Apresentação para décimo primeiro ano de 2015 6, aula 45-46

890 visualizações

Publicada em

Aula 45-46

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
890
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
502
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação para décimo primeiro ano de 2015 6, aula 45-46

  1. 1. Porei a classificação dos contos na quando me for enviado/devolvido o texto reformulado (e a versão com as emendas).
  2. 2. Alguns adotaram um formato ainda de história tradicional, com diálogos, etc. Mas há contos interessantes — classificação não será muito indicativa do valor em termos de concurso (já que, por vezes, o que falhava era a correção linguística e essa foi agora corrigida).
  3. 3. É importante não deixar de fazer tarefas pedidas para casa (na avaliação não são menos importantes que as feitas em aulas). Este ano, de modo nenhum devem falhar ‘tarefas grandes’.
  4. 4. Está a andar imperfetivo simultaneidade [com a enunciação] deôntica auxiliar «estar» no presente do indicativo + preposição «a» + infinitivo de «andar» (+ gesto para seguir em frente)
  5. 5. Você hoje bebeu? // Bebi perfetivo anterioridade «beber» no pretérito perfeito do indicativo
  6. 6. Sopre aqui [pontual] posterioridade deôntica presente do conjuntivo (= imperativo para 3.ª pessoa)
  7. 7. Desde puto que resisto ao álcool que nem um campeão habitual apreciativa presente do indicativo de «resistir» (& «desde puto»)
  8. 8. Andou a armar-se em bom antes de conduzir? imperfetivo anterioridade pretérito perfeito de «andar» + preposição «a» + infinitivo de «armar-se»
  9. 9. Antes de conduzir, disse para o meu sogro que, quando for preciso, acarto com a máquina de lavar roupa posterioridade presente do indicativo de «acar[re]tar»
  10. 10. Você está a querer passar a sua bazófia para mim imperfetivo simultaneidade presente do indicativo do auxiliar «estar» + preposição «a» + «querer passar»
  11. 11. Vou ter de lhe fazer um teste posterioridade deôntica presente do indicativo do auxiliar «ir» + infinitivo do auxiliar «ter» + preposição «de» + infinitivo de «fazer»
  12. 12. Eu bem devia ter desconfiado quando o vi a mascar pastilha anterioridade [relativamente à enunciação]; simultaneidade [relativamente à outra ação] deôntica imperfeito de «dever» + infinitivo composto de «desconfiar»
  13. 13. Isso não devia dar para ultrapassar o limite epistémica imperfeito de «dever» + infinitivo de «dar»
  14. 14. Tenho de lhe fazer um teste de bazófia deôntica presente do auxiliar «ter» + preposição «de» + «fazer»
  15. 15. Não vou poder deixá-lo conduzir nessas condições posterioridade deôntica presente de «ir» + «poder» + «deixar»
  16. 16. Quanto ao temperamento criticável que está em foco no sketch, podemos dizer que lembrea o de um dos peixes repreendidos no «Sermão de Santo António»: a) roncador; b) pegador; c) voador; d) polvo à lagareiro; e) esparguete à bolonhe-sa.
  17. 17. Com alguma habilidade, conseguire- mos ver em «Os potentinhos portugueses» (p. 129) todos os defeitos atribuídos aos quatro peixes repreendidos no capítulo V do «Sermão de Santo António», que representam, no fundo, outras tantas más características dos homens. Desenvolve esta ideia, articulando as críticas de Miguel Esteves Cardoso a certos defeitos dos portugueses e os quatro tipos definidos por Vieira no penúltimo capítulo do seu sermão.
  18. 18. • Roncadores = soberba, arrogância, orgulho, bazófia • Pegadores = parasitismo, adulação, servilismo • Voadores = Ambição, presunção • Polvo = Dissimulação, hipocrisia, traição, mentira, malícia
  19. 19. TPC Traz o teu caderno, ou dossiê, completo, para eu o poder relancear. (Combináramos que isso aconteceria na penúltima aula do período, que é a próxima).
  20. 20. Traz (ou, e até talvez preferível, envia- me) o texto que te entreguei hoje já reformulado. Traz-me (e essa tem de ser trazida, não me pode ser enviada) a versão que tem as minhas correções (para eu verificar se as percebeste e lançaste bem na versão final).
  21. 21. Para efeitos de concurso, escreve, sob o conto, um pseudónimo, e traz-me uma cópia do Cartão de Cidadão. Esta parte é opcional, mas acharia pena que não enviássemos a maior parte dos textos.
  22. 22. Porei a classificação dos contos quando me for enviado/devolvido o texto reformulado (e a versão com as emendas).
  23. 23. Envio da tarefa de gravação: Idealmente, logo que possível. Quase idealmente, até sábado. Aceitavelmente, no domingo. Ficando eu já um pouco aborrecido, na segunda. Murmurando eu alguns palavrões entredentes, na terça.
  24. 24. Em Gaveta de Nuvens, lêas instruções para a tarefa sobre livro lido.
  25. 25. Ensaiar bem a leitura em voz alta Evitar o simples resumo Não abusar de valorações («gostei», «é bom», …) (Em troca: porventura, enquadrar no contexto do enunciador) Ser criativo no slide único
  26. 26. Ser for preciso, podem vir aqui (nos meus horários) e gravar o ficheiro aúdio.

×