2.239 visualizações

Publicada em

Trabalho referente ao Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e Medicina do Trabalho. Trabalho apresentado no 5º período da turma de Administração, Faculdade Uniron - Porto Velho/RO

Publicada em: Educação
1 comentário
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Cartilha SESMT - Serviços Especializados em Segurança e Medicina do Trabalho. Vamos trabalhar o SESMT da sua Empresa ou Obra? O EPI é por minha conta, essa é nossa política de responsabilidade. Entregue o SESMT da sua Empresa ou Obra para quem entende. É GRÁTIS, BAIXE AQUI http://www.sesmt.net.br http://vocaroo.com/i/s1Z2hmqgdyLu https://youtu.be/-fJRKr4T8F8 http://www.segurancadotrabalhoja.com.br
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.239
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
186
Comentários
1
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Sesmt/Sipat

  1. 1. Administração de Pessoas II Professora: Auristela Curso: Administração Turma: 5º Período - Noite Alunos: Leide Daiane Lucélia Miranda Maiara Manoel Gomes Mara Duran
  2. 2. SESMT Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho
  3. 3. Fundamentação Legal e Técnica - Art. 162 da CLT. “Art. 162. As empresas, de acordo com normas a serem expedidas pelo Ministério do Trabalho, estarão obrigadas a manter serviços especializados em segurança e em medicina do trabalho.” - NR 04 – Serviços Especializados em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho
  4. 4. Conceito • Conjunto de ações, medidas e programas previstos em normas e regulamentos, além daqueles desenvolvidos por livre iniciativa da empresa.
  5. 5. Para que serve o SESMT? • Compete ao SESMT esclarecer os empregados dos riscos no ambiente de trabalho e promover ações para previni-los, neutralizá-los ou eliminá-los.
  6. 6. Quais os tipos de SESMT? 1. Privado ou Exclusivo:  Empresas enquadradas no Quadro II NR-4. 2. Centralizado:  Diferentes estabelecimentos, da mesma empresa. 3. Comum:  Diversas empresas. 4. Externo:  Aquelas empresas que não são obrigadas a manter um SESMT.
  7. 7. Objetivo do SESMT • Aplicar as melhores Práticas Prevencionistas; • Apurar acontecimentos; • Atuar para que as medidas sejam respeitadas; • Responder as Entidades de Fiscalização.
  8. 8. Benefícios do SESMT • Desenvolvimento da Cultura Prevencionista; • Orientar; • Condições ambientais; • Clima organizacional; • Motivação; • Otimização; • Contribui para uma melhor qualidade de vida.
  9. 9. Composição SESMT • É composto por uma equipe de profissionais da saúde, que ficam dentro das empresas para proteger a integridade física dos trabalhadores. – Médico do Trabalho; – Engenheiro de Segurança do Trabalho; – Enfermeiro do trabalho; – Auxiliar de Enfermagem do Trabalho; – Técnico de Segurança do Trabalho.
  10. 10. • Médico do trabalho: – Consultas e atendimentos médicos; – Tratamento de pacientes e clientes; – Coordena programas e serviços de saúde, pericia, auditoria e sindicância médica. • Engenheiro de Segurança do Trabalho: – Gestão de Segurança e Saúde Ocupacional; • Enfermeiro do Trabalho: – Atua em procedimentos de enfermagem de maior complexidade e prescreve ações, realiza a rotina receitada pelo médico.
  11. 11. • Auxiliar de Enfermagem do trabalho: – Trabalham em conformidade às boas práticas, normas e procedimentos de biossegurança; – Realizam registros e elaboram relatórios técnicos; – Desempenham atividades e realizam ações para promoção da saúde do trabalhador. • Técnico de Segurança do Trabalho: – Elaboram, participam da elaboração e implementam política de saúde e segurança no trabalho; – Realizam auditoria, acompanhamento e avaliação na área; – Identificam variáveis de controle de doenças, acidentes, qualidade de vida e meio ambiente.
  12. 12. Quando é necessário? • Artigo 4.1 da NR 04 - Todas as Empresas privadas e públicas, os órgãos públicos da administração direta e indireta e dos poderes Legislativo e Judiciário - Que possuem Empregados Celetistas
  13. 13. SESMT – Como dimensionar 1. Identificar o grau de risco 2. Relacionar o grau de risco com o número de funcionários
  14. 14. Identificando grau de risco Identificar atividade da empresa Grau de risco
  15. 15. Grau de risco x Nº de funcionários
  16. 16. Dificuldades encontradas pelo SESMT • Financeiras, por parte da empresa; • Desconhecimento das características da Empresa (política, metas empresariais, etc); • Despreparo técnico/científico.
  17. 17. Fatores de fracasso do SESMT • Mal posicionamento do SESMT no organograma; • Remunerar mal a equipe; • Isolar o SESMT; • Não existir investimento na atualização profissional do SESMT.
  18. 18. Nenhum trabalho ou tarefa é tão importante que não possa ser feito com segurança!
  19. 19. O importante é a segurança no trabalho!!!
  20. 20. O que é SIPAT ? A sigla SIPAT significa Semana Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho. Esse é o nome dado a uma semana de atividades voltadas para prevenção de acidentes de trabalho e doenças ocupacionais.
  21. 21. Legislação • Está prevista na Portaria nº 3.214, NR-5, item 5.16 “Atribuições da CIPA - letra O: – “Promover anualmente em conjunto com o Serviço Especializado em Segurança e Medicina do Trabalho (SESMT), a Semana Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho –SIPAT”.
  22. 22. Objetivo da SIPAT Tem como finalidade básica divulgar, orientar e promover a prevenção de acidentes, segurança e saúde no trabalho.
  23. 23. Características da SIPAT • Acontece anualmente; • Não existe um numero mínimo de funcionários para que aconteça; • Serve como fator de integração entre CIPA, funcionários da empresa e SESMT; • Pode tratar alguns comportamentos específicos dentro da empresa, ex: alcoolismo, drogas e tabagismo; • Flexibilidade nas abordagens dos temas.
  24. 24. Como realizar uma Sipat • Assuntos relacionados com saúde e segurança do trabalho; • Interatividade dos funcionários, envolvendo também, diretores e gerentes; • Não deve ser vista apenas como cumprimento da legislação; • Promover palestras, peças teatrais, ginástica laboral; • Alguns tipos de exames, tais como: Testes de glicemia e aferição da pressão arterial, fonoaudiólogo, exames de vista, exames odontológicos, avaliações nutricionais, entre outros.
  25. 25. CONCLUSÃO A SIPAT não deve ser encarada como “uma simples semana de palestras e eventos” e sim, como uma porta de entrada de informações e orientações para garantir o principal patrimônio de todos: A SAÚDE.

×