SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 14
Escola EB 2,3/S da ChamuscaTrabalho de ADP Autismo
INTRODUÇÃO 	Neste trabalho vamos abordar o tema “Autismo”, porque é um tema pouco falado, indicando as principais características, sintomas e os tratamentos correntes para esta doença. Com este trabalho temos o objectivo de, não só ficar a conhecer mais, mas também passar às pessoas o que realmente esta doença é.
ÍNDICE Introdução Autismo Características Causas Tratamentos Correntes Conclusão Bibliografia
AUTISMO É uma alteração "cerebral” que afecta a capacidade da pessoa comunicar, de estabelecer relacionamentos e de responder apropriadamente ao ambiente que a rodeia. 	Algumas crianças, apesar de autistas, apresentam inteligência e falas intactas, algumas apresentam também retardos mentais, mutismo ou importantes atrasos no desenvolvimento da linguagem.
Alguns parecem fechados e distantes e outros parecem presos a comportamentos restritos e rígidos padrões de comportamento. 	O autismo é mais conhecido como um problema que se manifesta por um alheamento da criança ou adulto acerca do seu mundo exterior encontrando-se centrado em si mesmo ou seja existem perturbações das relações afectivas com o meio.
	A maioria das crianças não fala e, quando falam, é comum a ecolalia (repetição de sons ou palavras), inversão pronominal etc. 	O comportamento delas é constituído por actos repetitivos e estereotipados; não suportam mudanças de ambiente e preferem um contexto inanimado. 	O termo autismo se refere às características de isolamento e auto-concentração das crianças.
	O autista possui uma incapacidade inata para estabelecer relações afectivas, bem como para responder aos estímulos do meio. 	É universalmente reconhecida a grande dificuldade que os autistas têm em relação à expressão das emoções.
CARACTERÍSTICAS Tem dificuldade em estabelecer contacto com os olhos. 	Parece surdo, apesar de não o ser. 	Pode começar a desenvolver a linguagem mas repentinamente ela é completamente interrompida.  	Age como se não tomasse conhecimento do que acontece com os outros.
	Por vezes ataca e fere outras pessoas mesmo que não existam motivos para isso.  	Costuma estar inacessível perante as tentativas de comunicação das outras pessoas.  	Não explora o ambiente e as novidades e costuma restringir-se e fixar-se em poucas coisas.  	Apresenta certos gestos repetitivos e imotivados como balançar as mãos ou balançar-se.
Cheira, morde ou lambe os brinquedos e ou roupas. 	Mostra-se insensível aos ferimentos podendo inclusive ferir-se intencionalmente.
CAUSAS A nível médico as causas são desconhecidas apesar das investigações e estudos feitos. 	Têm sido feitas muitas pesquisas e aprendido muito acerca deste e de muitos outros problemas e espero que dentro de algum tempo se possa revelar muita da informação adquirida  ao longo de anos.
Tratamentoscorrentes 	Poucos são os tratamentos actualmente existentes uma vez que os resultados são muito pequenos e morosos. 	Os tratamentos passam por uma estimulação constante e por um apoio constante como forma de estimular e fazer com que a criança interaja com o ambiente, com as pessoas e com outras crianças.
Conclusão Com estes dados concluímos que o autismo não é uma doença comum, com características muito especificas, mas com causas desconhecidas e tratamentos com resultados escassos e demorados.
Bibliografia http://pt.wikipedia.org/wiki/Autismo http://dislexia.do.sapo.pt/autismo.html http://www.appda-lisboa.org.pt/federacao/autismo.php

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Mais procurados (20)

Pedagogia - Autismo
Pedagogia - AutismoPedagogia - Autismo
Pedagogia - Autismo
 
Autismo
AutismoAutismo
Autismo
 
Informações sobre Autismo
Informações sobre AutismoInformações sobre Autismo
Informações sobre Autismo
 
Autismo marisa
Autismo  marisaAutismo  marisa
Autismo marisa
 
Autismo
AutismoAutismo
Autismo
 
Autismo
AutismoAutismo
Autismo
 
Autismo
AutismoAutismo
Autismo
 
Palestra Autismo
Palestra AutismoPalestra Autismo
Palestra Autismo
 
Autismo e educação
Autismo e educaçãoAutismo e educação
Autismo e educação
 
Autismo aula
Autismo aulaAutismo aula
Autismo aula
 
Inclusão: desafios e conquistas - Autismo & Realidade
Inclusão: desafios e conquistas - Autismo & RealidadeInclusão: desafios e conquistas - Autismo & Realidade
Inclusão: desafios e conquistas - Autismo & Realidade
 
Transtorno do espectro autista
Transtorno do espectro autistaTranstorno do espectro autista
Transtorno do espectro autista
 
Autismo: desafios da inclusão da criança autista na escola regular
Autismo: desafios da inclusão da criança autista na escola regularAutismo: desafios da inclusão da criança autista na escola regular
Autismo: desafios da inclusão da criança autista na escola regular
 
Autismo
AutismoAutismo
Autismo
 
Apresentaçao de slides autismo
Apresentaçao de slides autismoApresentaçao de slides autismo
Apresentaçao de slides autismo
 
Palestra Dislexia, Tdah, Autismo, Down
Palestra Dislexia, Tdah, Autismo, DownPalestra Dislexia, Tdah, Autismo, Down
Palestra Dislexia, Tdah, Autismo, Down
 
TEA
TEATEA
TEA
 
Autismo - Liga de Pediatria UNICID
Autismo - Liga de Pediatria UNICIDAutismo - Liga de Pediatria UNICID
Autismo - Liga de Pediatria UNICID
 
Autismo - Breves Considerações - Amanda Bueno
Autismo - Breves Considerações - Amanda BuenoAutismo - Breves Considerações - Amanda Bueno
Autismo - Breves Considerações - Amanda Bueno
 
Autismo
AutismoAutismo
Autismo
 

Destaque (9)

ApresentaçãO Autismo
ApresentaçãO AutismoApresentaçãO Autismo
ApresentaçãO Autismo
 
Autismo Ou SíNdrome De Asperger
Autismo Ou  SíNdrome De  AspergerAutismo Ou  SíNdrome De  Asperger
Autismo Ou SíNdrome De Asperger
 
Autismo
AutismoAutismo
Autismo
 
Bases NeurobiolóGicas Do Autismo 2010
Bases NeurobiolóGicas Do Autismo   2010Bases NeurobiolóGicas Do Autismo   2010
Bases NeurobiolóGicas Do Autismo 2010
 
Autismo artigo
Autismo artigoAutismo artigo
Autismo artigo
 
ConsideraçõEs Sobre A Sexualidade Do Autista Com A
ConsideraçõEs Sobre A Sexualidade Do Autista Com AConsideraçõEs Sobre A Sexualidade Do Autista Com A
ConsideraçõEs Sobre A Sexualidade Do Autista Com A
 
Autismo
AutismoAutismo
Autismo
 
Autismo aula power point
Autismo aula power pointAutismo aula power point
Autismo aula power point
 
Jogos e atividades para Autista
Jogos e atividades para AutistaJogos e atividades para Autista
Jogos e atividades para Autista
 

Semelhante a Autismo: Características, causas e tratamentos

autismo como tratar.pdf
autismo como tratar.pdfautismo como tratar.pdf
autismo como tratar.pdflojakeuke
 
Autismo
AutismoAutismo
AutismoESMTG
 
Educa%e7%e3o inclusica
Educa%e7%e3o inclusicaEduca%e7%e3o inclusica
Educa%e7%e3o inclusicaEliane1964
 
entre dois mundo
entre dois mundoentre dois mundo
entre dois mundoange44
 
Transtorno do espectro autista rosana 2017 (5) (1)
Transtorno do espectro autista rosana 2017 (5) (1)Transtorno do espectro autista rosana 2017 (5) (1)
Transtorno do espectro autista rosana 2017 (5) (1)Escolainf João Maria
 
Conselhos para pais de autistas
Conselhos para pais de autistasConselhos para pais de autistas
Conselhos para pais de autistasSarah Olliver
 
Conselhos para Pais de Autistas
Conselhos para Pais de Autistas Conselhos para Pais de Autistas
Conselhos para Pais de Autistas Sarah Olliver
 
Apresentac3a7c3a3o autismo
Apresentac3a7c3a3o autismoApresentac3a7c3a3o autismo
Apresentac3a7c3a3o autismoAgenilda Lima
 
Palestra Autismo para a ONG AMAI Azul
Palestra Autismo para a ONG AMAI AzulPalestra Autismo para a ONG AMAI Azul
Palestra Autismo para a ONG AMAI AzulClinicaAssis
 
Slide Autismo
Slide   AutismoSlide   Autismo
Slide AutismoUNIME
 
Estudo Coletivo sobre Transtornos do Espectro Autista - Abordagem Pedagógica ...
Estudo Coletivo sobre Transtornos do Espectro Autista - Abordagem Pedagógica ...Estudo Coletivo sobre Transtornos do Espectro Autista - Abordagem Pedagógica ...
Estudo Coletivo sobre Transtornos do Espectro Autista - Abordagem Pedagógica ...Anaí Peña
 
Autismo - Pedagogia difinição e historico
Autismo - Pedagogia difinição e historicoAutismo - Pedagogia difinição e historico
Autismo - Pedagogia difinição e historicoSilviaReis46
 

Semelhante a Autismo: Características, causas e tratamentos (20)

autismo como tratar.pdf
autismo como tratar.pdfautismo como tratar.pdf
autismo como tratar.pdf
 
Autismo
AutismoAutismo
Autismo
 
Autismo
AutismoAutismo
Autismo
 
Panfletoautismo
PanfletoautismoPanfletoautismo
Panfletoautismo
 
Educa%e7%e3o inclusica
Educa%e7%e3o inclusicaEduca%e7%e3o inclusica
Educa%e7%e3o inclusica
 
Autismo
AutismoAutismo
Autismo
 
Autismo
AutismoAutismo
Autismo
 
O Autismo
O AutismoO Autismo
O Autismo
 
Autismo
AutismoAutismo
Autismo
 
entre dois mundo
entre dois mundoentre dois mundo
entre dois mundo
 
Transtorno do espectro autista rosana 2017 (5) (1)
Transtorno do espectro autista rosana 2017 (5) (1)Transtorno do espectro autista rosana 2017 (5) (1)
Transtorno do espectro autista rosana 2017 (5) (1)
 
Conselhos para pais de autistas
Conselhos para pais de autistasConselhos para pais de autistas
Conselhos para pais de autistas
 
Conselhos para Pais de Autistas
Conselhos para Pais de Autistas Conselhos para Pais de Autistas
Conselhos para Pais de Autistas
 
Transtornos Globais do Desenvolvimento
Transtornos Globais do DesenvolvimentoTranstornos Globais do Desenvolvimento
Transtornos Globais do Desenvolvimento
 
Neuropedagogia
NeuropedagogiaNeuropedagogia
Neuropedagogia
 
Apresentac3a7c3a3o autismo
Apresentac3a7c3a3o autismoApresentac3a7c3a3o autismo
Apresentac3a7c3a3o autismo
 
Palestra Autismo para a ONG AMAI Azul
Palestra Autismo para a ONG AMAI AzulPalestra Autismo para a ONG AMAI Azul
Palestra Autismo para a ONG AMAI Azul
 
Slide Autismo
Slide   AutismoSlide   Autismo
Slide Autismo
 
Estudo Coletivo sobre Transtornos do Espectro Autista - Abordagem Pedagógica ...
Estudo Coletivo sobre Transtornos do Espectro Autista - Abordagem Pedagógica ...Estudo Coletivo sobre Transtornos do Espectro Autista - Abordagem Pedagógica ...
Estudo Coletivo sobre Transtornos do Espectro Autista - Abordagem Pedagógica ...
 
Autismo - Pedagogia difinição e historico
Autismo - Pedagogia difinição e historicoAutismo - Pedagogia difinição e historico
Autismo - Pedagogia difinição e historico
 

Último

Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfSimulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfEditoraEnovus
 
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfIedaGoethe
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfHenrique Pontes
 
Habilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e EspecíficasHabilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e EspecíficasCassio Meira Jr.
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxAula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxBiancaNogueira42
 
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolaresALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolaresLilianPiola
 
02. Informática - Windows 10 apostila completa.pdf
02. Informática - Windows 10 apostila completa.pdf02. Informática - Windows 10 apostila completa.pdf
02. Informática - Windows 10 apostila completa.pdfJorge Andrade
 
William J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdf
William J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdfWilliam J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdf
William J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdfAdrianaCunha84
 
Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...
Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...
Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...LizanSantos1
 
ATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptx
ATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptxATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptx
ATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptxOsnilReis1
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxconcelhovdragons
 
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029Centro Jacques Delors
 
trabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduratrabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduraAdryan Luiz
 
A galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A  galinha ruiva sequencia didatica 3 anoA  galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A galinha ruiva sequencia didatica 3 anoandrealeitetorres
 
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptxSlides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024Jeanoliveira597523
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfaulasgege
 
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃOLEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃOColégio Santa Teresinha
 

Último (20)

Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfSimulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
 
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
 
Habilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e EspecíficasHabilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e Específicas
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxAula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
 
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolaresALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
 
02. Informática - Windows 10 apostila completa.pdf
02. Informática - Windows 10 apostila completa.pdf02. Informática - Windows 10 apostila completa.pdf
02. Informática - Windows 10 apostila completa.pdf
 
XI OLIMPÍADAS DA LÍNGUA PORTUGUESA -
XI OLIMPÍADAS DA LÍNGUA PORTUGUESA      -XI OLIMPÍADAS DA LÍNGUA PORTUGUESA      -
XI OLIMPÍADAS DA LÍNGUA PORTUGUESA -
 
William J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdf
William J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdfWilliam J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdf
William J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdf
 
Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...
Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...
Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...
 
ATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptx
ATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptxATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptx
ATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptx
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
 
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
 
trabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduratrabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditadura
 
A galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A  galinha ruiva sequencia didatica 3 anoA  galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
 
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptxSlides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
 
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
 
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃOLEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
 

Autismo: Características, causas e tratamentos

  • 1. Escola EB 2,3/S da ChamuscaTrabalho de ADP Autismo
  • 2. INTRODUÇÃO Neste trabalho vamos abordar o tema “Autismo”, porque é um tema pouco falado, indicando as principais características, sintomas e os tratamentos correntes para esta doença. Com este trabalho temos o objectivo de, não só ficar a conhecer mais, mas também passar às pessoas o que realmente esta doença é.
  • 3. ÍNDICE Introdução Autismo Características Causas Tratamentos Correntes Conclusão Bibliografia
  • 4. AUTISMO É uma alteração "cerebral” que afecta a capacidade da pessoa comunicar, de estabelecer relacionamentos e de responder apropriadamente ao ambiente que a rodeia. Algumas crianças, apesar de autistas, apresentam inteligência e falas intactas, algumas apresentam também retardos mentais, mutismo ou importantes atrasos no desenvolvimento da linguagem.
  • 5. Alguns parecem fechados e distantes e outros parecem presos a comportamentos restritos e rígidos padrões de comportamento. O autismo é mais conhecido como um problema que se manifesta por um alheamento da criança ou adulto acerca do seu mundo exterior encontrando-se centrado em si mesmo ou seja existem perturbações das relações afectivas com o meio.
  • 6. A maioria das crianças não fala e, quando falam, é comum a ecolalia (repetição de sons ou palavras), inversão pronominal etc. O comportamento delas é constituído por actos repetitivos e estereotipados; não suportam mudanças de ambiente e preferem um contexto inanimado. O termo autismo se refere às características de isolamento e auto-concentração das crianças.
  • 7. O autista possui uma incapacidade inata para estabelecer relações afectivas, bem como para responder aos estímulos do meio. É universalmente reconhecida a grande dificuldade que os autistas têm em relação à expressão das emoções.
  • 8. CARACTERÍSTICAS Tem dificuldade em estabelecer contacto com os olhos. Parece surdo, apesar de não o ser. Pode começar a desenvolver a linguagem mas repentinamente ela é completamente interrompida. Age como se não tomasse conhecimento do que acontece com os outros.
  • 9. Por vezes ataca e fere outras pessoas mesmo que não existam motivos para isso. Costuma estar inacessível perante as tentativas de comunicação das outras pessoas. Não explora o ambiente e as novidades e costuma restringir-se e fixar-se em poucas coisas. Apresenta certos gestos repetitivos e imotivados como balançar as mãos ou balançar-se.
  • 10. Cheira, morde ou lambe os brinquedos e ou roupas. Mostra-se insensível aos ferimentos podendo inclusive ferir-se intencionalmente.
  • 11. CAUSAS A nível médico as causas são desconhecidas apesar das investigações e estudos feitos. Têm sido feitas muitas pesquisas e aprendido muito acerca deste e de muitos outros problemas e espero que dentro de algum tempo se possa revelar muita da informação adquirida ao longo de anos.
  • 12. Tratamentoscorrentes Poucos são os tratamentos actualmente existentes uma vez que os resultados são muito pequenos e morosos. Os tratamentos passam por uma estimulação constante e por um apoio constante como forma de estimular e fazer com que a criança interaja com o ambiente, com as pessoas e com outras crianças.
  • 13. Conclusão Com estes dados concluímos que o autismo não é uma doença comum, com características muito especificas, mas com causas desconhecidas e tratamentos com resultados escassos e demorados.