SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 61
Baixar para ler offline
Manoel Neves
provasdaIBFCresolvidasecomentadas
SEPLAG/FHA-2015,ProfessordeLínguaPortuguesa
QUESTÃO 01
provas da IBFC resolvidas e comentadas
SOLUÇÃO COMENTADA
provas da IBFC resolvidas e comentadas
Análise	
  de	
  itens:	
  I.	
  Verdadeiro;	
  II.	
  Verdadeiro;	
  III.	
  Falso:	
  Este	
  item	
  contraria	
  o	
  que	
  se	
  
afirma	
  no	
  item	
  I	
  [evidentemente,	
  o	
  ensino	
  da	
  língua	
  visa	
  à	
  formação	
  de	
  cidadãos	
  que	
  
leem	
   criAcamente	
   o	
   real];	
   IV.	
   Falso:	
   Posto	
   que	
   os	
   textos	
   dos	
   referidos	
   domínios	
  
discursivos	
  arAculam-­‐se	
  principalmente	
  no	
  padrão	
  formal,	
  o	
  aluno	
  deveria	
  ser	
  capaz	
  
de	
  os	
  ler	
  criAcamente.	
  Assinale-­‐se,	
  pois,	
  a	
  letra	
  “d”.	
  
QUESTÃO 02
provas da IBFC resolvidas e comentadas
SOLUÇÃO COMENTADA
provas da IBFC resolvidas e comentadas
O	
   enunciado	
   da	
   alternaAva	
   “b”	
   permite	
   entrever	
   que	
   o	
   simples	
   conhecimento	
   dos	
  
mecanismos	
   metalinguísAcos	
   é	
   suficente	
   para	
   que	
   o	
   aluno	
   escreva	
   bem.	
   Isso	
   é	
   um	
  
absurdo,	
   porque	
   a	
   escrita	
   só	
   se	
   processa	
   na	
   medida	
   em	
   que	
   o	
   aluno	
   internaliza	
   os	
  
conceitos	
  e	
  é	
  capaz	
  de	
  os	
  manipular	
  criAcamente.	
  
QUESTÃO 03
provas da IBFC resolvidas e comentadas
SOLUÇÃO COMENTADA
provas da IBFC resolvidas e comentadas
Análise	
   de	
   itens:	
   I.	
   Falso:	
   É	
   impossível	
   dissociar	
   o	
   ensino	
   da	
   teoria	
   gramaAcal	
   do	
  
processo	
  de	
  produção	
  de	
  senAdo	
  [os	
  desvios	
  linguísAcos	
  interferem	
  negaAvamente	
  na	
  
organização	
   semânAca	
   do	
   texto];	
   II.	
   Verdadeiro:	
   Dado	
   que	
   o	
   aluno	
   possui	
   bom	
  
domínio	
  do	
  padrão	
  informal	
  da	
  língua,	
  faz-­‐se	
  necessário	
  familiarizá-­‐lo	
  com	
  o	
  padrão	
  
formal	
   da	
   língua;	
   III.	
   Verdadeiro:	
   O	
   aluno	
   deveria	
   não	
   só	
   ter	
   o	
   domínio	
   da	
  
metalinguagem,	
  mas	
  também	
  ser	
  capaz	
  de	
  refleAr	
  criAcamente	
  sobre	
  ela	
  e	
  de	
  a	
  usar	
  
consoante	
   suas	
   necessidades;	
   IV.	
   Falso:	
   O	
   CBC	
   defende	
   o	
   ensino	
   dos	
   mecanismos	
  
linguísAcos	
  do	
  padrão	
  formal;	
  V.	
  Verdadeiro:	
  O	
  ensino	
  da	
  teoria	
  gramaAcal	
  deveria	
  
servir	
  de	
  suporte	
  para	
  que	
  o	
  aluno	
  pudesse	
  ter	
  consciência	
  de	
  como	
  a	
  internalização	
  
dos	
   mecanismos	
   da	
   lingua	
   formal	
   pode	
   auxiliá-­‐lo	
   na	
   produção	
   textual.	
   Assinale-­‐se,	
  
pois,	
  a	
  letra	
  “a”.	
  
QUESTÃO 04
provas da IBFC resolvidas e comentadas
SOLUÇÃO COMENTADA
provas da IBFC resolvidas e comentadas
Os	
  gêneros	
  textuais	
  possuem	
  propriedades	
  muito	
  específicas.	
  Tome-­‐se,	
  por	
  exemplo,	
  
carta	
  pessoal	
  e	
  e-­‐mail.	
  Apesar	
  de	
  apresentarem	
  vocaAvo,	
  corpo	
  de	
  texto,	
  sequências	
  
exposiAvas,	
   narraAvas,	
   de	
   relato	
   e	
   argumentaAvas	
   [em	
   geral]	
   e	
   despedida,	
   eles	
   se	
  
diferenciam	
  pelo	
  suporte,	
  pela	
  não	
  obrigatoriedade	
  de	
  local	
  e	
  data	
  e	
  de	
  assinatura	
  [no	
  
e-­‐mail].	
  Ademais,	
  enquanto	
  a	
  carta	
  pessoal	
  é	
  mais	
  extensa,	
  o	
  e-­‐mail	
  costuma	
  ser	
  mais	
  
sucinto.	
  Mais	
  ainda:	
  o	
  e-­‐mail	
  pode-­‐se	
  configurar	
  como	
  uma	
  interação	
  mais	
  instantânea	
  
que	
  a	
  carta,	
  devido	
  à	
  rapidez	
  com	
  que	
  chega	
  aos	
  interlocutores.	
  Assinale-­‐se,	
  pois,	
  a	
  
alternaAva	
  “b”.	
  
QUESTÃO 05
provas da IBFC resolvidas e comentadas
SOLUÇÃO COMENTADA
provas da IBFC resolvidas e comentadas
Análise	
   de	
   itens:	
   I.	
   Verdadeiro:	
   É	
   possível	
   afirmar	
   que	
   haja	
   liberdade	
   gramaAcal	
   na	
  
construção	
  do	
  discurso	
  indireto	
  livre	
  [dado	
  que	
  não	
  existem	
  elementos	
  fixos	
  –	
  como	
  
travessão,	
  aspas	
  duplas	
  ou	
  conjunção	
  integrante];	
  com	
  um	
  pouco	
  de	
  boa	
  vontade,	
  é	
  
possível	
  entrever	
  uma	
  adesão	
  da	
  perspecAva	
  do	
  locutor	
  à	
  da	
  persongaem,	
  com	
  vistas	
  
à	
  revelação	
  do	
  que	
  ela	
  pensa;	
  II.	
  Falso:	
  Não	
  há	
  recursos	
  sintáAcos	
  fixos	
  que	
  delimitem	
  
o	
   discurso	
   indireto	
   livre;	
   III.	
   Verdadeiro:	
   O	
   discurso	
   indireto,	
   ao	
   elidir	
   conjunções	
  
integrantes	
  e	
  marcas	
  dialogais	
  torna	
  a	
  narraAva	
  mais	
  elaborada	
  e	
  mais	
  “torrencial”;	
  IV.	
  
Verdadeiro:	
  Devido	
  à	
  ausência	
  de	
  marcadores	
  reincidentes	
  no	
  discurso	
  indireto	
  livre,	
  
o	
   leitor	
   desatento	
   pode,	
   sim,	
   ter	
   dificuldades	
   para	
   o	
   idenAficar	
   em	
   uma	
   narraAva.	
  
Marque-­‐se	
  a	
  letra	
  “d”.	
  
QUESTÃO 06
provas da IBFC resolvidas e comentadas
SOLUÇÃO COMENTADA
provas da IBFC resolvidas e comentadas
O	
   enunciado	
   que	
   propõe	
   uma	
   leitura	
   correta	
   das	
   relações	
   existentes	
   no	
   contexto	
   de	
  
produção,	
  de	
  circulação	
  e	
  de	
  recepção	
  de	
  textos	
  é	
  o	
  da	
  letra	
  “c”.	
  
Análise	
   das	
   demais	
   alternaAvas:	
   a)	
   as	
   situações	
   de	
   uso	
   e	
   o	
   contexto	
   determinam	
   a	
  
variedade	
   linguísAca;	
   b)	
   o	
   contexto	
   não	
   é	
   suficiente	
   para	
   que	
   o	
   leitor	
   compreenda	
  
competentemente	
  um	
  texto;	
  evidentemente,	
  a	
  compreensão	
  está	
  relacionada	
  também	
  à	
  
seleção	
  lexical,	
  à	
  construção	
  do	
  locutor,	
  à	
  construção	
  do	
  alocutário,	
  ao	
  uso	
  de	
  estratégias	
  
linguísAcas	
   e	
   ao	
   suporte,	
   entre	
   outros;	
   d)	
   a	
   imagem	
   que	
   o	
   texto	
   forja	
   do	
   locutor	
   e	
   do	
  
alocutário	
   não	
   são	
   os	
   únicos	
   elementos	
   que	
   corroboram	
   no	
   processo	
   de	
   produção	
   de	
  
senAdo.	
  
QUESTÃO 07
provas da IBFC resolvidas e comentadas
SOLUÇÃO COMENTADA
provas da IBFC resolvidas e comentadas
Análise	
   de	
   itens:	
   I.	
   Verdadeiro:	
   Cada	
   gênero	
   possui	
   peculiaridades	
   linguísAcas	
   e	
  
estruturais	
   específicas;	
   II.	
   Falso:	
   Nem	
   todo	
   texto/gênero	
   organiza-­‐se	
  
cronologicamente	
  [tome-­‐se,	
  por	
  exemplo,	
  um	
  horóscopo;	
  não	
  se	
  espera	
  que	
  todas	
  as	
  
ações	
   sugeridas	
   sejam	
   executadas	
   cronologicamente	
   pelo	
   leitor];	
   III.	
   Verdeiro:	
   É	
  
raríssimo	
  haver	
  um	
  gênero	
  textual	
  construído	
  por	
  apenas	
  um	
  Apo	
  textual;	
  o	
  normal	
  é	
  
que	
  o	
  locutor	
  use	
  a	
  heterogeneidade	
  discursiva	
  [tome-­‐se	
  como	
  exemplo	
  uma	
  no_cia;	
  
trata-­‐se	
  de	
  um	
  texto	
  predominantemente	
  exposiAvo	
  e	
  narraAvo].	
  Assinale-­‐se	
  a	
  letra	
  
“a”.	
  
QUESTÃO 08
provas da IBFC resolvidas e comentadas
SOLUÇÃO COMENTADA
provas da IBFC resolvidas e comentadas
Posto	
   que	
   são	
   comuns,	
   no	
   ambiente	
   escolar,	
   avaliações	
   de	
   cunho	
   diagnósAco,	
   de	
  
constatação	
   de	
   aprendizagem	
   e	
   de	
   recuperação	
   de	
   conteúdos	
   não	
   fixados	
  
adequadamente,	
  é	
  incorreto	
  afirmar	
  que	
  apenas	
  uma	
  dessas	
  provas	
  sobreponha-­‐se	
  às	
  
demais	
   e	
   impeça	
   o	
   professor	
   de	
   avançar	
   no	
   processo	
   de	
   ensino-­‐aprendizagem.	
  
Marque-­‐se,	
  portanto,	
  a	
  letra	
  “b”.	
  
QUESTÃO 09
provas da IBFC resolvidas e comentadas
SOLUÇÃO COMENTADA
provas da IBFC resolvidas e comentadas
A	
  língua	
  é	
  um	
  conjunto	
  de	
  sinais	
  por	
  meio	
  dos	
  quais	
  um	
  emissor	
  dirige	
  uma	
  mensagem	
  a	
  
um	
  interlocutor.	
  Marque-­‐se,	
  pois,	
  a	
  letra	
  “a”.	
  
QUESTÃO 10
provas da IBFC resolvidas e comentadas
SOLUÇÃO COMENTADA
provas da IBFC resolvidas e comentadas
Em	
   se	
   tratando	
   de	
   neologismos,	
   tanto	
   a	
   eAmologia	
   quanto	
   o	
   contexto	
   [domínio	
  
discursivo]	
  em	
  que	
  a	
  palavra	
  surge	
  auxiliam	
  o	
  leitor	
  a	
  decodificar	
  o	
  vocábulo.	
  Sendo	
  
assim,	
   deve-­‐se	
   assinalar	
   a	
   alternaAva	
   “b”.	
   Em	
   tempo:	
   os	
   enunciados	
   “c”	
   e	
   “d”	
  
contrariam	
  o	
  que	
  se	
  afirma	
  no	
  comando	
  desta	
  questão.	
  
QUESTÃO 11
provas da IBFC resolvidas e comentadas
SOLUÇÃO COMENTADA
provas da IBFC resolvidas e comentadas
Assinale-­‐se	
  a	
  alternaAva	
  “d”,	
  pois	
  todos	
  os	
  itens	
  apresentam	
  considerações	
  corretas	
  
acerca	
  do	
  discurso	
  de	
  relato.	
  
QUESTÃO 12
provas da IBFC resolvidas e comentadas
SOLUÇÃO COMENTADA
provas da IBFC resolvidas e comentadas
Análise	
  de	
  itens:	
  I.	
  Verdadeiro:	
  Apesar	
  de	
  ser	
  possível	
  usar	
  um	
  código	
  como	
  a	
  pintura	
  
para	
  falar	
  da	
  própria	
  pintura	
  ou	
  mesmo	
  palavras	
  para	
  expliar	
  uma	
  palavra,	
  é	
  possível	
  
afirmar	
   [de	
   forma	
   bastante	
   genérica]	
   que	
   a	
   metalinguagem	
   é	
   um	
   recurso	
   em	
   que	
  
códigos	
   diferentes	
   chegam	
   a	
   se	
   tocar;	
   II.	
   Verdadeiro:	
   Cada	
   um	
   das	
   três	
   linguagens	
  
referidas	
  neste	
  item	
  possui	
  um	
  código	
  próprio;	
  III.	
  Verdadeiro:	
  Dado	
  que	
  um	
  livro	
  que	
  
fale	
  de	
  arte	
  ou	
  de	
  literatura	
  é	
  uma	
  construção	
  linguísAca	
  que	
  se	
  vale	
  de	
  um	
  código	
  
específico	
  –	
  a	
  língua	
  escrita	
  –,	
  é	
  correto	
  afirmar	
  que	
  as	
  obras	
  referidas	
  no	
  item	
  III	
  são	
  
metalinguísAcas.	
  Assinale-­‐se	
  a	
  letra	
  “d”.	
  
QUESTÃO 13
provas da IBFC resolvidas e comentadas
SOLUÇÃO COMENTADA
provas da IBFC resolvidas e comentadas
Análise	
   de	
   itens:	
   I.	
   Falso:	
   A	
   exposição	
   visa	
   a	
   dar	
   a	
   conhecer	
   certo	
   assunto;	
   II.	
  
Verdadeiro:	
  Na	
  argumentação,	
  elementos	
  como	
  a	
  seleção	
  da	
  perspecAva	
  por	
  meio	
  da	
  
qual	
   o	
   texto	
   será	
   arAculado	
   [primeira	
   ou	
   terceira	
   pessoa],	
   da	
   linguagem	
   e	
   das	
  
estratégias	
   argumentaAvas	
   auxiliam	
   o	
   locutor	
   a	
   aAngir	
   suas	
   intencionalidades;	
   III.	
  
Verdadeiro:	
  Evidentemente,	
  pode-­‐se	
  ensinar	
  alguém	
  a	
  argumentar.	
  Marque-­‐se,	
  pois,	
  
a	
  letra	
  “b”.	
  
QUESTÃO 14
provas da IBFC resolvidas e comentadas
SOLUÇÃO COMENTADA
provas da IBFC resolvidas e comentadas
Análise	
  dos	
  itens:	
  I.	
  Verdadeiro:	
  O	
  locutor	
  do	
  texto	
  exposiAvo	
  apresenta-­‐se	
  ao	
  leitor	
  
como	
  detentor	
  do	
  saber	
  e	
  da	
  verdade;	
  II.	
  Verdadeiro:	
  O	
  discurso	
  exposiAvo	
  arAcula-­‐se	
  
a	
   parAr	
   de	
   pressuposições	
   teóricas;	
   em	
   geral,	
   afasta-­‐se	
   daquilo	
   que	
   é	
   casuísAco	
   e	
  
específico;	
  III.	
  Falso:	
  O	
  discurso	
  que	
  visa	
  a	
  controlar	
  comportamentos	
  é	
  o	
  injunAvo	
  ou	
  
instrucional;	
   IV.	
   Verdadeiro:	
   Os	
   gêneros	
   apresentados	
   neste	
   item	
   são	
   realmente	
  
exposiAvos	
   ou	
   predominantemente	
   exposiAvos;	
   V.	
   Falso:	
   Nem	
   sempre	
   o	
   alocutário	
  
reconhece	
   o	
   locutor	
   presente	
   no	
   discurso	
   exposiAvo	
   como	
   detentor	
   da	
   verdade;	
   a	
  
verossimilhança,	
  aliás,	
  está	
  associada	
  ao	
  grau	
  de	
  credibilidade	
  que	
  merece	
  o	
  locutor,	
  
ao	
   modo	
   como	
   ele	
   arAcula	
   o	
   conhecimento	
   e	
   ao	
   suporte	
   no	
   qual	
   o	
   discurso	
   é	
  
veiculado.	
  Marque-­‐se,	
  pois,	
  a	
  letra	
  “c”.	
  
QUESTÃO 15
provas da IBFC resolvidas e comentadas
SOLUÇÃO COMENTADA
provas da IBFC resolvidas e comentadas
Atentando	
  às	
  etapas	
  da	
  construção	
  do	
  discurso	
  argumentaAvo,	
  dever-­‐se-­‐ia	
  assinalar	
  a	
  
alternaAva	
  “b”.	
  
QUESTÃO 16
provas da IBFC resolvidas e comentadas
SOLUÇÃO COMENTADA
provas da IBFC resolvidas e comentadas
Para	
  entender	
  palavras	
  empregadas	
  em	
  um	
  texto,	
  é	
  preciso	
  estar	
  atento	
  para	
  o	
  fato	
  
de	
  que	
  elas	
  estão	
  empregadas	
  em	
  um	
  contexto	
  específico.	
  Marque-­‐se	
  a	
  alternaAva	
  
“a”.	
   Em	
   tempo:	
   b)	
   em	
   um	
   texto,	
   há	
   que	
   se	
   notar	
   as	
   dimensões	
   gráficas,	
   fonéAcas,	
  
sintáAcas	
  e	
  semânAcas;	
  c)	
  a	
  metáfora	
  opera	
  tanto	
  no	
  nível	
  formal	
  [aproximação	
  de	
  
elementos	
   que,	
   a	
   priori,	
   pertencem	
   a	
   campos	
   de	
   senAdo	
   diversos]	
   quanto	
   no	
  
semânAco	
  [aproximação/convergência	
  de	
  senAdos];	
  d)	
  a	
  letra	
  “d”	
  contradiz	
  o	
  que	
  se	
  
enuncia	
  na	
  alternaAva	
  “a”.	
  
QUESTÃO 17
provas da IBFC resolvidas e comentadas
SOLUÇÃO COMENTADA
provas da IBFC resolvidas e comentadas
Análise	
   dos	
   itens:	
   I.	
   Verdadeiro:	
   O	
   texto	
   que	
   consta	
   do	
   item	
   I	
   é	
   uma	
   cópia	
   do	
  
enunciado	
   da	
   questão;	
   II.	
   Falso:	
   O	
   locutor	
   de	
   qualquer	
   texto	
   enuncia	
   verdades	
  
relaAvas	
  ao	
  senso	
  comum	
  [enunciador	
  genérico],	
  ao	
  discurso	
  que	
  se	
  arAcula	
  com	
  base	
  
no	
   verdadeiro	
   e	
   no	
   falso	
   [enunciador	
   universal]	
   ou	
   aos	
   grupos	
   sociais,	
   religiosos,	
  
econômicos	
  e/ou	
  políAcos	
  nos	
  quais	
  se	
  insere	
  [enunciador	
  coleAvo];	
  é,	
  pois,	
  incorreto,	
  
afirmar	
  que	
  um	
  discurso	
  arAcula-­‐se	
  de	
  modo	
  homogêneo,	
  pois	
  ele	
  é	
  uma	
  colagem	
  de	
  
lugares	
  ideológicos	
  pelos	
  quais	
  passa	
  o	
  locutor;	
  III.	
  Verdadeiro:	
  Com	
  boa	
  vontade,	
  é	
  
possível	
  relacionar	
  os	
  mecanismos	
  de	
  construção	
  de	
  sujeitos	
  indeterminados,	
  agentes	
  
e	
  pacientes	
  às	
  intencionalidades	
  discursivas	
  de	
  um	
  dado	
  texto;	
  IV.	
  Verdadeiro:	
  Para	
  a	
  
compreensão	
   de	
   qualquer	
   gênero	
   textual,	
   é	
   necessária	
   a	
   percepção	
   [ainda	
   que	
  
intuiAva	
   e	
   não	
   verbalizada]	
   de:	
   mensagem,	
   linguagem,	
   intencionalidade,	
   suporte	
   e	
  
desAnatário;	
  V.	
  Verdadeiro:	
  é	
  [até]	
  possível	
  fazer	
  um	
  estudo	
  dos	
  Apos	
  textuais	
  a	
  parAr	
  
da	
  análise	
  dos	
  gêneros	
  textuais.	
  Marque-­‐se,	
  pois,	
  a	
  letra	
  “d”.	
  
QUESTÃO 18
provas da IBFC resolvidas e comentadas
SOLUÇÃO COMENTADA
provas da IBFC resolvidas e comentadas
Análise	
  de	
  itens:	
  I.	
  Verdadeiro:	
  Os	
  defensores	
  da	
  visão	
  tradicional	
  do	
  ensino	
  de	
  língua	
  
portuguesa	
   acreditavam	
   que	
   a	
   internalização	
   das	
   regras	
   referidas	
   no	
   item	
   I	
   eram	
  
suficientes	
   para	
   que	
   se	
   desenvolvessem	
   as	
   habilidades	
   de	
   escrita;	
   II.	
   Verdadeiro:	
  
Evidentemente,	
  a	
  língua	
  evolui	
  devido	
  à	
  ação	
  dos	
  falantes;	
  III.	
  Falso.	
  Assinale-­‐se,	
  pois,	
  
a	
  letra	
  “c”.	
  
QUESTÃO 19
provas da IBFC resolvidas e comentadas
SOLUÇÃO COMENTADA
provas da IBFC resolvidas e comentadas
O	
  CBC	
  não	
  propõe	
  a	
  abolição	
  do	
  ensino	
  gramaAcal.	
  Há	
  vários	
  itens	
  que	
  se	
  referem	
  ao	
  
estudo	
   da	
   metalinguagem	
   de	
   acordo	
   com	
   o	
   padrão	
   formal.	
   É,	
   pois,	
   incorreta	
   a	
  
alternaAva	
  “c”.	
  
QUESTÃO 20
provas da IBFC resolvidas e comentadas
SOLUÇÃO COMENTADA
provas da IBFC resolvidas e comentadas
Análise	
  de	
  itens:	
  I.	
  Falso:	
  O	
  comando	
  da	
  questão	
  não	
  fala	
  de	
  subordinar	
  um	
  aspecto	
  a	
  
outro,	
   mas	
   de	
   os	
   relacionar;	
   II.	
   Verdadeiro:	
   De	
   acordo	
   com	
   o	
   CBC,	
   seria	
   desejável	
  
associar	
  o	
  estudo	
  dos	
  gêneros	
  a	
  certos	
  conhecimentos	
  gramaAcais;	
  III.	
  Verdadeiro:	
  O	
  
CBC	
  prevê	
  o	
  estudo	
  de	
  itens	
  gramaAcais;	
  IV.	
  Verdadeiro:	
  O	
  que	
  se	
  afirma	
  neste	
  item	
  é	
  
paráfrase	
  do	
  que	
  está	
  escrito	
  no	
  comando	
  da	
  questão;	
  V.	
  Verdadeiro:	
  O	
  que	
  se	
  afirma	
  
neste	
  item	
  é	
  uma	
  leitura	
  coerente	
  do	
  que	
  propõe	
  o	
  CBC.	
  Marque-­‐se	
  a	
  letra	
  “b”.	
  
QUESTÃO 21
provas da IBFC resolvidas e comentadas
SOLUÇÃO COMENTADA
provas da IBFC resolvidas e comentadas
Análise	
  dos	
  itens:	
  I.	
  Verdadeiro:	
  Cada	
  gênero	
  possui	
  peculiaridades	
  linguísAcas	
  que	
  podem	
  
ser	
  exploradas	
  no	
  ensino	
  da	
  Língua	
  Portuguesa;	
  II.	
  Verdadeiro:	
  Apesar	
  de	
  este	
  item	
  estar	
  	
  
mal	
  escrito,	
  está	
  correta	
  a	
  análise	
  dos	
  gêneros	
  textuais	
  que	
  ele	
  propõe;	
  III.	
  Verdadeiro:	
  O	
  
enunciado	
  presente	
  neste	
  item	
  é	
  senso	
  comum	
  entre	
  os	
  educadores.	
  Marque-­‐se	
  a	
  letra	
  
“d”.	
  
QUESTÃO 22
provas da IBFC resolvidas e comentadas
SOLUÇÃO COMENTADA
provas da IBFC resolvidas e comentadas
Análise	
   de	
   itens:	
   I.	
   Verdadeiro:	
   Os	
   gêneros	
   que	
   circulam	
   no	
   jornal	
   são	
   de	
   menor	
  
extensão	
  e	
  de	
  menor	
  complexidade	
  [do	
  que	
  os	
  que	
  circulam	
  nas	
  revistas];	
  II.	
  Falso:	
  Os	
  
livros	
  didáAcos	
  propõem	
  o	
  estudo	
  de	
  outros	
  gêneros	
  que	
  não	
  jornal	
  e	
  livro	
  literário;	
  III.	
  
Verdeiro.	
  Assinale-­‐se	
  a	
  letra	
  “a”.	
  
QUESTÃO 23
provas da IBFC resolvidas e comentadas
SOLUÇÃO COMENTADA
provas da IBFC resolvidas e comentadas
As	
   etapas	
   da	
   construção	
   do	
   discurso	
   exposiAvo	
   estão	
   corretamente	
   indicadas	
   na	
  
alternaAva	
  “d”.	
  
QUESTÃO 24
provas da IBFC resolvidas e comentadas
SOLUÇÃO COMENTADA
provas da IBFC resolvidas e comentadas
A	
  única	
  análise	
  que	
  leva	
  em	
  consideração	
  a	
  visão	
  que	
  o	
  CBC	
  possui	
  acerca	
  do	
  ensino	
  da	
  
língua	
  pátria	
  é	
  a	
  presente	
  na	
  alternaAva	
  “a”.	
  
QUESTÃO 25
provas da IBFC resolvidas e comentadas
SOLUÇÃO COMENTADA
provas da IBFC resolvidas e comentadas
Assinale-­‐se	
  a	
  alternaAva	
  “c”,	
  pois	
  o	
  estudo	
  dos	
  gêneros	
  textuais	
  está	
  presente	
  no	
  eixo	
  
I.	
  
QUESTÃO 26
provas da IBFC resolvidas e comentadas
SOLUÇÃO COMENTADA
provas da IBFC resolvidas e comentadas
Apenas	
  os	
  itens	
  I	
  e	
  II	
  analisam	
  corretamente	
  as	
  diretrizes	
  referentes	
  ao	
  ensino	
  dos	
  
pronomes	
  em	
  língua	
  portuguesa.	
  Marque-­‐se,	
  pois,	
  a	
  letra	
  “b”.	
  
QUESTÃO 27
provas da IBFC resolvidas e comentadas
SOLUÇÃO COMENTADA
provas da IBFC resolvidas e comentadas
A	
  afirmação	
  presente	
  na	
  alternaAva	
  “a”	
  contraria	
  o	
  comando	
  da	
  questão.	
  
QUESTÃO 28
provas da IBFC resolvidas e comentadas
SOLUÇÃO COMENTADA
provas da IBFC resolvidas e comentadas
A	
  única	
  alternaAva	
  que	
  apresenta	
  uma	
  leitura	
  razoável	
  do	
  enunciado	
  da	
  questão	
  é	
  a	
  
letra	
  “d”.	
  As	
  demais	
  opções	
  são	
  caricaturalmente	
  superficiais.	
  
QUESTÃO 29
provas da IBFC resolvidas e comentadas
SOLUÇÃO COMENTADA
provas da IBFC resolvidas e comentadas
Análise	
   dos	
   itens:	
   I.	
   Verdadeiro;	
   II.	
   Verdadeiro;	
   III.	
   Falso;	
   IV.	
   Verdadeiro;	
   V.	
   Falso.	
  
Marque-­‐se,	
  pois,	
  a	
  letra	
  “a”.	
  
QUESTÃO 30
provas da IBFC resolvidas e comentadas
SOLUÇÃO COMENTADA
provas da IBFC resolvidas e comentadas
Análise	
   dos	
   itens:	
   I.	
   Verdadeiro;	
   II.	
   Verdadeiro;	
   III.	
   Verdadeiro.	
   Marque-­‐se,	
   pois,	
   a	
  
letra	
  “d”.	
  

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Plano aula modelo gasparim genero textual
Plano aula modelo gasparim  genero textualPlano aula modelo gasparim  genero textual
Plano aula modelo gasparim genero textualLuis Carlos Santos
 
Estratégias de leitura e de compreensão textual
Estratégias de leitura e de compreensão textualEstratégias de leitura e de compreensão textual
Estratégias de leitura e de compreensão textualma.no.el.ne.ves
 
A produção de textos na escola
A produção de textos na escolaA produção de textos na escola
A produção de textos na escolaThayse Guimarães
 
Inter relacoes entre oralidade e escrita Caderno 5
Inter relacoes entre oralidade e escrita Caderno 5Inter relacoes entre oralidade e escrita Caderno 5
Inter relacoes entre oralidade e escrita Caderno 5Denise Oliveira
 
VariaçãO LinguíStica
VariaçãO LinguíSticaVariaçãO LinguíStica
VariaçãO LinguíSticaElza Silveira
 
Texto literário x nao literario
Texto literário x nao literarioTexto literário x nao literario
Texto literário x nao literarioEDUARDO VALONES
 
aula-nota-dez.docx
aula-nota-dez.docxaula-nota-dez.docx
aula-nota-dez.docxssuserca8ee1
 
Eixo analise linguistica
Eixo analise linguisticaEixo analise linguistica
Eixo analise linguisticaPactoufba
 
Procedimentos de leitura - ppt
Procedimentos de leitura - pptProcedimentos de leitura - ppt
Procedimentos de leitura - pptJane Pereira
 
A importância do ato de ler
A importância do ato de lerA importância do ato de ler
A importância do ato de lerRoberto Gomes
 
Slides unidade 1 parte 1
Slides unidade 1   parte 1Slides unidade 1   parte 1
Slides unidade 1 parte 1Lais Renata
 
A impessoalidade nos textos dissertativos
A impessoalidade nos textos dissertativosA impessoalidade nos textos dissertativos
A impessoalidade nos textos dissertativosHélio Consolaro
 
Prova de língua portuguesa e literatura brasileira a , manhã
Prova de língua portuguesa e literatura brasileira  a , manhãProva de língua portuguesa e literatura brasileira  a , manhã
Prova de língua portuguesa e literatura brasileira a , manhãma.no.el.ne.ves
 

Mais procurados (20)

Plano aula modelo gasparim genero textual
Plano aula modelo gasparim  genero textualPlano aula modelo gasparim  genero textual
Plano aula modelo gasparim genero textual
 
morfologia
morfologiamorfologia
morfologia
 
Slide elaborado a construção do texto
Slide elaborado   a construção do textoSlide elaborado   a construção do texto
Slide elaborado a construção do texto
 
Estratégias de leitura e de compreensão textual
Estratégias de leitura e de compreensão textualEstratégias de leitura e de compreensão textual
Estratégias de leitura e de compreensão textual
 
A produção de textos na escola
A produção de textos na escolaA produção de textos na escola
A produção de textos na escola
 
ORTOGRAFIA: ENSINAR E APRENDER (ARTUR GOMES DE MORAIS)
ORTOGRAFIA: ENSINAR E APRENDER (ARTUR GOMES DE MORAIS)ORTOGRAFIA: ENSINAR E APRENDER (ARTUR GOMES DE MORAIS)
ORTOGRAFIA: ENSINAR E APRENDER (ARTUR GOMES DE MORAIS)
 
Inter relacoes entre oralidade e escrita Caderno 5
Inter relacoes entre oralidade e escrita Caderno 5Inter relacoes entre oralidade e escrita Caderno 5
Inter relacoes entre oralidade e escrita Caderno 5
 
Conselho de classe
Conselho de classeConselho de classe
Conselho de classe
 
Analise de livro didático
Analise de livro didáticoAnalise de livro didático
Analise de livro didático
 
VariaçãO LinguíStica
VariaçãO LinguíSticaVariaçãO LinguíStica
VariaçãO LinguíStica
 
Texto literário x nao literario
Texto literário x nao literarioTexto literário x nao literario
Texto literário x nao literario
 
aula-nota-dez.docx
aula-nota-dez.docxaula-nota-dez.docx
aula-nota-dez.docx
 
Eixo analise linguistica
Eixo analise linguisticaEixo analise linguistica
Eixo analise linguistica
 
Procedimentos de leitura - ppt
Procedimentos de leitura - pptProcedimentos de leitura - ppt
Procedimentos de leitura - ppt
 
A importância do ato de ler
A importância do ato de lerA importância do ato de ler
A importância do ato de ler
 
Slides unidade 1 parte 1
Slides unidade 1   parte 1Slides unidade 1   parte 1
Slides unidade 1 parte 1
 
Hipóteses de leitura
Hipóteses de leituraHipóteses de leitura
Hipóteses de leitura
 
A impessoalidade nos textos dissertativos
A impessoalidade nos textos dissertativosA impessoalidade nos textos dissertativos
A impessoalidade nos textos dissertativos
 
Prova de língua portuguesa e literatura brasileira a , manhã
Prova de língua portuguesa e literatura brasileira  a , manhãProva de língua portuguesa e literatura brasileira  a , manhã
Prova de língua portuguesa e literatura brasileira a , manhã
 
Produção e revisão de textos
Produção e revisão de textosProdução e revisão de textos
Produção e revisão de textos
 

Destaque

Prova de Língua Portuguesa da IBFC resolvida e comentada: SEPLAG/FHA-2015, Su...
Prova de Língua Portuguesa da IBFC resolvida e comentada: SEPLAG/FHA-2015, Su...Prova de Língua Portuguesa da IBFC resolvida e comentada: SEPLAG/FHA-2015, Su...
Prova de Língua Portuguesa da IBFC resolvida e comentada: SEPLAG/FHA-2015, Su...ma.no.el.ne.ves
 
Exercícios sobre acentuação gráfica
Exercícios sobre acentuação gráficaExercícios sobre acentuação gráfica
Exercícios sobre acentuação gráficama.no.el.ne.ves
 
Exercícios sobre problemas ortográficos
Exercícios sobre problemas ortográficosExercícios sobre problemas ortográficos
Exercícios sobre problemas ortográficosma.no.el.ne.ves
 
Prova para técnico administrativo universitário
Prova para técnico administrativo universitárioProva para técnico administrativo universitário
Prova para técnico administrativo universitárioma.no.el.ne.ves
 
Aspectos da compreensão textual na IDECAN
Aspectos da compreensão textual na IDECANAspectos da compreensão textual na IDECAN
Aspectos da compreensão textual na IDECANma.no.el.ne.ves
 
Exercícios sobre classes de palavras
Exercícios sobre classes de palavrasExercícios sobre classes de palavras
Exercícios sobre classes de palavrasma.no.el.ne.ves
 
Exercícios sobre aspectos do verbo
Exercícios sobre aspectos do verboExercícios sobre aspectos do verbo
Exercícios sobre aspectos do verboma.no.el.ne.ves
 
Exercícios de concordância, 06
Exercícios de concordância, 06Exercícios de concordância, 06
Exercícios de concordância, 06ma.no.el.ne.ves
 

Destaque (8)

Prova de Língua Portuguesa da IBFC resolvida e comentada: SEPLAG/FHA-2015, Su...
Prova de Língua Portuguesa da IBFC resolvida e comentada: SEPLAG/FHA-2015, Su...Prova de Língua Portuguesa da IBFC resolvida e comentada: SEPLAG/FHA-2015, Su...
Prova de Língua Portuguesa da IBFC resolvida e comentada: SEPLAG/FHA-2015, Su...
 
Exercícios sobre acentuação gráfica
Exercícios sobre acentuação gráficaExercícios sobre acentuação gráfica
Exercícios sobre acentuação gráfica
 
Exercícios sobre problemas ortográficos
Exercícios sobre problemas ortográficosExercícios sobre problemas ortográficos
Exercícios sobre problemas ortográficos
 
Prova para técnico administrativo universitário
Prova para técnico administrativo universitárioProva para técnico administrativo universitário
Prova para técnico administrativo universitário
 
Aspectos da compreensão textual na IDECAN
Aspectos da compreensão textual na IDECANAspectos da compreensão textual na IDECAN
Aspectos da compreensão textual na IDECAN
 
Exercícios sobre classes de palavras
Exercícios sobre classes de palavrasExercícios sobre classes de palavras
Exercícios sobre classes de palavras
 
Exercícios sobre aspectos do verbo
Exercícios sobre aspectos do verboExercícios sobre aspectos do verbo
Exercícios sobre aspectos do verbo
 
Exercícios de concordância, 06
Exercícios de concordância, 06Exercícios de concordância, 06
Exercícios de concordância, 06
 

Semelhante a Prova da IBFC para Professor de Língua Portuguesa do SEPLAG/FHA, 2015

Enem na sala de aula
Enem na sala de aulaEnem na sala de aula
Enem na sala de aulatelasnorte1
 
Enem na sala de aula
Enem na sala de aulaEnem na sala de aula
Enem na sala de aulatelasnorte1
 
Alfacon harley curso_de_redacao_pre_enem_redacao_varios_professores_1o_enc_20...
Alfacon harley curso_de_redacao_pre_enem_redacao_varios_professores_1o_enc_20...Alfacon harley curso_de_redacao_pre_enem_redacao_varios_professores_1o_enc_20...
Alfacon harley curso_de_redacao_pre_enem_redacao_varios_professores_1o_enc_20...Harley Cunha
 
Alfacon emerson curso_de_redacao_pre_enem_redacao_varios_professores_1o_enc_2...
Alfacon emerson curso_de_redacao_pre_enem_redacao_varios_professores_1o_enc_2...Alfacon emerson curso_de_redacao_pre_enem_redacao_varios_professores_1o_enc_2...
Alfacon emerson curso_de_redacao_pre_enem_redacao_varios_professores_1o_enc_2...Emerson Assis
 
Atividades 8c2ba-ano-lc3adngua-portuguesa-com-descritores
Atividades 8c2ba-ano-lc3adngua-portuguesa-com-descritoresAtividades 8c2ba-ano-lc3adngua-portuguesa-com-descritores
Atividades 8c2ba-ano-lc3adngua-portuguesa-com-descritoresThais Rubia Lacerda Cintra
 
ALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
ALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOSALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
ALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOSValdeci Correia
 
Redação 1: Orientações para produção de texto
Redação 1: Orientações para produção de textoRedação 1: Orientações para produção de texto
Redação 1: Orientações para produção de textoGilberto Ulissys
 
Direitos de aprendizagem lp unidade 1
Direitos de aprendizagem lp unidade 1Direitos de aprendizagem lp unidade 1
Direitos de aprendizagem lp unidade 1Aprender com prazer
 
Questões comuns comentadas posteriores portugues pg21
Questões comuns comentadas posteriores   portugues pg21Questões comuns comentadas posteriores   portugues pg21
Questões comuns comentadas posteriores portugues pg21kisb1337
 
Marcuschi compreensão de texto algumas reflexões
Marcuschi   compreensão de texto algumas reflexõesMarcuschi   compreensão de texto algumas reflexões
Marcuschi compreensão de texto algumas reflexõesadridaleffi121212
 
ALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO - SIMULADO COM 50 QUESTÕES
ALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO -  SIMULADO COM 50 QUESTÕESALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO -  SIMULADO COM 50 QUESTÕES
ALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO - SIMULADO COM 50 QUESTÕESValdeci Correia
 
Modelo de recurso prova TRT-RJ 2013 | Provas com notas menores que 8
Modelo de recurso prova TRT-RJ 2013 | Provas com notas menores que 8Modelo de recurso prova TRT-RJ 2013 | Provas com notas menores que 8
Modelo de recurso prova TRT-RJ 2013 | Provas com notas menores que 8Concurso Virtual
 
Prova concurso ufpe - programador de computador
Prova concurso   ufpe - programador de computadorProva concurso   ufpe - programador de computador
Prova concurso ufpe - programador de computadorJ M
 

Semelhante a Prova da IBFC para Professor de Língua Portuguesa do SEPLAG/FHA, 2015 (20)

Enem na sala de aula
Enem na sala de aulaEnem na sala de aula
Enem na sala de aula
 
Enem na sala de aula
Enem na sala de aulaEnem na sala de aula
Enem na sala de aula
 
Simulado agora2013-2
Simulado agora2013-2Simulado agora2013-2
Simulado agora2013-2
 
Alfacon harley curso_de_redacao_pre_enem_redacao_varios_professores_1o_enc_20...
Alfacon harley curso_de_redacao_pre_enem_redacao_varios_professores_1o_enc_20...Alfacon harley curso_de_redacao_pre_enem_redacao_varios_professores_1o_enc_20...
Alfacon harley curso_de_redacao_pre_enem_redacao_varios_professores_1o_enc_20...
 
Alfacon emerson curso_de_redacao_pre_enem_redacao_varios_professores_1o_enc_2...
Alfacon emerson curso_de_redacao_pre_enem_redacao_varios_professores_1o_enc_2...Alfacon emerson curso_de_redacao_pre_enem_redacao_varios_professores_1o_enc_2...
Alfacon emerson curso_de_redacao_pre_enem_redacao_varios_professores_1o_enc_2...
 
Prova segundo ano
Prova   segundo anoProva   segundo ano
Prova segundo ano
 
Atividades 8c2ba-ano-lc3adngua-portuguesa-com-descritores
Atividades 8c2ba-ano-lc3adngua-portuguesa-com-descritoresAtividades 8c2ba-ano-lc3adngua-portuguesa-com-descritores
Atividades 8c2ba-ano-lc3adngua-portuguesa-com-descritores
 
Devolutiva sarem 2013
Devolutiva sarem 2013Devolutiva sarem 2013
Devolutiva sarem 2013
 
Ed 2014
Ed 2014Ed 2014
Ed 2014
 
Casa da moeda
Casa da moedaCasa da moeda
Casa da moeda
 
ALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
ALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOSALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
ALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
 
Reading
ReadingReading
Reading
 
Redação 1: Orientações para produção de texto
Redação 1: Orientações para produção de textoRedação 1: Orientações para produção de texto
Redação 1: Orientações para produção de texto
 
Direitos de aprendizagem lp unidade 1
Direitos de aprendizagem lp unidade 1Direitos de aprendizagem lp unidade 1
Direitos de aprendizagem lp unidade 1
 
Questões comuns comentadas posteriores portugues pg21
Questões comuns comentadas posteriores   portugues pg21Questões comuns comentadas posteriores   portugues pg21
Questões comuns comentadas posteriores portugues pg21
 
Marcuschi compreensão de texto algumas reflexões
Marcuschi   compreensão de texto algumas reflexõesMarcuschi   compreensão de texto algumas reflexões
Marcuschi compreensão de texto algumas reflexões
 
ALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO - SIMULADO COM 50 QUESTÕES
ALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO -  SIMULADO COM 50 QUESTÕESALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO -  SIMULADO COM 50 QUESTÕES
ALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO - SIMULADO COM 50 QUESTÕES
 
Modelo de recurso prova TRT-RJ 2013 | Provas com notas menores que 8
Modelo de recurso prova TRT-RJ 2013 | Provas com notas menores que 8Modelo de recurso prova TRT-RJ 2013 | Provas com notas menores que 8
Modelo de recurso prova TRT-RJ 2013 | Provas com notas menores que 8
 
Prova concurso ufpe - programador de computador
Prova concurso   ufpe - programador de computadorProva concurso   ufpe - programador de computador
Prova concurso ufpe - programador de computador
 
Texto e textualidade
Texto e textualidadeTexto e textualidade
Texto e textualidade
 

Mais de ma.no.el.ne.ves

Segunda aplicação do ENEM-2019: Literatura
Segunda aplicação do ENEM-2019: LiteraturaSegunda aplicação do ENEM-2019: Literatura
Segunda aplicação do ENEM-2019: Literaturama.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologias
Segunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologiasSegunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologias
Segunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologiasma.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileiras
Segunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileirasSegunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileiras
Segunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileirasma.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Educação Física
Segunda aplicação do ENEM-2019: Educação FísicaSegunda aplicação do ENEM-2019: Educação Física
Segunda aplicação do ENEM-2019: Educação Físicama.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textual
Segunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textualSegunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textual
Segunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textualma.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticais
Segunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticaisSegunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticais
Segunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticaisma.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Artes
Segunda aplicação do ENEM-2019: ArtesSegunda aplicação do ENEM-2019: Artes
Segunda aplicação do ENEM-2019: Artesma.no.el.ne.ves
 
ENEM-2019: Internet e Tecnologias
ENEM-2019: Internet e TecnologiasENEM-2019: Internet e Tecnologias
ENEM-2019: Internet e Tecnologiasma.no.el.ne.ves
 
ENEM-2019: Identidades brasileiras
ENEM-2019: Identidades brasileirasENEM-2019: Identidades brasileiras
ENEM-2019: Identidades brasileirasma.no.el.ne.ves
 
ENEM-2019: Aspectos Gramaticais
ENEM-2019: Aspectos GramaticaisENEM-2019: Aspectos Gramaticais
ENEM-2019: Aspectos Gramaticaisma.no.el.ne.ves
 
ENEM-2019: Educação Física
ENEM-2019: Educação FísicaENEM-2019: Educação Física
ENEM-2019: Educação Físicama.no.el.ne.ves
 
ENEM-2019: Compreensão Textual
ENEM-2019: Compreensão TextualENEM-2019: Compreensão Textual
ENEM-2019: Compreensão Textualma.no.el.ne.ves
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e Internet
Terceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e InternetTerceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e Internet
Terceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e Internetma.no.el.ne.ves
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Literatura
Terceira aplicação do ENEM-2017: LiteraturaTerceira aplicação do ENEM-2017: Literatura
Terceira aplicação do ENEM-2017: Literaturama.no.el.ne.ves
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Educação Física
Terceira aplicação do ENEM-2017: Educação FísicaTerceira aplicação do ENEM-2017: Educação Física
Terceira aplicação do ENEM-2017: Educação Físicama.no.el.ne.ves
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão Textual
Terceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão TextualTerceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão Textual
Terceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão Textualma.no.el.ne.ves
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Artes
Terceira aplicação do ENEM-2017: ArtesTerceira aplicação do ENEM-2017: Artes
Terceira aplicação do ENEM-2017: Artesma.no.el.ne.ves
 
Análise da Prova de Redação da UERJ-2010
Análise da Prova de Redação da UERJ-2010Análise da Prova de Redação da UERJ-2010
Análise da Prova de Redação da UERJ-2010ma.no.el.ne.ves
 

Mais de ma.no.el.ne.ves (20)

Segunda aplicação do ENEM-2019: Literatura
Segunda aplicação do ENEM-2019: LiteraturaSegunda aplicação do ENEM-2019: Literatura
Segunda aplicação do ENEM-2019: Literatura
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologias
Segunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologiasSegunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologias
Segunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologias
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileiras
Segunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileirasSegunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileiras
Segunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileiras
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Educação Física
Segunda aplicação do ENEM-2019: Educação FísicaSegunda aplicação do ENEM-2019: Educação Física
Segunda aplicação do ENEM-2019: Educação Física
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textual
Segunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textualSegunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textual
Segunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textual
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticais
Segunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticaisSegunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticais
Segunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticais
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Artes
Segunda aplicação do ENEM-2019: ArtesSegunda aplicação do ENEM-2019: Artes
Segunda aplicação do ENEM-2019: Artes
 
ENEM-2019: Literatura
ENEM-2019: LiteraturaENEM-2019: Literatura
ENEM-2019: Literatura
 
ENEM-2019: Internet e Tecnologias
ENEM-2019: Internet e TecnologiasENEM-2019: Internet e Tecnologias
ENEM-2019: Internet e Tecnologias
 
ENEM-2019: Identidades brasileiras
ENEM-2019: Identidades brasileirasENEM-2019: Identidades brasileiras
ENEM-2019: Identidades brasileiras
 
ENEM-2019: Aspectos Gramaticais
ENEM-2019: Aspectos GramaticaisENEM-2019: Aspectos Gramaticais
ENEM-2019: Aspectos Gramaticais
 
ENEM-2019: Educação Física
ENEM-2019: Educação FísicaENEM-2019: Educação Física
ENEM-2019: Educação Física
 
ENEM-2019: Compreensão Textual
ENEM-2019: Compreensão TextualENEM-2019: Compreensão Textual
ENEM-2019: Compreensão Textual
 
ENEM-2019: Artes
ENEM-2019: ArtesENEM-2019: Artes
ENEM-2019: Artes
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e Internet
Terceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e InternetTerceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e Internet
Terceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e Internet
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Literatura
Terceira aplicação do ENEM-2017: LiteraturaTerceira aplicação do ENEM-2017: Literatura
Terceira aplicação do ENEM-2017: Literatura
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Educação Física
Terceira aplicação do ENEM-2017: Educação FísicaTerceira aplicação do ENEM-2017: Educação Física
Terceira aplicação do ENEM-2017: Educação Física
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão Textual
Terceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão TextualTerceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão Textual
Terceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão Textual
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Artes
Terceira aplicação do ENEM-2017: ArtesTerceira aplicação do ENEM-2017: Artes
Terceira aplicação do ENEM-2017: Artes
 
Análise da Prova de Redação da UERJ-2010
Análise da Prova de Redação da UERJ-2010Análise da Prova de Redação da UERJ-2010
Análise da Prova de Redação da UERJ-2010
 

Prova da IBFC para Professor de Língua Portuguesa do SEPLAG/FHA, 2015

  • 2. QUESTÃO 01 provas da IBFC resolvidas e comentadas
  • 3. SOLUÇÃO COMENTADA provas da IBFC resolvidas e comentadas Análise  de  itens:  I.  Verdadeiro;  II.  Verdadeiro;  III.  Falso:  Este  item  contraria  o  que  se   afirma  no  item  I  [evidentemente,  o  ensino  da  língua  visa  à  formação  de  cidadãos  que   leem   criAcamente   o   real];   IV.   Falso:   Posto   que   os   textos   dos   referidos   domínios   discursivos  arAculam-­‐se  principalmente  no  padrão  formal,  o  aluno  deveria  ser  capaz   de  os  ler  criAcamente.  Assinale-­‐se,  pois,  a  letra  “d”.  
  • 4. QUESTÃO 02 provas da IBFC resolvidas e comentadas
  • 5. SOLUÇÃO COMENTADA provas da IBFC resolvidas e comentadas O   enunciado   da   alternaAva   “b”   permite   entrever   que   o   simples   conhecimento   dos   mecanismos   metalinguísAcos   é   suficente   para   que   o   aluno   escreva   bem.   Isso   é   um   absurdo,   porque   a   escrita   só   se   processa   na   medida   em   que   o   aluno   internaliza   os   conceitos  e  é  capaz  de  os  manipular  criAcamente.  
  • 6. QUESTÃO 03 provas da IBFC resolvidas e comentadas
  • 7. SOLUÇÃO COMENTADA provas da IBFC resolvidas e comentadas Análise   de   itens:   I.   Falso:   É   impossível   dissociar   o   ensino   da   teoria   gramaAcal   do   processo  de  produção  de  senAdo  [os  desvios  linguísAcos  interferem  negaAvamente  na   organização   semânAca   do   texto];   II.   Verdadeiro:   Dado   que   o   aluno   possui   bom   domínio  do  padrão  informal  da  língua,  faz-­‐se  necessário  familiarizá-­‐lo  com  o  padrão   formal   da   língua;   III.   Verdadeiro:   O   aluno   deveria   não   só   ter   o   domínio   da   metalinguagem,  mas  também  ser  capaz  de  refleAr  criAcamente  sobre  ela  e  de  a  usar   consoante   suas   necessidades;   IV.   Falso:   O   CBC   defende   o   ensino   dos   mecanismos   linguísAcos  do  padrão  formal;  V.  Verdadeiro:  O  ensino  da  teoria  gramaAcal  deveria   servir  de  suporte  para  que  o  aluno  pudesse  ter  consciência  de  como  a  internalização   dos   mecanismos   da   lingua   formal   pode   auxiliá-­‐lo   na   produção   textual.   Assinale-­‐se,   pois,  a  letra  “a”.  
  • 8. QUESTÃO 04 provas da IBFC resolvidas e comentadas
  • 9. SOLUÇÃO COMENTADA provas da IBFC resolvidas e comentadas Os  gêneros  textuais  possuem  propriedades  muito  específicas.  Tome-­‐se,  por  exemplo,   carta  pessoal  e  e-­‐mail.  Apesar  de  apresentarem  vocaAvo,  corpo  de  texto,  sequências   exposiAvas,   narraAvas,   de   relato   e   argumentaAvas   [em   geral]   e   despedida,   eles   se   diferenciam  pelo  suporte,  pela  não  obrigatoriedade  de  local  e  data  e  de  assinatura  [no   e-­‐mail].  Ademais,  enquanto  a  carta  pessoal  é  mais  extensa,  o  e-­‐mail  costuma  ser  mais   sucinto.  Mais  ainda:  o  e-­‐mail  pode-­‐se  configurar  como  uma  interação  mais  instantânea   que  a  carta,  devido  à  rapidez  com  que  chega  aos  interlocutores.  Assinale-­‐se,  pois,  a   alternaAva  “b”.  
  • 10. QUESTÃO 05 provas da IBFC resolvidas e comentadas
  • 11. SOLUÇÃO COMENTADA provas da IBFC resolvidas e comentadas Análise   de   itens:   I.   Verdadeiro:   É   possível   afirmar   que   haja   liberdade   gramaAcal   na   construção  do  discurso  indireto  livre  [dado  que  não  existem  elementos  fixos  –  como   travessão,  aspas  duplas  ou  conjunção  integrante];  com  um  pouco  de  boa  vontade,  é   possível  entrever  uma  adesão  da  perspecAva  do  locutor  à  da  persongaem,  com  vistas   à  revelação  do  que  ela  pensa;  II.  Falso:  Não  há  recursos  sintáAcos  fixos  que  delimitem   o   discurso   indireto   livre;   III.   Verdadeiro:   O   discurso   indireto,   ao   elidir   conjunções   integrantes  e  marcas  dialogais  torna  a  narraAva  mais  elaborada  e  mais  “torrencial”;  IV.   Verdadeiro:  Devido  à  ausência  de  marcadores  reincidentes  no  discurso  indireto  livre,   o   leitor   desatento   pode,   sim,   ter   dificuldades   para   o   idenAficar   em   uma   narraAva.   Marque-­‐se  a  letra  “d”.  
  • 12. QUESTÃO 06 provas da IBFC resolvidas e comentadas
  • 13. SOLUÇÃO COMENTADA provas da IBFC resolvidas e comentadas O   enunciado   que   propõe   uma   leitura   correta   das   relações   existentes   no   contexto   de   produção,  de  circulação  e  de  recepção  de  textos  é  o  da  letra  “c”.   Análise   das   demais   alternaAvas:   a)   as   situações   de   uso   e   o   contexto   determinam   a   variedade   linguísAca;   b)   o   contexto   não   é   suficiente   para   que   o   leitor   compreenda   competentemente  um  texto;  evidentemente,  a  compreensão  está  relacionada  também  à   seleção  lexical,  à  construção  do  locutor,  à  construção  do  alocutário,  ao  uso  de  estratégias   linguísAcas   e   ao   suporte,   entre   outros;   d)   a   imagem   que   o   texto   forja   do   locutor   e   do   alocutário   não   são   os   únicos   elementos   que   corroboram   no   processo   de   produção   de   senAdo.  
  • 14. QUESTÃO 07 provas da IBFC resolvidas e comentadas
  • 15. SOLUÇÃO COMENTADA provas da IBFC resolvidas e comentadas Análise   de   itens:   I.   Verdadeiro:   Cada   gênero   possui   peculiaridades   linguísAcas   e   estruturais   específicas;   II.   Falso:   Nem   todo   texto/gênero   organiza-­‐se   cronologicamente  [tome-­‐se,  por  exemplo,  um  horóscopo;  não  se  espera  que  todas  as   ações   sugeridas   sejam   executadas   cronologicamente   pelo   leitor];   III.   Verdeiro:   É   raríssimo  haver  um  gênero  textual  construído  por  apenas  um  Apo  textual;  o  normal  é   que  o  locutor  use  a  heterogeneidade  discursiva  [tome-­‐se  como  exemplo  uma  no_cia;   trata-­‐se  de  um  texto  predominantemente  exposiAvo  e  narraAvo].  Assinale-­‐se  a  letra   “a”.  
  • 16. QUESTÃO 08 provas da IBFC resolvidas e comentadas
  • 17. SOLUÇÃO COMENTADA provas da IBFC resolvidas e comentadas Posto   que   são   comuns,   no   ambiente   escolar,   avaliações   de   cunho   diagnósAco,   de   constatação   de   aprendizagem   e   de   recuperação   de   conteúdos   não   fixados   adequadamente,  é  incorreto  afirmar  que  apenas  uma  dessas  provas  sobreponha-­‐se  às   demais   e   impeça   o   professor   de   avançar   no   processo   de   ensino-­‐aprendizagem.   Marque-­‐se,  portanto,  a  letra  “b”.  
  • 18. QUESTÃO 09 provas da IBFC resolvidas e comentadas
  • 19. SOLUÇÃO COMENTADA provas da IBFC resolvidas e comentadas A  língua  é  um  conjunto  de  sinais  por  meio  dos  quais  um  emissor  dirige  uma  mensagem  a   um  interlocutor.  Marque-­‐se,  pois,  a  letra  “a”.  
  • 20. QUESTÃO 10 provas da IBFC resolvidas e comentadas
  • 21. SOLUÇÃO COMENTADA provas da IBFC resolvidas e comentadas Em   se   tratando   de   neologismos,   tanto   a   eAmologia   quanto   o   contexto   [domínio   discursivo]  em  que  a  palavra  surge  auxiliam  o  leitor  a  decodificar  o  vocábulo.  Sendo   assim,   deve-­‐se   assinalar   a   alternaAva   “b”.   Em   tempo:   os   enunciados   “c”   e   “d”   contrariam  o  que  se  afirma  no  comando  desta  questão.  
  • 22. QUESTÃO 11 provas da IBFC resolvidas e comentadas
  • 23. SOLUÇÃO COMENTADA provas da IBFC resolvidas e comentadas Assinale-­‐se  a  alternaAva  “d”,  pois  todos  os  itens  apresentam  considerações  corretas   acerca  do  discurso  de  relato.  
  • 24. QUESTÃO 12 provas da IBFC resolvidas e comentadas
  • 25. SOLUÇÃO COMENTADA provas da IBFC resolvidas e comentadas Análise  de  itens:  I.  Verdadeiro:  Apesar  de  ser  possível  usar  um  código  como  a  pintura   para  falar  da  própria  pintura  ou  mesmo  palavras  para  expliar  uma  palavra,  é  possível   afirmar   [de   forma   bastante   genérica]   que   a   metalinguagem   é   um   recurso   em   que   códigos   diferentes   chegam   a   se   tocar;   II.   Verdadeiro:   Cada   um   das   três   linguagens   referidas  neste  item  possui  um  código  próprio;  III.  Verdadeiro:  Dado  que  um  livro  que   fale  de  arte  ou  de  literatura  é  uma  construção  linguísAca  que  se  vale  de  um  código   específico  –  a  língua  escrita  –,  é  correto  afirmar  que  as  obras  referidas  no  item  III  são   metalinguísAcas.  Assinale-­‐se  a  letra  “d”.  
  • 26. QUESTÃO 13 provas da IBFC resolvidas e comentadas
  • 27. SOLUÇÃO COMENTADA provas da IBFC resolvidas e comentadas Análise   de   itens:   I.   Falso:   A   exposição   visa   a   dar   a   conhecer   certo   assunto;   II.   Verdadeiro:  Na  argumentação,  elementos  como  a  seleção  da  perspecAva  por  meio  da   qual   o   texto   será   arAculado   [primeira   ou   terceira   pessoa],   da   linguagem   e   das   estratégias   argumentaAvas   auxiliam   o   locutor   a   aAngir   suas   intencionalidades;   III.   Verdadeiro:  Evidentemente,  pode-­‐se  ensinar  alguém  a  argumentar.  Marque-­‐se,  pois,   a  letra  “b”.  
  • 28. QUESTÃO 14 provas da IBFC resolvidas e comentadas
  • 29. SOLUÇÃO COMENTADA provas da IBFC resolvidas e comentadas Análise  dos  itens:  I.  Verdadeiro:  O  locutor  do  texto  exposiAvo  apresenta-­‐se  ao  leitor   como  detentor  do  saber  e  da  verdade;  II.  Verdadeiro:  O  discurso  exposiAvo  arAcula-­‐se   a   parAr   de   pressuposições   teóricas;   em   geral,   afasta-­‐se   daquilo   que   é   casuísAco   e   específico;  III.  Falso:  O  discurso  que  visa  a  controlar  comportamentos  é  o  injunAvo  ou   instrucional;   IV.   Verdadeiro:   Os   gêneros   apresentados   neste   item   são   realmente   exposiAvos   ou   predominantemente   exposiAvos;   V.   Falso:   Nem   sempre   o   alocutário   reconhece   o   locutor   presente   no   discurso   exposiAvo   como   detentor   da   verdade;   a   verossimilhança,  aliás,  está  associada  ao  grau  de  credibilidade  que  merece  o  locutor,   ao   modo   como   ele   arAcula   o   conhecimento   e   ao   suporte   no   qual   o   discurso   é   veiculado.  Marque-­‐se,  pois,  a  letra  “c”.  
  • 30. QUESTÃO 15 provas da IBFC resolvidas e comentadas
  • 31. SOLUÇÃO COMENTADA provas da IBFC resolvidas e comentadas Atentando  às  etapas  da  construção  do  discurso  argumentaAvo,  dever-­‐se-­‐ia  assinalar  a   alternaAva  “b”.  
  • 32. QUESTÃO 16 provas da IBFC resolvidas e comentadas
  • 33. SOLUÇÃO COMENTADA provas da IBFC resolvidas e comentadas Para  entender  palavras  empregadas  em  um  texto,  é  preciso  estar  atento  para  o  fato   de  que  elas  estão  empregadas  em  um  contexto  específico.  Marque-­‐se  a  alternaAva   “a”.   Em   tempo:   b)   em   um   texto,   há   que   se   notar   as   dimensões   gráficas,   fonéAcas,   sintáAcas  e  semânAcas;  c)  a  metáfora  opera  tanto  no  nível  formal  [aproximação  de   elementos   que,   a   priori,   pertencem   a   campos   de   senAdo   diversos]   quanto   no   semânAco  [aproximação/convergência  de  senAdos];  d)  a  letra  “d”  contradiz  o  que  se   enuncia  na  alternaAva  “a”.  
  • 34. QUESTÃO 17 provas da IBFC resolvidas e comentadas
  • 35. SOLUÇÃO COMENTADA provas da IBFC resolvidas e comentadas Análise   dos   itens:   I.   Verdadeiro:   O   texto   que   consta   do   item   I   é   uma   cópia   do   enunciado   da   questão;   II.   Falso:   O   locutor   de   qualquer   texto   enuncia   verdades   relaAvas  ao  senso  comum  [enunciador  genérico],  ao  discurso  que  se  arAcula  com  base   no   verdadeiro   e   no   falso   [enunciador   universal]   ou   aos   grupos   sociais,   religiosos,   econômicos  e/ou  políAcos  nos  quais  se  insere  [enunciador  coleAvo];  é,  pois,  incorreto,   afirmar  que  um  discurso  arAcula-­‐se  de  modo  homogêneo,  pois  ele  é  uma  colagem  de   lugares  ideológicos  pelos  quais  passa  o  locutor;  III.  Verdadeiro:  Com  boa  vontade,  é   possível  relacionar  os  mecanismos  de  construção  de  sujeitos  indeterminados,  agentes   e  pacientes  às  intencionalidades  discursivas  de  um  dado  texto;  IV.  Verdadeiro:  Para  a   compreensão   de   qualquer   gênero   textual,   é   necessária   a   percepção   [ainda   que   intuiAva   e   não   verbalizada]   de:   mensagem,   linguagem,   intencionalidade,   suporte   e   desAnatário;  V.  Verdadeiro:  é  [até]  possível  fazer  um  estudo  dos  Apos  textuais  a  parAr   da  análise  dos  gêneros  textuais.  Marque-­‐se,  pois,  a  letra  “d”.  
  • 36. QUESTÃO 18 provas da IBFC resolvidas e comentadas
  • 37. SOLUÇÃO COMENTADA provas da IBFC resolvidas e comentadas Análise  de  itens:  I.  Verdadeiro:  Os  defensores  da  visão  tradicional  do  ensino  de  língua   portuguesa   acreditavam   que   a   internalização   das   regras   referidas   no   item   I   eram   suficientes   para   que   se   desenvolvessem   as   habilidades   de   escrita;   II.   Verdadeiro:   Evidentemente,  a  língua  evolui  devido  à  ação  dos  falantes;  III.  Falso.  Assinale-­‐se,  pois,   a  letra  “c”.  
  • 38. QUESTÃO 19 provas da IBFC resolvidas e comentadas
  • 39. SOLUÇÃO COMENTADA provas da IBFC resolvidas e comentadas O  CBC  não  propõe  a  abolição  do  ensino  gramaAcal.  Há  vários  itens  que  se  referem  ao   estudo   da   metalinguagem   de   acordo   com   o   padrão   formal.   É,   pois,   incorreta   a   alternaAva  “c”.  
  • 40. QUESTÃO 20 provas da IBFC resolvidas e comentadas
  • 41. SOLUÇÃO COMENTADA provas da IBFC resolvidas e comentadas Análise  de  itens:  I.  Falso:  O  comando  da  questão  não  fala  de  subordinar  um  aspecto  a   outro,   mas   de   os   relacionar;   II.   Verdadeiro:   De   acordo   com   o   CBC,   seria   desejável   associar  o  estudo  dos  gêneros  a  certos  conhecimentos  gramaAcais;  III.  Verdadeiro:  O   CBC  prevê  o  estudo  de  itens  gramaAcais;  IV.  Verdadeiro:  O  que  se  afirma  neste  item  é   paráfrase  do  que  está  escrito  no  comando  da  questão;  V.  Verdadeiro:  O  que  se  afirma   neste  item  é  uma  leitura  coerente  do  que  propõe  o  CBC.  Marque-­‐se  a  letra  “b”.  
  • 42. QUESTÃO 21 provas da IBFC resolvidas e comentadas
  • 43. SOLUÇÃO COMENTADA provas da IBFC resolvidas e comentadas Análise  dos  itens:  I.  Verdadeiro:  Cada  gênero  possui  peculiaridades  linguísAcas  que  podem   ser  exploradas  no  ensino  da  Língua  Portuguesa;  II.  Verdadeiro:  Apesar  de  este  item  estar     mal  escrito,  está  correta  a  análise  dos  gêneros  textuais  que  ele  propõe;  III.  Verdadeiro:  O   enunciado  presente  neste  item  é  senso  comum  entre  os  educadores.  Marque-­‐se  a  letra   “d”.  
  • 44. QUESTÃO 22 provas da IBFC resolvidas e comentadas
  • 45. SOLUÇÃO COMENTADA provas da IBFC resolvidas e comentadas Análise   de   itens:   I.   Verdadeiro:   Os   gêneros   que   circulam   no   jornal   são   de   menor   extensão  e  de  menor  complexidade  [do  que  os  que  circulam  nas  revistas];  II.  Falso:  Os   livros  didáAcos  propõem  o  estudo  de  outros  gêneros  que  não  jornal  e  livro  literário;  III.   Verdeiro.  Assinale-­‐se  a  letra  “a”.  
  • 46. QUESTÃO 23 provas da IBFC resolvidas e comentadas
  • 47. SOLUÇÃO COMENTADA provas da IBFC resolvidas e comentadas As   etapas   da   construção   do   discurso   exposiAvo   estão   corretamente   indicadas   na   alternaAva  “d”.  
  • 48. QUESTÃO 24 provas da IBFC resolvidas e comentadas
  • 49. SOLUÇÃO COMENTADA provas da IBFC resolvidas e comentadas A  única  análise  que  leva  em  consideração  a  visão  que  o  CBC  possui  acerca  do  ensino  da   língua  pátria  é  a  presente  na  alternaAva  “a”.  
  • 50. QUESTÃO 25 provas da IBFC resolvidas e comentadas
  • 51. SOLUÇÃO COMENTADA provas da IBFC resolvidas e comentadas Assinale-­‐se  a  alternaAva  “c”,  pois  o  estudo  dos  gêneros  textuais  está  presente  no  eixo   I.  
  • 52. QUESTÃO 26 provas da IBFC resolvidas e comentadas
  • 53. SOLUÇÃO COMENTADA provas da IBFC resolvidas e comentadas Apenas  os  itens  I  e  II  analisam  corretamente  as  diretrizes  referentes  ao  ensino  dos   pronomes  em  língua  portuguesa.  Marque-­‐se,  pois,  a  letra  “b”.  
  • 54. QUESTÃO 27 provas da IBFC resolvidas e comentadas
  • 55. SOLUÇÃO COMENTADA provas da IBFC resolvidas e comentadas A  afirmação  presente  na  alternaAva  “a”  contraria  o  comando  da  questão.  
  • 56. QUESTÃO 28 provas da IBFC resolvidas e comentadas
  • 57. SOLUÇÃO COMENTADA provas da IBFC resolvidas e comentadas A  única  alternaAva  que  apresenta  uma  leitura  razoável  do  enunciado  da  questão  é  a   letra  “d”.  As  demais  opções  são  caricaturalmente  superficiais.  
  • 58. QUESTÃO 29 provas da IBFC resolvidas e comentadas
  • 59. SOLUÇÃO COMENTADA provas da IBFC resolvidas e comentadas Análise   dos   itens:   I.   Verdadeiro;   II.   Verdadeiro;   III.   Falso;   IV.   Verdadeiro;   V.   Falso.   Marque-­‐se,  pois,  a  letra  “a”.  
  • 60. QUESTÃO 30 provas da IBFC resolvidas e comentadas
  • 61. SOLUÇÃO COMENTADA provas da IBFC resolvidas e comentadas Análise   dos   itens:   I.   Verdadeiro;   II.   Verdadeiro;   III.   Verdadeiro.   Marque-­‐se,   pois,   a   letra  “d”.