O slideshow foi denunciado.
Seu SlideShare está sendo baixado. ×

Classes e Estrutura de Dados

Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio

Confira estes a seguir

1 de 16 Anúncio

Mais Conteúdo rRelacionado

Anúncio

Semelhante a Classes e Estrutura de Dados (20)

Mais recentes (20)

Anúncio

Classes e Estrutura de Dados

  1. 1. Classes e Estrutura de Dados Faculdade JK de Tecnlologia Departamento de Tecnologia da Informação TADS – Processo de Desenvolvimento de Software (PDS) Professor George Henrique R. E. Mendonça Tawã Lucindo Leal Hélio Junior 17/09/2014
  2. 2. 1. Introdução A qualidade do software está condicionada aos recursos e processos que o produzem. Todos os processos devem ser identificados com clareza, devem ser documentados e repetidos. Em uma instituição de TI como, por exemplo, uma fabrica se software poderá ter produtos de qualidade se, na sua administração, os recursos e processos forem identificados e utilizados seguindo uma metodologia previamente estabelecida. Neste trabalho iremos abordar alguns métodos para construção de software, uma abstração, que pode ser utilizado com este objetivo. 9/23/2014 Your name here (insert->page number) 2
  3. 3. Classes .É uma estrutura que abstrai um conjunto de objetos com características similares; .Define o comportamento de seus objetos através de métodos; .Define estados possíveis destes objetos através de atributos; .É utilizada em linguagem que seja orientada a objetos. Atributos Métodos
  4. 4. Abstração A abstração consiste em enfocar os aspectos mais importantes de um objeto , ignorando suas características relevantes. Encapsulamento O encapsulamento é o empacotamento de dados (atributos) e de operações sobre estes (métodos). No caso da orientação a objetos, os dados não podem ser acessados diretamente mas através de mensagens enviadas para as operações. A implementação de um objeto pode ser mudada sem modificar a forma de acessa-lo.
  5. 5. Herança .É um princípio de orientação a objetos, que permite que classes compartilhem atributos e métodos, através de "heranças". Ela é usada na intenção de reaproveitar código ou comportamento generalizado ou especializar operações ou atributos. O conceito de herança de várias classes é conhecido como herança múltipla. Herança Simples Herança múltipla
  6. 6. Polimorfismo O polimorfismo significa que uma mesma operação pode se comportar de forma diferente em classes diferentes. Nos sistemas orientados a objetos, o suporte seleciona automaticamente o método que implementa uma operação correto a partir do nome da operação e da classe do objeto no qual esta se operando, da mesma forma que no mundo real onde o objeto real “tem conhecimento” intrínseco do significado da operação a realizar. Essa associação em tempo de execução é chamada de ligação dinâmica (ou “dynamic binding”).
  7. 7. Estrutura de classe <? class Pessoa { private $nome; private $idade; private $endereco; private $cidade; public function fazAniversario(){ return ++$this->idade; } } ?>
  8. 8. Estrutura de dados É o ramo da computação que estuda os diversos mecanismos de organização de dados para atender aos diferentes requisitos de processamento. Na Ciência da computação, uma estrutura de dados é um modo particular de armazenamento e organização de dados em um computador de modo que possam ser usados eficientemente.
  9. 9. Estrutura de dados
  10. 10. Vetores Um vetor (arrays) é uma estrutura de dados que armazena uma sequência de objetos, todos do mesmo tipo, em posições consecutivas da memória. Todos elementos adicionados recebem um índice. Quando se remove um elemento do array deve-se arrastar uma posição depois do removido caso não se queira espaços vazios.
  11. 11. Pilha Uma pilha é uma das várias estruturas de dados que admitem remoção de elementos e inserção de novos elementos. Mais especificamente, uma pilha é uma estrutura sujeita à seguinte regra de operação: sempre que houver uma remoção, o elemento removido é o que está na estrutura há menos tempo. PUSH: insere um dado no topo da pilha; POP: removo o item no topo da pilha; TOP: retorna o elemento no topo.
  12. 12. Listas É uma estrutura de dados amplamente utilizada e que implementa a ideia de lista de elementos: .Permite a adição e remoção de elementos; .O elemento a ser removido é sempre o primeiro a entrar; .As operações de entrada e saída sempre ocorrem nas extremidades
  13. 13. Filas Uma fila é uma estrutura de dados que admite inserção de novos elementos e remoção de elementos antigos. Mais especificamente, uma fila é uma estrutura sujeita à seguinte regra de operação: sempre que houver uma remoção, o elemento removido é o que está na estrutura há mais tempo. Enqueue: adiciona um elemento ao final da fila; Dequeue: remove um elemento do inicio da fila.
  14. 14. Árvore binária Uma árvore binária é uma estrutura de dados mais geral que uma lista encadeada. É uma estrutura de dados que herda as características das topologias em árvore. É uma estrutura de dados que pode ser representada como uma hierarquia onde cada elemento é chamado de nó. Características: Ou não tem elemento algum (árvore vazia). Ou tem um elemento distinto, denominado raiz, com dois ponteiros para duas estruturas diferentes, denominadas sub-árvore esquerda e sub-árvore direita.
  15. 15. Referências Bibliográficas Instituti de Matemática e Estatísticas http://www.ime.usp.br/~pf/algoritmos/, acesso 14/09/2014. LG apenas algumas idéias sobre músicas, tecnologia http://lgsreal.wordpress.com/ 14/09/2014. Classes Wikipédia http://pt.wikipedia.org/wiki/Classe_(programa%C3%A7%C3%A3o). b

×