“ Falo contigo” Soneto Avanço automático
Falo contigo nesta madrugada Da única maneira que consigo E esta caneta minha, tão calada, Acaricia o seu papel amigo…
Vai desenhando as letras com ternura, Vai beijando o caderno com ardor E fala de tristeza e de ventura, Fala de solidão, f...
Fala do raio verde ao sol poente, Da noite que se estende sem fronteiras, Da maresia que ora invade a gente…
Do bosque aonde caminho sem canseiras. De um pássaro trinando de contente,  Fala de Ti, Amor, de mil maneiras!
Texto e formatação de Maria de Aguiar Marçalo
Música :”Somewhere my love”  por Roger Williams.
 
 
 
 
 
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

"Falo contigo"

612 visualizações

Publicada em

Soneto

Publicada em: Tecnologia
3 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
612
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
15
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
12
Comentários
3
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

"Falo contigo"

  1. 1. “ Falo contigo” Soneto Avanço automático
  2. 2. Falo contigo nesta madrugada Da única maneira que consigo E esta caneta minha, tão calada, Acaricia o seu papel amigo…
  3. 3. Vai desenhando as letras com ternura, Vai beijando o caderno com ardor E fala de tristeza e de ventura, Fala de solidão, fala de amor.
  4. 4. Fala do raio verde ao sol poente, Da noite que se estende sem fronteiras, Da maresia que ora invade a gente…
  5. 5. Do bosque aonde caminho sem canseiras. De um pássaro trinando de contente, Fala de Ti, Amor, de mil maneiras!
  6. 6. Texto e formatação de Maria de Aguiar Marçalo
  7. 7. Música :”Somewhere my love” por Roger Williams.

×