Vila Penteado                  Fotos dos livros citados Condição atual
Segundo o livro Bens Culturais e Arquitetônicos no Município e naRegião Metropolitana de São Paulo, publicado pela SNM – S...
Fotos dos livros citados
Fotos dos livros citados                                                                        Fotos dos livros citadosO ...
Fotos dos livros citados                                                                         Fotos dos livros citados ...
Fotos dos livros citados                                                                                                  ...
Pouco sobrou da majestática implantação                Dois aspectos podem ser registrados como             Em virtude do ...
A placa de ferro com o nome da emérita Universidade de São Paulocontrasta com o prédio atual, no campus do Butantã, na Cid...
Ainda que o estado geral do prédio seja bom, um exame mais detido mostra o desafio de se proteger a base das paredesextern...
Ao invés de um                                                                              bosque, paredões              ...
Mais do que um mero recorte no reboco: um                                             recorte que varia de nível, à medida...
As 3 imagens da esquerda mostrama ação da água, essa grande inimigada construção.Veja na primeira foto as manchasrevelando...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Vila penteado hoje

893 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
893
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
16
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Vila penteado hoje

  1. 1. Vila Penteado Fotos dos livros citados Condição atual
  2. 2. Segundo o livro Bens Culturais e Arquitetônicos no Município e naRegião Metropolitana de São Paulo, publicado pela SNM – Secretariade Negócios Metropolitanos e EMPLASA – Empresa de Planejamentoda Grande São Paulo S/A, o tombamento da Vila Penteado consta comos seguinte dados:“NÚMERO DE PAVIMENTOSDois mais porãoTÉCNICA CONSTRUTIVAAlvenaria de tijolosUSO ATUALEscolaESTADO DE CONSERVAÇÃOO edifício apresenta-se bem conservado. Internamento sofreuadaptações para funcionamentod a faculdade sem ter, no entanto,prejudicadas as suas características originais.Um dos anexos, construídos no terreno ao tempo da FAU, foirecentemente demolido, melhorando a ambientação do edifíciopreservado.HISTÓRICO/DESCRIÇÃO / AMBIÊNCIAEm consequência da prosperidade da cultura cafeeira, a cidade de SãoPaulo tornou-se um centro ferroviário e, portanto, um entreposto paraonde escoava a produção de café que daí seguia para o Porto deSantos para ser exportado.Em 1.900, com o crescimento da cidade, São Paulo já apresentavapoucos exemplares da arquitetura colonial. Muiots sobrados defamílias abastadas, localizados no centro da cidade, foram demolidoscedendo espaço ao comércio, artesanato, aos serviços e até mesmoalgumas fábricas.É nesse contexto que foi construída a Vila Penteado; localizada na RuaMaranhão e portanto afastada do centro da cidade, a casa data de1902.A casa era dotada de 14 quartos de dormir, um amplo saguão, váriassalas; externamente tinha quadra de tênis, lago artificial, estufa, horta,bosque, cocheira, cocheira.”
  3. 3. Fotos dos livros citados
  4. 4. Fotos dos livros citados Fotos dos livros citadosO casarão que se elevava sobre a cidade tornou-se uma ilha cercada por espigões. Trabalho do professor Lucio Gomes Machado, Fau-USP, (Arquitetura do Século XX no Bairro de Higienópolis: Fotos capturada na web Identificação, Tombamento e Proteção Urbanística) mostra que não houve grande interesse pela preservação das gravuras na mansão, até 1990. “Entre as primeiras manifestações de cunho critico revelando interesse pela arquitetura do bairro de Higienópolis destaca-se o estudo de Flávio Motta versando sobre o Art Nouveau no Brasil, mas com especial atenção para São Paulo, destacando-se a Vila Penteado, uma das primeiras residências edificadas no Bairro . Interessante lembrar que a Vila Penteado foi doada pelos filhos do Conde Penteado para a instituição de uma escola de Arte, tendo sido adotada para sediar Faculdade de Arquitetura, instituída em 1948, cindindo-se da Escola Politécnica. Naquela época, não foi dado o devido valor à sua ornamentação, com forte influência do estilo art nouveau ou do sezession, tendo sido quase totalmente coberta com tinta branco-gelo. Somente a partir da década de 1990 foram essas pinturas revalorizadas com o seu restauro. Para Motta, a Vila Penteado é um exemplar fundamental para o entendimento do Art Nouveau em São Paulo.”
  5. 5. Fotos dos livros citados Fotos dos livros citados O professor Lucio Gomes Machado registra como os estudos elaboradosEm seu estudo o professor Lucio Gomes Machado mostra como se construiu por pesquisadores empenhados teve de se contrapor à elite financeiraa duras penas uma nova mentalidade de preservação: interessada, sobretudo na valorização imobiliária de Higienópolis. Em 1980, é publicado o estudo de Maria Cecília Naclério Homem, vencedor de tradicional O Parecer do então Conselheiro Arquiteto Vitor Hugo Mori, elaborado para a análise concurso de monografias sobre os bairros paulistanos promovido pelo DPH-PMSP3 da abertura do Processo de Tombamento, é extremamente feliz ao propor que o . Nesse conjunto de imóveis a serem tombados poderia configurar um percurso de quase um estudo encontramos minucioso relato do desenvolvimento do bairro, de seus habitantes, século da arquitetura residencial burguesa paulistana. Em suas palavras: além de um primeiro inventário dos seus principais edifícios. "O presente processo apresenta um excelente estudo técnico elaborado pelo DPH, justificando o tombamento de um conjunto de edificações representativo da história (...) Os estudos foram então aprofundados, incorporando as referências bibliográficas e da ocupação do Bairro de Higienópolis e adjacências. Porém o que nos fixou a atenção documentais disponíveis e com a elaboração de fichas de registro e respectivo ao examinar o inventário em confronto com outros edifícios na região‚ o fato de que a mapeamento. Foram ainda incorporados aos estudos a análise do estado atual do amostragem extrapola em muito a mera documentação de um processo de ocupação desenvolvimento do Bairro e o potencial de sua verticalização contrapondo-o às formas urbana. Estamos diante de uma rara oportunidade de propor um tombamento atuais de preservação, restritas fundamentalmente às áreas envoltórias" de bens inusitado, que tem como um dos objetivos a possibilidade de reunir anteriormente tombados pelo CONDEPHAAT. Em razão do interesse pela preservação da numa mesma região "um microcosmo" da história da arquitetura residencial de São ambiência do bairro, foram também incorporados os estudos constantes do Cadastro dos Paulo, conforme justificaremos a seguir: Espaços Arborizados Significativos do Município de São Paulo 1. Os imóveis propostos pelo DPH cobrem um período contínuo da arquitetura A Lei Municipal no. 9.725 de 2 de junho de 1984, "dispõe sobre a transferência do potencial residencial que inicia-se em 1884 (Império) partindo dos estilos neoclássicos, construtivo de imóveis preservados; estabelece incentivos, obrigações e sanções relativas pitorescos, normando, florentino, etc, típicos do ecletismo; passam pelo "artnouveau", (…) à preservação de imóveis, e dá outras providências". Os benefícios semelhantes aos pelo neo-colonial e atingem o "art-deco", cujo exemplar da Vila na Rua previstos por esta Lei seriam perfeitamente aplicáveis aos casos em exame, uma vez que Piauí ‚ é bastante expressivo. em áreas próximas, dentro dos mesmos limites de zoneamento existem imóveis com (...) potencial de verticalização, possibilitando assim um amplo leque de possibilidades, dentro 5. Concluímos assim, favoravelmente à abertura do processo deste conjunto, das leis de mercado, para a transferência do potencial construtivo. representativo da história do Bairro de Higienópolis e adjacências, sobretudo por compor uma resenha da História da arquitetura residencial brasileira, mesclando Panelli, Liberal Pinto, J. Pilon, V. Dubugras, Jo Bananere, Rino Levi, Warchavchik, Burle Marx, Artigas, etc., num mesmo ambiente.
  6. 6. Fotos dos livros citados Fotos dos livros citadosA Vila Penteada possui a uma implantação magnífica a ponto de se observar na foto do alto à direita, a chegada de automóveis e carrugens simultaneamente. Hoje ela ainda tem espaço paraestacionamento de carros, mas sem a conexão com a rua Higienópolis. Foto Carlos Elson Cunha Foto Carlos Elson Cunha
  7. 7. Pouco sobrou da majestática implantação Dois aspectos podem ser registrados como Em virtude do entorno de alto gabarito, essaoriginal. A antiga vila hoje é apenas um casarão, qualidade original que remanesce: o arvoredo e apreensão da casa – o do que foi os fundos darodeado de prédios altos por todos os lados. a larga calçada. mansão, só é possível em poucos momentos.Os danos na base do portão provavelmente se deve à A perspectiva da calçada oferece um espaço Uma praça interna imersa em um quase bosque queurina de cães: um difícil desafio para a manutenção. arborizado e um diferente num bairro dominado por convida quem vê. Funcionária da portaria nos disse prédios modernistas. que há vizinhos que costumam entrar e descansar rotineiramente ali. Fotos Carlos Elson CunhaA administração aceita que qualquer visitante tenha O uso do espaço pela população é franqueado, porém Naturalmente a presença de muros e seguranças jáacesso ao bosque para descanso. apenas das 8:00h às 17:00hs, que é o expediente. inibe a entrada de passantes. Há uma segregação silenciosa do uso do espaço, como no Mackenzie.
  8. 8. A placa de ferro com o nome da emérita Universidade de São Paulocontrasta com o prédio atual, no campus do Butantã, na CidadeUniversitária: aqui a USP assume a austeridade classicista.Note como a base do poste na foto do alto à direita, sofreu umaintervenção mal cuidada: o conduto flexível fica exposto e o arremate decimento revela pouco caso num serviço feito às pressas. Fotos Carlos Elson Cunha
  9. 9. Ainda que o estado geral do prédio seja bom, um exame mais detido mostra o desafio de se proteger a base das paredesexternas à influência da água da chuva.Infiltrações acontecem e mesmo a fonte tem pastilhas faltando em seu piso e até alguma vegetação começa a nasceronde não deveria. Fotos Carlos Elson Cunha
  10. 10. Ao invés de um bosque, paredões como vizinhos: é a invasão modernista que tirou do mapa tudo que havia do art-noveau em Higienópolis. ...ou quase tudo.Manter as ventilações do porão significa lutarcontra a entrada de roedores: todas as aberturascontam com este produto repelente preso comarame em sua grade.Janelas oclusas: jamais se abrem, mas mantém aforma que tiveram anteriormente. Pedaço de reboco no chão e manchas de água na parede, além de um veio rente ao piso, junto à parede, confirmam o desafio e o alto custo de se manter um prédio em perfeitas condições. Fotos Carlos Elson Cunha
  11. 11. Mais do que um mero recorte no reboco: um recorte que varia de nível, à medida que o ramo finda seu traço. Raras vezes se vê isso em nossa cidade. Uma técnica de cinzelamento que praticamente desapareceu.Não só há um recorte, embaixo revelo, como se temdiferenças cromáticas nosveios. Fotos Carlos Elson Cunha
  12. 12. As 3 imagens da esquerda mostrama ação da água, essa grande inimigada construção.Veja na primeira foto as manchasrevelando problemas no reboco.Nas foto logo abaixo o porão sofrepela ação da água quando o piso seencontra com a a parede.E a escada também mostramanchas no reboco, todos essesefeitos causados pela chuva.À direita vemos o corrimão demadeira se ressecando e perdendoparte da tinta.No piso em ladrilhos vermelhosqualquer um deles que se soltemlog o deixam uma mancha branca.Assim podemos dizer que amanutenção é boa, mas está longede ser ideal. Fotos Carlos Elson Cunha

×