Consílio dos deuses- lusíadas

12.839 visualizações

Publicada em

Ficha sobre o Consílio dos Deuses

Publicada em: Educação
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
12.839
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
9.559
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
223
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Consílio dos deuses- lusíadas

  1. 1. 1 FICHA DE TRABALHO DE PORTUGUÊS OS LUSÍADAS- O CONSÍLIO DOS DEUSES Observaas imagens e completaos esquemas,de acordocomoepisódiodo Consíliodos Deuses(CantoI,est. 20-41): Nome____________________ Caracterização -estrofe 22 ___________________________________________________________________ ___________________________________________________________________ ___________________________________________________________________ ___________________________________________________________________ Discurso (razões pelas quais defende os portugueses)- estâncias 24 a 29 ___________________________________________________________________ ___________________________________________________________________ ___________________________________________________________________ ___________________________________________________________________ Decisão tomada- estrofe 29 ___________________________________________ Nome ___________________ Posição ____________________________________________________________ Razões apresentadas- estrofes 33 e 34 ___________________________________________________________________ ___________________________________________________________________ ___________________________________________________________________ ___________________________________________________________________ ___________________________________________________________________ ___________________________________________________________________ ___________________________________________________________________ Posição ____________________________________________________________ Razões apresentadas- estrofes 30 a 32 ___________________________________________________________________ ___________________________________________________________________ ___________________________________________________________________ ___________________________________________________________________ ___________________________________________________________________
  2. 2. 2 Nome __________________ ___________________________________________________________________ Nome ___________________ Posição ____________________________________________________________ Razões apresentadas – estrofes 36 a 40 ___________________________________________________________________ ___________________________________________________________________ ___________________________________________________________________ ___________________________________________________________________ ___________________________________________________________________ ___________________________________________________________________ ___________________________________________________________________ BOM TRABALHO!!! A professora: LucindaCunha
  3. 3. 3 PROPOSTA DE CORREÇÃO (exercício retirado do manual conto contigo 9, da areal, pp.141-142, assim como a proposta de correção: Nome: Júpiter Caracterização:o “Padre”é caracterizadocomo“sublime e dino”, usaos raios fabricadosporVulcano,ocupao lugar de presidente da reunião. O rosto, “alto, severo e soberano”, respira um “ar divino”, tem uma coroa e um bastão cintilante. Razões:O“grande valorda forte gentede Luso”,jádemonstradonos meritórios triunfosanteriores faceaos mouros, aoscastelhanos eaos romanos,considerandoainferioridade numéricae a desproporçãodasforçasempresença,que só a valentia e a ajuda divina poderiam suplantar; a determinação dos Fados (decisões divinas a que o homem e os próprios deuses não podem opor-se), os feitos que levarão ao esquecimento dos impérios Assírio, Persa, Grego e Romano; a coragem de navegar, agora, por mares desconhecidos, em frágeis embarcações, sem temer a fúria dos ventos, a caminho do Oriente. Decisão: “Que sejam, determino, agasalhados/ Nesta costa Africana como amigos”. Nome: Vénus Posição: a favor dos portugueses; Razões:trata-se deumagente muito semelhante ao seuamadopovolatino e essaproximidade era visível em aspetos essenciais e que lhe eram muito caros, como a grande valentia e fortuna mostrados em África e a língua muito semelhante ao latim. O nome e o culto do Amor, que Vénus simboliza, serão sempre glorificados, no vasto império que a gente guerreira há de conquistar. Nome: Baco Posição: contra os portugueses; Razões: não quer perder o domínio de todo o Oriente, conforme está previsto nos “Fados”; o receio que as suas façanhasnaÍndia, ainda nãocantadaspor qualquerpoeta,sejam esquecidas seos fortesnavegadores portugueseslá chegarem. Nome: Marte Posição: a favor dos portugueses; Razões:O “amor antigo” queo ligava a Vénus,primeira defensora da causalusitana; a bravurados portugueses,que merecem o seu apoio; o reconhecimento, por parte de Júpiter, de que os portugueses merecem ser ajudados.

×