Sensores na automação industrial o completo

10.693 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia

Sensores na automação industrial o completo

  1. 1. Alunos: Jéssica Bernarda Larissa Almeida Letícia Santos Luis Varoli Sabrina Aguiar
  2. 2.  1. INTRODUÇÃO  2. O QUE SÃO SENSORES  3. SENSORES NO NOSSO DIA-A-DIA  4. SENSORES NA AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL  5. TIPOS DE SENSORES ◦ 5.1. SENSORES DE COR ◦ 5.2. SENSORES DE FIBRA ÓTICA ◦ 5.3. SENSORES DE MEDIÇÃO ◦ 5.4. SENSORES INDUTIVOS ◦ 5.5. SENSORES FOTOELÉTRICOS ◦ 5.6. SENSORES CAPACITIVOS ◦ 5.7. SENSORES ULTRASSÔNICOS  6. CONCLUSÃO  7. REFERÊNCIAS
  3. 3.  Neste trabalho faremos uma análise resumida dos principais tipos de sensores que encontramos, analisando o seu funcionamento e uso.
  4. 4.  Sensores são dispositivos que respondem a um estímulo físico/químico de maneira específica e mensurável analogicamente.  São dispositivos eletroeletrônicos que tem a propriedade de transformar em sinal elétrico a transformação de uma grandeza física que está relacionada a uma ou mais propriedades do material de que é feito o sensor.
  5. 5.  Onde quer que se deseje detectar presença, posição, aproximação ou medir distância, pode ser utilizado um elemento sensor para satisfazer essa necessidade.  Características Fundamentais dos Sensores para Automação:  Linearidade  Faixa de atuação  Sensibilidade  Superfície Ativa  Fator de correção  Distância Sensora (Nominal e Real)
  6. 6. SENSORES DE COR SENSORES DE FIBRA ÓPTICA SENSORES DE MEDIÇÃO SENSORES INDUTIVOS SENSORES FOTOELÉTRICOS SENSORES CAPACITIVOS SENSORES ULTRASSÔNICOS
  7. 7.  Os sensores de cor analisam e comparam precisamente cor com cor ou variações de intensidade da mesma cor.
  8. 8.  Sensores ópticos industriais;  Vantagens: • Capacidade de detecção em áreas restritas; • Operação em ambientes hostis; • Alta precisão na detecção; • Feitos com fibras plásticas ou vidro.
  9. 9. Sensor retro reflexivo de fibra óptica. Detector de peças.
  10. 10.  Você pode escolher entre diferentes sensores no mercado para medir todos os tipos de fenômenos naturais.
  11. 11. Tipos de Sensores de Medição:  Temperatura Você pode medir temperatura de muitas formas diferentes que variam em custo do equipamento e precisão. O mais modelos mais comuns de sensores são Termopares, RTDs, e Termistores.
  12. 12.  Esses dispositivos exploram o princípio da impedância de uma bobina de indução, que ao conduzir uma corrente alternada tem esta alterada quando um objeto metálico ou corrente elétrica é posicionado dentro do fluxo do campo magnético radiante.  Possuem grande aplicação também na industrial para sendo utilizados em maquinas para contar peças, medir velocidade, detectar materiais de baixa resistência mecânica, entre muitas outras aplicações.
  13. 13.  Exemplos de Aplicação:
  14. 14.  Exemplos de Aplicação:
  15. 15.  A finalidade de um sensor fotoelétrico é converter um sinal luminoso (luz ou sombra) num sinal elétrico que possa ser processado por um circuito eletrônico.
  16. 16.  Sensibilidade  Resposta Espectral  Velocidade
  17. 17.  LDRs (foto resistores/ fotocondutivos)  Fotocélulas  Fotodiodos (fotocondutivo/fotovoltaico)  Fototransistor  Fototiristores  Válvulas fotomultiplicadoras
  18. 18.  O Sensor Capacitivo é um dispositivo eletrônico para controle de nível de líquidos, massas ou granulados.  Modo de Funcionamento  O SCR opera detectando a variação da capacitância do meio logo à frente de sua face.
  19. 19.  Dispositivos de detecção sem contato em muitas áreas da automação.  Precisos, flexíveis e confiáveis objetos de materiais, formas, cores e texturas diversos.  Possibilidades:  • Detecção de nível e altura  • Medida de separação  • Medida de diâmetro em bobinas  • Contagem de objetos Materiais transparentes (ambientes sujos, vapores, estado líquido)
  20. 20.  Emissão de uma onda sonora de alta frequência;  Medição do tempo levado para a recepção do eco produzido quando esta onde se choca com um objeto capaz de refletir som;  Emitem pulsos ultrassônicos ciclicamente;  O objeto reflete estes pulsos, e o eco resultado é recebido – intensidade e distância entre o objeto e o sensor - e convertido em um sinal elétrico.  Funcionam medindo o intervalo de tempo entre o impulso sonoro emitido e o eco do mesmo.
  21. 21.  O que vimos até aqui é apenas uma pequena “amostra” dos tipos de sensores que existem. Conforme explicamos, a quantidade de sensores com os quais podemos contar são muito grandes.
  22. 22.  http://www.if.ufrgs.br/mpef/mef004/20061/Cesar/SENSORES- Definicao.html (acesso em 31 de outubro de 2013)  http://www.bannerengineering.com/pt- BR/products/66/Sensors/310/ (acesso em 1 de novembro de 2013)  http://www.ni.com/white-paper/13654/pt/ ( acesso em 13 de novembro de 2013)  http://www.sabereletronica.com.br/artigos/1532-todos-os-tipos- de-sensores (acesso em 24 de outubro de 2013)

×