www.mamfnews.tk Página 1
A Influencia das Cruzadas na Ciencia
As cruzadas influenciaram o mundo científico, em vários fato...
www.mamfnews.tk Página 2
Saiba mais
Projeto Apollo
O Projeto Apollo (Projecto Apollo
- Project Apollo - Projecto Apolo)
fo...
www.mamfnews.tk Página 3
Crônicas
O Viajante
Estava caminhando numa
estrada de terra, num Sol
forte, a terra quente, com
s...
www.mamfnews.tk Página 4
estava muito interessado,
naquela moldura e, Ângela
uma das mulheres decidiu
saber oque era o int...
www.mamfnews.tk Página 5
- É um objeto que
possibilita-nos ver como nós
somos na realidade. E ofereci
isto a vocês, pois a...
www.mamfnews.tk Página 6
cargo e se casasse com
Heloise com quem tem
outros filhos. E algo
importante acontece pois ao
env...
www.mamfnews.tk Página 7
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Revista o índio

239 visualizações

Publicada em

Revista de Historia.

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
239
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
119
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Revista o índio

  1. 1. www.mamfnews.tk Página 1 A Influencia das Cruzadas na Ciencia As cruzadas influenciaram o mundo científico, em vários fatores: o avanço na produção de armas para o uso na defesa, o avanço na medicina com o desenvolvimento de melhores técnicas de tratamento dos feridos nas batalhas, e também a exploração de recursos naturais e em consequência a descoberta de curas para varias doenças. Este foi um evento de grande importância para os avanços da ciência na idade média, já que muitos dos avanços gregos tinham se perdido, a idade média foi se recuperando aos poucos, com as descobertas científicas. Foi com essa visão que sábios medievais se lançaram em busca de explicações para os fenômenos do universo e conseguiram avanços importantes em áreas como a metodologia científica e a física. Esses avanços foram repentinamente interrompidos pela peste negra e são virtualmente desconhecidos pelo público contemporâneo, que muitas vezes ainda está preso ao rótulo do período medieval como uma suposta "Idade das Trevas". Com avanços científicos, e em muitas vezes religiosos, já que as cruzadas foram batalhas comandadas pela igreja, com o objetivo de recuperar a terra santa ocupada pelos turcos muçulmanos. Em que foram registradas oito cruzadas, sendo que duas não chegaram na Terra Santa, um exemplo foi a 4°, que desviou o caminho para atacar os cristãos ortodoxos.
  2. 2. www.mamfnews.tk Página 2 Saiba mais Projeto Apollo O Projeto Apollo (Projecto Apollo - Project Apollo - Projecto Apolo) foi um conjunto de missões espaciais coordenadas pela Nasa (agência espacial dos Estados Unidos) entre 1961 e 1972 com o objetivo de colocar o homem na Lua. O projeto culminou com o pouso da Apollo 11 no solo lunar em 20 de julho de 1969. A missão incluiu onze voos tripulados (até a Apollo 7, todas as missões foram não tripuladas). Inclui-se aí o que ficou conhecido como "Apollo 1", em homenagem aos astronautas Virgil "Gus" Ivan Grissom, Edward Higgins White II e Roger Bruce Chaffee, que morreram no solo em um incêndio, dentro da cabine de comando. O objetivo de explorar a Lua foi abandonado em dezembro de 1972, com o voo da Apollo 17. Os motivos para esta decisão foram tanto a falta de verbas, cortadas pelo congresso americano, quanto o desinteresse da opinião pública estadunidense com o projeto. Ainda que tenha havido três missões tripuladas Skylab que usaram a nave Apollo e uma missão Apollo 18 (Apollo-Soyuz), estas não tinham como objetivo chegar à Lua. A nave Apollo foi abandonada em 1975 em detrimento do uso de um veículo reutilizável (o Ônibus Espacial; em Portugal: Vaivém Espacial), que voaria pela primeira vez em 1981. Em 2005 a NASA anunciou a retomada das viagens à Lua utilizando naves semelhantes às naves Apollo em substituição aos ônibus espaciais.
  3. 3. www.mamfnews.tk Página 3 Crônicas O Viajante Estava caminhando numa estrada de terra, num Sol forte, a terra quente, com seu carrinho de mão rangendo ao longo da estrada, ia assim o viajante com sua camisa remendada, sua sandália Havaiana®, seu chapéu de couro, de forma muito simples este individua ia, caminhando e vendendo coisas, coisas estas que comprava em grandes cidades da região e vendia em pequenas, vilas, sítios, e povoações, que encontrava no caminho da estrada, que caminhava. Chegava a vilas pequenas, muito pequenas, e assim vendia suas, “coisas”, coisas estas que de tão simples, encantavam a quem comprava. E de um encanto como este que o mais lhe surpreende. Foi também numa pequena vila, de no máximo mil habitantes, que ele vendeu uma moldura que provocou muitas perguntas. Estava como sempre viajando na estrada, quando avistou de longe uma pequena vila, e como sempre vende suas coisas para os habitantes do local, ele chegou a uma casa com duas mulheres e um homem. Vende as duas, dois vestidos, e para o homem uma Moldura simplesmente, foi muito rápido o homem pagou tudo e o viajante foi embora. Em pouco, as duas mulheres estavam lavando roupas e perceberam, olhando pela janela que Fabio, ou seja, o homem
  4. 4. www.mamfnews.tk Página 4 estava muito interessado, naquela moldura e, Ângela uma das mulheres decidiu saber oque era o interesse de Fabio. Quando Fabio foi comprar pão, Ângela e Rosa, foram ver o que tinha de tão interessante na moldura, entraram no quarto de Fabio, abriram o Guarda Roupas e, procuraram o objeto. Encontraram logo depois e foram para um lugar bem claro para ver o que avia de tão interessante, Ângela olhou e viu uma pessoa jovem no objeto, e como Ângela era noiva de Fabio ficou desconfiada, Rosa também ficou preocupada, pois ela é mão de Fabio e também olhou a moldura e viu uma pessoa velha e disse para Ângela: - Mas esta aqui é uma pessoa velha demais para Fabio, Ângela Em pouco tempo Fabio chegou e assim começou a confusão: (Ângela) – Fabio oque vê nesta moldura que o deixa tão interessado? (Fabio) - Uma pessoa muito parecida com meu pai! (Ângela e Rosa) – Como isso é possível, não tem como isso acontecer - Eu vejo uma pessoa nova- E eu uma pessoa velha! E decidiram aguardar até o Caixeiro Viajante voltar à vila para resolver o caso. Dois meses depois ouviram o caixeiro, voltando à vila, rapidamente foram até ele e perguntaram o porquê de verem várias pessoas na moldura, ele respondeu de forma simples e clara: - É um espelho - Um espelho? O que é um espelho? (perguntaram)
  5. 5. www.mamfnews.tk Página 5 - É um objeto que possibilita-nos ver como nós somos na realidade. E ofereci isto a vocês, pois achei que poderiam se ver no espelho, já que compraram os vestidos. E assim o viajante resolveu o problema que causou a pequena vila. Nôssô Municípiô: Vida e obra de Graciliano Ramos: Graciliano Ramos um famoso escritor nascido em 1892 na pequena cidade de Quebrangulo em Alagoas mas lá passou pouco tempo pois logo sé dirigir para a fazenda de seu pai . Mas depois sua família sé muda para Viçosa Alagoas. Em 1904 publica no jornal "O Dilúculo" o conto "O Pequeno pedinte" jornal do internato onde estudava, e em 1905 se muda para Maceió onde passa a estudar no colégio Quinze de Março. Começa a publicar sonetos em revista carioca, e vai cuidar da loja comercial de seu pai em Palmeira dos Índios em que passa pouco tempo pois sai em 1914. Mas em 1915 volta a palmeira se casa com Maria Augusta em que ten quatro filhos. E em 1917 assume a loja de tecidos A Sincera, mas Maria Augusta morre em 1920 por problemas no parto. Em 1921 passa a colaborar no Jornal "O Índio" em 1925 começa Caetés. E em 1927 e eleito prefeito de Palmeira dos Índios e em 28 assume o
  6. 6. www.mamfnews.tk Página 6 cargo e se casasse com Heloise com quem tem outros filhos. E algo importante acontece pois ao enviar ao governador os seus dois relatórios tem a chance de publicar Caetés pelo fato de ter ido as mãos de AugustoSchmidt editor que procura Graciliano em busca de outros escritos para publicar e realmente tinha era Caetés. Em 1930 renuncia o cargo de prefeito em 31 demitisse do cargo de diretos. Começa a escrever S.Bernardo. Publica Caetés e inicia Angustia. Em 1936 e preso em Maceió e levado ao Rio de Janeiro, e publica Angustia. Em 37 e libertado e escreve A terra dos Meninos Pelados. Publica Vidas Secas. Em 1940 traduz Memorias de um Negro. E partir de 1941 passa a publicar diversos livros. Em 45 filiasse ao Partido Comunista Brasileiro. Em 1951 e presidente da Associação de escritores Brasileiros. Em 1950 viaja pela União Soviética, Checoslováquia, Franca e Portugal. Em 1953 morre de câncer no pulmão no Rio de Janeiro. Quem sôu eu: Nome: Matheus Araújo Machado de Freitas. Data de Nascimento: 12/07/2000 Apôiô:
  7. 7. www.mamfnews.tk Página 7

×