Electronegatividade A electronegatividade é uma medida da tendência de um átomo para “puxar para si” a nuvem electrónica d...
Electronegatividade (cont.) <ul><li>Uma consequência directa e lógica das diferenças de electronegatividade dos átomos env...
Electronegatividade (cont.) Tab. Periódica – Variação da Electronegatividade
Electronegatividade (cont.) Tab. Periódica - Electronegatividade
Electronegatividade (cont.) <ul><li>Ligações polares: </li></ul>
Electronegatividade (cont.) <ul><li>Qual das seguintes ligações se prevê ser a  mais  polar?  </li></ul><ul><li>a.  Cl e B...
Configuração electrónica <ul><li>A configuração electrónica representa a distribuição dos electrões pelos diferentes nívei...
Configuração electrónica <ul><li>Para auxiliar na elaboração da configuração electrónica utiliza-se o chamado Diagrama de ...
Configuração electrónica (cont.) Qual a configuração electrónica dos seguintes elementos químicos (consultar a TP para o n...
Grupos funcionais Ionização em meio aquoso <ul><li>Em meio aquoso os terminais polares de grupos funcionais podem sofrer i...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Biomoléculas parte 2

750 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
750
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Biomoléculas parte 2

  1. 1. Electronegatividade A electronegatividade é uma medida da tendência de um átomo para “puxar para si” a nuvem electrónica duma ligação química. Quanto mais electronegativo for um átomo, mais deslocada na sua direcção estarão os electrões envolvidos na ligação. Os mais electronegativos são N, O e F.
  2. 2. Electronegatividade (cont.) <ul><li>Uma consequência directa e lógica das diferenças de electronegatividade dos átomos envolvidos numa ligação é a polaridade da ligação – maior densidade de cargas negativas junto ao átomo mais electronegativo. </li></ul>
  3. 3. Electronegatividade (cont.) Tab. Periódica – Variação da Electronegatividade
  4. 4. Electronegatividade (cont.) Tab. Periódica - Electronegatividade
  5. 5. Electronegatividade (cont.) <ul><li>Ligações polares: </li></ul>
  6. 6. Electronegatividade (cont.) <ul><li>Qual das seguintes ligações se prevê ser a mais polar? </li></ul><ul><li>a. Cl e B b. F e C </li></ul><ul><li>Qual das seguintes ligações químicas se espera ser a menos polar? </li></ul><ul><li>a. Cs e F b. B e At c. H e O </li></ul><ul><li>Colocar os seguintes elementos por ordem crescente de electronegatividade? </li></ul><ul><li>Ni, Cl e K </li></ul>
  7. 7. Configuração electrónica <ul><li>A configuração electrónica representa a distribuição dos electrões pelos diferentes níveis energéticos em torno do núcleo. </li></ul><ul><li>Nº atómico (nº de protões no núcleo) = nº de electrões </li></ul><ul><li>Atomo é electricamente neutro (cargas + = cargas -). </li></ul>
  8. 8. Configuração electrónica <ul><li>Para auxiliar na elaboração da configuração electrónica utiliza-se o chamado Diagrama de Pauling que dá a sequência energética dos diferentes níveis e sub-níveis. </li></ul>
  9. 9. Configuração electrónica (cont.) Qual a configuração electrónica dos seguintes elementos químicos (consultar a TP para o nº atómico): 1. He 2. C 3. O 4. Na 5. Fe
  10. 10. Grupos funcionais Ionização em meio aquoso <ul><li>Em meio aquoso os terminais polares de grupos funcionais podem sofrer ionização. As formas ionizada e neutra estão em equílibrio , podendo este equilíbrio deslocar-se mais num ou noutro sentido conforme o pH do meio. </li></ul>Forma predominante a pH ácido Forma predominante a pH básico

×