Almanaque da pesquisa

723 visualizações

Publicada em

A Pesquisa Científica na faculdade de Arquitetura & Urbanismo do Mackenzie tem progredido. Mas ainda há muito o que avançar. Meu empenho junto com a professora Eunice Abascal tem sido, em 2012, ampliar a divulgação dos modos de se fazer pesquisa e divulgar suas vantagens. Este trabalho reúne informações mais elementares que podem ser úteis a alunos e professores que tem empenho similar ao nosso. Votos de sucesso a todos!

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Almanaque da pesquisa

  1. 1. PESQUISA CIENTÍFICANa boa, véio,faz logo essa bagaça!
  2. 2. Tá.E como é que eu me inscrevo?
  3. 3. Escolhe umGRUPO DE PESQUISA.Há 22 na fau-Mack em 2012.
  4. 4. PIVIC é quando o aluno é voluntário.Não há limites: é só se alistar em um grupo.
  5. 5. O PIVIC é quando tu ralavoluntariamente .
  6. 6. Não tô com sacode trabalhar em grupo, sério.
  7. 7. Tudo bem. Então escreve uma proposta deINICIAÇÃO CIENTÍFICA. Será um trabalho seu, isolado.
  8. 8. Dá ponto pro APAP?
  9. 9. Sim, muitos pontos!
  10. 10. Teu trabalho científico te dávantagem quando tu disputaruma bolsa de mestrado, após tua graduação!
  11. 11. Aqui um doutorando aprovado pela banca.A pesquisa é o começo desse caminho.
  12. 12. O PIBIC é quando o pesquisador ganha umagraninha, certo?
  13. 13. Sim, PIBIC envolve BOL$A.
  14. 14. No PIBIC tu ganha unsR$ 400,00 por mês, pagos pelo CNPq ou pelo MackPesquisa. A FAPESP paga mais, porém o cara já deve terfeito uma pesquisa antes.
  15. 15. Há novasmodalidadesde pesquisa!
  16. 16. PIBITIT de tecnologia: Aqui você entrega um produto, uma peça. Além do teu relatório.
  17. 17. PIBITI Éinteressante prá quem busca inovação, novos materiais,sistemas, ou peças quepodem gerar patente!
  18. 18. PIBEX EX de extensão:Aqui você entrega participa de umapesquisa fora da academia, com uma comunidade, órgão ou empresa.
  19. 19. Tô no TFG 1, posso fazer Pesquisa, ainda?
  20. 20. Pode.Tu pode entregar até 6 meses depois de tua formatura. Mas o legal éfazer antes, assimtua pesquisa será de ajuda ao montar teu TFG.
  21. 21. Onde eu encontroinformaçãosobre os 22GRUPOS DEPESQUISA?
  22. 22. Temos uma página no Facebook:P E S Q U I S A C I E N T Í F I C A FA U - M A C K .
  23. 23. Temos uma página no Facebook:P E S Q U I S A C I E N T Í F I C A FA U - M A C K .
  24. 24. P E S Q U I S A C I E N T Í F I C A FA U - M A C K .
  25. 25. Maissimples doque parece, não é?
  26. 26. O legal da pesquisa é que você escolhe o que vai investigar. Então a gente pesquisa aquiloque a gente curte!
  27. 27. O nosso grupoproduziu 3 livros em dois anos! Veja a seguiralguns grupos que estão rolando.
  28. 28. grupos de pesquisa fau-mack i n s c r i ç õ e s a t é 2 5 d e o u t u b r of i n a l m e n t e v o c ê e n c o n t r o u s u a t u r m a
  29. 29. Você é aluno na fau Mackenzie?
  30. 30. Você é aluno na fau Não! Mackenzie?
  31. 31. Você é aluno na fau Não! Mackenzie? Tome uma c3rvej@!
  32. 32. Você é aluno na fau Não! Mackenzie? Sim! Tome uma c3rvej@!
  33. 33. Você é aluno na fau Não! Mackenzie? Sim! Curte? Tome uma c3rvej@!
  34. 34. Você é aluno na fau Não! Mackenzie? Sim! Não! Curte? Tome uma c3rvej@!
  35. 35. Você é aluno na fau Não! Mackenzie? Sim! Não! Curte? Só estudo pq meus pais me obrigam! Tome uma c3rvej@!
  36. 36. Você é aluno na fau Não! Mackenzie? Sim! Não! Curte? Só estudo pq meus pais me obrigam! Só estudo pq quero ficar rico! Tome uma c3rvej@!
  37. 37. Você é aluno na fau Não! Mackenzie? Sim! Não! Curte? Só estudo pq meus pais me obrigam! Só estudo pq quero ficar rico! Faça engenharia! Tome uma c3rvej@!
  38. 38. Você é aluno na fau Não! Mackenzie? Sim! Não! Curte? Só estudo pq meus pais me obrigam! Sim Só estudo pq quero ficar rico! Faça engenharia! Tome uma c3rvej@!
  39. 39. Você é aluno na fau Não! Mackenzie? Sim! Não! Curte? Só estudo pq meus pais me obrigam! Sim Só estudo pq quero Adoro seres ficar rico! humanos! Faça engenharia! Tome uma c3rvej@!
  40. 40. Você é aluno na fau Não! Mackenzie? Sim! Não! Curte? Só estudo pq meus pais me obrigam! Sim Só estudo pq quero Adoro seres ficar rico! humanos! Entre em um grupo Faça engenharia! de pesquisa! Tome uma c3rvej@!
  41. 41. Você é aluno na fau Não! Mackenzie? Sim! Não! Curte? Só estudo pq meus pais me obrigam! Odeio seres humanos! Sim Só estudo pq quero Adoro seres ficar rico! humanos! Entre em um grupo Faça engenharia! de pesquisa! Tome uma c3rvej@!
  42. 42. Você é aluno na fau Não! Mackenzie? Sim! Não! Gosta de trabalhar voluntariamente? Curte? Só estudo pq meus pais me obrigam! Odeio seres humanos! Sim Só estudo pq quero Adoro seres ficar rico! humanos! Entre em um grupo Faça engenharia! de pesquisa! Tome uma c3rvej@!
  43. 43. Você é aluno na fau Não! Mackenzie? Sim! Não! Gosta de trabalhar voluntariamente? Curte? Só estudo pq meus pais me obrigam! Odeio seres Não humanos! Sim Só estudo pq quero Tô duro pra Cacildis! Adoro seres ficar rico! humanos! Entre em um grupo Faça engenharia! de pesquisa! Tome uma c3rvej@!
  44. 44. Você é aluno na fau Não! Mackenzie? Sim! Não! Gosta de trabalhar voluntariamente? Curte? Só estudo pq meus pais me obrigam! Odeio seres Não humanos! Sim Só estudo pq quero Tô duro pra Cacildis! Adoro seres ficar rico! humanos! CNPq Entre em um grupo Faça engenharia! de pesquisa! Tome uma c3rvej@!
  45. 45. Você é aluno na fau Não! Mackenzie? Sim! Não! Gosta de trabalhar voluntariamente? Curte? Só estudo pq meus pais me obrigam! Odeio seres Não humanos! Sim Só estudo pq quero Tô duro pra Cacildis! Adoro seres ficar rico! humanos! CNPq Entre em um grupo Faça engenharia! Mack de pesquisa! Pesquisa Tome uma c3rvej@!
  46. 46. Você é aluno na fau Não! Mackenzie? Sim! Não! Gosta de trabalhar voluntariamente? Curte? Só estudo pq meus pais me obrigam! Odeio seres Não humanos! Sim Só estudo pq quero Tô duro pra Cacildis! Adoro seres ficar rico! humanos! CNPq Entre em um grupo Faça engenharia! Mack de pesquisa! Pesquisa FAPESP Tome uma c3rvej@!
  47. 47. Você é aluno na fau Não! Mackenzie? Sim! Não! Gosta de trabalhar voluntariamente? Curte? Só estudo pq meus pais me obrigam! Odeio seres Não humanos! Sim PIBIC Só estudo pq quero Tô duro pra Cacildis! Adoro seres ficar rico! humanos! CNPq Entre em um grupo Faça engenharia! Mack de pesquisa! Pesquisa FAPESP Tome uma c3rvej@!
  48. 48. Você é aluno na fau Não! Mackenzie? Sim! Não! Gosta de trabalhar voluntariamente? Curte? Só estudo pq meus pais me obrigam! Odeio seres Não humanos! Sim PIBIC Só estudo pq quero Tô duro pra Cacildis! Adoro seres ficar rico! humanos! PIBIT CNPq Entre em um grupo Faça engenharia! Mack de pesquisa! Pesquisa FAPESP Tome uma c3rvej@!
  49. 49. Você é aluno na fau Não! Mackenzie? Sim! Não! Gosta de trabalhar voluntariamente? Curte? Só estudo pq meus pais me obrigam! Odeio seres Não humanos! Sim PIBIC Só estudo pq quero Tô duro pra Cacildis! Adoro seres ficar rico! humanos! PIBIT CNPq Entre em um grupo Faça engenharia! Mack de pesquisa! Pesquisa PIBEX FAPESP Tome uma c3rvej@!
  50. 50. Você é aluno na fau Não! Mackenzie? Sim! Não! Sim Gosta de trabalhar voluntariamente? Curte? Só estudo pq meus pais me obrigam! Odeio seres Não humanos! Sim PIBIC Só estudo pq quero Tô duro pra Cacildis! Adoro seres ficar rico! humanos! PIBIT CNPq Entre em um grupo Faça engenharia! Mack de pesquisa! Pesquisa PIBEX FAPESP Tome uma c3rvej@!
  51. 51. Você é aluno na fau Não! Mackenzie? Sim! Não! Sim Gosta de trabalhar voluntariamente? Curte? Só estudo pq meus pais me obrigam! Odeio seres Não humanos! Sim PIBIC Só estudo pq quero Tô duro pra Cacildis! Adoro seres ficar rico! humanos! PIBIT CNPq Entre em um grupo Faça engenharia! Mack de pesquisa! Pesquisa PIBEX FAPESP Tome uma c3rvej@!
  52. 52. Você é aluno na fau Não! Mackenzie? Sim! Não! Sim Gosta de trabalhar voluntariamente? Curte? PIVIC Só estudo pq meus pais me obrigam! Odeio seres Não humanos! Sim PIBIC Só estudo pq quero Tô duro pra Cacildis! Adoro seres ficar rico! humanos! PIBIT CNPq Entre em um grupo Faça engenharia! Mack de pesquisa! Pesquisa PIBEX FAPESP Tome uma c3rvej@!
  53. 53. Você é aluno na fau Não! Mackenzie? Sim! Não! Sim Gosta de trabalhar voluntariamente? Curte? PIVIC Só estudo pq meus pais me obrigam! Odeio seres Não humanos! Sim PIBIC Só estudo pq quero Tô duro pra Cacildis! Adoro seres ficar rico! humanos! PIBIT CNPq Entre em um grupo Faça engenharia! Mack de pesquisa! Pesquisa PIBEX FAPESP Tome uma c3rvej@!
  54. 54. Você é aluno na fau Não! Mackenzie? Sim! Não! Sim Gosta de trabalhar voluntariamente? Curte? PIVIC Só estudo pq meus pais me obrigam! Odeio seres Não humanos! Sim PIBIC Só estudo pq quero Tô duro pra Cacildis! Adoro seres ficar rico! humanos! PIBIT CNPq Entre em um grupo Faça engenharia! Mack de pesquisa! Pesquisa PIBEX FAPESP Tome uma c3rvej@!
  55. 55. grupos de pesquisa fau-mack i n s c r i ç õ e s a t é 2 5 d e o u t u b r ov o c ê c h e g a n d o o n d e n e n h u m a l u n o c h e g o u a n t e s
  56. 56. Grupos de Pesquisa Fau-Mack - 2012
  57. 57. 1. A Paisagem da Cidade Sustentável: Grupos de Pesquisa Fau-Mack - 2012 arquitetura, ambiente e tecnologiaPerola Felipette Brocaneliperola@mackenzie.brDominique FretinIvana Aparecida BedendoMaria ProninSilvio Stefanini SantAnnaEstuda a paisagem da cidadesustentável, considerando asquestões e o ecossistema,novos modelos de arquiteturapara uma cidade que precisade desenvolvimento detecnologias adequadas àsnecessidades contemporâneas.Inclui o temaQualiarqQualidade Ambiental e Arquitetura
  58. 58. Grupos de Pesquisa Fau-Mack - 2012 2. Arquitetura, Ensino e ProfissãoEunice Helena S. Abascaleunicehelena.abascal@mackenzie.brMarcel MendesMaria Teresa de S. & BréiaFrancisco Lucio PetraccoEstudo da formação na FAUMackenzie, através de seusegressos e de suas obras, noperíodo de 1947 a 1980 e arelação com a cidade de SãoPaulo. Já foram realizados osprojetos “ArquiteturaMackenzie: os egressos e suasobras na cidade de São Paulo”,“Arquitetos mackenzistas namodernidade: qualidadeprojetual” e se encontra emcurso o projeto
  59. 59. Grupos de Pesquisa Fau-Mack - 2012 3. Arquitetura e ConstruçãoMaria Augusta Justi Pisaniaugustajp@gmail.comJoan VillàPaulo Roberto CorrêaValter CaldanaPesquisadores Externos:FAU São Judas: Erica Lemos GilFAAP - Erika Ciconelli de FigueiredoOs principais objetivos são:estudar o estado da arte sobrea inerência entre arquitetura econstrução e aprofundar osconhecimentos pertinentes amaterialização da Arquitetura,com destaque para o usodestes sobre o fazer naconcepção arquitetônicadesde a fase projetual.
  60. 60. Grupos de Pesquisa Fau-Mack - 2012 4. Arquitetura Paulista Moderna e ContemporâneaRoberto Righicandido@mackenzie.com.brVnculado ao Programa de Pós-Graduação em Arquitetura eUrbanismo da UniversidadePresbiteriana Mackenzie emSão Paulo / SP, o grupo seinsere na linha de pesquisaArquitetura Moderna eContemporânea:Representação e Intervenção.A produção do grupo tem setraduzido na forma de artigospublicados em periódicos,trabalhos apresentados em
  61. 61. Grupos de Pesquisa Fau-Mack - 20125. Arquitetura, processo de projeto e análise digitalWilson Flóriowflorio@uol.com.brAna Tagliari,Célia Regina MorettiNieri S. AraújoO grupo investiga aspectos teóricos e práticos sobre aconcepção, desenvolvimento e construção de edifícioscom ênfase na aplicação das novas tecnologias digitais.A arquitetura contemporânea produzida com recursosdigitais incorpora uma crescente complexidade formal-espacial decorrente de algumas possibilidades demanipulação e controle por meio de ferramentascomputacionais. O objetivo deste grupo é analisar oprocesso de projeto a partir dos meios e ferramentasanalógicos e digitais, de modo a permitir acompreensão das atuais linhas de pensamentoarquitetônico.São analisados projetos referenciais produzidos nosúltimos dez anos, destacando as peculiaridades,impacto e contribuições do modo de produção deedifícios por recursos de fabricação computacionais.
  62. 62. Grupos de Pesquisa Fau-Mack - 2012 6. Arquitetura: projeto & pesquisa & ensinoRafael Antonio Cunha Perronerecperrone@gmail.comgabriela.lima@uol.com.brAna Gabriela Godinho LimaAbílio Guerra;Alex MazziniCecília Helena Godoy Rodrigues dos SantosDaniela Martins BüchlerEdson Lucchini Jr.Maria Alice Junqueira BastosMichael A. R. BiggsRuth Verde ZeinSimone Neiva Loures GonçalvesEstudo e a reflexão sobre a arquitetura e design eseus processos de projeto. Documentação deacervos de obras e arquitetos e disponibilização viarede digital mundial como apoio à prática e ensino.Investigação sobre os processos de projeto naprática profissional, na pesquisa acadêmica e noensino. Análise da produção projetualcontemporânea no Brasil e Ibero-América.Estudos de gênero como categoria útil de análisede projeto de arquitetura e design.
  63. 63. Grupos de Pesquisa Fau-Mack - 2012 7. Arquitetura: Projeto: CríticaMaria Isabel Villacbelvillac@mackenzie.brLuiz Benedito Castro TellesLizete Maria RubanoPós-graduação: Daniela PerpétuoMorandi - Ianna Silveira Raposo -Morgana Maria Pitta DuarteCavalcanteA crítica como inerente àprodução, seja ela texto,projeto ou obra dearquitetura, projeto ou obrade arte urbana. Inclui o temaVida Associada: habitaçãocoletiva e cidade como linhade pesquisa
  64. 64. 8. Centro Histórico de São Paulo : Grupos de Pesquisa Fau-Mack - 2012 Documentação e Estudos de ReabilitaçãoMarcos José Carrilhocarrilho@terra.com.brAlessandro José Castroviejo RibeiroCecilia Helena Godoy Rodrigues dosSantosPaulo Sergio Barbaro Del NegroPesquisa sobre o CentroHistórico de São Paulo com areunião sistemática deinformações sobre a área, afim de torná-las acessíveis apesquisadores e aos demaisinteressados em suareabilitação. O tema é amplo ea área objeto de estudo,definida pelo anel centralprevisto no Plano PrestesMaia, compreende um vastoacervo edificado e umaestrutura urbana resultante deum longo processo desedimentação.
  65. 65. Grupos de Pesquisa Fau-Mack - 2012 9. Cidades e Edifícios SustentáveisGilda Collet Brunagilda@mackenzie.brAngélica Aparecida T. Benatti AlvimArlindo Philippi Jr.Dominique FretinHenrique DinisLuiz Guilherme R. de CastroVolia Regina Costa KatoJuliana Kallas NassifNa cidade há fontes de poluição e desperdícioenergético. Os edifícios são grandesconsumidores de energia; planejamento e gestãoeficaz da cidade podem contribuir nos níveislocal e regional para serem mais sustentáveis.Foram desenvolvidos pelo grupo projetos taiscomo Promoção do DesenvolvimentoSustentável em comunidades do semi-árido daBahia; Reestruturação Produtiva e ProjetosUrbanos: Os Clusters e Tecnopolos comoInstrumentos de Regeneração Urbana-Estruturação Urbana e Arranjos ProdutivosLocais: Identificação e Análise das Relações entreProcessos Sociais, Efeitos Espaciais e PolíticasUrbanas, através do Estudo dos Casos de Francae Limeira. Atualmente está em curso projetoCidades e Edifícios sustentáveis – Parte II.
  66. 66. Grupos de Pesquisa Fau-Mack - 2012 10. Cidade e Arquitetura e FilosofiaIgor Guatelliigorguat@uol.com.brLizete Maria Rubano Anne Marie Sumner Daniel Corsi Edson RibeiroA partir de 2010 o grupo tem como líder o Prof. Dr. Igor Guatelli O grupo tem como foco o trabalho das interfaces entre Cidade,Arquitetura e Filosofia, com destaque para a filosofia pós-estruturalista e suas reverberações conceituais no campo urbano eestético-arquitetônico contemporâneos.Atualmente,foi encaminhada solicitação de apoio à pesquisa intitulada Território e Temporalidade : processos dereterritorialização na cidade de São Paulo, junto ao CNpq.Em 2010 o Prof. Dr. Igor Guatelli apresentou trabalho no ISUF 2010 em Hamburgo com uma discussão sobre o papel dasarticulações entre supra e infra –estruturas nos processos reterritorialização na cidade. Também em 2010, os Profs. IgorGuatelli e Lizete Rubano, juntamente com o Prof. Dr. Vladimir Bartalini, da FAUUSP, organizaram e ministraram um cursoconceitual sobre a cidade contemporânea. O curso, intitulado "Os tempos da cidade", abordou várias temáticas ligadas àsdinâmicas urbanas atuais a partir de alguns casos específicos, tendo a filosofia pós-estruturalista como uma das importantesmatrizes conceituais. No campo de publicações, o Prof. Dr. Igor Guatelli publicou artigos em periódicos indexados: emArquitextos, Qualis b1, o artigo "A Biblioteca de Seattle, entre vulcão e pirâmide", uma reflexão conceitual sobre um projeto doarquiteto Rem Koolhaas. Na revista da pós-graduação da FAUUSP, qualis A, publicou o artigo "Indeléveis Rastros"; uma reflexãoconceitual sobre a força do "rastro" na constituição de uma territorialidade por vir.Estudar e realizar experimentos com os processos midiáticos convergentes nas formas visuais de representação, interação enarração, entre elas, a fotografia, o desenho, a história em quadrinhos, o vídeo, o cinema, a animação, a informática.Compreender suas similaridades e intersecções enfocando-os teoricamente e utilizando-os como objeto e ferramentaexperimental e de realização de produtos gráficos e audiovisuais. A abordagem assiste e aproxima interdisciplinarmente umconjunto de disciplinas distribuídas ao longo de toda a grade curricular de Comunicação Visual da FAU-DI da UPM, entre elas asseqüências de Desenho, Gravura, Ilustração, História em Quadrinhos, Produção e Análise da Imagem(Animação, Áudio/Vídeo,Cine/TV),Computação Gráfica.
  67. 67. 11. Design de Comunicação: formas visuais Grupos de Pesquisa Fau-Mack - 2012 de narração, interação e representaçãoNara Silvia Marcondes Martinsnaramartins@mackenzie.brAlessandra Márcia de F.StefaniMarco Antonio D. HovnanianAlex MazziniMauro ClaroAndrea de Souza Almeida Milton Francisco JúniorDjalma Barros GonçalvesNara Sílvia Marcondes MartinsEliana Zaroni Lindenberg Silva NeideAntonia M. de FariaIvo Eduardo Roman PonsTeresa Maria RiccettiPromove investigações no campo interdisciplinar ,multidisciplina e transdisciplinar do design decomunicação e design de produto como geradoresde elementos constituintes da cultura e suasrelações com a ciência, tecnologia, arte esociedade.Aproxima as competências do designer e asnecessidades sociais e do meio ambiente comcomunidades. Pesquisa políticas sociais para aaproximação de excluídos no desenvolvimento deprodutos sustentáveis. Estuda e aplica o designpara transformar a sociedade e o desenvolvimentosustentável.
  68. 68. Grupos de Pesquisa Fau-Mack - 2012 12. Design, Arte, Linguagens e ProcessosAriane Daniela Coleacole@gmail.comnaramartins@mackenzie.brNara Sílvia Marcondes MartinsAna Paula CalvoAndrea de Souza AlmeidaArthur de Toledo VergaFanny Feigenson GrinfeldLeila Maria Reinert do NascimentoRegina Lara Silveira MelloZuleica SchincariolO grupo desenvolve estudosinterdisciplinares que envolvammanifestações artísticas, culturais esuas relações com o Design.As metodologias de pesquisa seestruturam na realização,identificação e registro demanifestações artísticas e culturais,proporcionando documentos parareflexão e análise, na busca deprodução de conhecimento, nosentido de identificar, produziravanços de linguagem, conceituaise didáticos.
  69. 69. 13. Design, Teoria e Projeto Grupos de Pesquisa Fau-Mack - 2012Ariane Daniela Coleacole@gmail.comnaramartins@mackenzie.brNara Sílvia Marcondes MartinsAna Paula CalvoAndrea de Souza AlmeidaArthur de Toledo VergaFanny Feigenson GrinfeldLeila Maria Reinert do NascimentoRegina Lara Silveira MelloZuleica SchincariolO grupo desenvolve estudosinterdisciplinares que envolvammanifestações artísticas, culturais esuas relações com o Design.As metodologias de pesquisa seestruturam na realização,identificação e registro demanifestações artísticas e culturais,proporcionando documentos parareflexão e análise, na busca deprodução de conhecimento, nosentido de identificar, produziravanços de linguagem, conceituaise didáticos.
  70. 70. Grupos de Pesquisa Fau-Mack - 2012 14. O Desenho da cidade e a verticalizaçãoNadia Somekhnadia@mackenzie.brAbilio Guerra AntonioClaudio Fonseca PintoMario FigueroaCarlos LeiteSueli Schiffer (FAU/ USP)Silvio Zancheti (CECI/ UFPE)Contribuir para a reformulação dalegislação do processo de construção dascidades brasileiras, no que tange aoprocesso de verticalização. Para tantoelegemos o período de 1940 a 1957 emSão Paulo porque o consideramosparadigmático para entendermos aentrada da arquitetura moderna, bemcomo constituinte na formulação dalegislação edilícia brasileira.Inclui o tema Projetos Urbanos naCidade Contemporânea como linha depesquisa
  71. 71. 15.Paradigmas para o estudo de cidades Grupos de Pesquisa Fau-Mack - 2012 ibero-americanas no século XXIEunice Helena S Abascaleunice.helena@terra.com.brhmedrano@gmail.comRicardo Hernán MedranoAngélica A. Tanus Benatti AlvimClaudia Virginia StincoGilda Collet BrunaMarcelo de Mendonça BernardiniRaquel CymrotVladimir Fernandes MacielVolia Regina Costa KatoRecortar casos do universo decidades ibero-americanas,abordando em perspectivacomparada as cidades assimselecionadas. Aplicar o métodohistórico-analítico, e realizando umpercurso histórico-crítico quepossibilite compreender aatualidade à luz da história.
  72. 72. 16. Projeto, Produção e Gestão da Grupos de Pesquisa Fau-Mack - 2012 Habitação Social no BrasilJoão Sette Whitaker Ferreirawhitaker@usp.brantonucci@gmail.comDenise AntonucciCelso Aparecido SampaioPaulo Ricardo GiaquintoO objetivo do grupo é promoverpesquisas que subsidiem umareflexão contínua e consistentesobre a questão da habitação socialno Brasil, um problema premente ede grande atualidade no contextoda arquitetura e urbanismo. Aprodução de conhecimento sobreesse tema, que se liga tanto àcompreensão das experiênciaspassadas e sua contextualizaçãohistórica, quanto aos aspectosatuais das políticas públicas dehabitação, pode ser de grande valiapara a elaboração de soluçõesefetivas para a questão dahabitação.
  73. 73. 17. Grupos de Pesquisa Fau-Mack - 2012 Reestruturação produtiva e projetos urbanos: os clusters e tecnopólos como instrumentos de regeneração urbana [Clusters Urbanos]Carlos Leite Souzacleite@educatorium.comnadia@mackenzie.brAndré Isai LeirnerJuliana Di Cesare M. MarquesNadia Somekh
  74. 74. Grupos de Pesquisa Fau-Mack - 2012 18. Signagem da Arquitetura ContemporâneaCarlos Egidio Alonsocaralonso@mackenzie.brAffonso Celso OrciuoliClaudio Roberto Pirovics Santos PereiraDouglas Lopes de SouzaGiceli Portela Cunico de OliveiraGiorgio Giorgi JuniorIvan Lubarino Piccoli dos SantosJair Antonio de Oliveira JuniorKelly Cristina Coguetto BozzatoLuís Antônio JorgeMaria Cristina de Barros RossiMyrna de Arruda NascimentoNieri Soares de AraujoSilvio Stefanini SantAnnaO grupo atua efetivamente nos currículos do curso deGraduação e do Programa de Pós-graduação através dosprogramas disciplinares, na realização de exposições detrabalhos, desenhos e projetos dos diversos sistemas sígnicosreferentes às diversas etapas que envolvem a concepção, aprodução e a fruição do artefato arquitetônico. Na atualidadesão importantes as questões levantadas a partir da utilizaçãodos sistemas computacionais e de suas interfaces com outrasmídias, seja nos processos de facilitação e rapidez nosprocedimentos de projetos como nos impactos desses novosinstrumentais enquanto suporte da concepção da arquitetura edo espaço urbano.
  75. 75. 19. Sistemas Construtivos na Grupos de Pesquisa Fau-Mack - 2012 Arquitetura ContemporâneaCelia Regina Moretti Meirellescerellesm@gmail.comh-dinis@uol.com.brHenrique DinisSilvio Stefanini Sant AnnaRicardo Laurentino VasconcelosMario Lasar SegallSunao KishiRenato Carrieri JuniorO grupo pesquisa as tecnologiascontemporâneas aplicadas aosprocessos construtivos dos edifícios esua aplicação no projeto arquitetônico.Como exemplo as pesquisas emArquitetura em Madeira, Bambu, Aço,etc... Técnicas construtivas frente àsquestões de sustentabilidade. O uso demodelos com forma de ensino daestrutura nas escolas de arquiteturaatravés de modelos, etc...
  76. 76. Grupos de Pesquisa Fau-Mack - 2012 20. Teoria e Projeto na Era DigitalEduardo Sampaio NardelliCharles C. Vincentnardelli@mackenzie.brcvin@arquitetos.comO objetivo é investigar as principaismudanças de paradigma na prática doprojeto de arquitetura, da etapa deconceituação até o produto final, emconseqüência da aplicação intensivadas Tecnologias da Informação eComunicação – TICs, a estas atividades.
  77. 77. Grupos de Pesquisa Fau-Mack - 2012 21. Urbanismo Brasileiro e Iberoamericano Jose Geraldo Simões Junior jgsj@mackenzie.brCandido Malta Campos NetoCarlos Guilherme Santos Serôa da MotaGilda Collet BrunaRicardo Hernán MedranoRoberto RighiO estudo do urbanismo no Brasil e nos paíseslatino-americanos tem sido quase semprepautado por abordagens muito parciais, oraestudando a questão do ponto de vista da lógicaportuguesa de colonização nos territórios deultramar, ora pela lógica espanhola na ocupaçãoda América.Por essa lacuna constatada, decidiu-seaprofundar os estudos urbanísticos ibero-americanos através de uma visão maisabrangente e comparada, complementada peloestudo das referencias paradigmáticas (fluxos)advindas do urbanismo europeu e norte-americano, estes últimos ocorridos sobretudo apartir da prática urbanística a partir de fins doséculo XIX.
  78. 78. 22. Urbanismo Contemporâneo: Grupos de Pesquisa Fau-Mack - 2012 redes, sistemas e processosLuiz Guilherme Rivera de CastroAngélica Tanus Benatti Alvimabalvim@mackenzie.brlgcastro@mackenzie.brAntonio Eduardo Giansante; Denise AntonucciDaniel T. Montandon (SEMPLA)Gilda Collet BrunaJosé Paulo de BemMarcelo de Mendonça BernardiniSilvana ZioniVolia Regina Costa KatoContribuir para a produção de conhecimentossobre a urbanização contemporânea e sobre osprocessos de formulação, implementação eavaliação de planos e projetos urbanísticos. Entreos temas de estudo destacam-se: processo deconcepção, acompanhamento e avaliação depolíticas urbanas; interpretações de processosurbano-regionais; planos e projetos deurbanismo; gestão integrada e meio ambiente;operações urbanas; forma urbana e ambienteconstruído; mobilidade, adensamento,localizações e centralidades; redes e sistemas.
  79. 79. grupos de pesquisa fau-mack i n s c r i ç õ e s a t é 2 5 d e o u t u b r og e n t e b o a f a z e n d o a ex c e l ê n c i a
  80. 80. Meu, não adiantareclamar do mundo e da escola:Metade da qualidade da faculdade é o aluno que faz .

×