Viagra

12.402 visualizações

Publicada em

Publicada em: Saúde e medicina
  • Seja o primeiro a comentar

Viagra

  1. 1. Citrato de Sildenafil Viagra, Citrato de Sildenafil, é um medicamento discutido, por tratar de um assunto muito polêmico e que os homens pouco conversam, para não expor suas fraquezas sexuais . Medicamento aprovado ern abril de 1998 pelo FDA americano, e já autorizado pelo Ministério da Saúde no Brasil para o tratamento de pacientes com disfunção erétil .
  2. 2. O funcionamento do Viagra O citrato de sildenafil passa peloorganismo, afetando apenas a enzima PDE5 no pênis. Sendo retirado, após quatro horas, pelo fígado e rins.
  3. 3. A anatomia masculina Para muitas pessoas, é difícil falar sobre o pênis. Essa parte do corpo é considerada íntima e normalmente não é discutida em público. Porém, o pênis é simplesmente uma parte da anatomia masculina projetada para fazer uma tarefa e vamos tratá-lo desta maneira aqui.
  4. 4. A anatomia masculinaNão há contração muscular envolvida na ereção peniana. Para ficar ereto, o pênis usa pressão.
  5. 5. A anatomia masculina Provavelmente, a maneira mais fácil de entender como o pênis fica ereto é pensando em um balão. Se o balão não tem ar, fica flácido. Se você inflar o balão com um pouco de ar, ele fica alongado e rígido. O pênis usa um mecanismo semelhante, mas ao invés de usar ar pressurizado para ficar rígido, o pênis usa sangue pressurizado. O pênis contém duas estruturas em forma de charuto, chamadas corpos cavernosos, que usa para ficar ereto.
  6. 6. Anatomia do penisSe as artérias penianas não se dilatarem adequadamente, é difícilou impossível ficar com o pênis ereto. Este problema é a principal causa da disfunção erétil.
  7. 7.  Pense nos corpos cavernosos como tubos parecidos com balões. As artérias trazem sangue para esses tubos e as veias carregam o sangue para fora deles. O pênis pode estar flácido ou ereto, dependendo do fluxo sangüíneo: No estado não ereto, as artérias que trazem o sangue para dentro dos corpos cavernosos estão de alguma forma contraídas, enquanto as veias que drenam o sangue do pênis estão abertas. Não há como haver pressão dentro do pênis. Neste estado, ele é flácido; Quando um homem fica excitado, as artérias penianas se abrem de maneira que o sangue pressurizado pode entrar no pênis rapidamente. As veias que saem do pênis ficam contraídas. O sangue pressurizado fica preso nos corpos cavernosos e este sangue faz o pênis ficar alongado e endurecido. O pênis está ereto.
  8. 8. Quando tudo está funcionando bem, a ejaculação é um processo de três passos: O homem fica sexualmente excitado O pênis responde ficando ereto A estimulação do pênis causa ejaculação “Isso parece muito simples, mas em muitos casos o segundo passo não acontece, tornando o terceiro passo difícil ou impossível. Apesar do homem ser estimulado, o pênis não fica ereto. Para entender por que, você precisa entender a fisiologia de uma ereção.”
  9. 9. As dúvidas são muitas Funciona mesmo? Em quais pacientes se utiliza? Quais são os efeitos colaterais? A mulher pode usar? etc...
  10. 10. Citrato de Sildenafil Remédio que age diretamente no processo bioquímico que causa a ereção peniana. O Viagra combate a fosfodiesterase tipo 5 mantendo a ereção.
  11. 11. 25mg – 50mg – 100mg Viagra pode ser encontrado nas seguintes dosagens de 25mg, 50mg e 100mg. Você deve sempre começar com uma dosagem baixa e se caso não tiver efeito deve começar a tomar doses maiores. A pílula de Viagra é azul em formato de diamante e deve ser tomada uma vez por dia entre 30 minutos e 4 horas antes do ato sexual.
  12. 12. Considerações básicas. O Viagra está disponível em doses de 25 mg, 50 mg e 100 mg e pode ser tomado diariamente. A dose inicial padrão é de 50 miligramas. O Viagra deve ser tomado por volta de uma hora antes da atividade sexual, mas já foi demonstrado que seu efeito pode ser sentido após 30 minutos. Seu efeito dura até quatro horas. Tente não tomar o Viagra quando estiver com o estômago cheio, pois sua absorção e eficácia serão diminuídas ou anuladas. Comidas gordurosas em especial reduzem o efeito do Viagra. Para resultados melhores, tome Viagra de estômago vazio (sem ter comido por duas horas). O álcool, no entanto, não tem impacto sobre a absorção do Viagra.
  13. 13. Efeitos Colaterias- Espirros- Dor de cabeça- Suores- Ereção prolongada- Palpitações- Visão manchada- Priapismo (raro)- Hipotensão(raro)- Enfarto do Miocárdio (raro)- Arritmias (raro)- Pressão Intraocular (raro)
  14. 14. EFEITOS COLATERAIS MAIS COMUNS? Os principais são dor de cabeça, Rubor facial , de olhos e congestão nasal. A pressão baixa, tonturas, distúrbios visuais são os mais comuns. A angina, sensação de morte e até a morte súbita pode ocorrer somente nos pacientes cardiopatas, hipertensos que não podiam tomar tal medicamento.
  15. 15. Disfunção erétil Tem incidência estimada em 10% da população masculina o que significa um número ao redor de 8,5 milhões de brasileiros com o problema . A disfunção erétil leva sempre a problemas psicológicos mesmo que a causa inicial seja orgânica. Os pacientes de consultório na sua grande maioria (80%) tem causas psicológicas.
  16. 16. Estudos conduzidos De acordo com estudos conduzidos pelo fabricante em cerca de três mil indivíduos, a droga não atua sem uma estimulaçao sexual e se houver sério comprometimento da libido. Nestes estudos houve melhora do desempenho sexual em cerca de 80 % dos casos, sem especificar a causa da disfunção sexual.
  17. 17. O HOMEM QUE NÃO TEM PROBLEMA SEXUAL PODE TOMAR O MEDICAMENTO? Sim, pode tomar ,porém não haverá melhora da situação atual ,pois a resposta sexual tem um limite, e não conseguimos aumentar mais a ereção se ela já estiver no máximo.
  18. 18. QUAIS OS PACIENTES QUE NÃO PODEM TOMAR O VIAGRA? Homens que tratam do coração, de hipertensão arterial necessitam de uma avaliação do Urologista e do Cardiologista para saber se podem ou não tomar o remédio. O álcool potencializa os efeitos colaterais. É totalmente contra indicado o uso de medicamentos a base de nitritos junto com o viagra.
  19. 19. O VIAGRA PROVOCA A EREÇÃO E PORQUANTO TEMPO O MANTEM DESTA FORMA? Este medicamento não tem a função de provocar a ereção, portanto, o homem precisa tem uma ereção inicial para que o remédio funcione ,prolongando esta ereção até que o homem ejacule. Ele funciona após uns 50 minutos de sua ingestão e prolonga seu efeito por quatro horas no sangue. Se o homem tiver outra ereção após a primeira ele mantém o seu efeito.
  20. 20. O VIAGRA VICIA? NÃO. O cuidado é mais em relação aos possíveis problemas psicológicos que ele pode causar se não houver uma orientação adequada ao paciente, pois o Viagra não muda os parceiros, seus desempenhos sexuais, seus sentimentos ou o desgaste do dia a dia. Pode sim causar uma dependência psicológica pelo medo da falha sem o medicamento.
  21. 21. Os medicamentos e a alimentação Estudos comprovam que o Viagra possui altos índices de aprovação e segurança, embora a alimentação deva ser limitada para melhor aproveitamento do medicamento, uma vez que sua absorção pelo organismo é reduzida na presença de álcool e de alimentos gordurosos. A absorção do Cialis não é afetada pela alimentação nem pelo álcool, enquanto que o efeito do Levitra é comprometido pelo consumo rotineiro de alimentos altamente gordurosos (cerca de 60% da dieta à base de gordura).
  22. 22. A MULHER PODE TOMAR? Até o momento as mulheres não devem tomar tal remédio porque as pesquisas atuais ainda não foram concluídas e podem ter outros efeitos colaterais.
  23. 23. QUE HOMEM DEVE TOMAR O VIAGRA? Só deve tomar o viagra o homem que efetivamente não obtenha uma ereção total ou não consiga sustentá-la pelo tempo suficiente até a ejaculação. Ele não é tratamento para ejaculação precoce. O Viagra é um excelente medicamento, porém não é milagroso. Tem suas indicações, suas restrições e os homens que estão alimentando falsas expectativas sobre os efeitos do medicamento podem se decepcionar.
  24. 24. Sintomas médicos e causas da disfunção erétil A disfunção erétil é caracterizada pela incapacidade de manter a ereção. Ereções normais durante o sono, e de manhã cedo, sugerem causas psicogênicas, enquanto a perda dessas ereções pode indicar causas patológicas, geralmente de origem cardiovascular. Outras causas da impotência sexual masculina são o diabetes mellitus (causadora de neuropatia) e hipogonadismo (diminuição nos níveis de testosterona devido a doença afetando os testículos e glândula pituitaria).
  25. 25. Diagnóstico médico da impotência sexual masculina Não há testes formais para diagnosticar a disfunção erétil. Alguns testes de sangue são geralmente feitos para excluir doenças causadoras de impotência, como diabetes, hipogonadismo e prolactinoma.
  26. 26. Função dos nervos no pênis Testes, como reflexo bulbocavernoso, são usados para determinar se há suficiente sensibilidade nos nervos no pênis. O médico aperta a glande do pênis, o que imediatamente causaria a contração do ânus se a função dos nervos estiver normal, o médico mede e latência entre o aperto e a contração ao observar o esfincter anal ou ao sentir com um dedo envolto em luva inserido no ânus. Testes específicos de nervos são usados em pacientes com suspeita de danos no nevo como resultado de diabetes ou doença nos nervos.
  27. 27. Tumescencia peniana noturna É normal que o homem tenha de cinco a seis ereções durante o sono, especialmente durante a fase de movimentos rápidos dos olhos (REM). A falta disso pode indicar um problema nas funções dos nervos ou suprimento de sangue ao pênis.
  28. 28. Biotesiometria peniana Esse teste usa vibração eletromagnética para avaliar a sensibilidade e função dos nervos na glande e corpo do pênis. Uma percepção reduzida da vibração pode indicar dano em nervos da área pélvica, o que pode causar impotência sexual.
  29. 29. Tratamento da disfunção erétil O tratamento depende da causa. Suplementação de testosterona pode ser usada para casos de deficiência hormonal. Porém, geralmente a causa é falta de suprimento adequado de sangue para o pênis como resultado de danos às paredes internas dos vasos sanguíneos. Há algum tempo atrás, substâncias médicas (ex: apomorfina) eram injetadas diretamente no tecido erétil do corpo do pênis para tratar a impotência sexual. Em alguns casos onde não houve resposta ao tratamento médico, poderia ser aconselhado um implante peniano (prótese peniana). Depois da descoberta de agentes orais que dilatam os vasos sanguíneos do corpo cavernoso, começou-se a usar métodos mais conservadores.
  30. 30. A ereção e o princípio de funcionamento do Viagra O mecanismo fisiológico para a ereção do pênis envolve a liberação de óxido nítrico (NO), que é um gás produzido pelas células do organismo, no corpo cavernoso, durante a estimulação sexual. O NO induz a produção da enzima guanilato ciclase, resultando no aumento dos níveis de guanosina cíclica monofosfatase (cGMP), fazendo com que haja relaxamento da musculatura e facilitando a irrigação do pênis e a ereção. O Viagra age através da inibição da enzima fosfodiesterase tipo 5 (PDE5), responsável por degradar a cGMP, fazendo com que o estado não erétil demore mais tempo para ser alcançado e permitindo, conseqüentemente, uma ereção mais prolongada. Convém ressaltar a necessidade de estímulos sexuais (físicos ou psicológicos), para que o óxido nítrico seja liberado no organismo, desencadeando, conseqüentemente, o processo de ereção e induzindo a ação do medicamento. Assim, os inibidores da enzima PDE5 não produzem efeito sem o estímulo sexual.
  31. 31. Inibidores de PDE5 Os inibidores de PDE5 sildenafil (Viagra ®), vardenafil (Levitra ®) e tadalafil (Cialis ®) são remédios sob prescrição médica tomados oralmente. Eles atuam ao bloquear a ação do PDE5, que causa a degradação do monofosfato de guanosina cíclico (cGMP). O cGMP causa um relaxamento que permite que o sangue preencha o corpo cavernoso do sangue.
  32. 32. Preocupações quanto ao mercado negro Mesmo antes do lançamento do Viagra, as autoridades já se preocupavam com o desenvolvimento de mercados negros para ele em todo o mundo. Como se temia, o mercado negro de medicamentos para a disfunção erétil se desenvolveu rapidamente. Em parte, isto ocorre por causa de algumas idéias errôneas sobre o medicamento e o que ele pode fazer. Muitos homens (e mulheres também) acreditam que a pílula azul é um afrodisíaco que irá ressuscitar suas vidas sexuais. Em alguns países, o Viagra não recebeu status de droga legal por causa do medo de que ele fosse usado em excesso.
  33. 33. Ajustando-se aos medicamentos para a disfunção erétil Lembre-se, há mais na intimidade do que uma simples ereção. Uma ereção não irá eliminar outros problemas de um relacionamento. Se uma relação perturbada é a causa subjacente da disfunção erétil ou uma conseqüência natural dela, não é uma pílula que vai resolver isso. O papel do Viagra, do Levitra e do Cialis é de "capacitador" e agente de melhora: estes medicamentos permitem que homens com esse problema tenham relações sexuais após terem sido excitados e melhoram sua experiência sexual.
  34. 34. “Existe o risco do homem tornar-se psicologicamente dependente doViagra, muito maispor acreditar que émelhor sexualmentecom ele do que por algum efeito que possa estar causando.”
  35. 35. Problemas Psicológicos .HOMENS:Sentimento de ansiedade, depressão,tristeza, raiva, vergonha, frustração eembaraço.MULHERES:Sentimento de rejeição, solidão edepressão.
  36. 36. Antes da pílula A saúde do relacionamento entre um homem e uma mulher é crítico para qualquer tratamento de sucesso para a disfunção erétil, inclusive os tratamentos com Viagra, Levitra e Cialis. Mesmo quando o problema não tem um fundo psicológico, normalmente há componentes emocionais e psicológicos. O estresse é um contribuinte comum para a impotência. A disfunção causada por motivos fisiológicos pode ser aumentada por emoções sobre as quais o homem não está totalmente consciente, como a depressão, raiva e ansiedade. Estas emoções podem fazê-lo se sentir impotente, um sentimento que pode se espalhar pelas outras áreas de sua vida. Os homens são ensinados que "machões" sempre estão dispostos e aptos a fazer sexo. O resultado disso é que homens com disfunção erétil podem acabar acreditando que a ereção que não podem ter ou manter é um sinal de seu baixo valor geral como homem e como ser humano. A auto-estima é fundamental para que o homem consiga funcionar sexualmente.
  37. 37. Um relacionamento saudável é a melhor cura para a disfunção erétil A auto-estima vem de fontes interiores e exteriores. Quando um homem tem disfunção erétil, a importância das fontes exteriores de auto-estima, especialmente de sua parceira, não pode ser subestimada. As mulheres têm um papel coadjuvante crucial a desempenhar. Se seus parceiros estiverem se tornando silenciosos, distantes e fechados, elas precisam ajudá-los a se comunicar. Falar sobre o problema, dar vazão aos sentimentos, explorar opções e contar frustrações, necessidades e desejos são essenciais para lidar com o problema.
  38. 38. A "primeira" vez A impotência pode não estar só na sua cabeça, mas o sexo, em sua maior parte, está. Ninguém que já tenha feito amor consegue esquecer a expectativa e as esperanças juvenis de finais felizes. O que imaginamos pode ter diferente de acordo com o gênero, mas todos costumamos achar que o sexo não é apenas uma questão de excitação física. Precisamos de excitação mental também. "O único afrodisíaco potente", diz a famosa terapeuta sexual, Dra. Ruth Westheimer, "está na imaginação".
  39. 39. SUPER VALORIZAÇÃO Ao mesmo tempo, deu-se um grande valor ao Viagra, como se ele tivesse o poder de mudar a vida sexual dos homens. Porém, isso não é de todo verdade, pois o Viagra não faz muita coisa sozinho. Se o homem não consegue trocar com sua parceira carícias, beijos, toques, o medicamento simplesmente não faz efeito. Além disso, se o homem não consegue atrair mulheres para si, o medicamento não pode mudar esta situação. O Viagra ajuda a resolver alguns problemas de disfunções eréteis, sejam eles físicos ou psíquicos, mas não resolve outros problemas de cunho individual. Para isso, a melhor indicação é a psicoterapia.
  40. 40. Aqui vão outras maneiras de ter de volta aquele velho sentimento:Pare de fumar. Quando você fuma, os vasos sangüíneos do seu corpo se constringem. E drogas como o sildenafil precisam desses vasos sangüíneos abertos para funcionar.Não beba. Pelo menos não quando estiver tomando remédios. E mais, o álcool inibe os reflexos e amortece os sentidos, dilata os vasos sangüíneos, eleva sua pressão arterial e aumenta a freqüência cardíaca. Já tem muita coisa acontecendo no seu corpo quando está planejando fazer amor, você não precisa enviar sinais confusos para ele.
  41. 41. Pratique exercícios regularmente. Faça o sangue circular. Não é só o seu coração que fica forte, esse sangue vai para o pênis também.Coma comidas saudáveis. Vai se sentir melhor.Descanse. Tanto a fadiga quanto o estresse têm efeito prejudicial. Lembre-se de dormir o suficiente. E mesmo 15 minutos por dia de meditação, relaxamento ou sonhar com os olhos abertos pode diminuir o estresse de uma vida agitada.
  42. 42. Fantasie. Não só com garotas de revistas, fantasie com a sua parceira também. Lembre-se de que ela é a razão de você estar ansioso por esta nova (renovada) experiência. Marque um encontro. Se for tomar Viagra, Levitra ou Cialis, dê um jeito dele fazer parte das preliminares, assim como você faria com uma camisinha.Planeje sexo saudável. Pense positivo. Deixe uma camisinha por perto. Também pode querer deixar um lubrificante artificial por perto se sua parceira passou da menopausa, pois a lubrificação natural da vagina tende a diminuir com a idade. Escolha um horário para o sexo em que você normalmente se sentiria excitado. Por exemplo, a testosterona é mais alta de manhã e você estará bem descansado e pronto para entrar em ação.
  43. 43. Tenha um plano B. Drogas como o sildenafil funcionam para uma grande porcentagem dos homens, mas não para todos. E mais, o número de pessoas para as quais estes medicamentos funcionam quase sempre é maior nos testes do que na vida real. Não jogue todas as suas fichas numa única opção, nem mesmo em algumas poucas.Converse. "A primeira tarefa do amor", disse o filósofo Paul Tillich, "é ouvir". Quer as coisas estejam indo bem ou mal, nunca se sabe com certeza a menos que as linhas de comunicação estejam abertas. Os laços de qualquer relacionamento são fortalecidos quando compartilhamos.
  44. 44. Lembre-se de que há vida após a pílula Alguns homens podem ter de tomar medicamento ou fazer outro tratamento para a impotência durante toda a vida. Já outros podem precisar do remédio como um trampolim para sair desse período ruim. Não importa os meios usados para ajudar a se conseguir uma ereção, ainda é só isso: um meio para um fim, que é uma vida equilibrada e completa. Os medicamentos para a disfunção erétil podem ser uma dádiva dos deuses para os homens que lutam com a disfunção erétil. No entanto, resolver um problema médico nunca é tão simples como tomar uma pílula. É preciso considerar os efeitos colaterais primeiro e então reconhecer que uma pílula pode não resolver todos os seus problemas.
  45. 45. Sendo responsável Controlar o uso de Viagra, Levitra e Cialis é muito difícil. A responsabilidade não recai apenas sobre os médicos, mas sobre os pacientes que estão recebendo as receitas para estes medicamentos. Se você recebeu uma receita para um deles, não passe-a a amigos ou conhecidos.
  46. 46. Psychology Student Luciano Souzalucianosouza77@hotmail.co.uk United Kingdom UK June 2012

×