SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 32
Manoel Neves
TÓPICOS DE COMPREENSÃO TEXTUAL
Teorias da enunciação
ASPECTOS GERAIS
teorias da enunciação
TEXTO E DISCURSO
teorias da enunciação
texto
manifestação	linguís1ca	resultante	de	a1vidade	intelectual;	
visa	a	externar	ao	outro	uma	mensagem.	
discurso
conjunto	de	enunciados	que	derivam	de	uma	mesma	formação	discursiva	
[localiza-se,	evidentemente,	nos	domínios	discurivas]
ENUNCIADO E ENUNCIAÇÃO
teorias da enunciação
enunciado
materialidade	repeAvel;	unidade	elementar	do	discurso;	
é	o	texto	em	si.	
enunciação
o	singular;	o	irrepeAvel;	acontecimento	com	lugar	e	data	marcados;	
circunstâncias	que	corroboram	no	[momento	da	produção	do	discurso].
Veja.	Ed.	2388.	São	Paulo,	27	ago.	2014.
ANÁLISE TEXTUAL
teorias da enunciação
texto
aparece	à	direita	e	à	esquerda	e	auxilia	na	configuração	da	propaganda;	
discurso
comercial	[publicitário],	ambiental	[contexto	da	reciclagem];	
enunciado
propaganda	[das	a1vidades	que	indicam	que	a	Ambev	tem	responsabilidade	ambiental];	
enunciação
início	do	século	XXI	[propaganda	de	bebidas	alcoólicas,	responsabilidade	social].
PINHEIRO-MACHADO,	Rosana.	Sobre	o	“nojo”	a	meninos	negros	e	pobres	e	a	covardia	de	uma	elite	vazia.	Disponível	em:	
hRp://pragmaTsmopoliTco.com.br.	Acesso	em:	30	jan.	2015.	Fragmento.
ANÁLISE TEXTUAL
teorias da enunciação
texto
três	parágrafos	extraídos	de	um	ar1go	de	opinião;	
discurso
jornalís1co	[políTco],	social	[análise	de	fenômenos	políTcos];	acadêmico	[debate	de	ideias];	
enunciado
argumentos	[de	autoridade,	prova	concreta,	confronto,	causa	e	consequência,	ironia...];	
enunciação
início	do	século	XXI	[direitos	humanos,	renascimento	do	liberalismo,	análise	histórico-políTco-social].
AS CONDIÇÕES DA PRODUÇÃO DO DISCURSO
teorias da enunciação
AS CONDIÇÕES DA PRODUÇÃO DO DISCURSO
teorias da enunciação
locutor
aquele	que	diz;	sua	posição	sócio-histórica;	
[a]locutário
aquele	para	quem	se	diz	o	que	se	tem	a	dizer;	sua	posição	sócio-histórica;	
referente
o	que	dizer	[determinado	pelos	sistemas	semânTcos	de	coerência	e	restrições];	
forma de dizer
em	uma	determinada	língua	[é	preciso	que	se	escolham	as	estratégias];	
contexto estrito
circunstâncias	imediatas	[aqui	e	agora	do	discurso];	
contexto lato
determinações	históricas	[insTtuições:	escola,	igreja,	família,	sindicato,	língua].
Veja.	Ed.	2405,	São	Paulo,	24	dez.	2014.
ANÁLISE TEXTUAL
teorias da enunciação
locutor
apresentação	dos	preços	+	escolha	da	pose	em	que	a	modelo	é	fotografada;	
[a]locutário
tendência	polí1ca:	liberal;	classe:	a	[o	veículo	e	o	preço	selecionam	o	leitor];	
referente
propaganda	de	joias	de	ouro	e	rubi	da	marca	Vivara;	
forma de dizer
foto	+	modelo	internacional	+	pose	+	preço;	
contexto estrito
ascensão	social	de	parcela	da	população;	camaro1zação	das	elites	brasileiras;	
contexto lato
necessidade	de	ostentar	objetos	de	valor	por	parte	de	parcela	da	população.
Veja.	Ed.	2395.	São	Paulo,	15	out.	2014.
ANÁLISE TEXTUAL
teorias da enunciação
locutor
escolha	da	foto,	chamada	para	entrevista	e	chamada	para	reportagem	de	capa;	
[a]locutário
tendência	polí1ca:	liberal	[o	veículo	e	a	matriz	ideológica	selecionam	o	leitor];	
referente
Aécio	Neves	larga	na	frente	no	segundo	turno	das	eleições	presidenciais	de	2014;	
forma de dizer
pose	+	bom	mocismo	+	sorriso	+	modalização	+	eco	ao	discurso	pós	junho	de	2013;	
contexto estrito
segundo	turno	das	eleições	presidenciais	de	2014;	
contexto lato
polí1ca	[a	revista	assume	publicamente	campanha	a	favor	de	Aécio	Neves].
TEORIAS DA ENUNCIAÇÃO
teorias da enunciação
TEORIAS DA ENUNCIAÇÃO
teorias da enunciação
cada	ponto	de	vista	que	se	revela	em	um	texto	
individual	 cole1vo	
enunciador
genérico	 universal
ENUNCIADOR INDIVIDUAL
teorias da enunciação
Em	meio	aos	romeiros,	que	nem	santas,	
Lá	vai	o	bicharéu	rumo	ao	Convento.	
Tanto	fervor	e	sacridcio	compensa,	
No	caminho,	a	pegação	é	óóó-T-ma!	
MOTTA,	Waldo.	Festa	da	penha.	In.:	Transpaixão.	Vitória:	EDUFES,	2010.	
ponto	de	vista	muito	específico,	único;	caráter	idiossincrá1co
ENUNCIADOR COLETIVO
teorias da enunciação
ponto	de	vista	de	um	grupo	[políTco,	econômico,	religioso,	cultural,	entre	outros].	
Veja.	Ed.	2388.	São	Paulo,	27	ago.	2014.
ENUNCIADOR GENÉRICO
teorias da enunciação
senso	comum	[usa-se	o	dizer	de	todos	como	senso	seu]	
Cifras.	Disponível	em:	hRp://facebook.com/sitecifras.	Acesso	13	fev.	2015.
ENUNCIADOR GENÉRICO
teorias da enunciação
senso	comum	[usa-se	o	dizer	de	todos	como	senso	seu]	
Veja.	Ed.	2395.	São	Paulo,	15	out.	2014.
ENUNCIADOR GENÉRICO
teorias da enunciação
Sou	louco	por	você,	tente	entender	
Que	se	eu	respiro	é	por	te	amar	
Você	me	faz	tão	bem	
Me	faz	ir	além	
Você	me	faz	cresce,	me	faz	sonhar	
Ai,	saudade	de	você	
Vontade	de	te	ver	
Eu	necessito	você	aqui	comigo	
Mas	não	queira	duvidar	
O	amor	está	no	ar	
Ah	eu	preciso,	de	novo	teu	sorriso	
senso	comum	[usa-se	o	dizer	de	todos	como	senso	seu]	
ZÉ	FELIPE.	Saudade	de	você.	Disponível	em:	hRp://musica.com.br/arTstas/ze-felipe/m/saudade-de-voce/letra.html.	Acesso	em:	13	fev.	2015.
ENUNCIADOR UNIVERSAL
teorias da enunciação
assume	a	fala	a	par1r	da	noção	de	verdadeiro	ou	falso	[ciência,	filosofia,	religião].	
Célula	animal.	Disponível	em:	hRp://www.todabiologia.com/citologia/celula_animal.htm.	Acesso	em:	13	fev.	2015.
A HETEROGENEIDADE DISCURSIVA
teorias da enunciação
A HETEROGENEIDADE DISCURSIVA
teorias da enunciação
presença	de	vários	pontos	de	vista	em	um	mesmo	discurso	[polifonia]	
discurso	citado	 ironia	 negação	 ato	de	fala	
pressuposição	 nominalização	 negação
O DISCURSO CITADO
teorias da enunciação
Disse	Jesus:	“Amai-vos	uns	aos	outros.	
E1	[narrador],	E2	[Jesus];	
o	mesmo	acontece	nos	discursos	indireto	e	indireto	e	indireto	livre.
IRONIA
teorias da enunciação
Se	sua	sogra	é	uma	joia,	temos	o	melhor	estojo.	[Funerária	Souza]	
E1	[fala	descontextualizada	na	qual	se	apresenta	posiTvamente	a	sogra];	
E2	[fala	contextualizada	na	qual	se	apresenta	a	sogra	posiTvamente];
NEGAÇÃO
teorias da enunciação
Valsivaldo	não	é	genTl	
na	negação,	fala-se	algo	e	nega-se	aquilo	que	se	falou;	
E1	[Pedro	é	genTl];	E2	[isso	não	é	verdade:	ideia	de	negação].
ATO DE FALA
teorias da enunciação
em	uma	narra1va	ou	em	uma	peça	de	teatro,	apresentação	da	fala	de	personagem:
Macunaíma	falou:	“Juque!”.
MAS
teorias da enunciação
Certamente	quero	ir	ao	cinema,	mas	a	noite	está	tão	fria.	
um	mesmo	locutor	enuncia	um	ponto	de	vista	genérico	e	o	seu	[específico];	
E1	[Quero	ir	ao	cinema];	E2	[a	noite	está	tão	fria].
PRESSUPOSIÇÃO
teorias da enunciação
Dengue	vira	risco	de	epidemia	em	Belo	Horizonte.	
E1	=	pressuposição	[antes	havia	dengue,	mas	não	o	risco	de	epidemia];	
E2	=	posto	[Dengue	vira	risco	de	epidemia	em	Belo	Horizonte].
NOMINALIZAÇÃO
teorias da enunciação
Houve	uma	melhora	no	nível	de	vida	do	brasileiro.	
a	nominalização	opera	tal	qual	a	pressuposição:	um	enunciado	pressupõe	outro:	
E1	=	O	nível	de	vida	do	brasileiro	está	bom;	
E2	=	Antes,	o	nível	de	vida	do	brasileiro	não	estava	tão	bom	ou	era	ruim	[melhora].
FONTE
teorias da enunciação
CARDOSO,	Silvia	Helena	Barbi.	Discurso	e	ensino.	2.ed.	Belo	Horizonte:	AutênTca,	2003.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Ensino de Língua portuguesa: Reflexões críticas e práticas escolares
Ensino de Língua portuguesa: Reflexões críticas e práticas escolaresEnsino de Língua portuguesa: Reflexões críticas e práticas escolares
Ensino de Língua portuguesa: Reflexões críticas e práticas escolaresJohnJeffersonAlves1
 
Texto e discurso as vozes presentes no texto
Texto e discurso   as vozes presentes no textoTexto e discurso   as vozes presentes no texto
Texto e discurso as vozes presentes no textoRoberta Scheibe
 
EnunciadoxEnunciacao
EnunciadoxEnunciacaoEnunciadoxEnunciacao
EnunciadoxEnunciacaoCleber Reis
 
GÊNEROS DISCURSIVOS
GÊNEROS DISCURSIVOSGÊNEROS DISCURSIVOS
GÊNEROS DISCURSIVOSmarianna65
 
Lingüística aplicada
Lingüística aplicadaLingüística aplicada
Lingüística aplicadaADRIANA BECKER
 
Parte 2 linguística geral saussure - apresentação
Parte 2   linguística geral saussure - apresentaçãoParte 2   linguística geral saussure - apresentação
Parte 2 linguística geral saussure - apresentaçãoMariana Correia
 
Concepções de linguagem
Concepções de linguagemConcepções de linguagem
Concepções de linguagemKelly Moraes
 
Concepções de linguagem, língua, gramática e
Concepções de linguagem, língua, gramática eConcepções de linguagem, língua, gramática e
Concepções de linguagem, língua, gramática eThiago Soares
 
Introdução linguísitca aplicada
Introdução linguísitca aplicadaIntrodução linguísitca aplicada
Introdução linguísitca aplicadamarumbi
 
FACELI - D1 - Zilda Maria Fantin Moreira - Linguagem Jurídica - AULA 04
FACELI - D1 - Zilda Maria Fantin Moreira  -  Linguagem Jurídica - AULA 04FACELI - D1 - Zilda Maria Fantin Moreira  -  Linguagem Jurídica - AULA 04
FACELI - D1 - Zilda Maria Fantin Moreira - Linguagem Jurídica - AULA 04Jordano Santos Cerqueira
 

Mais procurados (20)

Língua e linguagem 1
Língua e linguagem 1Língua e linguagem 1
Língua e linguagem 1
 
Uma linguística da enunciação
Uma linguística da enunciaçãoUma linguística da enunciação
Uma linguística da enunciação
 
Ensino de Língua portuguesa: Reflexões críticas e práticas escolares
Ensino de Língua portuguesa: Reflexões críticas e práticas escolaresEnsino de Língua portuguesa: Reflexões críticas e práticas escolares
Ensino de Língua portuguesa: Reflexões críticas e práticas escolares
 
LÍNGUA & LINGUAGEM
LÍNGUA & LINGUAGEMLÍNGUA & LINGUAGEM
LÍNGUA & LINGUAGEM
 
Sociolinguística
SociolinguísticaSociolinguística
Sociolinguística
 
Texto e discurso as vozes presentes no texto
Texto e discurso   as vozes presentes no textoTexto e discurso   as vozes presentes no texto
Texto e discurso as vozes presentes no texto
 
EnunciadoxEnunciacao
EnunciadoxEnunciacaoEnunciadoxEnunciacao
EnunciadoxEnunciacao
 
Lingua e-linguagem2
Lingua e-linguagem2Lingua e-linguagem2
Lingua e-linguagem2
 
GÊNEROS DISCURSIVOS
GÊNEROS DISCURSIVOSGÊNEROS DISCURSIVOS
GÊNEROS DISCURSIVOS
 
Lingüística aplicada
Lingüística aplicadaLingüística aplicada
Lingüística aplicada
 
Benveniste e a noção de pessoa
Benveniste e a noção de pessoaBenveniste e a noção de pessoa
Benveniste e a noção de pessoa
 
Parte 2 linguística geral saussure - apresentação
Parte 2   linguística geral saussure - apresentaçãoParte 2   linguística geral saussure - apresentação
Parte 2 linguística geral saussure - apresentação
 
Linguística textual
Linguística textualLinguística textual
Linguística textual
 
Concepções de linguagem
Concepções de linguagemConcepções de linguagem
Concepções de linguagem
 
O latim
O latimO latim
O latim
 
Comunicação
ComunicaçãoComunicação
Comunicação
 
Concepções de linguagem, língua, gramática e
Concepções de linguagem, língua, gramática eConcepções de linguagem, língua, gramática e
Concepções de linguagem, língua, gramática e
 
Introdução linguísitca aplicada
Introdução linguísitca aplicadaIntrodução linguísitca aplicada
Introdução linguísitca aplicada
 
Semântica pragmática
Semântica pragmáticaSemântica pragmática
Semântica pragmática
 
FACELI - D1 - Zilda Maria Fantin Moreira - Linguagem Jurídica - AULA 04
FACELI - D1 - Zilda Maria Fantin Moreira  -  Linguagem Jurídica - AULA 04FACELI - D1 - Zilda Maria Fantin Moreira  -  Linguagem Jurídica - AULA 04
FACELI - D1 - Zilda Maria Fantin Moreira - Linguagem Jurídica - AULA 04
 

Destaque

AULA SHOW DE LINGUÍSTICA APLICADA À INTERPRETAÇÃO DE TEXTOS EM CONCURSOS, ENE...
AULA SHOW DE LINGUÍSTICA APLICADA À INTERPRETAÇÃO DE TEXTOS EM CONCURSOS, ENE...AULA SHOW DE LINGUÍSTICA APLICADA À INTERPRETAÇÃO DE TEXTOS EM CONCURSOS, ENE...
AULA SHOW DE LINGUÍSTICA APLICADA À INTERPRETAÇÃO DE TEXTOS EM CONCURSOS, ENE...Antônio Fernandes
 
Aspectos constitutivos da enunciação
Aspectos constitutivos da enunciaçãoAspectos constitutivos da enunciação
Aspectos constitutivos da enunciaçãoFernanda Câmara
 
PPT Linguagem DialóGica Instrucional
PPT Linguagem DialóGica InstrucionalPPT Linguagem DialóGica Instrucional
PPT Linguagem DialóGica InstrucionalWeb Rádio ABED Blog
 
Técnicas para resumir
Técnicas para resumirTécnicas para resumir
Técnicas para resumirgnidya79
 
Teorias do uso da língua - Pragmática
Teorias do uso da língua - PragmáticaTeorias do uso da língua - Pragmática
Teorias do uso da língua - PragmáticaFabricio Rocha
 
Os gêneros e a ciência dialógica do texto i
Os gêneros e a ciência dialógica do texto iOs gêneros e a ciência dialógica do texto i
Os gêneros e a ciência dialógica do texto iAFMO35
 
Sintaxe discursiva - FIORIN
Sintaxe discursiva - FIORINSintaxe discursiva - FIORIN
Sintaxe discursiva - FIORINSirlei Baima
 
Como Fazer Bibliografia E Nota De Rodapé
Como Fazer Bibliografia E Nota De RodapéComo Fazer Bibliografia E Nota De Rodapé
Como Fazer Bibliografia E Nota De RodapéCatedral de Adoração
 
Retextualização aula
Retextualização aulaRetextualização aula
Retextualização aulaIsis Barros
 
Fatores de textualidade
Fatores de textualidadeFatores de textualidade
Fatores de textualidadeAFMO35
 
Prova de redação da UFMG-2010
Prova de redação da UFMG-2010Prova de redação da UFMG-2010
Prova de redação da UFMG-2010ma.no.el.ne.ves
 
Modelo do fichamento citação 9º ano 2016
Modelo do fichamento citação  9º ano 2016Modelo do fichamento citação  9º ano 2016
Modelo do fichamento citação 9º ano 2016Rita de Cássia Freitas
 
Pronomes demonstrativos e referenciação
Pronomes demonstrativos e referenciaçãoPronomes demonstrativos e referenciação
Pronomes demonstrativos e referenciaçãoma.no.el.ne.ves
 
Pronome pessoal, retomada e referenciação
Pronome pessoal, retomada e referenciaçãoPronome pessoal, retomada e referenciação
Pronome pessoal, retomada e referenciaçãoma.no.el.ne.ves
 
Pressuposição e acarretamento
Pressuposição e acarretamentoPressuposição e acarretamento
Pressuposição e acarretamentoManoel Neves
 

Destaque (20)

AULA SHOW DE LINGUÍSTICA APLICADA À INTERPRETAÇÃO DE TEXTOS EM CONCURSOS, ENE...
AULA SHOW DE LINGUÍSTICA APLICADA À INTERPRETAÇÃO DE TEXTOS EM CONCURSOS, ENE...AULA SHOW DE LINGUÍSTICA APLICADA À INTERPRETAÇÃO DE TEXTOS EM CONCURSOS, ENE...
AULA SHOW DE LINGUÍSTICA APLICADA À INTERPRETAÇÃO DE TEXTOS EM CONCURSOS, ENE...
 
Aspectos constitutivos da enunciação
Aspectos constitutivos da enunciaçãoAspectos constitutivos da enunciação
Aspectos constitutivos da enunciação
 
Aula ii linguística da enunciação
Aula ii   linguística da enunciaçãoAula ii   linguística da enunciação
Aula ii linguística da enunciação
 
Abnt referências
Abnt referênciasAbnt referências
Abnt referências
 
PPT Linguagem DialóGica Instrucional
PPT Linguagem DialóGica InstrucionalPPT Linguagem DialóGica Instrucional
PPT Linguagem DialóGica Instrucional
 
Técnicas para resumir
Técnicas para resumirTécnicas para resumir
Técnicas para resumir
 
Teorias do uso da língua - Pragmática
Teorias do uso da língua - PragmáticaTeorias do uso da língua - Pragmática
Teorias do uso da língua - Pragmática
 
Os gêneros e a ciência dialógica do texto i
Os gêneros e a ciência dialógica do texto iOs gêneros e a ciência dialógica do texto i
Os gêneros e a ciência dialógica do texto i
 
Sintaxe discursiva - FIORIN
Sintaxe discursiva - FIORINSintaxe discursiva - FIORIN
Sintaxe discursiva - FIORIN
 
Como Fazer Bibliografia E Nota De Rodapé
Como Fazer Bibliografia E Nota De RodapéComo Fazer Bibliografia E Nota De Rodapé
Como Fazer Bibliografia E Nota De Rodapé
 
Retextualização aula
Retextualização aulaRetextualização aula
Retextualização aula
 
Modelo do fichamento citação
Modelo do fichamento citaçãoModelo do fichamento citação
Modelo do fichamento citação
 
AS NOÇÕES DE RETEXTUALIZAÇÃO E DIALOGISMO: ONDE UMA TERMINA E A OUTRA COMEÇA?
AS NOÇÕES DE RETEXTUALIZAÇÃO E DIALOGISMO: ONDE UMA TERMINA E A OUTRA COMEÇA? AS NOÇÕES DE RETEXTUALIZAÇÃO E DIALOGISMO: ONDE UMA TERMINA E A OUTRA COMEÇA?
AS NOÇÕES DE RETEXTUALIZAÇÃO E DIALOGISMO: ONDE UMA TERMINA E A OUTRA COMEÇA?
 
Fatores de textualidade
Fatores de textualidadeFatores de textualidade
Fatores de textualidade
 
Prova de redação da UFMG-2010
Prova de redação da UFMG-2010Prova de redação da UFMG-2010
Prova de redação da UFMG-2010
 
Aula iv introdução ao pensamento de bakhtin
Aula iv   introdução ao pensamento de bakhtinAula iv   introdução ao pensamento de bakhtin
Aula iv introdução ao pensamento de bakhtin
 
Modelo do fichamento citação 9º ano 2016
Modelo do fichamento citação  9º ano 2016Modelo do fichamento citação  9º ano 2016
Modelo do fichamento citação 9º ano 2016
 
Pronomes demonstrativos e referenciação
Pronomes demonstrativos e referenciaçãoPronomes demonstrativos e referenciação
Pronomes demonstrativos e referenciação
 
Pronome pessoal, retomada e referenciação
Pronome pessoal, retomada e referenciaçãoPronome pessoal, retomada e referenciação
Pronome pessoal, retomada e referenciação
 
Pressuposição e acarretamento
Pressuposição e acarretamentoPressuposição e acarretamento
Pressuposição e acarretamento
 

Semelhante a Teorias da enunciação

Lingua em uso linguagem e lingua
Lingua em uso   linguagem e linguaLingua em uso   linguagem e lingua
Lingua em uso linguagem e linguaMoises Ribeiro
 
O Discurso argumentativo nos meios de comunicação digitais
O Discurso argumentativo nos meios de comunicação digitaisO Discurso argumentativo nos meios de comunicação digitais
O Discurso argumentativo nos meios de comunicação digitaisJuliana da Silveira
 
A teoria da_enunciacao_no_filme_estamos_juntos_(1)
A teoria da_enunciacao_no_filme_estamos_juntos_(1)A teoria da_enunciacao_no_filme_estamos_juntos_(1)
A teoria da_enunciacao_no_filme_estamos_juntos_(1)Francis Paula
 
E book - gêneros textuais - com-pub
E book - gêneros textuais - com-pubE book - gêneros textuais - com-pub
E book - gêneros textuais - com-pubHilsa Mota
 
Textualidade e discursividade_(2)
Textualidade e discursividade_(2)Textualidade e discursividade_(2)
Textualidade e discursividade_(2)Lourdes Vinhal
 

Semelhante a Teorias da enunciação (10)

308
308308
308
 
Lingua em uso linguagem e lingua
Lingua em uso   linguagem e linguaLingua em uso   linguagem e lingua
Lingua em uso linguagem e lingua
 
O Discurso argumentativo nos meios de comunicação digitais
O Discurso argumentativo nos meios de comunicação digitaisO Discurso argumentativo nos meios de comunicação digitais
O Discurso argumentativo nos meios de comunicação digitais
 
A teoria da_enunciacao_no_filme_estamos_juntos_(1)
A teoria da_enunciacao_no_filme_estamos_juntos_(1)A teoria da_enunciacao_no_filme_estamos_juntos_(1)
A teoria da_enunciacao_no_filme_estamos_juntos_(1)
 
Aula AD.pptx
Aula AD.pptxAula AD.pptx
Aula AD.pptx
 
AF 4º
AF 4ºAF 4º
AF 4º
 
Redação
RedaçãoRedação
Redação
 
E book - gêneros textuais - com-pub
E book - gêneros textuais - com-pubE book - gêneros textuais - com-pub
E book - gêneros textuais - com-pub
 
Textualidade e discursividade_(2)
Textualidade e discursividade_(2)Textualidade e discursividade_(2)
Textualidade e discursividade_(2)
 
Recursos retóricos
Recursos retóricosRecursos retóricos
Recursos retóricos
 

Mais de ma.no.el.ne.ves

Segunda aplicação do ENEM-2019: Literatura
Segunda aplicação do ENEM-2019: LiteraturaSegunda aplicação do ENEM-2019: Literatura
Segunda aplicação do ENEM-2019: Literaturama.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologias
Segunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologiasSegunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologias
Segunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologiasma.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileiras
Segunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileirasSegunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileiras
Segunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileirasma.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Educação Física
Segunda aplicação do ENEM-2019: Educação FísicaSegunda aplicação do ENEM-2019: Educação Física
Segunda aplicação do ENEM-2019: Educação Físicama.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textual
Segunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textualSegunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textual
Segunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textualma.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticais
Segunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticaisSegunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticais
Segunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticaisma.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Artes
Segunda aplicação do ENEM-2019: ArtesSegunda aplicação do ENEM-2019: Artes
Segunda aplicação do ENEM-2019: Artesma.no.el.ne.ves
 
ENEM-2019: Internet e Tecnologias
ENEM-2019: Internet e TecnologiasENEM-2019: Internet e Tecnologias
ENEM-2019: Internet e Tecnologiasma.no.el.ne.ves
 
ENEM-2019: Identidades brasileiras
ENEM-2019: Identidades brasileirasENEM-2019: Identidades brasileiras
ENEM-2019: Identidades brasileirasma.no.el.ne.ves
 
ENEM-2019: Aspectos Gramaticais
ENEM-2019: Aspectos GramaticaisENEM-2019: Aspectos Gramaticais
ENEM-2019: Aspectos Gramaticaisma.no.el.ne.ves
 
ENEM-2019: Educação Física
ENEM-2019: Educação FísicaENEM-2019: Educação Física
ENEM-2019: Educação Físicama.no.el.ne.ves
 
ENEM-2019: Compreensão Textual
ENEM-2019: Compreensão TextualENEM-2019: Compreensão Textual
ENEM-2019: Compreensão Textualma.no.el.ne.ves
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e Internet
Terceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e InternetTerceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e Internet
Terceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e Internetma.no.el.ne.ves
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Literatura
Terceira aplicação do ENEM-2017: LiteraturaTerceira aplicação do ENEM-2017: Literatura
Terceira aplicação do ENEM-2017: Literaturama.no.el.ne.ves
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Educação Física
Terceira aplicação do ENEM-2017: Educação FísicaTerceira aplicação do ENEM-2017: Educação Física
Terceira aplicação do ENEM-2017: Educação Físicama.no.el.ne.ves
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão Textual
Terceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão TextualTerceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão Textual
Terceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão Textualma.no.el.ne.ves
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Artes
Terceira aplicação do ENEM-2017: ArtesTerceira aplicação do ENEM-2017: Artes
Terceira aplicação do ENEM-2017: Artesma.no.el.ne.ves
 
Análise da Prova de Redação da UERJ-2010
Análise da Prova de Redação da UERJ-2010Análise da Prova de Redação da UERJ-2010
Análise da Prova de Redação da UERJ-2010ma.no.el.ne.ves
 

Mais de ma.no.el.ne.ves (20)

Segunda aplicação do ENEM-2019: Literatura
Segunda aplicação do ENEM-2019: LiteraturaSegunda aplicação do ENEM-2019: Literatura
Segunda aplicação do ENEM-2019: Literatura
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologias
Segunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologiasSegunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologias
Segunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologias
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileiras
Segunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileirasSegunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileiras
Segunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileiras
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Educação Física
Segunda aplicação do ENEM-2019: Educação FísicaSegunda aplicação do ENEM-2019: Educação Física
Segunda aplicação do ENEM-2019: Educação Física
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textual
Segunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textualSegunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textual
Segunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textual
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticais
Segunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticaisSegunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticais
Segunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticais
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Artes
Segunda aplicação do ENEM-2019: ArtesSegunda aplicação do ENEM-2019: Artes
Segunda aplicação do ENEM-2019: Artes
 
ENEM-2019: Literatura
ENEM-2019: LiteraturaENEM-2019: Literatura
ENEM-2019: Literatura
 
ENEM-2019: Internet e Tecnologias
ENEM-2019: Internet e TecnologiasENEM-2019: Internet e Tecnologias
ENEM-2019: Internet e Tecnologias
 
ENEM-2019: Identidades brasileiras
ENEM-2019: Identidades brasileirasENEM-2019: Identidades brasileiras
ENEM-2019: Identidades brasileiras
 
ENEM-2019: Aspectos Gramaticais
ENEM-2019: Aspectos GramaticaisENEM-2019: Aspectos Gramaticais
ENEM-2019: Aspectos Gramaticais
 
ENEM-2019: Educação Física
ENEM-2019: Educação FísicaENEM-2019: Educação Física
ENEM-2019: Educação Física
 
ENEM-2019: Compreensão Textual
ENEM-2019: Compreensão TextualENEM-2019: Compreensão Textual
ENEM-2019: Compreensão Textual
 
ENEM-2019: Artes
ENEM-2019: ArtesENEM-2019: Artes
ENEM-2019: Artes
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e Internet
Terceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e InternetTerceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e Internet
Terceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e Internet
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Literatura
Terceira aplicação do ENEM-2017: LiteraturaTerceira aplicação do ENEM-2017: Literatura
Terceira aplicação do ENEM-2017: Literatura
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Educação Física
Terceira aplicação do ENEM-2017: Educação FísicaTerceira aplicação do ENEM-2017: Educação Física
Terceira aplicação do ENEM-2017: Educação Física
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão Textual
Terceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão TextualTerceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão Textual
Terceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão Textual
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Artes
Terceira aplicação do ENEM-2017: ArtesTerceira aplicação do ENEM-2017: Artes
Terceira aplicação do ENEM-2017: Artes
 
Análise da Prova de Redação da UERJ-2010
Análise da Prova de Redação da UERJ-2010Análise da Prova de Redação da UERJ-2010
Análise da Prova de Redação da UERJ-2010
 

Teorias da enunciação