MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO
SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR
DIRETORIA DE DESENVOLVIMENTO DA REDE IFES
Relatório Anual de Ativid...
Nome dos Bolsistas
Ingresso
na IES
Ingresso
no PET
Período
Letivo
Atual
Coeficiente de
Rendimento
Escolar
Gustavo Zaccaria...
3. ATIVIDADES DESENVOLVIDAS PELO GRUPO
3.1. Ensino/Pesquisa e Extensão
Informar as doze atividades de ensino, pesquisa e e...
Resultados esperados com a atividade:
Espera-se que os calouros ingressem em projetos que a Universidade oferece,
colabora...
Parceiros ou colaboradores da atividade:
Profissionais da área e professores da ESEF/UFPel.
Justificativa para a realizaçã...
Descrição da atividade:
Curso teórico-prático com duração de 12 horas, tendo como conteúdo da parte
teórica uma introdução...
Tema de estudo:
Utilizando a internet na busca de artigos científicos
Cronograma de execução da atividade:
Jan Fev Mar Abr...
Percebeu-se a presença não apenas de graduando, mas também de pós-
graduandos. A riqueza do conteúdo ministrado no momento...
Petianos: Jayne Santos Leite; Otávio Amaral de Andrade Leão; Tiago Silva dos
Santos.
Parceiros ou colaboradores da ativida...
Social da Indústria) da cidade de Rio Grande e Pelotas. Foram entrevistadas três
professoras que atuam com GL no SESI e um...
que elas lançam mão de acordo com as necessidades especifica de cada situação.
Natureza da atividade realizada:
7- Ativida...
A fase da infância e adolescência vem se tornando alvo de investigações, visto por
apresentar-se como um período marcado p...
Jan Fev Mar Abr Mai
X
Jun
X
Jul
X
Ago
X
Set
X
Out
X
Nov
X
Dez
X
Público alvo:
Estudantes universitários com alta aptidão a...
da mensuração de intensidades, pode ser relevante de dois pontos de vista, do
científico, na elaboração de novos protocolo...
Parceiros ou colaboradores da atividade:
Mestrandos da linha de atividade física e saúde da ESEF-UFPel e graduandos da
ESE...
Jan
X
Fev
X
Mar
X
Abr
X
Mai
X
Jun
X
Jul
X
Ago
X
Set
X
Out
X
Nov
X
Dez
X
Público alvo:
Alunos de escolas públicas de 5ª sér...
Os petianos participaram da pesquisa na forma de entrevistadores;
O tutor do grupo é responsável pela coordenação da pesqu...
O grupo PET/ESEF desenvolve uma série de atividades relacionadas ao ensino,
pesquisa e extensão, buscando alternativas que...
Descrição da atividade:
As atividades do NATI dividem-se em núcleos de ginástica, hidroginástica,
musculação, dança e cami...
1. Curso de Treinamento Funcional;
2. Momento Acadêmico;
3. Utilizando a internet na busca de artigos científicos.
4. COND...
4.5. Informe sobre a interação do grupo com o projeto pedagógico do curso de
graduação ao qual está vinculado:
( ) Efetiva...
5.1.1. Considerando as atividades desenvolvidas pelo grupo, relacione, no mínimo,
três atividades desenvolvidas pelo grupo...
- SILVA, L. G. ; SILVA, M. C. . Condições de trabalho e saúde de professores pré-
escolares da rede pública de ensino de P...
- SCHWERTNER, A. C. T. ; SOUZA, A.V. ; RIBEIRO, C. S. ; LEAL, F. S. ; SCHAUN,
G. Z. ; PENNY, J.C. ; MULLER, L. R. ; RICARD...
(Mestrado em Educação Física) - Universidade Federal de Pelotas, Co-Orientador:
Marcelo Cozzensa da Silva.
Iniciação cient...
- Ana Müller Pereira. Perfil e perspectivas de jogadores das categorias sub-13 e sub-
15 de futebol da cidade de Pelotas/R...
Organização de evento
- PEREIRA, F. M. ; SILVA, M. C. . XXXI Simpósio Nacional de Educação Física.
2012
Participação em co...
aos laboratórios de ensino, pesquisa e extensão e ao Diretório Acadêmico os
conhecimentos obtidos pelos integrantes do gru...
pesquisa sobre assuntos afins a disciplina, criação de projetos associados aos
temas ministrados e estímulo a leitura.
5.3...
Outras atividades realizadas:
- Palestra Sobre Alimentação Saudável. Pelotas, RS. 28 de fevereiro de 2013.
- Princípios Pe...
Cunha, Ana Clara Tortelli Schwertner. X Ciência e Cultura, 22 de janeiro de 2014,
Pelotas, RS.
Eventos:
- XXXII Simpósio N...
- X Ciência e Cultura: Ensino, Aprendizagem e Performance Esportiva. Pelotas, RS.
21 e 22 de janeiro de 2014.
- IX Ciência...
- Semana Acadêmica ESEF/UFPel. Pelotas, RS. 22 a 26 de julho de 2013.
- X Ciência e Cultura: Ensino, Aprendizagem e Perfor...
NÍVEL DE CONHECIMENTO DOS INGRESSANTES NO CURSO DE
LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA DA ESCOLA SUPERIOR DE
EDUCAÇÃO FÍSICA. ...
novembro de 2013.
- XXII Congresso de Iniciação Científica da Universidade Federal de Pelotas.
Pelotas, RS. 18 a 22 de nov...
Pelotas, RS.
FORÇA ISOTÔNICA E QUALIDADE DE VIDA EM PRATICANTES DE
BASQUETEBOL EM CADEIRA DE RODAS DA CIDADE DE PELOTAS. X...
- Curso de Treinamento Funcional, com ênfase em Suspenso. Pelotas, RS. 13 de
agosto de 2013.
LAURA RIBEIRO MÜLLER
Eventos:...
Rejane Vieira Guimarães. XXXII Simpósio Nacional de Educação Física, 23 de
novembro de 2013, Pelotas, RS.
ATUAÇÃO DOS ACAD...
- Semana Acadêmica ESEF/UFPel. Pelotas, RS. 22 a 26 de julho de 2013.
- XXXII Simpósio Nacional de Educação Física: Boas P...
INGRESSANTES ESEF/UFPel: ORIGEM DE ENSINO. Jayne Santos Leite,
Marcelo Cozzensa da Silva, Otávio Amaral de Andrade Leão, T...
- XXXII Simpósio Nacional de Educação Física: Boas Práticas em Educação Física
– ESEF/UFPel, Pelotas, RS. 20 a 23 de novem...
RODRIGO WILTGEN FERREIRA
Pôsteres/banners:
NÍVEL DE ATIVIDADE FÍSICA NO LAZER DE ESTUDANTES NO ENSINO MÉDIO
DO INSTITUTO F...
Ribeiro, Rodrigo Wiltgen Ferreira, Adriana Schüller Cavalli. Revista Licere, v. 16, p.
1-12, 2013.
Eventos:
- IX Congresso...
INGRESSANTES NO CURSO DE LICENCIATURA NOTURNO DA ESEF/UFPEL.
Jayne Santos Leite, Marcelo Cozzensa da Silva, Otávio Amaral ...
Pelotas, RS. 18 a 22 de novembro de 2013.
- XXXII Simpósio Nacional de Educação Física: Boas Práticas em Educação Física
–...
Assinatura do representante dos Alunos, escolhido pelo Grupo:
Misael Aguiar da Cunha
6 Anexos:
6.1 Outras pesquisas desenv...
palestras e mesas redondas e como apresentadores de trabalho (para aqueles os
quais tiveram trabalhos aprovados na forma o...
Participações em Grupos de Estudos e Laboratórios
Os petianos da ESEF foram, mais uma vez, estimulados a se inserir em gru...
nutrição e desempenho e nutrição e saúde. O curso de Treinamento Funcional –
ênfase em Suspensos – abordou as bases do tre...
- Respostas bioquímicas, fisiológicas e psicológicas a dois protocolos de treinamento
intervalado de alta intensidade; (fi...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Relatório 2013

470 visualizações

Publicada em

Relatório

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
470
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Relatório 2013

  1. 1. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DIRETORIA DE DESENVOLVIMENTO DA REDE IFES Relatório Anual de Atividades – 2013 (01 de março de 2013 a 31 de dezembro de 2013) 1. IDENTIFICAÇÃO 1.1. Instituição de Ensino Superior: Universidade Federal de Pelotas (UFPel) 1.2. Grupo: Educação Física 1.3. Home Page do Grupo: http://wp.ufpel.edu.br/esef/pagina-exemplo/pet/ 1.4. Data da Criação do Grupo: 1991 1.5. Tema (somente para os grupos criados a partir dos lotes temáticos): 1.6. Curso de graduação ao qual o grupo está vinculado: Educação Física 1.7. Habilitação oferecida pelo curso de graduação ao qual o grupo está vinculado: ( ) Licenciatura ( ) Bacharelado ( x ) Licenciatura e Bacharelado 1.8. Nome do Tutor: Marcelo Cozzensa da Silva 1.9. E-Mail do Tutor: cozzensa@terra.com.br 1.10. Titulação e área: Professor Doutor em Epidemiologia (UFPel) 1.11. Data de ingresso do Tutor (mês/ano): Outubro de 2011 1.12. Interlocutor do PET na IES: Carla Rosane Carret Machado 1.13. E-Mail do Interlocutor: calicarosane@gmail.com 1.14. Pró-Reitor de Graduação: Fabiane Tejada da Silveira 1.15. E-Mail do Pró-Reitor de Graduação: ftejadadasilveira@ig.com.br 2. INFORMAÇÕES SOBRE OS BOLSISTAS E NÃO BOLSISTAS: 2.1. Quadro de identificação: Especificar o mês/ano de ingresso no curso de graduação da IES e no programa PET, o período letivo que está cursado e o coeficiente de rendimento escolar relativo ao último período letivo cursado, conforme quadro abaixo.
  2. 2. Nome dos Bolsistas Ingresso na IES Ingresso no PET Período Letivo Atual Coeficiente de Rendimento Escolar Gustavo Zaccaria Schaun 25/03/2010 03/03/2011 8º Semestre 9,3 Laura Ribeiro Müller 25/03/2010 03/03/2011 8º Semestre 9,6 Pâmela Xavier Alves 25/03/2010 03/03/2011 8º Semestre 8,9 Rodrigo Wiltgen Ferreira 25/03/2010 03/03/2011 8º Semestre 9,2 Ana Clara Tortelli Schwertner 10/03/2011 01/03/2012 7º Semestre 9,5 Joubert Caldeira Penny 10/03/2011 01/03/2012 6º Semestre 8,7 Misael Aguiar da Cunha 10/03/2011 01/03/2012 6º Semestre 8,4 Danilo Luis Santos Oliveira 5º Semestre 9,2 Alexsander Neitzke Mendes 4º Semestre 9 Jayne Santos Leite 4º Semestre 9,2 Tiago Silva dos Santos 4º Semestre 9,3 Nome dos Não Bolsistas Ingresso na IES Ingresso no PET Período Letivo Atual Coeficiente de Rendimento Escolar Otávio Amaral de Andrade Leão 8,6 Luan Aldávio Loeck 10/03/2011 27/08/2012 4º Semestre Desligado* Pedro Souza Duarte 10/03/2011 27/08/2012 4º Semestre Desligado* * Desligamento dos alunos foi motivado por realização de Intercâmbio. 2.2. Em caso de declínio no rendimento acadêmico do grupo e/ou de um bolsista ou não-bolsista em particular, justifique.
  3. 3. 3. ATIVIDADES DESENVOLVIDAS PELO GRUPO 3.1. Ensino/Pesquisa e Extensão Informar as doze atividades de ensino, pesquisa e extensão consideradas mais relevantes. Natureza da atividade realizada: 1- Atividade de Ensino Tema de estudo: Palestra de Recepção dos Calouros da ESEF/UFPel Cronograma de execução da atividade: Jan Fev Mar Abr X Mai X Jun Jul Ago Set X Out X Nov Dez Público-alvo: Alunos Ingressantes nos cursos de Licenciatura e Bacharelado em Educação Física. Descrição da atividade: Palestra realizada semestralmente ao inicio letivo de cada turma ingressante na ESEF abordando a importância da tríade da universidade (ensino, pesquisa e extensão), bem como apresentar os espaços (laboratórios) que a unidade proporciona para a realização destas ações. Promotores da atividade: Grupo PET-ESEF/UFPel. Parceiros ou colaboradores da atividade: Professores da ESEF/UFPel. Justificativa para a realização da atividade: O evento justifica-se por oportunizar informação e inserção do aluno dentro dos diversos espaços da ESEF/UFPel. Boa parte dos alunos, quando ingressantes, não conhecem as diversas chances que lhes são oferecidas, tais como projetos de extensão, laboratórios de pesquisa e grupos de estudos, bem como o funcionamento de espaços como Colegiado, Secretaria, entre outros. Por tais motivos, o grupo elaborou uma palestra a fim de esclarecer o funcionamento geral da unidade de ensino.
  4. 4. Resultados esperados com a atividade: Espera-se que os calouros ingressem em projetos que a Universidade oferece, colaborando assim com laboratórios e melhorando a própria qualificação e formação acadêmica. Estima-se que os alunos entendam o papel e a importância de tais projetos, tanto para a sua graduação quanto para a melhora da qualidade de vida da população que desfruta de extensões e pesquisas ofertadas pela ESEF/UFPel. Resultados alcançados com a atividade: Boa adesão de alunos ingressantes na Universidade em laboratórios e projetos da unidade contribuindo para o funcionamento dos mesmos, assim como esclarecimento de dúvidas dos calouros sobre os espaços fornecidos pela unidade. Natureza da atividade realizada: 2- Atividade de Ensino Tema de estudo: Ciclo de Palestras - Momento Acadêmico Cronograma de execução da atividade: Jan Fev Mar X Abr X Mai Jun X Jul X Ago Set Out X Nov X Dez Público-alvo: A atividade é direcionada a todos os estudantes da unidade de ensino, sejam eles acadêmicos de graduação ou de pós-graduação (especialização e mestrado) que se interessem pelos assuntos apresentados. Descrição da atividade: No ano de 2013 o Momento Acadêmico buscou novos horizontes, objetivando fomentar experiências e discussões variadas que proporcionem vivências acadêmicas e profissionais aos participantes. A atividade acontece bimestralmente, dividindo-se entre palestras e mesas redondas, sempre buscando assuntos pertinentes ao público-alvo. Promotores da atividade: Grupo PET-ESEF/UFPel.
  5. 5. Parceiros ou colaboradores da atividade: Profissionais da área e professores da ESEF/UFPel. Justificativa para a realização da atividade: O Momento Acadêmico justifica-se pelo teor de experiências relatadas dentro deste espaço. Dentro da graduação de Educação Física, seja ela licenciatura ou bacharelado, o aluno carece de debates que abranjam oportunidades na vida acadêmica e profissional, estando à mercê de seu futuro. Tal evento visa informar aos ouvintes das oportunidades, dificuldades e benefícios de suas vidas como discentes e professores e/ou profissionais, a fim de oferecer novas vivências a todos. Resultados esperados com a atividade: As novas diretrizes da atividade criaram expectativas de alcançar o interesse de todos os alunos da ESEF/UFPel, tornando-o um evento de relativo sucesso no meio acadêmico. Resultados alcançados com a atividade: Oportunidade de novas experiências aos seus ouvintes, aumentando sua preparação e conhecimento para assuntos relacionados à Educação Física; Boa adesão dos futuros M.A.s realizados pelo PET-ESEF; Grande adesão dos alunos, tendo em media 80 pessoas a cada realização. Natureza da atividade realizada: 3- Atividade de Ensino Tema de estudo: Curso de Treinamento Funcional – Ênfase em Suspensos Cronograma de execução da atividade: Jan Fev Mar Abr Mai X Jun X Jul X Ago X Set Out Nov Dez Público alvo: Acadêmicos e profissionais do curso de Educação Física.
  6. 6. Descrição da atividade: Curso teórico-prático com duração de 12 horas, tendo como conteúdo da parte teórica uma introdução ao treinamento funcional, objetivos e benefícios da prática, especificidade de cada aluno, conceito e definições. Nos métodos práticos, foram abordadas noções para elaboração de treinos, estrutura e escolhas de exercícios e tipos de exercícios para diferentes populações. Promotores da atividade: Grupo PET-ESEF/UFPel. Parceiros ou colaboradores da atividade: Prof. Ariane Luçardo. Justificativa para a realização da atividade: O treinamento funcional é muito requisitado em tempos atuais pelo fato de trabalhar a individualidade do praticante, fazendo que os treinos sejam voltados para o objetivo do mesmo, levando em conta suas atividades diárias. Cabe ao educador físico saber avaliar as necessidades do indivíduo e aplicar os métodos relacionados ao treinamento funcional. Resultados esperados com a atividade: Ansiou-se que todos os ouvintes adquirissem novos conhecimentos, além de oportunizar novos métodos de treinamento, tanto na área de treinamento funcional como no treinamento com suspensos. Resultados alcançados com a atividade: Tratando-se de uma temática que vem sendo muito utilizada, esperava-se um número maior de participantes, porém os 20 presentes participaram assiduamente, o que fez do curso um evento satisfatório. Tais atividades são totalmente aplicáveis em estágios ou em sua atividade profissional dentro da área de Educação Física, cabendo ao ouvinte fazer o uso do ensinamento que adquiriu. Natureza da atividade realizada: 4- Atividade de Ensino
  7. 7. Tema de estudo: Utilizando a internet na busca de artigos científicos Cronograma de execução da atividade: Jan Fev Mar Abr Mai X Jun X Jul X Ago Set Out Nov Dez Público alvo: Acadêmicos de graduação de pós-graduação de cursos relacionados à área da saúde. Descrição da atividade: Momento teórico com carga horária de 2 horas, consistindo em introduzir tanto para os alunos da graduação quanto da pós-graduação as bases de dados que podem ser utilizadas para procurar artigos científicos, assim como a maneira de busca-los com mais eficiência, independendo do tema. Promotores da atividade: Grupo PET-ESEF/UFPel. Parceiros ou colaboradores da atividade: Prof. Dr. Marlos Rodrigues Domingues. Justificativa para a realização da atividade: O Programa de Educação Tutorial tem como foco fomentar a continuidade do tripé da Universidade, onde ensino, pesquisa e extensão andam juntos. Tal momento visou uma proximidade dos presentes para com as bases de dados mais utilizadas para encontrar artigos científicos. Logo, o evento justifica-se por agregar ensinamentos que os espectadores poderão usar nas mais diversas áreas acadêmicas que necessitam embasamento científico, encontrado nas bases de dados apresentadas. Resultados esperados com a atividade: Espera-se que todos os participantes venham a utilizar tais ensinamentos em sua rotina acadêmica, sabendo filtrar as suas buscas nas bases de dados para que tenham resultados mais efetivos. Resultados alcançados com a atividade:
  8. 8. Percebeu-se a presença não apenas de graduando, mas também de pós- graduandos. A riqueza do conteúdo ministrado no momento levou-nos a conclusão de que foi de extrema importância curricular a realização do mesmo. Natureza da atividade realizada: 5- Atividade de Pesquisa Tema de estudo: Coorte Ingressantes ESEF/UFPel Cronograma de execução da atividade: Jan Fev Mar Abr Mai Jun X Jul X Ago X Set X Out X Nov X Dez X Público alvo: Ingressantes do curso de Educação Física da ESEF/UFPel. Descrição da atividade: A população se dará através dos ingressantes na ESEF/UFPel, a partir de 2013/2, abrangendo as turmas de licenciatura diurno e noturno, além do bacharelado. Para o presente estudo serão utilizados cinco questionários aplicados semestralmente. Para avaliar o nível de atividade física será utilizado o International Physical Activity Questionnaire (IPAQ) proposto pela Organização Mundial de Saúde (1998) versão longa para verificar hábitos alimentares será utilizado o Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional (SISVAN), instrumento do Ministério da Saúde (2008) e recordatório alimentar dos últimos sete dias. Quanto aos aspectos motivacionais e perspectivas profissionais será utilizado um questionário estruturado elaborado pelos pesquisadores, Perfil do Aluno de Graduação em Educação Física (PAGEF) e também a Versão Brasileira do Questionário de Educação à Carreira (QEC) adaptada. Para avaliar o conhecimento sobre a área, foi utilizado um questionário adaptado do Grupo de Estudos de Epidemiologia da Atividade Física na Escola (GEEAF Escola). Responsável direto pela atividade de pesquisa: Orientador: Prof. Dr. Marcelo Cozzensa da Silva;
  9. 9. Petianos: Jayne Santos Leite; Otávio Amaral de Andrade Leão; Tiago Silva dos Santos. Parceiros ou colaboradores da atividade: Justificativa para a realização da atividade: Este estudo será realizado devido à necessidade de analisar o comportamento de graduandos do curso de EF no decorrer de sua formação, visando avaliar o nível de atividade física apresentado no período acadêmico, assim como acompanhar possíveis alterações em seus hábitos alimentares. Também se fez necessária a análise do conhecimento sobre a área, além de verificar possíveis alterações nas perspectivas iniciais dos ingressantes. Resultados esperados com a atividade: Espera-se uma mudança no comportamento alimentar, no nível de atividade física, no conhecimento geral sobre a área, assim como suas perspectivas profissionais. Resultados alcançados com a atividade: Os resultados serão obtidos a partir da segunda coleta de dados. Natureza da atividade realizada: 6- Atividade de Pesquisa Tema de estudo: Práticas e estratégias metodológicas de professoras de ginástica laboral Cronograma de execução da atividade: Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set X Out X Nov X Dez X Público alvo: Professoras de ginástica laboral. Descrição da atividade: O estudo foi desenvolvido a partir da abordagem qualitativa. A delimitação empírica da pesquisa foram as professoras de ginástica laboral vinculados ao SESI (Serviço
  10. 10. Social da Indústria) da cidade de Rio Grande e Pelotas. Foram entrevistadas três professoras que atuam com GL no SESI e uma ex-professora que exerceu a função de orientadora de atividade física (nome do cargo) junto ao SESI por quase sete anos, mas atualmente não está mais nesta função. As entrevistas foram realizadas entre os meses de setembro e novembro de 2013, em locais acertados pela pesquisadora e as entrevistadas. Como instrumentos, foram utilizados entrevistas, semiestruturadas organizadas a partir de um roteiro pré-formulado. O roteiro abarcava questões da formação acadêmica das entrevistadas, questões relacionadas às suas trajetórias profissionais e questões referentes aos seus vínculos e as suas experiências com a GL. Responsável direto pela atividade de pesquisa: Orientador: Prof. Dr. Luiz Carlos Rigo; Petianos: Laura Ribeiro Müller Parceiros ou colaboradores da atividade: Justificativa para a realização da atividade: A iniciativa da pesquisa foi motivada pela vivência prática de um ano realizando estágio curricular na área de GL no SESI. E a importância de pesquisar sobre as práticas pedagógicas e estratégias metodológicas utilizadas pelos professores nas aulas de ginástica laboral é confirmada pela escassez do assunto na produção científica de estudos que abordem especificamente este tema. Resultados esperados com a atividade: Esperava-se conhecer algumas singularidades das práticas dos professores de ginástica laboral que atuam no Serviço Social da Indústria da cidade de Rio Grande e Pelotas; conhecer experiências de profissionais que atuam com ginástica laboral; Ampliar o conhecimento sobre as aulas de ginástica laboral. Resultados alcançados com a atividade: Percebeu-se que tanto as dificuldades como as experiências positivas, contribuíram para qualificar as intervenções pedagógicas. É visível o interesse e a forte afinidade que todas elas possuem com a GL. Não há uma macro metodologia que orienta as aulas, o fazer pedagógico das professoras é constituído por micro metodologias, por estratégias metodológicas que estão coladas as suas experiências pedagógicas,
  11. 11. que elas lançam mão de acordo com as necessidades especifica de cada situação. Natureza da atividade realizada: 7- Atividade de Pesquisa Tema de estudo: Comportamento sedentário de escolares de Pelotas-RS Cronograma de execução da atividade: Jan Fev X Mar X Abr X Mai X Jun X Jul X Ago X Set Out Nov Dez X Público alvo: Estudantes de 5ª série do ensino fundamental ao 3º ano do ensino médio de 56 escolas públicas de Pelotas-RS, participantes do estudo de intervenção denominado Educação Física +. Descrição da atividade: Verificar a proporção de estudantes expostos a comportamento sedentário na cidade de Pelotas-RS e suas associações com sexo, série, idade, nível econômico e nível de atividade física. Este estudo configura-se como descritivo de corte transversal e foi desenvolvido por meio do questionário HELENA, criado validado por Rey-López e colaboradores para um estudo multicêntrico realizado em sete países europeus no ano de 2007. O artigo referente a este estudo será submetido ao Jornal de Pediatria (Qualis B1 em Educação Física). Responsável direto pela atividade de pesquisa: Orientador: Prof. Dr. Mario Renato Azevedo Júnior; Petianos: Dani Luís Santos Oliveira, Jayne Santos Leite; Joubert Caldeira Penny; Misael Aguiar da Cunha; Otávio Amaral de Andrade Leão; Rodrigo Wiltgen Ferreira; Tiago Silva dos Santos Parceiros ou colaboradores da atividade: Mstrn. Luiza Isnardi Cardoso Ricardo; Mstrn. Daniele Kopp; Prof. Igor Lacerda; Prof. Francisco de Assis Furtado Justificativa para a realização da atividade:
  12. 12. A fase da infância e adolescência vem se tornando alvo de investigações, visto por apresentar-se como um período marcado por severas mudanças no estado físico e mental dos indivíduos, tornando-se uma fase de grande risco para a aquisição de doenças Investigações altamente controladas em laboratórios vem confirmando relações entre o comportamento sedentário através da fisiologia. Nesse sentido, estão sendo comprovados que períodos demasiadamente longos de completa inatividade física durante o dia contribuem negativamente em diversos aspectos relacionados ao metabolismo de gorduras, triglicérides, sensibilidade a insulina e função cerebral, quando comparados aos sujeitos que possuem hábitos ativos durante o dia. Dessa forma, torna-se relevante diagnosticar o comportamento sedentário da população jovem a fim de possibilitar o maior entendimento sobre o mesmo. Resultados esperados com a atividade: Entender o comportamento sedentário dos escolares pelotenses, principalmente aqueles ligados a mídias digitais, sendo que se esperava prevalência acima de 50% (ponto de corte em 2 horas diárias que é a recomendação vigente) para esses tipos de comportamentos. Resultados alcançados com a atividade: Foi alta a prevalência de comportamento sedentário apresentada pela amostra variando em torno dos 50%. Meninas parecem ter mais probabilidades de excederem a recomendação de comportamento sedentário; indivíduos de nível econômico mais elevado também parecem ter maiores probabilidades de excederem a recomendação; o uso da internet foi relacionado com o aumento de idade. Natureza da atividade realizada: 8- Atividade de Pesquisa Tema de estudo: Respostas bioquímicas, fisiológicas e psicológicas a dois protocolos de treinamento intervalado de alta intensidade Cronograma de execução da atividade:
  13. 13. Jan Fev Mar Abr Mai X Jun X Jul X Ago X Set X Out X Nov X Dez X Público alvo: Estudantes universitários com alta aptidão aeróbia. Descrição da atividade: Foram avaliados 12 estudantes universitários com alta aptidão aeróbia. As variáveis mensuradas foram: concentração de lactato sanguíneo (imediatamente pré esforço e 3 minutos após), concentração de lactato desidrogenase e creatino quinase (imediatamente pré e 24h após), frequência cardíaca média e de pico (durante todo o processo), percentual da frequência cardíaca pico (durante todo o esforço), percepção subjetiva de esforço (imediatamente após) e percepção subjetiva de prontidão (imediatamente pré esforço). Em uma primeira sessão, os sujeitos foram submetidos à anamnese e protocolo incremental para mensurar a carga relativa a 100% da potência máxima. Na segunda sessão (separada por 1 semana da primeira), os sujeitos foram aleatoriamente alocados em dois protocolos de treino, Tabata ou McRae (o primeiro em ciclo ergômetro à 170% da potência máxima e o segundo com 4 exercícios que envolvem o corpo todo, sendo eles: burpee, jumping jacks, mountain climber e squat and thrusts e em intensidade all-out). Ambos compostos de oito séries de esforço com 20” de duração, alternadas por 10” de recuperação passiva. Duas semanas após, retornavam ao laboratório para realização do protocolo ao qual não haviam sido designados durante a sessão anterior. Responsável direto pela atividade de pesquisa: Orientador: Prof. Dr. Fabrício Boscolo Del Vecchio; Petianos: Gustavo Zaccaria Schaun. Parceiros ou colaboradores da atividade: Prof. Dr. Rafael Bueno Orcy; Mstrn. Léo Dutra Cabistany. Justificativa para a realização da atividade: Devido à falta de tempo se apresentar como um fator limitante para a prática de exercício físico, a identificação de um protocolo que seja semelhante a outro, já utilizado na literatura e que não necessite da utilização de equipamentos caros ou
  14. 14. da mensuração de intensidades, pode ser relevante de dois pontos de vista, do científico, na elaboração de novos protocolos e do prático, na utilização desse conhecimento diretamente no campo da prescrição de exercício. Resultados esperados com a atividade: Esperava-se que ambos os protocolos respondessem da mesma forma, em todas as variáveis avaliadas. Resultados alcançados com a atividade: Ambos os protocolos se mostraram semelhantes, tanto do ponto de vista bioquímico quando fisiológico, com exceção da concentração de lactato sanguíneo. Em relação ao aspecto psicológico, o protocolo Tabata se mostra mais intenso que o McRae. Diante disso, o protocolo McRae se mostra como mais uma ferramenta útil para ser utilizada na prescrição do treinamento. Natureza da atividade realizada: 9- Atividade de Extensão Tema de estudo: GEEAF Academia – Grupo de Estudos Epidemiológicos em Atividade Física Cronograma de execução da atividade: Jan X Fev X Mar X Abr X Mai X Jun X Jul X Ago X Set X Out X Nov X Dez X Público alvo: Instrutores e proprietários de academias da cidade de Pelotas-RS. Descrição da atividade: A atividade consistiu na realização de um censo das academias da cidade, assim como do número de profissionais atuantes. Em seguida, foi realizada entrevista destes profissionais através de questionário específico. Responsáveis diretos pela atividade: Prof. Dr. Marcelo Cozzensa da Silva, Prof. Dr. Marlos Rodrigues e Prof. Dr. Felipe Fossati Reichert.
  15. 15. Parceiros ou colaboradores da atividade: Mestrandos da linha de atividade física e saúde da ESEF-UFPel e graduandos da ESEF/UFPel (entrevistadores). Justificativa para a realização da atividade: Justifica-se pela necessidade de análise das condições de trabalho e riscos relacionados à saúde as quais os profissionais de educação física estão expostos, considerando o baixo número de estudos nessa área e suas datas de publicação, assim com a falta de representatividade da população e das análises. Além disso, o trabalho se mostrou inédito com relação a esse público na cidade de Pelotas-RS. Resultados esperados com a atividade: O mapeamento de grande parte dos locais e estabelecimento de conhecimento em relação às condições de trabalho, condições de saúde, conhecimento, formação, atualização e satisfação profissional, qualidade de vida, hábitos alimentares, entre outros fatores relacionados aos profissionais desses espaços. Resultados alcançados com a atividade: Foram encontrados 160 espaços e 522 profissionais (graduados, supervisionados e provisionados), assim como a prevalência de academia por região, o número de profissionais em cada, a prevalência de modalidades oferecidas, entre diversos outros resultados. Comentário geral: Os petianos participaram da pesquisa na forma de entrevistadores; O tutor do grupo é responsável pela coordenação da pesquisa. Natureza da atividade realizada: 10- Atividade de Extensão Tema de estudo: GEEAF Escola – Grupo de Estudos Epidemiológicos em Atividade Física Projeto Educação Física +: “Praticando Saúde na Escola” Cronograma de execução da atividade:
  16. 16. Jan X Fev X Mar X Abr X Mai X Jun X Jul X Ago X Set X Out X Nov X Dez X Público alvo: Alunos de escolas públicas de 5ª série ao 3° ano do ensino médio. Descrição da atividade: A atividade consistiu primeiramente em uma coleta de dados para medir o nível de conhecimento dos alunos sobre temas relacionados à saúde e Educação Física. Posteriormente começou o processo de intervenção em algumas escolas, estando outras servindo como “controle”. A intervenção foi através de fornecimento de materiais impressos de aulas com a temática saúde, aos professores de Educação Física. Por último, realizou-se uma nova coleta de dados para saber se a intervenção surtiu efeito. Responsáveis diretos pela atividade: Prof. Dr. Mario Renato de Azevedo Júnior, Prof. Dr. Pedro Curi Hallal e Prof. Dr. Airton José Rombaldi. Parceiros ou colaboradores da atividade: Mestrandos da linha de atividade física e saúde da ESEF-UFPel e graduandos da ESEF/UFPel (entrevistadores). Justificativa para a realização da atividade: O projeto se justifica através da iniciativa de intervir nas aulas de Educação Física escolar, visando aumentar os conhecimentos dos alunos sobre saúde, promover atividades agradáveis e mostrar a professores que é possível trabalhar esse conteúdo dentro das aulas de Educação Física. Resultados esperados com a atividade: Espera-se que a segunda coleta de dados mostre que os alunos ampliaram seus conhecimentos em saúde, e que a partir daí, outras escolas recebam a intervenção, sendo a saúde um tema mais presente dentro das aulas de Educação Física. Resultados alcançados com a atividade: Todas as escolas de Pelotas e região sul participaram do Projeto. Porém este, ainda está em andamento. Comentário geral:
  17. 17. Os petianos participaram da pesquisa na forma de entrevistadores; O tutor do grupo é responsável pela coordenação da pesquisa. Natureza da atividade realizada: 11- Atividade de Extensão Tema de estudo: PET na Escola – Feira das Profissões Cronograma de execução da atividade: Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago X Set Out Nov Dez Público alvo: Alunos da Escola Estadual de Ensino Médio Nossa Senhora de Lourdes. Descrição da atividade: A feira das profissões da Escola Nossa Senhora de Lourdes é um projeto de orientação vocacional com o objetivo de auxiliar os alunos na escolha do seu futuro profissional. Os acadêmicos de nove faculdades puderam apresentar seus cursos e trocar experiências com os alunos, sendo o PET/ESEF representante do curso de Educação Física (EF) – Licenciatura e Bacharelado. Na mostra/feira de profissões foram utilizados testes de aprendizagem motora (copo, cartas), Quiz interativo contendo desafios (tarefas práticas e perguntas sobre atividade física e esportes), materiais para experimentação e desenvolvimento de ações orientadas (bolas, halteres, banda elástica, aparatos circenses, cones e colchonetes), além de recursos para apresentar demais conteúdos compreendidos pela EF (livros e revistas científicas). Responsável direto pela atividade de pesquisa: Escola Estadual de Ensino Médio Nossa Senhora de Lourdes. Parceiros ou colaboradores da atividade: Grupo PET-ESEF/UFPel. Justificativa para a realização da atividade:
  18. 18. O grupo PET/ESEF desenvolve uma série de atividades relacionadas ao ensino, pesquisa e extensão, buscando alternativas que contribuam tanto com a comunidade acadêmica quanto com outros locais que incentivam a socialização do conhecimento. Partindo desta premissa o grupo considera de grande importância a participação em eventos de tal potencial construtivo, que auxiliem na escolha do futuro profissional dos jovens, buscando integrar graduandos e alunos das escolas públicas e privadas do município. Resultados esperados com a atividade: Adesão dos alunos participantes da feira, elucidação dos conteúdos abarcados pela área, apresentação geral do curso de Educação Física – UFPel e exposição das diversas áreas de atuação do profissional da EF. A longo prazo espera-se gerar novas parcerias com as demais escolas públicas e privadas do município, de modo a oferecer eventos de mesmo porte a uma parcela maior da população de jovens estudantes. Resultados alcançados com a atividade: Houve atividades variadas (descrição da atividade acima) o que gerou uma adesão significativa por parte dos alunos. O estande conseguiu atingir os resultados esperados em relação à apresentação do curso, conteúdos e área de atuação profissional. Natureza da atividade realizada: 12- Atividade de Extensão Tema de estudo: Núcleo de Atividades para a Terceira Idade (NATI) Cronograma de execução da atividade: Jan Fev Mar Abr X Mai X Jun X Jul X Ago Set X Out X Nov X Dez X Público alvo: Aproximadamente 300 idosos e pessoas da meia-idade que necessitam praticar atividades físicas regularmente.
  19. 19. Descrição da atividade: As atividades do NATI dividem-se em núcleos de ginástica, hidroginástica, musculação, dança e caminhada orientada. Os participantes são divididos em turmas de acordo com a atividade e o horário que querem realizar, sendo que cada turma tem 2 aulas semanais. As aulas são ministradas por acadêmicos da ESEF/UFPel, tanto do bacharelado, como da licenciatura. Responsável direto pela atividade: Prof. Dra. Adriana Schüller Cavalli Parceiros ou colaboradores da atividade: Acadêmicos da ESEF/UFPel; Petianos: Ana Clara Tortelli Schwertner, Alexsander Mendes Neitzke Justificativa para a realização da atividade: O trabalho do NATI oportuniza à população idosa e de meia-idade um espaço onde possam realizar atividades que os beneficiam física e socialmente, atendendo idosos com as mais diversas patologias e adequando suas atividades a estas, tornando o referido programa num dos pilares relacionados a extensão da ESEF/UFPel. Resultados esperados com a atividade: Anseia-se que o programa seja um mediador entre a prática de atividades físicas e sua população, fazendo-os entender os seus benefícios para saúde. Espera-se proporcionar um ambiente de lazer aos ministrantes e praticantes, sendo este um estímulo a mais para os frequentadores. Resultados alcançados com a atividade: Referentes ao NATI, o número de adeptos ao programa cresce a cada ano, o que mostra o sucesso desta extensão, além da diminuição da inatividade física através do programa. 3.2. Impacto na Graduação e Inovação na Graduação Entre as atividades listadas no item 3.1, informar as três atividades consideradas mais impactantes para o curso de graduação e que proporcionaram inovação na graduação.
  20. 20. 1. Curso de Treinamento Funcional; 2. Momento Acadêmico; 3. Utilizando a internet na busca de artigos científicos. 4. CONDIÇÕES DE DESENVOLVIMENTO DAS ATIVIDADES Sugere-se que esta etapa do relatório seja discutida conjuntamente pelo grupo(tutores e alunos), de modo que as informações traduzam a compreensão de todos. 4.1. A carga horária mínima de oito horas semanais para orientação dos alunos e do grupo foi cumprida pelo(a) Tutor(a)? ( x ) Integralmente ( ) Parcialmente ( ) Não foi cumprida Justifique: A carga horária mínima foi cumprida integralmente, divida entre a indissociablilidade da Universidade (ensino, pesquisa e extensão), sempre solícito quando requerido. 4.2. A carga horária de vinte horas semanais para cumprimento das atividades do PET foi cumprida pelos alunos bolsistas e não bolsistas? ( ) Integralmente ( x ) Parcialmente ( ) Não foi cumprida Justifique: A carga horária dos petianos foi cumprida parcialmente devido ao ajuste semestral perante greve geral dos docentes, o que dificultou ações em grupo e individual de cada membro. 4.3. As atividades planejadas foram realizadas? ( x ) Integralmente ( ) Parcialmente ( ) Não foram realizadas Justifique: Todas as atividades planejadas pelo grupo foram cumpridas. 4.4. Informe sobre a participação da IES em relação ao apoio institucional para o desenvolvimento das atividades acadêmicas do grupo: ( ) Integral ( x ) Parcial ( ) Não houve apoio Justifique: Todas as ações desenvolvidas pelo grupo contaram com apoio da IES, porém a troca de reitoria deixou as atividades em ritmo menos acelerado.
  21. 21. 4.5. Informe sobre a interação do grupo com o projeto pedagógico do curso de graduação ao qual está vinculado: ( ) Efetiva ( x ) Parcial ( ) Não houve interação Justifique: Obteve-se relativa melhora em relação ao ano anterior, porém houve a troca de chefe de colegiado, necessitando nova adaptação às tarefas do mesmo, requerendo certo tempo para adequação de suas funções. 4.6. Informe sobre a atuação da SESu, considerando os aspectos de acompanhamento e gestão do PET: ( ) Excelente ( x ) Regular ( ) Bom ( ) Ruim Justifique: Em alguns momentos a SESu demonstrou interesse em aperfeiçoar os seus métodos de acompanhamento e gestão dos grupos, como a implantação do SigPET. Porém, as constantes trocas dos gestores responsáveis pelo programa impossibilitaram uma sequência no trabalho de acompanhamento e suporte aos grupos. Os atrasos das bolsas é um fator que dificulta o desenvolvimento de atividades de participação em eventos acadêmicos e de produtividade cientifica. 4.7. Informe sobre a atuação do Comitê Local de Acompanhamento do PET quanto ao acompanhamento e orientação do grupo: ( ) Excelente ( x ) Regular ( ) Bom ( ) Ruim Justifique: As ações do comitê local, em sua grande maioria, se restringem às demandas burocráticas oriundas da SESu. Faltou a tal entidade um trabalho de acompanhamento e orientação mais constante junto aos grupos e acredita-se que grande parte das ações ficaram centradas na pró-reitora. O grupo acredita que a nova gestão de reitoria terá um maior diálogo e um acompanhamento mais efetivo do interlocutor devido a atenção de campanha por parte dos candidatos da reitoria, conhecendo o programa desde então. 5. INFORMAÇÕES ACADÊMICAS COMPLEMENTARES 5.1. Dirigidas ao Grupo (Tutor e Alunos)
  22. 22. 5.1.1. Considerando as atividades desenvolvidas pelo grupo, relacione, no mínimo, três atividades desenvolvidas pelo grupo PET, que caracterizem indicadores da indissociabilidade ensino, pesquisa e extensão. 1. X Ciência e Cultura; 2. Comportamento sedentário de escolares de Pelotas-RS; 3. Participação de Petianos em eventos acadêmicos. 5.2. Dirigidas ao Tutor 5.2.1. Informe as atividades acadêmicas/científicas mais relevantes que realizou/ participou no ano de 2012. (Congressos, publicações, pesquisas, etc). Tutor Marcelo Cozzensa da Silva Artigos publicados - HARTWIG,C.P. ; ROMBALDI, A. J. ; SILVA, M. C. . Indicadores do estilo de vida dos docentes de um curso de educação física. Pensar a Prática (UFG. Impresso), v. 15, p. 410-426, 2012. - SILVA, M. C. ; SILVA, A. B. ; AMORIM, T.E.C. . Condições de espaços públicos destinados a prática de Atividades Físicas na cidade de Pelotas/RS/Brasil. Revista Brasileira de Atividade Física e Saúde, v. 17, p. 28-32, 2012. - CAPUTO E.L.. ; SILVA, M. C.; ROMBALDI, A. J. . Comparação da frequência cardíaca máxima obtida por diferentes métodos. Revista da Educação Física (UEM. Impresso), v. 23, p. 277-284, 2012. - ONOFRIO, A. C.2012ONOFRIO, A. C. ; SILVA, M. C. ; ROMBALDI, A. J. ; DOMINGUES, MR . Acute low back pain in high school adolescents in Southern Brazil: prevalence and associated factors. European Spine Journal (Print), v. 21, p. 1234-1240, 2012. - MOURA NETO, A. B. ; CAMPOS, A. L. P. ; SILVA, M. C. . Comparação da composição corporal e aptidão física de ciclistas de estrada e mountain bike da região sul do Rio Grande do Sul. Biomotriz (UNICRUZ), v. 6, p. 32-42, 2012. Artigos aceitos para publicação - MENEZES, A. M. B. ; WEHRMEISTER, F. C. ; MUNIZ, L. C. ; PEREZ-PADILHA, R. ; NOAL, R. B. ; SILVA, M. C. ; HALLAL, PC . Physical activity and lung function in adolescents: The 1993 Pelotas (Brazil) birth cohort study. Journal of Adolescent Health, 2013. - ROMBALDI, A. J. ; SILVA, M. C. ; DUMITH, S. C. ; VIANA, V. R. ; HALLAL, PC . Fatores de risco para doenças crônicas em estudantes de educação física ingressantes e formandos. Revista Brasileira de Ciências do Esporte, 2013.
  23. 23. - SILVA, L. G. ; SILVA, M. C. . Condições de trabalho e saúde de professores pré- escolares da rede pública de ensino de Pelotas, RS, Brasil. Ciência e Saúde Coletiva (Impresso), 2013. - MOURA NETO, A. B. ; SILVA, M. C. . Diagnóstico das condições de trabalho, saúde e indicadores do estilo de vida de trabalhadores do transporte coletivo da cidade de Pelotas - RS. Revista Brasileira de Atividade Física e Saúde, 2013. - MARINS, E. F.; SILVA, M. C. ; SPIEKER, C. V. . Prática do tênis na terceira idade: estudo descritivo em uma cidade do sul do Brasil. Estudos Interdisciplinares sobre o Envelhecimento, 2013. Resumos publicados em anais de congressos - SILVA, M. C.; MOURA NETO, A. B.. Physical inactivity among bus drivers and conductors of public transportation of a southern city in Brazil. In: Be Active 2012 - 4th International Congress on Physical Activity and Public Health, 2012, Sydney. Anais do 4th International Congress on Physical Activity and Public Health. Sydney: Sydney, 2012. v. 1. p. 1-2. - SILVA, M. C. ; SILVA, L. G. . Physical inactivity of preschool teachers from public schools of a southern city of Brazil. In: Be Active 2012 - 4th International Congress on Physical Activity and Public Health, 2012, Sydney. Anais do 4th International Congress on Physical Activity and Public Health. Sydney: Sydney, 2012. v. 1. p. 1-1. - SILVA, M. C.; MATTIOLI, R. A. ; LESSA, H. T.; ZANCHET, M. A.; BLOIS, C. R. . Physical exercise and chronic orthopedic pain: a study with retirees elderly. In: Be Active 2012 - 4th International Congress on Physical Activity and Public Health, 2012, Sydney. Anais do 4th International Congress on Physical Activity and Public Health. Sydney: Sydney, 2012. v. 1. p. 1-2. Apresentação de Trabalho - SCHWERTNER, A. C. T. ; SOUZA, A.V. ; RIBEIRO, C. S. ; LEAL, F. S. ; SCHAUN, G. Z. ; PENNY, J. C. ; MULLER, L. R. ; RICARDO, L. I. C. ; CUNHA, M. A. ; ALVES, P. X. ; FONSECA, P. S. ; SILVA, P. A. C. ; FERREIRA, R. W. ; LOPES, S. V. ; SILVA, M. C. . Ciência e Cultura: Evolução e Possibilidades. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra). - SALERNO, M. ; HARTWIG, T.W. ; BEVILACQUA, L. ; TRINDADE, G. D. ; FREITAS, M. P. S. ; MARTINS, R.C. ; NACHTIGALL, M.S. ; BLANKE, A.O. ; SCHAUM, G.Z. ; IEPSEN, A.M. ; RODRIGUES, I.V. ; FONSECA, P. S. ; SILVA, M. C. ; REICHERT, F. F. ; ROMBALDI, A. J. . Censo dos profissionais de academias da cidade de Pelotas - RS: um relato de experiência sobre o trabalho de campo. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).
  24. 24. - SCHWERTNER, A. C. T. ; SOUZA, A.V. ; RIBEIRO, C. S. ; LEAL, F. S. ; SCHAUN, G. Z. ; PENNY, J.C. ; MULLER, L. R. ; RICARDO, L. I. C. ; CUNHA, M. A. ; ALVES, P. X. ; FONSECA, P. S. ; SILVA, P. A. C. ; FERREIRA, R. W. ; LOPES, S. V. ; SILVA, M. C. . Ciência & Cultura: Trajetórias de um evento acadêmico. 2012. (Apresentação de Trabalho/Simpósio). - RIBEIRO, C. S. ; SCHWERTNER, A. C. T. ; SOUZA, A.V. ; LEAL, F. S. ; SCHAUN, G. Z. ; PENNY, J. C. ; MULLER, L. R. ; RICARDO, L. I. C. ; CUNHA, M. A. ; ALVES, P. X. ; FONSECA, P. S. ; SILVA, P. A. C. ; FERREIRA, R. W. ; LOPES, S. V. ; SILVA, M. C. . Pet na escola: pensando na profissão . 2012. (Apresentação de Trabalho/Simpósio). - SALERNO, M. ; HARTWIG, T.W. ; BEVILACQUA, L. ; TRINDADE, G. D. ; SILVA, M. C. ; REICHERT, F. F. ; ROMBALDI, A. J. . Um raio-x sobre o censo das academias de Pelotas. 2012. (Apresentação de Trabalho/Simpósio). - JERÔNIMO, J. S. ; SILVA, M. C. . A Educação Física na Atenção à Saúde Mental: Novas Perspectivas de Atuação Profissional. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso). - SILVA, M. C. ; MOURA NETO, A. B. . Physical inactivity among bus drivers and conductors of public transportation of a southern city in Brazil. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso). - SILVA, M. C. ; SILVA, L. G. . Physical inactivity of preschool teachers from public schools of a southern city of Brazil. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso). - SILVA, M. C. ; MATTIOLI, R. A. ; LESSA, H. T. ; ZANCHET, M. A. ; BLOIS, C. R. . Physical exercise and chronic orthopedic pain: a study with retirees elderly. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso). Orientações concluídas - Álvaro Braga de Moura Neto. Nível de atividade física em trabalhadores do transporte coletivo urbano da cidade de Pelotas-RS. 2012. Dissertação (Mestrado em Educação Física) - Universidade Federal de Pelotas. Orientador: Marcelo Cozzensa da Silva. - Eduardo Lucia Caputo. Densidade mineral óssea em meninas praticantes e não praticantes de atividade esportiva extracurricular. 2012. Dissertação (Mestrado em Educação Física) - Universidade Federal de Pelotas. Orientador: Marcelo Cozzensa da Silva. - Rodrigo Kohn Cardoso. Condições de saúde e trabalho de coletores de lixo. 2012. Dissertação (Mestrado em Educação Física) - Universidade Federal de Pelotas. Orientador: Marcelo Cozzensa da Silva. - Tiago Wally Hartwig. Condições de trabalho e saúde de profissionais de educação física atuantes em academias da cidade de Pelotas-RS. 2012. Dissertação
  25. 25. (Mestrado em Educação Física) - Universidade Federal de Pelotas, Co-Orientador: Marcelo Cozzensa da Silva. Iniciação científica - Alice Meyer Iepsen. Intenção e comportamento da prática regular de atividades físicas e fatores associados em indivíduos com doença arterial coronariana: Um estudo descritivo. 2012. (Bolsa de iniciação científica CNPq) - Bruno Iorio. Intenção e comportamento da prática regular de atividades físicas e fatores associados em indivíduos com doença arterial coronariana: um estudo de coorte. 2012. (Bolsa Fapergs) - Andressa de Oliveira Blanke. Fatores associados a inatividade física em trabalhadores do transporte coletivo de Pelotas/. 2012. Iniciação Científica PROBIC – 2012/2013. (Graduando em Educação Física) - Universidade Federal de Pelotas. Orientador: Marcelo Cozzensa da Silva. - Luan Aldavio Loeck. Prevalência de inatividade física em trabalhadores do transporte coletivo de Pelotas/RS. 2012. Iniciação Científica PIBIC/CNPq – 2012/2013. (Graduando em Educação Física) - Universidade Federal de Pelotas. Orientador: Marcelo Cozzensa da Silva. Orientações de outra natureza - Alice Meyer Iepsen. Imagem corporal de adolescentes de escolas do ensino médio da zona rural da região sul do Rio Grande do Sul. Início: 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado em Educação Física) - Universidade Federal de Pelotas. - Fábio da Conceição de Barros. Conhecimentos sobre atividade física e fatores associados em adolescentes estudantes de ensino médio da zona rural da região sul do Rio Grande do Sul. Início: 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado em Educação Física) - Universidade Federal de Pelotas. - Samuel Völz Lopes. Comportamentos de risco relacionados à saúde em adolescentes da zona rural Início: 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado em Educação Física) - Universidade Federal de Pelotas. - Werner de Andrade Müller. Barreiras à prática de atividades físicas de adolescentes estudantes da zona rural do sul do Rio Grande do sul. Início: 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado em Educação Física) - Universidade Federal de Pelotas. - Rafael Quadros Orcina. Perfil dos participantes do Programa Esporte e Lazer da Cidade de Pelotas-RS. Início: 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado em Educação Física) - Universidade Federal de Pelotas.
  26. 26. - Ana Müller Pereira. Perfil e perspectivas de jogadores das categorias sub-13 e sub- 15 de futebol da cidade de Pelotas/RS. Início: 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado em Educação Física) - Universidade Federal de Pelotas. Participação em bancas examinadoras - SILVA, M. C.; PANIZ, VMV; REICHERT, F. F.; ROMBALDI, A. J.. Participação em banca de Álvaro Braga de Moura Neto. Nível de atividade física em trabalhadores do transporte coletivo urbano da cidade de Pelotas-RS. 2012. Dissertação (Mestrado em Educação Física) - Universidade Federal de Pelotas. - SILVA, M. C.; FLORINDO, A. A.; SIQUEIRA, F. V.; DOMINGUES, MR. Participação em banca de Eduardo Lucia Caputo. Densidade Mineral Óssea em adolescentes praticantes e não praticantes de atividade esportiva. 2012. Dissertação (Mestrado em Educação Física) - Universidade Federal de Pelotas. - SIQUEIRA, F. V.; ROMBALDI, A. J.; SILVA, M. C.; DUMITH, S. C.. Participação em banca de Marina Cordeiro Madeira. Estudo populacional sobre atividade física no deslocamento: prevalências e fatores associados. 2012. Dissertação (Mestrado em Educação Física) - Universidade Federal de Pelotas. - SILVA, M. C.; SIQUEIRA, F. V.; AZEVEDO, M. R.; KNUTH, A. G.. Participação em banca de Rodrigo Kohn Cardoso. Condições de saúde e trabalho de coletores de lixo. 2012. Dissertação (Mestrado em Educação Física) - Universidade Federal de Pelotas. - SILVA, M. C.; PANIZ, V.M.V.; REICHERT, F. F.; ROMBALDI, A. J.. Participação em banca de qualificação de Álvaro Braga de Moura Neto. Nível de atividade física em trabalhadores do transporte coletivo urbano da cidade de Pelotas-RS. 2012. Dissertação (Mestrado em Educação Física) - Universidade Federal de Pelotas. - SILVA, M. C.; FLORINDO, A. A.; SIQUEIRA, F. V.; DOMINGUES, MR. Participação em banca de qualificação de Eduardo Lucia Caputo. Densidade Mineral Óssea em adolescentes praticantes e não praticantes de atividade esportiva. 2012. Dissertação (Mestrado em Educação Física) - Universidade Federal de Pelotas. - SIQUEIRA, F. V.; ROMBALDI, A. J.; SILVA, M. C.; DUMITH, S. C.. Participação em banca de qualificação de Marina Cordeiro Madeira. Estudo populacional sobre atividade física no deslocamento: prevalências e fatores associados. 2012. Dissertação (Mestrado em Educação Física) - Universidade Federal de Pelotas. - SILVA, M. C.; SIQUEIRA, F. V.; AZEVEDO, M. R.; KNUTH, A. G.. Participação em banca de qualificação de Rodrigo Kohn Cardoso. Condições de saúde e trabalho de coletores de lixo. 2012. Dissertação (Mestrado em Educação Física) - Universidade Federal de Pelotas.
  27. 27. Organização de evento - PEREIRA, F. M. ; SILVA, M. C. . XXXI Simpósio Nacional de Educação Física. 2012 Participação em congressos - Be Active 2012 - 4th International Congress on Physical Activity and Public Health, 2012, Sydney. 5.2.2. Considerando as atividades desenvolvidas pelo grupo e a sua ação efetiva como Tutor, relacione, no mínimo, três aspectos que caracterizem a metodologia que você utiliza na Educação Tutorial. Na busca da qualificação e desenvolvimento das capacidades individuais e coletivas dos alunos do programa, os pontos monitoramento do processo e resultados, comprometimento, iniciativa e democratização das decisões são quatro aspectos a serem destacados. Semanalmente, as atividades propostas e em andamento são avaliadas nas reuniões de grupo pelo tutor, bem como mensalmente, as mesmas são avaliadas por todos os componentes do grupo de forma individual e coletiva. Nas avaliações mensais tanto os alunos como o tutor são avaliados frente ao cumprimento das tarefas realizadas no período. O não cumprimento dos objetivos pode levar a avaliação negativa por parte dos avaliadores (tutor e demais petianos) o que coloca o avaliado em, não modificação das ações para o cumprimento das tarefas no mês posterior, uma situação de possível descredenciamento do grupo. O comprometimento com o programa é avaliado de maneira quantitativa através de avaliações dicotômicas de participação em reuniões, e atividades de extensão, ensino e pesquisa. Além disso, avaliações qualitativas complementam o processo. As atividades escolhidas individualmente e pelo grupo sempre buscam estimular a iniciativa dos alunos em perceber a real necessidade do evento e suas possíveis consequências benéficas na comunidade acadêmica e em geral. Decisão alguma é tomada exclusivamente pelo tutor ou qualquer outro membro do grupo. Todos os pontos, independente do grau de importância e urgência, são discutidos por todo o grupo nas reuniões fixas ou extraordinárias e a decisão sobre seu rumo tomada em votação universal. Isso garante a exposição de opiniões, surgimento de propostas e votação igualitária para definição do processo. 5.2.3. Considerando as atividades desenvolvidas no grupo e a sua ação efetiva como Tutor, relacione, no mínimo, três ações que caracterizem suas contribuições ao avanço qualitativo do curso de graduação ao qual está vinculado. O PET-ESEF vem continuamente, com o passar dos anos, tentando preencher as lacunas existentes em nosso curso de graduação em Educação Física, tanto na licenciatura como no bacharelado a fim de qualificar ao máximo a formação dos discentes. Essas atividades desenvolvidas têm a função de levar à sala de aula,
  28. 28. aos laboratórios de ensino, pesquisa e extensão e ao Diretório Acadêmico os conhecimentos obtidos pelos integrantes do grupo, bem como suas incessantes buscas por novos ensinamentos. Tudo isso ajuda a estimular os alunos do curso a se integrarem aos grupos de ensino, pesquisa e extensão existentes na unidade, bem como a qualificar o conhecimento dos integrantes do próprio grupo PET-ESEF, através das parcerias existentes entre esses grupos e o programa. Uma das atividades de maior sucesso no ano de 2012 foi o Momento Acadêmico, o qual levou aos alunos dos cursos de licenciatura e bacharelado da ESEF, bem como de outras unidades da UFPel, a discussão sobre temas atuais e importantes para a formação do profissional da área de educação física e saúde, tais como experiências de estudo e vida no exterior, o trabalho em academias na visão dos proprietários e, posteriormente, dos professores, o curso de pós-graduação da ESEF entre outros. Outra ação a ser destacada foi a participação do grupo PET na coordenação do XXXI Simpósio Nacional de Educação Física. Os alunos do programa foram responsáveis pela logística de todo o evento e trabalharam juntamente com alunos bolsistas de iniciação científica, bolsistas de extensão, mestrandos e demais voluntários do curso de graduação para o andamento das atividades. O convite nas salas de aula por parte dos alunos do programa aos demais graduandos e o auxílio aos mesmos para a execução de suas tarefas (os integrantes do PET já apresentam alguma experiência nesse tipo de organização pela ajuda anual do programa ao Simpósio) qualifica os graduandos em experiência e autonomia para a realização de eventos, bem como aos próprios petianos no processo de liderança, trabalho em grupo e respeito aos colegas. Por último, mas não menos importante, deve ser enfatizada a recepção aos alunos que ingressam no curso de Educação Física. O PET vem realizando a cada novo ingresso de estudantes no curso uma recepção a esses alunos. Tal recepção não é unicamente uma atividade de boas vindas, mas mais que isso, uma atividade acadêmica onde os novos alunos recebem informações importantes para sua vida dentro do contexto universitário. Informações sobre o que é a ESEF, o que é e o que se realiza dentro da faculdade em relação a ensino, pesquisa e extensão, o que é, o que faz, onde se localizam e quem são os responsáveis por setores a eles importantes tais como o colegiado de curso de graduação, chefias de departamentos, laboratório de informática, diretório acadêmico entre tantos outros de grande importância. 5.2.4. Considerando as atividades desenvolvidas no âmbito do grupo e a sua ação efetiva como Tutor, relacione, no mínimo, três aspectos que tenham sido originalmente construídos no PET e que foram incorporados à sua prática docente junto aos demais alunos da graduação. A democracia para tomada de decisões, ponto importante no grupo, foi incorporado à metodologia aplicada em diversas aulas de graduação e pós- graduação. O processo de construção de uma avaliação baseado nos interesses do professor mas amparada nas necessidades relatadas pelos alunos provocou uma reestruturação da forma de avaliação dos discentes das disciplinas ministradas. A valorização do trabalho em grupo como uma estratégia metodológica para o trabalho em sala de aula também é outro fator a destacar incorporado na rotina de trabalho. Também, a indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão passou a ser trabalhada concretamente dentro das aulas de graduação, através do estímulo a
  29. 29. pesquisa sobre assuntos afins a disciplina, criação de projetos associados aos temas ministrados e estímulo a leitura. 5.3 Dirigida ao conjunto dos Alunos do PET 5.3.1 Informe os trabalhos apresentados/ publicados por cada um dos alunos do grupo, indicando o evento, o local e a data. ALEXSANDER NEITZKE MENDES Pôsteres/banners: ESTUDO SOBRE O ENVOLVIMENTO ACADÊMICO DOS PETIANOS ESEF/UFPEL. Alexsander Neitzke Mendes, Danilo Oliveira, Otávio Amaral Leão, Gustavo Zaccaria Schaun e Marcelo Cozzensa da Silva. X Ciência e Cultura, 22 de janeiro de 2014, Pelotas, RS. Eventos: - O movimento humano e suas relações. Secretaria Municipal de Educação de Arroio Grande, RS. 2013. - 20ª Convenção Brasil: Coluna Vertebral e Exercícios Específicos, Traumatologia para Educadores Físicos. SOGIPA, Porto Alegre, RS. 13 a 16 de junho de 2013. - Semana Acadêmica ESEF/UFPel. Pelotas, RS. 22 a 26 de julho de 2013. - XXXII Simpósio Nacional de Educação Física: Boas Práticas em Educação Física – ESEF/UFPel, Pelotas, RS. 20 a 23 de novembro de 2013. - X Ciência e Cultura: Ensino, Aprendizagem e Performance Esportiva. Pelotas, RS. 21 e 22 de janeiro de 2014.
  30. 30. Outras atividades realizadas: - Palestra Sobre Alimentação Saudável. Pelotas, RS. 28 de fevereiro de 2013. - Princípios Pedagógicos da Atividade Física para Idosos. Pelotas, RS. 2013. - Curso de Iniciação à Ginástica Bodysystems. Pelotas, RS. 2013. - Curso de Treinamento Funcional, com ênfase em Suspenso. Pelotas, RS. 13 de agosto de 2013. ANA CLARA TORTELLI SCHWERTNER Pôsteres/banners: CONSIDERAÇÕES ACERCA DA REALIZAÇÃO DE MEGAEVENTOS ESPORTIVOS: DA GESTÃO AOS IMPACTOS. Ana Clara Tortelli Schwertner, Julia Pereira Terra e Marcelo Oliveira Cavalli. XXXII Simpósio Nacional de Educação Física, 23 de novembro de 2013, Pelotas, RS. MOVIMENTANDO VIDAS ATRAVÉS DA HIDROGINÁSTICA PARA IDOSOS. Julia Pereira Terra, Ana Clara Tortelli Schwertner, Lucas Gonçalves Meireles, Paula Amaral Rota e Adriana Schuler Cavalli. XXXII Simpósio Nacional de Educação Física, 23 de novembro de 2013, Pelotas, RS. O TORNAR-SE PROFESSOR DE EF: VIVÊNCIA DE UM ESTÁGIO. Ana Clara Tortelli Schwertner, Julia Pereira Terra e Fernanda de Souza Teixeira. XXXII Simpósio Nacional de Educação Física, 23 de novembro de 2013, Pelotas, RS. PERCEPÇÕES ACERCA DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO I COMO PRIMEIRA EXPERIÊNCIA DOCENTE: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA. Misael Aguiar da
  31. 31. Cunha, Ana Clara Tortelli Schwertner. X Ciência e Cultura, 22 de janeiro de 2014, Pelotas, RS. Eventos: - XXXII Simpósio Nacional de Educação Física: Boas Práticas em Educação Física – ESEF/UFPel, Pelotas, RS. 20 a 23 de novembro de 2013. - X Ciência e Cultura: Ensino, Aprendizagem e Performance Esportiva. Pelotas, RS. 21 e 22 de janeiro de 2014. Outras atividades realizadas: DANILO LUÍS SANTOS OLIVEIRA Pôsteres/banners: ESTUDO SOBRE O ENVOLVIMENTO ACADÊMICO DOS PETIANOS ESEF/UFPEL. Alexsander Neitzke Mendes, Danilo Oliveira, Otávio Amaral Leão, Gustavo Zaccaria Schaun e Marcelo Cozzensa da Silva. X Ciência e Cultura, 22 de janeiro de 2014, Pelotas, RS. Eventos: - XVI SulPET: Reconstruindo Identidades – FURG, Rio Grande, RS. 30 de maio a 02 de junho de 2013. - Semana Acadêmica ESEF/UFPel. Pelotas, RS. 22 a 26 de julho de 2013. - XXXII Simpósio Nacional de Educação Física: Boas Práticas em Educação Física – ESEF/UFPel, Pelotas, RS. 20 a 23 de novembro de 2013.
  32. 32. - X Ciência e Cultura: Ensino, Aprendizagem e Performance Esportiva. Pelotas, RS. 21 e 22 de janeiro de 2014. - IX Ciência e Cultura – ESEF/UFPel, Pelotas, RS. 20 a 21 de fevereiro de 2013. Outras atividades realizadas: - Entrevistador do Projeto “Educação Física +: Praticando Saúde na Escola”, da ESEF/UFPel. Janeiro a Junho de 2013. GUSTAVO ZACCARIA SCHAUN Pôsteres/banners: ESTUDO SOBRE O ENVOLVIMENTO ACADÊMICO DOS PETIANOS ESEF/UFPEL. Alexsander Neitzke Mendes, Danilo Oliveira, Otávio Amaral Leão, Gustavo Zaccaria Schaun e Marcelo Cozzensa da Silva. X Ciência e Cultura, 22 de janeiro de 2014, Pelotas, RS. Artigos publicados: CORRELATION BETWEEN AGILITY, LOWER LIMB POWER AND PERFORMANCE IN A SPORT-SPECIFIC TEST IN FEMALE VOLLEYBALL PLAYERS. INTERNATIONAL JOURNAL OF SPORTS SCIENCE. Gustavo Zaccaria Schaun, Yuri Salenave Ribeiro, Marcelo dos Santos Vaz e Fabrício Boscolo Del Vecchio. Submetido à International Journal of Sports Science, v. 3, p. 141-146, 2013. Eventos:
  33. 33. - Semana Acadêmica ESEF/UFPel. Pelotas, RS. 22 a 26 de julho de 2013. - X Ciência e Cultura: Ensino, Aprendizagem e Performance Esportiva. Pelotas, RS. 21 e 22 de janeiro de 2014. Outras atividades realizadas: JAYNE SANTOS LEITE Pôsteres/banners: A CONSTITUIÇÃO DO 'BELO' CORPO HUMANO AO LONGO DOS TEMPOS. Jayne Santos Leite, Marcelo Oliveira Cavalli. XXXII Simpósio Nacional de Educação Física, 23 de novembro de 2013, Pelotas, RS. INGRESSANTES ESEF/UFPel: ORIGEM DE ENSINO. Jayne Santos Leite, Marcelo Cozzensa da Silva, Otávio Amaral de Andrade Leão, Tiago Silva dos Santos. XXXII Simpósio Nacional de Educação Física, 23 de novembro de 2013, Pelotas, RS. MOTIVO DE ESCOLHA DO CURSO E OBJETIVOS PROFISSIONAIS DE INGRESSANTES NO CURSO DE LICENCIATURA NOTURNO DA ESEF/UFPEL. Jayne Santos Leite, Marcelo Cozzensa da Silva, Otávio Amaral de Andrade Leão, Tiago Silva dos Santos. XXXII Simpósio Nacional de Educação Física, 23 de novembro de 2013, Pelotas, RS. PERFIL NUTRICIONAL DOS INGRESSOS DO CURSO NOTURNO DA ESEF/UFPel. Jayne Santos Leite, Marcelo Cozzensa da Silva, Otávio Amaral de Andrade Leão, Tiago Silva dos Santos. XXXII Simpósio Nacional de Educação Física, 23 de novembro de 2013, Pelotas, RS.
  34. 34. NÍVEL DE CONHECIMENTO DOS INGRESSANTES NO CURSO DE LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA DA ESCOLA SUPERIOR DE EDUCAÇÃO FÍSICA. Jayne Santos Leite, Marcelo Cozzensa da Silva, Otávio Amaral de Andrade Leão, Tiago Silva dos Santos. X Ciência e Cultura, 22 de janeiro de 2014, Pelotas, RS. O CORPO AO LONGO DA HISTÓRIA: PERCURSO E PERCALÇOS. Jayne Santos Leite, Marcelo Olivera Cavalli. XXII Congresso de Iniciação Científica, 22 de novembro de 2013, Pelotas, RS. RELAÇÃO ENTRE O PERFIL NUTRICIONAL E O NÚMERO DE REFEIÇÕES DIÁRIAS DOS INGRESSANTES NO CURSO DE LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA DA ESCOLA SUPERIOR DE EDUCAÇÃO FÍSICA. Jayne Santos Leite, Marcelo Cozzensa da Silva, Otávio Amaral de Andrade Leão, Tiago Silva dos Santos. X Ciência e Cultura, 22 de janeiro, 2014, Pelotas. Comunicações orais: AUTONOMIA, CIDADANIA E ÉTICA NA TURMA 2EN1 DA ESCOLA ASSIS BRASIL. Lairton da Silva Oliveira, Elvis Silveira Simões, Eunice Lopes Moraes, Jayne Santos Leite, Jair Oliveira Duarte Junior, Murilo Furlan, Yasmine Chiminazzo, Eduardo Ferreira das Neves Filho. 12ª Mostra de Produção Univesitária,19 de abril de 2013. Eventos: - XVI SulPET: Reconstruindo Identidades – FURG, Rio Grande, RS. 30 de maio a 02 de junho de 2013. - Semana Acadêmica ESEF/UFPel. Pelotas, RS. 22 a 26 de julho de 2013. - IX Congresso Brasileiro de Atividade Física e Saúde. Paraná, PR. 13 a 16 de
  35. 35. novembro de 2013. - XXII Congresso de Iniciação Científica da Universidade Federal de Pelotas. Pelotas, RS. 18 a 22 de novembro de 2013. - XXXII Simpósio Nacional de Educação Física: Boas Práticas em Educação Física – ESEF/UFPel, Pelotas, RS. 20 a 23 de novembro de 2013. - X Ciência e Cultura: Ensino, Aprendizagem e Performance Esportiva. Pelotas, RS. 21 e 22 de janeiro de 2014. Outras atividades realizadas: - II Seminário – Inclusão Escolar: Trabalhando a Diversidade na Escola – PIBID- ESEF/UFPel. 15 de março de 2013. - II Oficina de troca de experiências docentes em atividade física e saúde do projeto "Educação Física +: Praticando Saúde na Escola". Pelotas, RS. 2013. - Entrevistador do Projeto “Educação Física +: Praticando Saúde na Escola”, da ESEF/UFPel. Janeiro a Junho de 2013. JOUBERT CALDEIRA PENNY Pôsteres/banners: ATUAÇÃO DOS ACADÊMICOS DO CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA COMO ENTREVISTADORES DO PROJETO EDUCAÇÃO FÍSICA +: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA. Joubert Caldeira Penny, Misael Aguiar da Cunha, Tiago da Silva dos Santos, Otávio Amaral de Andrade Leão, Natan Feter, Mario Renato Azevedo Júnior. XXXII Simpósio Nacional de Educação Física, 23 de novembro de 2013,
  36. 36. Pelotas, RS. FORÇA ISOTÔNICA E QUALIDADE DE VIDA EM PRATICANTES DE BASQUETEBOL EM CADEIRA DE RODAS DA CIDADE DE PELOTAS. XXXII Simpósio Nacional de Educação Física, 23 de novembro de 2013, Pelotas, RS. FORÇA MUSCULAR E QUALIDADE DE VIDA EM PRATICANTES DE BASQUETEBOL EM CADEIRA DE RODAS. Natan Feter, Chaiane Calonego Alana Cavanhi, Vinícius Dias Mello e Joubert Caldeira Penny. XXXII Simpósio Nacional de Educação Física, 23 de novembro de 2013, Pelotas, RS. Eventos: - Semana Acadêmica ESEF/UFPel. Pelotas, RS. 22 a 26 de julho de 2013. - Simpósio Internacional de Ciências do Esporte. São Paulo, SP. 3 a 5 de outubro, 2013 - IX Congresso Brasileiro de Atividade Física e Saúde. Curitiba, PR. 13 a 16 de novembro de 2013. - XXXII Simpósio Nacional de Educação Física: Boas Práticas em Educação Física – ESEF/UFPel, Pelotas, RS. 20 a 23 de novembro de 2013. Outras atividades realizadas: - Entrevistador do Projeto “Educação Física +: Praticando Saúde na Escola”, da ESEF/UFPel. Janeiro a Junho de 2013. - Curso de Pilates Completo/ Aparelho, Solo e Bola. Pelotas, RS. 16 de julho de 2013
  37. 37. - Curso de Treinamento Funcional, com ênfase em Suspenso. Pelotas, RS. 13 de agosto de 2013. LAURA RIBEIRO MÜLLER Eventos: - Palestra Sobre Alimentação Saudável. Pelotas, RS. 28 de fevereiro de 2013. - Workshop de Atualização Profissional Personal e Academias Treinamento Funcional: Suspensão e Kettlebell. Pelotas, RS. 13 de abril de 2013. - X Ciência e Cultura: Ensino, Aprendizagem e Performance Esportiva. Pelotas, RS. 21 e 22 de janeiro de 2014. Outras atividades realizadas: MISAEL AGUIAR DA CUNHA Pôsteres/banners: A INTERDISCIPLINARIDADE NO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO A DOCÊNCIA. Jair Oliveira Duarte Júnior, Misael Aguiar da Cunha, Melissa Alves, Patricia Ribeiro, Rafael Morossino, Luiz Fernando Camargo Veronez. XXXII Simpósio Nacional de Educação Física, 23 de novembro de 2013, Pelotas, RS. GINÁSTICA RÍTMICA NA EDUCAÇÃO FÍSICA ESCOLAR: LIMITES E POSSIBILIDADES. Misael Aguiar da Cunha, Lisiane Urchnjak Hepp e Márcia
  38. 38. Rejane Vieira Guimarães. XXXII Simpósio Nacional de Educação Física, 23 de novembro de 2013, Pelotas, RS. ATUAÇÃO DOS ACADÊMICOS DO CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA COMO ENTREVISTADORES DO PROJETO EDUCAÇÃO FÍSICA +: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA. Joubert Caldeira Penny, Misael Aguiar da Cunha, Tiago da Silva dos Santos, Otávio Amaral de Andrade Leão, Natan Feter, Mario Renato Azevedo Júnior. XXXII Simpósio Nacional de Educação Física, 23 de novembro de 2013, Pelotas, RS. PERCEPÇÕES ACERCA DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO I COMO PRIMEIRA EXPERIÊNCIA DOCENTE: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA. Misael Aguiar da Cunha, Ana Clara Tortelli Schwertner. X Ciência e Cultura, 22 de janeiro de 2014, Pelotas, RS. Comunicações orais: ANÁLISE DA IMAGEM DA EDUCAÇÃO FÍSICA A PRTIR DOS OLHARES DE ALGUNS MEMBROS DA COMUNIDADE ESCOLAR. Misael Aguiat da Cunha, Jéssica Alves Bauwalet, Caroline Alves Mancini e Raquel Silveira Dias. X Ciência e Cultura, 22 de janeiro de 2014, Pelotas, RS. O PIBID E A EDUCAÇÃO FÍSICA: POSSIBILIDADES INTERDISCIPLINARES. Jair Oliveira Duarte Júnior, Melissa Alves, Misael Aguiar da Cunha, Patricia Ribeiro, Rafael Morossino. XXII Congresso de Iniciação Científica, 22 de janeiro de 2014, Pelotas, RS. Eventos: - XVI SulPET: Reconstruindo Identidades – FURG, Rio Grande, RS. 30 de maio a 02 de junho de 2013.
  39. 39. - Semana Acadêmica ESEF/UFPel. Pelotas, RS. 22 a 26 de julho de 2013. - XXXII Simpósio Nacional de Educação Física: Boas Práticas em Educação Física – ESEF/UFPel, Pelotas, RS. 20 a 23 de novembro de 2013. - X Ciência e Cultura: Ensino, Aprendizagem e Performance Esportiva. Pelotas, RS. 21 e 22 de janeiro de 2014. Outras atividades realizadas: - Palestra Sobre Alimentação Saudável. Pelotas, RS. 28 de fevereiro de 2013. - II Seminário – Inclusão Escolar: Trabalhando a Diversidade na Escola – PIBID- ESEF/UFPel. 15 de março de 2013. - II Encontro PIBID UFPel: Socialização das Aprendizagens Construídas. UFPel, Pelotas, RS. 10 a 13 de junho de 2013. - Entrevistador do Projeto “Educação Física +: Praticando Saúde na Escola”, da ESEF/UFPel. Janeiro a Junho de 2013. OTÁVIO AMARAL DE ANDRADE LEÃO Pôsteres/banners: ATUAÇÃO DOS ACADÊMICOS DO CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA COMO ENTREVISTADORES DO PROJETO EDUCAÇÃO FÍSICA +: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA. Joubert Caldeira Penny, Misael Aguiar da Cunha, Tiago da Silva dos Santos, Otávio Amaral de Andrade Leão, Natan Feter, Mario Renato Azevedo Júnior. XXXII Simpósio Nacional de Educação Física, 23 de novembro de 2013, Pelotas, RS.
  40. 40. INGRESSANTES ESEF/UFPel: ORIGEM DE ENSINO. Jayne Santos Leite, Marcelo Cozzensa da Silva, Otávio Amaral de Andrade Leão, Tiago Silva dos Santos. XXXII Simpósio Nacional de Educação Física, 23 de novembro de 2013, Pelotas, RS. MOTIVO DE ESCOLHA DO CURSO E OBJETIVOS PROFISSIONAIS DE INGRESSANTES NO CURSO DE LICENCIATURA NOTURNO DA ESEF/UFPEL. Jayne Santos Leite, Marcelo Cozzensa da Silva, Otávio Amaral de Andrade Leão, Tiago Silva dos Santos. XXXII Simpósio Nacional de Educação Física, 23 de novembro de 2013, Pelotas, RS. PERFIL NUTRICIONAL DOS INGRESSOS DO CURSO NOTURNO DA ESEF/UFPel. Jayne Santos Leite, Marcelo Cozzensa da Silva, Otávio Amaral de Andrade Leão, Tiago Silva dos Santos. XXXII Simpósio Nacional de Educação Física, 23 de novembro de 2013, Pelotas, RS. NÍVEL DE CONHECIMENTO DOS INGRESSANTES NO CURSO DE LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA DA ESCOLA SUPERIOR DE EDUCAÇÃO FÍSICA. Jayne Santos Leite, Marcelo Cozzensa da Silva, Otávio Amaral de Andrade Leão, Tiago Silva dos Santos. X Ciência e Cultura, 22 de janeiro de 2014, Pelotas, RS. RELAÇÃO ENTRE O PERFIL NUTRICIONAL E O NÚMERO DE REFEIÇÕES DIÁRIAS DOS INGRESSANTES NO CURSO DE LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA DA ESCOLA SUPERIOR DE EDUCAÇÃO FÍSICA. Jayne Santos Leite, Marcelo Cozzensa da Silva, Otávio Amaral de Andrade Leão, Tiago Silva dos Santos. X Ciência e Cultura, 22 de janeiro, 2014, Pelotas. Eventos: - Semana Acadêmica ESEF/UFPel. Pelotas, RS. 22 a 26 de julho de 2013.
  41. 41. - XXXII Simpósio Nacional de Educação Física: Boas Práticas em Educação Física – ESEF/UFPel, Pelotas, RS. 20 a 23 de novembro de 2013. - X Ciência e Cultura: Ensino, Aprendizagem e Performance Esportiva. Pelotas, RS. 21 e 22 de janeiro de 2014. Outras atividades realizadas: - Curso de Treinamento Funcional, com ênfase em Suspenso. Pelotas, RS. 13 de agosto de 2013. - Entrevistador do Projeto “Educação Física +: Praticando Saúde na Escola”, da ESEF/UFPel. Janeiro a Junho de 2013. PÂMELA XAVIER ALVES Eventos: - 53º Congresso da União Nacional dos Estudantes. Goiânia, GO, 29 de maio a 2 de junho. - XXXIV Encontro Nacional de Estudantes de Educação Física. Vitória, ES, 21 a 28 de setembro. - Semana Acadêmica ESEF/UFPel. Pelotas, RS. 22 a 26 de julho de 2013. - X Ciência e Cultura: Ensino, Aprendizagem e Performance Esportiva. Pelotas, RS. 21 e 22 de janeiro de 2014.
  42. 42. RODRIGO WILTGEN FERREIRA Pôsteres/banners: NÍVEL DE ATIVIDADE FÍSICA NO LAZER DE ESTUDANTES NO ENSINO MÉDIO DO INSTITUTO FEDERAL SUL-RIO-GRANDENSE. Rodrigo Wiltgen Ferreira, Luiza Isnardi Cardoso Ricardo, Jorge Otte, Mario Renato de Azevedo Júnior. IX Congresso Brasileiro de Atividade Física e Saúde, 16 de novembro de 2013, Curitiba, PR. Comunicações orais: APOIO SOCIAL E NÍVEL DE ATIVIDADE FÍSICA NO LAZER EM ESCOLARES DE PELOTAS-RS. Luiza Isnardi Cardoso Ricardo, Carla Francieli Spohr, Milena de Oliveira Fortes, Rodrigo Wiltgen Ferreira, Mario Renato de Azevedo Júnior. IX Congresso Brasileiro de Atividade Física e Saúde, 16 de novembro de 2013, Curitiba, PR. ALTERAÇÕES POSTURAIS EM MODELOS PROFISSIONAIS DA CIDADE DE PELOTAS-RS. Rodrigo Wiltgen Ferreira, Luana Rodrigues da Gama, Nívea Servi de Bona, Marcelo Cozzensa da Silva, Fernando Carlos Vinholes Siqueira. XXXII Simpósio Nacional de Educação Física, 23 de novembro de 2013. COMPORTAMENTO SEDENTÁRIO EM ADOLESCENTES DE PAÍSES EM DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA. Rodrigo Wiltgen Ferreira, Luiza Isnardi Cardoso Ricardo. XXXII Simpósio Nacional de Educação Física, 23 de novembro de 2013. Artigos publicados: PREFERÊNCIAS DE ATIVIDADES DE LAZER DE UM GRUPO DE IDOSAS DO EXTREMO SUL DO BRASIL. Luiza Isnardi Cardoso Ricardo, José Antônio Bicca
  43. 43. Ribeiro, Rodrigo Wiltgen Ferreira, Adriana Schüller Cavalli. Revista Licere, v. 16, p. 1-12, 2013. Eventos: - IX Congresso Brasileiro de Atividade Física e Saúde. Paraná, PR. 13 a 16 de novembro de 2013. - XXXII Simpósio Nacional de Educação Física: Boas Práticas em Educação Física – ESEF/UFPel, Pelotas, RS. 20 a 23 de novembro de 2013. - X Ciência e Cultura: Ensino, Aprendizagem e Performance Esportiva. Pelotas, RS. 21 e 22 de janeiro de 2014. TIAGO SILVA DOS SANTOS Pôsteres/banners: ATUAÇÃO DOS ACADÊMICOS DO CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA COMO ENTREVISTADORES DO PROJETO EDUCAÇÃO FÍSICA +: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA. Joubert Caldeira Penny, Misael Aguiar da Cunha, Tiago da Silva dos Santos, Otávio Amaral de Andrade Leão, Natan Feter, Mario Renato Azevedo Júnior. XXXII Simpósio Nacional de Educação Física, 23 de novembro de 2013, Pelotas, RS. INGRESSANTES ESEF/UFPel: ORIGEM DE ENSINO. Jayne Santos Leite, Marcelo Cozzensa da Silva, Otávio Amaral de Andrade Leão, Tiago Silva dos Santos. XXXII Simpósio Nacional de Educação Física, 23 de novembro de 2013, Pelotas, RS. MOTIVO DE ESCOLHA DO CURSO E OBJETIVOS PROFISSIONAIS DE
  44. 44. INGRESSANTES NO CURSO DE LICENCIATURA NOTURNO DA ESEF/UFPEL. Jayne Santos Leite, Marcelo Cozzensa da Silva, Otávio Amaral de Andrade Leão, Tiago Silva dos Santos. XXXII Simpósio Nacional de Educação Física, 23 de novembro de 2013, Pelotas, RS. PERFIL NUTRICIONAL DOS INGRESSOS DO CURSO NOTURNO DA ESEF/UFPel. Jayne Santos Leite, Marcelo Cozzensa da Silva, Otávio Amaral de Andrade Leão, Tiago Silva dos Santos. XXXII Simpósio Nacional de Educação Física, 23 de novembro de 2013, Pelotas, RS. NÍVEL DE CONHECIMENTO DOS INGRESSANTES NO CURSO DE LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA DA ESCOLA SUPERIOR DE EDUCAÇÃO FÍSICA. Jayne Santos Leite, Marcelo Cozzensa da Silva, Otávio Amaral de Andrade Leão, Tiago Silva dos Santos. X Ciência e Cultura, 22 de janeiro de 2014, Pelotas, RS. RELAÇÃO ENTRE O PERFIL NUTRICIONAL E O NÚMERO DE REFEIÇÕES DIÁRIAS DOS INGRESSANTES NO CURSO DE LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA DA ESCOLA SUPERIOR DE EDUCAÇÃO FÍSICA. Jayne Santos Leite, Marcelo Cozzensa da Silva, Otávio Amaral de Andrade Leão, Tiago Silva dos Santos. X Ciência e Cultura, 22 de janeiro, 2014, Pelotas. Eventos: - XVI SulPET: Reconstruindo Identidades – FURG, Rio Grande, RS. 30 de maio a 02 de junho de 2013. - Semana Acadêmica ESEF/UFPel. Pelotas, RS. 22 a 26 de julho de 2013. - IX Congresso Brasileiro de Atividade Física e Saúde. Paraná, PR. 13 a 16 de novembro de 2013. - XXII Congresso de Iniciação Científica da Universidade Federal de Pelotas.
  45. 45. Pelotas, RS. 18 a 22 de novembro de 2013. - XXXII Simpósio Nacional de Educação Física: Boas Práticas em Educação Física – ESEF/UFPel, Pelotas, RS. 20 a 23 de novembro de 2013. - X Ciência e Cultura: Ensino, Aprendizagem e Performance Esportiva. Pelotas, RS. 21 e 22 de janeiro de 2014. Outras atividades realizadas: - II Seminário – Inclusão Escolar: Trabalhando a Diversidade na Escola – PIBID- ESEF/UFPel. 15 de março de 2013. - II Oficina de troca de experiências docentes em atividade física e saúde do projeto "Educação Física +: Praticando Saúde na Escola". Pelotas, RS. 2013. - Entrevistador do Projeto “Educação Física +: Praticando Saúde na Escola”, da ESEF/UFPel. Janeiro a Junho de 2013. - Curso de Treinamento Funcional, com ênfase em Suspenso. Pelotas, RS. 13 de agosto de 2013. 5.3.2. Considerando as atividades desenvolvidas pelo grupo e a ação efetiva do Tutor, relacione, no mínimo, três aspectos que caracterizem avanços qualitativos na formação acadêmica e na formação cidadã dos petianos. - X Ciência e Cultura; - Eventos acadêmicos; - Projetos de extensão da ESEF. Local e Data: Assinatura do Tutor: Marcelo Cozzensa da Silva
  46. 46. Assinatura do representante dos Alunos, escolhido pelo Grupo: Misael Aguiar da Cunha 6 Anexos: 6.1 Outras pesquisas desenvolvidas pelo grupo 6.2 Outros projetos de extensão que tiveram atuação de petianos - Projeto Futebol à Tardinha. (Coord. Prof. Dr. Luiz Carlos Rigo). - Projeto Carinho (Coord. Prof. Dr. Alexandre Marques). - Projeto NATI (Coord. Profª. Drª. Adriana Cavalli). - Projeto Esportes de Ação a Natureza (Prof. Dr. Ênio Pereira). - Projeto SADE (Coord. Prof. Dr. Renato Rochefort). - Projeto Voleibol (Coord. Prof. Dr. Renato Rochefort). - Projeto Basquete em Cadeira de Rodas (Coord. Prof. Dr. Mário Azevedo Jr.). - Projeto GEEAF Escola (Coord. Prof. Pedro Hallal). - Projeto GEEAF Academia (Coord. Prof. Dr. Pedro Hallal). - Projeto Nephros (Prof. Dr. Fabrício Boscolo Dell Vechio). Simpósio Todos os alunos do Programa se engajaram no evento participando da comissão organizadora do mesmo e estando alocados em sub-comissões do mesmo, tais como comissão de recepção, logística, cultural e secretaria. Além disso, através de um sistema de rodízio, tiveram a oportunidade de participar como ouvintes em
  47. 47. palestras e mesas redondas e como apresentadores de trabalho (para aqueles os quais tiveram trabalhos aprovados na forma oral ou pôster). Os alunos tiveram ainda a oportunidade de dialogar com importantes professores ligados ao tema do simpósio. Palestra de recepção dos calouros No ano de 2013, a palestra de recepção aos calouros foi realizada em dois momentos: um no início do ano e outro no início do segundo semestre. Isso acontece pois a Escola de Educação Física possui três cursos distintos, sendo dois de licenciatura (diurno e noturno) e um de bacharelado. A palestra envolveu quase a totalidade de alunos ingressantes na unidade (somente não atingiu aos alunos que faltaram as aulas no dia previsto para a recepção) e dela participaram o diretor e vice-diretor da faculdade, chefes de departamento e chefes de colegiado, os quais se apresentaram aos alunos e descreveram o papel de cada um dos órgãos ao qual respondem. Posteriormente, em cada uma das recepções, dois alunos foram responsáveis pela apresentação da unidade acadêmica, sua estrutura física, projetos de ensino, pesquisa e extensão realizados por professores da faculdade, mostrando como os calouros poderiam nele se integrar. Além disso foram explicitadas as oportunidades de bolsa as quais esses alunos poderiam requerer durante seu tempo de estudos na universidade. Por fim, e não menos importante, uma demonstração do que é o PET, como funciona o programa, atividades que desenvolve e modo de ingresso ao mesmo. Momento Acadêmico No ano de 2013 duas temáticas foram abordadas no momento acadêmico. Uma delas tratou-s e das maneiras de se buscar literatura científica para a realização de trabalhos acadêmicos e outra sobre esportes alternativos. Apesar de temáticas bem distintas entre sí, ambas conseguiram atingir os acadêmicos de ambos cursos da unidade (licenciatura e bacharelado). Além disso, constatou-se uma presença expressiva de alunos do curso de pós-graduação stricto sensu da faculdade bem como a de pessoas de fora da universidade. Ambas palestras foram ministradas por professores com grande experiência teórica/prática sobre os temas abordados, o qual estimulou, ao final de cada um, um número significante de questionamentos acerca dos conteúdos abordados. Também, a partir desse ano, foi iniciado o Momento Petiano. O mesmo atingiu plenamente seus objetivos, auxiliando no ensino prático de apresentação de trabalhos, condução de pesquisas em pequenos grupos e estudo de artigos científicos em língua estrangeira (inglês). Olimpets Um dos maiores trunfos desenvolvidos pelo grupo no ano de 2013 foi a realização das Olimpíadas entre os grupos PET da UFPel. Essa atividade não tratou-se especificamente de um momento de disputa entre seus participantes, mas acima de tudo da confraternização dos indivíduos pertencentes a cada grupo de diferentes unidades acadêmicas. Em um dia de tarefas, todos os participantes, distribuídos em grupos montados com indivíduos dos diferentes PETs da universidade tiveram a oportunidade de participar de jogos intelectuais e físicos, realizar apresentações de teatro, conhecer e confraternizar com os demais colegas e tutores. Em posteriores Interpets, a tarefa foi avaliada com grau de excelência por todos os grupos da UFPel.
  48. 48. Participações em Grupos de Estudos e Laboratórios Os petianos da ESEF foram, mais uma vez, estimulados a se inserir em grupos de ensino, pesquisa e extensão da unidade acadêmica. Todos petianos estiveram envolvidos nos diversos grupos como, por exemplo, o Laboratório de Bioquímica e Fisiologia do Exercício, Grupo de Pesquisa em Epidemiologia da Atividade Física, Treinamento Esportivo e Desempenho Físico, Núcleo de Atividades para Terceira Idade, PIBID, entre tantos outros. O trabalho dos alunos foi orientado por cada um dos responsáveis por esses grupos e/ou laboratórios e seus desempenhos eram relatados de forma verbal em reunião dos responsáveis com o tutor do grupo PET. A oportunidade de escolha e o conhecimento adquirido em cada um dos locais de inserção torna-se fundamental para a base de conhecimentos fundamentais para o trabalho exercido pelo profissional de educação física. Jogos da UFPel Depois de várias décadas sem realização, foram reativados no ano de 2013, os Jogos da UFPel, o qual teve coordenação da Escola Superior de Educação Física auxiliada pelo grupo PET da unidade. Os jogos foram realizados na ESEF, durante vários meses do ano, e englobou as modalidades de voleibol, futsal, handebol e basquetebol, nos naipes masculino e feminino. Os jogos foram importantíssimos pois conseguiram reativar as competições esportivas na universidade, reativando as atléticas das várias unidades acadêmicas e levando uma quantidade muito grande de jogadores e torcida ao ginásio. Além dos benefícios físicos aos participantes, a integração entre os indivíduos foi aspecto objetivado a ser destacado. Os petianos estiveram comprometidos na organização e execução dos jogos, realizando tarefas logísticas, administrativas e de auxílio a arbitragem (como mesários). Relação inter pessoal com os atletas, comissão e árbitros, capacidade de decisão e resolução de problemas, trabalho em grupo, responsabilidade e pontualidade foram plenamente atingidos pelos bolsistas do programa. Seleção de novos petianos Próximo do final do segundo semestre letivo de 2013 aconteceu, mais uma vez, a seleção de novos bolsistas e voluntários ao programa. Neste ano havia a oportunidade de ingresso de quatro novos petianos bolsistas e de três voluntários. Participaram do processo seletivo 23 candidatos dos cursos de licenciatura e bacharelado da ESEF. Destes, doze se qualificaram para as fases finais do processo. Participaram da banca de seleção dos novos ingressantes, os petianos Rodrigo Wiltgen, Gustavo Zaccaria Schaun, Ana Clara Tortelli Schwertner, Pâmela Alves e Laura Muller, além do tutor Marcelo Cozzensa da Silva e do tutor do PET Computação Leomar Junior. Foram selecionados como novos bolsistas os alunos Raquel Hernandez, Adriana Dias, Vagner Franco e Mariana Gamino e como voluntários as alunas Marluci Schafer, Amanda Mendes e Nicole Hinterholz. Aos petianos participantes foi uma grande oportunidade de participar em um processo seletivo como avaliador, possibilitando-os demonstrar sua capacidade argumentativa, questionadora e avaliativa. Cursos de Formação Extracurricular Atendendo as lacunas existentes e a demanda de solicitações dos cursos de Licenciatura e Bacharelado da ESEF, dois cursos foram organizados pelo PET no ano de 2013: "Nutrição Esportiva" e "Treinamento Funcional – Ênfase em Suspensos ". O curso de Nutrição Esportiva abordou temas como bases nutricionais,
  49. 49. nutrição e desempenho e nutrição e saúde. O curso de Treinamento Funcional – ênfase em Suspensos – abordou as bases do treinamento funcional, o histórico do treinamento suspenso, montagem de aulas e avaliação dos alunos. Somente o segundo curso foi teórico-prático. Os alunos do programa foram responsáveis pela divulgação, inscrição, organização e logística dos cursos. Foram, também, responsáveis pela emissão dos certificados e, através de um sistema de rodízio, tiveram oportunidade de participar das aulas ministradas. Os cursos conseguiram atingir um público total de 50 pessoas. Ciência & Cultura O Ciência e Cultura é uma das maiores atividades científicas/culturais desenvolvidas exclusivamente pelo grupo PET/ESEF. Esse ano, o evento, em sua 10ª edição, abordou o tema “Ensino, aprendizagem e performance esportiva” e contou com dois dias inteiros, nos quais houveram mini-cursos (boxe, gestão de carreira em Educação Física, Educação Física na chuva e Atividades Circences), palestras, mesas redondas e apresentações de trabalhos científicos. Uma novidade acontecida neste ano foi a realização de pôsters visuais, os quais eram projetados em salas e eram explicados rapidamente pelo apresentador a todos outros expositores e público em geral. Os petianos coordenaram todo planejamento e execução do evento. A escolha e contato com palestrantes, avaliação de trabalhos científicos, organização de apresentações culturais, credenciamento, emissão de certificados, entre outros, foram tarefas plenamente executadas pelos alunos do grupo. Foram apresentados um total de 30 trabalhos científicos e o evento teve a participação de 67 indivíduos. Curso de Língua estrangeira Como forma de qualificação dos estudantes pertencentes ao programa, o incentivo a aprendizagem constante de uma língua estrangeira é cobrado pelo tutor. Quase a totalidade dos alunos frequentou cursos privados de inglês e, o restante, cursos públicos ou gratuitos (da própria universidade ou disponibilizados pelo governo nacional através da internet). CinePet Durante o ano letivo alguns filmes foram escolhidos para projeção com posterior abordagem crítica através de professores convidados e discussão com a comunidade acadêmica presente. De modo a estimular a participação nos eventos, os quais eram realizados entre as 12:00 e 14:00 horas, o programa oferecia refeições a base de sanduíches e sucos, permitindo com que muitos alunos que se deslocavam para o almoço nesse horário, permanecessem na unidade acadêmica para acompanhar o evento. Além da organização da apresentação e suporte ao palestrante, os alunos do programa foram os responsáveis pela montagem e distribuição dos alimentos aos participantes. Atividades de pesquisa As atividades de pesquisa realizadas pelo grupo foram: - Coorte Ingressantes ESEF/UFPel; (ainda em andamento) - Práticas e estratégias metodológicas de professoras de ginástica laboral; (finalizada)
  50. 50. - Respostas bioquímicas, fisiológicas e psicológicas a dois protocolos de treinamento intervalado de alta intensidade; (finalizada) Atividades de Extensão - Projeto Futebol à Tardinha. (Coord. Prof. Dr. Luiz Carlos Rigo). - Projeto Carinho (Coord. Prof. Dr. Alexandre Marques). - Projeto NATI (Coord. Profª. Drª. Adriana Cavalli). - Projeto Esportes de Ação a Natureza (Prof. Ms. Ênio Pereira). - Projeto SADE (Coord. Prof. Dr. Renato Rochefort). - Projeto Voleibol (Coord. Prof. Dr. Renato Rochefort). - Projeto Basquete em Cadeira de Rodas (Coord. Prof. Dr. Mário Azevedo Jr.). - Projeto GEEAF Escola (Coord. Prof. Dr. Pedro Curi Hallal). - Projeto GEEAF Academia (Coord. Prof. Dr. Marcelo Cozzensa da Silva). - Projeto Nephros (Prof. Dr. Fabrício Boscolo Dell Vechio). Considerações finais As atividades planejadas a serem colocadas em execução durante o ano de 2013 foram plenamente desenvolvidas. A avaliação realizada pelo grupo ao final de cada uma das atividades executadas, bem como ao final do ano letivo, mostraram uma unanimidade entre os participantes do programa no que se trata do bom funcionamento e alcance dos objetivos propostos para as atividades. Todas as atividades foram executadas, sem exceção. Apesar disso, é importante salientar que a demora e burocracia para se conseguir utilizar a verba de custeio, poderia ter criado alguns impasses para a execução das atividades propostas. Isso não aconteceu pela capacidade de mobilização do grupo, imaginação e ajuda da unidade acadêmica. Aproveitamos para enfatizar a importância de se detalhar cada uma das atividades no ícone detalhamento deste relatório, o qual só nos dá oportunidade realizar uma descrição única para todas.

×