As soluções do vento gradiente1. DefiniçõesNo sistema de coordenadas naturais a coordenada s está alinhada com a direção l...
Se o centro do círculo está na mesma direção de n, então o raio de curvatura (R) é positivo, seestá apontando na direção o...
Solução 1                                      A < 0, então V < 0: sem solução                                            ...
Solução 4R < 0: rotação anticiclônica            pressão aumentando para fora √Análise:D < 0, então B > f|R|/2A > 0, então...
Solução 6                                            A < 0, então V < 0: sem solução                                      ...
As soluções do vento gradiente
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

As soluções do vento gradiente

517 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
517
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
6
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

As soluções do vento gradiente

  1. 1. As soluções do vento gradiente1. DefiniçõesNo sistema de coordenadas naturais a coordenada s está alinhada com a direção local dovento horizontal (V) , enquanto que a coordenada n está perpendicular a s e apontando para àesquerda (figura I). Os vetores unitários são t e n, respectivamente. Figura 1. Esboço da definição do sistema de coodenadas naturais.A consequência dessa escolha é que ⃗ ( ) ( )onde o valor da componente, na direção de s, é V a qual é sempre positiva e o valor dacomponente na direção n é sempre 0.Para o vento gradiente frequentemente precisaremos do raio de curvatura (R). Figura 2. Definição dos valores positivo e negativo do raio de curvatura (R).
  2. 2. Se o centro do círculo está na mesma direção de n, então o raio de curvatura (R) é positivo, seestá apontando na direção oposta de n, R é negativo (figura 2).2. A equação do vento gradienteNo sistema de coordenadas naturais a equação para o vento gradiente é √ ( )ou √ ( )Como ambos R e podem positivos ou negativos e temos o sinal na frente da raizquadrada, há 8 possíveis combinações na equação (3). Temos que manter em mente, nãoimporta como, V deve sempre ser positivo, afim de ter uma solução fisicamente real.3. Soluções para a equação do vento gradienteAnalisemos a equação (3) e dividimos como segue √com √
  3. 3. Solução 1 A < 0, então V < 0: sem solução fisicamente realR > 0: rotação ciclônica : pressão aumentando paradentro √Análise:D > 0, então B < fR/2Solução 2 A < 0, então V <<0: sem solução fisicamente realR > 0: rotação ciclônica pressão aumentando paradentro √Análise:D > 0, então B < fR/2Solução 3R < 0: circulação anticiclônica : pressão aumentando para fora √Análise:D < 0, então B > fR/2A > 0, então V >> 0: baixa pressãoantibárica
  4. 4. Solução 4R < 0: rotação anticiclônica pressão aumentando para fora √Análise:D < 0, então B > f|R|/2A > 0, então V < 0: sem soluçãofisicamente realSolução 5 A < 0, então V > 0: sistema de baixa pressão normalR > 0: rotação anticiclônica pressão diminuindo paradentro √Análise:D < 0, então B > fR/2
  5. 5. Solução 6 A < 0, então V < 0: sem solução fisicamente realR > 0: rotação ciclônica pressão diminuindo paradentro √Análise:D < 0, então B > fR/2Solução 7R < 0: rotação anticiclônica pressão diminuindo para fora √Análise:D > 0, então B > f|R|/2A > 0, então V >> 0: sistema de altapressão anômalaSolução 8R < 0: rotação anticiclônica pressão diminuindo para fora √Análise:D > 0, então B < f|R|/2A > 0, então V > 0: sistema de alta pressão normal

×