Preconceito nas Escolas

653 visualizações

Publicada em

Publicada em: Estilo de vida
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
653
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
18
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Preconceito nas Escolas

  1. 1. Preconceito Nas Escolas
  2. 2. A educação é um processo social, é desenvolvimento. Não é a preparação para a vida, é a própria vida. (John Dewey) De acordo com Dewey fica claro que a escola não é só a preparação, mas é a vida na qual há um contexto social que envolve múltiplas realidades, ou seja, possuem várias culturas, várias pessoas com seus estilos próprios envolvendo diferentes realidades, sendo estes, alvos de comparações, desigualdades e preconceitos. Muito presenciado nos corredores das escolas, o preconceito é uma atitude malevolente, pois as pessoas descriminam, julgam ou excluem uma pessoa por não ser igual a ela e os preconceitos que mais vemos nestes corredores são o racial, o social e o sexual.
  3. 3. • A escola deveria ser o meio onde a interação com as pessoas diferentes fossem justas e aceitáveis, porém é o meio onde o que prevalece são as opiniões daqueles que nada sabem, influenciando a maioria, com é normal criticar o negro, excluir o pobre e descriminar o “gay”. Será esta a sociedade que queremos? O futuro que desejamos? Porque a escola abriga um conjunto de processos que modificam a existência e o comportamento individual e coletivo das pessoas sendo considerada como o único instrumento apropriado para a construção de uma sociedade justa e ampla. Só pensem um pouco se as nossas atitudes estão coerentes com o mundo/sociedade que queremos!
  4. 4. • Discriminação na escola Prejudica o desempenho de alunos. “A rejeição, tema de difícil percepção porque demanda uma observação apurada do professor, é responsável por boa parte da diminuição da atuação de nossos alunos”. Os dados mostraram que os alunos que afirmam sofrer rejeição na escola, seja por parte dos colegas, seja por parte dos professores, possuem um desempenho baixo no boletim. 13% dos alunos dizem sofrer rejeição sempre, por parte de professores e colegas. Esses estudantes têm rendimento 22,86% abaixo dos que não enfrentam esse problema.
  5. 5. CENA Data: 28.03.2014 Prof.ª: Lana Christina Alunas: Evelyn, Jessica, Luciene, Lucilene Turma: 2001

×