Células do Sistema Imune

7.431 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

Células do Sistema Imune

  1. 1. Células  Linfócitos  NK  Células Dendríticas  Macrófagos e Monócitos  Neutrófilos  Eosinófilos  Mastócitos  Basófilos
  2. 2. Linfócitos  São as únicas células com receptores específicos para antígenos  Chaves da imunidade adaptável.  Morfologicamente semelhantes  São heterogêneos em:  Linhagem  Funcionamento  Fenótipo  Capacidade de respostas e atividades biológicas complexas e atividades.
  3. 3. Linfócitos B  São as únicas células capazes de produzir anticorpos  Imunidade humoral.  Expressão de ac de sup  Receptores que reconhecem antígenos  Antígenos solúveis e antígenos na superfície de micróbios e outras células  Ativação celular  Resposta imune humoral.
  4. 4. Linfócito T  Imunidade Celular  Receptores reconhecem fragmentos de peptídeos de ag  Ligados a major histocompatibility complex (MHC) ou complexo de histocompatibilidade principal (MHC).  T CD4+ = helper ou auxiliares  Ajudam B a produzir anticorpos  Fagócitos a destruir micróbios fagocitados  T CD8+ = citotóxicos ou citolíticos  Destroem células que abrigam micróbios intracelulares
  5. 5. Linfócitos NK  NK = Natural Killer ou assassina natural  Mediadores de imunidade inata  Não expressam receptores de antígeno como as células B ou célulasT.  Importante contra vírus e tumores
  6. 6. Células Apresentadoras de Antígenos  Portas de entrada para micróbios  a pele, área gastrointestinal e área respiratória,  Contêm células especializadas localizadas abaixo do epitélio que captura Ag e os transporta para tecidos linfóides.  Células dendríticas e macrófagos
  7. 7. Células Dendríticas  A função de APC é melhor representada pelas células dendríticas  Nome por causa dos processos dendríticos longos.  Capturam ag protéicos  Exibem partes dos Ags para os linfócitos T  Pele: células de Langerhans
  8. 8. Macrófago
  9. 9. Macrófagos  Célula grande com vacúolos citoplasmáticos  Apresenta diferentes nomes, de acordo com o tecido  Presente em tecidos saudáveis  Fagocitose  Apresentação de antígenos
  10. 10. Macrófago + pseudopodes
  11. 11. macrófago interagindo com vários linfócitos
  12. 12. Leucócitos Polimorfonucleares ou granulócitos  Possuem inúmeros grânulos no citoplasma  Núcleo irregular  Neutrófilos  Menor que o macrófago, não presente em tecidos saudáveis  Fagocitose  Eosinófilos  Defesa contra parasitas e vermes  Mastócitos/Basófilos  Alergias
  13. 13. Núcleo bilobado/reniforme Núcleo multilobulado Núcleo em forma de ferradura
  14. 14. Leucócito PMN Neutrófilo
  15. 15. Hematopoiese
  16. 16. Marcadores celulares  Células separadas por proteínas de superfície em painéis de anticorpos monoclonais.  A nomenclatura standard é o " CD " (“cluster of differentiation” = agrupamento de diferenciação)  A designação numérica que é usada para delinear proteínas de superfície que definem uma fase de diferenciação de célula e são reconhecidas por um agrupamento ou grupo de anticorpos.
  17. 17. Prof. Dr. Aguinaldo R. Pinto
  18. 18. Órgãos Linfóides Linfócitos sangue Tecidos especializados
  19. 19. Órgãos Linfóides  Órgãos linfóides primários ou centrais  Maturação de linfócitos (TCR e BCR)  Timo e medula óssea  Órgãos linfóides secundários ou periféricos  Resposta imune  Baço, linfonodos, placas de Peyer. Amigdala, etc
  20. 20. Timo  Bilobulado  Cada lobo se divide em múltiplos lóbulos, e cada lóbulo é dividido em córtex e medula  Mediastino anterior  Maturação de linfócitos T
  21. 21. Timo  Seleção tímica  TCR  CD4 ou CD8  Maturação de linfócitos T principalmente no período fetal e depois do nascimento  90-95 % dos timócitos entram em apoptose  Ausência de Timo: falta de células T
  22. 22. Medula óssea e Bursa de Fabricius
  23. 23. Órgãos Linfóides Periféricos  Linfonodos, baço,placas de Peyer e os tecidos linfóides associados a mucosa (BALT, GALT)  Onde os linfócitos encontram os antígenos e onde se inicia a resposta imune  Estes tecidos estão conectados através dos vasos linfáticos - Linfa
  24. 24. Linfonodos  Agregados ovóides de tecido linfóide localizados ao longo de canais linfáticos no corpo.  Transporta fluido chamado linfa dos epitélios, tecidos conjuntivos e da maioria do órgãos parenquimatosos é escoado por vasos linfáticos dos tecidos para os linfonodos.  A linfa é uma mistura de substâncias que são absorvido nos epitélios e tecidos.
  25. 25. Linfonodos  Região cortical  Folículos primário e secundário  Região paracortical  Região medular Linf. B Linf. T Plasmócitos
  26. 26. A passagem da linfa no linfonodo  Como as passagens de linfa por linfonodos resulta:  APCs podem capturar os antígenos de micróbios que entraram pelos epitélios nos tecidos.  Células dendríticas apanham antígenos de micróbios do epitélios e transportam estes antígenos para linfonodos pela linfa.  O resultado líquido destes processos:  captura, transporte e concentração dos Ags que entram por epitélios ou tecidos colonizados que escoam para os linfonodos.
  27. 27. Posição de T e B nos órgãos linfóides  Dentro dos órgãos linfóides periféricos T e B são segregados em compartimentos anatômicos diferentes  B  Concentram-se em folículos, localizados no córtex  Se responderam a um ag  centro germinal.  T  Concentram-se fora do córtex na regiâo parafolicular.  Contém células dendríticas
  28. 28. Recirculação de linfócitos  Linfócitos circulam nos tecidos  Linfócito virgem  Órgãos linfóides  Linfócito efetor  Locais de infecção  é melhor descrito melhor para T.  T citotóxico em qualquer local de infecção.  B permanecem em órgãos linfóides  não precisam migrar para locais de infecção.  Secretam anticorpos  Ac entram no sangue  Micróbios de achado e toxinas microbianas na circulação ou tecidos distantes.
  29. 29. O baço  Órgão abdominal  É o principal local de produção de Ac  Mesmo papel em respostas imunes para antígenos sanguíneos  Sangue que entra no baço por uma cadeia de canais (sinusóides) forrada de fagócitos.  Apanha antígenos e os concentra  células de dendríticas e macrófagos.
  30. 30. O baço  Polpa branca  Rica em linfócitos  Polpa vermelha  Local onde hemácias são removidas
  31. 31. No Baço...  Linfócitos T em bainha periarteriolar  Linfócitos B em folículos linfóides 50% Linf. B 30-40% Linf. T
  32. 32. MALT e GALT  Sistemas linfóide debaixo dos epitélios da pele, do trato gastro-intestinal e áreas respiratórias  Amígdalas e placas de Peyer são MALT  São locais de respostas imunes a antígenos que superam a barreira epitelial

×