apresentaçao

891 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia, Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
891
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

apresentaçao

  1. 1. Fim do livro, fim dos leitores? Regina Zilberman Capítulo: O leitor, um ser social Participantes: Marilda, Rejane, Sônia e Thaís
  2. 2. Roteiro da Apresentação <ul><li>1- Leitor, um ser social - Resenha do capítulo </li></ul><ul><li>2- Diálogo com o Filme : “ Nunca te vi sempre te amei ” À luz das considerações de Zilberman, em sua obra “Fim do livro, Fim dos Leitores ” buscamos os recursos da sétima arte para estabelecer um diálogo entre o capítulo “O leitor, um ser social” e o filme “ Nunca te vi sempre te amei ” do original “84, Charing Cross Road”, produzido em 1986. Este filme nos oferece inúmeras cenas enunciativas, que se encaixam de forma surpreendente à obra de Zilberman, e muitos outros textos. </li></ul>
  3. 9. Saiba mais sobre o leitor e as práticas da Leitura: <ul><li>+ Entrevista com Regina Zilberman - http://www.ufsm.br/corpus/public/frag5.pdf </li></ul><ul><li>+ Livros e leitura entre professores e alunos.Por Regina Zilberman. Leitura Portal do MEC http://portal.mec.gov.br/seb/arquivos/pdf/2006/leituras1.pdf </li></ul><ul><li>+Recepção e leitura no horizonte da literatura. Regina Zilberman. http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1517-106X2008000100006&script=sci_arttext </li></ul><ul><li>+A leitura e seu valor social; um estudo sobre práticas de leitura. Tese </li></ul><ul><li>http://tede.ucs.br/tde_busca/arquivo.php?codArquivo=112 </li></ul>
  4. 10. Fim do livro, fim dos leitores? <ul><li>Diálogo com outros suportes: </li></ul><ul><li>A prensa de tipos móveis. </li></ul><ul><li>A Bíblia de Gutenberg é o incunábulo impresso da tradução em Latin da Bíblia, por Johann Gutenberg, em Mainz, Alemanha. A produção da Bíblia começou em 23 de fevereiro, 1455, usando uma prensa de tipos móveis. Essa Bíblia é o incunábulo mais importante pois marca o início da produção em massa de livros no Ocidente. </li></ul>
  5. 12. Dom Quichote de La Mancha <ul><li>BANCO DE IMÁGENES DEL &quot;QUIJOTE&quot;: 1605-1905 </li></ul><ul><li>Exemplos: </li></ul><ul><li>Salida de Don Quijote y Sancho en busca de aventuras </li></ul><ul><li>The second Part “ Don Quixote of the the Mancha” </li></ul><ul><li>Este Banco de Dados contempla 8627 imagens para o tema 'Don Quijote' => Disponível em : http://www.qbi2005.com/Default.aspx </li></ul>
  6. 13. The second Part “ Don Quixote of the the Mancha”
  7. 14. Salida de Don Quijote y Sancho en busca de aventuras
  8. 15. Bibliografia <ul><li>Zilberman, Regina. O leitor, um ser social. In: Fim do leitores. São Paulo, Editora Senac,2001. p.74-86. </li></ul><ul><li>Zilberman, Regina. Recepção e leitura no horizonte da literatura.In: ALEA,vol 10(1), jan./jun. 2008. p.85-97. </li></ul><ul><li>Filme “Nunca te vi, sempre te amei”, título original: 84, Charing Cross Road, 1987. </li></ul>

×