Residencial
E s t aç ã o C u l t u r al P a u l i s ta
Residencial
E s t aç ã o C u l t u r al P a u l i s ta
. . . A v i d a d e v i a s e r b e m m e l h o r e S E R Á !
Residencial
E s t aç ã o C u l t u r al P a u l i s ta
• IMPLANTAÇÃO
•
• Situação da área em estudo
• Trata-se de um quarteirão extenso, ladeado pela
Rua São Caetano, Rua Dutra ...
• A Avenida Tiradentes
• ...é uma grande via arterial, de movimento incessante e de largura excepcional,
mesmo para os pad...
• A Rua São Caetano
• ... possui forte comércio e conta com a simpatia de grande parte da população paulistana, afinal
mui...
• A Rua Dutra Rodrigues
• ... é completamente diferente: uma via local do
tamanho de apenas um quarteirão, esta rua possui...
• A Rua João Teodoro
• ... possui também mão única de direção, porém no sentido subindo
do Mercadão. Ali a presença do qua...
• Os prédios
• Entendemos que o sentido longitudinal das
lâminas, que se estendem no eixo norte-sul
permite um melhor apro...
• ACESSOS
• Uma das principais preocupações da equipe foi estabelecer diversos acessos no
interior do conjunto, uma vez qu...
100% H.I.S.
•
•
•
•
ESTACIONAMENTO ZERO
•
•
•
•
Área Verde Central
•
•
•
•
Creche
•
•
•
•
Galpões Culturais
•
•
•
Residencial
E s t aç ã o C u l t u r al P a u l i s ta
Planurb 7 - Estação Cultural Paulista
Planurb 7 - Estação Cultural Paulista
Planurb 7 - Estação Cultural Paulista
Planurb 7 - Estação Cultural Paulista
Planurb 7 - Estação Cultural Paulista
Planurb 7 - Estação Cultural Paulista
Planurb 7 - Estação Cultural Paulista
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Planurb 7 - Estação Cultural Paulista

274 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
274
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Planurb 7 - Estação Cultural Paulista

  1. 1. Residencial E s t aç ã o C u l t u r al P a u l i s ta
  2. 2. Residencial E s t aç ã o C u l t u r al P a u l i s ta . . . A v i d a d e v i a s e r b e m m e l h o r e S E R Á !
  3. 3. Residencial E s t aç ã o C u l t u r al P a u l i s ta
  4. 4. • IMPLANTAÇÃO • • Situação da área em estudo • Trata-se de um quarteirão extenso, ladeado pela Rua São Caetano, Rua Dutra Rodrigues, Rua João Teodoro e Avenida Tiradentes, sendo a Rua Dutra Rodrigues com c. 250m e a Av. Tiradrentes c. 250m de comprimentos. • Cada face desta quadra possui um caráter bastante singular.
  5. 5. • A Avenida Tiradentes • ...é uma grande via arterial, de movimento incessante e de largura excepcional, mesmo para os padrões de uma metrópole como a nossa. Possui comércio significativo, notadamente voltado para o varejo de uniformes militares e civis – nítida influência de sua proximidade com o quartel da ROTA, Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar. O comércio ali configura-se como algumas lojas e prestadores de serviço (oficinas) e, atualmente, o gigantesco estacionamento no interior do lote, porém com suas entradas obstruídas, uma vez que se privilegiou o acesso a ele pela Rua João Teodoro. • A avenida possui calçada larga, comércio estabelecido, entretanto nada disso impede seu perfil inóspito, seja pelo ruído alto do movimento de veículos, seja pelo isolamento uma vez que a única maneira de se chegar ao lado oposto da avenida é pelos cruzamentos dominados por semáforos que ficam em suas duas esquinas. Aliados a essa dimensão em escala opressiva, há uma grade metálica na ilha que separa as pistas de rolamento. Tal grade evidentemente visa proteger pedestres • desestimulando a tentativa de cruzar a avenida fora das faixas de segurança, e revela, por si mesmo o volume intenso do tráfego e como o automóvel se impõem em relação ao pedestre, pois este precisa caminhar muito caso deseje ir ao outro lado da Avenida Tiradentes. É preciso registrar o aspecto agressivo desta grade, quase um portão de dimensões exageradas assentado ao longo da via, reforçando o efeito de barreira repartindo o bairro em dois grandes setores.
  6. 6. • A Rua São Caetano • ... possui forte comércio e conta com a simpatia de grande parte da população paulistana, afinal muitos aqui já a percorreram para comprar ou alugar vestidos de noiva ou roupa masculina fina para grandes eventos. Embora não seja muito comentado, a Rua São Caetano possui em sua parte baixa, à medida que se aproxima do Mercadão Municipal, outra especialização: o comércio fornecedor de equipamentos para restaurantes e bares. • Talvez pudéssemos também registrar a concentração dos fornecedores de gravuras e molduras, o que já basta para eliminarmos a impressão de uma rua monotemática. • O fenômeno da especialização e concentração de comércio semelhante à Rua São Caetano configura uma característica tipicamente paulistana. Se lembrarmos da concentração do comércio eletroeletrônico na região da Rua Santa Efigênia, do comércio de peças de madeira na região do Brás e assim por diante, teremos bem claro a vocação da cidade em aglutinar diversas modalidade de varejo em setores e ruas a tal ponto que tornam-se não só referência local, mas até mesmo nacional visto que diversos comerciantes e compradores do Brasil inteiro afluem aqui sabendo de antemão onde poderão fazer suas compras andando menos e comparando preços e ofertas de modo mais célere. • Assim é a Rua São Caetano, espaço onde tanto os grandes produtores de roupas de festa se encontram como até mesmo os pequenos distribuidores e costureiros. Diferente da Avenida Tiradentes, esta a Rua São Caetano é agradável e convida qualquer um que deseje ver novidades e passear. Some-se a isso a característica de ser uma via secundária que liga a região da Luz com a região do Mercado Municipal, descendo em mão única de direção.
  7. 7. • A Rua Dutra Rodrigues • ... é completamente diferente: uma via local do tamanho de apenas um quarteirão, esta rua possui uma Loja Maçônica, algumas empresas pequenas e muitos cortiços e apartamentos em sobrelojas, sobre casas um tanto antigas e decadentes. Por ser uma rua de tráfego menos intenso, possui forte característica residencial. • É interessante observar que a grande chaminé que se encontra na Rua João Teodoro torna-se praticamente um monumento no eixo da Rua Dutra Rodrigues, conferindo assim um aspecto bucólico neste setor bem mais silencioso do quarteirão estudado.
  8. 8. • A Rua João Teodoro • ... possui também mão única de direção, porém no sentido subindo do Mercadão. Ali a presença do quartel da ROTA elimina qualquer comércio ou serviço no lado direito da rua, mas seu lado esquerdo é diferente e é este lado que contata a quadra de nossa intervenção. • Um detalhe que nos chamou a atenção é que se prestarmos atenção ao prédio do quartel e sua sacada veremos que a estrutura em concreto armado de pilares e vigas possui o mesmo desenho encontrado no interior de nossa quadra: aquelas vigas sem arestas vivas, mas recortadas em chanfro, detalhe este que ocorre igualmente nos pilares. Presumimos, pois que a construção da antiga fábrica de carburadores (sediada no que hoje é a entrada do grande estacionamento) foi feita pela mesma empresa que construiu o quartel.
  9. 9. • Os prédios • Entendemos que o sentido longitudinal das lâminas, que se estendem no eixo norte-sul permite um melhor aproveitamento da luz solar, uma vez que o sol da manhã banhará o lado leste ao passo que o sol da tarde atingirá o lado oeste dos apartamentos. • Um bloco tem o desenho de uma letra “S” e outro de uma letra “I”, criando assim um movimento volumétrico e se evitando a monotonia.
  10. 10. • ACESSOS • Uma das principais preocupações da equipe foi estabelecer diversos acessos no interior do conjunto, uma vez que a própria extensão da quadra torna exaustivo circular por seu perímetro. Assim estabelecemos que as faces longitudinais, compreendidas pela Avenida Tiradentes e Rua Dutra Rodrigues teriam pelo menos duas entradas cada uma. • A Rua São Caetano e a Rua João Teodoro também deveriam contar com acessos, pelo menos um. O motivo de propormos uma abertura à Rua São Caetano é permitir que o morador do novo conjunto possa se dirigir à estação da Luz, estação terminal Júlio Prestes e estação do Metrô sem percorrer um grande trecho da Avenida Tiradentes. Do mesmo modo ocorre com o acesso à Rua João Teodoro. • A Rua Dutra Rodrigues em nosso projeto foi contemplada com uma gigantesca abertura devassando o setor habitacional e entendemos ser isso justo por uma questão de partido: entendemos que a face da Avenida Tiradentes tem forte vocação comercial, enquanto que a face na Rua Dutra Rodrigues é majoritariamente residencial. Assim ao se franquear uma grande abertura nesta rua intencionamos provocar uma maior qualidade de vida aos usuários, com transparência e interface direta com a cidade. • Os acessos à Avenida Tiradentes ocorrem em dois lugares e são menos amplos que o acesso à Rua Dutra Rodrigues. Ali se manteve muitos dos galpões antigos, preservando-se até onde foi possível, a fachada e o gabarito do quarteirão. O acesso à Rua São Caetano é o mais estreito e isso visa interferir o mínimo possível no comércio local. Na realidade tal acesso pode até mesmo preservar a sobreloja, visto que se destina meramente à passagem de pedestres e nada mais.
  11. 11. 100% H.I.S. • • • •
  12. 12. ESTACIONAMENTO ZERO • • • •
  13. 13. Área Verde Central • • • •
  14. 14. Creche • • • •
  15. 15. Galpões Culturais • • •
  16. 16. Residencial E s t aç ã o C u l t u r al P a u l i s ta

×