NOVA ORTOGRAFIA DOPORTUGUÊSFonte:http://michaelis.uol.com.br/novaortografia.php
MUDANÇAS NO ALFABETO• O alfabeto passa a ter 26 letras. Foramreintroduzidas as letras k, w e y. O alfabetocompleto passa a...
TREMANão se usa mais o trema (¨), sinal colocadosobre a letra u para indicar que ela deve serpronunciada nos grupos gue, g...
MUDANÇAS NAS REGRAS DEACENTUAÇÃO1. Não se usa mais o acento dos ditongos abertos éi e ói daspalavras paroxítonas (palavras...
Atenção:essa regra é válida somente parapalavras paroxítonas.Exemplos: papéis, herói, heróis, dói(verbo doer), sóis etc.
2. Nas palavras paroxítonas, não se usa mais oacento no i e no u tônicos quando vierem depoisde um ditongo.Como era Como f...
ATENÇÃO• se a palavra for oxítona e o i ou o u estiveremem posição final (ou seguidos de “s”), oacento permanece.Exemplos:...
3. Não se usa mais o acento das palavrasterminadas em êem e ôo(s).Como era Como ficaabençôo abençoocrêem (verbo crer) cree...
4. Não se usa mais o acento que diferenciava ospares pára/para, péla(s)/pela(s),pêlo(s)/pelo(s), pólo(s)/polo(s) e pêra/pe...
ATENÇÃO- Permanece o acento diferencial em pôde/pode.Exemplo: Ontem, ele não pôde sair mais cedo, mas hojeele pode.- Perma...
• É facultativo o uso do acento circunflexo paradiferenciar as palavras forma/fôrma. Emalguns casos, o uso do acento deixa...
5. Não se usa mais o acento agudono u tônico das formas (tu) arguis,(ele) argui, (eles) arguem, do presentedo indicativo d...
HÍFEN1. Usa-se o hífen nas palavras compostas quenão apresentam elementos de ligação.Exemplos:guarda-chuva, arco-íris, boa...
2. Usa-se o hífen em compostos quetêm palavras iguais ou quase iguais,sem elementos de ligação.Exemplos:reco-reco, blá-blá...
3. Não se usa o hífen em compostosque apresentam elementos de ligação.Exemplos:pé de moleque, pé de vento, pai de todos, d...
4. Usa-se o hífen nos compostos entre cujoselementos há o emprego do apóstrofo.Exemplos: gota-dágua, pé-dágua.5. Usa-se o ...
6. Usa-se o hífen nos compostos que designamespécies animais e botânicas (nomes de plantas,flores, frutos, raízes, semente...
Obs.: não se usa o hífen, quando os compostosque designam espécies botânicas e zoológicassão empregados fora de seu sentid...
• As observações a seguir referem-se ao uso do hífen em palavrasformadas por prefixos (anti,super, ultra, sub etc.) ou por...
CASOS GERAIS1. Usa-se o hífen diante de palavrainiciada por h. Exemplos:anti-higiênicoanti-históricomacro-históriamini-hotel
• 2. Usa-se o hí-fen se o prefixo terminarcom a mesma letra com que se inicia aoutra palavra. Exemplos:micro-ondasanti-inf...
• 3. Não se usa o hífen se o prefixoterminar com letra diferente daquelacom que se inicia a outra palavra.Exemplos:autoesc...
• Se o prefixo terminar por vogal e aoutra palavra começar por r ou s,dobram-se essas letras.Exemplos:minissaiaantirracism...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Nova ortografia do português

425 visualizações

Publicada em

Publicada em: Turismo, Tecnologia
  • Seja o primeiro a comentar

Nova ortografia do português

  1. 1. NOVA ORTOGRAFIA DOPORTUGUÊSFonte:http://michaelis.uol.com.br/novaortografia.php
  2. 2. MUDANÇAS NO ALFABETO• O alfabeto passa a ter 26 letras. Foramreintroduzidas as letras k, w e y. O alfabetocompleto passa a ser:A B C D E F G H I JK L M N O P Q R ST U V W X Y Z
  3. 3. TREMANão se usa mais o trema (¨), sinal colocadosobre a letra u para indicar que ela deve serpronunciada nos grupos gue, gui, que, qui.Como era Como ficaagüentar aguentarargüir arguirbilíngüe bilíngue
  4. 4. MUDANÇAS NAS REGRAS DEACENTUAÇÃO1. Não se usa mais o acento dos ditongos abertos éi e ói daspalavras paroxítonas (palavras que têm acento tônico napenúltima sílaba).Como era Como ficaalcalóide alcaloidealcatéia alcateiaandróide androideapóia (verbo apoiar)apoia
  5. 5. Atenção:essa regra é válida somente parapalavras paroxítonas.Exemplos: papéis, herói, heróis, dói(verbo doer), sóis etc.
  6. 6. 2. Nas palavras paroxítonas, não se usa mais oacento no i e no u tônicos quando vierem depoisde um ditongo.Como era Como ficabaiúca baiucabocaiúvabocaiuva** bacaiuva = certo tipo de palmeira
  7. 7. ATENÇÃO• se a palavra for oxítona e o i ou o u estiveremem posição final (ou seguidos de “s”), oacento permanece.Exemplos: tuiuiú, tuiuiús, Piauí;• se o i ou o u forem precedidos de ditongocrescente, o acento permanece. Exemplos:guaíba, Guaíra.
  8. 8. 3. Não se usa mais o acento das palavrasterminadas em êem e ôo(s).Como era Como ficaabençôo abençoocrêem (verbo crer) creemdêem (verbo dar) deem
  9. 9. 4. Não se usa mais o acento que diferenciava ospares pára/para, péla(s)/pela(s),pêlo(s)/pelo(s), pólo(s)/polo(s) e pêra/pera.Como era Como ficaEle pára o carro. Ele para o carro.Ele foi ao pólo Norte. Ele foi ao polo Norte.Ele gosta de jogar pólo. Ele gosta de jogar polo.
  10. 10. ATENÇÃO- Permanece o acento diferencial em pôde/pode.Exemplo: Ontem, ele não pôde sair mais cedo, mas hojeele pode.- Permanece o acento diferencial em pôr/por.Exemplo: Vou pôr o livro na estante que foi feita por mim.- Permanecem os acentos que diferenciam o singular doplural dos verbos ter e vir, assim como de seus derivados(manter, deter, reter, conter, convir, intervir, advir etc.).Exemplos:Ele tem dois carros. / Eles têm dois carros.Ele vem de Sorocaba. / Eles vêm de Sorocaba.Ele mantém a palavra. / Eles mantêm a palavra.
  11. 11. • É facultativo o uso do acento circunflexo paradiferenciar as palavras forma/fôrma. Emalguns casos, o uso do acento deixa a frasemais clara.Veja este exemplo:Qual é a forma da fôrma do bolo?
  12. 12. 5. Não se usa mais o acento agudono u tônico das formas (tu) arguis,(ele) argui, (eles) arguem, do presentedo indicativo dosverbos arguir e redarguir.6. Há uma variação na pronúncia dosverbos terminadosem guar, quar e quir, como aguar,averiguar, apaziguar, desaguar,enxaguar, obliquar, delinquir etc.
  13. 13. HÍFEN1. Usa-se o hífen nas palavras compostas quenão apresentam elementos de ligação.Exemplos:guarda-chuva, arco-íris, boa-fé, segunda-feira,mesa-redonda, vaga-lume, joão-ninguém, porta-malas, porta-bandeira, pão-duro, bate-boca.*Exceções: Não se usa o hífen em certaspalavras que perderam a noção de composição,como:girassol, madressilva, mandachuva, pontapé,paraquedas, paraquedista, paraquedismo.
  14. 14. 2. Usa-se o hífen em compostos quetêm palavras iguais ou quase iguais,sem elementos de ligação.Exemplos:reco-reco, blá-blá-blá, zum-zum, tico-tico, tique-taque, cri-cri, glu-glu, rom-rom, pingue-pongue,zigue-zague, esconde-esconde, pega-pega,corre-corre.
  15. 15. 3. Não se usa o hífen em compostosque apresentam elementos de ligação.Exemplos:pé de moleque, pé de vento, pai de todos, dia a dia, fim desemana, cor de vinho, ponto e vírgula, camisa de força, cara depau, olho de sogra.• Incluem-se nesse caso os compostos de base oracional.Exemplos: maria vai com as outras, leva e traz, diz quediz que, deus me livre, deus nos acuda, cor de burroquando foge, bicho de sete cabeças, faz de conta.• * Exceções: água-de-colônia, arco-da-velha, cor-de-rosa,mais-que-perfeito, pé-de-meia, ao deus-dará, à queima-roupa.
  16. 16. 4. Usa-se o hífen nos compostos entre cujoselementos há o emprego do apóstrofo.Exemplos: gota-dágua, pé-dágua.5. Usa-se o hífen nas palavras compostasderivadas de topônimos (nomes próprios delugares), com ou sem elementos de ligação.Exemplos:Belo Horizonte - belo-horizontinoPorto Alegre - porto-alegrenseMato Grosso do Sul - mato-grossense-do-sulRio Grande do Norte - rio-grandense-do-norteÁfrica do Sul - sul-africano
  17. 17. 6. Usa-se o hífen nos compostos que designamespécies animais e botânicas (nomes de plantas,flores, frutos, raízes, sementes), tenham ou nãoelementos de ligação.Exemplos:bem-te-vi, peixe-espada, peixe-do-paraíso, mico-leão-dourado, andorinha-da-serra, lebre-da-patagônia, erva-doce, ervilha-de-cheiro,pimenta-do-reino, peroba-do-campo, cravo-da-índia.
  18. 18. Obs.: não se usa o hífen, quando os compostosque designam espécies botânicas e zoológicassão empregados fora de seu sentido original.Observe a diferença de sentido entre os pares:a) bico-de-papagaio (espécie de plantaornamental) - bico de papagaio(deformação nasvértebras).b) olho-de-boi (espécie de peixe) - olho deboi (espécie de selo postal).
  19. 19. • As observações a seguir referem-se ao uso do hífen em palavrasformadas por prefixos (anti,super, ultra, sub etc.) ou porelementos que podem funcionarcomo prefixos (aero, agro, auto,eletro, geo, hidro, macro, micro,mini, multi, neo etc.).
  20. 20. CASOS GERAIS1. Usa-se o hífen diante de palavrainiciada por h. Exemplos:anti-higiênicoanti-históricomacro-históriamini-hotel
  21. 21. • 2. Usa-se o hí-fen se o prefixo terminarcom a mesma letra com que se inicia aoutra palavra. Exemplos:micro-ondasanti-inflacionáriosub-bibliotecáriointer-regional
  22. 22. • 3. Não se usa o hífen se o prefixoterminar com letra diferente daquelacom que se inicia a outra palavra.Exemplos:autoescolaantiaéreointermunicipalsupersônicosuperinteressante
  23. 23. • Se o prefixo terminar por vogal e aoutra palavra começar por r ou s,dobram-se essas letras.Exemplos:minissaiaantirracismoultrassomsemirreta

×