ANALFABETISMOS
A notícia de que o Brasil tem 13,9 milhões de adultos
analfabetos, segundo o Relatório de Monitoramento Glo...
RECEITA DE SANTIDADE
Muitas vezes temos diante de nossos olhos bulas de remédios, outras são as longas
orientações anexas ...
MEDITAÇÕES DO PAPA NA MISSA
Em 7 de janeiro, o Papa refletiu sobre o caminho
que Deus prepara para cada homem. Fá-lo com
a...
CAMPANHA DA FRATERNIDADE 2014
8 de março: abertura da Campanha da Fraternidade 2014
A Arquidiocese de Belo Horizonte reali...
Curso à distância sobre a
Campanha da Fraternidade
O Curso à distância sobre a Campanha da Fraternidade 2014 está com insc...
Durante as semanas temáticas, a Arquidiocese irá realizar ciclos de seminários com
assuntos específicos. Em cada seminário...
NOVOS SEMINARISTAS NA PARÓQUIA

Dartagman Norberto Pereira

Marcondes Alves Lopes

Estes mês recebemos 2 seminaristas que ...
OFICINAS DE ORAÇÃO
Elas acontecerão às quintas-feiras às 19h30.
A abertura foi no dia 20/02, mas a primeira oficina começa...
GRUPO DE ORAÇÃO MARIA, MÃE DE JESUS
Encontro semanal – terças-feiras de 15h a 16h30
Grupo de Intercessão e Núcleo dos Serv...
TERÇO DOS HOMENS
Encontros semanais na Igreja – terças-feiras 20h.
Haverão outras atividades para comemorar o aniversário ...
SUCESSO: 1 FEIJOADA DO PADRE
No dia 16/02, às 12h padre Januário promoveu a 1 Feijoada do Padre. A turma
comandada pelo pá...
SUCESSO: 1 FEIJOADA DO PADRE
Confira as fotos também no Facebook da paróquia:
https://www.facebook.com/ParoquiaSagradaFami...
PAROQUIANOS PARTICIPAM DO PIONEIRO CURSO DE
PASTORAL DA CULTURA
Entre os dias Nos dias 20 e 29/01, a Comissão Episcopal Pa...
1 ENCONTRÃO DO ECC 2014
No dia 03/02 foi realizado o 1 Encontrão do ECC de 2014, junto com o ECC do
Horto. Na oportunidade...
CORTE DOS PINHEIROS DA IGREJA
No dia 17/02, a nossa paróquia despediu dos dois pinheiros que ornavam a entrada
da igreja. ...
ENTREVISTA COM BIRGIT BAUMANN
No dia 10/01 a nossa comunidade
paroquial recebeu de braços abertos a
guia turística Alemã B...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

SAGRADA NOTÍCIAS ONLINE - 22° EDIÇÃO A4

362 visualizações

Publicada em

SAGRADA NOTÍCIAS ONLINE - 22° EDIÇÃO A4

Publicada em: Notícias e política
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
362
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
63
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

SAGRADA NOTÍCIAS ONLINE - 22° EDIÇÃO A4

  1. 1. ANALFABETISMOS A notícia de que o Brasil tem 13,9 milhões de adultos analfabetos, segundo o Relatório de Monitoramento Global de Educação para Todos, é social e politicamente instigadora. O número é muito alto e revela um sério comprometimento da cidadania. Embora não haja lei que obrigue o adulto a estar na escola para superar o grande mal do analfabetismo, é preciso acender uma chama de grande sensibilidade social e política, com força de articulação de instituições governamentais, educacionais, de igrejas e tantas outras entidades, no enfrentamento dessa chaga terrível na sociedade brasileira. O analfabetismo das letras incide, para além delas mesmas, na capacidade de compreensão e interpretação da própria realidade. O resultado é uma deficiência na participação social e política, a incapacidade para ajudar a corrigir os rumos da sociedade, monitorar os políticos e fazer nascer a lucidez corajosa para as grandes reformas institucionais. Assim, ignorar esse grave problema é condenar a sociedade a estar enterrada na corrupção, na desigualdade, na injustiça e na convivência pacífica com o mal. A alfabetização é um passo indispensável para a arte de ler, consequentemente interpretar, discernir e escolher o que deve pautar a vida de cada cidadão. É preciso dar a todos a condição necessária para participar, de maneira cidadã, dos processos de interpretação, entendimento e escolhas que mudam os rumos da sociedade. A contramão disso, o analfabetismo, é um sistema escravocrata que perpetua hegemonias e dominações, privilegiando grupos políticos e empresariais, em detrimento do bem comum e da justiça intocável que deve presidir a sociedade. Portanto, é preciso um mutirão, com velocidade própria, considerando metodologias adequadas, um envolvimento de todos, impelindo particularmente o poder público, para desenhar novos cenários. As igrejas de diferentes confissões e os seus fiéis, com sua capilaridade, seus espaços, seus membros, podem se aliar às instituições de ensino e, em cooperação com outros segmentos, desenhar um projeto de ação, simples, incidente e com força de mudar este cenário. Dom Walmor Oliveira de Azevedo Arcebispo metropolitano de Belo Horizonte Publicado em: 07/02/2014 Veja o artigo completo em: arquidiocesebh.org.br
  2. 2. RECEITA DE SANTIDADE Muitas vezes temos diante de nossos olhos bulas de remédios, outras são as longas orientações anexas aos muitos aparelhos eletrônicos. Nem sempre lemos tudo isso, ainda que saibamos o quanto são úteis para nossa vida. E a vida cristã comporta receitas? É possível encontrar um tipo de manual, com o qual caminhar com mais segurança na estrada da perfeição cristã? O Senhor põe à nossa disposição prescrições destinadas à nossa saúde espiritual? Para responder a esta pergunta, é bom lembrar-nos que, ao criar-nos com o precioso dom da liberdade, Deus quis assentar-se conosco à mesa da vida (Cf. Ap 3,20), para que acolhamos seu convite e abramos a porta do coração. Como somos obra prima de sua criação, é claro que Ele oferece o que existe de melhor para os que são feitos filhos e filhas. O ponto de partida para a viagem da vida é que Deus nos leva a sério e nos fez livres, para sermos felizes, como Deus é feliz. O Catecismo da Igreja Católica começa com a feliz constatação de que o ser humano é ―capaz de Deus‖ (Cf. números 27-35). De fato, ―Deus não cessa de atrair o homem para si e só em Deus é que o homem encontra a verdade e a felicidade que procura sem descanso‖. Através dos múltiplos sinais, começando pela sede de infinito existente no coração humano, o Senhor atrai para perto de si os homens e mulheres de todos os tempos, o que se torna fonte de alegria para todos. Vale a pena conhecer a busca incessante existente no coração das pessoas inquietas, que querem saber mais, conhecer, descobrir estradas novas! Quando a Sagrada Escritura relata a entrega dos mandamentos ao Povo de Deus (Lv 19,1-2.17-18), inclui um convite provocante: ―O Senhor disse a Moisés: Dirás a toda a assembleia de Israel o seguinte: ‗sede santos, porque eu, o Senhor, vosso Deus, sou santo‖. Não fomos feitos para chafurdar-nos na lama do pecado e do egoísmo, mas para a felicidade, a comunhão com Deus e uns com os outros. São Paulo (Cf. 1 Cor 3,16-23) usa uma feliz expressão, com a qual se identifica a presença contínua de Deus em nossa vida: ―Não sabeis que sois o templo de Deus, e que o Espírito de Deus habita em vós?‖ Não dá para fugir! Como Deus não tem duas palavras, Ele está sempre perto de nós e, de sua parte, vai sempre insistir em que respondamos ao seu amor. É possível caminhar na direção da perfeição e esta se chama santidade! Dom Alberto Taveira Corrêa Arcebispo Metropolitano de Belém do Pará Veja o artigo completo em: www.cnbb.org.br
  3. 3. MEDITAÇÕES DO PAPA NA MISSA Em 7 de janeiro, o Papa refletiu sobre o caminho que Deus prepara para cada homem. Fá-lo com amor: um «amor artesanal», porque o prepara pessoalmente para cada um. E está pronto para intervir todas as vezes que se deve corrigir este caminho, exatamente como fazem as mães e os pais. «Preparar os caminhos, e também as nossas vidas, é próprio de Deus, do amor de Deus por cada um de nós», explicou o bispo de Roma. «Ele — prosseguiu — não nos faz cristãos por geração espontânea. Ele prepara a nossa estrada, a nossa vida, desde sempre». Pensemos no grande David, grande pecador e depois grande santo. Quando o Senhor nos diz: amei-te com amor eterno, refere-se a isto. Desde há muitas gerações o Senhor pensou ―em nós‖». E deste modo acompanha-nos, experimentando os nossos mesmos sentimentos quando a pessoa se casa, quando está à espera de um filho: em cada momento da nossa história «espera-nos e acompanha-nos». «Este é o amor eterno do Senhor. Eterno, mas concreto. Um amor artesanal porque ele faz a história e prepara o caminho para cada um de nós.» Na missa de 9 de Janeiro, o papa indicou na pessoa de Jesus Cristo, Verbo de Deus que se fez homem, o único fundamento do amor verdadeiro. O verdadeiro amor não é o das telenovelas. Não é feito de ilusões. O amor verdadeiro é concreto, aposta nos factos e não em palavras; no dar e não na busca de vantagens. A receita espiritual para viver o amor profundamente está no verbo «permanecer», um «permanecer duplo: nós em Deus e Deus em nós». Esta é a verdade, disse, «a chave para a vida cristã», «o critério» do amor. «Quem permanece no amor permanece em Deus e Deus permanece nele» escreve João que nos diz praticamente como «este permanecer é o mesmo que permanecer no amor». E é «bom poder ouvir isto sobre o amor!», acrescentou, contudo advertindo: «Prestai atenção: o amor sobre o qual João fala não é o das telenovelas! Não, é outra coisa!». De facto, explicou o Pontífice, «o amor cristão possui sempre uma qualidade: ser concreto. O amor cristão é concreto. O próprio Jesus, quando fala do amor, fala-nos de situações concretas: dar de comer aos famintos, visitar os doentes». São «situações concretas» porque justamente «o amor é concreto». É «a essência cristã». Papa Francisco Publicado no L'Osservatore Romano, ed. em português, n. 03 de 16 de Janeiro de 2014 Veja o artigo completo em: Vatican.va
  4. 4. CAMPANHA DA FRATERNIDADE 2014 8 de março: abertura da Campanha da Fraternidade 2014 A Arquidiocese de Belo Horizonte realiza, no dia 8 de março, a abertura da Campanha da Fraternidade, que tem como tema “Fraternidade e Tráfico Humano" e lema ―É para a liberdade que Cristo nos libertou” (Gl 5,1). O evento será às 13h30, no Auditório do Museu da PUC Minas. Com a Campanha da Fraternidade 2014, a Igreja busca refletir a crueldade do tráfico humano, situação que viola a dignidade e os direitos do ser humano, criado à imagem e semelhança de Deus e que rompe com o projeto de vida na liberdade e na paz. Programação: 13h30 - Acolhida e credenciamento 14h - Lançamento da Campanha – Celebração Eucarística presidida pelo arcebispo dom Walmor Oliveira de Azevedo 14h45 - Mesa: Fraternidade e Tráfico Humano Tráfico para exploração sexual e remoção de órgãos – Mª Helena Morra (PUC) Trabalho Infantil e exploração sexual de crianças e adolescentes - Beth Campos (PAIR) Trabalho Escravo em Minas - Ir. Marilande dos Santos (CPT) Migrações no Brasil e na região metropolitana de BH - Pascal (Centro de Migrações) Debate 17h30 – Encerramento As inscrições podem ser feita pelos telefones 3428. 8046 / 3428.7943.
  5. 5. Curso à distância sobre a Campanha da Fraternidade O Curso à distância sobre a Campanha da Fraternidade 2014 está com inscrições abertas para novas turmas. Este ano, a campanha tem como tema ―Fraternidade e Tráfico Humano‖ e lema ―É para a liberdade que Cristo nos libertou‖ (Gl 5, 1). O curso conta com a supervisão da equipe executiva da CF da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). Os participantes terão acesso às informações das práticas de tráfico humano em suas várias formas, bem como reflexão bíblico-teológica, indicações sobre o enfrentamento e canais de denúncia de situações de tráfico. De acordo com o secretário executivo da CF, padre Luiz Carlos Dias, o objetivo do curso é ―oferecer nova modalidade de capacitação sobre os conteúdos da Campanha da Fraternidade e, assim, contribuir com a formação que ocorre nos regionais e em várias dioceses do Brasil‖. As inscrições podem ser feitas pelo site: www.solarconsultoria.com Informações: (61) 3364.2097
  6. 6. Durante as semanas temáticas, a Arquidiocese irá realizar ciclos de seminários com assuntos específicos. Em cada seminário, especialistas serão convidados para falar sobre um tema. O primeiro seminário, faz parte da Semana da Colegialidade e será realizado no dia 13 de março. Os demais, serão divulgados no decorrer do ano. 9 a 15 de março - Semana da Colegialidade Tema: Rede de Comunidades com o protagonismo dos leigos - Início do processo de formação de novos conselheiros na Arquidiocese Seminário Rede de Comunidades com o protagonismo dos leigos 13 de março 19h30 a 21h45 Auditório do Museu de Ciências Naturais da PUC Minas O evento é destinado a conselheiros dos órgãos colegiados, inscrições: 2369-3105 4 a 10 de maio - Semana Social A Doutrina Social da Igreja no contexto da cultura contemporânea - Semana que antecede o Fórum Social Arquidiocesano 22 a 28 de junho - Semana Presbiteral A identidade do presbítero na configuração eclesial das redes de comunidades - Dia Mundial de Orações pela Santificação do Clero 10 a 16 de agosto - Semana da Família Os desafios pastorais sobre a família no contexto da evangelização - No mês vocacional: vida em família 21 a 28 de setembro - Semana da Palavra Os frutos e retrocessos da renovação litúrgica; Ministério da Palavra e seus desafios na atualidade - Mês da Bíblia e Dia Nacional da Bíblia 19 a 25 de outubro - Semana da Comunicação Os Meios de Comunicação Social na missão de diálogo com a cultura contemporânea - Mês Missionário
  7. 7. NOVOS SEMINARISTAS NA PARÓQUIA Dartagman Norberto Pereira Marcondes Alves Lopes Estes mês recebemos 2 seminaristas que estarão trabalhando na paróquia até o final do ano. Eles vieram da Paraíba e estão se preparando para serem sacerdotes. Já estudaram filosofia e ainda farão o curso de teologia. Neste intermédio, ficarão na paróquia acompanhando as atividades desenvolvidas (pastorais, movimentos, reuniões, missas, batizados, retiros...). Isto faz parte da preparação para sua missão de serem pastores de outras comunidades. Agora eles são ―pratas‖ de fora que vieram para a nossa casa. Esperamos que no final de sua estada na Sagrada Família eles sejam, de coração, da nossa família sagrada.E que possam brilhar como ouro na construção do Reino aqui na terra.
  8. 8. OFICINAS DE ORAÇÃO Elas acontecerão às quintas-feiras às 19h30. A abertura foi no dia 20/02, mas a primeira oficina começa em 27/02. Participem. Os interessados devem procurar a secretaria paroquial. PASTORAL DO BATISMO Os batizados são realizados todos os domingos do mês na missa das 11h da manhã. Os interessados devem procurar a secretaria paroquial. Já os cursos são quinzenais. Os próximos cursos serão em 08/03 e 22/03. MISSAS FERIAIS A partir de janeiro de 2014 as missas feriais (segunda-feira à sexta-feira) estão com novos horários confira: Terço: 19h Missa: 19h30
  9. 9. GRUPO DE ORAÇÃO MARIA, MÃE DE JESUS Encontro semanal – terças-feiras de 15h a 16h30 Grupo de Intercessão e Núcleo dos Servos – quintas-feiras às 8 h SEMINÁRIO DE VIDA NO ESPÍRITO 12 encontros semanais Inicia-se em 12/03 às quartas-feiras às 20h LEGIÃO DE MARIA Reuniões semanais Segundas-feiras 19h45 Quartas-feiras 17h TERÇO NOSSA SENHORA DE FÁTIMA EM FAMÍLIA Encontros semanais em família – segundas-feiras 19h30.
  10. 10. TERÇO DOS HOMENS Encontros semanais na Igreja – terças-feiras 20h. Haverão outras atividades para comemorar o aniversário do grupo, de 11 a 14/03. Aguardem. GRUPO DE CONVIVÊNCIA CORAÇÃO JOVEM Trabalhos artesanais – segundas-feiras de 14h30 a 17h Pintura – quartas-feiras de 14h30 a 17h OBRA SOCIAL Aulas de Pintura – terças-feiras de 14h30 a 17h Tardes Musicais – quintas-feiras de 14h30 a 17h Clube do Livro – sextas-feiras de 14h30 a 17h
  11. 11. SUCESSO: 1 FEIJOADA DO PADRE No dia 16/02, às 12h padre Januário promoveu a 1 Feijoada do Padre. A turma comandada pelo pároco trabalhou com muito carinho para garantir o sucesso da festa. Cerca de 200 pessoas participaram e ainda teve paroquiano que não conseguiu comprar. Veja como foi:
  12. 12. SUCESSO: 1 FEIJOADA DO PADRE Confira as fotos também no Facebook da paróquia: https://www.facebook.com/ParoquiaSagradaFamiliaBH
  13. 13. PAROQUIANOS PARTICIPAM DO PIONEIRO CURSO DE PASTORAL DA CULTURA Entre os dias Nos dias 20 e 29/01, a Comissão Episcopal Pastoral para a Cultura e a Educação da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil - CNBB, em parceria com a PUC Minas, Memorial e Colegiado de Leigos da Arquidiocese de Belo Horizonte promoveram o curso PROJETOS CULTURAIS COM ÊNFASE EM PASTORAL DA CULTURA. O objetivo do curso foi formar agentes de Pastoral da Cultura, isto é, pessoas capacitadas para o diálogo fé-cultura e habilitadas para produzir projetos culturais pertinentes e adequados à realidade sócio-eclesial local. Na oportunidade, cerca de 20 pessoas participaram do riquíssimo curso, entre eles, as paroquianas Gláucia Rodrigues, Liliane Martins Viviane Ferreira. O curso abordou os seguintes temas: Diversidade Cultural Brasileira; Diálogo Intercultural e Inter-religioso; Culturas Tradicionais, Memória e Identidade; Evangelização e Inculturação; Patrimônio Cultural e Turismo Religioso; Pastoral da Cultura; Projetos Culturais; Planejamento de Eventos e Captação de Recursos. Contou com o seguinte corpo docente: Prof. Dr. Aurino José Góis – PUC Minas , Prof. Dr. Carlos Frederico Barboza de Souza – PUC Minas, Prof. Ms. Camilo de Lelis Oliveira Santos Ribeiro – PUC Minas, Prof. Ms. João Carlos Pio de Souza – Secretaria de Educação do Estado de Minas Gerais e Comunidade dos Arturos, Prof. Dr. Josimar da Silva Azevedo – CNBB/PUC Minas, Prof. Geovanne Sassá – Colégio Loyola e Grupo Tambolelê, Profª Mônica Eustáquio Fonseca - PUC Minas e Memorial da Arquidiocese de Belo Horizonte, Profª Kelly Alcilene Cardoso - Instituto dos Estudos do Desenvolvimento Sustentável - IEDS Confira as fotos também no Facebook da paróquia: https://www.facebook.com/ParoquiaSagradaFamiliaBH
  14. 14. 1 ENCONTRÃO DO ECC 2014 No dia 03/02 foi realizado o 1 Encontrão do ECC de 2014, junto com o ECC do Horto. Na oportunidade foram discutidos questões que serão abordados no XVI Congresso da região Leste do ECC que será realizado em Colatina- ES nos dias 18, 19 e 20 de Julho de 2014, com o tema: ―Família: Berço da vida, protagonista da Fé‖ e lema: ―Chegou perto, viu e moveu-se de compaixão (Lc 10,33)‖. Confira as fotos também no Facebook da paróquia: https://www.facebook.com/ParoquiaSagradaFamiliaBH
  15. 15. CORTE DOS PINHEIROS DA IGREJA No dia 17/02, a nossa paróquia despediu dos dois pinheiros que ornavam a entrada da igreja. Se por um lado, os pinheiros eram marca da igreja, por outro, a ausência deles, deixou a paisagem a frente da igreja mais limpa e aberta e reduziu bastante problemas que elas causavam: risco de quedas, entupimento das calhas, entre outros. Confira as fotos também no Facebook da paróquia: https://www.facebook.com/ParoquiaSagradaFamiliaBH
  16. 16. ENTREVISTA COM BIRGIT BAUMANN No dia 10/01 a nossa comunidade paroquial recebeu de braços abertos a guia turística Alemã Birgit Baumann. Em seu trabalho como guia na cidade de Heidelberg (Alemanha), Birgit tem muito contato com brasileiros e portugueses. Dos 140 guias que atuam com ela, apenas três falam português. Foi à Portugal para estudar o idioma, mas seu coração sentia uma vontade inexplicável de conhecer Brasil, não somente para o aprimoramento da língua, mas também para conhecer a nossa terra maravilhosa. Ela conheceu o Padre Januário em visita com grupo de paroquianos a Heidelberg, que foram participar de uma missa em um mosteiro próximo à cidade Alemanha. Após a missa, o nosso pároco disse que o Brasil está de portas abertas para que ela pudesse conhecer nosso país e nossa comunidade. Foi aí que ela viu que o coração dos brasileiros são grandes bastante generosos. ―Os grupos brasileiros que visitavam a Alemanha sempre me chamaram a atenção. Tem uma generosidade e uma amabilidade incrível. Então pensei que o Brasil seria um bom lugar para conhecer coisas novas. Desde que cheguei, fui acolhida com muito amor. Fui às missas e vi o qual grande é a fé dos brasileiros e o quão alegre as missas daqui são, diferente da Alemanha em que as missas são mais contidas. A cultura religiosa que aqui conheci foi encantadora‖, afirma Birgit. O que mais a chamou a atenção em visita ao Brasil, além da fé dos brasileiros, foi a convivência familiar. Para ela, foi encantador ver o relacionamento familiar, o amor e o respeito entre pais e filhos, avós e netos, tios e sobrinhos. ―Na Alemanha não existe esse relacionamento entre familiares desta forma. Sou muito agradecida ao Pe Januário e toda a sua família e à comunidade paroquial pela acolhida e por ter me proporcionado vários momentos bons e inesquecíveis‖. Confira as fotos também no Facebook da paróquia: https://www.facebook.com/ParoquiaSagradaFamiliaBH

×