SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 27
Finanças Pessoais
Índice
1. Para começar
2. Defina seu perfil
3. Tipos de investimento
4. Conclusões
Índice
1. Para começar
a. Defina metas
b. Otimize seus gastos e suas despesas
2. Defina seu perfil
3. Tipos de investimentos
4. Conclusões
• Escolher onde você quer chegar é o que vai determinar todos os
próximos passos.
• Você já se perguntou onde você quer chegar? O que você quer?
– Comprar uma casa própria? Casa de praia, campo?
– Comprar um carro novo?
– Ter uma reserva para um momento de necessidade?
– Garantir uma aposentadoria melhor?
• Um bom patamar é quando você consegue um lastro suficiente para
se manter por um bom tempo, caso aconteça algum imprevisto.
Para Começar
Defina metas
Índice
1. Para começar
a. Defina metas
b. Otimize seus gastos e suas despesas
2. Defina seu perfil
3. Tipos de investimentos
4. Conclusões
Enxugar despesas
– O que pagamos e não percebemos?
• 1º - Cheque Especial
• 2º - Crediário
• 3º - Cartão de Crédito
• 4º - Juros
– Pergunta:
• Vale a pena pagar os juros de 150% ao ano do cheque especial, só para
comprar aquilo que você deseja?
Para Começar
Otimize seus gastos e suas receitas
Enxugar despesas
– Consumismo
• Devemos controlar a nossa ansiedade de compra.
• Pergunte-se antes de comprar: eu PRECISO ou eu DESEJO?
– Faça uma nova análise das suas metas, principalmente as que são
sonhos de consumo.
– Idéia: Ter mesma utilidade com menor custo.
– Por exemplo: Devo comprar um carro ou posso usar táxi?
Para Começar
Otimize seus gastos e suas receitas
Táxi: economia de
R$ 438,26 mensais!!!
São R$ 5.259,12 no ano!!
Para Começar
Otimize seus gastos e receitas
CUSTOS MENSAIS
Carro Popular
Táxi
R$ 22.000,00
Depreciação (25% aa) R$ 412,92 R$ -
IPVA R$ 73,33 R$ -
Seguro R$ 200,00 R$ -
Franquia R$ 33,00 R$ -
Estacionamento Mensal R$ 110,00 R$ -
Estacionamento Avulso R$ 72,00 R$ -
Combustível R$ 200,00 R$ -
Lavagem R$ 30,00 R$ -
Troca de óleo R$ 20,00 R$ -
Manutenção R$ 111,00 R$ -
Perda da aplicação (LTN 100 % Selic) R$ 176,00 R$ -
Andar de táxi R$ - R$ 1.000,00
TOTAL R$ 1.438,26 R$ 1.000,00
Enxugar despesas: vamos às
contas, por alto, só para ter uma
idéia.
Compra de Automóvel 0 km x Uso de Táxi:
– Casa na Praia
• Compra do imóvel
– Valor: R$ 600 mil
– Despesas: IPTU, água, luz, limpeza mensal e outros.
• Aplicação do valor da casa em renda fixa
– Rentabilidade bruta: 10,16% ao ano
– Aplicação: R$ 600 mil
– Rendimento líquido de IR no ano: R$ 48.768,00
• Alugar imóvel apenas na alta temporada: R$ 1.000 / dia
– 1 mês e meio: R$ 45 mil
– Sobra R$ 3.768,00 de liquidez.
Para Começar
Otimize gastos e receitas
Enxugar despesas: vamos às
contas, por alto, só para ter uma
idéia.
Índice
1. Para começar
2. Defina seu perfil
3. Tipos de investimentos
4. Conclusões

• Fatores que definem o perfil de um investidor:
– Quer resultados a curto, médio ou longo prazo?
– Metas: casa própria / automóvel / patrimônio / renda mensal
– Aversão ao risco ou facilidade para lidar com ele?
– Você consegue ver quando você terá novos rendimentos?
Defina seu perfil
Como definir?
RECEITAS DESPESAS
Salário
+
Rendimentos de aplicações
+
Pensão recebida
+
Outros rendimentos
+
....
Manutenção do carro
+
Despesas com a residência
+
Cartão de crédito
+
Filhos
+
Supermercado
+
Celular
+
Gastos extras
Total A: R$ Total B: R$
Dia Gasto R$ Motivo
15 30,00 Almoço
15 2,00 Cafezinho
16 8,00 Revista
17 30,00 Happy Hour
Defina seu perfil
Como definir?
Relacione suas despesas e receitas,
identificando para onde vai seu dinheiro.
Sonhos Qto custa Qto tenho Qto falta
Casa própria
MBA
Viajem
Carro
Defina seu perfil
Como definir?
Faça um orçamento para dimensionar
quanto precisa para atingir suas metas.
1. Para começar
2. Defina seu perfil
3. Tipos de investimentos
a. Perfil conservador
b. Perfil moderado
c. Perfil arrojado
4. Conclusões


Índice
Tipos de Investimentos
Investimento x Perfil
 Títulos Públicos
 Poupança
 Ações blue chips
 Renda Fixa (CDB e CDI)
 Fundos Multimercados
 Fundo Multimercados
 Ações de Alta Volatilidade
Tipos de Investimentos
Investimento x Perfil
 Títulos Públicos
 Poupança
 Ações blue chips
 Renda Fixa (CDB e CDI)
 Fundos Multimercados
 Fundo Multimercados
 Ações de Alta Volatilidade
– Títulos da dívida pública que são vendidos para captar recursos e
financiar atividades do Governo Federal.
– Vantagens:
• Fatores definidos: Valor a investir, prazo, taxa de juros e riscos
• A liquidez é garantida pelo Tesouro Nacional
• Investimento mínimo: Cerca de R$ 100,00
– Rendimento mensal: 0,50% + TR
– Carência mínima: 30 dias
Tipos de Investimentos
Títulos Públicos (Tesouro Direto)
Poupança
 Títulos Públicos
 Poupança
 Ações blue chips
 Renda Fixa (CDB e CDI)
 Fundos de Investimento
 Fundos Multimercados
 Ações de Alta Volatilidade
Tipos de Investimentos
Investimento x Perfil
• Ação é um parte do capital da empresa. Emitir ações é uma forma de as
empresas captarem recursos financeiros. Quem compra se torna sócio.
• Aquelas que, teoricamente, têm maior segurança e estabilidade são
conhecidas como blue chips.
• Por exemplo: Petrobrás, Vale, etc.
Renda fixa
– Fundos de Ações
• Títulos privados de baixo risco de crédito
– Renda fixa (CDB e CDI)
• Títulos bancários
Tipos de Investimentos
Ações blue chips
– Cotas
• Quando aplicamos recursos em um fundo, compramos cotas, ou seja,
viramos um “cotista”
• São essas cotas que valorizam (ou desvalorizam) diariamente
• O cotista só aumentará o número de cotas que possui ao aplicar novos
recursos
EXEMPLO:
No dia 15/maio/2008 o valor da cota do LINK PRIVATE FIC era de: R$ 1,4381 por cota.
Ao aplicar R$ 100.000,00 neste dia, o novo cotista passará a ser dono de 69.536,19
(100.000/1,4381) cotas.
Se no dia 20/maio/2008 o valor da cota foi de 1,4446. Ou seja, o mesmo cotista passou a ter R$
100.451,98 (1,4446*69.536,19).
Tipos de Investimentos
Fundos de Investimento
– Custos
• Taxa de Administração
– É a remuneração do administrador, gestor e custo diante do fundo.
– As quotas divulgadas diariamente são líquidas da taxa de administração
• Taxa de Performance
– Alguns fundos podem aplicar a cobrança de uma taxa de performance,
situação em que se estabelece um parâmetro (benchmark) como
objetivo. Sempre que esse objetivo for ultrapassado, será aplicada a
cobrança de uma taxa sobre o excedente, de acordo com o que for
especificado no regulamento.
Tipos de Investimentos
Fundos de Investimento
 Títulos Públicos
 Poupança
 Ações blue chips
 Renda Fixa (CDB e CDI)
 Fundos Multimercados
 Fundo Multimercados
 Ações de Alta Volatilidade
Tipos de Investimentos
Investimento x Perfil
• Algumas ações têm maior flutuação do que outras. O risco do
investimento é maior, mas a chance de lucros é proporcional.
Investidores mais arrojados preferem estes papéis.
• Basicamente se tem 2 formas de se ganhar com ações:
– Através do recebimento de seus dividendos (lucros)
– E pelo ganho de capital, que consiste em ganhar na valorização da ação.
Tipos de Investimentos
Fundos Multimercado
• Operações nos diversos mercados (câmbio, juros, bolsa, etc.)
Ações de alta volatilidade
Evolução dos Indicadores
Comparação
Indicadores
• Se você tivesse investido R$10.000 em uma aplicação associada ao Ibovespa, em
jan/2009, apesar da crise, você teria mais de R$45.000.
• Se você tivesse investido essa mesma quantia em dólar em jan/2003 e retirasse o
dinheiro jan/2009, você teria perdido dinheiro.
1. Para começar
2. Defina seu perfil
3. Tipos de investimentos
4. Conclusões


Índice

• Idéias principais do Processo de Alocação Recursos*:
– O retorno total dos investimentos é o valor esperado deles;
– As estimativas de riscos do portfólio estão ligadas diretamente a quanto o
retorno de cada ativo pode variar;
– Aversão ao risco: para dois ativos com retorno equivalente, priorize aquele
com menor risco. Para dois ativos com o risco equivalente, escolha o ativo
que dê maior retorno.
– Tanto os retornos quanto os riscos dos ativos de um mesmo portfólio estão
correlacionados entre si.
CONCLUSÃO: Escolha ativos com pouca correlação para reduzir
significativamente o risco de mercado do portfólio. Ou seja, diversifique!
ESSE É O RISCO DIVERSIFICÁVEL OU RISCO NÃO-SISTÊMICO
Conclusões
Diversificação
*Processo de Alocação de Markowitz (Prêmio Nobel de Economia em 1991)
www.linktrade.com.br
www.meumilhao.com.br

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

EqSeed Conteúdo Didático do Investidor
EqSeed Conteúdo Didático do InvestidorEqSeed Conteúdo Didático do Investidor
EqSeed Conteúdo Didático do InvestidorEqSeed
 
Investimento E Financiamento ImobiliáRio Www Foundation
Investimento E Financiamento ImobiliáRio   Www FoundationInvestimento E Financiamento ImobiliáRio   Www Foundation
Investimento E Financiamento ImobiliáRio Www FoundationGonçalo Nascimento Rodrigues
 
Valor Presente Líquido (Parte II)
Valor Presente Líquido (Parte II)Valor Presente Líquido (Parte II)
Valor Presente Líquido (Parte II)Felipe Pontes
 
1ª Lista de exercício de administração financeira completa com respostas
1ª Lista de exercício de administração financeira completa com respostas1ª Lista de exercício de administração financeira completa com respostas
1ª Lista de exercício de administração financeira completa com respostasFelipe Pontes
 
Aula 1- Analise de Investimento
Aula 1- Analise de InvestimentoAula 1- Analise de Investimento
Aula 1- Analise de InvestimentoLuciano Rodrigues
 
Palestra "Planejamento Financeiro e o Mercado Acionário"
Palestra  "Planejamento Financeiro e o Mercado Acionário"Palestra  "Planejamento Financeiro e o Mercado Acionário"
Palestra "Planejamento Financeiro e o Mercado Acionário"Fabiano Pessanha CFP®
 
1ª lista de exercício de administração financeira monitores leony e michelly
1ª lista de exercício de administração financeira   monitores leony e michelly1ª lista de exercício de administração financeira   monitores leony e michelly
1ª lista de exercício de administração financeira monitores leony e michellyFelipe Pontes
 
Teoria das carteiras
Teoria das carteirasTeoria das carteiras
Teoria das carteirasFelipe Pontes
 
Aula Pós - Instrumentos de Renda Fixa, Variável e Derivativos
Aula Pós - Instrumentos de Renda Fixa, Variável e DerivativosAula Pós - Instrumentos de Renda Fixa, Variável e Derivativos
Aula Pós - Instrumentos de Renda Fixa, Variável e DerivativosMilton Henrique do Couto Neto
 
Derivativos de Crédito - Curso Finanças 3 FAAP
Derivativos de Crédito - Curso Finanças 3 FAAPDerivativos de Crédito - Curso Finanças 3 FAAP
Derivativos de Crédito - Curso Finanças 3 FAAPAugusto_Carvalho
 
Derivativos de credito (Guia aula 2015)
Derivativos de credito (Guia aula 2015)Derivativos de credito (Guia aula 2015)
Derivativos de credito (Guia aula 2015)Augusto_Carvalho
 

Mais procurados (20)

EqSeed Conteúdo Didático do Investidor
EqSeed Conteúdo Didático do InvestidorEqSeed Conteúdo Didático do Investidor
EqSeed Conteúdo Didático do Investidor
 
Investimento E Financiamento ImobiliáRio Www Foundation
Investimento E Financiamento ImobiliáRio   Www FoundationInvestimento E Financiamento ImobiliáRio   Www Foundation
Investimento E Financiamento ImobiliáRio Www Foundation
 
Valor Presente Líquido (Parte II)
Valor Presente Líquido (Parte II)Valor Presente Líquido (Parte II)
Valor Presente Líquido (Parte II)
 
Renda fixa
Renda fixaRenda fixa
Renda fixa
 
Análise de investimentos
Análise de investimentosAnálise de investimentos
Análise de investimentos
 
1ª Lista de exercício de administração financeira completa com respostas
1ª Lista de exercício de administração financeira completa com respostas1ª Lista de exercício de administração financeira completa com respostas
1ª Lista de exercício de administração financeira completa com respostas
 
Fundos imobiliários e dívida em Portugal
Fundos imobiliários e dívida em PortugalFundos imobiliários e dívida em Portugal
Fundos imobiliários e dívida em Portugal
 
Fundos de Investimento
Fundos de InvestimentoFundos de Investimento
Fundos de Investimento
 
Lição 2
Lição 2Lição 2
Lição 2
 
Investimento
InvestimentoInvestimento
Investimento
 
Aula 1- Analise de Investimento
Aula 1- Analise de InvestimentoAula 1- Analise de Investimento
Aula 1- Analise de Investimento
 
Palestra "Planejamento Financeiro e o Mercado Acionário"
Palestra  "Planejamento Financeiro e o Mercado Acionário"Palestra  "Planejamento Financeiro e o Mercado Acionário"
Palestra "Planejamento Financeiro e o Mercado Acionário"
 
1ª lista de exercício de administração financeira monitores leony e michelly
1ª lista de exercício de administração financeira   monitores leony e michelly1ª lista de exercício de administração financeira   monitores leony e michelly
1ª lista de exercício de administração financeira monitores leony e michelly
 
Teoria das carteiras
Teoria das carteirasTeoria das carteiras
Teoria das carteiras
 
Risco e retorno pfo
Risco e retorno   pfoRisco e retorno   pfo
Risco e retorno pfo
 
O que saber? Renda Fixa
O que saber? Renda FixaO que saber? Renda Fixa
O que saber? Renda Fixa
 
Aula Pós - Instrumentos de Renda Fixa, Variável e Derivativos
Aula Pós - Instrumentos de Renda Fixa, Variável e DerivativosAula Pós - Instrumentos de Renda Fixa, Variável e Derivativos
Aula Pós - Instrumentos de Renda Fixa, Variável e Derivativos
 
Estrutura de capital
Estrutura de capitalEstrutura de capital
Estrutura de capital
 
Derivativos de Crédito - Curso Finanças 3 FAAP
Derivativos de Crédito - Curso Finanças 3 FAAPDerivativos de Crédito - Curso Finanças 3 FAAP
Derivativos de Crédito - Curso Finanças 3 FAAP
 
Derivativos de credito (Guia aula 2015)
Derivativos de credito (Guia aula 2015)Derivativos de credito (Guia aula 2015)
Derivativos de credito (Guia aula 2015)
 

Destaque

Dívida pública – os principais tipos de gasto público 2ª parte
Dívida pública – os principais tipos de gasto público  2ª parte Dívida pública – os principais tipos de gasto público  2ª parte
Dívida pública – os principais tipos de gasto público 2ª parte GRAZIA TANTA
 
Palestra: Planejamento Financeiro Pessoal | IBDEC
Palestra: Planejamento Financeiro Pessoal | IBDECPalestra: Planejamento Financeiro Pessoal | IBDEC
Palestra: Planejamento Financeiro Pessoal | IBDECRenanSabio
 
Atendimento ao cliente como diferencial de competitividade
Atendimento ao cliente como diferencial de competitividadeAtendimento ao cliente como diferencial de competitividade
Atendimento ao cliente como diferencial de competitividadeEdmilton
 
Aulas de Custos (Contabilidade Financeira)
Aulas de Custos (Contabilidade Financeira)Aulas de Custos (Contabilidade Financeira)
Aulas de Custos (Contabilidade Financeira)Adriano Bruni
 
Política fiscal e monetária
Política fiscal e monetáriaPolítica fiscal e monetária
Política fiscal e monetáriaUsuarioManeiro
 
Função investimento
Função investimentoFunção investimento
Função investimentopetecoslides
 
Apresentacao De Slides Em Powerpoint Sobre Administracao Financeira
Apresentacao De Slides Em Powerpoint Sobre Administracao FinanceiraApresentacao De Slides Em Powerpoint Sobre Administracao Financeira
Apresentacao De Slides Em Powerpoint Sobre Administracao FinanceiraPPS Fã
 
Contabilidade custos gasto, investimento, custo, despesa, perda, desembolso
Contabilidade custos gasto, investimento, custo, despesa, perda, desembolsoContabilidade custos gasto, investimento, custo, despesa, perda, desembolso
Contabilidade custos gasto, investimento, custo, despesa, perda, desembolsocustos contabil
 
Palestra atendimento ao cliente - como satisfazer e encantar seu clientes
Palestra   atendimento ao cliente - como satisfazer e encantar seu clientesPalestra   atendimento ao cliente - como satisfazer e encantar seu clientes
Palestra atendimento ao cliente - como satisfazer e encantar seu clientesSebrae Santa Catarina
 
Qualidade No Atendimento Ao Cliente
Qualidade No Atendimento Ao ClienteQualidade No Atendimento Ao Cliente
Qualidade No Atendimento Ao ClienteMarco Antonio
 
Contabilidade fácil de entender
Contabilidade fácil de entenderContabilidade fácil de entender
Contabilidade fácil de entenderRodolfo Avona
 

Destaque (12)

Dívida pública – os principais tipos de gasto público 2ª parte
Dívida pública – os principais tipos de gasto público  2ª parte Dívida pública – os principais tipos de gasto público  2ª parte
Dívida pública – os principais tipos de gasto público 2ª parte
 
Contabilidade de Custos 1
Contabilidade de Custos 1Contabilidade de Custos 1
Contabilidade de Custos 1
 
Palestra: Planejamento Financeiro Pessoal | IBDEC
Palestra: Planejamento Financeiro Pessoal | IBDECPalestra: Planejamento Financeiro Pessoal | IBDEC
Palestra: Planejamento Financeiro Pessoal | IBDEC
 
Atendimento ao cliente como diferencial de competitividade
Atendimento ao cliente como diferencial de competitividadeAtendimento ao cliente como diferencial de competitividade
Atendimento ao cliente como diferencial de competitividade
 
Aulas de Custos (Contabilidade Financeira)
Aulas de Custos (Contabilidade Financeira)Aulas de Custos (Contabilidade Financeira)
Aulas de Custos (Contabilidade Financeira)
 
Política fiscal e monetária
Política fiscal e monetáriaPolítica fiscal e monetária
Política fiscal e monetária
 
Função investimento
Função investimentoFunção investimento
Função investimento
 
Apresentacao De Slides Em Powerpoint Sobre Administracao Financeira
Apresentacao De Slides Em Powerpoint Sobre Administracao FinanceiraApresentacao De Slides Em Powerpoint Sobre Administracao Financeira
Apresentacao De Slides Em Powerpoint Sobre Administracao Financeira
 
Contabilidade custos gasto, investimento, custo, despesa, perda, desembolso
Contabilidade custos gasto, investimento, custo, despesa, perda, desembolsoContabilidade custos gasto, investimento, custo, despesa, perda, desembolso
Contabilidade custos gasto, investimento, custo, despesa, perda, desembolso
 
Palestra atendimento ao cliente - como satisfazer e encantar seu clientes
Palestra   atendimento ao cliente - como satisfazer e encantar seu clientesPalestra   atendimento ao cliente - como satisfazer e encantar seu clientes
Palestra atendimento ao cliente - como satisfazer e encantar seu clientes
 
Qualidade No Atendimento Ao Cliente
Qualidade No Atendimento Ao ClienteQualidade No Atendimento Ao Cliente
Qualidade No Atendimento Ao Cliente
 
Contabilidade fácil de entender
Contabilidade fácil de entenderContabilidade fácil de entender
Contabilidade fácil de entender
 

Semelhante a Slides #01 - Finanças Pessoais

Curso de Finanças Pessoais
Curso de Finanças PessoaisCurso de Finanças Pessoais
Curso de Finanças PessoaisBruno Stefani
 
Slides #05 - Finanças Pessoais
Slides #05 - Finanças PessoaisSlides #05 - Finanças Pessoais
Slides #05 - Finanças PessoaisLink Trade
 
219235852 atps-analise-de-investimento
219235852 atps-analise-de-investimento219235852 atps-analise-de-investimento
219235852 atps-analise-de-investimentolYA40
 
Financas pessoais-completo
Financas pessoais-completoFinancas pessoais-completo
Financas pessoais-completoadmulbra
 
Tudo o que você sempre quis saber sobre Investimentos
Tudo o que você sempre quis saber sobre InvestimentosTudo o que você sempre quis saber sobre Investimentos
Tudo o que você sempre quis saber sobre InvestimentosYupee
 
Investimentos Pessoais
Investimentos PessoaisInvestimentos Pessoais
Investimentos Pessoaisguest487171
 
Va analise de_investimentos_aula_01_tema_01_02_impressao
Va analise de_investimentos_aula_01_tema_01_02_impressaoVa analise de_investimentos_aula_01_tema_01_02_impressao
Va analise de_investimentos_aula_01_tema_01_02_impressaoJoyce Pereira
 
Workshop Investimentos & Negociacao - Ricardo Moraes
Workshop Investimentos & Negociacao  - Ricardo MoraesWorkshop Investimentos & Negociacao  - Ricardo Moraes
Workshop Investimentos & Negociacao - Ricardo MoraesRicardo Moraes
 
Finanças e Investimentos para Startups - Startup Pirates Foz ´14
Finanças e Investimentos para Startups - Startup Pirates Foz ´14Finanças e Investimentos para Startups - Startup Pirates Foz ´14
Finanças e Investimentos para Startups - Startup Pirates Foz ´14Ricardo Moraes
 
QUESTNET by SAMBIASE
QUESTNET by SAMBIASEQUESTNET by SAMBIASE
QUESTNET by SAMBIASELuiz Sambiase
 
Academia Belcorp Administraçãodo Negócio
Academia Belcorp Administraçãodo NegócioAcademia Belcorp Administraçãodo Negócio
Academia Belcorp Administraçãodo NegócioBelCorp Brasil
 

Semelhante a Slides #01 - Finanças Pessoais (20)

Workshop de Finanças Pessoais investeducar
Workshop de Finanças Pessoais investeducarWorkshop de Finanças Pessoais investeducar
Workshop de Finanças Pessoais investeducar
 
Curso de Finanças Pessoais
Curso de Finanças PessoaisCurso de Finanças Pessoais
Curso de Finanças Pessoais
 
Slides #05 - Finanças Pessoais
Slides #05 - Finanças PessoaisSlides #05 - Finanças Pessoais
Slides #05 - Finanças Pessoais
 
Palestra Finanças Pessoais
Palestra Finanças PessoaisPalestra Finanças Pessoais
Palestra Finanças Pessoais
 
219235852 atps-analise-de-investimento
219235852 atps-analise-de-investimento219235852 atps-analise-de-investimento
219235852 atps-analise-de-investimento
 
Alfabetização Financeira: Um Guia para os Primeiros Passos
Alfabetização Financeira: Um Guia para os Primeiros Passos    Alfabetização Financeira: Um Guia para os Primeiros Passos
Alfabetização Financeira: Um Guia para os Primeiros Passos
 
Financas pessoais-completo
Financas pessoais-completoFinancas pessoais-completo
Financas pessoais-completo
 
Quanto Investir em 2021
Quanto Investir em 2021Quanto Investir em 2021
Quanto Investir em 2021
 
Prepare se para o Mercado de Ações
Prepare se para o Mercado de AçõesPrepare se para o Mercado de Ações
Prepare se para o Mercado de Ações
 
Tudo o que você sempre quis saber sobre Investimentos
Tudo o que você sempre quis saber sobre InvestimentosTudo o que você sempre quis saber sobre Investimentos
Tudo o que você sempre quis saber sobre Investimentos
 
Investimentos Pessoais
Investimentos PessoaisInvestimentos Pessoais
Investimentos Pessoais
 
Investimentos Pessoais
Investimentos PessoaisInvestimentos Pessoais
Investimentos Pessoais
 
Finanas pessoais apresentao[1]
Finanas pessoais   apresentao[1]Finanas pessoais   apresentao[1]
Finanas pessoais apresentao[1]
 
Va analise de_investimentos_aula_01_tema_01_02_impressao
Va analise de_investimentos_aula_01_tema_01_02_impressaoVa analise de_investimentos_aula_01_tema_01_02_impressao
Va analise de_investimentos_aula_01_tema_01_02_impressao
 
Workshop Investimentos & Negociacao - Ricardo Moraes
Workshop Investimentos & Negociacao  - Ricardo MoraesWorkshop Investimentos & Negociacao  - Ricardo Moraes
Workshop Investimentos & Negociacao - Ricardo Moraes
 
Finanças e Investimentos para Startups - Startup Pirates Foz ´14
Finanças e Investimentos para Startups - Startup Pirates Foz ´14Finanças e Investimentos para Startups - Startup Pirates Foz ´14
Finanças e Investimentos para Startups - Startup Pirates Foz ´14
 
Finanças pessoais
Finanças pessoaisFinanças pessoais
Finanças pessoais
 
Nocoes contabeis 03
Nocoes contabeis 03Nocoes contabeis 03
Nocoes contabeis 03
 
QUESTNET by SAMBIASE
QUESTNET by SAMBIASEQUESTNET by SAMBIASE
QUESTNET by SAMBIASE
 
Academia Belcorp Administraçãodo Negócio
Academia Belcorp Administraçãodo NegócioAcademia Belcorp Administraçãodo Negócio
Academia Belcorp Administraçãodo Negócio
 

Slides #01 - Finanças Pessoais

  • 2. Índice 1. Para começar 2. Defina seu perfil 3. Tipos de investimento 4. Conclusões
  • 3. Índice 1. Para começar a. Defina metas b. Otimize seus gastos e suas despesas 2. Defina seu perfil 3. Tipos de investimentos 4. Conclusões
  • 4. • Escolher onde você quer chegar é o que vai determinar todos os próximos passos. • Você já se perguntou onde você quer chegar? O que você quer? – Comprar uma casa própria? Casa de praia, campo? – Comprar um carro novo? – Ter uma reserva para um momento de necessidade? – Garantir uma aposentadoria melhor? • Um bom patamar é quando você consegue um lastro suficiente para se manter por um bom tempo, caso aconteça algum imprevisto. Para Começar Defina metas
  • 5. Índice 1. Para começar a. Defina metas b. Otimize seus gastos e suas despesas 2. Defina seu perfil 3. Tipos de investimentos 4. Conclusões
  • 6. Enxugar despesas – O que pagamos e não percebemos? • 1º - Cheque Especial • 2º - Crediário • 3º - Cartão de Crédito • 4º - Juros – Pergunta: • Vale a pena pagar os juros de 150% ao ano do cheque especial, só para comprar aquilo que você deseja? Para Começar Otimize seus gastos e suas receitas
  • 7. Enxugar despesas – Consumismo • Devemos controlar a nossa ansiedade de compra. • Pergunte-se antes de comprar: eu PRECISO ou eu DESEJO? – Faça uma nova análise das suas metas, principalmente as que são sonhos de consumo. – Idéia: Ter mesma utilidade com menor custo. – Por exemplo: Devo comprar um carro ou posso usar táxi? Para Começar Otimize seus gastos e suas receitas
  • 8. Táxi: economia de R$ 438,26 mensais!!! São R$ 5.259,12 no ano!! Para Começar Otimize seus gastos e receitas CUSTOS MENSAIS Carro Popular Táxi R$ 22.000,00 Depreciação (25% aa) R$ 412,92 R$ - IPVA R$ 73,33 R$ - Seguro R$ 200,00 R$ - Franquia R$ 33,00 R$ - Estacionamento Mensal R$ 110,00 R$ - Estacionamento Avulso R$ 72,00 R$ - Combustível R$ 200,00 R$ - Lavagem R$ 30,00 R$ - Troca de óleo R$ 20,00 R$ - Manutenção R$ 111,00 R$ - Perda da aplicação (LTN 100 % Selic) R$ 176,00 R$ - Andar de táxi R$ - R$ 1.000,00 TOTAL R$ 1.438,26 R$ 1.000,00 Enxugar despesas: vamos às contas, por alto, só para ter uma idéia. Compra de Automóvel 0 km x Uso de Táxi:
  • 9. – Casa na Praia • Compra do imóvel – Valor: R$ 600 mil – Despesas: IPTU, água, luz, limpeza mensal e outros. • Aplicação do valor da casa em renda fixa – Rentabilidade bruta: 10,16% ao ano – Aplicação: R$ 600 mil – Rendimento líquido de IR no ano: R$ 48.768,00 • Alugar imóvel apenas na alta temporada: R$ 1.000 / dia – 1 mês e meio: R$ 45 mil – Sobra R$ 3.768,00 de liquidez. Para Começar Otimize gastos e receitas Enxugar despesas: vamos às contas, por alto, só para ter uma idéia.
  • 10. Índice 1. Para começar 2. Defina seu perfil 3. Tipos de investimentos 4. Conclusões 
  • 11. • Fatores que definem o perfil de um investidor: – Quer resultados a curto, médio ou longo prazo? – Metas: casa própria / automóvel / patrimônio / renda mensal – Aversão ao risco ou facilidade para lidar com ele? – Você consegue ver quando você terá novos rendimentos? Defina seu perfil Como definir?
  • 12. RECEITAS DESPESAS Salário + Rendimentos de aplicações + Pensão recebida + Outros rendimentos + .... Manutenção do carro + Despesas com a residência + Cartão de crédito + Filhos + Supermercado + Celular + Gastos extras Total A: R$ Total B: R$ Dia Gasto R$ Motivo 15 30,00 Almoço 15 2,00 Cafezinho 16 8,00 Revista 17 30,00 Happy Hour Defina seu perfil Como definir? Relacione suas despesas e receitas, identificando para onde vai seu dinheiro.
  • 13. Sonhos Qto custa Qto tenho Qto falta Casa própria MBA Viajem Carro Defina seu perfil Como definir? Faça um orçamento para dimensionar quanto precisa para atingir suas metas.
  • 14. 1. Para começar 2. Defina seu perfil 3. Tipos de investimentos a. Perfil conservador b. Perfil moderado c. Perfil arrojado 4. Conclusões   Índice
  • 15. Tipos de Investimentos Investimento x Perfil  Títulos Públicos  Poupança  Ações blue chips  Renda Fixa (CDB e CDI)  Fundos Multimercados  Fundo Multimercados  Ações de Alta Volatilidade
  • 16. Tipos de Investimentos Investimento x Perfil  Títulos Públicos  Poupança  Ações blue chips  Renda Fixa (CDB e CDI)  Fundos Multimercados  Fundo Multimercados  Ações de Alta Volatilidade
  • 17. – Títulos da dívida pública que são vendidos para captar recursos e financiar atividades do Governo Federal. – Vantagens: • Fatores definidos: Valor a investir, prazo, taxa de juros e riscos • A liquidez é garantida pelo Tesouro Nacional • Investimento mínimo: Cerca de R$ 100,00 – Rendimento mensal: 0,50% + TR – Carência mínima: 30 dias Tipos de Investimentos Títulos Públicos (Tesouro Direto) Poupança
  • 18.  Títulos Públicos  Poupança  Ações blue chips  Renda Fixa (CDB e CDI)  Fundos de Investimento  Fundos Multimercados  Ações de Alta Volatilidade Tipos de Investimentos Investimento x Perfil
  • 19. • Ação é um parte do capital da empresa. Emitir ações é uma forma de as empresas captarem recursos financeiros. Quem compra se torna sócio. • Aquelas que, teoricamente, têm maior segurança e estabilidade são conhecidas como blue chips. • Por exemplo: Petrobrás, Vale, etc. Renda fixa – Fundos de Ações • Títulos privados de baixo risco de crédito – Renda fixa (CDB e CDI) • Títulos bancários Tipos de Investimentos Ações blue chips
  • 20. – Cotas • Quando aplicamos recursos em um fundo, compramos cotas, ou seja, viramos um “cotista” • São essas cotas que valorizam (ou desvalorizam) diariamente • O cotista só aumentará o número de cotas que possui ao aplicar novos recursos EXEMPLO: No dia 15/maio/2008 o valor da cota do LINK PRIVATE FIC era de: R$ 1,4381 por cota. Ao aplicar R$ 100.000,00 neste dia, o novo cotista passará a ser dono de 69.536,19 (100.000/1,4381) cotas. Se no dia 20/maio/2008 o valor da cota foi de 1,4446. Ou seja, o mesmo cotista passou a ter R$ 100.451,98 (1,4446*69.536,19). Tipos de Investimentos Fundos de Investimento
  • 21. – Custos • Taxa de Administração – É a remuneração do administrador, gestor e custo diante do fundo. – As quotas divulgadas diariamente são líquidas da taxa de administração • Taxa de Performance – Alguns fundos podem aplicar a cobrança de uma taxa de performance, situação em que se estabelece um parâmetro (benchmark) como objetivo. Sempre que esse objetivo for ultrapassado, será aplicada a cobrança de uma taxa sobre o excedente, de acordo com o que for especificado no regulamento. Tipos de Investimentos Fundos de Investimento
  • 22.  Títulos Públicos  Poupança  Ações blue chips  Renda Fixa (CDB e CDI)  Fundos Multimercados  Fundo Multimercados  Ações de Alta Volatilidade Tipos de Investimentos Investimento x Perfil
  • 23. • Algumas ações têm maior flutuação do que outras. O risco do investimento é maior, mas a chance de lucros é proporcional. Investidores mais arrojados preferem estes papéis. • Basicamente se tem 2 formas de se ganhar com ações: – Através do recebimento de seus dividendos (lucros) – E pelo ganho de capital, que consiste em ganhar na valorização da ação. Tipos de Investimentos Fundos Multimercado • Operações nos diversos mercados (câmbio, juros, bolsa, etc.) Ações de alta volatilidade
  • 24. Evolução dos Indicadores Comparação Indicadores • Se você tivesse investido R$10.000 em uma aplicação associada ao Ibovespa, em jan/2009, apesar da crise, você teria mais de R$45.000. • Se você tivesse investido essa mesma quantia em dólar em jan/2003 e retirasse o dinheiro jan/2009, você teria perdido dinheiro.
  • 25. 1. Para começar 2. Defina seu perfil 3. Tipos de investimentos 4. Conclusões   Índice 
  • 26. • Idéias principais do Processo de Alocação Recursos*: – O retorno total dos investimentos é o valor esperado deles; – As estimativas de riscos do portfólio estão ligadas diretamente a quanto o retorno de cada ativo pode variar; – Aversão ao risco: para dois ativos com retorno equivalente, priorize aquele com menor risco. Para dois ativos com o risco equivalente, escolha o ativo que dê maior retorno. – Tanto os retornos quanto os riscos dos ativos de um mesmo portfólio estão correlacionados entre si. CONCLUSÃO: Escolha ativos com pouca correlação para reduzir significativamente o risco de mercado do portfólio. Ou seja, diversifique! ESSE É O RISCO DIVERSIFICÁVEL OU RISCO NÃO-SISTÊMICO Conclusões Diversificação *Processo de Alocação de Markowitz (Prêmio Nobel de Economia em 1991)