SlideShare uma empresa Scribd logo

Atmosfera 1º ano luiz

clima terrestre

1 de 27
Baixar para ler offline
E.E.E.F.M. PROFº MANOEL
SATURNINO DE ANDRADE FAVACHO
PROFº LUIZ CARVALHEIRA JUNIOR
GEÓGRAFO ESP. EDUCAÇÃO
AMBIENTAL
ATMOSFERA
TERRESTRE
A ESPECIFICIDADE DA
TERRA
• Fatores responsáveis pela existência da vida na terra:
Um envoltório gasoso composto sobretudo de
oxigênio e hidrogênio;
A orbita em torno do Sol;
A presença de água.
CLIMA TERRESTRE
• Consequências da rotação e da translação: alternam a radiação e
influenciam na temperatura da Terra;
• Ouros fatores que interferem no clima: latitude, umidade vinda
dos oceanos e o relevo.
TEMPO E CLIMA
Atmosfera 1º ano luiz
ELEMENTOS DO
CLIMA

Recomendados

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Geografia A 10 ano - Recursos Hídricos
Geografia A 10 ano - Recursos HídricosGeografia A 10 ano - Recursos Hídricos
Geografia A 10 ano - Recursos HídricosRaffaella Ergün
 
Aula: a construção do espaço geográfico
Aula: a construção do espaço geográficoAula: a construção do espaço geográfico
Aula: a construção do espaço geográficotyromello
 
Clima 1 introdução
Clima 1   introduçãoClima 1   introdução
Clima 1 introduçãoWalbruni
 
Os ventos e a circulação geral da atmosfera
Os ventos e a circulação geral da atmosferaOs ventos e a circulação geral da atmosfera
Os ventos e a circulação geral da atmosferakarolpoa
 
A dinâmica da atmosfera
A dinâmica da atmosferaA dinâmica da atmosfera
A dinâmica da atmosferaEstude Mais
 
Dinâmica atmosférica, climática e hidrográfica no planeta terra
Dinâmica atmosférica, climática e hidrográfica no planeta terraDinâmica atmosférica, climática e hidrográfica no planeta terra
Dinâmica atmosférica, climática e hidrográfica no planeta terraClaudia França
 
Dinâmica atmosférica
Dinâmica atmosféricaDinâmica atmosférica
Dinâmica atmosféricadianalove15
 
Climatologia
ClimatologiaClimatologia
ClimatologiaBriefCase
 
Geografia a 10ºano
Geografia a   10ºanoGeografia a   10ºano
Geografia a 10ºanoMissManson
 
Resumo fatores climáticos
Resumo fatores climáticosResumo fatores climáticos
Resumo fatores climáticosRoberta Sumar
 
Circulação da atmosfera
Circulação da atmosfera Circulação da atmosfera
Circulação da atmosfera Ana Fernandes
 
Os ventos e a circulação geral da atmosfera
Os ventos e a circulação geral da atmosferaOs ventos e a circulação geral da atmosfera
Os ventos e a circulação geral da atmosferakarolpoa
 
Superfícies frontais
Superfícies frontaisSuperfícies frontais
Superfícies frontaisacbaptista
 
Fatores climaticos-e-tipos-de-clima
Fatores climaticos-e-tipos-de-climaFatores climaticos-e-tipos-de-clima
Fatores climaticos-e-tipos-de-climajulio2012souto
 
Atmosfera clima (parte 1)
Atmosfera   clima (parte 1)Atmosfera   clima (parte 1)
Atmosfera clima (parte 1)flaviocosac
 

Mais procurados (20)

Fatores climáticos
Fatores climáticosFatores climáticos
Fatores climáticos
 
Clima e vegetação
Clima e vegetaçãoClima e vegetação
Clima e vegetação
 
Geografia A 10 ano - Recursos Hídricos
Geografia A 10 ano - Recursos HídricosGeografia A 10 ano - Recursos Hídricos
Geografia A 10 ano - Recursos Hídricos
 
Os ventos
Os ventosOs ventos
Os ventos
 
Aula: a construção do espaço geográfico
Aula: a construção do espaço geográficoAula: a construção do espaço geográfico
Aula: a construção do espaço geográfico
 
Clima 1 introdução
Clima 1   introduçãoClima 1   introdução
Clima 1 introdução
 
Os ventos e a circulação geral da atmosfera
Os ventos e a circulação geral da atmosferaOs ventos e a circulação geral da atmosfera
Os ventos e a circulação geral da atmosfera
 
A dinâmica da atmosfera
A dinâmica da atmosferaA dinâmica da atmosfera
A dinâmica da atmosfera
 
Dinâmica atmosférica, climática e hidrográfica no planeta terra
Dinâmica atmosférica, climática e hidrográfica no planeta terraDinâmica atmosférica, climática e hidrográfica no planeta terra
Dinâmica atmosférica, climática e hidrográfica no planeta terra
 
Dinâmica atmosférica
Dinâmica atmosféricaDinâmica atmosférica
Dinâmica atmosférica
 
Climatologia
ClimatologiaClimatologia
Climatologia
 
Geografia a 10ºano
Geografia a   10ºanoGeografia a   10ºano
Geografia a 10ºano
 
Resumo fatores climáticos
Resumo fatores climáticosResumo fatores climáticos
Resumo fatores climáticos
 
Circulação da atmosfera
Circulação da atmosfera Circulação da atmosfera
Circulação da atmosfera
 
Os ventos e a circulação geral da atmosfera
Os ventos e a circulação geral da atmosferaOs ventos e a circulação geral da atmosfera
Os ventos e a circulação geral da atmosfera
 
Fenômenos atmosféricos
Fenômenos atmosféricosFenômenos atmosféricos
Fenômenos atmosféricos
 
Superfícies frontais
Superfícies frontaisSuperfícies frontais
Superfícies frontais
 
Fatores climaticos-e-tipos-de-clima
Fatores climaticos-e-tipos-de-climaFatores climaticos-e-tipos-de-clima
Fatores climaticos-e-tipos-de-clima
 
Atmosfera clima (parte 1)
Atmosfera   clima (parte 1)Atmosfera   clima (parte 1)
Atmosfera clima (parte 1)
 
Precipitação
PrecipitaçãoPrecipitação
Precipitação
 

Semelhante a Atmosfera 1º ano luiz

Cap.7 - A atmosfera
Cap.7 - A atmosferaCap.7 - A atmosfera
Cap.7 - A atmosferaprofacacio
 
propriedades-fisico-quimicas-das-aguas-oceanicas.pdf
propriedades-fisico-quimicas-das-aguas-oceanicas.pdfpropriedades-fisico-quimicas-das-aguas-oceanicas.pdf
propriedades-fisico-quimicas-das-aguas-oceanicas.pdfDannyEdward1
 
EM-1ª-SERIE-Aula-de-GEOGRAFIA-A-Atmosfera-e-sua-Dinamica-07-05-2020.ppt
EM-1ª-SERIE-Aula-de-GEOGRAFIA-A-Atmosfera-e-sua-Dinamica-07-05-2020.pptEM-1ª-SERIE-Aula-de-GEOGRAFIA-A-Atmosfera-e-sua-Dinamica-07-05-2020.ppt
EM-1ª-SERIE-Aula-de-GEOGRAFIA-A-Atmosfera-e-sua-Dinamica-07-05-2020.pptAntonioCarlos151949
 
Cap6 1 atmosfera e sua dinâmica_parte2
Cap6 1 atmosfera e sua dinâmica_parte2Cap6 1 atmosfera e sua dinâmica_parte2
Cap6 1 atmosfera e sua dinâmica_parte2Fernanda Lopes
 
Geografia - Clima e domínios Morfoclimáticos do Brasil
Geografia - Clima e domínios Morfoclimáticos do BrasilGeografia - Clima e domínios Morfoclimáticos do Brasil
Geografia - Clima e domínios Morfoclimáticos do BrasilCarson Souza
 
GEOGRAFIA 7 - O clima - Estado de tempo e clima
GEOGRAFIA 7 - O clima - Estado de tempo e climaGEOGRAFIA 7 - O clima - Estado de tempo e clima
GEOGRAFIA 7 - O clima - Estado de tempo e climaElisabeteCosta63
 
ATMOSFERA - TEMPO E CLIMA
ATMOSFERA - TEMPO E CLIMAATMOSFERA - TEMPO E CLIMA
ATMOSFERA - TEMPO E CLIMAVanessa Silva
 
38859_fb19a888176aad3e38a83020624009f6.pdf
38859_fb19a888176aad3e38a83020624009f6.pdf38859_fb19a888176aad3e38a83020624009f6.pdf
38859_fb19a888176aad3e38a83020624009f6.pdfSmmMm3
 

Semelhante a Atmosfera 1º ano luiz (20)

Cap.7 - A atmosfera
Cap.7 - A atmosferaCap.7 - A atmosfera
Cap.7 - A atmosfera
 
propriedades-fisico-quimicas-das-aguas-oceanicas.pdf
propriedades-fisico-quimicas-das-aguas-oceanicas.pdfpropriedades-fisico-quimicas-das-aguas-oceanicas.pdf
propriedades-fisico-quimicas-das-aguas-oceanicas.pdf
 
Clima: Fatores e elementos
Clima: Fatores e elementos Clima: Fatores e elementos
Clima: Fatores e elementos
 
EM-1ª-SERIE-Aula-de-GEOGRAFIA-A-Atmosfera-e-sua-Dinamica-07-05-2020.ppt
EM-1ª-SERIE-Aula-de-GEOGRAFIA-A-Atmosfera-e-sua-Dinamica-07-05-2020.pptEM-1ª-SERIE-Aula-de-GEOGRAFIA-A-Atmosfera-e-sua-Dinamica-07-05-2020.ppt
EM-1ª-SERIE-Aula-de-GEOGRAFIA-A-Atmosfera-e-sua-Dinamica-07-05-2020.ppt
 
Trabalho de geografia 2
Trabalho de geografia 2Trabalho de geografia 2
Trabalho de geografia 2
 
Trabalho de geografia 2
Trabalho de geografia 2Trabalho de geografia 2
Trabalho de geografia 2
 
Geografia atmosfera
Geografia atmosferaGeografia atmosfera
Geografia atmosfera
 
Climatologia
ClimatologiaClimatologia
Climatologia
 
Oceanos
OceanosOceanos
Oceanos
 
Cap6 1 atmosfera e sua dinâmica_parte2
Cap6 1 atmosfera e sua dinâmica_parte2Cap6 1 atmosfera e sua dinâmica_parte2
Cap6 1 atmosfera e sua dinâmica_parte2
 
Geografia - Clima e domínios Morfoclimáticos do Brasil
Geografia - Clima e domínios Morfoclimáticos do BrasilGeografia - Clima e domínios Morfoclimáticos do Brasil
Geografia - Clima e domínios Morfoclimáticos do Brasil
 
Climatologia aula 4
Climatologia   aula 4Climatologia   aula 4
Climatologia aula 4
 
Clima e formaçoes vegetais
Clima e formaçoes vegetaisClima e formaçoes vegetais
Clima e formaçoes vegetais
 
Clima
ClimaClima
Clima
 
Climatologia
Climatologia Climatologia
Climatologia
 
Cliima
CliimaCliima
Cliima
 
GEOGRAFIA 7 - O clima - Estado de tempo e clima
GEOGRAFIA 7 - O clima - Estado de tempo e climaGEOGRAFIA 7 - O clima - Estado de tempo e clima
GEOGRAFIA 7 - O clima - Estado de tempo e clima
 
ATMOSFERA - TEMPO E CLIMA
ATMOSFERA - TEMPO E CLIMAATMOSFERA - TEMPO E CLIMA
ATMOSFERA - TEMPO E CLIMA
 
3-clima-blog.ppt
3-clima-blog.ppt3-clima-blog.ppt
3-clima-blog.ppt
 
38859_fb19a888176aad3e38a83020624009f6.pdf
38859_fb19a888176aad3e38a83020624009f6.pdf38859_fb19a888176aad3e38a83020624009f6.pdf
38859_fb19a888176aad3e38a83020624009f6.pdf
 

Mais de Luiz Carvalheira Junior (20)

Estruturas e formas de relevo
Estruturas e formas de relevoEstruturas e formas de relevo
Estruturas e formas de relevo
 
Terra
TerraTerra
Terra
 
A ordem internacional
A ordem internacionalA ordem internacional
A ordem internacional
 
O campo e as cidades do brasil
O campo e as cidades do brasilO campo e as cidades do brasil
O campo e as cidades do brasil
 
ENERGIA E AMBIENTE
ENERGIA E AMBIENTEENERGIA E AMBIENTE
ENERGIA E AMBIENTE
 
Os fluxos populacionais
Os fluxos populacionaisOs fluxos populacionais
Os fluxos populacionais
 
Os fluxos populacionais
Os fluxos populacionaisOs fluxos populacionais
Os fluxos populacionais
 
Do mundo bipolar ao multipolar
Do mundo bipolar ao multipolarDo mundo bipolar ao multipolar
Do mundo bipolar ao multipolar
 
Geografia: CIÊNCIA DO ESPAÇO
Geografia: CIÊNCIA DO ESPAÇOGeografia: CIÊNCIA DO ESPAÇO
Geografia: CIÊNCIA DO ESPAÇO
 
Geografia acolhida 2019
Geografia acolhida 2019Geografia acolhida 2019
Geografia acolhida 2019
 
Estados unidos
Estados unidosEstados unidos
Estados unidos
 
As cidades do brasil
As cidades do brasilAs cidades do brasil
As cidades do brasil
 
Energia
EnergiaEnergia
Energia
 
Brasil
BrasilBrasil
Brasil
 
Industrialização
IndustrializaçãoIndustrialização
Industrialização
 
Consumo e meio ambiente 9º ano
Consumo e meio ambiente 9º anoConsumo e meio ambiente 9º ano
Consumo e meio ambiente 9º ano
 
Espaço, poder e territórios nacionais
Espaço, poder e territórios nacionaisEspaço, poder e territórios nacionais
Espaço, poder e territórios nacionais
 
Onde estão os meus olhos
Onde estão os meus olhosOnde estão os meus olhos
Onde estão os meus olhos
 
Pará republicano
Pará republicanoPará republicano
Pará republicano
 
Espaço urbano
Espaço urbanoEspaço urbano
Espaço urbano
 

Último

COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdf
COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdfCOSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdf
COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdfalexandrerodriguespk
 
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.azulassessoriaacadem3
 
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...azulassessoriaacadem3
 
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...azulassessoriaacadem3
 
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...azulassessoriaacadem3
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...excellenceeducaciona
 
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.Jean Carlos Nunes Paixão
 
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...excellenceeducaciona
 
01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...
01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...
01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...azulassessoriaacadem3
 
Quando iniciamos os estudos sobre a história da Educação de Jovens e Adultos,...
Quando iniciamos os estudos sobre a história da Educação de Jovens e Adultos,...Quando iniciamos os estudos sobre a história da Educação de Jovens e Adultos,...
Quando iniciamos os estudos sobre a história da Educação de Jovens e Adultos,...AaAssessoriadll
 
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...azulassessoriaacadem3
 
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...azulassessoriaacadem3
 
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...excellenceeducaciona
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...excellenceeducaciona
 
1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...
1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...
1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...azulassessoriaacadem3
 
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...azulassessoriaacadem3
 
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006Mary Alvarenga
 
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...azulassessoriaacadem3
 
004820000101011 (15).pdffdfdfdddddddddddddddddddddddddddddddddddd
004820000101011 (15).pdffdfdfdddddddddddddddddddddddddddddddddddd004820000101011 (15).pdffdfdfdddddddddddddddddddddddddddddddddddd
004820000101011 (15).pdffdfdfddddddddddddddddddddddddddddddddddddRenandantas16
 

Último (20)

COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdf
COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdfCOSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdf
COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdf
 
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
 
Atividade sobre o anacronismo na HIstoria
Atividade sobre o anacronismo na HIstoriaAtividade sobre o anacronismo na HIstoria
Atividade sobre o anacronismo na HIstoria
 
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
 
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
 
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
 
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
 
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
 
01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...
01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...
01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...
 
Quando iniciamos os estudos sobre a história da Educação de Jovens e Adultos,...
Quando iniciamos os estudos sobre a história da Educação de Jovens e Adultos,...Quando iniciamos os estudos sobre a história da Educação de Jovens e Adultos,...
Quando iniciamos os estudos sobre a história da Educação de Jovens e Adultos,...
 
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
 
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
 
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
 
1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...
1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...
1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...
 
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
 
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
 
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
 
004820000101011 (15).pdffdfdfdddddddddddddddddddddddddddddddddddd
004820000101011 (15).pdffdfdfdddddddddddddddddddddddddddddddddddd004820000101011 (15).pdffdfdfdddddddddddddddddddddddddddddddddddd
004820000101011 (15).pdffdfdfdddddddddddddddddddddddddddddddddddd
 

Atmosfera 1º ano luiz

  • 1. E.E.E.F.M. PROFº MANOEL SATURNINO DE ANDRADE FAVACHO PROFº LUIZ CARVALHEIRA JUNIOR GEÓGRAFO ESP. EDUCAÇÃO AMBIENTAL ATMOSFERA TERRESTRE
  • 2. A ESPECIFICIDADE DA TERRA • Fatores responsáveis pela existência da vida na terra: Um envoltório gasoso composto sobretudo de oxigênio e hidrogênio; A orbita em torno do Sol; A presença de água.
  • 3. CLIMA TERRESTRE • Consequências da rotação e da translação: alternam a radiação e influenciam na temperatura da Terra; • Ouros fatores que interferem no clima: latitude, umidade vinda dos oceanos e o relevo.
  • 17. CIRCULAÇÃO ATMOSFÉRICA • A Circulação Atmosférica é o processo de movimentação do ar ou das massas de ar, ocasionado pelas diferenças de pressão e temperatura existentes na atmosfera terrestre. • O mecanismo básico desse fenômeno opera da seguinte forma: o ar mais frio é mais pesado e costuma descer, o ar quente é mais leve e costuma subir, o que propicia a movimentação e formação dos ventos. Além disso, essas movimentações de ar também ocorrem das zonas de alta pressão atmosférica (onde há uma maior quantidade de ar acumulada) para as zonas de baixa pressão atmosférica. • Dessa forma, se considerarmos que os raios solares atingem a Terra de forma diferenciada ao longo de sua extensão, é possível perceber a dinâmica da movimentação das massas de ar a nível global. Temos, assim, a formação das células atmosféricas, que se dividem em três: a célula Tropical, a célula de Ferrel e a célula Polar.
  • 23. MARITIMIDADE E CONTINENTALIDADE • Maritimidade é a capacidade das águas oceânicas de conservar calor por um período maior que as áreas continentais, e influencia diretamente no clima das regiões costeiras. • A retenção de calor nas águas oceânicas atinge grandes profundidades. Tal fato faz com que as temperaturas permaneçam altas, uma vez que o processo de resfriamento do calor retido no período diurno acontece de forma lenta. • Uma característica de áreas influenciadas pela maritimidade é que a temperatura em períodos noturnos não diminui de forma significativa se comparada às temperaturas do período diurno (amplitude térmica). • Continentalidade corresponde às áreas continentais influenciadas pelo aquecimento e resfriamento da superfície terrestre. Durante a noite todo o calor absorvido durante o dia é perdido muito rápido para a atmosfera. Desse modo, as temperaturas noturnas são mais baixas em
  • 25. CORRENTES MARÍTIMAS • As correntes marítimas, de forma simplificada, são os fluxos de água com características comuns que se deslocam ao longo dos oceanos. Entre essas características específicas, destacam-se a salinidade e, principalmente, as temperaturas, fazendo com que exista uma direta relação entre as correntes marítimas e o clima do planeta, bem como a distribuição de calor sobre a superfície oceânica. Em outras palavras, elas constituem-se como um importante fator climático. • Como a temperatura é um dos principais fatores relacionados com essa dinâmica das águas dos oceanos, ela é utilizada como critério para a classificação das correntes marítimas. Assim, as correntes são divididas em quentes e frias.
  • 26. • Correntes quentes: são provenientes das faixas equatoriais do planeta, onde a insolação é maior e as temperaturas também. Essas características fazem com que elas sejam mais superficiais e se desloquem mais rapidamente do que as demais correntes. Nelas, o índice de evaporação é maior, o que faz com que as áreas banhadas por elas recebam uma maior quantidade de umidade. As principais correntes quentes são as correntes das Guianas, do Golfo do México e a do Brasil. • Correntes frias: inversamente, as correntes frias são provenientes de faixas polares, com elevadas latitudes, sendo, portanto, mais frias. Elas deslocam-se em direção à Linha do Equador. Como as substâncias frias são naturalmente mais densas, essas correntes costumam ser mais profundas e deslocam-se mais lentamente. Da mesma forma, o índice de evaporação é menor, fazendo com que as áreas próximas recebam menos umidade e chuvas. As principais correntes frias