SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 23
Baixar para ler offline
Aluna: Madalena Passeiro
Enfermeira: Inês Morujo
Cuidados ao recém-nascido

Proporcionar conforto e bem-estar ao bebé;


Evitar infecções, através da limpeza cuidadosa do
recém-nascido, no banho;


Prevenir infecção do cordão umbilical;


Adequar o vestuário do bebé à temperatura ambiente;
Cuidados ao recém-nascido
       Os cuidados de higiene são
  indispensáveis, pois, previnem infecções. O sistema
  imunitário do recém-nascido ainda não está
  totalmente desenvolvido, desta forma tornam-se
  essenciais.

A pele é a primeira defesa do
Recém-nascido, por isso, deve
estar bem cuidada.
Cuidados ao recém-nascido

  A pele
  O Banho Parcial
  O Banho Total
  Cuidados coto umbilical
  Troca da fralda
  O Vestuário
  Corte das unhas
A pele

Eritema tóxico  é uma erupção papular rósea
com vesículas espalhadas pelo tórax, costas,
nádegas e abdómen.

Icterícia fisiológica  Imaturidade hepática,
cor amarelada do Recém-nascido.

Mancha Mongólica  mancha cor ardósia,
comum na zona sacrococcígena.
A pele

Mília  Pequenos pontos brancos na face.



Lanugo  Camada de pelos muito fina, que cai na 1ª
semana de vida.



Vérnix caseoso  Camada de gordura branca produzida
 pelas glândulas sebáceas.
O Banho
 2 Toalhas e 1 Resguardo
 Esponja/ mão
 Sabão neutro/ shampoo
 Pente
 Compressas esterilizadas/ não esterilizadas
 Soro fisiológico
 Álcool a 70% (Sem Cetrimizida)
 Fralda
 Roupa
 Recipiente com água morna (cerca de 37ºC)
 Óleo de amêndoas doces ou creme hidratante
O Banho
O banho é um momento especial para o bebé e para os pais pois promove
  a troca de afecto.
E por isso os pais devem tornar o ambiente confortável para o bebé…


  O banho deve ser dado num espaço limpo e espaçoso, o material deve
  estar previamente preparado .
Temperatura
 Exterior deve ser 22-24º C ( sem correntes de ar)
 Da água de 37ºC

           Manhã
Horas                   Dependendo da reacção do
                        bebé
           Noite
O Banho
        O banho pode ser dado de duas formas:




O banho é o cuidado ao recém-nascido que mais assusta
                        os pais…
Por isso vamos dar
Alguns conselhos…
O Banho

 Colocar o bebé sobre uma superfície plana e macia (ex. toalha
limpa), tendo próximo um recipiente com água morna, previamente
preparado;

 Testar a temperatura da água com o cotovelo ou interior do punho;

 Limpar os olhos do bebé com compressas esterilizadas embebidas
em soro fisiológico (um/a para cada olho), efectuando movimentos
suaves e únicos.
O Banho
 Lavar a face com água morna, incluindo as narinas e as orelhas, com a ajuda de compressas
humedecidas, efectuando movimentos suaves e únicos, de dentro para fora;
 Lavar a cabeça com movimentos circulares, secá-la e colocar um gorro;
 Manter o bebé coberto e aquecido, após despi-lo;
 Lavar o bebé de com uma ordem cefalo-caudal.
 Lavar as dobras atrás dos joelhos, do pescoço e das coxas, bem como as axilas, com a toalha ou
pano humedecido com a água morna;
 Retirar a fralda
 Limpar os genitais e rabinho do bebé;
 Secar cada parte do corpo, pressionando levemente a toalha sobre a pele, à medida que se vai
limpando o bebé, zona a zona;
 Vestir rapidamente o bebe e penteá-lo.
O Banho
 Encher a banheira ou bacia com água
fria, acrescentando, gradualmente, água quente; ( 3- 4 dedos de altura)
 Testar a temperatura da água, colocando o cotovelo/ interior do
punho dentro de água;
 Lavar a cabeça do bebé (mantendo-o vestido ou enrolado na toalha)
levando água com a mão em concha;
O Banho
L impar a face e os olhos do bebé, com compressas com água morna
   para o rosto e, soro fisiológico para os olhos (uma compressa
   para cada olho), fazendo movimentos suaves e únicos, de fora
   para dentro;
O Banho

 Posicionar o bebé de barriga para cima, segurando-o pela
  nuca, com o braço, utilizando a mão livre em concha para colher
  água;
O Banho
 Transferir o apoio do bebé para o braço contrário, de forma a que
 fique de barriga para baixo;
O Banho
 Colocar o bebé sobre uma toalha, previamente colocada na
  proximidade, secando-o ligeiramente, cobrindo-o, sem esfregar;
 Pode colocar óleo hidratante, sem retirar, excessivamente, a água
  da pele do bebé;
 Vestir, rapidamente, o bebé, após o banho
Cuidados com o coto umbilical
                 Limpar o cordão sempre
           após a troca de fralda e após o banho




 Lavar sempre muito bem as mãos antes de iniciar o
procedimento.
 Limpar a pele que rodeia o cordão umbilical, utilizando
uma compressa com álcool a 70° para cada zona e também
para o clampe;
 Fazer um movimento único e suave com a compressa.
 Quando colocar a fralda dobre a parte superior da fralda
para não ficar em cima do cordão umbilical. (harmonia)
Troca da fralda
      Organizar o material necessário na troca de fralda;

      É necessário Água , sabão neutro e uma esponja/ compressa.




       Se necessário, utilizar um creme hidratante protector para a pele.
( rico em vitamina A).
      Trocar a fralda frequentemente, sempre que esta estiver molhada.
Vestuário
Os tecidos indicados são a lã, o linho e o algodão.
Devem ser confortáveis e de acordo com a temperatura
  ambiente.
Permitam uma troca de fraldas sem que seja necessário
  despir o bebe por completo.

                         Lavar:
                          Sempre a roupa separadamente das
                         outras peças da casa;
                          Pode ser lavada na máquina;
                          Utilizar sabão neutro ou detergente
                         próprio para bebés.
                                               lixívia ou amaciador
Corte das unhas
 Logo após o nascimento;
 Enquanto o bebé dorme;
 Depois do banho .


 Corta unhas ou tesoura de pontas redondas;
 Toalha para apanhar as unhas.
Conclusão
O banho, os cuidados com o cordão umbilical, o
 vestuário, a troca de fraldas, bem como as rotinas
 estabelecidas pelos pais são fundamentais para um
 crescimento e desenvolvimento saudáveis do bebé.

 Permitem a observação da sua condição física;
 Promovem o conforto do bebé e previnem
infecções;
 Acima de tudo, permitem a socialização
do bebé com os pais.
Dúvidas?
Bibliografia

URL: http://www.clubedobebe.com.br. Manual dos Primeiros Anos.
 2004



 URL: http://www.pampers.com.br. Dicas para o banho do bebé. 2005.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Alojamento conjunto e enfermagem
Alojamento conjunto e enfermagemAlojamento conjunto e enfermagem
Alojamento conjunto e enfermagemjusantos_
 
AMAMENTAÇÃO
AMAMENTAÇÃOAMAMENTAÇÃO
AMAMENTAÇÃOblogped1
 
Cuidados com o recém-nascido no pós-parto
Cuidados com o recém-nascido no pós-partoCuidados com o recém-nascido no pós-parto
Cuidados com o recém-nascido no pós-partoAmanda Thomé
 
Aula assistência de enfermagem no puerperio imeditato
Aula assistência de enfermagem no puerperio imeditatoAula assistência de enfermagem no puerperio imeditato
Aula assistência de enfermagem no puerperio imeditatoViviane da Silva
 
Crescimento e desenvolvimento infantil
Crescimento e desenvolvimento infantilCrescimento e desenvolvimento infantil
Crescimento e desenvolvimento infantilAlexandre Donha
 
AULA 1 - Neonatologia aplicada a Enfermagem
AULA 1 - Neonatologia aplicada a EnfermagemAULA 1 - Neonatologia aplicada a Enfermagem
AULA 1 - Neonatologia aplicada a EnfermagemBeatriz Cordeiro
 
SAÚDE DA CRIANÇA E ADOLESCENTE AULA 2.pptx
SAÚDE DA CRIANÇA E ADOLESCENTE AULA 2.pptxSAÚDE DA CRIANÇA E ADOLESCENTE AULA 2.pptx
SAÚDE DA CRIANÇA E ADOLESCENTE AULA 2.pptxWellingtonTeixeira24
 
Hospitalização infantil
Hospitalização infantilHospitalização infantil
Hospitalização infantilWAGNER OLIVEIRA
 
A higienização do recen nascido
A higienização do recen  nascido A higienização do recen  nascido
A higienização do recen nascido Luiz Ramos Vieira
 
Assistência de enfermagem ao recém nascido prematuro
Assistência de enfermagem ao recém nascido prematuroAssistência de enfermagem ao recém nascido prematuro
Assistência de enfermagem ao recém nascido prematuroJuliana Maciel
 
ASSISTÊNCIA AO RN.pptx
ASSISTÊNCIA AO RN.pptxASSISTÊNCIA AO RN.pptx
ASSISTÊNCIA AO RN.pptxNatasha Louise
 
Características recém nascidos: o que é normal e o que não é
Características recém nascidos: o que é normal e o que não éCaracterísticas recém nascidos: o que é normal e o que não é
Características recém nascidos: o que é normal e o que não éViviane da Silva
 

Mais procurados (20)

Alojamento conjunto e enfermagem
Alojamento conjunto e enfermagemAlojamento conjunto e enfermagem
Alojamento conjunto e enfermagem
 
AMAMENTAÇÃO
AMAMENTAÇÃOAMAMENTAÇÃO
AMAMENTAÇÃO
 
Cuidados com o recém-nascido no pós-parto
Cuidados com o recém-nascido no pós-partoCuidados com o recém-nascido no pós-parto
Cuidados com o recém-nascido no pós-parto
 
Aula assistência de enfermagem no puerperio imeditato
Aula assistência de enfermagem no puerperio imeditatoAula assistência de enfermagem no puerperio imeditato
Aula assistência de enfermagem no puerperio imeditato
 
Crescimento e desenvolvimento infantil
Crescimento e desenvolvimento infantilCrescimento e desenvolvimento infantil
Crescimento e desenvolvimento infantil
 
AULA 1 - Neonatologia aplicada a Enfermagem
AULA 1 - Neonatologia aplicada a EnfermagemAULA 1 - Neonatologia aplicada a Enfermagem
AULA 1 - Neonatologia aplicada a Enfermagem
 
SAÚDE DA CRIANÇA E ADOLESCENTE AULA 2.pptx
SAÚDE DA CRIANÇA E ADOLESCENTE AULA 2.pptxSAÚDE DA CRIANÇA E ADOLESCENTE AULA 2.pptx
SAÚDE DA CRIANÇA E ADOLESCENTE AULA 2.pptx
 
Puericultura
PuericulturaPuericultura
Puericultura
 
Enfermagem ObstéTrica Parte 1
Enfermagem ObstéTrica Parte 1Enfermagem ObstéTrica Parte 1
Enfermagem ObstéTrica Parte 1
 
Hospitalização infantil
Hospitalização infantilHospitalização infantil
Hospitalização infantil
 
A higienização do recen nascido
A higienização do recen  nascido A higienização do recen  nascido
A higienização do recen nascido
 
Assistência de enfermagem ao recém nascido prematuro
Assistência de enfermagem ao recém nascido prematuroAssistência de enfermagem ao recém nascido prematuro
Assistência de enfermagem ao recém nascido prematuro
 
SAÚDE DA CRIANÇA: ENFERMAGEM
SAÚDE DA CRIANÇA: ENFERMAGEMSAÚDE DA CRIANÇA: ENFERMAGEM
SAÚDE DA CRIANÇA: ENFERMAGEM
 
ASSISTÊNCIA AO RN.pptx
ASSISTÊNCIA AO RN.pptxASSISTÊNCIA AO RN.pptx
ASSISTÊNCIA AO RN.pptx
 
Aleitamento Materno - album seriado do MS/UNICEF
Aleitamento Materno - album seriado do MS/UNICEFAleitamento Materno - album seriado do MS/UNICEF
Aleitamento Materno - album seriado do MS/UNICEF
 
Características recém nascidos: o que é normal e o que não é
Características recém nascidos: o que é normal e o que não éCaracterísticas recém nascidos: o que é normal e o que não é
Características recém nascidos: o que é normal e o que não é
 
SAÚDE DA MULHER: ENFERMAGEM
SAÚDE DA MULHER: ENFERMAGEMSAÚDE DA MULHER: ENFERMAGEM
SAÚDE DA MULHER: ENFERMAGEM
 
A Importância do Pré-Natal
A Importância do Pré-NatalA Importância do Pré-Natal
A Importância do Pré-Natal
 
Saúde da Mulher na APS
Saúde da Mulher na APSSaúde da Mulher na APS
Saúde da Mulher na APS
 
Saúde da Mulher
Saúde da MulherSaúde da Mulher
Saúde da Mulher
 

Destaque

Cuidados com a pele da criança
Cuidados com a pele da criançaCuidados com a pele da criança
Cuidados com a pele da criançablogped1
 
Atenção ao recém nascido prematuro de risco em uruguaiana versão3
Atenção ao recém nascido prematuro de risco em uruguaiana versão3Atenção ao recém nascido prematuro de risco em uruguaiana versão3
Atenção ao recém nascido prematuro de risco em uruguaiana versão3Liene Campos
 
Cuidados De Enfermagem Em Uti Pediátrica
Cuidados De Enfermagem Em Uti PediátricaCuidados De Enfermagem Em Uti Pediátrica
Cuidados De Enfermagem Em Uti PediátricaRenato Bach
 
CordVida - Apresentação curso cuidados com o Bebê
CordVida - Apresentação curso cuidados com o BebêCordVida - Apresentação curso cuidados com o Bebê
CordVida - Apresentação curso cuidados com o BebêCORDVIDA
 
Informações Básicas (Cuidados com o RN e Amamentação)
Informações Básicas (Cuidados com o RN e Amamentação)Informações Básicas (Cuidados com o RN e Amamentação)
Informações Básicas (Cuidados com o RN e Amamentação)Neto Pontes
 
Imunologia - Vacinas
Imunologia - VacinasImunologia - Vacinas
Imunologia - VacinasLABIMUNO UFBA
 
Apresentação Calendário Vacinal 2016
Apresentação Calendário Vacinal 2016Apresentação Calendário Vacinal 2016
Apresentação Calendário Vacinal 2016imunizacao
 
manual de assistencia ao recem nascido
manual de assistencia ao recem nascidomanual de assistencia ao recem nascido
manual de assistencia ao recem nascidoFlavia Oliveira
 
Técnicas de administração de vacinas 2016
Técnicas de administração de vacinas 2016Técnicas de administração de vacinas 2016
Técnicas de administração de vacinas 2016imunizacao
 
atenção à saúde da criança
 atenção à saúde da criança atenção à saúde da criança
atenção à saúde da criançacharlesalannet
 

Destaque (19)

Cuidados com a pele da criança
Cuidados com a pele da criançaCuidados com a pele da criança
Cuidados com a pele da criança
 
Atenção ao recém nascido prematuro de risco em uruguaiana versão3
Atenção ao recém nascido prematuro de risco em uruguaiana versão3Atenção ao recém nascido prematuro de risco em uruguaiana versão3
Atenção ao recém nascido prematuro de risco em uruguaiana versão3
 
Cuidados De Enfermagem Em Uti Pediátrica
Cuidados De Enfermagem Em Uti PediátricaCuidados De Enfermagem Em Uti Pediátrica
Cuidados De Enfermagem Em Uti Pediátrica
 
Uti Neonatal Parte 1
Uti Neonatal Parte 1Uti Neonatal Parte 1
Uti Neonatal Parte 1
 
Cuidados com o bebê
Cuidados com o bebêCuidados com o bebê
Cuidados com o bebê
 
CordVida - Apresentação curso cuidados com o Bebê
CordVida - Apresentação curso cuidados com o BebêCordVida - Apresentação curso cuidados com o Bebê
CordVida - Apresentação curso cuidados com o Bebê
 
Recién Nacido Patológico
Recién Nacido PatológicoRecién Nacido Patológico
Recién Nacido Patológico
 
Vacinas
VacinasVacinas
Vacinas
 
Atencao basica-psf (1)
Atencao basica-psf (1)Atencao basica-psf (1)
Atencao basica-psf (1)
 
Informações Básicas (Cuidados com o RN e Amamentação)
Informações Básicas (Cuidados com o RN e Amamentação)Informações Básicas (Cuidados com o RN e Amamentação)
Informações Básicas (Cuidados com o RN e Amamentação)
 
Vacinas
VacinasVacinas
Vacinas
 
Neonatologia
NeonatologiaNeonatologia
Neonatologia
 
Imunologia - Vacinas
Imunologia - VacinasImunologia - Vacinas
Imunologia - Vacinas
 
Apresentação Calendário Vacinal 2016
Apresentação Calendário Vacinal 2016Apresentação Calendário Vacinal 2016
Apresentação Calendário Vacinal 2016
 
Vacinas
VacinasVacinas
Vacinas
 
manual de assistencia ao recem nascido
manual de assistencia ao recem nascidomanual de assistencia ao recem nascido
manual de assistencia ao recem nascido
 
Técnicas de administração de vacinas 2016
Técnicas de administração de vacinas 2016Técnicas de administração de vacinas 2016
Técnicas de administração de vacinas 2016
 
atenção à saúde da criança
 atenção à saúde da criança atenção à saúde da criança
atenção à saúde da criança
 
Trabalho vacinas
Trabalho vacinas Trabalho vacinas
Trabalho vacinas
 

Semelhante a Cuidados essenciais ao recém-nascido

A Higiene dos Bebés
A Higiene dos BebésA Higiene dos Bebés
A Higiene dos BebésAna Lagos
 
A higiene do bebé
A higiene do bebéA higiene do bebé
A higiene do bebébecresforte
 
Apostila cuidados recem nascido
Apostila cuidados recem nascidoApostila cuidados recem nascido
Apostila cuidados recem nascidovanessasossai
 
cuidadoscomorn-130718003659-phpapp02.pdf
cuidadoscomorn-130718003659-phpapp02.pdfcuidadoscomorn-130718003659-phpapp02.pdf
cuidadoscomorn-130718003659-phpapp02.pdfJssicaBizinoto
 
4 cuidados com o bebe
4 cuidados com o bebe4 cuidados com o bebe
4 cuidados com o bebeFilipe Fiel
 
Higiene Pessoal Do Idoso
Higiene Pessoal Do IdosoHigiene Pessoal Do Idoso
Higiene Pessoal Do Idosoguest5629953
 
Como cuidar do meu filho com EB
Como cuidar do meu filho com EBComo cuidar do meu filho com EB
Como cuidar do meu filho com EBtauani26
 
3 alimentação primeiro ano de vida
3  alimentação primeiro ano de vida3  alimentação primeiro ano de vida
3 alimentação primeiro ano de vidaLurdesmartins17
 
Orientações sobre aleitamento materno e período pós
Orientações sobre aleitamento materno e período pósOrientações sobre aleitamento materno e período pós
Orientações sobre aleitamento materno e período pósPatrícia Müller
 
Banho no recem_nascido
Banho no recem_nascidoBanho no recem_nascido
Banho no recem_nascidopryloock
 
Livreto aleitamento materno hospital
Livreto aleitamento materno hospitalLivreto aleitamento materno hospital
Livreto aleitamento materno hospitalPatrícia Müller
 
FUNDAMENTOS DE ENFERMAGEM.pptx...........
FUNDAMENTOS DE ENFERMAGEM.pptx...........FUNDAMENTOS DE ENFERMAGEM.pptx...........
FUNDAMENTOS DE ENFERMAGEM.pptx...........SimoneDoCarmodeJesus2
 
Introdução de Enfermagem
 Introdução de Enfermagem  Introdução de Enfermagem
Introdução de Enfermagem KalianeValente
 
Como dar um banho no leito
Como dar um banho no leitoComo dar um banho no leito
Como dar um banho no leitonatalineller
 
04 gestação, amamentação e o recém nascido
04 gestação, amamentação e o recém nascido04 gestação, amamentação e o recém nascido
04 gestação, amamentação e o recém nascidoPraxis Educativa
 
Cartilha Odete Valadares
Cartilha Odete ValadaresCartilha Odete Valadares
Cartilha Odete ValadaresRebeca - Doula
 

Semelhante a Cuidados essenciais ao recém-nascido (20)

A Higiene dos Bebés
A Higiene dos BebésA Higiene dos Bebés
A Higiene dos Bebés
 
A higiene do bebé
A higiene do bebéA higiene do bebé
A higiene do bebé
 
Apostila cuidados recem nascido
Apostila cuidados recem nascidoApostila cuidados recem nascido
Apostila cuidados recem nascido
 
cuidadoscomorn-130718003659-phpapp02.pdf
cuidadoscomorn-130718003659-phpapp02.pdfcuidadoscomorn-130718003659-phpapp02.pdf
cuidadoscomorn-130718003659-phpapp02.pdf
 
2
22
2
 
4 cuidados com o bebe
4 cuidados com o bebe4 cuidados com o bebe
4 cuidados com o bebe
 
Higiene Pessoal Do Idoso
Higiene Pessoal Do IdosoHigiene Pessoal Do Idoso
Higiene Pessoal Do Idoso
 
Como cuidar do meu filho com EB
Como cuidar do meu filho com EBComo cuidar do meu filho com EB
Como cuidar do meu filho com EB
 
3 alimentação primeiro ano de vida
3  alimentação primeiro ano de vida3  alimentação primeiro ano de vida
3 alimentação primeiro ano de vida
 
Orientações sobre aleitamento materno e período pós
Orientações sobre aleitamento materno e período pósOrientações sobre aleitamento materno e período pós
Orientações sobre aleitamento materno e período pós
 
fund.pptx
fund.pptxfund.pptx
fund.pptx
 
Banho no recem_nascido
Banho no recem_nascidoBanho no recem_nascido
Banho no recem_nascido
 
Livreto aleitamento materno hospital
Livreto aleitamento materno hospitalLivreto aleitamento materno hospital
Livreto aleitamento materno hospital
 
Avd's
Avd'sAvd's
Avd's
 
GuiaDoCuidaFam_v2.0
GuiaDoCuidaFam_v2.0GuiaDoCuidaFam_v2.0
GuiaDoCuidaFam_v2.0
 
FUNDAMENTOS DE ENFERMAGEM.pptx...........
FUNDAMENTOS DE ENFERMAGEM.pptx...........FUNDAMENTOS DE ENFERMAGEM.pptx...........
FUNDAMENTOS DE ENFERMAGEM.pptx...........
 
Introdução de Enfermagem
 Introdução de Enfermagem  Introdução de Enfermagem
Introdução de Enfermagem
 
Como dar um banho no leito
Como dar um banho no leitoComo dar um banho no leito
Como dar um banho no leito
 
04 gestação, amamentação e o recém nascido
04 gestação, amamentação e o recém nascido04 gestação, amamentação e o recém nascido
04 gestação, amamentação e o recém nascido
 
Cartilha Odete Valadares
Cartilha Odete ValadaresCartilha Odete Valadares
Cartilha Odete Valadares
 

Mais de Instituto Superior de Ciências da Administração (10)

Trabalho estudo de caso ensino clinico pediatria (reparado)
Trabalho estudo de caso ensino clinico pediatria (reparado)Trabalho estudo de caso ensino clinico pediatria (reparado)
Trabalho estudo de caso ensino clinico pediatria (reparado)
 
Apresentação afo
Apresentação afoApresentação afo
Apresentação afo
 
Corpo passado, presente e futuro do taylorismo (em pdf)-1
Corpo  passado, presente e futuro do  taylorismo (em pdf)-1Corpo  passado, presente e futuro do  taylorismo (em pdf)-1
Corpo passado, presente e futuro do taylorismo (em pdf)-1
 
Apresentação regime juridico e função pública final
Apresentação regime juridico e função pública finalApresentação regime juridico e função pública final
Apresentação regime juridico e função pública final
 
A revolução industrial fez com que economia e a noção dos valores humanos se ...
A revolução industrial fez com que economia e a noção dos valores humanos se ...A revolução industrial fez com que economia e a noção dos valores humanos se ...
A revolução industrial fez com que economia e a noção dos valores humanos se ...
 
Trabalho afo
Trabalho afoTrabalho afo
Trabalho afo
 
Trab rjep imprimir
Trab rjep imprimirTrab rjep imprimir
Trab rjep imprimir
 
princípios da contratação publica
 princípios da contratação publica princípios da contratação publica
princípios da contratação publica
 
Estd d cs_pediatria ana rita formatado
Estd d cs_pediatria  ana rita formatadoEstd d cs_pediatria  ana rita formatado
Estd d cs_pediatria ana rita formatado
 
O papel da ar no processo orçamental
O papel da ar no processo orçamentalO papel da ar no processo orçamental
O papel da ar no processo orçamental
 

Cuidados essenciais ao recém-nascido

  • 2. Cuidados ao recém-nascido Proporcionar conforto e bem-estar ao bebé; Evitar infecções, através da limpeza cuidadosa do recém-nascido, no banho; Prevenir infecção do cordão umbilical; Adequar o vestuário do bebé à temperatura ambiente;
  • 3. Cuidados ao recém-nascido Os cuidados de higiene são indispensáveis, pois, previnem infecções. O sistema imunitário do recém-nascido ainda não está totalmente desenvolvido, desta forma tornam-se essenciais. A pele é a primeira defesa do Recém-nascido, por isso, deve estar bem cuidada.
  • 4. Cuidados ao recém-nascido A pele O Banho Parcial O Banho Total Cuidados coto umbilical Troca da fralda O Vestuário Corte das unhas
  • 5. A pele Eritema tóxico  é uma erupção papular rósea com vesículas espalhadas pelo tórax, costas, nádegas e abdómen. Icterícia fisiológica  Imaturidade hepática, cor amarelada do Recém-nascido. Mancha Mongólica  mancha cor ardósia, comum na zona sacrococcígena.
  • 6. A pele Mília  Pequenos pontos brancos na face. Lanugo  Camada de pelos muito fina, que cai na 1ª semana de vida. Vérnix caseoso  Camada de gordura branca produzida pelas glândulas sebáceas.
  • 7. O Banho  2 Toalhas e 1 Resguardo  Esponja/ mão  Sabão neutro/ shampoo  Pente  Compressas esterilizadas/ não esterilizadas  Soro fisiológico  Álcool a 70% (Sem Cetrimizida)  Fralda  Roupa  Recipiente com água morna (cerca de 37ºC)  Óleo de amêndoas doces ou creme hidratante
  • 8. O Banho O banho é um momento especial para o bebé e para os pais pois promove a troca de afecto. E por isso os pais devem tornar o ambiente confortável para o bebé… O banho deve ser dado num espaço limpo e espaçoso, o material deve estar previamente preparado . Temperatura  Exterior deve ser 22-24º C ( sem correntes de ar)  Da água de 37ºC Manhã Horas Dependendo da reacção do bebé Noite
  • 9. O Banho O banho pode ser dado de duas formas: O banho é o cuidado ao recém-nascido que mais assusta os pais… Por isso vamos dar Alguns conselhos…
  • 10. O Banho  Colocar o bebé sobre uma superfície plana e macia (ex. toalha limpa), tendo próximo um recipiente com água morna, previamente preparado;  Testar a temperatura da água com o cotovelo ou interior do punho;  Limpar os olhos do bebé com compressas esterilizadas embebidas em soro fisiológico (um/a para cada olho), efectuando movimentos suaves e únicos.
  • 11. O Banho  Lavar a face com água morna, incluindo as narinas e as orelhas, com a ajuda de compressas humedecidas, efectuando movimentos suaves e únicos, de dentro para fora;  Lavar a cabeça com movimentos circulares, secá-la e colocar um gorro;  Manter o bebé coberto e aquecido, após despi-lo;  Lavar o bebé de com uma ordem cefalo-caudal.  Lavar as dobras atrás dos joelhos, do pescoço e das coxas, bem como as axilas, com a toalha ou pano humedecido com a água morna;  Retirar a fralda  Limpar os genitais e rabinho do bebé;  Secar cada parte do corpo, pressionando levemente a toalha sobre a pele, à medida que se vai limpando o bebé, zona a zona;  Vestir rapidamente o bebe e penteá-lo.
  • 12. O Banho  Encher a banheira ou bacia com água fria, acrescentando, gradualmente, água quente; ( 3- 4 dedos de altura)  Testar a temperatura da água, colocando o cotovelo/ interior do punho dentro de água;  Lavar a cabeça do bebé (mantendo-o vestido ou enrolado na toalha) levando água com a mão em concha;
  • 13. O Banho L impar a face e os olhos do bebé, com compressas com água morna para o rosto e, soro fisiológico para os olhos (uma compressa para cada olho), fazendo movimentos suaves e únicos, de fora para dentro;
  • 14. O Banho  Posicionar o bebé de barriga para cima, segurando-o pela nuca, com o braço, utilizando a mão livre em concha para colher água;
  • 15. O Banho  Transferir o apoio do bebé para o braço contrário, de forma a que fique de barriga para baixo;
  • 16. O Banho  Colocar o bebé sobre uma toalha, previamente colocada na proximidade, secando-o ligeiramente, cobrindo-o, sem esfregar;  Pode colocar óleo hidratante, sem retirar, excessivamente, a água da pele do bebé;  Vestir, rapidamente, o bebé, após o banho
  • 17. Cuidados com o coto umbilical Limpar o cordão sempre após a troca de fralda e após o banho  Lavar sempre muito bem as mãos antes de iniciar o procedimento.  Limpar a pele que rodeia o cordão umbilical, utilizando uma compressa com álcool a 70° para cada zona e também para o clampe;  Fazer um movimento único e suave com a compressa.  Quando colocar a fralda dobre a parte superior da fralda para não ficar em cima do cordão umbilical. (harmonia)
  • 18. Troca da fralda Organizar o material necessário na troca de fralda; É necessário Água , sabão neutro e uma esponja/ compressa. Se necessário, utilizar um creme hidratante protector para a pele. ( rico em vitamina A). Trocar a fralda frequentemente, sempre que esta estiver molhada.
  • 19. Vestuário Os tecidos indicados são a lã, o linho e o algodão. Devem ser confortáveis e de acordo com a temperatura ambiente. Permitam uma troca de fraldas sem que seja necessário despir o bebe por completo. Lavar:  Sempre a roupa separadamente das outras peças da casa;  Pode ser lavada na máquina;  Utilizar sabão neutro ou detergente próprio para bebés. lixívia ou amaciador
  • 20. Corte das unhas  Logo após o nascimento;  Enquanto o bebé dorme;  Depois do banho .  Corta unhas ou tesoura de pontas redondas;  Toalha para apanhar as unhas.
  • 21. Conclusão O banho, os cuidados com o cordão umbilical, o vestuário, a troca de fraldas, bem como as rotinas estabelecidas pelos pais são fundamentais para um crescimento e desenvolvimento saudáveis do bebé.  Permitem a observação da sua condição física;  Promovem o conforto do bebé e previnem infecções;  Acima de tudo, permitem a socialização do bebé com os pais.
  • 23. Bibliografia URL: http://www.clubedobebe.com.br. Manual dos Primeiros Anos. 2004  URL: http://www.pampers.com.br. Dicas para o banho do bebé. 2005.