Seminário de Logística
29 de novembro de
2010
AVALIAÇÃO DO SERVIÇO DE DISTRIBUIÇÃO FÍSICA
AO SETOR SUPERMERCADISTA NO ESTA...
Seminário de Logística
29 de novembro de
2010
o Avaliação do serviço de distribuição física da classe de Alimentos
Perecív...
Seminário de Logística
29 de novembro de
2010
OBJETIVOS
OBJETIVO GERAL:
o Avaliar o serviço logístico prestado pelas empre...
Seminário de Logística
29 de novembro de
2010
METODOLOGIA
o Baseada: Pesquisa Benchmark – Serviço ao Cliente (CEL), aplica...
Seminário de Logística
29 de novembro de
2010
APRESENTAÇÃO E ANÁLISE DE DADOS
o Perfil da Amostra:
• Localização: Vitória ...
Seminário de Logística
29 de novembro de
2010
APRESENTAÇÃO E ANÁLISE DE DADOS
o Posicionamento Estratégico
Figura 1: Nível...
Seminário de Logística
29 de novembro de
2010
APRESENTAÇÃO E ANÁLISE DE DADOS
o Posicionamento Estratégico
Figura 2: Impor...
Seminário de Logística
29 de novembro de
2010
APRESENTAÇÃO E ANÁLISE DE DADOS
1. Disponibilidade do Produto:
• Percentual ...
Seminário de Logística
29 de novembro de
2010
Nos últimos anos tem ocorrido
um pequeno crescimento de
insatisfação, por pa...
Seminário de Logística
29 de novembro de
2010
APRESENTAÇÃO E ANÁLISE DE DADOS
2. Tempo do Ciclo do Pedido:
• Tempo entre p...
Seminário de Logística
29 de novembro de
2010
APRESENTAÇÃO E ANÁLISE DE DADOS
3. Consistência no Prazo de Entrega
% entreg...
Seminário de Logística
29 de novembro de
2010
APRESENTAÇÃO E ANÁLISE DE DADOS
4. Frequência de Entrega
Prática de mercado ...
Seminário de Logística
29 de novembro de
2010
APRESENTAÇÃO E ANÁLISE DE DADOS
6. Sistema de Informação de Apoio
Seminário de Logística
29 de novembro de
2010
6. Sistema de Informação de Apoio
O percentual dos pedidos que resultam em s...
Seminário de Logística
29 de novembro de
2010
APRESENTAÇÃO E ANÁLISE DE DADOS
7. Sistema de Remediação de Falhas
a) Mercad...
Seminário de Logística
29 de novembro de
2010
APRESENTAÇÃO E ANÁLISE DE DADOS
8. Apoio na Entrega Física
Seminário de Logística
29 de novembro de
2010
CONCLUSÕES
…
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Benchmark - ES

712 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
712
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Calado;
    Acessos rodoviários;
    Tarifas;
    Infraestrutura
    Armazenagem
  • Assim identificamos que a disponibilidade de produto é o que mais importa para os supermercadistas, o que mostra a importancia da falta do produto na gôndola.
  • Anteriormente, os consumidores se preocupavam apenas com as variáveis, “Produto” e “Preço”, mas isso vem se modificando e atualmente, outras variáveis têm sido valorizadas, tais como os prazos de entrega, bom atendimento, disponibilidade do produto e ausência de avarias, causando assim, uma transformação nas empresas modernas
  • Dos 100 pedidos, 84 estao disponiveis e 83 são entregues no total.
  • Benchmark - ES

    1. 1. Seminário de Logística 29 de novembro de 2010 AVALIAÇÃO DO SERVIÇO DE DISTRIBUIÇÃO FÍSICA AO SETOR SUPERMERCADISTA NO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO Autora: Vanessa Pacheco Grillo
    2. 2. Seminário de Logística 29 de novembro de 2010 o Avaliação do serviço de distribuição física da classe de Alimentos Perecíveis, a partir: o Oito dimensões do serviço logísitico: Disponibilidade do Produto; Consistência no Prazo de entrega; Tempo do Ciclo do Pedido Frequência de Entrega; Flexibilidade do Sistema de Distribuição; Sistema de Informação de Apoio; Sistema de Remediação de Falhas; Apoio na Entrega Física INTRODUÇÃO
    3. 3. Seminário de Logística 29 de novembro de 2010 OBJETIVOS OBJETIVO GERAL: o Avaliar o serviço logístico prestado pelas empresas industriais a seus clientes supermercadistas no setor da indústria de Alimentos Perecíveis; OBJETIVOS ESPECÍFICOS: o Identificar os pressupostos básicos para avaliação do serviço de distribuiçao física – Levantamento bibliográfico; o Investigar os atributos mais valorizados – Expectativa; o Verificar o desempenho dos fornecedores: benchmark (Melhor Prática), típico (Prática de Mercado) e o desempenho mínimo (Expectativa Mínima); o Realizar análise comparativa – Pesquisa Benchmark, 2009.
    4. 4. Seminário de Logística 29 de novembro de 2010 METODOLOGIA o Baseada: Pesquisa Benchmark – Serviço ao Cliente (CEL), aplicada nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba, Recife e Belo Horizonte; o Classe: Alimentos Perecíveis; o Questionário fechado – Gerentes de Loja e Encarregados de Perecíveis; o Amostra: 12 supermercados de empresas atuantes no Estado do Espirito Santo.
    5. 5. Seminário de Logística 29 de novembro de 2010 APRESENTAÇÃO E ANÁLISE DE DADOS o Perfil da Amostra: • Localização: Vitória e Vila Velha; • Faturamento: até 5 milhões de reais por loja; • Classe de Produtos: Alimentos Perecíveis; • Entrevistados: Gerente de Loja e Encarregado de Perecíveis; • Número médio de checkouts: 14.
    6. 6. Seminário de Logística 29 de novembro de 2010 APRESENTAÇÃO E ANÁLISE DE DADOS o Posicionamento Estratégico Figura 1: Nível de importância para o atual processo de suprimentos de mercadorias
    7. 7. Seminário de Logística 29 de novembro de 2010 APRESENTAÇÃO E ANÁLISE DE DADOS o Posicionamento Estratégico Figura 2: Importância dos fatores na decisão de seleção de determinado fornecedor
    8. 8. Seminário de Logística 29 de novembro de 2010 APRESENTAÇÃO E ANÁLISE DE DADOS 1. Disponibilidade do Produto: • Percentual de Confirmação de Pedido (%); • Percentual Entregue do Total do Pedido (%); • Recebimento de pendências – (Apenas 3). Esse índice pode gerar falta de estoque na operação dos clientes e criar assim, considerável insatisfação, se os produtos forem de alta rotação como a maioria dos Perecíveis
    9. 9. Seminário de Logística 29 de novembro de 2010 Nos últimos anos tem ocorrido um pequeno crescimento de insatisfação, por parte dos supermercadistas das grandes capitais, em termos de Disponibilidade e Consistência, com exceção do Tempo do Ciclo do Pedido.
    10. 10. Seminário de Logística 29 de novembro de 2010 APRESENTAÇÃO E ANÁLISE DE DADOS 2. Tempo do Ciclo do Pedido: • Tempo entre pedido e recebimento (dias). o Prática de Mercado – 4 dias o Melhor Prática – 2 dias o Expectativa Mínima – 3 dias • Maiores reclamações: Atrasos diversos no transporte e dificuldade de entrega nos clientes. • Grande gargalo logístico existente no ES.
    11. 11. Seminário de Logística 29 de novembro de 2010 APRESENTAÇÃO E ANÁLISE DE DADOS 3. Consistência no Prazo de Entrega % entregas atrasadas. Mercado - 16% Melhor prática e expectativa - 5% Tempo de atraso: Mercado – 3 dias Expectativa e melhor prática - max. 1 dia Segundo pesquisa Benchmark 2009, varejista não tolera receber: 2009 - 9,4% de entregas atrasadas (mais tolerante) 2007 - 9,2% ES - 5% (mais exigente)
    12. 12. Seminário de Logística 29 de novembro de 2010 APRESENTAÇÃO E ANÁLISE DE DADOS 4. Frequência de Entrega Prática de mercado - 6 entregas por mês Melhor prática e expectativa mínima - 8 por mês 5. Flexibilidade do Sistema de Distribuição 4.5 4,7 3.0 4.3 4.0 2.7 4.2 0 1 2 3 4 5 1.Horario especial entrega 2.Embalagem Transporte 3.Local de Descarga Especial 4.Adiantamento de Entrega 5.Entregas Urgentes 6.Alterações no Pedido 7.Aviso Prévio de Entrega
    13. 13. Seminário de Logística 29 de novembro de 2010 APRESENTAÇÃO E ANÁLISE DE DADOS 6. Sistema de Informação de Apoio
    14. 14. Seminário de Logística 29 de novembro de 2010 6. Sistema de Informação de Apoio O percentual dos pedidos que resultam em solicitações de informações sobre o status do pedido - 27%. Geralmente, essas solicitações ocorrem quando é percebido atraso nas entregas. E o percentual de solicitações que são atendidas chega a 74% do total. Prática de Mercado Expectativa Minima Melhor Prática Mudanças de Condições Comerciais/Promocionais 10 dias 13 dias 13 dias Atrasos 3 dias 6 dias 5 dias Novos Produtos 28 dias 28 dias 28 dias
    15. 15. Seminário de Logística 29 de novembro de 2010 APRESENTAÇÃO E ANÁLISE DE DADOS 7. Sistema de Remediação de Falhas a) Mercado - 23% resultam em reclamações para o fornecedor Melhor prática - 15% Expectativa - 4% b) Tempo médio de resolução: : Mercado - 13 h Melhor Prática – 3h Expectativa – 4h 4.3 4,7 4.8 3.5 4.4 4.8 1 2 2 3 3 4 4 5 5 1. Avarias no produto 2.Embalagem de Transporte 3.Erro na documentação 4. Tempo de remediação de falhas 5. Atrasos 6.Mercadoria em desacordo
    16. 16. Seminário de Logística 29 de novembro de 2010 APRESENTAÇÃO E ANÁLISE DE DADOS 8. Apoio na Entrega Física
    17. 17. Seminário de Logística 29 de novembro de 2010 CONCLUSÕES …

    ×