Sistemas Distribuidos, Middleware e RPC

3.240 visualizações

Publicada em

Este é um trabalho desenvolvido para o curso de redes de computadores da faculdade Estacio - FIC.

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.240
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
122
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Sistemas Distribuidos, Middleware e RPC

  1. 1. Sistemas Distribuídos<br />Professor: Gerhard Saboia<br />Alunos:<br />Ronaldo Lima Bezerra<br />
  2. 2. Definição de Sistemas Distribuidos<br />Sistema distribuído é aquele com o qual os componentes de hardware ou software, localizados em computadores interligados em rede, se comunicam e coordenam suas ações apenas enviando mensagens entre si.<br />Também podem ser definidos como:<br />Uma coleção de computadores independentes que aparecem para o usuário como um único sistema;<br />Sistemas autônomos interconectados por uma rede de comunicação;<br />Processadores distribuídos cooperando para a execução de processos, compartilhamento de recursos;<br />Um sistema distribuído organizado como middleware, onde o nível de middleware abrange múltiplas máquinas.<br />
  3. 3. <ul><li>MiddlewareDefinições:Camada de software que se estende por várias máquinas fornecendo uma abstração para a programação de aplicações em rede.</li></li></ul><li><ul><li>MiddlewareDefinições: Software que reside entre o sistema operacional (SO) e a aplicação a fim de facilitar (simplificar) o desenvolvimento das aplicações.</li></li></ul><li><ul><li>Protocolos MiddlewareO middleware inclui aplicações que no modelo OSI (5 níveis) pertencem ao nível de aplicação, mas que contêm vários protocolos de uso genérico, que podem ser usados para criar outros protocolos de aplicação mais específicos.</li></li></ul><li><ul><li>RPC (Chamada de Procedimentos Remotos)O RPC define um modelo de interação assimétrico entre duas entidades, semelhante a uma chamada de procedimento.</li></li></ul><li><ul><li>Implementação do RPCExemplo de implementação RPC contendo 10 passos.</li></ul>Chamada local a um procedimento<br />Construção da mensagem com os parâmetros “marshalling” ou “serialização” Passagem para o transporte<br />Passagem pela rede (em modo ligação ou não)<br />Envio para o stub servidor, onde é decomposto. “unmarshalled”.<br />Chamada (no modo usual) a rotina do servidor.<br />
  4. 4. Exemplo de implementação RPC contendo 10 passos.<br />6. A rotina do servidor retoma normalmente. É feita a serialização dos resultados.<br />A mensagem é enviada para transporte.<br />Passa pela rede.<br />É enviada para o stub cliente. É decomposta, “unmarshalled”<br />E é feito o retorno para o programa chamador.<br />
  5. 5. OBRIGADO!<br />

×