SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 9
Alfabetização: Conteúdos/Atividades


Nome das crianças:

   O nome constitui uma palavra-texto, com grau de significação ímpar: nele está contida
toda a história da criança. É pouco provável que alguma criança, ao contatar com a escrita,
não expresse forte desejo de colocar a marca de seu nome em todo espaço possível.

   Ora, o não atendimento desse desejo implica em lançar fora um recurso valioso no
envolvimento da criança com o código da língua escrita.

   - Sugestões de atividades:

   •   Exploração dos nomes: leitura, comparação, identificação de semelhanças e
       diferenças;
   •   Crachás;
   •   Bingo do próprio nome;
   •   Folha com todos os nomes para a criança colorir, circular, recortar, colar, etc...;
   •   Tesouros dos nomes;
   •   Dominó de nomes;
   •   Roleta;
   •   Etiquetas para materiais das crianças;
   •   Chamada no cartaz, etc...

  OBS.: Consultar outras fontes que tratam especificamente do trabalho com nomes.

   . Apresentação do Alfabeto

   A apresentação do alfabeto tem por objetivo visualizar inicialmente as letras para as
crianças, a fim de que tenham a possibilidade de brincar, manipular, enfim, adquirir um
contato com as tarefas anteriormente à sistematização da fala e da escrita no momento da
introdução da primeira fase. Quando se apresenta a primeira frase, os alunos têm maior
facilidade em assimilar, pois as letras não lhe serão desconhecidas.

   Pode-se, paralelamente, introduzir os algarismos, quando se desenvolver atividades que
incluam noções de matemática.


   - Sugestões de atividades:

  Existem variadas forma de apresentação do alfabeto. Uma delas é através do ABC da
XUXA, sinalizando, com exploração do vocabulário;

   •   Apresentar as letras do alfabeto acompanhada com o sinal.
•    Montagem do alfabeto da turma, utilizando os nomes dos alunos e completando com
     palavras significativas de objetos ou animais conhecidos.

•    Bingo de alfabeto:
        o Relação sinal e letra. A professora apresenta a letra e os alunos farão o sinal
           correspondente ou vice-versa;
        o Identificação da primeira letra das palavras;
        o Atividades variadas com letras iniciais;
        o Trabalhar bingos em nível de visualização de palavras, fazendo relação com
           outros conteúdos.

•      Ex: ANIMAIS

Trabalhar com rótulos e embalagens, relacionando-os com letras iniciais e finais.

 Datas Comemorativas:

     - Aproveitar todas as datas comemorativas (cívicas, religiosas, sociais) para
     trabalhar palavras, se possível, por meio de dramatização.

Ex.: Festa Junina: - O que tem? PIPOCA - BOLO - MÚSICA...
             - Escrever estas palavras e fazer a contagem de letras;
             - Relacionar letras iniciais e finais;
             - Explorá-las em nível de outras atividades;
             - Identificar palavras dentro de um contexto;
             - Fazer cartazes (gravuras);
             - Trabalhar músicas, poesias e textos sobre o tema, identificando
             estas palavras;
             - Organizar cruzadão e cruzadinhas;
             - Criar outras atividades.

    Destaque das Vogais

     - Montagem de um quadro que contenha palavras concretas que começam com
     vogais.

Ex.: O Óculos          A Anel         E Escova
    - atividades diversas com as vogais;
    - cartazes com gravuras;
    - recorte de palavras que iniciam com as vogais;
    - construção de palavras com fichas ou tirando letras das revistas.

       Ex.:

     - Não esquecer de trabalhar recepção das vogais em nível de leitura orofacial
     e dois sinais;
- Emissão das vogais e sua sinalização;

   - Confecção de dicionário, iniciando com as vogais.

  Introdução de Frases

       . Introdução da Primeira Frase:

A - PREPARAÇÃO

   - Trabalho corporal em psicomotricidade: corpo como um todo - onde começa e
   termina;

   - Relação com boneco imóvel (tudo o que a professora fizer com o boneco as
   crianças deverão fazer com o corpo);

   - Movimentos com o corpo (exercícios, dança. etc...);

   - Confecção de cartazes com títulos:

   - Pedir que cada aluno faça (dramatização) alguma coisa com seu corpo,
   registrar, em frase, e ilustrar com as crianças.

Ex.: MANOEL CORRE.
     ROMERO ANDA.
    ALINE DANÇA.
    MARIA ESCOVA OS DENTES.
    TIAGO PULA.

   - Introduzir os verbos no imperativo afirmativo e depois no imperativo
   negativo.

      PULE X NÃO PULE;
     CORRA X NÃO CORRA;
     ANDE X NÃO ANDE; etc.

   - Ler com as crianças todas as frases, fazendo sempre as perguntas
   direcionadoras: quem? o que faz? oralmente, em fichas e com sinais
   específicos de “quem” e “o que faz”.

Obs: É importante trabalhar inicialmente as estruturas frasais:

1º - Quem? O que faz?

2º - Quem? O que faz? O quê?
- O professor deverá promover jogos e ou/brincadeiras para que os alunos
     interiorizem o Sintagma Nominal que responde à pergunta: quem?

     - Atividades:

•    Cobrir uma criança como saco de papel onde por fora deverá estar escrito: Quem?
•    As crianças deverão então adivinhar QUEM está dentro do saco.

•    Vendar os olhos de uma criança. Em seguida, chamar uma outra criança para que
     aquela que está com os olhos vendados, através do toque, descubra QUEM a tocou.

B - INTRODUÇÃO DA FRASE:

     - Rever todos os movimentos que se pode fazer com o corpo;

     - Pedir ao aluno que “pulou” nas atividades anteriores que faça novamente essa
     ação, para que se possa registrar o que ela faz.

        Exemplo:

     - Propôr a ilustração da frase pelas crianças;

     - Apresentar a frase escrita em uma ficha. Ler com os alunos:




Perguntar:

Dividir a frase:

     - Destacar a palavra PULA, explorando-a em diversas situações:

      dramatizando: pular corda;

                      pular amarelinha;

                      pular com um pé só...

      mudando o sujeito da oração.

     - Trabalhar com a palavra PULA:
     - número de letras;
     - letra inicial e final (relação com os pré-nomes, rótulos e objetos);
     - confecção no alfabeto de palavras com “P”;
     - recorte de gravuras;
     - montagem de palavras, tirando letras de revistas:
    Ex.:
- Dividir a palavra PULA em sílabas:
      - Trabalhar foneticamente o “P” e L”, alternando as vogais;
      - Formar outras palavras iniciadas com “P”:
  Ex.: PÉ - PAU - PAPAI - PIPA - PÃO - PODE - PÁRA...

        - Trabalhar graficamente estas palavras:

           •   número de letras;
           •   comparação entre as palavras (o que tem semelhanças e de diferenças);
           •   cruzadão;
           •   cartaz;
           •   exposição de material concreto;
           •   exercícios de fixação (diversos);
           •   ditados orais e em língua de sinais.

        - Produzir um texto, com os alunos, descrevendo um colega, a fim de localizar
        a palavra “pula” no contexto.

  Ex:
        - ler, interpretar e ilustrar o texto com os alunos, de forma coletiva e
        individualmente;
        - Apresentar outros textos, poesias, músicas que contenham palavras com “P”,
        para leituras incidentais e ampliação de vocabulário. Ex.: Música:
        - Ler com as crianças e utilizar a Língua Brasileira de Sinais;
        - Interpretar o vocabulário e a idéia do texto;
        - Pedir que circulem as palavras que comecem com “P”;
        - Relacioná-las fazendo contagens de letras e comparações:
                   - Realizar atividades diversas: cruzadão, construção de palavras
                      com fichas e letras de revistas, etc...




        - Confeccionar o primeiro dicionário de palavras com a letra “P”:

           •   Com palavras já apresentadas: PÉ - PAU - PIA, etc... que deverão ser
               cobradas em nível de leitura orofacial e de emissão;
           •   Com as palavras incidentais que irão enriquecer o vocabulário de
               palavras com “P” e que deverão ser cobradas em nível de sinalização.

   Obs.: Aproveitar as datas comemorativas e os conteúdos de outras áreas e atividades
para também trabalhar palavras com “P”.
  Ex.: - Dia do trabalhador e profissões:
    P: PADEIRO, PEDREIRO, PROFESSOR;
       - Higiene:
    PENTE, PERFUME, ETC.
O professor deverá estar atento para aproveitar todas as oportunidades a fim de
explorar a letra P e criar outras atividades.

      - Repetir as orientações anteriores, quando iniciar o estudo com a letra L. O
      professor retoma a palavra PULA e desenvolve as atividades já formando
      outras palavras com P e L.

  Ex.: LUA - PELÉ - LUPA - etc...

    Introdução da Segunda Frase:

      - Iniciar o estudo a partir de conteúdo de “ciências”. ANIMAIS

      - Utilizar exercícios de psicomotricidade no momento em que o professor
      estiver trabalhando o conteúdo: locomoção dos animais

         •   trabalhar a representação corporal. Ex.: “A cobra arrasta. O passarinho
             voa. O sapo pula. O peixe nada”.

      - Confeccionar cartazes:

      - Ler e explorar o texto, fazendo sempre as perguntas:

         •   Quem?
         •   O que faz

  Ex.: Quem arrasta? A cobra faz o que? (ou que a cobra faz?)

      - Destacar a frase e dramatizá-la.

                                       O QUE FAZ?

      - Ilustrar a frase coletiva e individualmente.

      - Destacar a palavra SAPO, explorando, utilizando, por exemplo, ma miniatura
      de sapo.

  Ex.: Quem já viu um sapo? - Como ele é? etc...

      - Realizar a exploração gráfica da palavra :

         •   Número de letras;
         •   Letras já conhecidas = A - P - O;
         •   Letras iniciais S
         •   Trabalho fonético do ponto de articulação e junção com outras vogais:
             SAS - SO - SE - SU - SI;..
         •   Relação com pré-nomes e rótulos da sala;
•   Formação de outras palavras: saia - sala - sapo - sai;
    •   Exercícios com estas palavras;
    •   Ditado oral e em sinais:
    •   Produção de texto com identificação de palavras com S;
    •   Confecção de cartazes;
    •   Vocabulário de palavras concretas com S;
    •   Cruzadão, bingo, dominós;
    •   Música e poesias para destacar palavras com S;
    •   Outros conteúdos e datas comemorativas para trabalhar palavras com
        S;
    •   Dicionário: palavras sistematizadas e incidentais: Ex.:
           o Sistematizadas: SAIA - SALA - SAPO
           o Incidentais: SABONETE - SAPATEIRO, etc.


Introdução da terceira frase:

 - Introduzir a frase a partir do conteúdo ;

 - Apresentar filmes alusivos ao tema (interpretação, dramatização,
 ilustração);

 - Apresentar estórias sobre higiene (interpretação, dramatização, ilustração);

 - Trabalhar, na “vendinha”, os objetos utilizados para higiene corporal e
 ambiental;

 - Fazer cartazes com rótulos:

 - Trabalhar músicas ou poesias;

 - Fazer relação de palavras, de objetos, que usamos para higiene do corpo e do
 ambiente




           -   CORPO
                                           - AMBIENTE
               sabonete
                                           sabão
               escova
                                           detergente
               pente
                                           desinfetante
               cotonete
                                           cera
               creme
                                           álcool
               dental
                                           vassoura
               toalha
                                           etc.
               etc.
           -   Explorar as palavras, mostrando-as no concreto.
-   - Conversar, novamente, sobre o que devemos fazer com a nossa casa,
                  roupas e brinquedos: LAVAR.




•   Explorar a palavra “lava”, utilizando a Língua Brasileira de Sinais e proporcionando
    sua significação.

    - O que podemos lavar?
    - O que você lava em casa?


•   Registrar as respostas dos alunos:

    - Moisés lava os sapatos.
    - Ana Cláudia lava a saia.
    - Rebeca lava as panelas.
    - Jean lava o tênis.
    - Fabiana lava os cabelos.

•   Ler e interpretar através das perguntas:

    - QUEM?        - O QUE FAZ?      - O QUÊ?
    - Formatar a estrutura: SUJEITO - VERBO - COMPLEMENTO

•   Apresentar alguns briquedos “sujos” para as alunos.
•   Perguntar se está certo, deixar os brinquedos sujos. Explorar cada um.
       o O que temos a fazer? LAVAR;
       o Solicitar que os alunos lavem os brinquedos;
       o Perguntar o que é necessário para se lavar alguma coisa: água, sabão.


    - Apresentar, no momento em que uma aluna estiver lavando a boneca, a seguinte
    frase:

          - Ler a frase e propôr sua ilustração, individual e coletiva;
          - Dividir a frase em partes, com a utilização das perguntas direcionadoras:
          - QUEM? O QUE FAZ? O QUÊ?
          - Trocar o sujeito ou o objeto da frase:

•   Montar a frase novamente;
•   Destacar a palavra LAVA:
•   Trabalhar a letra inicial e a final:
•   Trabalhar número de letras e verificar quais as letras são necessárias: L A V A;
•   Relembrar palavras que iniciem com L;
•   Dividir em sílabas: LA - VA;
•   Destacar a segunda sílaba: VA;
   •   Apresentar a letra V (sinal, ponto de articulação), relação com nomes e rótulos;
   •   Realizar a junção do V com outras vogais;
   •   Organizar a formatação de palavras sistematizadas:
   •   VELA - VIOLÃO - VOVÓ -OVO - UVA - LUVA - LEVA - VAI - VIOU - VÊ, ETC.

       - Organizar:


   •   atividades diversas para fixação: cruzadão, bingo...
   •   ditado, dessas palavras, de forma oral e em sinais;
   •   estruturação de frases com essas palavras;
   •   montagem de texto com essas palavras;
   •   cartazes com palavras iniciadas com V;
   •   construção de palavras com letras tiradas de jornais ou revistas;
   •   músicas;
   •   relação com outros conteúdos e datas comemorativas.
           o Apresentar as palavras com a acentuação correta.
           o Destacar os sinais gráficos da acentuação.


    Obs.: Pelo que o professor pôde observar a apresentação de cada frase provoca vários
exercícios enriquecedores. Cabe agora a cada professor criar, com seus alunos, a “estória”
que proporcionará a apresentação das próprias frases, e das próximas etapas e assim
sucessivamente.

  "O GESTO É SIGNO VISUAL INICIAL QUE CONTÉM A FUTURA ESCRITA DA
CRIANÇA. ASSIM COMO UMA SEMENTE CONTÉM UM FUTURO CARVALHO, OS
GESTOS SÃO A ESCRITA NO AR.”

(VYGOTSKY)

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Plano de aula 1º ano
Plano de aula 1º anoPlano de aula 1º ano
Plano de aula 1º anoMarione Haack
 
Sugestões de atividades (3)
Sugestões de atividades (3)Sugestões de atividades (3)
Sugestões de atividades (3)weleslima
 
Da letra de imprensa à letra cursiva
Da letra de imprensa à letra cursivaDa letra de imprensa à letra cursiva
Da letra de imprensa à letra cursivaRosemary Batista
 
Joaninhas finalização.
Joaninhas finalização.Joaninhas finalização.
Joaninhas finalização.Rosane Zanella
 
Registro completo O que tem nesta venda?
Registro completo O que tem nesta venda?Registro completo O que tem nesta venda?
Registro completo O que tem nesta venda?Ana Antunes
 
Rotinas semanais nível ii 2º bim. 2012
Rotinas semanais  nível ii    2º bim. 2012Rotinas semanais  nível ii    2º bim. 2012
Rotinas semanais nível ii 2º bim. 2012josivaldopassos
 
apostila-consciencia-fonologica-jogos-brincadeiras-e-atividades
apostila-consciencia-fonologica-jogos-brincadeiras-e-atividadesapostila-consciencia-fonologica-jogos-brincadeiras-e-atividades
apostila-consciencia-fonologica-jogos-brincadeiras-e-atividadesMariGiopato
 
Hipóteses de Escrita: como fazer a sondagem inicial
Hipóteses de Escrita: como fazer a sondagem inicial Hipóteses de Escrita: como fazer a sondagem inicial
Hipóteses de Escrita: como fazer a sondagem inicial Alexsandro Menezes da Silva
 
Discutindo diagnósticos de escrita (SLIDES 3ª Formação NUALFA)
Discutindo diagnósticos de escrita (SLIDES 3ª Formação NUALFA)Discutindo diagnósticos de escrita (SLIDES 3ª Formação NUALFA)
Discutindo diagnósticos de escrita (SLIDES 3ª Formação NUALFA)Edeil Reis do Espírito Santo
 
Atividades Pedagógicas 1_2_ano_Alfabetização
Atividades Pedagógicas 1_2_ano_AlfabetizaçãoAtividades Pedagógicas 1_2_ano_Alfabetização
Atividades Pedagógicas 1_2_ano_Alfabetizaçãosrentesupor
 
Prova percepção auditiva
Prova  percepção auditivaProva  percepção auditiva
Prova percepção auditivaFmbmrd
 
Hipóteses da Língua Escrita
Hipóteses da Língua EscritaHipóteses da Língua Escrita
Hipóteses da Língua EscritaRayane Paula
 
Atividades sequenciadas - 1º encontro 2013
Atividades sequenciadas - 1º encontro 2013Atividades sequenciadas - 1º encontro 2013
Atividades sequenciadas - 1º encontro 2013Graça Sousa
 
Planificação completa sobre consciência fonológica
Planificação completa sobre consciência fonológicaPlanificação completa sobre consciência fonológica
Planificação completa sobre consciência fonológicaascotas
 

Mais procurados (16)

Plano de aula 1º ano
Plano de aula 1º anoPlano de aula 1º ano
Plano de aula 1º ano
 
Sugestões de atividades (3)
Sugestões de atividades (3)Sugestões de atividades (3)
Sugestões de atividades (3)
 
Ditado interativo
Ditado interativoDitado interativo
Ditado interativo
 
Da letra de imprensa à letra cursiva
Da letra de imprensa à letra cursivaDa letra de imprensa à letra cursiva
Da letra de imprensa à letra cursiva
 
Joaninhas finalização.
Joaninhas finalização.Joaninhas finalização.
Joaninhas finalização.
 
Registro completo O que tem nesta venda?
Registro completo O que tem nesta venda?Registro completo O que tem nesta venda?
Registro completo O que tem nesta venda?
 
Rotinas semanais nível ii 2º bim. 2012
Rotinas semanais  nível ii    2º bim. 2012Rotinas semanais  nível ii    2º bim. 2012
Rotinas semanais nível ii 2º bim. 2012
 
apostila-consciencia-fonologica-jogos-brincadeiras-e-atividades
apostila-consciencia-fonologica-jogos-brincadeiras-e-atividadesapostila-consciencia-fonologica-jogos-brincadeiras-e-atividades
apostila-consciencia-fonologica-jogos-brincadeiras-e-atividades
 
Hipóteses de Escrita: como fazer a sondagem inicial
Hipóteses de Escrita: como fazer a sondagem inicial Hipóteses de Escrita: como fazer a sondagem inicial
Hipóteses de Escrita: como fazer a sondagem inicial
 
Discutindo diagnósticos de escrita (SLIDES 3ª Formação NUALFA)
Discutindo diagnósticos de escrita (SLIDES 3ª Formação NUALFA)Discutindo diagnósticos de escrita (SLIDES 3ª Formação NUALFA)
Discutindo diagnósticos de escrita (SLIDES 3ª Formação NUALFA)
 
Apresentação marice
Apresentação marice Apresentação marice
Apresentação marice
 
Atividades Pedagógicas 1_2_ano_Alfabetização
Atividades Pedagógicas 1_2_ano_AlfabetizaçãoAtividades Pedagógicas 1_2_ano_Alfabetização
Atividades Pedagógicas 1_2_ano_Alfabetização
 
Prova percepção auditiva
Prova  percepção auditivaProva  percepção auditiva
Prova percepção auditiva
 
Hipóteses da Língua Escrita
Hipóteses da Língua EscritaHipóteses da Língua Escrita
Hipóteses da Língua Escrita
 
Atividades sequenciadas - 1º encontro 2013
Atividades sequenciadas - 1º encontro 2013Atividades sequenciadas - 1º encontro 2013
Atividades sequenciadas - 1º encontro 2013
 
Planificação completa sobre consciência fonológica
Planificação completa sobre consciência fonológicaPlanificação completa sobre consciência fonológica
Planificação completa sobre consciência fonológica
 

Destaque

TABELA DE MATERIAL DOURADO, POESIA PARAISO E A PORTA
TABELA DE MATERIAL DOURADO, POESIA PARAISO E A PORTATABELA DE MATERIAL DOURADO, POESIA PARAISO E A PORTA
TABELA DE MATERIAL DOURADO, POESIA PARAISO E A PORTARoseli Aparecida Tavares
 
Acentuação gráfica
Acentuação gráficaAcentuação gráfica
Acentuação gráficavinivs
 
Acentuacao grafica exercicios
Acentuacao grafica exerciciosAcentuacao grafica exercicios
Acentuacao grafica exerciciosEmerson Assis
 
PACTO 2012 - PROPOSTA DIDATICA
PACTO 2012 - PROPOSTA DIDATICAPACTO 2012 - PROPOSTA DIDATICA
PACTO 2012 - PROPOSTA DIDATICABruna Braga
 
AcentuaçãO GráFica
AcentuaçãO GráFicaAcentuaçãO GráFica
AcentuaçãO GráFicakleber brito
 
Sequência didática cantigas de roda
Sequência didática cantigas de roda Sequência didática cantigas de roda
Sequência didática cantigas de roda Rosilane
 
94071757 caderno-de-atividades-alfabetizacao
94071757 caderno-de-atividades-alfabetizacao94071757 caderno-de-atividades-alfabetizacao
94071757 caderno-de-atividades-alfabetizacaoEduardo Lopes
 

Destaque (8)

TABELA DE MATERIAL DOURADO, POESIA PARAISO E A PORTA
TABELA DE MATERIAL DOURADO, POESIA PARAISO E A PORTATABELA DE MATERIAL DOURADO, POESIA PARAISO E A PORTA
TABELA DE MATERIAL DOURADO, POESIA PARAISO E A PORTA
 
Acentuação gráfica
Acentuação gráficaAcentuação gráfica
Acentuação gráfica
 
Acentuacao grafica exercicios
Acentuacao grafica exerciciosAcentuacao grafica exercicios
Acentuacao grafica exercicios
 
PACTO 2012 - PROPOSTA DIDATICA
PACTO 2012 - PROPOSTA DIDATICAPACTO 2012 - PROPOSTA DIDATICA
PACTO 2012 - PROPOSTA DIDATICA
 
AcentuaçãO GráFica
AcentuaçãO GráFicaAcentuaçãO GráFica
AcentuaçãO GráFica
 
Acentuação gráfica
Acentuação gráficaAcentuação gráfica
Acentuação gráfica
 
Sequência didática cantigas de roda
Sequência didática cantigas de roda Sequência didática cantigas de roda
Sequência didática cantigas de roda
 
94071757 caderno-de-atividades-alfabetizacao
94071757 caderno-de-atividades-alfabetizacao94071757 caderno-de-atividades-alfabetizacao
94071757 caderno-de-atividades-alfabetizacao
 

Semelhante a Atividades de alfabetização com foco em nomes, alfabeto, frases e vogais

Socialização de prática cre orla blog
Socialização de prática   cre orla blogSocialização de prática   cre orla blog
Socialização de prática cre orla blogMarisa Seara
 
Para PNAIC - Atividades Sequenciadas-2
Para PNAIC - Atividades Sequenciadas-2Para PNAIC - Atividades Sequenciadas-2
Para PNAIC - Atividades Sequenciadas-2Graça Sousa
 
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02moborba
 
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02moborba
 
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02moborba
 
JOGOS PARA TRABALHAR OS NÍVEIS DE LEITURA E ESCRITA
JOGOS PARA TRABALHAR OS NÍVEIS DE LEITURA E ESCRITAJOGOS PARA TRABALHAR OS NÍVEIS DE LEITURA E ESCRITA
JOGOS PARA TRABALHAR OS NÍVEIS DE LEITURA E ESCRITAFabiana Lopes
 
Fasc. 1 sugestões de atividades dos 5 eixos
Fasc. 1 sugestões de atividades dos 5 eixosFasc. 1 sugestões de atividades dos 5 eixos
Fasc. 1 sugestões de atividades dos 5 eixosCelismara Seleguin
 
Hipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emília
Hipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emíliaHipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emília
Hipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emíliaprofeannecunha
 
Actividades de consciência fonológica
Actividades de consciência fonológicaActividades de consciência fonológica
Actividades de consciência fonológicaAna Paula Santos
 
Atividades de consciência fonológica
Atividades de consciência fonológica Atividades de consciência fonológica
Atividades de consciência fonológica Ana Paula Santos
 
Atividades Alfabeto Pré 2
Atividades Alfabeto Pré 2Atividades Alfabeto Pré 2
Atividades Alfabeto Pré 2Alice Lima
 
50 Dicas de Jogos para Alfabetizar
50 Dicas de Jogos para Alfabetizar50 Dicas de Jogos para Alfabetizar
50 Dicas de Jogos para AlfabetizarGraça Sousa
 
Trabalhando alfabetização
Trabalhando alfabetizaçãoTrabalhando alfabetização
Trabalhando alfabetizaçãoMarly Freitas
 
Identificação dos níveis silábicos Emília Ferreiro
Identificação dos níveis silábicos Emília Ferreiro Identificação dos níveis silábicos Emília Ferreiro
Identificação dos níveis silábicos Emília Ferreiro augustafranca7
 
Atividadesparanvelpr silbico-130601023708-phpapp01
Atividadesparanvelpr silbico-130601023708-phpapp01Atividadesparanvelpr silbico-130601023708-phpapp01
Atividadesparanvelpr silbico-130601023708-phpapp01Kreusa Martins
 

Semelhante a Atividades de alfabetização com foco em nomes, alfabeto, frases e vogais (20)

Socialização de prática cre orla blog
Socialização de prática   cre orla blogSocialização de prática   cre orla blog
Socialização de prática cre orla blog
 
1Ⱐe 2⺠anos
1Ⱐe 2⺠anos1Ⱐe 2⺠anos
1Ⱐe 2⺠anos
 
Atividades sequenciadas
Atividades sequenciadas Atividades sequenciadas
Atividades sequenciadas
 
Para PNAIC - Atividades Sequenciadas-2
Para PNAIC - Atividades Sequenciadas-2Para PNAIC - Atividades Sequenciadas-2
Para PNAIC - Atividades Sequenciadas-2
 
Atividades sequenciadas para alfabetizar letrando
Atividades sequenciadas para alfabetizar letrandoAtividades sequenciadas para alfabetizar letrando
Atividades sequenciadas para alfabetizar letrando
 
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
 
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
 
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
 
JOGOS PARA TRABALHAR OS NÍVEIS DE LEITURA E ESCRITA
JOGOS PARA TRABALHAR OS NÍVEIS DE LEITURA E ESCRITAJOGOS PARA TRABALHAR OS NÍVEIS DE LEITURA E ESCRITA
JOGOS PARA TRABALHAR OS NÍVEIS DE LEITURA E ESCRITA
 
Fasc. 1 sugestões de atividades dos 5 eixos
Fasc. 1 sugestões de atividades dos 5 eixosFasc. 1 sugestões de atividades dos 5 eixos
Fasc. 1 sugestões de atividades dos 5 eixos
 
Hipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emília
Hipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emíliaHipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emília
Hipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emília
 
Actividades de consciência fonológica
Actividades de consciência fonológicaActividades de consciência fonológica
Actividades de consciência fonológica
 
Atividades de consciência fonológica
Atividades de consciência fonológica Atividades de consciência fonológica
Atividades de consciência fonológica
 
Atividades Alfabeto Pré 2
Atividades Alfabeto Pré 2Atividades Alfabeto Pré 2
Atividades Alfabeto Pré 2
 
50 Dicas de Jogos para Alfabetizar
50 Dicas de Jogos para Alfabetizar50 Dicas de Jogos para Alfabetizar
50 Dicas de Jogos para Alfabetizar
 
plano de estudo
 plano de estudo  plano de estudo
plano de estudo
 
Trabalhando alfabetização
Trabalhando alfabetizaçãoTrabalhando alfabetização
Trabalhando alfabetização
 
Identificação dos níveis silábicos Emília Ferreiro
Identificação dos níveis silábicos Emília Ferreiro Identificação dos níveis silábicos Emília Ferreiro
Identificação dos níveis silábicos Emília Ferreiro
 
Atividadesparanvelpr silbico-130601023708-phpapp01
Atividadesparanvelpr silbico-130601023708-phpapp01Atividadesparanvelpr silbico-130601023708-phpapp01
Atividadesparanvelpr silbico-130601023708-phpapp01
 
Sequencia didatica baixo_desempenho
Sequencia didatica baixo_desempenhoSequencia didatica baixo_desempenho
Sequencia didatica baixo_desempenho
 

Mais de Liz de Oliveira Mendes Francisco

Mais de Liz de Oliveira Mendes Francisco (20)

Mensagem sandra
Mensagem sandraMensagem sandra
Mensagem sandra
 
Conhecer agir
Conhecer agirConhecer agir
Conhecer agir
 
Apresentação sobre os pilares da educação.
Apresentação sobre os pilares da educação.Apresentação sobre os pilares da educação.
Apresentação sobre os pilares da educação.
 
A piscina
A piscinaA piscina
A piscina
 
Se fores verdadeiro_e_infalivel
Se fores verdadeiro_e_infalivelSe fores verdadeiro_e_infalivel
Se fores verdadeiro_e_infalivel
 
Estrutura geológica da terra
Estrutura geológica da terraEstrutura geológica da terra
Estrutura geológica da terra
 
Atividades de gramática 5ª série arte & manhas
Atividades de gramática   5ª série  arte & manhasAtividades de gramática   5ª série  arte & manhas
Atividades de gramática 5ª série arte & manhas
 
Piquinique das tartarugas
Piquinique das tartarugasPiquinique das tartarugas
Piquinique das tartarugas
 
Numeros das mãos
Numeros das mãosNumeros das mãos
Numeros das mãos
 
Nova ortografia turma monica
Nova ortografia turma monicaNova ortografia turma monica
Nova ortografia turma monica
 
Doc2
Doc2Doc2
Doc2
 
Atv. e unice
Atv. e uniceAtv. e unice
Atv. e unice
 
Atv para o 1º ano
Atv para o 1º anoAtv para o 1º ano
Atv para o 1º ano
 
Alimentos -figuras
Alimentos  -figurasAlimentos  -figuras
Alimentos -figuras
 
Alfabeto para colorir
Alfabeto para colorirAlfabeto para colorir
Alfabeto para colorir
 
Turma da monica
Turma da monicaTurma da monica
Turma da monica
 
Atividades lúdicas para alfabetização pasta[1]
Atividades lúdicas para alfabetização pasta[1]Atividades lúdicas para alfabetização pasta[1]
Atividades lúdicas para alfabetização pasta[1]
 
Atividades de matematica[1]
Atividades de matematica[1]Atividades de matematica[1]
Atividades de matematica[1]
 
Atividades de fixacao de matematica[1]
Atividades de fixacao de matematica[1]Atividades de fixacao de matematica[1]
Atividades de fixacao de matematica[1]
 
As formas de planejar do professor
As formas de planejar do professorAs formas de planejar do professor
As formas de planejar do professor
 

Atividades de alfabetização com foco em nomes, alfabeto, frases e vogais

  • 1. Alfabetização: Conteúdos/Atividades Nome das crianças: O nome constitui uma palavra-texto, com grau de significação ímpar: nele está contida toda a história da criança. É pouco provável que alguma criança, ao contatar com a escrita, não expresse forte desejo de colocar a marca de seu nome em todo espaço possível. Ora, o não atendimento desse desejo implica em lançar fora um recurso valioso no envolvimento da criança com o código da língua escrita. - Sugestões de atividades: • Exploração dos nomes: leitura, comparação, identificação de semelhanças e diferenças; • Crachás; • Bingo do próprio nome; • Folha com todos os nomes para a criança colorir, circular, recortar, colar, etc...; • Tesouros dos nomes; • Dominó de nomes; • Roleta; • Etiquetas para materiais das crianças; • Chamada no cartaz, etc... OBS.: Consultar outras fontes que tratam especificamente do trabalho com nomes. . Apresentação do Alfabeto A apresentação do alfabeto tem por objetivo visualizar inicialmente as letras para as crianças, a fim de que tenham a possibilidade de brincar, manipular, enfim, adquirir um contato com as tarefas anteriormente à sistematização da fala e da escrita no momento da introdução da primeira fase. Quando se apresenta a primeira frase, os alunos têm maior facilidade em assimilar, pois as letras não lhe serão desconhecidas. Pode-se, paralelamente, introduzir os algarismos, quando se desenvolver atividades que incluam noções de matemática. - Sugestões de atividades: Existem variadas forma de apresentação do alfabeto. Uma delas é através do ABC da XUXA, sinalizando, com exploração do vocabulário; • Apresentar as letras do alfabeto acompanhada com o sinal.
  • 2. Montagem do alfabeto da turma, utilizando os nomes dos alunos e completando com palavras significativas de objetos ou animais conhecidos. • Bingo de alfabeto: o Relação sinal e letra. A professora apresenta a letra e os alunos farão o sinal correspondente ou vice-versa; o Identificação da primeira letra das palavras; o Atividades variadas com letras iniciais; o Trabalhar bingos em nível de visualização de palavras, fazendo relação com outros conteúdos. • Ex: ANIMAIS Trabalhar com rótulos e embalagens, relacionando-os com letras iniciais e finais. Datas Comemorativas: - Aproveitar todas as datas comemorativas (cívicas, religiosas, sociais) para trabalhar palavras, se possível, por meio de dramatização. Ex.: Festa Junina: - O que tem? PIPOCA - BOLO - MÚSICA... - Escrever estas palavras e fazer a contagem de letras; - Relacionar letras iniciais e finais; - Explorá-las em nível de outras atividades; - Identificar palavras dentro de um contexto; - Fazer cartazes (gravuras); - Trabalhar músicas, poesias e textos sobre o tema, identificando estas palavras; - Organizar cruzadão e cruzadinhas; - Criar outras atividades. Destaque das Vogais - Montagem de um quadro que contenha palavras concretas que começam com vogais. Ex.: O Óculos A Anel E Escova - atividades diversas com as vogais; - cartazes com gravuras; - recorte de palavras que iniciam com as vogais; - construção de palavras com fichas ou tirando letras das revistas. Ex.: - Não esquecer de trabalhar recepção das vogais em nível de leitura orofacial e dois sinais;
  • 3. - Emissão das vogais e sua sinalização; - Confecção de dicionário, iniciando com as vogais. Introdução de Frases . Introdução da Primeira Frase: A - PREPARAÇÃO - Trabalho corporal em psicomotricidade: corpo como um todo - onde começa e termina; - Relação com boneco imóvel (tudo o que a professora fizer com o boneco as crianças deverão fazer com o corpo); - Movimentos com o corpo (exercícios, dança. etc...); - Confecção de cartazes com títulos: - Pedir que cada aluno faça (dramatização) alguma coisa com seu corpo, registrar, em frase, e ilustrar com as crianças. Ex.: MANOEL CORRE. ROMERO ANDA. ALINE DANÇA. MARIA ESCOVA OS DENTES. TIAGO PULA. - Introduzir os verbos no imperativo afirmativo e depois no imperativo negativo. PULE X NÃO PULE; CORRA X NÃO CORRA; ANDE X NÃO ANDE; etc. - Ler com as crianças todas as frases, fazendo sempre as perguntas direcionadoras: quem? o que faz? oralmente, em fichas e com sinais específicos de “quem” e “o que faz”. Obs: É importante trabalhar inicialmente as estruturas frasais: 1º - Quem? O que faz? 2º - Quem? O que faz? O quê?
  • 4. - O professor deverá promover jogos e ou/brincadeiras para que os alunos interiorizem o Sintagma Nominal que responde à pergunta: quem? - Atividades: • Cobrir uma criança como saco de papel onde por fora deverá estar escrito: Quem? • As crianças deverão então adivinhar QUEM está dentro do saco. • Vendar os olhos de uma criança. Em seguida, chamar uma outra criança para que aquela que está com os olhos vendados, através do toque, descubra QUEM a tocou. B - INTRODUÇÃO DA FRASE: - Rever todos os movimentos que se pode fazer com o corpo; - Pedir ao aluno que “pulou” nas atividades anteriores que faça novamente essa ação, para que se possa registrar o que ela faz. Exemplo: - Propôr a ilustração da frase pelas crianças; - Apresentar a frase escrita em uma ficha. Ler com os alunos: Perguntar: Dividir a frase: - Destacar a palavra PULA, explorando-a em diversas situações: dramatizando: pular corda; pular amarelinha; pular com um pé só... mudando o sujeito da oração. - Trabalhar com a palavra PULA: - número de letras; - letra inicial e final (relação com os pré-nomes, rótulos e objetos); - confecção no alfabeto de palavras com “P”; - recorte de gravuras; - montagem de palavras, tirando letras de revistas: Ex.:
  • 5. - Dividir a palavra PULA em sílabas: - Trabalhar foneticamente o “P” e L”, alternando as vogais; - Formar outras palavras iniciadas com “P”: Ex.: PÉ - PAU - PAPAI - PIPA - PÃO - PODE - PÁRA... - Trabalhar graficamente estas palavras: • número de letras; • comparação entre as palavras (o que tem semelhanças e de diferenças); • cruzadão; • cartaz; • exposição de material concreto; • exercícios de fixação (diversos); • ditados orais e em língua de sinais. - Produzir um texto, com os alunos, descrevendo um colega, a fim de localizar a palavra “pula” no contexto. Ex: - ler, interpretar e ilustrar o texto com os alunos, de forma coletiva e individualmente; - Apresentar outros textos, poesias, músicas que contenham palavras com “P”, para leituras incidentais e ampliação de vocabulário. Ex.: Música: - Ler com as crianças e utilizar a Língua Brasileira de Sinais; - Interpretar o vocabulário e a idéia do texto; - Pedir que circulem as palavras que comecem com “P”; - Relacioná-las fazendo contagens de letras e comparações: - Realizar atividades diversas: cruzadão, construção de palavras com fichas e letras de revistas, etc... - Confeccionar o primeiro dicionário de palavras com a letra “P”: • Com palavras já apresentadas: PÉ - PAU - PIA, etc... que deverão ser cobradas em nível de leitura orofacial e de emissão; • Com as palavras incidentais que irão enriquecer o vocabulário de palavras com “P” e que deverão ser cobradas em nível de sinalização. Obs.: Aproveitar as datas comemorativas e os conteúdos de outras áreas e atividades para também trabalhar palavras com “P”. Ex.: - Dia do trabalhador e profissões: P: PADEIRO, PEDREIRO, PROFESSOR; - Higiene: PENTE, PERFUME, ETC.
  • 6. O professor deverá estar atento para aproveitar todas as oportunidades a fim de explorar a letra P e criar outras atividades. - Repetir as orientações anteriores, quando iniciar o estudo com a letra L. O professor retoma a palavra PULA e desenvolve as atividades já formando outras palavras com P e L. Ex.: LUA - PELÉ - LUPA - etc... Introdução da Segunda Frase: - Iniciar o estudo a partir de conteúdo de “ciências”. ANIMAIS - Utilizar exercícios de psicomotricidade no momento em que o professor estiver trabalhando o conteúdo: locomoção dos animais • trabalhar a representação corporal. Ex.: “A cobra arrasta. O passarinho voa. O sapo pula. O peixe nada”. - Confeccionar cartazes: - Ler e explorar o texto, fazendo sempre as perguntas: • Quem? • O que faz Ex.: Quem arrasta? A cobra faz o que? (ou que a cobra faz?) - Destacar a frase e dramatizá-la. O QUE FAZ? - Ilustrar a frase coletiva e individualmente. - Destacar a palavra SAPO, explorando, utilizando, por exemplo, ma miniatura de sapo. Ex.: Quem já viu um sapo? - Como ele é? etc... - Realizar a exploração gráfica da palavra : • Número de letras; • Letras já conhecidas = A - P - O; • Letras iniciais S • Trabalho fonético do ponto de articulação e junção com outras vogais: SAS - SO - SE - SU - SI;.. • Relação com pré-nomes e rótulos da sala;
  • 7. Formação de outras palavras: saia - sala - sapo - sai; • Exercícios com estas palavras; • Ditado oral e em sinais: • Produção de texto com identificação de palavras com S; • Confecção de cartazes; • Vocabulário de palavras concretas com S; • Cruzadão, bingo, dominós; • Música e poesias para destacar palavras com S; • Outros conteúdos e datas comemorativas para trabalhar palavras com S; • Dicionário: palavras sistematizadas e incidentais: Ex.: o Sistematizadas: SAIA - SALA - SAPO o Incidentais: SABONETE - SAPATEIRO, etc. Introdução da terceira frase: - Introduzir a frase a partir do conteúdo ; - Apresentar filmes alusivos ao tema (interpretação, dramatização, ilustração); - Apresentar estórias sobre higiene (interpretação, dramatização, ilustração); - Trabalhar, na “vendinha”, os objetos utilizados para higiene corporal e ambiental; - Fazer cartazes com rótulos: - Trabalhar músicas ou poesias; - Fazer relação de palavras, de objetos, que usamos para higiene do corpo e do ambiente - CORPO - AMBIENTE sabonete sabão escova detergente pente desinfetante cotonete cera creme álcool dental vassoura toalha etc. etc. - Explorar as palavras, mostrando-as no concreto.
  • 8. - - Conversar, novamente, sobre o que devemos fazer com a nossa casa, roupas e brinquedos: LAVAR. • Explorar a palavra “lava”, utilizando a Língua Brasileira de Sinais e proporcionando sua significação. - O que podemos lavar? - O que você lava em casa? • Registrar as respostas dos alunos: - Moisés lava os sapatos. - Ana Cláudia lava a saia. - Rebeca lava as panelas. - Jean lava o tênis. - Fabiana lava os cabelos. • Ler e interpretar através das perguntas: - QUEM? - O QUE FAZ? - O QUÊ? - Formatar a estrutura: SUJEITO - VERBO - COMPLEMENTO • Apresentar alguns briquedos “sujos” para as alunos. • Perguntar se está certo, deixar os brinquedos sujos. Explorar cada um. o O que temos a fazer? LAVAR; o Solicitar que os alunos lavem os brinquedos; o Perguntar o que é necessário para se lavar alguma coisa: água, sabão. - Apresentar, no momento em que uma aluna estiver lavando a boneca, a seguinte frase: - Ler a frase e propôr sua ilustração, individual e coletiva; - Dividir a frase em partes, com a utilização das perguntas direcionadoras: - QUEM? O QUE FAZ? O QUÊ? - Trocar o sujeito ou o objeto da frase: • Montar a frase novamente; • Destacar a palavra LAVA: • Trabalhar a letra inicial e a final: • Trabalhar número de letras e verificar quais as letras são necessárias: L A V A; • Relembrar palavras que iniciem com L; • Dividir em sílabas: LA - VA;
  • 9. Destacar a segunda sílaba: VA; • Apresentar a letra V (sinal, ponto de articulação), relação com nomes e rótulos; • Realizar a junção do V com outras vogais; • Organizar a formatação de palavras sistematizadas: • VELA - VIOLÃO - VOVÓ -OVO - UVA - LUVA - LEVA - VAI - VIOU - VÊ, ETC. - Organizar: • atividades diversas para fixação: cruzadão, bingo... • ditado, dessas palavras, de forma oral e em sinais; • estruturação de frases com essas palavras; • montagem de texto com essas palavras; • cartazes com palavras iniciadas com V; • construção de palavras com letras tiradas de jornais ou revistas; • músicas; • relação com outros conteúdos e datas comemorativas. o Apresentar as palavras com a acentuação correta. o Destacar os sinais gráficos da acentuação. Obs.: Pelo que o professor pôde observar a apresentação de cada frase provoca vários exercícios enriquecedores. Cabe agora a cada professor criar, com seus alunos, a “estória” que proporcionará a apresentação das próprias frases, e das próximas etapas e assim sucessivamente. "O GESTO É SIGNO VISUAL INICIAL QUE CONTÉM A FUTURA ESCRITA DA CRIANÇA. ASSIM COMO UMA SEMENTE CONTÉM UM FUTURO CARVALHO, OS GESTOS SÃO A ESCRITA NO AR.” (VYGOTSKY)