Arquitetura e semiotica

3.607 visualizações

Publicada em

Arquitetura e semiótica, signos, significado,

0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.607
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
40
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Arquitetura e semiotica

  1. 1. TEORIA DA ARQUITETURA V “Semiótica e Arquitetura: consumoideológico ou trabalho teórico” (1973) Diana Agrest e Mario Galdesonas Adriano Franchini - Alécia Pinho – Érico Yuri Gilmar Lopes – Jéssica Lessa – Paula Kawakami Vanessa Horiuchi – Viviane Kim TURMA A 17 de maio de 2011
  2. 2. INTRODUÇÃO• Questionamento do modernismo• Teoria X Ideologia + Dialética da História (Ptolomeu X Copérnico)• Transferências de cargas conceituais de um sistema à outro• Semiótica na Arquitetura válida a partir da distinção entre Significação X Comunicação• Para Saussure...• Forma X Função + Conceito de Arbitrário• “Na língua, o indivíduo pode usar, mas não modificar o sistema da linguagem. O arquiteto, ao contrário, pode e faz modificações no sistema, que é inventado a partir de um sistema de convenções.”
  3. 3. Farnsworth House – Mies Van Der Rohe(1951)
  4. 4. Farnsworth House – Mies Van Der Rohe(1951)
  5. 5. Farnsworth House – Mies Van Der Rohe(1951)
  6. 6. Brasília (1960)
  7. 7. Brasília (1960)
  8. 8. Brasília (1960)
  9. 9. Johnson Wax Building – Frank LloydWright (1939)
  10. 10. Johnson Wax Building – Frank LloydWright (1939)
  11. 11. Johnson Wax Building – Frank LloydWright (1939)
  12. 12. Museu Hergé – Christian de Portzamparc(2009)
  13. 13. O local é totalmente lúdico, remete o visitante ao passado, tenta levá-loa época em que lia os quadrinhos, sua infância. Através da arquiteturaatinge-se o sentimento de nostalgia.
  14. 14. D-tower - Grupo Nox (2003)
  15. 15. D-tower - Grupo Nox (2003)
  16. 16. Art Dhabi Performing Centre – Zaha Hadid
  17. 17. Art Dhabi Performing Centre – Zaha Hadid
  18. 18. Referências• NESBITT, K. Nova Agenda para a Arquitetura. Editora Cosac Naify, 2006.• www.zaha-hadid.com/home• www.vitruvius.com/revistas/read/arquitextos/04.045/615• www.museeherge.com• www.revistaau.com.br

×