A fantástica fábrica de software

647 visualizações

Publicada em

Palestra para o V Meetup do GDG Maceió em 07/02/2015 no CESMAC

Será uma breve abordagem sobre anti-padrões de desenvolvimento e outras insanidades, padrões de Integração Continua (e entrega continua) e de distribuição qualificada de seu software.

Pegue seu ticket dourado e entre nessa viagem você também!

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
4 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
647
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
10
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
12
Comentários
0
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A fantástica fábrica de software

  1. 1. A Fantástica Fábrica de Software Pegue seu Ticket dourado para essa viagem
  2. 2. LUCAS BARROS CTO id5 Soluções web lucas@id5.com.br
  3. 3. VAMOS LÁ?
  4. 4. SINOPSE Processos manuais complicados, difíceis de repetir e fragmentados tendem a erros e desperdícios de tempo, logo, de dinheiro. Abstraia a execução de tudo que se possa ser automatizado por maquinas e processos autônomos e configuráveis ou possível de ser programado.
  5. 5. Amadores ou Profissionais? - Trabalhos repetidos e manuais são apreciados. - Trabalhos únicos, jamais se fazem 2 iguais. - Pequenos defeitos e deformidades podem ser considerados arte. - A escala de produção é baixa, geralmente individualmente monolítica. - Geralmente a inspiração dita as regras e não são usados padrões de conformidades para Qualidade. - Trabalhos super automatizados. - Trabalhos reaproveitados e é possível garantir conjuntos de características em série. - Defeitos não são tolerados, equipes de QA trabalham para evitar erros. - A Escala de produção é variável pela demanda mas altamente escalável. - Geralmente padrões de qualidade ditam a regra, e a inspiração deve ser apoiado nelas.
  6. 6. Testes manuais sem técnicas Anti padrões (e outras insanidades) Copiar (e modificar) código existente ao invés de criar soluções genéricas Fator de improvabilidade: Assumir que é improvável que um erro conhecido ocorra Tendência em reinventar a roda: Falhando em adotar uma solução adequada e existente Construir tudo de novo o tempo todo Controlar requisitos e versionamento é perda de tempo, VAMOS PARTIR PRO FAZER! Instalar aplicação em um ambiente é fácil: Faço tudo na mão mesmo! Deploy via FTP! PQP! Ambientes de produção, homologação e dev totalmente diferentes e gerenciado pela sorte Ausência total de testes automatizados de qualidade Trabalho só é testado realmente em produção Feedback de bugs geralmente detectados por usuários finais
  7. 7. PODEMOS SER MELHORES? SIM, SEI...
  8. 8. PROJETE SEU PROJETO
  9. 9. CONTROLE, PLANEJE E REGISTRE TUDO SOBRE SEU PROJETO
  10. 10. VERSIONE OS FONTES E ARTEFATOS.
  11. 11. MANTENHA SERVIÇOS E INFRA COMO CÓDIGO E VERSIONADO
  12. 12. AMBIENTES VIRTUALIZADOS PARA DEV, TESTE E HOMOLOGAÇÃO
  13. 13. Testes automatizados, de caixa, evasivos, AB, unitários, de UI gravados e de performance.
  14. 14. AMBIENTES CLOUD COMPUTING PARA PRODUÇÃO
  15. 15. Automatizando tudo via INTEGRAÇÃO CONTINUA e Entregando automaticamente
  16. 16. COMO FUNCIONA? UM DESENHO PRA FIXAR!
  17. 17. Feedback Instantâneo Em caso de falha na build Em caso de sucesso Deploy em produção Build agendada para teste e deploy automático Constrói o ambiente virtual para o teste Roda Suíte de testes autônomos Modelagem CI Programador Atende ticket requisito de mudança
  18. 18. Referências - http://www.martinfowler.com/articles/continuousIntegration.html - http://www.thoughtworks.com/pt/continuous-delivery - http://martinfowler.com/bliki/ContinuousDelivery.html - https://wiki.jenkins-ci.org/display/JENKINS/Home - https://wiki.jenkins-ci.org/display/JENKINS/Home -
  19. 19. OBRIGADO!

×