Sistemas estruturais ii

4.632 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.632
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
157
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Sistemas estruturais ii

  1. 1. Prof Dra Célia Regina Moretti Meirelles
  2. 2. LIGUAGEM DA ESTRUTURA NA ARQUITETURAConceituação da estrutura em projetos de arquiteturaatravés discussões, debates pesquisa e experimentaçãocom modelos físicos ARQUITETURA ESTRUTURA ENGENHARIA ESTÉTICA
  3. 3. Pré-dimensionamento Sistema estrutural Aplicações em projeto Esforços versus materiaisMASP - LINA BO BARDI
  4. 4. Pavilhão da Venezuela na EXPO 2000HANNOVER
  5. 5. TARTARUGA – CÚPULAS E GEODÉSICAS Pavilhão Lucas Nogueira Garcez – OCA Oscar Niemeyer – 1951 – São Paulo
  6. 6. TARTARUGA – CÚPULAS E GEODÉSICASEstudos sobre geodésicas por Buckminster Fuller
  7. 7. A importância doexperimento Esculturas de Calatrava
  8. 8.  Média FinalAP TEXTOS x 2 + Provas 3 + Modelo x4 + avaliacao x1 10
  9. 9.  Sexta feira Primeira avaliação Apresentação do G1 e G2 – 31/08 Apresentação do G3 e G4 – 14/09 Apresentação do G5 e G6 – 21/09 Segunda avaliação 5/10 Terceira avaliação Experimento – grupos 1/2 / 3 23/11 Experimento – grupos 4/5 /6 30/11 Avaliação final e Entrega da analise do modelo desde a concepção até as falhas e correções propostas 7/12 Vistas 15/12 ( por falta em uma das duas primeiras avaliações ) Vistas - 22/06
  10. 10.  Segunda feira Primeira avaliação Apresentação do G1 e G2 – 27/08 Apresentação do G3 e G4 – 03/09 Apresentação do G5 e G6 – 10/09 Segunda avaliação Prova 8/10 Terceira Avaliação Experimento – grupos 1/2 / 3 12/11 dia Experimento – grupos 4/5 / 6 26/11 dia AVALIAÇão + Entrega da analise do modelo desde a concepção até as falhas e correções propostas Dia 03/12 Vistas - 15/12
  11. 11.  REBELLO, Yopanan. A Concepção Estrutural e a Arquitetura. 3. ed. / 2003. São Paulo: Zigurate, 2003. 271 Cap. 1 – Conceituação dos fenômenos físicos que ocorrem nos sistemas estruturais. pág. 21 a 83 Cap. 6 – Analogias entre Sistemas Estruturais da Natureza e das Edificações. pp. 199-227 SILVA, Daiçon; SOUTO, André. Estruturas Uma Abordagem Arquitetônica. 2. ed. / 2000 Porto alegre: Sagra Luzzatto, 2000. Cap. 5 - Materiais e exigências estruturais. pag. 57-71
  12. 12. ENGEL, Heino; RAPSON, Ralph. Sistemasestruturais. 2. ed. Barcelona: Gustavo Gili. 2002Novos Conceitos no Projeto EstruturalArtigo de Hannskarl Bandel. pág. 269-273CHING, Francis D. K. et al Sistemas EstruturaisIlustrados. Porto Alegre: Editora Bookman, 2010.SALVADORI, M.; HELLER, R. Structure inarchitecture. New Jersey : Prentice-Hall, C1963.Cap. 1 – La Estructura en la Arquitectura. pp. 13-17Cap. 14 – Estética Estructural. pág. 241-253
  13. 13. PROJETO / ESTRUTURA / LINGUAGEM
  14. 14. ARQUITETURA Cada projeto de arquitetura define um programa habitação, espaços amplos, equipamentos urbanos, para uma sociedade especifica em um local especifico.ARQUITETURA : CONDICIONANTESARQUITETURA ESTRUTURA ESTRUTURA - Material + Vão + forma + sistema estruturalDesenvolvimento tecnológico no tempo e lugar + conceitos
  15. 15. AA ESTRUTURAFig. 1 ARQUITETURA linguagem ESTÉTICA TECNOLOGIA inovação - Estrutura – caráter discursivo na arquitetura: o partido - Inovação totalmente ligada à tecnologia Elemento tecnológico para um discurso estético - Materialidade: leveza / mais ou menos pesado / gestalt
  16. 16. DOROTY CHANDLER PAVILION LOS ANGELES 1964“
  17. 17. TOYO ITOMIDIATECA DE SENDAI
  18. 18. Pavilhão da Venezuela na EXPO 2000HANNOVER
  19. 19. -- ESTÉTICA: contribuição do conjunto Fig. 2 dos sistemas estruturais / discurso estético tecnológico (mensagem do PROCESSOESTÉTICA arquiteto) / contribuição ou discurso MÉTODO que os elementos estruturais têm dentro Quadrantes = filtros do conjunto / ECONOMIA FUNÇÃO mensagem, discurso, linguagem - FUNÇÃO: as atividades de uma arquitetura desempenha / pensar no custo x benefício, escolher a melhor- PROCESSO: gestão, equipe, tudo... / sequência de etapas para a tecnologia para o problema / formarealização da obra / velocidade com que se caminha do abstratopara o construído como essas atividades se desempenham / vai do conjunto de opções tecnológicas PROJETO CONSTRUÇÃO OCUPAÇÃO que serão assertivas que outras (grandesEtapas antigas - linear vãos, pequenos vãos, etc.) / dependendo é aconselhável a utilização PROJETO das tecnologias que melhor atendem as O que fazer e como fazer? CONSTRUÇÃO necessidades - ECONOMIA: melhor aproveitamento do produto, não desperdício / menos DESMONTE OCUPAÇÃO custo, maior beneficio / entendimento Etapas atuais - ciclos das relações entre determinadas partes
  20. 20. Fig. 2 PROCESSOESTÉTICAMÉTODOQuadrantes = filtros ECONOMIA FUNÇÃO Hierarquizar os problemas, eles não são resolvidos simultaneamente. Deve-se haver uma harmonia. Exemplo: Projeto de um Hospital 1º função 2º economia 3º processo 4º estética
  21. 21. WALT DISNEY CONCERT HALL
  22. 22. Volantim calatrava

×