4
LINGUAGENS – 1º ANO
Novo Acordo Ortográfico
(Crédito: marekuliasz / Shutterstock.com)
ACENTUAÇÃO
A) O TREMA deixa de ser...
4
F) O acento agudo ou circunflexo usado para distinguir palavras paroxítonas que são homógrafas deixa de
existir, portant...
4
O uso obrigatório das letras maiúsculas foi simplificado, portanto, elas se restringem:
• A nomes próprios de pessoas, l...
4
c. bussola, imperio, plateia, polo, Panama
d. bússola, imperio, plateia, polo, Panamá
e. bussola, imperio, plateia, pólo...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Novoacordoortografico

1.465 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.465
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Novoacordoortografico

  1. 1. 4 LINGUAGENS – 1º ANO Novo Acordo Ortográfico (Crédito: marekuliasz / Shutterstock.com) ACENTUAÇÃO A) O TREMA deixa de ser usado: Palavras como lingüiça, cinqüenta e tranqüilo passam a ser escritas como linguiça, cinquenta e tranquilo; B) Não se acentua mais com acento circunflexo as duplas OO e EE: Palavras como enjôo, vôo, lêem e crêem passam a ser escritas como enjoo, voo, leem e creem. C) Os ditongos abertos ÉI e ÓI das palavras paroxítonas deixam de ser acentuados: Palavras como idéia, platéia, paranóico e jibóia passam a ser escritas como ideia, plateia, paranoico e jiboia. D) Quando precedidos de ditongo, nas palavras paroxítonas, o acento agudo no I e no U tônico deixam de existir: Palavras como feiúra e baiúca passam a ser escritas como feiura e baiuca. E) Não se acentua mais as formas verbais do U tônico precedido de G ou Q e seguido de E ou I: Palavras como averigúe e apazigúe passam a ser escritas como averigue e apazigue.
  2. 2. 4 F) O acento agudo ou circunflexo usado para distinguir palavras paroxítonas que são homógrafas deixa de existir, portanto, deixam de se diferenciar pelo acento: • para (verbo parar); • para (preposição); • pela (substantivo e flexão do verbo pelar); • pelas; • polo; • pelo (flexão de pelar); • pelo (substantivo); • pera (substantivo, fruta); • pera (substantivo arcaico, pedra, e pera, preposição arcaica). Veja mais em: Emprego dos Sinais de Pontuação. HÍFEN O hífen é um sinal de gráfico mal sistematizado na língua portuguesa e, para isso, o Novo Acordo tentou organizar seu uso com regras que tornam mais racional e simples a sua utilização. Nas palavras formadas pelo processo de prefixação, só se usa o hífen quando: • O segundo elemento começa com h: super-homem, sub-humano; • O prefixo termina em vogal e o segundo elemento começa com a mesma vogal: micro-ondas, auto- observação; • O prefixo é pré-, pró-, pós-: pré-fabricado, pós-graduação, pró-reitor; • O prefixo é circum- ou pan- e o segundo elemento começa com vogal, h, m ou n: circum-mediterrâneo, pan-helenismo, pan-americano. Não há hífen quando: • O segundo elemento começa com s ou r, assim, essas consoantes deverão ser duplicadas: antirrugas, antissemita, minissaia, microssistema. • Quando prefixo termina em vogal e o segundo elemento começa com uma vogal diferente: antiaéreo, hidroelétrica, autoescola, extraescolar. Para mais detalhes sobre a utilização do hífen, consulte o artigo Uso do Hífen (Novo Acordo Ortográfico). OS CASOS DAS LETRAS K, W, Y As letras k, w, y agora estão incluídas em nosso alfabeto, que passa a ter 26 letras. O Acordo apenas estabeleceu a sequência delas na listagem alfabética, logo, o k vem após o j, o w depois do v e o y após o x. Para mais detalhes sobre como ficou o alfabeto brasileiro após a Reforma Ortográfica, consulte o artigoAlfabeto Brasileiro (Novo Acordo Ortográfico). LETRAS MAIÚSCULAS
  3. 3. 4 O uso obrigatório das letras maiúsculas foi simplificado, portanto, elas se restringem: • A nomes próprios de pessoas, lugares, instituições e seres mitológicos; • A nomes de festas; • À designação dos pontos cardeais; • Às siglas; • Às letras iniciais de abreviaturas; • E aos títulos de periódicos (jornais). Agora é facultativo usar a inicial maiúscula em nomes que designam áreas do saber (português, Português), nos títulos (Doutor, doutor Silva; Santo, santo Antônio) e nas categorias de logradouros públicos (Rua, Rua do Sorriso), de templos (Igreja, igreja do Bonfim) e edifícios (Edifício, edifício Paulista). REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS FOREQUE, Fernanda Odilla Flávia. Governo adia novo acordo ortográfico para 2016. Folha de S. Paulo, Brasília, 20 dez. 2012. Disponível em: < http://www1.folha.uol.com.br/educacao/1204152-governo-adia-novo- acordo-ortografico-para-2016.shtml >. Acesso em 11 mar. 2013. FARACO, Carlos Alberto. Novo Acordo Ortográfico. Disponível em: < http://www.parabolaeditorial.com.br/downloads/novoacordo2.pdf >. Acesso em 11 mar. 2013. SANTOS, Vera Lúcia Pereira dos. Novo Acordo Ortográfico. Disponível em: < http://sejaetico.com.br/index.php>. Acesso em 11 mar. 2013. EXERCÍCIOS SOBRE O NOVO ACORDO ORTOGRÁFICO 1. Com o novo acordo, quais letras passam a integrar o alfabeto da língua portuguesa nos países que compõem a CPLP? 2. A regra anterior, para acentuação no português do Brasil, determinava que se acentuassem todos os ditongos abertos (“éu”, “éi”, “ói”), como acontecia em assembléia, céu ou dói. Assinale a opção em que as palavras que apresentam ditongo aberto estão acentuadas corretamente, tendo em vista o novo acordo, e justifique a sua escolha explicitando a nova regra. a. assembleia, doi, ceu. b. assembléia, doi, ceu. c. assembléia, doi, céu. d. Assembleia, dói, céu. e. Assembléia, dói, céu. 3. Assinale a única opção correta, segundo o uso do acento circunflexo e de acordo com a nova regra. Justifique sua escolha. a. Pôde. b. Pêra. c. Crêem. d. Enjôo. e. Pêlo. 4. De acordo com a nova ortografia, assinale a opção que apresenta todas as palavras grafadas corretamente. Em seguida, justifique sua escolha. a. bússola, império, platéia, pólo, Panamá b. bússola, império, plateia, polo, Panamá
  4. 4. 4 c. bussola, imperio, plateia, polo, Panama d. bússola, imperio, plateia, polo, Panamá e. bussola, imperio, plateia, pólo, Panamá 5. Tendo em vista a nova grafia quanto ao uso do hífen, assinale a opção correta. Justifique a sua escolha. a. Co-autor, anti-social e micro-ondas b. Coautor, antissocial e microondas c. Co-autor, antissocial e micro-ondas d. Coautor, anti-social e microondas e. Coautor, antissocial e micro-ondas 6. Assinale a opção que contém a frase grafada corretamente conforme a nova ortografia. a. É preciso ter auto-estima e autocontrole para co-ordenar o projeto de infra-estrutura recém-aprovado, ainda muito polemico e com ajustes a fazer. b. É preciso ter autoestima e autocontrole para coordenar o projeto de infraestrutura recém-aprovado, ainda muito polêmico e com ajustes a fazer. c. É preciso ter autoestima e auto-controle para co-ordenar o projeto de infraestrutura recémaprovado, ainda muito polêmico e com ajustes a fazer. d. É preciso ter auto-estima e auto-controle para coordenar o projeto de infra-estrutura recém- aprovado, ainda muito polemico e com ajustes a fazer. e. É preciso ter autoestima e autocontrole para coordenar o projeto de infra-estrutura recém- aprovado, ainda muito polêmico e com ajustes a fazer. 7. Assinale a única opção correta quanto à nova ortografia. Justifique sua escolha. a. Pára-choque, ultrassonografia, relêem, União Européia, inconseqüente, arquirrival, saúde. b. Para-choque, ultrassonografia, releem, União Europeia, inconsequente, arquirrival, saúde. c. Para-choque, ultrassonografia, releem, União Européia, inconseqüente, arquirrival, saúde. d. Parachoque, ultra-sonografia, releem, União Européia, inconsequente, arqui-rival, saúde. e. Pára-choque, ultra-sonografia, relêem, União Européia, inconseqüente, arqui-rival, saúde. 8. Analise as sentenças a seguir, indicando se estão certas (C) ou erradas (E). Em seguida, justifique sua escolha. a. ( ) O quarto de João precisa de uma superreforma urgente. b. ( ) Ainda faltam 150 kilômetros para chegarmos ao Rio de Janeiro. c. ( ) Ana ficou mega-feliz ao encontrar Ricardo no restaurante. d. ( ) Adorei a minissaia que ganhei de aniversário. e. ( ) Esta autoestrada não está em boas condições. f. ( ) Não aguento mais as piadas do tio Sandro. g. ( ) A escola em que matriculei meus filhos tem infraestrutura. h. ( ) A vizinha é totalmente paranóica, vive se preocupando à toa. i. ( ) Nesta casa vocês vêem muita televisão. j. ( ) O vicediretor assumirá o cargo em janeiro.

×